3 AMBIENTES VIRTUAIS DE APRENDIZAGEM E ESCRITA

3.3 As principais ferramentas da plataforma Moodle

A plataforma, em seu formato original, apresenta 3 (três) colunas. Na coluna da esquerda e da direita, ficam os blocos, que entre outros podem ser de Participantes, Atividades, Pesquisar nos fóruns, Administração, Atividade recente, Últimas notícias,

Calendário, Mensagens, Usuários on-line e Links para seções. Já na parte central, conforme o andamento do curso, são disponibilizados os recursos e as atividades.

Muitas são as ferramentas disponíveis na plataforma Moodle versão 1.9, que foi a utilizada neste estudo, mas das funções administrador/professor, tutor/professor e aluno ofertadas por ela, somente ao administrador/professor cabe, entre outras funções, selecionar e disponibilizar as ferramentas para a criação do AVA, conforme projeto do curso que deseja desenvolver junto a seus alunos. Para fazer isso, ele clica sobre “Ativar edição” e, de acordo com o que deseja, pode adicionar ou subtrair blocos e alterar sua localização (esquerda, direita, cima, baixo), mover, excluir, editar ou ocultar o recurso, atividade ou módulo, acrescentar recurso (página de texto simples, página web, link a um arquivo ou site, inserir rótulo etc.) e atividade (hot potatoes, base de dados, chat, diário, fórum, glossário, pesquisa de avaliação, tarefas, wiki etc.). A figura 3 mostra parcialmente a página inicial do ambiente on-line desta pesquisa com suas três colunas e com a função de edição do administrador/professor ativada.

FIGURA 3 – Página inicial do ambiente on-line (visão parcial)

Fonte: http://www.portalescolar.pa.gov.br/ambiente/course/view.php?id=274&cal_m=4&cal_y=2013

Já o tutor/professor e o aluno não interferem na configuração geral do software. Ao tutor/professor é dada a função de modificar seu perfil, editar notas, acessar relatórios (logs da última hora, atividades, participação) gerados pelo sistema, acessar materiais e interagir com todos os participantes do AVA para viabilização do curso. Ao

aluno é possibilitado o uso dos recursos para realizar as atividades disponibilizadas pelo administrador/professor e interagir com professor e colegas, acompanhar suas notas e modificar seu perfil e senha.

Dentre as várias ferramentas do Moodle, descrevo, a seguir, algumas que percebo serem as mais utilizadas na formação de AVAs.

1) A ferramenta participantes proporciona acesso direto a todos os integrantes do curso. A visualização pode ser feita tanto em ordem alfabética quanto por acesso recente. Também funciona como um atalho para a visualização de perfil dos participantes, sendo necessário apenas um simples clique no nome ou na imagem de qualquer usuário da relação. É possível, ainda, enviar mensagens que se direcionam automaticamente para o e-mail externo ao ambiente e para a caixa de mensagem de um só participante do curso ou de quantos for preciso, bastando apenas marcá-lo(s) clicando em um quadrado localizado ao lado do(s) nome(s), na coluna “Selecionar”.

Cada participante tem seu login e senha, sendo que esta pode ser alterada por ele a qualquer momento. De posse do login e da senha, o participante pode acessar a sala de aula de aula on-line a qualquer momento e de qualquer lugar em que tenha acesso a computador com internet e navegar à vontade. O caminho percorrido pelo participante fica registrado no Moodle e também pode ser acompanhado pelo próprio participante na “Barra de navegação” visível na parte superior da tela. Essa barra faz com que o participante saiba exatamente onde está e por onde passou para chegar, podendo retornar a qualquer parte percorrida apenas clicando sobre um dos itens da barra (DOUGIAMAS, 2000).

2) O diário possibilita a troca de informações entre o professor e o aluno. Nele, o aluno pode tecer reflexões sobre o curso, o ambiente on-line, os conteúdos, as atividades e a sua aprendizagem. Cada aluno tem acesso apenas ao seu, somente o professor pode ver as postagens e interagir com todos, mas de modo individualizado.

3) O chat viabiliza a comunicação síncrona, ou seja, com hora marcada, pois todos os participantes do chat devem estar on-line no mesmo instante em que ele é realizado, simultaneamente. Ainda que não haja um agendamento prévio, os usuários on-line, se desejarem, podem conversar entre si.

4) O fórum permite a realização de debate, ou seja, participação on-line não simultânea, postagens de resposta de atividades com ou sem anexo. Além do Fórum de notícias, criado automaticamente no momento da criação do curso em tópico ou semanal, o fórum pode ser formatado, de acordo com a intenção do professor, em “Cada

usuário inicia apenas um novo tópico”, “Fórum perguntas e respostas”, “Fórum geral” e “Fórum de uma única discussão simples”64. Em geral, é reservado para reflexão, troca de informação e contribuição dos participantes sobre determinado assunto, possibilitando a formação de comunidade em ambiente on-line, já que constroem, assim, conhecimento em conjunto.

5) O glossário possibilita a criação conjunta de um dicionário de palavras e expressões relevantes ao curso.

6) O questionário permite que após a montagem de um banco de questões, o administrador/professor as importe e formate questionários aceitando respostas de múltipla escolha, V ou F etc. O questionário pode ser corrigido automaticamente e seus dados exportados pelo Excel. Os alunos, dependendo da configuração, podem fazê-lo várias vezes.

7) Os recursos possibilitam a criação de página de texto simples, página web, link a um arquivo ou site, inserir rótulo etc., ou seja, permitem a visualização e o download dos materiais do curso.

8) A tarefa viabiliza a realização de atividades fora do ambiente on-line para ser enviada por anexo. O professor, de posse do arquivo recebido, pode corrigir, editar, avaliar, comentar e sugerir mudanças na tarefa realizada.

9) A wiki permite a criação de textos em colaboração, dois ou mais alunos dando a sua contribuição em um trabalho cujo objetivo final deve ser o mesmo.

10) A ferramenta pesquisar nos fóruns possibilita aos participantes irem direto ao assunto, encurtando caminho e poupando tempo quando a quantidade de fóruns e informações é muito grande.

As ferramentas de administração permitem visualização e acesso de acordo com a função do participante. Se administrador/professor, o bloco dará acesso a

                                                                                                                         

• 64 Cada usuário inicia apenas um novo tópico:

permite que cada participante possa abrir apenas um novo tópico, porém, todos podem responder livremente, sem limites de quantidade.

• Fórum perguntas e respostas:

permite ao professor elaborar questionamentos no fórum para discussão. Porém, o aluno só consegue visualizar as respostas dos outros participantes, a partir do momento que posta a sua própria resposta.

• Fórum geral:

por ser um fórum aberto, permite que todos os participantes possam iniciar um novo tópico de discussão quando desejarem e participar de tópicos iniciados pelos colegas.

• Uma única discussão:

o tópico do fórum aparece em uma única página. Usado para organizar discussões breves e com foco em um tema preciso.

ferramentas como: ativar/desativar edição, configurações, designar funções, notas, grupos, importar, reconfigurar, relatórios, perguntas, arquivos, cancelar inscrição e perfil; se tutor/professor, notas, relatórios, cancelar sua inscrição e perfil; se aluno, notas e perfil. Entre as ferramentas citadas, destacarei apenas as mais utilizadas.

11) Ativar/desativar edição, que já foi explicitada no parágrafo anterior à inserção da figura 2, também pode ser acionada na parte superior da página inicial, canto direito.

12) Configurações possibilitam ao administrador/professor editar a formatação geral do curso: nome, nome breve, número de identificação do curso, sumário, formato, número de semanas ou tópicos, grupos, idioma etc.

13) Notas permitem a publicação de notas de atividades realizadas pelos alunos e que podem ser visualizadas por meio de relatório geral ou individual. As atividades realizadas no próprio ambiente são automaticamente cadastradas e as realizadas off-line podem ser inseridas, principalmente se o AVA for utilizado como instrumento auxiliar no contexto presencial.

14) Grupos é uma ferramenta importante, principalmente, quando se tem um grande número de participantes e quando se realiza atividades em grupos, como, por exemplo, na wiki. Quando o AVA é utilizado como instrumento auxiliar ao ensino presencial, em que os participantes são provenientes de turmas e turnos diferentes, o cadastro por grupos é fundamental para um melhor acompanhamento por parte do professor em momento de avaliação, mesmo que no ambiente todos participem integradamente.

15) Relatório possibilita ao professor acompanhar tanto a participação quanto as atividades desenvolvidas pelos participantes em geral ou individual. Os relatórios podem ser feitos dos logs de última hora, das atividades e da participação.

16) O perfil permite que os participantes se apresentem uns aos outros. Nele se expõe nome, e-mail, localização, breves informações sobre si, imagem etc. Além disso, pelo perfil também é possível ver registrado o primeiro e o último acesso do usuário e enviar mensagem que vai diretamente para o e-mail externo ao ambiente e para a caixa de mensagem da pessoa visualizada.

17) A atividade recente atualiza o participante sobre as atividades realizadas e por quem foram realizadas desde o seu último acesso.

18) A ferramenta últimas notícias é um fórum especial de cursos organizados em formato semanal ou tópicos. Funciona como um quadro de avisos, permitindo a publicação de avisos e notícias sobre o curso.

19) O calendário permite o agendamento de eventos (provas, entrega de trabalhos, avisos etc.) para que os participantes possam organizar suas atividades e participação no curso. Os eventos podem ser classificados em global: direcionados a todos os usuários do Moodle em questão, por exemplo, se o Moodle de um Portal estiver sendo utilizado para outros cursos em que a ferramenta calendário esteja ativada; de grupo: direcionados a grupos específicos do curso; do curso: direcionados a todos os participantes do curso; e do usuário: compromisso agendado pelo professor relacionado apenas a um participante.

20) A ferramenta mensagens permite a comunicação assíncrona entre os participantes do curso. Com esta ferramenta é possível ter acesso aos contatos, procurar uma pessoa, buscar mensagens antigas e receber as mensagens por e-mail mesmo que não se esteja conectado ao ambiente do curso.

21) O e-mail não aparece como ferramenta interna ao Moodle, mas o incluo por ser necessário ter um externo para cadastro e inscrição no curso. Posteriormente, ele pode ser utilizado no recebimento e no envio de mensagens e para assinatura em fóruns, permitindo um acompanhamento da discussão, uma vez que todas as mensagens nele postadas, automaticamente, são enviadas para o e-mail. Essas mensagens, então, podem ser lidas pelo participante tanto na plataforma, quanto no e-mail externo do usuário.

22) A ferramenta usuários on-line informa quem está navegando no AVA. É possível enviar mensagem para o usuário on-line acessando um envelope que fica visível ao lado de seu nome.

23) A ferramenta links para seções, representada em forma de números, serve como atalho para os módulos do curso espalhados na coluna central.

24) Sistema de repositório de arquivos permite disponibilizar os conteúdos de aprendizagem em arquivos pdf, excel, word, power point, imagens, áudio, flash etc. e via links externos (URLs)65.

                                                                                                                         

65

“Um URL (de Uniform Resource Locator), em português Localizador-Padrão de Recursos, é o endereço de um recurso (um arquivo, uma impressora etc.), disponível em uma rede; seja a Internet, ou

uma rede corporativa, uma intranet. Uma URL tem a seguinte estrutura:

protocolo://máquina/caminho/recurso”. Informação disponível em: <http://pt.wikipedia.org/wiki/URL>. Acesso em: 03 jan. 2013.

Como se vê, as funcionalidades requisitadas para que um ambiente on-line se transforme em um AVA podem ser desempenhadas a partir de sua configuração via plataforma Moodle, haja vista suas ferramentas terem sido criadas para serem capazes de propiciar a construção autônoma e colaborativa do conhecimento.

Continuando a revisão da literatura para esta pesquisa, adentro, na seção seguinte, especificamente o campo da escrita. Apresento uma contextualização que a diferencia da fala (seção 3.4) e, em seguida, enfatizo-a a partir de uma concepção reflexiva (subseção 3.4.1) que inclui também os conceitos da abordagem Vygotskiana (subseção 3.4.2).

No documento Ambiente virtual de aprendizagem no contexto presencial do ensino médio: indícios de autonomia na escrita via estratégias de aprendizagem (páginas 76-82)