O questionário contempla 9 questões sócio demográficas, que visam identificar a população pesquisada. É possível notar, que o maior percentual de empregados é do gênero masculino (519 respondentes), o que representa 79,1% dos empregados. Distribuído, o percentual de respondentes do gênero masculino mostra-se superior em cinco das unidades da empresa (Beta 2: 83,3%, Beta 3: 89,4%, Beta 4: 91,7%, Beta 5: 68,1% e Beta 6: 83,7%). Na unidade Beta 1, o percentual de respondentes do gênero feminino é de 54,5%, contudo, cabe salientar que nesta unidade está concentrado o setor administrativo das empresas. A Tabela 1 apresenta os resultados.

Tabela 1 – Cruzamento entre Gênero x Empresas

GÊNERO EMPRESA TOTAL

Beta 1 Beta 2 Beta 3 Beta 4 Beta 5 Beta 6

Masculino 45,5% 83,3% 89,4% 91,7% 68,1% 83,7% 79,0%

Feminino 54,5% 16,7% 10,6% 8,3% 31,9% 16,3% 21,0%

Fonte: Dados da pesquisa (2017).

respondentes. Foi possível perceber que o maior percentual de respondentes (41,8%) encontra- se na faixa etária entre 26 a 35 anos (254 respondentes), enquanto 30,7% tem entre 18 a 25 anos (186 respondentes), e os que tem entre 36 a 45 anos somam 17,9% (110 respondentes) e há 9,6% dos respondentes com 46 anos ou mais (58 respondentes). Na empresa Beta 1 (41,5%), na Beta 3 (46,3%), na Beta 4 (57,1%) e na Beta 6 (47,4%), a maior parte dos respondentes encontra-se na faixa etária entre 26 e 35 anos. Já na Beta 2 (41,6%) e na Beta 5 (35%), os respondentes indicaram possuir entre 18 e 25 anos. Cabe destacar que 92 respondentes optaram por não responder esta questão. A Tabela 2 explicita os achados.

Tabela 2 – Cruzamento entre Faixa etária x Empresas

FAIXA ETÁRIA

EMPRESA

TOTAL

Beta 1 Beta 2 Beta 3 Beta 4 Beta 5 Beta 6

18 a 25 10,8% 41,6% 30,9% 4,8% 35,0% 13,2% 30,7%

26 a 35 41,5% 38,9% 46,3% 57,1% 34,0% 47,4% 41,8%

36 a 45 30,8% 16,3% 13,3% 23,8% 18,4% 21,1% 17,9%

46 ou mais 16,9% 3,2% 9,6% 14,3% 12,6% 18,4% 9,6%

Fonte: Dados da pesquisa (2017).

A terceira pergunta busca identificar o grau de escolaridade dos funcionários. Nota-se que o maior percentual é de funcionários com ensino médio completo (33,5%), identificado por 227 dos funcionários. Nas unidades Beta 2 (38,8%), Beta 3 (33,2%), Beta 5 (40,7%) e Beta 6 (38,3%), a maior parte dos funcionários possui ensino médio completo. Na empresa Beta 4, o nível de escolaridade da maioria é o ensino médio incompleto (29,2%) e na unidade Beta 1, a qual concentra grande parte do setor administrativo das unidades, o nível de escolaridade é entre ensino superior completo (34,3%) e pós-graduação (32,8%). Chama a atenção o fato de que na empresa Beta 4, que tem suas operações em no RS e no ES não há funcionários cursando ensino superior. Cabe salientar a existência de um percentual considerável de empregados com ensino fundamental incompleto (9,2%) ou completo (4,9%), onde nota-se uma saliência nestes percentuais nas unidades Beta 4 (16,7%) e Beta 5 (12,2%). Pode-se relacionar que nas unidades fabris o nível de escolaridade apresenta-se menor, e a Tabela 3 apresenta os percentuais obtidos.

Tabela 3 – Cruzamento entre Escolaridade x Empresas

ESCOLARIDADE EMPRESA TOTAL

Beta 1 Beta 2 Beta 3 Beta 4 Beta 5 Beta 6 Ensino Fundamental

Incompleto 1,5% 8,7% 9,6% 16,7% 12,2% 8,5% 9,2%

Ensino Fundamental

Completo 3,0% 4,4% 4,3% 8,3% 5,7% 8,5% 4,9%

Ensino Médio Incompleto 1,5% 18,9% 17,8% 29,2% 13,8% 21,3% 16,4%

Ensino Médio Completo 6,0% 38,8% 33,2% 20,8% 40,7% 38,3% 33,5%

Superior Incompleto 13,4% 11,2% 10,1% 12,5% 8,9% 6,4% 10,4%

Superior em Andamento 7,5% 5,3% 10,6% - 7,3% 4,3% 7,3%

Superior Completo 34,3% 8,7% 7,2% 8,3% 7,3% 4,3% 10,2%

Pós-graduação 32,8% 3,9% 7,2% 4,2% 4,1% 8,5% 8,1%

Fonte: Dados da pesquisa (2017).

Foi possível identificar, por meio da quarta questão, que 48,5% dos respondentes recebe como remuneração o valor de até R$1.500,00 mensais (48,5%). Os que são remunerados com salários entre R$1.501,00 à R$2.000,00 representam 21,7%, enquanto os que recebem entre R$2.001,00 a R$3.000,00 somam 14,4%. A renda de 8% dos entrevistados é acima de R$5.000,00 mensais, e os que recebem entre R$3.001,00 à R$4.000,00 somam 5,5% dos respondentes, e 2,1% recebem a remuneração entre R$4.001,00 e R$5.000,00.

Entre as unidades do Grupo Beta, nas empresas Beta 2 (75,4%), Beta 3 (47,3%), Beta 4 (52,2%) e Beta 6 (36,2%), os respondentes indicaram que recebem até R$1.500,00 mensais. Na Beta 5, o salário de 40,7% é entre R$1.501,00 e R$2.000,00, e na Beta 1, o maior percentual de respondentes indicou receber entre R$2.001,00 e R$3.000,00. A Tabela 4 explicita os resultados.

Tabela 4 – Cruzamento entre Renda x Empresas

RENDA EMPRESA TOTAL

Beta 1 Beta 2 Beta 3 Beta 4 Beta 5 Beta 6

até R$1.500,00 10,4% 75,4% 47,3% 52,2% 29,3% 36,2% 48,4% de R$1.501,00 à R$2.000,00 9,0% 10,1% 24,6% 34,8% 40,7% 21,3% 21,7% de R$2.001,00 à R$3.000,00 31,3% 6,8% 14,0% 4,3% 15,4% 27,7% 14,4% de R$3.001,00 à R$4.000,00 11,9% 1,9% 5,3% 4,3% 7,3% 8,5% 5,5% de R$4.001,00 à R$5.000,00 10,4% 1,0% 2,4% - - - 2,1% acima de R$5.001,00 26,9% 4,8% 6,3% 4,3% 7,3% 6,4% 8,0%

A fim de contextualizar os achados, a quinta questão solicitava que o respondente indicasse o setor que trabalha, onde 71 funcionários optaram por não indicar nenhuma opção. No Grupo Beta, 72,8% dos funcionários trabalham no setor de produção e 27,2% indicaram trabalhar no administrativo. O setor administrativo é composto por 100% dos respondentes da empresa Beta 1, e o setor de produção possui 85,9% dos respondentes da Beta 2, 74,2% dos funcionários da Beta 3, na empresa Beta 4 o percentual é de 70%, na Beta 5 o percentual representa 82,1% e na Beta 6 soma 84,4% dos respondentes. A Tabela 5 demonstra os resultados.

Tabela 5 – Cruzamento entre Setor x Empresas

SETOR EMPRESA TOTAL

Beta 1 Beta 2 Beta 3 Beta 4 Beta 5 Beta 6

Administrativo 100,0% 14,1% 25,8% 30,0% 17,9% 15,6% 27,2%

Produção 85,9% 74,2% 70,0% 82,1% 84,4% 72,8%

Fonte: Dados da pesquisa (2017).

O sexto questionamento referia-se ao turno de trabalho dos respondentes, onde nota- se uma predominância no turno do dia (619 respostas), representando 90,9% dos resultados. Apenas as empresas Beta 2 (9,2%) e Beta 3 (20,6%), ambas localizadas no ES, possuem segundo turno em sua estrutura operacional. A Tabela 6 apresenta os achados.

Tabela 6 – Cruzamento entre Turno x Empresas

TURNO EMPRESA TOTAL

Beta 1 Beta 2 Beta 3 Beta 4 Beta 5 Beta 6

Diurno 100,0% 90,8% 79,4% 100,0% 100,0% 100,0% 90,9%

Noturno 9,2% 20,6% 9,1%

Fonte: Dados da pesquisa (2017).

A sétima pergunta refere-se ao tempo de empresa que o funcionário possui, e em qual das empresas do Grupo Beta ele trabalha. Nesta questão, 52 funcionários não assinalaram nenhuma opção. O maior percentual (28,1%) indicou possuir até 2 anos de empresa, tendo sido na Beta 1 (49,5%) e na Beta 3 (45%) os maiores percentuais relativos à este tempo de empresa. Os que possuem até 1 ano de empresa somam 27%, e os percentuais mais expressivos são encontrados nas empresas Beta 2 e Beta 3, onde os percentuais chegaram a 34% e 36%, respectivamente. Cabe a ressalva de que tais empresas possuem suas estruturas operacionais no ES, e, ainda, há o fato de que as empresas estão em funcionamento há pouco mais de 3 anos, o que, em tese, permite uma melhor compreensão de tais achados.

encontrados na empresa Beta 1, com 63,1% do acumulado, na Beta 5, onde há 54,3% dos funcionários que apresentam este tempo e na Beta 6, com 54,3% das respostas. As empresas Beta 1, Beta 5 e Beta 6 são localizadas no RS e possuem quase 50 anos de atuação, e há 85 funcionários que possuem mais de 10 anos de empresa, onde cabe salientar que 48 deles, possui até 15 anos de empresa, os que possuem até 20 anos representam 22 dos respondentes, os que tem até 25 anos somam 9 respondentes e entre 26 e 34 anos, há 6 funcionários. Optou-se por realizar essa junção em virtude de tornar os percentuais obtidos mais homogêneos. Ainda, os maiores percentuais se concentram nas empresas localizadas no RS, as quais estão estabelecidas há mais tempo. Abaixo, a Tabela 7 ilustra os resultados.

Tabela 7 – Cruzamento entre Tempo de Empresa x Empresas

TEMPO DE EMPRESA

EMPRESA

TOTAL

Beta 1 Beta 2 Beta 3 Beta 4 Beta 5 Beta 6

1 ano 12,3% 34,0% 36,0% 10,0% 11,4% 23,9% 27,0%

2 anos 13,8% 49,5% 24,0% 45,0% 9,6% 10,9% 28,1%

3 anos 10,8% 12,0% 27,0% 35,0% 16,7% 10,9% 18,0%

4 anos ou mais 63,1% 4,5% 13,0% 10,0% 62,3% 54,3% 27,0%

Fonte: Dados da pesquisa (2017).

A oitava questão de perfil solicita que o respondente indique o tempo que exerce sua atual função. Nesta questão, 67 respondentes não indicaram tal informação. O maior percentual (41%) indicou exercer sua atual função há até 1 ano, tendo sido assinalada por 260 funcionários. Os que trabalham até há 1 ano na Beta 2 somam 50,8% dos respondentes, na Beta 3 são 49,5% e na Beta 6 o percentual é de 36,2%. Os que exercem sua função atual há até 2 anos somam 50% dos respondentes na Beta 4, e os que possuem 4 anos ou mais em suas funções somam 44,3% na Beta 1, enquanto na Beta 5 são 48,7% e na Beta 6 o percentual chega a 36,2%. Nota- se que nas três empresas que estão situadas exclusivamente no RS, os maiores percentuais são encontrados entre os que possuem maior tempo em suas funções. A Tabela 8 apresenta o cruzamento.

Tabela 8 – Cruzamento entre Tempo de Função x Empresas

TEMPO DE FUNÇÃO

EMPRESA

TOTAL

Beta 1 Beta 2 Beta 3 Beta 4 Beta 5 Beta 6

1 ano 26,2% 50,8% 49,5% 15,0% 24,8% 36,2% 41,0%

2 anos 19,7% 39,8% 25,3% 50,0% 14,5% 12,8% 27,0%

3 anos 9,8% 7,9% 20,6% 25,0% 12,0% 14,9% 13,8%

4 anos ou mais 44,3% 1,6% 4,6% 10,0% 48,7% 36,2% 18,3%

A partir das análises realizadas através dos dados de caracterização informados pelos respondentes, é possível sintetizar que há predominância de funcionários do gênero masculino no setor de produção, e que esse cenário muda apenas na empresa Beta 1, que é a empresa que possui os setores administrativos do Grupo Beta. O perfil de funcionários do Grupo Beta é jovem, concentrado especialmente na faixa etária dos 18 aos 35 anos, contudo, é nesta faixa etária que se encontram os maiores percentuais de funcionários que possui até 2 anos de empresa. Entre os funcionários que tem até 2 anos de empresa, os que tem entre 18 e 25 anos somam 57,32% e os que tem até 2 anos de empresa representam 29,2%, o que permite inferir que o fator idade pode estar atrelado à rotatividade dos funcionários. Em contraponto, 50% dos funcionários com idade entre 46 e 55 anos, possuem 4 anos ou mais de empresa.

Outro aspecto que se destaca na análise é a baixa escolaridade (ensino fundamental incompleto ou completo) indicada por 14,3% dos funcionários que responderam esta questão, sobretudo na empresa Beta 4 (localizada no ES) e Beta 5 (localizada no RS). Esta escolaridade está atrelada à 20,7% dos funcionários que que recebem até R$1.500,00 mensais. A menor escolaridade é identificada em maior percentual entre aqueles que se encontram na faixa etária dos 46 aos 55 anos, onde 31,3% dos respondentes possuem ensino fundamental incompleto ou completo.

Tais análises são importantes para situar as diferenças identificadas na população investigas, A seguir é apresentada a análise multivariada, que será complementada, textualmente, com as informações dos cruzamentos adicionais realizados.

No documento Aprendizagem, comunicação, liderança e comprometimento organizacional : um estudo no Grupo Beta (páginas 83-88)