Descrição das obrigações de caixa que integram o património do Fundo

No documento FUNDO DE INVESTIMENTO FECHADO HEDGE FUND INVEST FUNDO ESPECIAL DE INVESTIMENTO (páginas 15-24)

CAPÍTULO 2 - DESCRIÇÃO DA OFERTA

2.1. Descrição do Fundo

2.1.4. Outras características

2.1.4.1. Descrição das obrigações de caixa que integram o património do Fundo

na maturidade, não havendo risco de perda de capital para quem subscreve as emissões na data de emissão e as mantém até à maturidade. Ou seja, uma eventual evolução menos favorável dos cabazes de índices de hedge funds (que determinam o valor dos juros dessas obrigações) não poderá implicar uma remuneração negativa ou uma perda de capital para os detentores das obrigações. Ressalva-se, contudo, conforme esclarecimentos prestados relativamente aos factores de risco, do ponto 0.2 do Capítulo 0 do presente documento, a eventualidade de risco fiscal e/ou risco de crédito, no caso do emitente das obrigações deixar de assumir os seus compromissos financeiros (nomeadamente por insolvência).

Adicionalmente, as obrigações de caixa proporcionam um juro mínimo total ilíquido (i.e.

antes de imposto sobre os rendimentos), devido somente na maturidade, correspondente a 2.50% do respectivo valor nominal (ou seja, o equivalente a uma taxa de rentabilidade anual ilíquida de 0.50%), não havendo um limite máximo teórico.

Remuneração Mínima do Fundo

Atendendo a (i) o valor inicialmente investido pelo Fundo nas obrigações (99.23% do Valor Líquido Global do Fundo (“VLGF”), a (ii) o valor mínimo total ilíquido (de imposto sobre o rendimento) de reembolso de cada obrigação na respectiva maturidade (102.50%, 102.50%, 102.50%, 102.50% e 102.50% do valor nominal, respectivamente) e a (iii) a tributação em sede de IRC dos Fundos de Investimento Mobiliários sediados em Portugal, o valor de reembolso do Fundo não deverá ser inferior a 101.21% do valor inicial do Fundo:

99.23% * [ 1 + (2.50%+2.50%+2.50%+2.50%+2.50%)/5 * ( 1 – 20%) ] = 101.21%

Em que 20% respeita à taxa de imposto sobre os rendimentos que incide sobre os juros proporcionados pelas obrigações em favor do Fundo.

O mesmo se pode concluir tendo em atenção a quantidade de obrigações a adquirir pelo Fundo (396,920 de cada emissão obrigacionista):

Obrigações de Caixa Valor Mínimo na Maturidade

“Event Driven Strategy” 396,920 * 50 * (1 + 2.50% * (1-20%))

“Equity Hedge Strategy” 396,920 * 50 * (1 + 2.50% * (1-20%))

“Distressed Securities Strategy” 396,920 * 50 * (1 + 2.50% * (1-20%))

“Relative Value Arbitrage Strategy” 396,920 * 50 * (1 + 2.50% * (1-20%))

“Macro Strategy” 396,920 * 50 * (1 +2.50% * (1-20%))

TOTAL no FUNDO (€) 101,214,600

TOTAL no FUNDO (%) 101.21%

Nota: os dois primeiros valores em cada equação respeitam respectivamente a (i) a quantidade de cada obrigação adquirida pelo Fundo; e a (ii) o valor nominal de cada obrigação.

Pretende-se, assim, que o valor final das unidades de participação do Fundo não seja inferior ao seu valor inicial e que o Fundo venha a proporcionar, na data de reembolso, uma remuneração total líquida de pelo menos 1.21% do valor inicialmente subscrito pelos seus investidores (ou seja, o equivalente a uma taxa anual líquida de aproximadamente 0.24%).

Remuneração Máxima do Fundo

Dependendo da rentabilidade dos índices de hedge funds, a remuneração de cada obrigação, devida somente na maturidade, será tanto maior quanto mais favorável for a evolução do cabaz de índices de cada uma das 5 obrigações, não havendo, portanto, qualquer limite à remuneração máxima teórica.

Obrigações de Caixa “Event Driven Strategy” 2

Características gerais

Estas obrigações são emitidas pelo Banco Santander Totta, S.A. no dia 7 de Junho de 2005 (a “Data de Emissão”) sendo que o reembolso terá lugar no 4º Dia Útil TARGET após a última Data de Observação, prevendo-se, assim, que tenha lugar no dia 4 de Junho de 2010 (a “Data de Reembolso”). O prazo desta emissão é, pois, de aproximadamente 5 anos. O preço de emissão bem como o valor nominal é de € 50 por obrigação.

Estas obrigações de caixa não pagam quaisquer juros intercalares. O pagamento dos juros tem lugar somente na Data de Reembolso, em simultâneo com o reembolso do capital. Os juros por obrigação (J), devidos na maturidade, dependem da rentabilidade do Cabaz de Índices que serve de activo subjacente a esta emissão (o “Cabaz de Índices”) durante o período de vida das obrigações, sendo calculados com base na seguinte fórmula:

J = Max ( 2.50% ; 60% * ∆C ) * VN

Em que ‘Max’ corresponde ao maior dos valores a que respeita, ‘VN’ é o Valor Nominal das obrigações (€ 50) e ‘∆C’ corresponde à rentabilidade do Cabaz de Índices, sendo calculada da seguinte forma:

2 Para obter mais informação sobre as características desta emissão, consultar o respectivo prospecto de emissão junto da Sociedade Gestora Santander Gestão de Activos - S.G.F.I.M. ou do Banco Santander Totta, S.A..

⎥⎦

Indicef corresponde à média aritmética simples dos valores de fecho oficial do índice i (para i=1 ou i=2) do Cabaz de Índices relativamente às Datas de Observação, e i

Indice0 corresponde ao valor de fecho oficial do índice i (para i=1 ou i=2) no dia 9 de Junho de 2005 (a “Data de Observação Inicial”). Entende-se por “Datas de Observação” o último Dia Útil de Negociação dos meses de Fevereiro, Maio, Agosto e Novembro de cada ano desde, e incluindo, Agosto de 2005 até, e incluindo, Fevereiro de 2010, e o dia 20 de Maio de 2010 num total de vinte Datas de Observação.

No caso de algumas destas datas não ser um Dia Útil de Negociação para algum dos índices do Cabaz de Índices, considerar-se-á, em substituição, o Dia Útil de Negociação imediatamente seguinte, somente para o(s) índice(s) relevante(s).

Entende-se por Dia Útil de Negociação qualquer dia útil simultaneamente em Nova Iorque e nas Bermudas, e em que a entidade responsável pelo cálculo e divulgação do valor do Índice torne do conhecimento público o respectivo valor oficial de fecho.

O Cabaz de Índices é composto pelos seguintes dois índices:

i Índice i Peso no 2 HFRX Event-Driven 50% www.hfr.com HFRXED (*) User name: ‘Santander’; Password: ‘Indices’

Na eventualidade da Entidade Calculadora dos Índices deixar de calcular e/ou divulgar regularmente o valor de qualquer ou quaisquer índices que determinem a remuneração das obrigações de caixa, o Agente Calculador (BSN – Banco Santander de Negócios Portugal, S.A.) poderá proceder à substituição desse(s) índice(s) e/ou à substituição da Entidade Calculadora dos Índices com base na prática normal de mercado, de forma a reflectir o mais fielmente possível os termos e o valor da operação inicialmente contratada (tendo por base as definições relevantes da International Swap Dealers Association, INC.) Ocorrendo a substituição da entidade ou dos índices, a(as) obrigação(ões), e consequentemente o fundo, reflectirão, até à data desta mesma ocorrência, a rentabilidade do(s) índice(s) subjacente(s) afectado(s). A partir dessa data, a substituição será efectivada de forma a manter as características da(s) obrigação(ões), e consequentemente do fundo, conforme artigo 11º, secção 11.1 b) B) do ISDA.

Estes índices são construídos por referência a organismos de investimento colectivo, denominados genericamente por hedge funds, que utilizam na sua gestão um conjunto de técnicas e estratégias de investimento não sujeitas às normas dos investimentos tradicionais, podendo combinar, praticamente sem restrições, todos os mercados e instrumentos financeiros, nomeadamente derivados, e, inclusive, assumir posições curtas (i.e. posições que geram ganhos quando os activos relevantes se depreciam e vice-versa).

O principal objectivo da maioria dos hedge funds é preservar o capital e proporcionar sistematicamente uma rentabilidade absoluta positiva nos diferentes cenários de mercado, mantendo simultaneamente uma volatilidade (risco) reduzida. Não existe, porém, qualquer garantia de que a evolução do valor das partes representativas destes fundos se irá comportar de acordo com os objectivos delineados, podendo eventualmente variar de forma significativamente distinta e desfavorável.

O índice HFRX Global Hedge Fund é composto pelos oito índices individuais da família HFRX – Hedge Fund Indices, representativos das oito maiores estratégias praticadas na indústria de hedge funds (ponderados de forma a reflectir a composição global da indústria de hedge funds):

ƒ Convertible Arbitrage;

ƒ Merger Arbitrage;

ƒ Equity Hegde;

ƒ Equity Market Neutral;

ƒ Relative Value Arbitrage;

ƒ Event Driven;

ƒ Distressed Securities;

ƒ Macro.

O índice HFRX Event Driven reflecte uma estratégia que pretende beneficiar da identificação e análise de títulos/activos em que se verifique ou se possa verificar a ocorrência de eventos extraordinários, ou seja, que estejam sujeitos a reestruturações, takeovers, fusões, falências, programas de share buybacks ou outro tipo de eventos corporativos extraordinários. A estratégia Event Driven envolve não só a tentativa de prever o resultado de um determinado evento mas, também a escolha da altura certa para a implementar. A incerteza que normalmente envolve estes eventos, gera normalmente boas oportunidades desde que adequadamente antecipadas.

Trimestralmente, a entidade que calcula e divulga os índices (HFR - Hedge Fund Research, Inc. (a “Entidade Calculadora dos Índices”)) procede à revisão dos constituintes e das respectivas ponderações nos diversos índices (índices de estratégias individuais e índice Global) de acordo com a metodologia e regras predefinidas, nomeadamente pela inclusão/exclusão de fundos, alteração do peso de cada hedge fund nos índices individuais ou de cada estratégia no índice Global por forma a reflectir o mais fielmente possível a composição e as alterações de oportunidades de investimento da indústria de hedge funds.

Exemplo de cálculo da remuneração, devida na maturidade3

1. Calcula-se, em primeiro lugar, para cada índice i do Cabaz de Índices (para i=1 ou i=2), a rentabilidade comparando a respectiva média aritmética simples dos valores de fecho oficial do índice i (para i=1 e i=2) do Cabaz de Índices relativamente às Datas de Observação (Indiceif) com o correspondente valor de fecho oficial do índice i (para i=1 e i=2) relativamente à Data de Observação Inicial. ( i

Indice0):

3 Este exemplo é meramente hipotético e não reflecte quaisquer expectativas, juízos ou opiniões, explícita ou implicitamente, por parte da Santander Gestão de Activos – S.G.F.I.M., S.A., do BSN – Banco Santander de Negócios Portugal, S.A. ou do Banco Santander Totta, S.A. nomeadamente quanto a (i) a evolução da indústria de hedge funds ou do cabaz de índices subjacente a esta obrigação ou quanto (ii) à remuneração que o Fundo irá proporcionar aos seus participantes.

i

Para melhor compreensão, considere-se o seguinte exemplo hipotético:

Valor de cada Índice Índice Data de Observação Inicial

( i

2. De seguida, para obter a rentabilidade do cabaz, somam-se as rentabilidades dos dois índices, conforme calculadas em 1. e divide-se essa soma pelo número de índices (i.e.

por 2). No exemplo hipotético, viria:

∆C = [ 18.31% + 11.92% ] / 2 = 15.11%

3. Os juros por obrigação, devidos na maturidade, correspondem, então, ao maior entre:

(i) A remuneração mínima: € 1.25 ( = € 50 * 2.50%); e (ii) O produto de:

(a) A Exposição (60%);

(b) A rentabilidade do cabaz, obtida em 2. (15.11%); e (c) O valor nominal de cada obrigação (€ 50).

No exemplo hipotético, os juros por obrigação seriam:

J = Max ( 2.50% ; 60%* 15.11%] * € 50 = € 4.53 Obrigações de Caixa “Equity Hedge Strategy” 4

Estas obrigações são em tudo similares às Obrigações de Caixa “Event Driven Strategy”, com a seguinte diferença:

ƒ O Cabaz de Índices é, nestas obrigações, composto pelos seguintes dois Índices:

i Índice i Peso no

O índice HFRX Equity Hedge, também da família HFRX, reflecte a estratégia também conhecida como Long/Short Equity, que tem como principal objectivo explorar oportunidades existentes no mercado accionista, com possibilidade de alavancar, vender e efectuar coberturas do risco de mercado.

4 Para obter mais informação sobre as características desta emissão, consultar o respectivo prospecto de emissão junto da Sociedade Gestora Santander Gestão de Activos - S.G.F.I.M. ou do Banco Santander Totta, S.A..

Este tipo de fundos pode deter uma posição global líquida curta ou longa no mercado accionista dependendo das condições de mercado (geralmente, longa em cenários de subida e curta em cenários de descida do mercado). Os ganhos são obtidos quando as posições longas valorizam e as posições curtas desvalorizam. Os gestores desta estratégia têm em comum com os gestores tradicionais (que apenas detêm posições longas) a capacidade de estar longo em acções /índices accionistas com perspectivas de valorização, mas têm a vantagem de deter posições curtas com o objectivo de ter resultados superiores em cenários de queda dos mercados accionistas.

Obrigações de Caixa “Distressed Securities Strategy” 5

Estas obrigações são em tudo similares às Obrigações de Caixa “Event Driven Strategy”, com a seguinte diferença:

ƒ O Cabaz de Índices é, nestas obrigações, composto pelos seguintes dois Índices:

i Índice i Peso no 2 HFRX Distressed Securities 50% www.hfr.com HFRXDS (*) User name: ‘Santander’; Password: ‘Indices’

O índice HFRX Distressed Securities reflecte a estratégia que consiste, basicamente, em adquirir posições, longas ou curtas, em títulos/acções de empresas que estão, ou que se prevê estarem, em dificuldades financeiras ou operacionais temporárias.

Os gestores procuram tirar partido das oportunidades geradas pelas ineficiências de mercado nestes títulos (geralmente, acções e títulos de dívida das empresas). Portanto, os lucros são obtidos quando o mercado não está a avaliar correctamente o valor dos títulos, não dependendo das tendências de mercado.

Obrigações de Caixa “Relative Value Arbitrage Strategy” 6

Estas obrigações são em tudo similares às Obrigações de Caixa “Event Driven Strategy”, com a seguinte diferença:

ƒ O Cabaz de Índices é, nestas obrigações, composto pelos seguintes dois Índices:

i Índice i Peso no 2 HFRX Relative Value Arbitrage 50% www.hfr.com HFRXRVA (*) User name: ‘Santander’; Password: ‘Indices’

O índice HFRX Relative Value Arbitrage reflecte estratégias de arbitragem, também denominadas de Statistical Arbitrage, que tem como principal objectivo produzir retornos consistentes, com baixa volatilidade e reduzida correlação com o mercado. Procura

5 Para obter mais informação sobre as características desta emissão, consultar o respectivo prospecto de emissão junto da Sociedade Gestora Santander Gestão de Activos - S.G.F.I.M. ou do Banco Santander Totta, S.A..

6 Para obter mais informação sobre as características desta emissão, consultar o respectivo prospecto de emissão junto da Sociedade Gestora Santander Gestão de Activos - S.G.F.I.M. ou do Banco Santander Totta, S.A..

explorar oportunidades e ineficiências de mercado envolvendo, geralmente, a compra e venda simultânea de dois activos correlacionados, que temporariamente, apresentam valores não consistentes com o seu comportamento histórico.

Neste tipo de estratégia o foco está em determinar quais as estratégias de valor relativo entre activos que oferecem as melhores oportunidades num dado momento e que ponderação atribuir a essas mesmas estratégias.

Estas estratégias incluem, nomeadamente, arbitragem no mercado de taxa de juro, obrigações convertíveis, opções e warrants, bem como arbitragem aquando da ocorrência de eventos corporativos (reestruturações de capital, fusões,…).

Obrigações de Caixa “Macro Strategy” 7

Estas obrigações são em tudo similares às Obrigações de Caixa “Event Driven Strategy”, com a seguinte diferença:

ƒ O Cabaz de Índices é, nestas obrigações, composto pelos seguintes dois Índices:

i Índice i Peso no

Cabaz

Endereço de Internet (*)

Código Bloomberg 1 HFRX Global Hedge Fund 50% www.hfr.com HFRXGL

2 HFRX Macro 50% www.hfr.com HFRXM

(*) User name: ‘Santander’; Password: ‘Indices’

O índice HFRX Macro reflecte as estratégias que têm como objectivo obter resultados positivos através da identificação antecipada da ocorrência de variações extremas de preços nos mercados accionistas, de taxa de juro, cambiais e de commodities. Geralmente, os gestores tentam prever o impacto de eventos macroeconómicos e políticos nos preços dos instrumentos financeiros, tomando posições alavancadas nos respectivos mercados de forma a beneficiar com a variação esperada.

Os fundos, que têm estas estratégias subjacentes, têm a capacidade de aproveitar oportunidades de mercado sem qualquer tipo de restrição. O seu processo de investimento é tipicamente o menos restritivo de toda a indústria de hedge funds. Esta flexibilidade pode representar tanto uma vantagem como uma desvantagem pelo facto de ter como principal factor de risco a arbitrariedade das decisões do próprio gestor (“risk manager”).

Performances Exemplificativas do Fundo

Seguidamente são apresentados três cenários distintos para a evolução do valor dos cabazes de índices subjacentes às 5 obrigações. Em função de cada um destes cenários, apresenta-se a remuneração final que as obrigações e, portanto, o Fundo proporcionariam.

Estes cenários são meramente hipotéticos e não reflectem quaisquer expectativas, juízos ou opiniões, explícita ou implicitamente, por parte da Santander Gestão de Activos –

7 Para obter mais informação sobre as características desta emissão, consultar o respectivo prospecto de emissão junto da Sociedade Gestora Santander Gestão de Activos - S.G.F.I.M. ou do Banco Santander Totta, S.A..

S.G.F.I.M., S.A., do BSN – Banco Santander de Negócios Portugal, S.A. ou do Banco Santander Totta, S.A., nomeadamente quanto a (i) a evolução do nível do mercado de hedge funds ou dos cinco cabazes de índices que determinam a remuneração das obrigações de caixa ou quanto (ii) à remuneração que o Fundo irá proporcionar aos seus participantes.

Cenário 1 - Optimista

Neste cenário, os cabazes de índices que integram as 5 obrigações apresentam uma evolução bastante favorável, permitindo ao Fundo atingir um valor líquido na maturidade de € 119,663,442 (vs € 100,000,000 iniciais). Este valor reflecte uma remuneração líquida de aproximadamente 19.66%, ou seja o equivalente a uma taxa de rentabilidade líquida anual de 3.66% (o que equivale a uma taxa de rentabilidade bruta anual de 4.57%).

Obrigações de Caixa Índice HFRX Global Hedge Fund

Valor Inicial (Indice10) (a) 1,126.00 - Reembolso + Juro Bruto por

Obrigação (€) € 63.50 € 62.75 € 61.70 € 63.35 € 63.05 - Reembolso + Juro Líquido por

Obrigação (€) € 60.80 € 60.20 € 59.36 € 60.68 € 60.44 - Total de Obrigações (€) € 24,132,736 € 23,894,584 € 23,561,171 € 24,085,106 € 23,989,845 € 119,663,442

(a) Valor de fecho oficial do índice relevante, conforme observado na Data de Observação Inicial (9 de Junho de 2005).

(b) Média aritmética simples dos valores de fecho oficial do índice relevante, conforme observados nas Datas de Observação.

(c) Rentabilidade média do índice relevante.

(d) Rentabilidade do cabaz de índices relevante.

(e) Produto de (i) a Exposição e (ii) a rentabilidade do cabaz respectivo, sujeito ao respectivo mínimo.

A título de exemplo, para obter o valor de reembolso das Obrigações de Caixa “Macro Strategy” calcular-se-ia, em primeiro lugar, a rentabilidade para os dois índices:

r1 = (1,576.40 - 1,126.00 ) / 1,126.00 = 40.00%

r2 = ( 1,602.30 - 1,090.00 ) / 1,090.00 = 47.00%

Calcular-se-ia depois a rentabilidade do respectivo cabaz de índices:

∆C = (40.00% + 47.00% ) / 2 = 43.50%

Os juros devidos por obrigação na maturidade (J), antes de imposto sobre os rendimentos, corresponderão, então, ao produto de (i) o valor nominal das obrigações (€ 50), (ii) a Exposição (60%) e (iii) a rentabilidade do cabaz de índices (43.50%), não podendo o valor dos juros ser inferior a 2.50% do valor nominal (i.e. a € 1.25), ou seja:

J = Max ( 2.50% ; 60% * 43.50% ) * € 50 = € 13.05

Logo, o valor total de reembolso (antes de imposto) corresponderia a (i) o capital (€ 50) e (ii) os juros (€ 13.05), o que totaliza € 63.05.

Em termos líquidos de imposto sobre o rendimento, o valor de reembolso será:

€ 50 + € 13.05 * ( 1 – 20% ) = € 60.44

Dado o Fundo adquirir 396,920 destas obrigações, o valor líquido que recebe será, então:

396,920 * € 60.44 = € 23,989,845 Cenário 2 - Moderado

Neste cenário, os cabazes de índices que integram as 5 obrigações apresentam uma evolução moderadamente favorável (à excepção de um dos índices, que apresenta uma performance negativa), permitindo ao Fundo atingir um valor líquido na maturidade de € 111,923,501 (vs € 100,000,000 iniciais). Este valor reflecte uma remuneração líquida de aproximadamente 11.92%, ou seja o equivalente a uma taxa de rentabilidade líquida anual de 2.28% (o que equivale a uma taxa de rentabilidade bruta anual de 2.85%).

Obrigações de Caixa Índice HFRX Global Hedge Fund

Valor Inicial (Indice10) (a) 1,126.00 - Reembolso + Juro Bruto por

Obrigação (€) € 62.15 € 53.38 € 57.50 € 57.20 € 59.75 - Reembolso + Juro Líquido por

Obrigação (€) € 59.72 € 52.70 € 56.00 € 55.76 € 57.80 - Total de Obrigações (€) € 23,704,062 € 20,917,684 € 22,227,520 € 22,132,259 € 22,941,976 € 111,923,501

(a) Valor de fecho oficial do índice relevante, conforme observado na Data de Observação Inicial (9 de Junho de 2005).

(b) Média aritmética simples dos valores de fecho oficial do índice relevante, conforme observados nas Datas de Observação.

(c) Rentabilidade média do índice relevante.

(d) Rentabilidade do cabaz de índices relevante.

(e) Produto de (i) a Exposição e (ii) a rentabilidade do cabaz respectivo, sujeito ao respectivo mínimo.

Cenário 3 - Pessimista

Neste cenário, os cabazes de índices que integram as 5 obrigações apresentam uma evolução geral desfavorável, com o Fundo a atingir um valor líquido na maturidade de

€ 101,214,600 (vs € 100,000,000 iniciais), ou seja a remuneração mínima, devida na maturidade. Este valor reflecte uma remuneração líquida de aproximadamente 1.21%, ou

seja o equivalente a uma taxa de rentabilidade líquida anual de 0.24% (o que equivale a uma taxa de rentabilidade bruta anual de 0.30%).

Obrigações de Caixa Índice HFRX Global Hedge Fund

Valor Inicial (Indice10) (a) 1,126.00 - Reembolso + Juro Bruto por

Obrigação (€) € 51.25 € 51.25 € 51.25 € 51.25 € 51.25 - Reembolso + Juro Líquido por

Obrigação (€) € 51.00 € 51.00 € 51.00 € 51.00 € 51.00 - Total de Obrigações (€) € 20,242,920 € 20,242,920 € 20,242,920 € 20,242,920 € 20,242,920 € 101,214,600

(a) Valor de fecho oficial do índice relevante, conforme observado na Data de Observação Inicial (9 de Junho de 2005).

(b) Média aritmética simples dos valores de fecho oficial do índice relevante, conforme observados nas Datas de Observação.

(c) Rentabilidade média do índice relevante.

(d) Rentabilidade do cabaz de índices relevante.

(e) Produto de (i) a Exposição e (ii) a rentabilidade do cabaz respectivo, sujeito ao respectivo mínimo.

No documento FUNDO DE INVESTIMENTO FECHADO HEDGE FUND INVEST FUNDO ESPECIAL DE INVESTIMENTO (páginas 15-24)