Fontes de Previsões

No documento Estudo da Qualidade da Previsão do Tempo Previsões para o Campus da FEUP (páginas 10-13)

3.1 Estação Meteorológica da Faculdade de Engenharia do Porto

Na cobertura do edifício onde funciona o Departamento de Engenharia civil, da FEUP, estão colocados os aparelhos necessários à recolha de

d

ados meteorológicos para a zona Campus da FEUP. Iniciou-se em Setembro de 2001 e começou a divulgar os dados na internet em 2006

12

.

As medições são realizadas, aproximadamente, de 10 em 10 minutos e são registados os valores de temperatura, velocidade e direção do vento, humidade relativa, pressão, radiação solar direta e difusa, radiação atmosférica e terrestre e precipitação. Todo este processo de registo de dados é feito com recurso a um datalogger (Micromec Logbox) e foi desenvolvido com colaboração húngara12.

Para consultar os dados apenas é necessária uma conexão à internet ou seja, qualquer membro da comunidade FEUP ou fora dele tem acesso aos mesmos. Contudo, os dados possuem real interesse para membros ligados a cursos como Engenharia Civil ou Engenharia Mecânica uma vez que, a construção de edifícios está intimamente ligada às condições climatéricas do meio envolvente e ao nível de Engenharia Mecânica permite explorar a instrumentação utilizada nas medições, sendo relevante para estudos de sistemas de energia eólica12.

Os dados podem ser consultados em português e em inglês e existe uma câmara que disponibiliza uma live-stream do aparelho13. A figura 3 mostra parte da constituição da estação.

Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto

3.2 Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA, I.P.)

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera é mais do que um sítio na internet: é um instituto público, integrado na administração indireta do estado, dotado de autonomia administrativa e financeira e património próprio14. Sendo utilizado pela maioria dos utilizadores como apenas uma fonte de dados meteorológicos este pode revelar-se muito útil para utilizadores que o queiram realmente descobrir, possuindo, por exemplo: uma

“ebiblioteca”, uma “Enciclopédia ipma ”, dados relativos ao setor da agricultura e das pescas.

3.2.1 Composição e Funções do Instituto

A análise de dados meteorológicos é apenas um dos domínios em que este instituto trabalha, sendo também responsável por áreas como a meteorologia aeronáutica, o clima, a sismologia e o geomagnetismo. Com atribuições do ministério da Agricultura e do Mar este instituto é composto pelos órgãos que a seguir se enumeram: conselho diretivo, fiscal único, conselho de orientação, conselho científico, unidade de acompanhamento e comissão partidária. Para além destes órgãos, o instituto é constituído por: departamentos do Mar e Recursos Marinhos, de Meteorologia e Geofísica e de Operações, Infraestruturas e Desenvolvimento Tecnológico, delegações regionais dos Açores e da Madeira, centros de coordenação nomeadamente em Viseu, Castelo Branco e Évora e por último centros meteorológicos em vários pontos do país15.

Todos estes órgãos, departamentos, delegações e centros meteorológicos promovem, realizam e coordenam atividades de investigação, experimentação e demonstração em áreas como os recursos marinhos, a aquicultura, a meteorologia, o clima, a geofísica, os serviços marítimos e a segurança marítima. Para além disso, estão ligados à produção e comercialização de instrumentos, aparelhos e equipamentos informáticos ligados à sua atividade. Alguns dos programas mais notáveis desenvolvidos pelo IPMA são:

“Programa Nacional de Amostragem Biológica”, (PNAB); “Modelação e previsão do efeito do frio extremo na saúde da população: a base para o desenvolvimento de um sistema de alerta em tempo real”, (FRIESA); “Rede Atlântica de Controlo Genético. Rotulagem e Rasterabilidade de Pescado e Marisco”, (ECsafeSEAFOOD), “Assessment Strategy And Risk Reduction for Tsunamis in Europe”, (ASTART) 15.

3.2.2 Sítio da Internet IPMA.pt

Na página principal do IPMA (http://www.ipma.pt/pt/index.html), podemos encontrar uma grande variedade de informação disponível para qualquer utilizador sobre os mais variados assuntos relacionados com as previsões atmosféricas, mas também outras

Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto

hiperligações interessantes. Iremos explorar estas informações de seguida:

● Ao centro da página principal podemos ver um mapa de Portugal Continental e os Arquipélagos, com as previsões meteorológicas de cada região, indicando a temperatura máxima, mínima, direção do vento e como vai estar o céu (nublado, limpo, entre outros). Temos acesso, caso existam, a avisos meteorológicos e notícias que o IPMA considerou relevantes bem como podemos visualizar mapas de satélite, radar, raios ultravioleta, cartas náuticas e de risco de trovoadas.

● São disponibilizadas hiperligações para uma Previsão Descritiva (principais características do tempo para os maiores centros urbanos), Previsão por Localidade (previsões mais detalhadas sobre localidades específicas do país), Previsão Mundial (previsão simples do tempo para diferentes partes do globo) e previsão Mensal (previsão simples do tempo durante o corrente mês);

● Os sismos em solo português têm destaque na página inicial sendo referido o dia e hora dos sismos com as respetivas intensidades na escala de Mercalli Modificada;

● Na parte de baixo da página principal encontram-se ainda as hiperligações para as diferentes redes sociais em que o IPMA se encontra registado, endereços úteis, informações adicionais sobre a página, projetos WEB, “Comunidade IPMA” e “O tempo na TV” (boletim diário do tempo, apresentado na RTP).

● Dispõe de aplicação para dispositivos Android16 ou telemóveis Apple17.

3.3 Freemeteo.com.pt

Outro sítio, existente na Internet, que nos permite ter acesso a meteorologia com previsões até sete dias, designa-se “freemeteo.com.pt.”. Com capacidade para analisar onze milhões de localizações geográficas e com atualizações duas vezes ao dia18, nele podemos encontrar dados detalhados (como a temperatura, vento, humidade relativa, pressão, precipitação) em intervalos de três horas para os sete dias em que o sítio da rede se compromete. Está disponível em português e em inglês e dispõe de aplicação para telemóveis Andoid19 ou para telemóveis da marca Apple20 (em ambos os casos sem custo para o utilizador).

3.4 Tempo.pt

Considerando os três sítios da internet utilizados, aquele que se compromete a previsões mais longas é o “tempo.pt”. Em termos de dados encontra-se bem estruturado e simplificado o que permite uma visualização rápida e eficiente do mesmo por parte dos utilizadores. A sua base de dados é especialmente centrada em Portugal, possuindo uma

Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto

grande variedade de localizações nacionais disponíveis.

Este sítio permite a utilização da sua informação em outros sítios que estejam sobre o nosso domínio, sendo apenas necessário preencher um conjunto de informações básicas referentes à personalização do widget pretendido21. Está ainda disponível para telemóveis com os sistemas operativos Android22, Windows23 e iOS24.

No documento Estudo da Qualidade da Previsão do Tempo Previsões para o Campus da FEUP (páginas 10-13)