• Nenhum resultado encontrado

A new species of Plagiometriona Spaeth, Espirito Santo State, Brazil (Coleoptera, Chrysomelidae, Cassidinae).

N/A
N/A
Protected

Academic year: 2017

Share "A new species of Plagiometriona Spaeth, Espirito Santo State, Brazil (Coleoptera, Chrysomelidae, Cassidinae)."

Copied!
3
0
0

Texto

(1)

Uma nova espécie de

Plagiometriona

Spaeth, do Espírito

Santo, Brasil (Coleoptera, Chrysomelidae, Cassidinae)

1

Zundir José Buzzi 2

ABSTRACT. A new species of Plagiometriona Spaeth, Espirito Santo state, Brazil (Coleoptera, Chrysomelidae, Cassidinae). Plagiometriolla (Plagiometrio/la) diffusa sp. novo from Conceição da Barra, Espirito Santo State, Brazil, is described.

KEY WORDS. Coleoptera, Chrysomelidae, Cassidinae, Plagiometriona, new species

SPAETH (1899) criou o gênero Plagiometriona e nele incluiu várias espécies

de Coptocycla Chevrolat, 1837 e descreveu uma espécie nova: P. eggi Spaeth, 1899 e em 1937, dividi u Plagiometriona em dois subgêneros Plagiometriona S. str. e

Parametriona, o primeiro subdividido em seis e o segundo em onze grupos.

Plagiometriona (Plagiometriona) diffusa sp. nov.juntamente com P. seriata

Spaeth, 1937 estão incluídas no segundo grupo de Plag iometriona , cujas espécies

se caracterizam por terem a carena da epipleura atingindo a sutura elitral bem antes de atingir o ápice, o terceiro artículo das antenas aproximadamente duas vezes mais longo que o segundo e o clípeo tão largo quanto longo, com sulco médio longitu-dinal.

Plagiometriona (Plagiometriona) diffusa

Sp. nov.

Figs1 -2

Em vista dorsal (Fig. I) subarredondada, cerca de 1,07 vezes mais longa que sua maior largura (7,58 x 7,08 mm). Em vista lateral (Fig. 2) com forte giba dorsal ; dali para frente caindo quase em linha reta até a margem anterior do pronoto e para traz, decaindo mais suavemente até pouco além do terço posterior dos élitros e depois mais abruptamente, até o ápice elitral. Coloração amarela, tendendo para o alaranjado. Cabeça com genas lisas e anteriormente com suave sulco longitudinal que se estende da área interalveolar até o vértice. Olhos pretos, cerca de duas vezes mais longos que sua maior largura (0,80 x 0,40 mm) e quase tão longos quanto a altura da cabeça, medida da gula até o vértice (1,00 mm ). Palpos labiais e maxilares com os artícul os apicais bastante desenvolvidos e com aspecto globóide. Antenas com o artícul o apical preto exceto a base e parte do ápice, amarelos; seis artículos basais brilhantes, com poucos e esparsos pêlos e os demais , densamente pilosos ; todos os artícu los de aspecto cilíndrico, med indo do primeiro ao último, respecti-vamente: 0,38-0, 18-0,34-0,28-0,28-0,20-0,24-0,20-0,20-0,20-0,40 mm .

1) Contribuição número 1257 do Departamento de Zoologia, Universidade Federal do Paraná. 2) Departamento de Zoologia, Universidade Federal do Paraná. Caixa Postal 19020,

81531-980 Curitiba, Paraná, Brasil. E-mail: zb uzzi@bio.ufpr.br

(2)

Figs 1-2. Plagiometriona diffusa sp. nov., holótipo. (1) Vista dorsal ; (2) vista lateral. Escala: 1,8 mm.

Pronoto trapezoidal, cerca de 1,8 vezes mais largo que seu comprimento mediano (5,0 x 2,8 mm); abas transparentes, reticuladas; superfície microreticulada; no disco com poucos e esparsos pontos e aos lados, com curto sulco, em forma de meia-lua; projeção mediana posterior larga, pouco projetada e margem largamente arredondada e levemente elevada. Escutelo triangular; largura basal cerca de 1,5 vezes maior que seu comprimento mediano.

(3)

Uma nova especle de fJlaglometrJona, do t:SplntO Santo ... 997

Fêmur anterior e mediano quase do mesmo comprimento e o da perna posterior, mais longo ( 1,54 x 1,56 x 1,76 mm); tíbia anteri or mais longa que a médi a e mai s curta que a posterior ( 1,36 x 1,24 x 1,48 mm).

Élitros com giba bastante forte; área anteri or à giba com leve depressão; superfície discai densamente pontuada com os pontos em geral maiores que as interestri as; aba com forte retícul o; na base, aos lados, projetada além do me io do pronoto e dali para traz, alargando-se suavemente até próx im o ao me io, estreitan-do-se depois e no ápice, largamente arredondada; dorsal mente com mancha subar-redondada, acastanhada, ao longo da sutura e posteri ormente, preta. E ntre a mancha dorsal e a linha discai , um estreito anel, de bordos não bem defi nidos, de co loração enegrecida; anteriormente e aos lados, interrompid o. Posteriormente uma pequena mancha difusa, transversal, acastanhada, entre o anel e o ápi ce eli tral.

M aterial examinado. Holótipo de Conceição da Barra, Espírito Santo, Brasil , 5-I-1970,

c.T.

& C. Elias leg., depositado na Coleção de Entomologia Pe. Jesus Santiago M oure, Departamento de Zoo logia da Uni versidade Federal do Paraná (DZUP), Curitiba, Paraná, Brasil.

Discussão. Plagiometriona (Plag iometriona) diffusa sp. novo é facilmente identificada pelos desenhos dos él itros, princ ipalmente pel a mancha dorsal e o ane l, com o aro muito estreito, que a circunda além da gibosidade dorsa l e Plagiometriona seriata Spaeth, 1937 pelo anel fino, preto, duas vezes mai s longo que largo e que

abrange a parte posteri or do pronoto e os élitros, não são gibosos . REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

SPAETH, F. 1899. Beschre ibung e iniger neuer Cassididen nebsl synonymische n Be merkunge n. Ill . Verh. zool.-bot. Ges. Wien 49 : 213-221.

- -- . 1937. Ne ue Cassidine des Rijksmuseums in Leiden und meine r Sammlung. Temminc.kia 2 : 135- 158 .

Recebido em lS.v.200 1; acei to em 20.tX.2002 ..

Imagem

Figs  1-2. Plagiometriona diffusa sp.  nov.,  holótipo. (1)  Vista dorsal ; (2)  vista lateral

Referências

Documentos relacionados

A acção do assistente social não se fundamenta em intuições ou suposições sobre a leitura e diagnóstico do problema em análise /estudo, suporta-se no método que orienta

* Para o FRF, o valor da parcela para 2011 foi de R$470,00, sendo que o estudante deverá optar por uma porcentagem sobre este valor, conforme especificado no

especializados - síntese dos dados - divulgação dos resultados - tratamento de informação em acess Técnicos de municípios Comissão Nacional Aumentar as

Neotropical species with broad distribution in Brazil, already recorded from the states of Rio de Janeiro, Espírito Santo, Pernambuco, Paraíba, Bahia and São Paulo (M ENDONÇA &

Moderadamente dilatada, com margem anterior arredondada em vista dorsal (Fig. 10A); ocelos localizados próximos da linha imaginária que tangencia os ângulos oculares anteriores,

Pronoto transversal, cerca de 1,9 vezes mais largo (6,83) que seu compri- mento mediano (3,58); superficie finamente pontuada, com quatro manchas pretas transversalmente dispostas,

tamanho pequeno dos pontos elitrais das quatro tileiras mais internas e os quatro primeiros interespaços que são bastante largos, principalmente o segundo e o quarto,

Amarelo-esverdeada exceto os quatro últimos artículos das antenas e olhos pretos; o sétimo artículo das antenas fusco; unhas castanhas, exceto o dente, mais claro ; genas