E D C C A E A A C E C E C C D D B B A A D E A A D D A A D A D A D A. Espanhol Espanhol Espanhol Espanhol

Texto

(1)

001002 003004 005006 007 007008 009010 012011 013014 014015 016017 018019 020021 021022 023024 025026 027028 028029 030031 032033 034035 035

ED CC AE B BC BC EC CE EA AB DD BC CA EA AD BB BC AD AC BB B Português Português Português Português Português Português Português Português Português Português Português Português Português Português Português Português Português Português Português Português

Inglês Inglês Inglês Inglês Inglês Inglês História História História História História História História História História História História Geografia Geografia Geografia

036037 038039 040041 042 042043 044045 046047 048049 049050 051052 053054 055056 056057 058059 060061 062063 063064 065066 067068 069070 070

DC DC DE B BA BA DE DD DD CC AA CE CB CE BA BAA CE DD DA C C Geografia Geografia Geografia Geografia Geografia Geografia Geografia Geografia Geografia Biologia Biologia Biologia Biologia Biologia Biologia Biologia Biologia Biologia Biologia Biologia Física Física Física Física Física Física Física Física Física Física Física Física Química Química Química Química Química Química Química Química

071072 073074 075076 077 077078 079080 081082 083084 084085 086087 088089 090091 091092 093094 095096 097098 098099 100101 102103 104105 105

AB BA CD C CD CE DB BB BE CD EA DC CA CB DE BC CA DC AE CB B

EM T. Al fa - Séri e P-1 - TA-3 2019

Química Química Química Matemática Matemática Matemática Matemática Matemática Matemática Matemática Matemática Matemática Matemática Matemática Matemática Matemática Matemática Matemática Matemática Matemática Matemática Matemática Filosofia Filosofia Filosofia Filosofia Filosofia Filosofia Sociologia Sociologia Sociologia Sociologia Sociologia Sociologia Espanhol Espanhol Espanhol Espanhol Espanhol Espanhol

Questão / Di sci pl i na / Gabari to

GABARITO

(2)

RESOLUÇÕES E RESPOSTAS

PORTUGUÊS

QUESTÃO 1: Resposta E

Segundo o texto, o Congresso Nacional está infestado por parlamentares que sentenciam “obscurantismo, como novos profetas do atraso”. Neste contexto, o enunciador ressalta a atitude daqueles que não trabalham em nome da transparência, do esclarecimento, da publicidade de suas ideias e ações. Ao contrário, preferem o conchavo, os acordos em benefício próprio ou de grupos específicos, opondo-se a pautas consideradas mais progressistas. Trata-se de um modo arcaico de fazer política, que representa o atraso, agora transformado em discurso político – daí a expressão “novos profetas do atraso”.

Semana: 1 Aula: 1 a 3 Habilidade: 22

Setor: Gramática e Texto QUESTÃO 2: Resposta D

As metáforas que se espalham pelo texto, além de tornarem a discussão política mais concreta, mais palpável, constroem uma orientação argumentativa depreciativa: o enunciador revela sua oposição ao que está aconte- cendo no Congresso Nacional por meio da alegoria que ele criou. O investimento nesse recurso de linguagem, em nome da expressividade, é o que caracteriza a função poética.

Semana: 1 Aula: 1 a 3 Habilidade: 19

Setor: Gramática e Texto QUESTÃO 3: Resposta C

Ao comparar o ato solitário e secreto de votar com o confessionário (onde se expõem os pecados ao padre), o autor do texto elabora outra metáfora para tratar de política, mas evidentemente distante do campo semântico sobre ratos, instituído por ideias como passear pelo quintal, desratizar ou tocas.

Semana: 3 Aula: 7 a 9 Habilidade: 22

Setor: Gramática e Texto QUESTÃO 4: Resposta C

A progressão temporal que caracteriza o relato do desenvolvimento da atenção nos bebês é a marca mais im- portante para determinar que se trata de uma narração. Expressões como “No começo”, “Aos poucos” e “A partir de então” traçam uma sequência temporal que caracteriza textos narrativos.

Semana: 2 Aula: 4 a 6 Habilidade: 18

Setor: Gramática e Texto

TIPO

TA-3

P-1 – Terceirão Alfa

3

a

série

PROVA GERAL

(3)

QUESTÃO 5: Resposta A

A relação de similaridade entre a janela e o desenvolvimento da percepção do mundo pelos bebês se dá por meio de um verbo de ligação: A atenção é a janela. Por não haver conectivos de comparação (como, tal qual, assim, etc.), a figura presente é a metáfora, na qual os traços semânticos de um termo são transportados para o outro – neste caso, o de janela para o de atenção.

Semana: 3 Aula: 7 a 9 Habilidade: 22

Setor: Gramática e Texto QUESTÃO 6: Resposta E

O autor compara a uma viagem o complexo desenvolvimento da atenção e do sistema de recompensa pela obediência a estímulos. A metáfora que expressa essa relação de similaridade ajuda o texto a ganhar uma lin- guagem mais informal, mais expressiva e, portanto, mais significativa para o leitor.

Semana: 3 Aula: 7 a 9 Habilidade: 22

Setor: Gramática e Texto QUESTÃO 7: Resposta B

As ambiguidades estão descritas a seguir:

A) O ex-deputado responde, na Câmara, a vários inquéritos de corrupção. Inquéritos de corrupção na Câmara são respondidos pelo ex-deputado.

C) Ela pode estar se referindo a avaliação ou a pessoa.

D) O povo está exigindo dos senadores punição exemplar. Punição exemplar dos senadores está sendo exigida pelo povo.

E) O sujeito de demonstrou, estando elíptico, pode ser interpretado como o Presidente demonstrou, ou o Ministro da Justiça demonstrou.

Semana: 1 Aula: 1 a 3 Habilidade: 22

Setor: Gramática e Texto QUESTÃO 8: Resposta C

Esse texto está explorando dominantemente a função metalinguística, pois está usando a linguagem para fazer comentários sobre a própria linguagem.

Semana: 1 Aula: 1 a 3

Setor: Gramática e Texto QUESTÃO 9: Resposta B

O empregado disse – introdução por um verbo de dizer

• para o patrão – o vocativo (pessoa com quem se fala) passa a alguém de quem se fala

• ele – a primeira pessoa (eu) passa para a terceira (ele)

• havia – o presente (há) passa para o passado (havia)

• trabalhava – presente (trabalho) passa para passado (trabalhava)

• aquele dia/então/aquele momento – tempo presente (hoje) passa para passado (então)

• tinha cometido/cometera – perfeito 1a pessoa (cometi) passa para mais-que-perfeito (tinha cometido/come- tera)

Semana: 2 Aula: 4 a 6

Setor: Gramática e Texto QUESTÃO 10: Resposta C

A expressão chuva iô-iô é uma metáfora baseada na semelhança com o movimento do iô-iô, brinquedo que vai e volta, e que cria a conotação de chove e para. Subir e descer não é compatível com o fenômeno da chuva.

Semana: 2 Aula: 7 a 9

Setor: Gramática e Texto

(4)

QUESTÃO 11: Resposta E

O verbo crescer, mesmo não se aplicando a seres vivos, é usado também em sentido literal referindo-se a enti- dades não animadas. É literal por exemplo este sentido: cresceu o número de candidatos inscritos.

Semana: 2 Aula: 10 a 12

Setor: Gramática e Texto QUESTÃO 12: Resposta C

Esse texto contém comentários feitos de maneira direta por meio de palavras abstratas. Trata-se, pois, de um texto prototipicamente dissertativo.

Semana: 2 Aula: 4 a 6

Setor: Gramática e Texto QUESTÃO 13: Resposta C

O distanciamento da representação figurativa se manifesta no fato de que, embora fragmentada e com contor- nos difusos, a imagem sugere uma mão humana. O afastamento da figuratividade é próprio da arte moderna, que rompeu com os padrões acadêmicos de mimese como forma de renovar a expressão artística.

Semana: 4 Aula: 7 Habilidade: 27 Setor: Literatura

QUESTÃO 14: Resposta E

Por centrar-se na fala da personagem, que se dirige ao expectador sem a intermediação de um narrador, trata- -se de um texto dramático, ou seja, próprio da representação teatral. A temática trabalhada pelo texto é a dos conflitos internos do ser humano em relação ao drama frente à dúvida sobre se vale a pena viver.

Semana: 3 Aula: 5

Setor: Literatura

QUESTÃO 15: Resposta A

A alternativa correta faz com o texto II o que este faz com o texto I, isto é, descreve propriedades objetivas de sua estrutura. Nesse caso, o adjetivo formal aplicado a ele procura realçar sua adequação à norma culta do idioma. A mesma alternativa informa que, nele, domina o propósito de delimitar a relação entre o escritor e sua personagem. O erro essencial da alternativa B consiste em classificar a linguagem do texto II como inovadora;

o da alternativa C consiste em caracterizar a mesma linguagem como coloquial; o da D afirma que ela é literária;

e o da E a apresenta como sendo regionalista.

Semana: 3 Aula: 5 Habilidade: 16 Setor: Literatura

QUESTÃO 16: Resposta A

A ojeriza em relação ao trabalho, bem como a habilidade no manejo com os animais (o que demonstra esperte- za e sucesso nas suas intenções) fazem de Fulô um protótipo da figura do malandro. O narrador nutre explícita simpatia pelo rapaz, como se pode notar na afirmação final: “ficamos ótimos amigos”.

Semana: 2 Aula: 4 Habilidade: 16 Setor: Literatura

QUESTÃO 17: Resposta B

O poema de Manuel Bandeira se apresenta, no plano da forma, em redondilhas maiores (versos de sete sílabas poéticas). No plano temático, o poema idealiza um espaço onde o enunciador pode realizar suas aspirações de proximidade do poder, de realização sexual e de saúde física.

Semana: 2 Aula: 3 Habilidade: 16 Setor: Literatura

(5)

QUESTÃO 18: Resposta D

No texto de Augusto de Campos, a palavra Lixo é desenhada por meio de pequeninas palavras Luxo. Tal relação entre forma e conteúdo remete a uma visão crítica em relação à busca exagerada do luxo.

Semana: 2 Aula: 2 Habilidade: 12 Setor: Literatura

INGLÊS

QUESTÃO 19: Resposta D

A primeira afirmação é falsa: “deve-se sempre ter como foco textos habilmente construídos”. Na verdade, o texto afirma que “We posit that, like stone flakes, mundane conversational narratives of personal experience constitute the prototype of narrative activity rather than the flawed by-product of more artful and planned nar- rative discourse” – “Nós afirmamos que, assim como lascas de pedra, narrativas de conversas comuns sobre experiências pessoais constituem o protótipo de atividades narrativas em vez de subprodutos fracassados de um discurso narrativo mais artístico e planejado”.

A segunda afirmação é verdadeira: “ferramentas feitas com pedras grandes surgiram a partir de ferramentas de corte”. O texto afirma que “the flakes were the primary tools and that the large stone was an incidental by- -product, possibly a secondary tool. The flakes turned out to be ‘extremely effective cutting tools’” – “As lascas eram as ferramentas primárias e a pedra grande foi um subproduto acidental, possivelmente uma ferramenta secundária. As lascas foram então consideradas ‘ferramentas de corte extremamente eficientes’”.

A terceira afirmação é verdadeira: “narrativas elaboradas surgem de conversas informais”, pois o texto afirma que “mundane conversational narratives of personal experience constitute the prototype of narrative activity rather than the flawed by-product of more artful and planned narrative discourse” – “narrativas de conversas comuns sobre experiências pessoais constituem o protótipo de atividades narrativas ao invés de sub-produtos fracassados de um discurso narrativo mais artístico e planejado”.

A quarta afirmação é falsa, pois o texto não afirma que “quanto maior o produto, mais importante ele é”.

Compreensão de texto Habilidade: 6 e 7 Setor: Único

QUESTÃO 20: Resposta B

A alternativa B está correta, pois o texto afirma que “The work of archaeologist Nicholas Toth revolutionized the understanding of Stone Age tools” – “O trabalho do arqueólogo Nicholas Toth revolucionou a compreensão sobre as ferramentas da Idade da Pedra”.

Compreensão de texto Habilidade: 6 e 7 Setor: Único

QUESTÃO 21: Resposta C

A oração, em português, significa: “Os pesquisadores consideraram os flocos lascados como produtos resi- duais e os (os flocos lascados) examinaram em busca de informações sobre as técnicas usadas para moldar a ferramenta de núcleo de pedra”.

Semana: 1 e 2 Habilidade: 5 Setor: Único

QUESTÃO 22: Resposta A

A justificativa para a escolha da alternativa A pode ser encontrada no início do texto: “The heart of psychosocial care is to be found in the home and it is here that the main trust of external efforts to improve the wellbeing of vulnerable children must be directed” (a parte central do tratamento psicossocial deve ser encontrada em casa e é nela em que a confiança principal dos esforços externos para melhorar o bem-estar de crianças vulneráveis deve ser direcionada).

Compreensão de texto Habilidade: 7 e 8 Setor: Único

QUESTÃO 23: Resposta E

A conjunção however (entretanto) traz a ideia de oposição, contraste.

Compreensão de texto Habilidade: 5

Setor: Único

(6)

HISTÓRIA

QUESTÃO 24: Resposta A

O texto de Pierre Grimal ressalta a importância do personagem Aquiles para compreender a valorização do guerreiro na Grécia antiga.

Semana: 1 Aula: 1 Habilidade: 1 Setor: Único

QUESTÃO 25: Resposta A

A existência de um templo ou de um palácio no espaço central da cidade oriental é utilizada como referencial de seu modelo político teocrático, enquanto a Ágora aparece como um elemento que está associado ao modelo democrático de valorização da discussão pública.

Semana: 1 Aula: 2 Habilidade: 24 Setor: Único

QUESTÃO 26: Resposta D

O texto traz elementos do caráter naturalista da escultura grega em sua busca da perfeição na representação do corpo humano. Na alternativa D aparece a escultura Doríforo, de Policleto.

Semana: 1 Aula: 2 Habilidade: 5 Setor: Único

QUESTÃO 27: Resposta B

Na transição da Monarquia para a República, a elite patrícia promoveu a construção de um regime em que a figura do monarca desapareceu e o senado transformou-se no centro decisório dos rumos da cidade.

Semana: 2 Aula: 4 Habilidade: 12 Setor: Único

QUESTÃO 28: Resposta B

Durante o período medieval, a população cristã se concentrou nas regiões europeias de “florestas e várzeas” e o povo islâmico, nas regiões de “oásis em meio a deserto”. Assim, de acordo com o texto, além de constituírem suas economias e seus modos de vida influenciados por esses ambientes naturais, as duas populações usavam imagens extraídas desses ambientes (clareiras e oásis) para constituir suas identidades enquanto civilização, incluindo o importante aspecto cultural-religioso.

Semana: 2 Aula: 6 Habilidade: 1 Setor: Único

QUESTÃO 29: Resposta C

O texto traz indícios da importância feminina no âmbito das guerras medievais e ainda afirma a importância da mulher em outros cenários.

Semana: 2 Aula: 7 Habilidade: 1 Setor: Único

QUESTÃO 30: Resposta A

Segundo o texto, a morte, independentemente de sua posição social, atingiria a todos. A ideia é reforçada na xilogravura ao apresentar um clérigo e um nobre deparando-se com a morte.

Semana: 3 Aula: 7 Habilidade: 11 Setor: Único

(7)

QUESTÃO 31: Resposta D

Na Baixa Idade Média, o incremento das atividades artesanais e comerciais contribuiu para difundir valores associados ao acúmulo de riquezas em meio a uma sociedade marcada pela posse da terra como símbolo de poder e riqueza.

Semana: 3 Aula: 8 Habilidade: 9 Setor: Único

QUESTÃO 32: Resposta A

O texto de Tereza Queiroz, ao afirmar que o Renascimento “evoca a ideia de uma época dourada e de homens libertos dos constrangimentos sociais, religiosos e políticos do período precedente [...]”, traz indícios do quanto o artista renascentista almejava distanciar-se da Idade Média e aproximar-se da Antiguidade.

Semana: 3 Aula: 9 Habilidade: 2 Setor: Único

QUESTÃO 33: Resposta C

O documento 3, ao descrever a perspectiva presente no documento 1, estabelece relações com a produção contemporânea, presente no documento 2.

Semana: 3 Aula: 10 Habilidade: 3 Setor: Único

GEOGRAFIA

QUESTÃO 34: Resposta B

O Brasil apresenta uma parte do seu território no hemisfério norte, portanto localidades que apresentamlatitude norte. O território de Rondônia está localizado mais próximo da linha do equador do que e de Mato Grosso do Sul. Isso faz com que as localidades de Rondônia apresentem latitude menores do que as de Mato Grosso do Sul. Goiás está localizado a oeste da Bahia. Isso faz com as localidades de Goiás apresentem longitude maiores do que a das localidades da Bahia.

Semana: 4 Aula: 10

Habilidade: 6 e 26 Setor: Único

QUESTÃO 35: Resposta B

Os raios solares incidem de forma mais perpendicular sobre o trópico de Capricórnio quando se verifica a ocor- rência do solstício de inverno no hemisfério sul.

Semana: 2 Aula: 4 Habilidade: 27 Setor: Único

QUESTÃO 36: Resposta D

Quando o avião saiu de A às 12 horas de segunda-feira, na cidade B eram 16 horas, pois a diferença horária en- tre as duas cidades é de 4 horas. Portanto, depois de 6 horas de viagem, o avião chegou à cidade B às 22 horas.

Semana: 2 Aula: 5 e 6 Habilidade: 27 Setor: Único

QUESTÃO 37: Resposta C

O território brasileiro está dividido em três grandes complexos regionais: Amazônia, Nordeste e Centro-Sul. O Maranhão apresenta terras nos complexos regionais da Amazônia e do Nordeste e Minas Gerais, nos comple- xos regionais do Nordeste e do Centro-Sul.

Semana: 3 Aula: 7

Habilidade: 6 e 26 Setor: Único

(8)

QUESTÃO 38: Resposta D

A projeção utilizada na elaboração do mapa é a cilíndrica equivalente, de Arno Peter. Ela preserva as áreas pro- porcionais dos territórios representados; porém, distorce as formas.

Semana: 1 Aula: 2 e 3 Habilidade: 6 e 26 Setor: Único

QUESTÃO 39: Resposta C

A escala mostra a relação de proporção entre as dimensões no mapa e a extensão real da área que nele é representada. Dessa maneira, 1 cm no mapa corresponde à 25 000 000 cm na área representada. Assim, 9 cm equivale a 2 250 km.

Semana: 1 Aula: 2 e 3 Habilidade: 27 Setor: Único

QUESTÃO 40: Resposta E

A afirmação II está incorreta, porque a compreensão da paisagem e do espaço geográfico envolve a análise de aspectos relacionados com a dinâmica social e econômica.

Semana: 1 Aula: 1 Habilidade: 27 Setor: Único

QUESTÃO 41: Resposta D

A afirmação I está incorreta, pois as rochas ígneas ou magmáticas que se consolidam em profundidade são denominadas intrusivas ou plutônicas (como o granito). As rochas denominas vulcânicas são as rochas ígneas ou magmáticas que se consolidam na área superficial da crosta (como o basalto).

Semana: 4 Aula: 12 Setor: Único

QUESTÃO 42: Resposta B

A cidade de Teresina se localiza ao sul do equador, entre as latitudes 0º e 10º, que invalida as alternativas A (latitude 42º), C e D (latitude norte). Todo o território brasileiro se localiza a oeste de Greenwich, no hemisfério ocidental, o que invalida a alternativa E (longitude oriental)

Semana: 1 Aula: 2 e 3 Habilidade: 6 Setor: Único

QUESTÃO 43: Resposta A

O primeiro fuso horário brasileiro é o da latitude 30º oeste e abrange as ilhas oceânicas, entre elas, o arquipéla- go de Fernando de Noronha. Ele corresponde ao segundo fuso à oeste do fuso de Londres, daí apresentar duas horas de atraso em relação à Greenwich.

Semana: 2 Aula: 5 e 6 Habilidade: 27 Setor: Único

BIOLOGIA

QUESTÃO 44: Resposta A

As células procarióticas não apresentam endomembranas – membranas internas que formam organelas cito- plasmáticas e o envelope nuclear. A bactéria tem parede celular, membrana plasmática, hialoplasma e ribos- somos.

Semana: 1 Aula: 2 Habilidade: 17 Setor: A

(9)

QUESTÃO 45: Resposta B

A ribose e a glicose são monossacarídeos que não são hidrolisados, mas são absorvidos pelo sistema diges- tório. O amido é um polissacarídeo e a maltose, um dissacarídeo; ambos são hidrolisados e o produto da sua digestão é posteriormente absorvido. A celulose é um polissacarídeo estrutural que não sofre hidrólise no tubo digestório humano, mas estimula mecanicamente o processo digestivo.

Semana: 3 Aula: 5 Habilidade: 14 Setor: A

QUESTÃO 46: Resposta E

Todos os aminoácidos podem se ligar por ligações peptídicas, realizadas sempre entre o grupo ácido de um aminoácido e o grupo amino do outro aminoácido. Existem bilhões de tipos de proteínas diferentes nos seres vivos e as proteínas diferem entre elas pelo número, pelo tipo e pela sequência dos aminoácidos na cadeia polipeptídica.

Semana: 4 Aula: 7 Habilidade: 14 Setor: A

QUESTÃO 47: Resposta D

Cada enzima tem uma ação específica e não se transforma em outro tipo de enzima. A análise do gráfico mostra que a velocidade máxima de reação é igual para as duas enzimas. Para a enzima 1, a temperatura que inicia a desnaturação está acima de 40 ºC, enquanto a enzima 2 é termorresistente, provavelmente de uma bactéria que vive em fontes termais, e sua desnaturação começa em temperaturas acima de 80 ºC.

Semana: 4 Aula: 8 Habilidade: 17 Setor: A

QUESTÃO 48: Resposta D

A maior parte do peso seco de um vegetal é constituída por moléculas de celulose, um carboidrato; além disso, a principal substância de reserva alimentar vegetal é o amido, outro carboidrato. Animais apresentam grande parte de sua massa corporal constituída por músculos, formados principalmente por proteínas.

Semana: 4 Aula: 7 Habilidade: 14 Setor: A

QUESTÃO 49: Resposta D

Lagarta de mariposa é herbívora, alimenta-se das folhas da palmeira, e, portanto, é consumidora primária, ou de primeira ordem. Palmeira é um vegetal produtor de matéria orgânica por meio da fotossíntese e, assim, constitui o primeiro elo de uma cadeia alimentar. Além disso, algas que eventualmente estejam presentes no meio terrestre não são decompositoras e, sim, produtoras de matéria orgânica. A ave jacu é consumidora de primeira ordem, ou consumidor primário, uma vez que se alimenta de derivados de vegetais, sejam fragmentos de mamão ou restos de cascas de banana, ambos produtores de matéria orgânica por fotossíntese. O sabiá atua como consumidor de primeira ordem ao se alimentar de fragmentos de frutas e como consumidor secundário ao se alimentar de lagartas que consomem folhas de palmeira. Assim, o gavião que se alimentou de sabiá, nesse caso, atua respectivamente como consumidor de segunda ordem e consumidor de terceira ordem, con- siderando, sempre, os possíveis níveis tróficos ocupados pelo sabiá.

Semana: 1 Aula: 1 e 2

Habilidade: 14 e 17 Setor: B

(10)

QUESTÃO 50: Resposta D

Segundo a opinião dos cientistas que realizaram o estudo, a interação entre as duas espécies de árvores, por beneficiar ambas as espécies caracteriza o mutualismo. Predação e parasitismo envolvem prejuízo para uma das espécies, o que não ocorreu, de acordo com as informações do texto. Inquilinismo é um tipo de comensa- lismo, no qual apenas uma das espécies é beneficiada e a outra não é beneficiada nem prejudicada.

Semana: 3 e 4 Aula: 6 e 7

Habilidade: 14 e 17 Setor: B

QUESTÃO 51: Resposta C

Sucessão ecológica é conhecido evento no qual há uma sequência temporal de alterações na composição de comunidades em determinados ambientes, sujeitos, de maneira geral, a modificações causadas por fatores naturais ou antrópicos. No caso, descreve-se no texto a sucessão ecológica secundária, que, eventualmente, pode ocorrer em áreas anteriormente dotadas de florestas e que, por vários fatores, sobretudo os relacionados a necessidades da agropecuária, foram sujeitas a desmatamentos. Espécies que, conforme relata o texto, inau- guram esse evento ecológico são denominadas espécies pioneiras.

Semana: 4 Aula: 8

Habilidade: 14 e 28 Setor: B

QUESTÃO 52: Resposta C

A correlação exata entre os eventos verificados no ciclo biogeoquímico do carbono e o esquema proposto está relacionada na alternativa C.

Semana: 2 Aula: 3 e 4

Habilidade: 17, 14 e 28 Setor: B

QUESTÃO 53: Resposta A

IV. Incorreta: As bactérias decompositoras transformam os resíduos nitrogenados orgânicos em amônia.

V. Incorreta: O nitrito e o nitrato não são utilizados para a produção de amônia, podendo servir à síntese de aminoácidos, por exemplo.

Semana: 2 Aula: 3 e 4

Habilidade: 17, 14 e 28 Setor: B

FÍSICA

QUESTÃO 54: Resposta A

A esfera é lançada verticalmente para cima, sobe até atingir a altura máxima, que vale 5 m no instante 1 s. A partir desse instante, o movimento é de queda, até retornar ao ponto inicial 2 s após o lançamento.

Comentários sobre as alternativas:

A) Correta. A altura máxima atingida pela esfera é 5 m.

B) Incorreta. Se assim fosse, não subiria.

C) Incorreta. As alturas são iguais porque a esfera passa duas vezes pelo mesmo ponto: uma vez na subida e outra na descida.

D) Incorreta. No instante 0,2 s, a esfera está na altura 1,8 m, e, no instante 0,4 s, está na posição 3,2 m; logo, a diferença é de 1,4 m.

E) Incorreta. Por exemplo, entre os instantes 0,4 e 0,6, a esfera se desloca 1,0 m enquanto entre os instantes 0,6 e 0,8 se desloca 0,6 m.

Semana: 2 Aula: 4 Habilidade: 17 Setor: A

(11)

QUESTÃO 55: Resposta E

De acordo com o enunciado, o avião parte do repouso e o gráfico da velocidade em função do tempo é uma reta passando pela origem. Com essas informações, construímos o gráfico da velocidade em função do tempo.

Pela área sob o gráfico, obtemos o deslocamento (∆S)

∆S 5 1

2 ? 44 ? 66

∆S 5 1 452 m Semana: 2 Aula: 4 Habilidade: 2 Setor: A

QUESTÃO 56: Resposta C

O valor do espaço (S) no instante t 5 0,5 s é S(0,5) 5 0,2(0,5)2 5 0,05 m

O valor do espaço (S) no instante t 5 1,5 s é S(1,5) 5 0,2(1,5)2 5 0,45 m

O deslocamento no intervalo 0,5 a 1,5 s é

∆S0,5→1,5 5 0,45 2 0,05

∆S0,5→1,5 5 0,40 m Semana: 2

Aula: 4 Habilidade: 17 Setor: A

QUESTÃO 57: Resposta B

Se y é uma função de x, que representamos por y 5 f(x), a taxa de variação da grandeza y em relação a x é o quociente:

Taxa de variação 5 Δy Δx

A questão se refere à taxa de variação da distância em relação ao tempo. Portanto, sendo D a distância entre os veículos:

D 5 |Sb 2 Sa| 5 |200 1 12t 2 20t|

D 5 |200 2 8t|

Como, no intervalo de tempo 0 t 25 s, 200 2 8 t 0, o módulo é dispensável, e, portanto:

D 5 200 2 8 t

A taxa de variação da distância D em função do tempo é:

Taxa de variação 5 ΔD

Δx 5 28 m/s Semana: 4

Aula: 7 Setor: A

v (m/s)

t (s) 44

66

(12)

QUESTÃO 58: Resposta E

Se a velocidade aumenta 0,8 m/s em cada segundo, em 5 segundos a velocidade aumenta 5 ? 0,8 5 4 m/s. Com essa informação podemos completar o gráfico:

O deslocamento pode ser obtido pela área.

A área do trapézio vale:

A 5 base menor 1 base maior

2 ? altura

Logo,

DS 5 10 1 14 2 ? 5 DS 5 60 m Semana: 4 Aula: 8 Setor: A

QUESTÃO 59: Resposta C 1a posição

Por semelhança de triângulos D

x 5 H

4 ⇒ H ? x 5 4D (I) 2a posição

D 2 50 x 5 H

6 ⇒ H ? x 5 6D 2 300 (II) De I e II, segue:

4D 5 6D 2 300 ∴ D 5 150 m Semana: 1

Aula: 2 Habilidade: 6

10 14

5 V (m/s)

t (s)

D 5 ? H

x

4 cm

D 2 50 H

x

6 cm

(13)

QUESTÃO 60: Resposta A

A partir da imagem final, formada por E2, podemos determinar o seu objeto (que é a imagem que E1 forma do escudo).

A partir da imagem formada por E1 (que é o objeto para E2), podemos determinar a posição correta do objeto (escudo do Flamengo).

Semana: 2 Aula: 4 Habilidade: 6 Setor: B

QUESTÃO 61: Resposta B

A imagem formada pelos espelhos esféricos, a partir de um objeto real, deve respeitar as seguintes caracterís- ticas:

• Imagem virtual é direita em relação ao objeto.

• Imagem real é invertida em relação ao objeto.

Entre o objeto e sua respectiva imagem, o elemento mais afastado do espelho apresenta maiores dimensões.

Além disso, o espelho esférico côncavo é capaz de conjugar imagem virtual direita e maior.

Apenas o elemento C reúne todas essas características.

Semana: 3 Aula: 6 Habilidade: 6 Setor: B

QUESTÃO 62: Resposta B

1) Ao incidir radialmente sobre uma superfície esférica, o raio luminoso é refratado sem apresentar desvio.

Logo, a primeira refração (do ar para o vidro ocorre sem desvio).

2) Ao sair para o ar, o raio está passando do meio mais refringente para o menor refringente, afastando-se da normal (linha tracejada).

Semana: 4 Aula: 8 Habilidade: 6 Setor: B

E2

E1

(14)

QUESTÃO 63: Resposta A

A figura mostra a trajetória do raio de luz ao atravessar a esfera de vidro.

Aplicando a lei de Snell no ponto P:

sen θ

sen 60º 5 nar nvidro sen θ

3 2

5 1

6 2 sen θ 5 2

2

θ 5 45º

O triângulo ACˆP é isósceles. Então:

2θ 1 α 5 180º 2(45º) 1 α 5 180º

⇒ α 5 90º Semana: 4

Aula: 8 Habilidade: 6 Setor: B

QUÍMICA

QUESTÃO 64: Resposta C

O número de prótons Z define o elemento químico (oxigênio). Logo, esses átomos têm o mesmo número atô- mico: Z 5 8. Como se trata de átomos neutros, a quantidade de elétrons é igual a de prótons: Z 5 E 5 8.

Semana: 2 Aula: 3 Habilidade: 24 Setor: A

QUESTÃO 65: Resposta E Teremos:

40Zr41 → 40 prótons, 36 elétrons.

5B → 1s22s22p1 (3 elétrons na camada de valência) Semana: 2

Aula: 4 Habilidade: 24 Setor: A

QUESTÃO 66: Resposta D

A única substância simples (formada por um elemento), diatômica (formada por dois átomos), que é constituída por átomos do grupo 16 da tabela periódica é o gás oxigênio (O2).

Semana: 3 Aula: 6 Habilidade: 18 Setor: A

60No P

N A

vidro ar u a

u

(15)

QUESTÃO 67: Resposta D

Dos cátions apresentados, apenas K1 e Ca21 têm 3 camadas eletrônicas completas. Logo devem ter raios maio- res. Como o Ca21 perdeu um maior número de elétrons, seu raio deve ser menor. Logo, o K1 tem maior raio, pois apresenta maior número de camadas e perdeu menos elétrons.

Semana: 4 Aula: 7 Habilidade: 18 Setor: A

QUESTÃO 68: Resposta A

O metal alcalino terroso do terceiro período é o magnésio e deve perder 2 elétrons para se estabilizar. O ha- logênio do segundo período é o flúor, que precisa receber apenas 1 elétron para completar 8 elétrons em sua camada de valência.

A ligação entre um metal (alcalino terroso) e um ametal (halogênio) forma uma ligação iônica.

Mg21 1 F2 → MgF2

Semana: 4 Aula: 8 Habilidade: 24 Setor: A

QUESTÃO 69: Resposta D

O ar atmosférico pode ser considerado uma mistura heterogênea quando se considera a presença de partículas sólidas, como fuligem e pólen.

Semana: 1 Aula: 2 Habilidade: 25 Setor: B

QUESTÃO 70: Resposta C

A mistura de NaCl e areia é heterogênea, sendo que um dos sólidos (NaCl) apresenta alta solubilidade em água, enquanto a areia não. Dessa forma, é possível utilizar o processo de dissolução fracionada por adição da água seguida de filtração, retirando, então, a areia. A água é finalmente evaporada, restando o cloreto de sódio sólido.

Semana: 2 Aula: 4 Habilidade: 18 Setor: B

QUESTÃO 71: Resposta A

As etapas 1, 2 e 3 são floculação, decantação e filtração, respectivamente.

www.novoguiabarretos.com/paginas/nossa%20agua.html. Adaptado

Semana: 2 Aula: 4 Habilidade: 19 Setor: B

Represa

Distribuição

Decantação

1 2 3

Floculação

Filtração

Reservatório dos Bairros Reservatório

Água Final Bombeamento

Cloro Cal

CalCloro Flúor Carvão Areia Cascalho Sulfato de Alumínio

(16)

QUESTÃO 72: Resposta B

Como o mercúrio é liquido e o ouro é sólido, deve-se volatilizar o mercúrio para separá-los. Para evitar a conta- minação, deve-se condensa-lo, processo semelhante à destilação.

Semana: 2 Aula: 4 Habilidade: 25 Setor: B

QUESTÃO 73: Resposta B

A quantidade recomendada é o dobro de 500 mg por dia, ou seja, 1 000 mg de cálcio por dia, então:

1 000 mg 5 1 000 ? 1023 5 1 g

40 g de cálcio 6 ? 1023 átomos de Ca 1 g de cálcio nCa

nCa 5 0,15 ? 1023 5 1,5 ? 1022 átomos de cálcio Semana: 4

Aula: 8 Habilidade: 17 Setor: B

MATEMÁTICA

QUESTÃO 74: Resposta A

Somando as frações, chegamos a:

u

v ? w 1 v

u ? w 1 w

u ? v 5 u2 1 v2 1 w2

u ? v ? w 5 u2 1 v2 1 w2 135

Para determinar o valor de u2 1 v2 1 w2, podemos elevar ambos os membros da igualdade u 1 v 1 w 5 17 ao quadrado, chegando a:

(u 1 v 1 w)2 5 172 [(u 1 v) 1 w]2 5 289 ∴

(u 1 v)2 1 2 ? (u 1 v) ? w 1 w2 5 289

u2 1 2 ? u ? v 1 v2 1 2 ? u ? w 1 2 ? v ? w 1 w2 5 289 ∴ u2 1 v2 1 w2 5 289 2 2 ? (u ? v 1 u ? w 1 v ? w) ∴ u2 1 v2 1 w2 5 289 2 2 ? 87 ∴

u2 1 v2 1 w2 5 115 Assim, temos:

u

v ? w 1 v

u ? w 1 w

u ? v 5 u2 1 v2 1 w2 135 5 115

135 5 23 27 Semana: 2

Aula: 3 e 4 Setor: A

QUESTÃO 75: Resposta C Fatorando a expressão, temos:

2x3 2 20x2 1 50x 5 2x ? (x2 2 10x 1 25) 5 2x ? (x 2 5)2

Para x 5 105, chegamos a:

2 ? 105 ? (105 2 5)2 5 210 ? 1002 5

210 ? 104 5 2,1 ? 106 Semana: 2 Aula: 3 e 4 Setor: A

(17)

QUESTÃO 76: Resposta D

Digamos que cada litro da substância “Z” tem uma massa de m quilogramas. Assim, dois litros de “Z” pesam 2m quilogramas e, meio litro de “Z”, 0,5m quilogramas.

Logo, do enunciado, temos que:

2m 5 2 1 0,5m ∴ 1,5m 5 2

Assim, um litro e meio da substância “Z” pesam 1,5m quilogramas, ou seja, 2 kg.

Semana: 4 Aula: 7 e 8 Habilidade: 21 Setor: A

QUESTÃO 77: Resposta C

O custo de fabricar uma peça com moldagem manual é de 4 ? 17 1 40 5 R$ 108,00

Sendo v o valor da hora de trabalho do técnico B, o custo de fabricar uma peça com impressora 3D é:

3 ? v 1 12

Para que a fabricação da peça seja mais cara com impressora 3D:

3v 1 12 > 108 ∴ v > 32

Semana: 3 Aula: 6 Habilidade: 21 Setor: A

QUESTÃO 78: Resposta D

Em relação à linha anterior, ambos os membros foram elevados ao quadrado para se obter a igualdade (I), e isso pode ser feito independentemente do valor de a. Em seguida, subtraiu-se 12 de ambos os membros de (I), obtendo-se (II). Isso também pode ser feito independentemente do valor de a.

De (II) para (III), foi fatorada a diferença de quadrados do primeiro membro, procedimento que também está correto para qualquer valor de a.

Porém, de (III) para (IV), foi feita a divisão de ambos os membros por (a 2 1). Como a 5 1, temos a 2 1 5 0 e, portanto, essa passagem está incorreta. Assim, a igualdade (IV) é a primeira que mostra um erro cometido em relação à igualdade anterior.

Note que, apesar da igualdade a 1 1 5 0, exibida em seguida de (IV), ser falsa, a passagem de subtrair 1 de ambos os membros, obtendo (V), está correta.

Semana: 3 Aula: 5 Setor: A

QUESTÃO 79: Resposta C

Sejam CA e CB, respectivamente, o número de candidatos provenientes das universidades A e B. Do enunciado, temos:

CA 1 CB 5 50 (I)

Considerando que cada CA candidatos participa de 6 rodadas, são feitas 6CA rodadas ao todo; por outro lado, considerando que cada CB candidato participa de 4 rodadas, são feitas 4CB rodadas no total.

Como cada rodada sempre tem um membro de cada universidade, temos:

6CA 5 4CB CA 5 2CB

3 (II)

Substituindo (I) em (II), chegamos a:

2CB

3 1 CB 5 50 CB 5 30

Semana: 4 Aula: 7 e 8 Habilidade: 21 Setor: A

(18)

QUESTÃO 80: Resposta E

Notando que a expressão fornecida é um trinômio quadrado perfeito, temos:

(5x 1 32)2

9 1 2 ? (5x 1 32)

3 ? x 1 x 5

(

5x 31 32

)

2 1 2 ?

(

5x 1 323

)

? x 1 (x)2 5

(

5x 31 32

)

1 x 2 5

(

8x 31 32

)

2

Como x 5 π, chegamos a:

(

8x 31 32

)

2 5

(

8π 1 323

)

2

Semana: 2 Aula: 3 e 4 Setor: A

QUESTÃO 81: Resposta D

Sendo A, B e C os vértices do triângulo isósceles, temos as possibilidades:

AB 5 AC 5 8: nesse caso, o lado BC é tal que 8 1 8 1 BC 5 26, ou seja, BC 5 10;

AB 5 AC e BC 5 8: nesse caso, o lado AB é tal que AB 1 AB 1 8 5 26, ou seja, AB 5 9.

Assim, temos que um de seus lados pode medir 9 cm.

Semana: 1 Aula: 2 Setor: B

QUESTÃO 82: Resposta B

O ângulo interno de um pentágono regular mede 540º

5 . Assim, o ângulo interno do polígono determinado pela parte interna do colar mede 360º 2 108º 2 108º 5 144º e, consequentemente, o ângulo externo desse polígono mede 180º 2 144º 5 36º. Como a soma dos ângulos externos de um polígono vale 360º, então serão necessários 360º

36º 5 10 placas no formato de pentágonos regulares.

Semana: 2 Aula: 3 Setor: B

QUESTÃO 83: Resposta B

O triângulo ABD é isósceles com base AD e o triângulo BED é isósceles com base EB. Além disso, os ângulos EBˆD e DBˆC têm as mesmas medidas. Assim, sendo x a medida pedida, temos:

No triângulo BDE, obtemos x 1 2x 1 2x 5 180º e, portanto, x 5 36º.

Semana: 1 Aula: 2 Setor: B

A B C

D

E

x 2x 2x

2x

x

(19)

QUESTÃO 84: Resposta B

Traçando a corda BE, temos a figura abaixo, na qual:

ABˆE 5 ACˆE 5 β, pois estão inscritos a um mesmo arco.

BEˆD é ângulo externo do triângulo PBE; logo, BEˆD 5 α 1 β Como BEˆD está inscrito no arco BCD, BEˆD 5 BCD

2 ; logo, α 1 β 5 110º

2 , α 1 β 5 55º

Semana: 2 Aula: 4 Habilidade: 7 Setor: B

QUESTÃO 85: Resposta E

Traçando a reta AH paralela a BF, obtemos os triângulos semelhantes ACG e AEH.

GD 5 HF 5 AB 5 4; logo, CG 5 8 e EH 5 EF 2 4 Da semelhança entre os triângulos, temos:

EF 2 4 8 5 15

6 EF 2 4

8 5 5 2 2EF 2 8 5 40

2EF 5 48 EF 5 24

Semana: 4 Aula: 8 Habilidade: 8 Setor: B

A B

C

D E

b P b

a 1b

a 110o

A

C D

E F

B r

s

t 15

9 6

8 4

4 H 4

EF 2 4 G

(20)

QUESTÃO 86: Resposta: C

Da figura e do enunciado dados, temos as medidas assinaladas:

No triângulo ABC, temos, pelo ângulo externo, que 2b 5 2a 1 60º, ou seja, b 2 a 5 30º. Já no triângulo BCD, temos, pelo ângulo externo, que b 5 x 1 a, ou seja, b 2 a 5 x. Logo, devemos ter x 5 30º.

Semana: 1 Aula: 2 Setor: B

QUESTÃO 87: Resposta D

Supondo que todos os marceneiros tenham a mesma carga horária de trabalho, temos as seguintes produtivi- dades média:

1 marceneiro: 3 1 5 3;

2 marceneiros: 7 2 5 3,5;

3 marceneiros: 11 3 ø 3,6;

4 marceneiros: 15 4 5 3,75;

5 marceneiros: 17 5 5 3,4.

Logo, a produtividade média é máxima quando trabalham 4 marceneiros.

Semana: 2 Aula: 2 Setor: C

QUESTÃO 88: Resposta E O tempo pedido é dado por 6411

2 048 5 (26)11 211 5 266

211 5 255 minutos.

Note-se que esse tempo é superior a 4 séculos (4 ? 223 5 225 minutos).

Assim, o YouTube atingirá sua capacidade máxima de armazenamento em mais de 4 séculos.

Semana: 1 Aula: 1 Habilidade: 4 Setor: C

QUESTÃO 89: Resposta A

Se a dosagem recomendada é de 2 µg por quilograma para cada minuto do tratamento, então um paciente de 80 kg que será tratado por 5 h, isto é, 300 minutos, deverá receber, em µg,

2 ? 80 ? 300 5 48 000

Como 48 000 µg equivalem a 48 mg e cada frasco de norepinefrina contém 8 mg, serão necessários 6 frascos.

Semana: 3 Aula: 3 Setor: C

A

B C E

D 60o

a a

b b

x

(21)

QUESTÃO 90: Resposta D

Sendo B o número de novas pessoas que ficam sabendo do boato na semana, P o número de pessoas que já conhecem o boato no início da semana e 1 000 2 P o número de pessoas da população que não conhecem o boato no início da semana, temos uma constante k tal que

B 5 k ? P ? (1 000 2 P)

Da tabela, temos B 5 210 e P 5 300. Substituindo na equação anterior, obtemos:

210 5 k ? 300 ? (1 000 2 300) ⇒ k 5 1 1 000 Logo,

B 5 1

1 000 ? P ? (1 000 2 P)

No início da semana (N 1 1), o número de pessoas que já conhecem o boato aumenta para 300 1 210 5 510.

Assim, temos P 5 510 e, portanto, o número pedido é dado por B 5 1

1 000 ? 510 ? (1 000 2 510) ∴ B ø 250 Semana: 3

Aula: 3 Habilidade: 16 Setor: C

(22)

DISCIPLINAS COMPLEMENTARES

FILOSOFIA

QUESTÃO 91: Resposta C

Protágoras pertence ao grupo dos sofistas. Esses pensadores e professores de retórica caracterizavam-se pelo seu relativismo. É de Protágoras a máxima “O homem é a medida de todas as coisas”, segundo a qual as “ver- dades” do mundo não têm existência autônoma. Por isso, prioriza-se, de acordo com os sofistas, uma diversi- dade de entendimentos.

Semana: 2 Aula: 2 Habilidade: 1

QUESTÃO 92: Resposta A

Parmênides defendia que o único caminho para a verdade era a busca pelo ser, rejeitando a tese de que tudo é passageiro, mutável, ou seja, não ser. Assim, o pensamento equivale a tudo o que é, o que permanece, sendo incapaz de expressar o não ser.

Semana: 2 Aula: 2 Habilidade: 1

QUESTÃO 93: Resposta C

Como indica o texto, Aristóteles considerava que a experiência sensível tinha um papel muito importante no conhecimento. Isso representa uma negação da teoria das ideias de Platão, segundo a qual o conhecimento é obtido por meio da contemplação intelectual das ideias, essências imutáveis, e os sentidos representam a aparência e o engano.

Semana: 4 Aula: 4 Habilidade: 1

QUESTÃO 94: Resposta B

No diálogo, Sócrates diferencia as pessoas que admiram as coisas belas, como uma bela voz, daquelas que contemplam a beleza em si, ou seja, a essência da beleza ou a ideia de beleza. Essa diferenciação, em Platão, define a filosofia, já que esta tem como objeto não as coisas particulares e sensíveis, que são transitórias, e sim as essências, que são eternas.

Semana: 3 Aula: 3 Habilidade: 1

QUESTÃO 95: Resposta D

Segundo os autores, a poesia homérica já antecipava a busca filosófica pelas causas e razões, que depois apareceria como uma busca pelo princípio natural das coisas. Isso porque, além de narrar os eventos, o texto homérico também revelava uma pesquisa sobre as causas e razões dos acontecimentos.

Semana: 1 Aula: 1 Habilidade: 1

SOCIOLOGIA

QUESTÃO 96: Resposta E

O desenvolvimento da Antropologia identificou como fenômeno comum nas comunidades humanas desde os seus primórdios o etnocentrismo. São etnocêntricas as posturas que propagam a ideia de que tal ou qual grupo humano é o único portador dessa característica ou o primeiro dentre todos os existentes, negando a hu- manidade de outros indivíduos ou considerando-os sub-humanos e inferiores. O etnocentrismo se manifestou independentemente de graus variados de “civilização” das sociedades, como, por exemplo, no eurocentrismo por séculos de expansão mundo afora; não raras vezes dando origem a discriminações racistas.

Semana: 1 Aula: 1 Habilidade: 11

Imagem

Referências

temas relacionados :