• Nenhum resultado encontrado

Metalurgia do Pó

N/A
N/A
Protected

Academic year: 2022

Share "Metalurgia do Pó"

Copied!
18
0
0

Texto

(1)

Metalurgia do Pó

• A metalurgia do pó, também chamada sinterização, é o ramo da indústria metalúrgica que se dedica à produção de peças a partir de pós metálicos e não- metálicos, sem recorrer a fusão, mas apenas pelo emprego de pressão e calor.

• Onde for preciso produzir grandes quantidades de peças, de formas complexas, sempre haverá espaço para a metalurgia do pó.

(2)

Metalurgia do Pó

(3)

Metalurgia do Pó

• Você consegue imaginar quantas operações seriam necessárias para produzi-las pelos processos convencionais de usinagem?

• É capaz de avaliar quanto cavaco seria gerado?

Acha que seria possível produzir 2.000 peças iguais a qualquer uma dessas, por dia?

• Quantas pessoas e máquinas seriam necessárias para dar conta da encomenda?

(4)

Metalurgia do Pó

Resposta:

• A metalurgia do pó é uma alternativa que torna possível esta produção com uma única prensa e um operador, com o máximo aproveitamento da matéria-prima (processo econômico). O resultado é um produto com a forma desejada, bom acabamento de superfície, composição química e propriedades mecânicas controladas.

(5)

Metalurgia do Pó

Etapas do Processo:

O processo de produção da metalurgia do pó envolve três etapas fundamentais: a obtenção dos pós, a compactação e a sinterização propriamente dita.

Sinterização: Operação de aquecimento realizada em condições controladas de temperatura, tempo e atmosfera.

Os métodos de obtenção podem ser mecânico, químico, físico e físico-químico. Dependendo das características desejadas do grão, mais de um método pode ser empregado sucessivamente.

(6)

Metalurgia do Pó

(7)

Metalurgia do Pó

A atomização é um dos métodos físicos mais usados.

(8)

Metalurgia do Pó

O metal fundido é vazado por um orifício, formando um filete líquido que é bombardeado” (pulverizado) por jatos de ar, de gás inerte ou de água, onde ocorre o resfriamento.

Depois, o pó é recolhido, reduzido, peneirado e está pronto para ser usado.

Nota: A espessura do filete, a pressão do fluido utilizado, as formas do conjunto de atomização, a configuração do bocal de atomização e o tipo de atomização

determinam o tamanho e forma das partículas do material pulverizado.

(9)

Metalurgia do Pó

Eletrólise:

É um método físico-químico utilizado, principalmente para a produção de pós de cobre.

O metal, na forma sólida, é colocado num tanque e dissolvido numa solução eletrolítica, na qual passa uma corrente elétrica.

Nota: Os pós obtidos por esse processo apresentam elevado grau de pureza.

Depois de recolhida do tanque de eletrólise, a massa de pó, em forma de lama, é neutralizada, secada , reduzida e classificada por peneiramento.

(10)

Metalurgia do Pó

Moagem:

É um dos métodos mecânicos mais usados para obtenção de pós.

Em geral, ela é feita num equipamento chamado moinho de bolas, que consiste num tambor rotativo contendo esferas metálicas de material resistente ao desgaste. Quando o tambor gira, as esferas chocam- se umas contra as outras, desintegrando gradativamente o material que se encontra no interior do tambor.

(11)

Metalurgia do Pó

(12)

Metalurgia do Pó

Corrosão:

É um método químico para obtenção de pós.

A corrosão produz a oxidação do metal pelo ataque de ácidos ou bases.

Redução:

É um outro método químico para obtenção de pós.

A redução de óxidos metálicos se dá pelo emprego de hidrogênio ou monóxido de carbono.

(13)

Metalurgia do Pó

Mistura dos Pós:

A mistura do pó é feita em moinhos de bolas, misturadores de pás ou de rolos, homogeneizadores, etc.

Objetivos: misturar pós de natureza diferente, assegurar lotes de pós uniformes e produzir lotes com tamanhos de partículas específico.

(14)

Metalurgia do Pó

Compactação dos Pós:

• Nesta etapa, uma quantidade predeterminada de pó é colocada na cavidade de uma matriz montada em uma prensa de compressão, que pode ser mecânica ou hidráulica. A compactação ocorre por deslocamentos simultâneos dos punções superior e inferior, à temperatura ambiente.

(15)

Metalurgia do Pó

(16)

Metalurgia do Pó

Após a compactação, a peça é chamada de

“compactado verde”. A consistência do compactado verde faz lembrar a de uma paçoca de amendoim, que deve ser manuseada com cuidado para não se quebrar.

A densidade e a resistência são duas características importantes nesta etapa, pois influenciam as propriedades mecânicas da peça final.

Nota: A zona neutra é a região do compactado verde em que as partículas menos sofreram a ação das forças de compactação.

(17)

Metalurgia do Pó

(18)

Metalurgia do Pó

Matriz:

• São confeccionadas com aço indeformável de alto carbono e alto cromo, temperado e revendo revestidas de cromo duro ou fabricadas com núcleo de metal duro.

• Tem elevado custo devendo produzir grandes quantidades de peças para serem economicamente vantajoso.

Referências

Documentos relacionados

Essa articulação dos capitais e seus ativos e passivos pode contribuir para a formulação de políticas públicas direcionadas à EC para cada capital na cidade de Bento

No Brasil, a ofensiva se materializou com a pressão para adotar um ajuste fiscal de caráter ortodoxo e pela realização de contrarreformas destinadas a

[9] Enfim, a visão de que o crescimento do PIB é condição necessária, mas não suficiente para garantir a pujança econômica de determinado país é a consciência mundial

Mais de 130 obras (pintura, escultura e artes decorativas) vindas de várias instituições nacionais e internacionais, como os museus do Prado e de Bellas Artes de Sevilha, o

Durante 2012 os negócios de embalagem e comunicação visual continuaram a aumentar o seu peso, contribuindo já com 31,0% da geração de resultados do Grupo (18,9% em 2011). Estas

O presente trabalho faz parte de um amplo projeto de pesquisa envolvendo o ciclo de produção do biodiesel. A torta gerada após a extração do óleo dos frutos e das

De acordo com esta pesquisa, confirmou-se o que a literatura tem relatado: existe uma associação dos diversos fatores etiológicos e causais que desenvolvem a lesão cervical

Na ocasião, foram entrevistados pelas promotoras, além dos internos da ATP, as internas do Presidio Feminino do Distrito Federal (PFDF) que possuem transtorno mental. E