ontato MÃES DE VERDADE O AMOR É A RESPOSTA O maior recurso dos pais UMA VIDA DUPLAMENTE ABENÇOADA Reflexões de uma filha O que isso signifíca?

Texto

(1)

MUDE SUA VIDA — MUDE O MUNDO

MÃES DE VERDADE

O que isso signifíca?

O AMOR É A RESPOSTA

O maior recurso dos pais

UMA VIDA DUPLAMENTE ABENÇOADA

Reflexões de uma filha

ontato

(2)

con ta to p e ssoal

Contamos com uma vasta gama de livros, CDs, vídeos, fitas de áudio e outros produtos para alimentar sua alma, enlevar seu espírito, fortalecer sua família e proporcionar momen- tos divertidos de aprendizagem para os seus filhos.

Se estiver interessado, por favor, entre em contato com

o distribuidor abaixo, ou visite o nosso site: www.contato.org.

Endereço:

Contato Cristão Caixa Postal 66345 São Paulo - SP CEP 05311-970

Telefone/Fax — Ligação Gratuita 0800-557772

e-mail: revista@contato.org Editor:

Mário Sant’Ana Diagramação:

Elias Gabriel dos Santos Produção:

Francisco Lopez Tradução:

Mário Sant´Ana e Hebe Rondon Salvo outra indicação, todos os versículos bíblicos são da Bíblia ECA (Edição Contemporânea Almeida) VOL. 4, 5A EDIÇÃO

Maio de 2003

© 2003 Aurora Production AG Todos direitos reservados Impresso no Brasil

www.auroraproduction.com www.contato.org

www.afamilia.org

Você já ouviu ou leu uma frase e desejou que você a tivesse dito? Foi o que acon- teceu durante a seleção do material para a Contato deste mês, que é um tributo às mães. Ian Bach disse sobre a mãe dele exatamente o que eu diria sobre a minha.

Referindo-se cada um à própria mãe, muitos provavelmente fariam coro com ele e por um bom motivo: ainda que elas sejam uma das dádivas universais de Deus, Ele consegue dar um jeito de encontrar, dentre os bilhões de mães que existem, a melhor para cada um de nós. Obrigado, Ian!

A MELHOR MÃE DO MUNDO Ian Bach

De certo me diriam tendencioso

Se eu a declarasse “A Melhor Mãe do Mundo “

“Vejam só! Esse se julga o tal

Ao dizer que sua mãe é a melhor e sem igual É parcial até o fundo!”

Então, dediquei-me à pesquisa Ao empírico, combinei o descoberto E tudo apontou na mesma direção (E sem lugar para discussão) Você é a melhor — isso é certo!

Criou-nos, seus filhos, com grande zelo Qual jardineiro para com a flor favorita Transmitiu-nos sabedoria e ternura Exemplo melhor que literatura Pois em amor e fé você é perita.

Deu-nos de comer, nos vestiu e ensinou.

Foi fiel em corrigir o essencial E as linhas que riscou para limitar Com destreza sabia flexionar

Para podermos alcançar nosso potencial.

Para as minhas argumentações não há fim No papel não caberiam as evidências E irrefutável é a conclusão:

Meritória é a sua posição

Que me perdoem as demais preferências!

Mário Sant´Ana Pela Família Contato

(IAN BACH É MISSIONÁRIO VOLUNTÁRIO EM TEMPO INTEGRAL NO ORIENTE MÉDIO)

MICHELLE CHARI SSE

(3)

É DIA DAS MÃES. Vou para meu lugar no palco, testo o microfone e dou uma olhada no restaurante do hotel onde eu e alguns amigos vamos nos apre- sentar em instantes. As 200 pessoas que vieram para este brunch são, na maior parte, mães e filhas. A varie- dade é grande: jovens com suas meni- ninhas, anciãs com as filhas adultas, há também as baixinhas gordinhas com filhas altas e esguias e as que parecem irmãs das filhas. Estão pre- sentes alguns filhos e maridos, mas se vêem grandemente superados nume- ricamente pelas radiantes mulheres.

O balcão de recepção está abarrotado de rosas cor-de-rosa individualmente embrulhadas — presentes do hotel para as mães neste seu dia especial.

Os primeiros acordes do nosso número de abertura invadem o ambiente. Sinto a presença da minha mãe. A letra da canção me faz lembrar dela: “Cerca-me com crianças...”. Ela deu à luz e criou oito, cada um era seu favorito de alguma forma inexpli- cável. “Quero ser tomada nos braços da eternidade...” E foi, pois há sete anos ela morreu vítima de câncer.

Meu pai a tinha nos braços nos seus últimos momentos. Nós, os filhos, até hoje ainda lhe damos um abraço de boa noite quando oramos antes de dormir. Agora ela está nos braços de

Jesus para a eternidade. Pisco para disfarçar o fato de meus olhos esta- rem se enchendo de lágrimas.

“Rindo e cantando, isso é que é vida...”. Agora penso na atual mulher de meu pai, com quem falei ao tele- fone há alguns dias e que, como sempre, estava animada. Se há alguém que sabe desfrutar a vida, é ela. “A vida não vale a pena, se não é para dar…”

Posso visualisá-la, doando-se incan- savelmente, cuidando de meu pai e de seus onze filhos que ainda vivem com eles (os outros três, já adultos, vivem no exterior). São 24 horas por dia, sete dias por semana, dando de si.

Uma jovem mãezinha se levanta da mesa e dança pelo restaurante com seu bebê nos braços. A criança ri. Sente-se segura e amada.

Então vejo por que posso sorrir e ir para o outro lado do mundo, como fiz, para demonstrar às pessoas o amor de Deus: porque fui abençoada com o amor de não apenas uma, mas duas mães. A primeira teve que partir, mas está sempre próxima no espírito, e a outra surgiu quando eu mais precisava de uma mãe. Segu- rar as lágrimas? Para quê? Sinto-me segura e amada. Deus me abençoou em dobro.

(MICHELLE CHARISSE TRABALHA NA ÍNDIA COMO VOLUNTÁRIA EM TEMPO INTEGRAL.)

abençoada

U M A vida DUPLAMENTE abençoada

MICHELLE CHARI SSE

Uma jovem mãezinha se levanta da mesa e dança pelo restaurante com seu bebê nos braços. A criança ri.

Sente-se segura e amada.

(4)

S VERDADE

SER MÃE É MUITO MAIS DO QUE TER UM FILHO! Praticamente qualquer mulher pode ter filhos, mas é preciso uma mãe de verdade para cuidar das crianças e dar conta de todo o trabalho que isso envolve — e é trabalho em tempo integral! A maternidade é provavel- mente uma das missões mais difíceis do mundo e que raramente recebe o devido valor. É impossível para quem nunca fez o trabalho de uma mãe entender a sua complexidade e impor- tância! Exige grande fé e muito, mas muito esforço.

Até duas gerações atrás, as mulhe- res, de uma maneira geral, acredita- vam que vieram ao mundo para serem esposas, mães e donas-de-casa. E a isso se dedicavam, começando sua preparação numa tenra idade, aju- dando a mãe em todas as tarefas que um dia precisariam saber realizar.

Atualmente, entretanto, em muitos países avançados, as jovens crescem sem aprender esse tipo de responsa- bilidade. Recebem pouco ou nenhum preparo para a maternidade e para a responsabilidade de constituir família

e cuidar de um lar. Quando abrem os olhos, estão envolvidas em cuidar de um homem e de um bebê, sem sabe- rem muito bem o que fazer nem com um nem com outro, sem falar de como cuidar de uma casa e cozinhar.

Para elas, os rapazes eram brinque- dos românticos e um marido era parte de algum tipo de sonho sem nenhuma forma de trabalho atrelado. Mas, na vida real, a situação é radicalmente diferente. Mesmo com todas as conve- niências da vida moderna que aliviam a carga do cuidado da casa, cuidar de crianças ainda é um trabalho em tempo integral!

Uma mãe precisa da força de Sansão, da sabedoria do rei Salomão, da paciência de Jó, da fé de Abraão, da perspicácia de Daniel, da habilidade administrativa e coragem do rei Davi.

Ele foi um lutador e ser mãe é uma grande luta. E, sem a menor dúvida, é também preciso o amor de Deus!

A meu ver, a maternidade é a maior vocação de todas! São as mães que moldam o futuro, e elas definem o mundo de amanhã a partir da maneira

DAVID BRANDT BERG

Uma mãe precisa da força de Sansão, da sabedoria do rei Salomão, da paciência de Jó, da fé de Abraão, da perspicácia de Daniel e da habilidade administrativa e coragem do rei Davi.

mães de

(5)

VERDADE

como criam seus filhos.

A minha formação teve a influência de muitas pessoas, tais como meu avô, meu pai, professores e aqueles que cuidavam de mim. Mas, com certeza, foi a minha mãe quem mais marcou minha vida. Ainda que não pudesse ficar comigo todo o tempo por causa do trabalho que fazia para o Senhor como evangelista e pastora, eu estava sempre consciente da sua presença espiritual, do seu amor e da sua per- cepção das coisas.

As crianças recebem influência de muitas pessoas e muitas coisas: pais, babás, professores, chefes de escotei- ros, professores de escola dominical, tios e tias, amigos que elas admiram, livros e assim por diante. E hoje em dia também recebem muita influên- cia de todo o influxo da televisão e do cinema.

Na minha infância, várias pessoas maravilhosas e dedicadas colabora- ram para a formação do meu caráter e para me tornar no que eu deveria ser.

Lembro-me com clareza de pessoas que cuidavam de nós e dos professores

Nunca sai de moda

— Uma mensagem de Jesus para as mães A maternidade ao estilo antigo nunca sai de moda, porque está fundamentada no amor.

Criei as pessoas para amarem e determinei que, em primeiro lugar, sentissem o amor de suas mães. A mãe é a personificação do amor, do cuidado e da ternura — um amor que até um bebezinho pode sentir e entender.

Portanto, se achar que está sendo prejudicada ou vivendo uma vida antiquada porque tem que ficar em casa “só” cuidando de um bebê ou criando filhos, quando poderia estar investindo em uma carreira, pense bem. O amor é o que há de melhor na vida, a lição mais importante a ser aprendida e a maior dádiva que alguém pode receber. E não há ninguém melhor que as mães para ensinar e dar tal amor. Poderíamos viver bem sem muitas coisas, mas não sem as mães. A maternidade à moda antiga veio para ficar!

>>continua na pág. 6

(6)

da escola dominical que eu e meus irmãos tivemos quando pequenos, que liam a Bíblia para nós e nos con- tavam histórias da Bíblia, que exer- ceram uma influência tremenda na minha vida, porque eu sabia que era Deus falando comigo através do Seu Livro. Portanto, Deus marcou minha vida, por meio dos meus professores e dos meus pais, que me ensinaram a Seu respeito.

Desde pequeno, eu já conhecia o Senhor e Ele foi uma influência pode- rosa na minha vida. Muito aprendi também lendo, especialmente os clássicos impregnados de idealismo e heroísmo.

No início da minha adolescên- cia, naquela idade crítica em que os jovens aprendem tantas coisas sobre o mundo em que vivem, principal- mente com os colegas, o meu pai se tornou uma figura muito marcante para mim. Adolescentes são idea- listas e começam a formar opiniões fortes sobre o que entendem ser o certo. É nessa idade que se forma grande parte dos ideais, padrões morais, das metas, dos valores e das esperanças que balizarão sua vida futura.

Aos 19, fui batizado com o Espírito Santo, e depois disso vivia em contato constante com a Bíblia, simplesmente devorando as Escrituras. Eu diria que foi a partir daí que Jesus Se tornou a maior influência da minha vida.

Depois de completar meus estu- dos, passei a ajudar minha mãe em seu trabalho evangelístico, ao qual se dedicava em tempo integral, e ela continuou me influenciando. Casei- me aos 25 anos e logo chegaram outras grandes influências na minha vida: meus filhos!

Os filhos nos fazem levar a vida a sério, inspiram-nos a ser bons e a fazer o bem. Acordam-nos para a necessidade de sermos um exemplo e ensinar-lhes a trilhar o caminho que

devem seguir. Passamos a entender a grande responsabilidade de termos a vida de uma criança nas mãos, sabendo que ela será o que dela fizer- mos. A maior influência na sua vida no final de tudo serão provavelmente os seus filhos.

Os psicólogos dizem que as crian- ças aprendem mais nos primeiros cinco anos do que em todo o resto da sua vida. Essa primeira fase é extre- mamente importante. Os pais não podem esperar até os filhos comple- tarem cinco anos, porque cada dia é importante. Eles são responsáveis em garantir que seus filhos não apenas tenham o que comer e vestir, que estejam protegidos, durmam bem e se mantenham fisicamente saudáveis, mas também que sejam educados, ensinados, intelectualmente estimu- lados e espiritualmente inspirados.

Criar filhos é uma responsabili- dade séria. Deus responsabilizará os pais que não fizerem o que é certo ou negligenciarem os seus filhos. Se ambos tiverem que trabalhar fora ou não puderem cuidar das crianças, têm que encontrar alguém qualifi- cado para o trabalho e dedicado o suficiente para fazer o que é certo

— e o mesmo se aplica a pais ou mães solteiros.

Não há como enfatizar o suficiente a importância das crianças para o futuro ou quão essencial é o trabalho de uma mãe. Mães, Deus as abenço- ará por tudo o que derem de si por essas preciosas e eternas dádivas vindas de Suas mãos: os filhos. Na verdade, Ele com toda certeza as está abençoando diariamente de manei- ras que os outros não podem sequer imaginar!

Eduque seus filhos para que sigam o caminho certo e, quando crescerem, não se afastarão dele. (Provérbios 22:

6). Quando forem adultos, seus filhos ficarão muito gratos por terem tido uma mãe de verdade!

Os filhos nos fazem levar a vida a sério, inspiram-

nos a ser bons e a fazer o bem.

Acordam- nos para a necessidade de sermos um exemplo e ensinar- lhes a trilhar

o caminho

que devem

seguir.

(7)

Mãe é o nome de Deus nos lábios e corações das crianças.

— WILLIAM MAKEPEACE THACKERAY (1811–1863), ESCRITOR BRITÂNICO

Eu diria que ser mãe é a carreira mais importante que uma mulher pode seguir.

— JANET MARY RILEY (1915– ), ADVOGADA E ESCRITORA NORTE-AMERICANA

Se formos rejeitar as coisas por serem antigas, teremos que des- cartar o Sol, a Lua e o amor de mãe.

— AUTOR ANÔNIMO

Mulheres e crianças, mãe e filho

— são como a corda e a caçamba.

— TANG MIN (1956– ), ESCRITOR CHINÊS

O coração de mãe é um grande abismo, no final do qual sempre está o perdão.

— HONORÉ DE BALZAC (1799–1850), ESCRITOR FRANCÊS

A maioria das coisas belas da vida vem em pares, trios, dúzias e centos. Há muitas rosas, estrelas, pores-do-sol, arco-íris, irmãos e irmãs, tias e primos, mas mãe...

temos apenas uma.

— KATE DOUGLAS WIGGIN (1856–1923), ESCRITORA E EDUCADORA NORTE-AMERICANA

Nossa mãe é a amiga mais leal que temos. Quando as provações, pesadas e repentinas nos sobre- vêm e a adversidade toma o lugar da prosperidade, somos aban- donados pelos amigos que se alegravam conosco quando o sol brilhava. Quando as dificuldades se adensam à nossa volta, nossa mãe ainda permanece conosco e

O que sou, ou espero vir a ser, devo a um anjo: minha mãe. Quem tem uma boa mãe, jamais será pobre.

— ABRAHAM LINCOLN (1809–1865), PRESIDENTE NORTE-AMERICANO

A maternidade é a mais impor- tante de todas as profissões e exige mais conhecimento do que é necessário em qualquer outra área de relacionamentos humanos.

— ELIZABETH CADY STANTON (1815–1902), AMERICANA, DEFENSORA DOS DIREITOS DA MULHER AO VOTO

Com base na minha experiência e observação, nove de cada dez famílias que mantêm a sua uni- dade em tempos difíceis, devem isso à mulher do lar.

— RODDY DOYLE (1958– ), ESCRITOR E DRAMATURGO IRLANDÊS

A mão que embala o berço, governa o mundo.

— WILLIAM ROSS WALLACE (1819–1881), POETA E ESCRITOR NORTE-AMERICANO

pensamentos sobre mães e a maternidade

procura, ensinando-nos princípios e dando-nos conselhos, dissipar as nuvens escuras e devolver paz aos nossos corações.

— WASHINGTON IRVING (1783–1859), ESCRITOR NORTE-AMERICANO

A vida começou quando desper- tei e o amado rosto de minha mãe encontrei.

— GEORGE ELIOT (1819–1880), ESCRITOR BRITÂNICO

Vale mais um grama de mãe do que um quilo de sermões.

— PROVÉRBIO ESPANHOL

Eu sou derivado da minha mãe.

— THOMAS A. EDISON (1847–1931), INVENTOR NORTE AMERICANO

O que torna uma mãe maravi- lhosa é o seu espírito abnegado que a faz disposta a sacrificar o próprio tempo e até a saúde, se necessário, por amor ao filho.

— DAVID BRANDT BERG (1919–1994)

(8)

R

O INGREDIENTE PRINCIPAL NA EDU- CAÇÃO DAS CRIANÇAS É O AMOR. Se os pais aprenderem a tratar os filhos com amor e consideração, estes se sentirão amados e seguros.

A maioria dos pais não pode estar com os filhos o tempo todo, mas é difícil para as crianças entenderem isso. Acham que deveriam ser a coisa mais importante na vida dos pais e, quando não vêem isso traduzido em atenção constante por causa dos outros afazeres, ficam magoadas. E, claro, quanto maior for o número de filhos, menos tempo individual o casal poderá dedicar a cada um. Por isso é tão importante os pais estarem em sintonia com as crianças e lhes darem atenção e amor a cada oportunidade.

O primeiro passo é orarem para compreenderem seus filhos. Peçam ao Senhor para lhes mostrar as necessi- dades de cada criança em cada situa- ção e, então, façam aquelas pequenas coisas que podem ser tão significativas para elas.

Todo mundo precisa se sentir espe- cial e próximo de alguém. Por mais numerosa que seja a sua família, você deve sempre dar ou fazer algo espe- cial para cada um dos seus filhos, ou a criança vai acabar se achando apenas mais uma na prole.

Dispense a cada um muito amor e incentivo, porque as palavras têm o

poder de levantar a criança e fazê-la se sentir amada. “Puxa, como você está grande! Temos tanto orgulho de você!

Você aprendeu tanto!” Suas palavras devem comunicar ao seu filho que ele é verdadeiramente especial para você.

As crianças pequenas, especial- mente, não percebem o conceito de tempo. Por isso, se der algo a uma e disser às outras que na próxima vez elas ganharão a surpresa, “a próxima vez” provavelmente lhes parecerá algo muito distante e indefinido. Então, na maioria dos casos, quando der algo para um, deveria tentar fazer algo especial pelos outros também.

Não é possível (e não tente) tratar todos os filhos do mesmo jeito todo o tempo. Toda criança precisa saber que é especial por motivos próprios.

E, quando a necessidade de uma for atendida, todos devem entender que foi por haver uma necessidade e não por causa de preferência. Se saírem com um dos filhos para comprar um par de sapatos e trouxerem para o outro um brinquedinho, ainda que seja algo baratinho, lhe mostrarão que o amam e que se lembraram dele também.

Muitos adultos não percebem a importância de explicarem as coisas para as crianças. Não se deve supor que elas entendem. Como é possível

A M O É A SOLUÇÃO

MARIA FONTAINE

Toda mundo precisa se sentir especial e próximo de alguém.

CONTINUA NA PÁG. 10

O

(9)

O presente

Que darei aos meus filhos, Senhor?

Não tenho muito para gastar.

Não há crianças melhores que estas, Mesmo sem ter brinquedos para brincar.

Vejo coisas lindas que gostaria de lhes dar, Mas não posso, somos pobres de lascar.

Porém temos grandes tesouros em nossa possessão,

Com que reis apenas sonham em seu coração!

Temos riquezas abundantes para todos no lar, Palavras do Céu, da boca de Deus a jorrar.

Temos um amor que persevera quando tudo o mais se acaba,

E a maior montanha no mar desaba.

Profunda e firme é a nossa confiança, E no coração sempre temos esperança.

O Céu temos aqui hoje, bem no peito Onde o lar do Filho de Deus está feito.

Temos uma Rocha na qual nos firmar, Quando temores nossa terra inundar.

Uma fé que suporta o teste mais rigoroso, E dá paz quando ninguém tem repouso.

É ela que sussurra aos nossos ouvidos calmamente, E acalma nosso coração e mente.

Aplaca a tempestade e o Sol envia, Nos ajuda a ficar firmes e nos guia.

Jesus, Jesus, que legado!

Um tesouro à nossa porta deixado!

Suas preciosas Palavras dadas liberalmente — Que riquezas me deu de boa mente!

São dádivas, novos presentes, que posso dar cada dia,

E quando se vão Sua voz anuncia:

“Vem cá, Minha criança, pode escolher,

Olhe tudo que tenho e pegue o melhor para você.

Tesouros novinhos do Céu e também do passado, Para você e os seus tenho guardado.

Pegue tudo que acha que precisarão, São jóias que seus caminhos iluminarão.

Dê a cada um uma coroa de ouro,

Uma que seja inestimável, para o Reino vindouro.

Pegue as gemas que seus filhos ainda não têm, E precisando de mais, é só voltar também.”

Presentes inestimáveis, raros e preciosos do Senhor, Mas que a maioria dos homens mortais não dão valor.

Mas quando a terra começar a sacudir E ao que se apegaram virem ruir, E as torres altas sucumbirem ao chão Consumidas em pó como um sonho vão, Os “pobres” filhos de Deus então encontrarão Um lugar de descanso para a mente e coração.

Sim, somos uma família verdadeiramente abençoada, Buscamos a maior dádiva e ela nos foi dada.

Agora todas as Palavras que Deus me dá, Divido com as crianças e assim não nos faltará.

Sim, possuímos uma riqueza infinita,

Que enche nossos corações e lar, e é tão bonita!

Que melhor presente às crianças posso dar

Do que as Palavras do Céu que Deus está a derramar?

— KAY SPAIN (KAY SPAIN É VOLUNTÁRIA EM TEMPO INTEGRAL DA FAMÍLIA NO MÉXICO, MÃE DE 11 FILHOS E AVÓ DE 16 CRIANÇAS .)

>>POEMA ADAPTADO POR DENISE A. DE OLIVEIRA

(10)

entenderem a menos que lhes seja explicado? Se vocês, pais, virem que elas talvez tenham dúvidas em suas cabecinhas ou estejam com os senti- mentos feridos, expliquem. Mesmo que elas não entendam tudo que vocês lhes disserem, só o fato de tentarem explicar demonstra que se importam com os sentimentos delas, e já aju- dará.

É quase sempre um problema quando entra um novo personagem em cena, como um bebê, o qual as crianças temem que lhes irá tomar o lugar. As crianças também têm sen- timentos, como os adultos, mas as situações difíceis podem ser ainda mais traumáticas para elas porque é tudo muito novo e lhes falta a segu- rança de referências anteriores que ensinem que normalmente as coisas acabam bem. Essa limitada bagagem de experiências torna as crianças mais vulneráveis que os adultos e, por isso, devem ser tratadas com mais cuidado, ternura e consideração.

Eu fico de coração partido quando vejo um pai dar um cascudo ou uma grande bronca em público numa criança por algo que ela provavel- mente nem entendeu. É trágico!

As crianças são mais sensíveis e se magoam com mais facilidade do que os adultos. Destruir o amor e a con- fiança que, instintivamente, elas têm pelos adultos é muito triste!

Não é tão difícil entender as crianças se nos colocarmos no lugar delas. As coisas pelas quais passam são muito similares às que vivencia- mos, só que é mais difícil para elas entender e aceitar. Muitas vezes, dói passar por certas dificuldades, por mais que saibamos que, se orarmos, o Senhor vai resolver tudo e nos ajudar.

As crianças, porém, se sentem per- didas quando se vêem em situações críticas, a menos que façamos tudo

ao nosso alcance para tranquilizá-las com amor.

Certa vez, ouvi o relato verdadeiro de um rapaz que foi a um jantar e, chegando lá, descobriu ser a única pessoa do sexo masculino no evento.

Isso o deixou tão nervoso que, aci- dentalmente, derrubou o seu copo de bebida.

Percebendo o constrangimento do convidado, a anfitriã imediatamente derrubou o próprio copo para desviar a atenção de todos do rapazinho e poupar seus sentimentos. Sem uma palavra, ela fez o convidado sentir que estava tudo bem e que todos cometem erros.

Um pouquinho de amor vai longe!

É inevitável que as crianças tenham problemas, mas o amor pode cor- rigir qualquer um, independente- mente das causas. Mesmo que você não entenda o problema, o Senhor entende e a solução é o amor! “O amor perdoa todas as ofensas”

(Provérbios 10:12 — A Bíblia na Linguagem de Hoje). Um pouquinho de amor e interesse sincero podem compensar muitos erros e falhas, não importa de quem ou do que seja a culpa. Todos — crianças e adultos

— podem ser ajudados pelo amor! O amor é a solução!

Sem uma

palavra,

ela fez o

convidado

sentir que

estava

tudo bem e

que todos

cometem

erros.

(11)

RE SP O ST A S ÀS S UA S PE RG UN TA S P

Eu e meu marido temos personalidades muito diferentes. Um exemplo disso é como manifestamos afeto entre nós. Gosto de expres- sar meu amor dando-lhe pequenos presentes ou escrevendo-lhe car- tões. No íntimo eu gostaria que ele fizesse o mesmo por mim, mas isso não é dele. É uma parcela mínima das nossas vidas, mas esses pequenos gestos de carinho significam muito para mim. O que devo fazer? Tentar ajudá-lo a mudar e a ser mais como eu gostaria que fosse ou pedir ao Senhor para me mudar para que eu não deseje tanto essas coisas?

R: A personalidade do seu marido é provavelmente uma das coisas que a atraiu a ele, portanto não é algo que deva ser mudado radical- mente. Obviamente, há certos aspectos do caráter dele que você não conhecia quando se casaram e esse pode ser um deles.

É comum ouvir os casais cujos relacionamentos venceram a prova do tempo, citar os seguintes fatores como causas do sucesso do casa- mento: respeito, aceitação e comunicação. Os parceiros que se respei- tam mutuamente têm muito mais facilidade em aceitar a maneira de ser de cada um, o que inclui imperfeições. Se vocês não sentem esse tipo de amor, peçam a Deus. O Seu amor é grande o suficiente para fazer vista grossa e continua firme, mesmo quando falhamos.

Lembre-se também que o fato da pessoa ser de um certo jeito hoje não significa necessariamente que ela vá continuar assim. O amor é um grande catalisador de mudanças! Quando apaixonado, o ser humano se dispõe a fazer qualquer coisa para agradar à pessoa amada.

E é aqui que entra o fator comunicação. É muito comum os casais se limitarem a insinuações pouco claras ou sofrerem em silêncio, quando a comunicação franca sobre suas preferências resolveria o problema.

Seguem-se alguns passos práticos que podem ajudá-la a receber o tipo de afeto que gostaria do seu marido e a dar a ele mais do que ele gostaria de receber de você:

➚ Façam uma lista das qualidades que admiram no outro — todas as coisas que mais amam e respeitam um no outro.

➚ Pensem nas maneiras como seu companheiro(a) manifesta afeto (Dica: as mulheres tendem a ser mais sentimentais e a traduzir seu carinho na forma de bilhetinhos, cartões e presentes; os homens tipicamente preferem formas mais práticas que digam “Eu quero protegê-la e cuidar de você”). Dar o devido valor às formas de expressão de amor do seu companheiro(a) ajuda a fazer vista grossa às suas “deficiências” nessa área.

➚ Passem algum tempo juntos em um ambiente relaxante para fala- rem das manifestações favoritas de amor e afeto de cada um.

➚ Depois que seu companheiro(a) tiver explicado como prefere ver o amor manifesto, faça um esforço consciente para fazer pelo menos uma dessas coisas nos próximos dois dias, repetindo-a regular- mente até que se torne um hábito.

contato VOL 4, 5AEDIÇÃO 11

(12)

OS 14 pontos

UMA VISÃO GERAL DAS PROFECIAS SOBRE O TEMPO DO FIM — 2

a

PARTE

[A 1ª parte deste artigo tratou dos sete primeiros estágios ou eventos do Tempo do Fim, conforme descrevem Mateus 24 e outras passagens: 1) a ascensão do ditador mundial conhe- cido como o “Anticristo”; 2) a assina- tura de um “pacto” que possibilitará um breve período de estabilidade e indicará o início do reino de sete anos do Anticristo; 3) a violação do pacto três anos e meio após ser firmado; 4) um período de tribulações e sofrimen- tos sem precedente, conhecido como

“Grande Tribulação”; 6) uma guerra nuclear que destruirá a “Babilônia, a mãe das prostitutas” em uma hora;

7) o “Arrebatamento”, quando Jesus retorna no final da Grande Tribula- ção para resgatar Seus filhos deste mundo].

8. Ceia das Bodas

No Arrebatamento, Jesus voltará para livrar Sua noiva, a Igreja, das garras do Anticristo, levando para o Céu os que crêem, que se unirão a Ele e uns aos outros, na maior, mais gloriosa e emocionante festa de casa- mento de todos os tempos, a grande Ceia das Bodas do Cordeiro, quando o Senhor recompensará Seus filhos fiéis com lindas e eternas “coroas da vida” (Apocalipse 19:7–9; 2:10).

9. Ira de Deus

Depois que o Senhor resgatar e levar Seus filhos Consigo, as terríveis taças da grande “ira de Deus” serão

PRINCIPAIS do TEMPO

DO FIM

(13)

COMPILADO POR JOSEPH CANDEL DOS ESCRITOS DE DAVID BRANDT BERG derramadas sobre o Anticristo e suas

forças malignas que ainda estarão na Terra — as piores pragas da história do mundo! Os anjos do juízo de Deus darão ao Anticristo e suas forças o que merecem (Apocalipse 11:18; 14:

9–10; 16:1–11).

10. A Batalha do Armagedom

Em uma planície na região norte de Israel, o Anticristo comandará seus exércitos contra seus oposito- res na maior campanha militar de todos os tempos. Mas Jesus e Seu exército de santos — todos os Seus filhos convertidos de todas as eras e já ressuscitados — voltarão mon- tando cavalos brancos para destruir por completo o Anticristo e suas forças na apocalíptica Batalha do Armagedom (Apocalipse 16:12–16;

19:11–21).

11. O Milênio

A Terra será restaurada a um estado de perfeição, como o Jardim do Éden (Isaías 11:6–9; 14:7; 65:25;

Oséias 2:18), depois do que Jesus e Seus santos estabelecerão o Reino do Céu na Terra (Daniel 2:44; 7:

18,22,27; Apocalipse 5:10). Então, o Diabo será amarrado e lançado como prisioneiro no abismo, onde perma- necerá por mil anos (Apocalipse 20:

1–3). Depois disso, os habitantes não salvos do mundo — os sobreviventes da Batalha do Armagedom e da Ira de Deus — serão forçados a fazer o que é certo.

Somente a partir desse momento, sob o justo governo de Jesus e dos santos, todas as guerras cessarão. O

mundo finalmente será governado com eqüidade e verdadeira justiça, liberdade, paz, abundância e feli- cidade para todos (Isaías 2:4; Apo- calipse 2:26; 20:4–6). Esse período de mil anos é conhecido como “O Milênio.”

Durante o Milênio, os santos ressuscitados terão corpos sobre- naturais e poderes assombrosos e invencíveis, tal como Jesus após a Sua ressurreição (Filipenses 3:20–21;

Lucas 20:36): liberdade total da dor, da doença e da morte; a capacidade de voar, aparecer e desaparecer, mudar a aparência, ler pensamen- tos, se comunicar por telepatia e deter os malfeitores com o pensa- mento ou com um olhar (1 João 3:2;

João 20:19,26; Lucas 24:31; Atos 10:

40–41).

Será fácil governar com o amor, a sabedoria, o poder de Jesus e a Sua liderança pessoal, os que estiverem na Terra, ainda em corpos naturais, porque todos verão o glorioso poder de Deus e o Seu reino e não haverá descrentes (Hebreus 8:11; Habacu- que 2:14). Mas, infelizmente, ainda haverá alguns que se recusarão a ceder e obedecer e, quando no final dos mil anos lhes for dada a oportu- nidade, optarão por ser obstinados e rebeldes (Isaías 26:10).

12. A Batalha de Gogue e Magogue

No final do Milênio, Satanás será solto “por pouco tempo” de onde fora aprisionado — o suficiente para enganar os rebeldes não convertidos que, mais uma vez, o seguirão, em

Durante

o Milênio,

os santos

ressuscitados

terão corpos

sobrenaturais

e poderes

assombrosos

e invencíveis,

tal como Jesus

após a Sua

ressurreição

(14)

rebelião aberta contra o Senhor e Seu governo. Essa rebelião causará a catas- trófica Batalha de Gogue e Magogue, na qual Deus enviará fogo para consu- mir completamente os que contra Ele se rebelarem. O episódio será de tal forma horrível que queimará comple- tamente a superfície do planeta, os céus atmosféricos se recolherão como um pergaminho e partirão com grande ruído (Apocalipse 6:14; 2 Pedro 3:10).

Toda a superfície da Terra será então recriada para formar a linda e Nova Terra, na qual não existirão mares (ainda que provavelmente haverá vastas extensões de água), poluição nem o Diabo, pois ele terá sido lan- çado no “lago de fogo” (Apocalipse 20:

7–10; 21:1).

13. O Grande Julgamento do Trono Branco

Após a grande batalha de Gogue e Magogue, os não salvos de todas as eras ressuscitarão para o grande jul- gamento do Trono Branco. É quando os “livros são abertos” segundo os quais serão dadas as sentenças finais de cada pessoa não salva e, conforme suas obras, serão definidos os luga- res para onde irão. (Apocalipse 20:

11–13). Os piores, os mais cruéis e mais ímpios serão enviados ou para o Inferno ou para o Purgatório para serem punidos e purgados. Quanto aos que tentaram fazer o bem mas não ficaram salvos — por não terem ouvido o Evangelho — e cujos nomes se encontrarão no Livro da Vida, terão a chance de receber Jesus e desfrutar da maravilhosa Nova Terra (2 Pedro 3:

9; 1 Timóteo 2:4; 1 Pedro 3:18–19).

14. O Novo Céu e a Nova Terra

A grandiosa cidade celestial de Deus então descerá do Céu para o lindo planeta Terra recriado, e a partir daí o próprio Deus morará conosco, bem aqui, na Terra (Apo- calipse 21:1–3). A cidade celestial medirá 2.400 quilômetros de compri- mento, 2.400 quilômetros de largura e 2.400 quilômetros de altura (Apo- calipse 21:16).

A cidade inteira é de ouro puro, como um vidro límpido (Apocalipse 21:18), cujas paredes transparentes nos permitirão ver a linda Terra, total- mente restaurada e recriada, que será povoada pelas novas nações que terão verdadeiramente aprendido a justiça, a bondade e o amor de Deus. E, even- tualmente, por causa da Sua miseri- córdia e da justiça, toda a punição na Terra e sob ela cessará. Quase todos que já viveram se reconciliarão com Deus e viverão ou dentro da cidade celestial, com os eleitos, ou fora dela.

“Pois Deus não quer que ninguém se perca, senão que todos venham a arrepender-se” (2 Pedro 3:9). “O qual deseja que todos os homens se salvem, e venham ao conhecimento da ver- dade” (1 Timóteo 2:4). “Para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho…

e toda língua confesse que Cristo Jesus é o Senhor, para a glória de Deus” (Fili- penses 2:10–11).

Quase todos que já

viveram se reconciliarão com Deus e viverão ou dentro da cidade celestial, com os eleitos, ou fora dela.

E você? Vai desfrutar do Arrebatamento, da festa de casamento, do céu na Terra no Milênio e da eterna cidade celestial de Deus? Por acaso você é um dos salvos que poderá viver na grande cidade? Caso ainda não o tenha feito, receba Jesus como Salvador, e instantaneamente se tornará cidadão permanente da grandiosa cidade dourada, além de ter um antegosto bem aqui e agora de como será o Céu e a vida eterna!

(15)

LEITURA QUE ALIMENTA

A orientação de Deus para os pais Ensine seus filhos com amor 1 Coríntios 16:14

Efésios 6:4 Colossenses 3:21 Ensine aos seus filhos a Palavra de Deus Deuteronômio 6:7 Deuteronômio 11:18–19 Provérbios 22:6

Isaías 38:19b 2 Timóteo 3:15

A boa influência de pais tementes a Deus e as conseqüentes bênçãos:

Deuteronômio 12:28 Provérbios 20:7 1 Reis 9:4–5 2 Crônicas 26:4 2 Timóteo 1:5

O mau resultado de ser um pai ou mãe permissivo demais:

1 Samuel 3:13 Provérbios 29:15b

Séria advertência com respeito a lesar a fé das crianças:

Mateus 18:6

Exemplos de amor materno:

Gênesis 21:15–16 Hebreus 11:23

1 Samuel 1:22–28; 2:18–19 1 Reis 3:23–27

2 Reis 4:17–20,27 Isaías 49:15a Mateus 15:22–28 João 19:17–18,25

Exemplos de amor paterno:

Gênesis 37:33–35 Marcos 5:22–23 Lucas15:20–24 LEITURA QUE ALIMENTA

Se ainda não conhece o Homem que tem o poder para mudar qualquer vida, perdoar qualquer erro, sarar qualquer mágoa e dar felicidade celestial neste momento, além do Céu na vida por vir, pode conhecê- lO já, fazendo apenas a seguinte oração:

Querido Jesus, abro minha vida e coração para Você agora e O aceito como Salvador. Por favor, perdoe-me por todos os erros que cometi, ajude-me a recomeçar e a conhecer melhor a Você e ao Seu amor. Amém.

Uma mulher forte malha todo dia para manter seu corpo em forma.

A mulher de força se ajoelha em oração para manter a alma em forma.

Uma mulher forte não tem medo de nada.

A mulher de força demonstra coragem, apesar dos seus medos.

Uma mulher forte não permite que ninguém tire proveito dela.

A mulher de força dá o melhor de si a todo mundo.

Uma mulher forte comete erros e evita os mesmos no futuro.

A mulher de força entende que os erros na vida também podem ser bênçãos de Deus e aprende o máximo com eles.

Uma mulher forte anda com passos firmes.

A mulher de força sabe que, se cair, Deus a amparará.

Uma mulher forte reflete segurança no semblante.

A mulher de força se reveste de graça divina.

Uma mulher forte acredita que é forte o suficiente para a jornada.

A mulher de força tem fé que é durante a jornada que ela se tornará forte.

— AUTOR ANÔNIMO

UMA MULHER FORTE

ou uma mulher de força?

(16)

Obrigado, queridos pais...

por serem parte do milagre de trazer novas vidas ao mundo;

por amarem as crianças que confiei aos seus cuidados;

por abrirem seus corações e vidas para essas dádivas de alegria;

por ensinarem seus filhos, através de seu exemplo amoroso, que Eu sou amor;

por saberem ouvir as crianças e serem um ombro amigo;

por lhes consolarem quando se machucam e precisam de mais cui- dado terno e amoroso;

por se doarem sem pedir nada em troca, o que lhes ensina altruísmo e abnegação;

por demonstrarem misericórdia, mesmo quando não a merecem, para que entendam Minha misericórdia e perdão;

por orarem por seus filhos a respeito de tudo, das coisas mais impor- tantes às de menor importância, para que possam aprender o poder da oração;

por se apoiarem em Mim quando não têm mais forças, o que lhes ensina que Minha graça e força sempre serão suficientes;

por nunca perderem a fé, o que lhes ensina as recompensas de crer;

por se apegarem às promessas na Minha Palavra, para que seus filhos também possam aprender a depositar sua confiança em Mim;

por devolverem-nos a Mim, sabendo que sempre cuido dos Meus;

por amarem-nos incondicionalmente, independentemente do rumo que suas decisões determinem para suas vidas;

por ajudarem-nos a se tornarem homens e mulheres dos quais possa- mos nos orgulhar.

COM AMOR, JESUS

Imagem

Referências

temas relacionados :