Instalação. InRow RD Air Cooled ACRD100 ACRD101

42 

Texto

(1)

Instalação

InRow

®

RD

Air Cooled

ACRD100

ACRD101

(2)

This manual is available in English on the enclosed CD.

Dieses Handbuch ist in Deutsch auf der beiliegenden CD-ROM verfügbar. Deze handleiding staat in het Nederlands op de bijgevoegde cd.

Este manual está disponible en español en el CD-ROM adjunto. Ce manuel est disponible en français sur le CD-ROM ci-inclus. Questo manuale è disponibile in italiano nel CD-ROM allegato. 本マニュアルの日本語版は同梱の CD-ROM からご覧になれます。 Instrukcja Obsługi w jezyku polskim jest dostepna na CD.

O manual em Português está disponível no CD-ROM em anexo.

Данное руководство на русском языке имеется на прилагаемом компакт-диске. 您可以从包含的 CD 上获得本手册的中文版本。

您可以从付属的CD上获得本手册的中文版本。

(3)

Isenção de responsabilidade legal da American Power Conversion

A American Power Conversion Corporation não garante que as informações apresentadas neste manual sejam definitivas, isentas de erros ou completas. Esta publicação não se destina a substituir um plano de desenvolvimento detalhado de operação e específico do local. Portanto, a American Power Conversion Corporation está isenta de responsabilidade por danos, violações de códigos, instalação inadequada, falhas de sistema ou quaisquer outros problemas que possam ocorrer com base no uso desta Publicação. As informações contidas nesta Publicação são fornecidas no estado em que se encontram e foram preparadas exclusivamente com o propósito de avaliar o projeto e construção do data center. Esta Publicação foi compilada de boa fé pela American Power Conversion Corporation. Entretanto, nenhuma declaração é dada ou garantia fornecida, seja expressa ou implícita, em relação à totalidade ou exatidão das informações contidas nesta Publicação.

EM NENHUMA CIRCUNSTÂNCIA A AMERICAN POWER CONVERSION CORPORATION SERÁ RESPONSÁVEL POR QUAISQUER DANOS DIRETOS, INDIRETOS,

CONSEQÜENTES, PUNITIVOS, ESPECIAIS OU ACIDENTAIS (INCLUINDO, SEM LIMITAÇÃO, DANOS POR PERDA DE NEGÓCIOS, CONTRATOS, RECEITAS, DADOS, INFORMAÇÕES OU INTERRUPÇÃO DE NEGÓCIOS) DECORRENTES OU

RELACIONADOS AO USO OU À INCAPACIDADE DE USAR ESTA PUBLICAÇÃO OU CONTEÚDO, MESMO QUE A AMERICAN POWER CONVERSION CORPORATION TENHA SIDO EXPRESSAMENTE AVISADA DA POSSIBILIDADE DA OCORRÊNCIA DE TAIS DANOS. A AMERICAN POWER CONVERSION CORPORATION SE RESERVA O DIREITO DE FAZER ALTERAÇÕES OU ATUALIZAÇÕES EM RELAÇÃO AO CONTEÚDO DA PUBLICAÇÃO, NO PRÓPRIO CONTEÚDO OU NO FORMATO DO MESMO A

QUALQUER MOMENTO SEM AVISO PRÉVIO.

Os direitos de copyright, intelectuais e todos os outros direitos de propriedade do conteúdo (incluindo, mas não se limitando ao software, áudio, vídeo, texto e fotografias) pertencem à American Power Conversion Corporation ou a seus licenciadores. Todos os diretos sobre o conteúdo não concedidos expressamente neste documento ficam reservados. Nenhum direito de qualquer tipo pode ser licenciado ou atribuído ou passado de outra forma a pessoas que tenham acesso a estas informações.

(4)

Índice

Informações gerais ... 1

Visão geral . . . 1

Guarde estas instruções . . . 1

Símbolos de segurança que podem ser usados neste manual . . . 1

Símbolo de referência cruzada usado neste manual . . . 1

Segurança . . . 2

Inspeção do equipamento . . . 3

Armazenamento do equipamento antes da instalação . . . 3

Transporte do equipamento. . . 3

Transporte do equipamento até seu local final . . . 3

Identificação do modelo . . . 4

Identificação dos componentes . . . 5

Kit de instalação . . . 5

Componentes externos (parte frontal) . . . 6

Componentes internos (parte frontal) . . . 7

Componentes internos (parte traseira) . . . 8

Painel elétrico . . . 9

Locais de acesso para instalações elétricas e tubulação na parte superior . . . 10

Locais de acesso para instalações elétricas e tubulação na parte inferior . . . 10

Diagrama da tubulação de refrigeração . . . 11

Visão geral das conexões . . . 12

(5)

Instalação ... 14

Remoção de portas e painéis . . . 14

Remoção de porta . . . 14

Remoção de painel lateral . . . 14

Posicionamento do equipamento . . . 15

Remova o suporte de transporte do compressor . . . 15

Acesso para manutenção . . . 16

Nivelamento do equipamento . . . 17

Estabilização do equipamento . . . 17

Suportes de piso . . . 17

Junção do equipamento a gabinetes . . . 18

Junção a gabinetes SX . . . 18

Junção a gabinetes VX e VS . . . 18

Conexões mecânicas . . . 19

Tubulação de refrigeração . . . 19

Conecte as linhas de refrigerante . . . 21

Condensador . . . 21

Receptor de líquido . . . 21

Bomba de condensado . . . 22

Sensor de vazamento (opcional) . . . 24

Adição de uma carga de retenção . . . 25

Adição de óleo do compressor . . . 25

Conexões elétricas . . . 27

Conexões de controle . . . 27

Contatos de alarme Form C e entrada de desligamento . . . 29

Sensor de temperatura do rack . . . 30

Conexões A-Link . . . 31

Sistema de gerenciamento predial (BMS, Building Management System) . . . 32

(6)

Informações gerais

Visão geral

Guarde estas instruções

Este manual contém instruções importantes que devem ser seguidas durante a instalação deste equipamento.

Símbolos de segurança que podem ser usados neste manual

Risco elétrico:Indica um risco elétrico que, se não for evitado, poderá resultar em ferimentos ou morte.

Perigo:Indica um perigo que, se não for evitado, poderá provocar ferimentos pessoais graves ou morte.

Aviso: Indica um risco que, se não for evitado, poderá resultar em ferimentos pessoais ou em danos ao produto ou a outras propriedades.

Pesado: Indica uma carga pesada que não deve ser levantada sem ajuda.

Cuidado: Indica um risco potencial que, se não for evitado, poderá resultar em danos ao

equipamento ou a outras propriedades.

Risco de tombamento:Este equipamento tomba facilmente. Tome muito cuidado ao desembalar ou transportar.

Observação: Indica informações importantes.

Símbolo de referência cruzada usado neste manual

Consulte outra seção deste documento ou outro documento para obter mais informações sobre este assunto.

(7)

Segurança

Observação: Todo o trabalho deve ser realizado exclusivamente por pessoal autorizado pela

American Power Conversion (APC®). Ao instalar este equipamento, siga todas as normas e códigos nacionais e locais.

Cuidado: Mantenha as mãos, as roupas e os adereços, como relógios de pulso e anéis, longe

das peças móveis. Verifique se existem objetos estranhos no equipamento antes de fechar as portas e iniciá-lo.

Pesado: O equipamento é pesado. Por razões de segurança, devem estar presentes pelo

menos duas pessoas durante o transporte ou a instalação deste equipamento.

Risco de tombamento: Este equipamento possui um centro de gravidade alto. Sempre use

duas pessoas quando mover o equipamento. Tome muito cuidado ao desembalar e transportar. Se usar uma empilhadeira para transportar o equipamento, certifique-se de levantá-lo somente pela parte inferior.

Risco elétrico:Somente um eletricista licenciado pode conectar o equipamento à rede elétrica.

Risco elétrico:Não use adereços, como relógios de pulso ou anéis, quando trabalhar perto de componentes energizados.

Aviso: O equipamento opera sob pressão (5,5 a 38 bar, 80 a 550 psig) e é carregado com refrigerante R-410A. Tome as precauções de segurança adequadas ao fazer manutenção na serpentina de refrigerante e leia a Ficha de segurança (Material Safety Data Sheet, MSDS) do R-410A para manusear o refrigerante com segurança.

(8)

Inspeção do equipamento

O condicionador de ar InRowTM RD da American Power Conversion (APC®) RD foi testado e inspecionado para garantia de qualidade antes do envio pela APC. Inspecione cuidadosamente a parte externa e a parte interna do equipamento assim que recebê-lo para garantir que ele não foi danificado durante o transporte.

Confirme se todas as peças pedidas foram recebidas conforme especificado e se o tipo, o tamanho e a tensão do equipamento estão corretos.

Apresentação de reclamação. Se for identificado um dano no recebimento do equipamento, descreva o dano no conhecimento de embarque e apresente uma reclamação de dano à empresa de transporte. Entre em contato com o Serviço de Atendimento ao Cliente Mundial da APC em um dos números listados na contracapa deste manual para obter informações sobre como apresentar uma reclamação junto à empresa de transporte. A reclamação de transporte deve ser apresentada no local de destino.

Observação: Em caso de dano no transporte, não opere o equipamento. Guarde todas as

embalagens para inspeção pela empresa de transporte.

Armazenamento do equipamento antes da

instalação

Se o equipamento não for instalado imediatamente, armazene-o em local seguro, protegido do tempo.

Cuidado: Se o equipamento ficar descoberto e exposto a possíveis danos decorrentes da

exposição ao tempo, a garantia de fábrica será anulada.

Transporte do equipamento

Transporte do equipamento até seu local final

As ferramentas recomendadas para transportar o equipamento enquanto ainda estiver no pallet incluem:

(9)

Identificação do modelo

O número do modelo pode ser encontrado na parte externa da caixa de transporte e na placa de

identificação localizada na parte traseira do equipamento, conforme mostrado. Use a tabela abaixo para confirmar se o tipo e a tensão do equipamento estão corretos.

Modelo Configuração Tensão Padrão de ar

ACRD100 Refrigerado a ar 208 a 240/Monofásica/60 Hz De trás para frente ACRD101 Refrigerado a ar 220 a 240/Monofásica/50 Hz De trás para frente

na

269

0a

(10)

Identificação dos componentes

Kit de instalação

Observação: Não descarte o kit de instalação.

O kit de instalação contém itens que podem ser necessários para concluir a instalação do equipamento. Entre os itens estão a documentação, suportes de piso e ferragens para facilitar a junção do equipamento aos gabinetes.

Item Quantidade Item Quantidade

Conjunto de cabos, termistor/sonda - 4 metros 1 Resistor, 150 ohms, 1/4 watt 1 Kit de instalação com parafusos do Netshelter SX 1 Parafuso cabeça chata Philips M5 x 12 4 Anel de Teflon (para Rotolock) 4 Chave 2 Encaixe para cabo, sonda com termistor 3 Suporte de pressão de náilon, 1 1/4 pol. de

diâmetro

(11)

Componentes externos (parte frontal)

 Porta traseira removível  Pé nivelador ajustável  Trava do painel lateral  Display

 Painel lateral removível  Porta frontal removível  Rodízios traseiros (não

giratórios)  Trava da porta  Rodízios frontais (giratórios) na 26 2 5a

(12)

Componentes internos (parte frontal)

 Caixa de controle elétrico 1  Compressor

 Caixa de controle elétrico 2  Painel do bloco de ar frontal  Sensor de temperatura (7 no total)  Ventiladores do evaporador (6)  Bóias do reservatório de condensado (2)  Válvula de expansão

 Reservatório de condensado  Serpentina do evaporador

na

26

(13)

Componentes internos (parte traseira)

 Filtro/secador  Válvula de bypass do gás quente

 Transdutor de pressão (2) (localizado atrás do bloco de ar)

 Solenóide de bloqueio da linha de líquido

 Porta de pressão diferencial do filtro  Caixa de controle elétrico 1

 Filtro de ar (2)  Unidade de fonte de alimentação No. 2  Bomba de condensado (2)  Unidade de fonte de alimentação No. 1  Caixa de controle elétrico 2 Caixa de junção para manutenção

(é mostrada a entrada superior)  Visor

na2

62

(14)

Painel elétrico

 Porta do detector de vazamento  Porta RS-485 do sistema de

gerenciamento predial (BMS, Building Management System)

 Porta do sensor remoto de temperatura  Porta RS-485 de controle

 Portas A-Link  Entrada Form C e de desligamento

 Botão de reinicialização  Porta RS-232 do console

 Porta de rede  Portas do trocador de calor externo

(opcional)

na

26

6

(15)

Locais de acesso para instalações elétricas e tubulação na parte superior

Locais de acesso para instalações elétricas e tubulação na parte inferior

 Entrada elétrica  Linha de líquido

 Entrada para cabeamento de baixa tensão  Saída da bomba de condensado  Linha de gás quente

na

2

62

(16)

Diagrama da tubulação de refrigeração

Observação: As válvulas de bloqueio mostradas mais próximas dos condensadores não são

fornecidas pela APC.

Observação: Passe a tubulação através da parte superior ou inferior do InRow RD. Observação: Todas as linhas são de tubulação de cobre ACR Tipo L.

Observação: Faça um sifão na linha de descarga vertical a cada 6 m para garantir o retorno

adequado do óleo.

Observação: Altere o tamanho do tubo depois do sifão tipo “P”. Consulte o diagrama da

tubulação criado para o seu local.

 Inclinação na direção do fluxo de refrigerante:

4 mm por m Válvula de retenção

 Redução do diâmetro da tubulação para passagem

de tubulação vertical (se necessário) Sifão tipo “P”

 Válvula Schrader Sifão tipo “S”

Válvulas de bloqueio Sifão tipo “P” invertido

Válvula de controle de pressão hidrostática

na 25 43 a G ás q ue nt e Líqu id o G ás q ue nt e RD RD Receptor Receptor Tubulação inferior Tubulação superior

Condensador Condensador

qu

id

(17)

Visão geral das conexões

Todas as conexões de/para o equipamento podem ser feitas através da parte superior ou inferior do equipamento. Assim que os conectores correspondentes forem soldados (brasagem ou solda branda) em sua posição, o equipamento poderá ser desconectado sem soldagem com estanho, solda elétrica ou colagem. Consulte as tabelas a seguir para obter informações sobre os tamanhos e tipos de conectores.

Aviso: Faça as conexões elétricas de acordo com todas as normas e códigos nacionais e locais.

Conexões elétricas

Conexões da tubulação

Modelo Tensão Freqüência (Hz) MCA MOP FLA (Compressor)LRA

ACRD100 208-240 60 25 40 N/A 87,5

ACRD101 220-240 50 N/A N/A 28 N/A

Os dados acima baseiam-se em condições máximas de operação.

Consulte as normas e códigos nacionais e locais para obter a bitola do cabo, os requisitos do conduíte e a proteção contra sobrecarga.

Ampacidade mínima do circuito (MCA, Minimum Circuit Ampacity)

Máxima proteção contra sobrecorrente (MOP, Maximum Overcurrent Protection) Ampères com carga total (FLA, Full Load Amps)

Ampères com rotor bloqueado (LRA, Locked Rotor Amps)

Conexão Tipo ACRD100/101

Descarga do refrigerante Rotalock* 1 pol. Diâmetro externo 1/2 pol. Líquido refrigerante Rotalock* 1 pol. Diâmetro externo 1/2 pol.

Dreno de condensado Diâmetro interno 3/16 pol.

Diâmetro externo 5/16 pol. * Use a vedação de Teflon® fornecida para evitar vazamento. Aperte a porca Rotalock com 75 Nm.

(18)

Preparação da sala

Distribuição de ar

O equipamento distribui o ar seguindo um padrão de descarga de trás para frente, removendo ar quente de um corredor quente e descarregando ar frio em um corredor frio.

Observação: O equipamento foi projetado para descarga de ar livre ou para utilização com

o Sistema de contenção de ar do rack ou o Sistema de contenção de corredor quente. O equipamento não foi projetado para ser conectado a um sistema de dutos.

Requisitos da fonte de alimentação de entrada

Risco elétrico:A instalação elétrica deve estar de acordo com as normas e códigos de eletricidade nacionais e locais. O equipamento deve ser aterrado.

Pesos e dimensões

Modelo Peso embalado Peso desembalado

(19)

Instalação

Remoção de portas e painéis

Remoção de porta

Remoção de painel lateral

na

26

31a

Aviso: Todas as portas e painéis laterais devem ficar travados durante a operação normal. Não abra os painéis laterais enquanto os ventiladores estiverem funcionando.

Cuidado: Tome cuidado ao remover as portas

frontais e traseiras enquanto o equipamento estiver funcionando. Desconecte os cabos do display.

Observação: Não encoste as portas em uma

parede com as travas do painel lateral de frente para a parede. Isso pode deformar as travas e impedir que funcionem corretamente.

(20)

Posicionamento do equipamento

Remova o suporte de transporte do compressor

Cuidado: Se os passos a seguir não forem concluídos, o equipamento poderá ser danificado e sua

garantia será anulada.

O compressor é protegido por um suporte para evitar danos durante o transporte. Esse suporte deve ser removido antes que seja fornecida energia ao equipamento.

1. Remova dois parafusos Torx T30 do suporte conforme mostrado. Guarde os parafusos para o caso de precisar usá-los no futuro.

2. Remova o suporte e guarde para o caso de precisar usá-lo no futuro.

na 26 91 a Remova os parafusos Remova o suporte

(21)

Acesso para manutenção

É recomendável deixar, no mínimo, 900 mm de espaço livre no piso na frente e atrás do equipamento para manutenção. Toda a manutenção periódica necessária pode ser realizada pela parte frontal ou pela parte traseira do equipamento.

A maior parte dos componentes de resfriamento no equipamento (por exemplo, filtro seco, visor, solenóide e válvulas de expansão) deve ser soldada (solda branda) para reparo ou substituição. Não faça a manutenção desses componentes enquanto o equipamento estiver localizado dentro do data center. Use os rodízios do equipamento para movê-lo para fora do data center para a manutenção. Para deslocar o equipamento para fora, é recomendável deixar, no mínimo, 1200 mm de espaço livre no piso na frente ou atrás dele.

Observação: Verifique as normas e códigos nacionais e locais para obter outros requisitos de

acesso para manutenção.

As dimensões são mostradas em mm (pol.).

na 22 30a Acesso para manutenção quando o equipamento estiver dentro da fileira

Espaço livre necessário para mover o equipamento para fora da fileira

(22)

Nivelamento do equipamento

Observação: Os pés niveladores nos cantos do equipamento oferecem uma base estável se o

piso for irregular, mas não conseguem compensar uma superfície muito inclinada. 1. Remova as portas frontal e traseira. Consulte “Remoção de porta” na página 14.

Observação: Antes de remover a porta frontal, desconecte os cabos que possam

interferir com a remoção das portas.

2. Para cada pé nivelador, insira uma chave de fenda padrão ou Phillips PH2 no parafuso acima do pé nivelador. Gire o parafuso no sentido horário para estender o pé nivelador até que fique em contato firme com o piso.

3. Reinstale as portas frontal e traseira.

Cuidado: Após reinstalar a porta frontal, conecte novamente todos os cabos

anteriormente desconectados.

Observação: Use uma chave fixa de 13 mm para nivelar o equipamento sem

remover as portas.

Estabilização do equipamento

Suportes de piso

Para evitar que o equipamento se desloque de sua posição final (se não estiver fixado a um gabinete), use o kit de instalação com parafusos incluído (AR7701). Siga as instruções de instalação incluídas no kit.

na

157

(23)

Junção do equipamento a gabinetes

Junção a gabinetes SX

O equipamento vem com quatro suportes de junção (dois para a parte frontal e dois para a parte traseira). 1. Remova as portas frontal e

traseira. Consulte “Remoção de porta” na página 14. 2. Localize os quatro suportes de

junção. Gire cada suporte em 90° na direção do gabinete adjacente de forma que o suporte fique paralelo ao piso e instale usando os parafusos fornecidos com o gabinete.

Para obter mais

informações, consulte o manual Retirada da Embalagem, Instalação e Personalização do gabinete NetShelter® SX.

Junção a gabinetes VX e VS

Para obter informações sobre junção do equipamento a gabinetes VX e VS, consulte o folheto de instalação Kit de Junção Externa do NetShelter® SX ou VS — AR7601, AR7602.

(24)

Conexões mecânicas

Tubulação de refrigeração

O equipamento deve ser conectado a um condensador — um condensador externo remoto ou um condensador centrífugo interno. Os sistemas com condensadores centrífugos internos ou externos remotos exigirão linhas de líquido e de descarga do equipamento para o condensador. Instale todas as linhas de refrigerante de acordo com as diretrizes aplicáveis do setor e também com as normas e códigos nacionais e locais.

Para dimensionar as linhas, consulte “Tamanhos de linha recomendados” na página 20. Calcule um comprimento equivalente com base no comprimento linear real da tubulação, inclusive válvulas e conexões.

Observação: Todas as conexões devem ter curva aberta para minimizar a queda de pressão.

As linhas de descarga são dimensionadas de modo que a velocidade nas linhas verticais fique entre 5 e 15 m/s. Limite a velocidade em linhas horizontais a 2,5 m/s. A velocidade do refrigerante deve ser suficientemente alta para manter o óleo no fluxo. Se for lenta demais, o óleo não retornará para o compressor. Se a velocidade do refrigerante for alta demais, o nível de ruído e a queda de pressão irão aumentar. Quedas de pressão de até 0,7 bar (10 psi) nas linhas de descarga são aceitáveis.

Observação: A capacidade de resfriamento nominal do equipamento totalmente carregado é

de 10 kW. Em sua velocidade mais baixa, a capacidade de resfriamento do equipamento é de aproximadamente 2 kW.

Observação: Leve em consideração o estado carregado e descarregado do compressor para

garantir que a faixa de operação permanece dentro desses limites.

Observação: Altere o tamanho do tubo antes do sifão tipo “P”. Consulte “Diagrama da

tubulação de refrigeração” na página 11.

Todas as linhas de refrigerante devem ser, tanto quanto possível, curtas e diretas. As linhas de descarga horizontais devem ter uma inclinação descendente mínima de 4 mm por metro na direção do fluxo para auxiliar no retorno do óleo. Instale sifões nas linhas de descarga verticais a cada 6 m, aproximadamente, para garantir o retorno adequado do óleo. Normalmente, os sifões não são necessários na base das linhas de descarga; no entanto, faça uma curva na linha na direção do piso antes de passá-la verticalmente para evitar a drenagem do óleo de volta para o compressor durante os períodos de desligamento.

(25)

Normas ASHRAE para comprimentos equivalentes de conexões e válvulas da tubulação

Tamanhos de linha recomendados

Tipo de conexão ou válvula — Comprimento equivalente do tubo em metros (pés) Tamanho do tubo ACR, diâmetro externo Válvula de

gaveta padrão 90°Cotovelo Acoplamento reduzido “T” de saída lateral Válvula angular

1/2 pol. 0,18 (0,6) 0,43 (1,4) 0,43 (1,4) 0,82 (2,7) 1,83 (6,0) 5/8 pol. 0,21 (0,7) 0,49 (1,6) 0,49 (1,6) 0,91 (3,0) 2,13 (7,0)

Comprimento equivalente

m (pés) Tipo de linha ACRD100, ACRD101 (diâmetro externo)

15 (50) Linha de descarga (horizontal) ACR de 5/8 pol. Linha de descarga (vertical) ACR de 1/2 pol. Linha de líquido ACR de 1/2 pol. 30 (100) Linha de descarga (horizontal) ACR de 5/8 pol. Linha de descarga (vertical) ACR de 1/2 pol. Linha de líquido ACR de 1/2 pol. 46 (150) Linha de descarga (horizontal) ACR de 5/8 pol. Linha de descarga (vertical) ACR de 1/2 pol. Linha de líquido ACR de 1/2 pol.

Observação: Todos os tubos de refrigerante devem ser ACR retos para que a pressão máxima de trabalho seja de 565 psig ou superior.

Observação: O comprimento equivalente do tubo da linha de descarga de 1/2 pol. de diâmetro externo deve ser mantido abaixo de 18 m.

Observação: O comprimento equivalente total da linha de descarga deve ter menos de 46 m para evitar uma queda excessiva de pressão do gás quente, o que pode aumentar a pressão de descarga durante dias quentes de verão.

Observação: Para um comprimento equivalente total de 61 m, a carga deve ser reduzida em 5%.

(26)

Conecte as linhas de refrigerante

Certifique-se de usar somente tubo limpo grau refrigerante (ACR Tipo L) e siga os procedimentos padrão para seleção do tamanho do tubo para equipamento refrigerado a ar. O comprimento equivalente máximo admissível entre o evaporador e o condensador é de 61 metros equivalentes. Trechos verticais (gás quente) exigem um sifão a cada 6 m de subida.

Observação: Ao soldar linhas de refrigeração de cobre instaladas em campo, faça uma purga

com nitrogênio para minimizar a contaminação do sistema de refrigeração durante o processo de soldagem.

O equipamento refrigerado a ar foi secado na fábrica e é fornecido com uma carga de retenção de 207 kPa de nitrogênio. Verifique se há vazamento nas conexões de refrigerante antes de trocar a carga de retenção.

Conecte as duas linhas de refrigerante ao equipamento usando as conexões fornecidas. Consulte “Kit de instalação” na página 5.

Condensador

Instale o condensador e conecte os tubos de acordo com as instruções fornecidas.

Receptor de líquido

Instale o receptor de líquido de acordo com as instruções incluídas no kit.

Observação: Instale uma porta Schrader de 3/8” na saída da linha de líquido do receptor de

(27)

Bomba de condensado

O cabeamento das bombas de condensado  é feito na fábrica e a sua tubulação é ligada internamente ao reservatório de condensado. As bombas são capazes de mover líquidos até 15,2 m, no máximo, o que pode incluir uma elevação máxima de 4,9 m a partir do nível do solo. Por exemplo, para uma elevação de 3 m, haverá apenas 12,2 m de funcionamento útil restante. As bombas também usam chaves internas da bóia de nível alto de condensado, que são ligadas à entrada do alarme para oferecer recursos de alarme local e remoto.

Conexão do dreno da bomba de condensado. É fornecida uma linha de drenagem de PVC suficiente  para direcionar o dreno para fora do equipamento. Forneça mais linha de drenagem na instalação para permitir o direcionamento para um dreno remoto.

Aviso: Não exceda o comprimento de funcionamento ou de elevação do sistema de drenagem.

na

26

70

a

Aviso: Para evitar danos nos

equipamentos decorrentes da condensação, não deixe a linha de drenagem de

condensado enrolada dentro da unidade. Direcione a linha de condensado para fora da parte superior ou inferior da unidade conforme mostrado na próxima página.

(28)

Direcionamento da linha de drenagem da bomba de condensado. Direcione a linha de drenagem de condensado pela parte superior ou inferior do equipamento para um dreno adequado. na 26 71 a Direcionamento do dreno da bomba de condensado superior

Observação: Siga todas as

normas e códigos locais ao instalar a linha de drenagem de

condensado no sistema de drenagem.

Cuidado: Se a linha de

drenagem de condensado não for direcionada corretamente antes da operação, poderá haver danos provocados pela água.

na 26 72a Linha de drenagem de condensado Direcionamento do dreno da bomba de condensado inferior

(29)

Sensor de vazamento (opcional)

Instale um sensor de vazamento (AP9325). Para aumentar o comprimento do sensor de vazamento, inclua até três sensores de vazamento adicionais (AP9326).

1. Conecte o sensor de vazamento ao

equipamento usando a porta do detector de vazamento, conforme mostrado.

2. Posicione o sensor de vazamento dentro ou fora do equipamento.

3. Direcione o sensor de vazamento para a parte externa pela placa inferior ou pela porta. 4. Prenda o cabo do sensor de vazamento nas

superfícies usando abraçadeiras para cabos e

na1 58 4a na2 76 0 a AP9325 AP9325 na 26 7 6a Porta do detector de vazamento

Observação: Instale os sensores

de vazamento em uma superfície limpa e não permita que toquem em um metal que esteja em uma corrente de ar.

(30)

Adição de uma carga de retenção

O R-410A é um refrigerante misto. Quando este equipamento é carregado com refrigerante misto, é necessário carregar somente refrigerante líquido.

Cuidado: Se a carga não for feita somente com refrigerante líquido, o sistema poderá ser

danificado.

Observação: O equipamento deve ser carregado somente com R-410A. É responsabilidade

da contratada para a instalação fornecer refrigerante suficiente para uma carga completa do sistema durante a inicialização.

Observação: É muito importante anotar a quantidade de R-410A usada nesta pré-carga. Observação: É recomendável instalar o acessório de montagem da válvula de isolamento

(ACAC10022) para facilitar o transporte do equipamento após a instalação.

1. Se estiver instalado, abra as duas válvulas de bloqueio acima ou abaixo do equipamento. Não feche as válvulas a menos que haja necessidade de remover a tubulação de entrada.

2. Pressurize o sistema com nitrogênio a 17,2 bar (250 psi). Deixe o sistema pressurizado durante 24 horas (recomendado) e, em seguida, verifique nos medidores se houve uma queda de pressão. 3. Use uma bomba de alto vácuo e puxe o primeiro vácuo até 750 mícrons. Aguarde uma hora

(o vácuo não deve subir acima de 1500 mícrons) e, em seguida, quebre o vácuo com nitrogênio. 4. Puxe um vácuo final até 300 mícrons durante 2 horas, no mínimo.

Cuidado: Instale uma válvula de esfera antes do medidor de vácuo para evitar danos

no medidor durante a carga.

5. Usando a tabela de carga, calcule a carga total necessária e carregue até 80% desse total. Consulte “Tabela de carga” na página 26.

6. Registre a quantidade de refrigerante usado de modo que a carga possa ser completada posteriormente.

7. Faça a carga com R-410A líquido até que a pressão do sistema se iguale ao recipiente de refrigerante.

a. Aplique a carga na porta de manutenção da linha de líquido na parte interna do equipamento.

(31)

Tabela de carga

Modelo do condensador Temperatura ambiente selecionada Carga de verão no condensador (lb)

Carga inundada no condensador (lb) para diferentes temperaturas mínimas do ambiente externo

4°C (40°F) -7°C (20°F) -18°C (0°F) -29°C (-20°F) -40°C (-40°F) ACCD75214 95°F 4,9 12,1 12,9 13,3 13,6 13,9 ACCD5214 105°F 4,9 12,1 12,9 13,3 13,6 13,9 ACCD75215 115°F 8,5 21,1 22,4 23,1 23,6 24,1 ACCD75216 35°C 3 6,8 7,2 7,4 7,6 7,7 ACCD75218, ACCD75220 40°C 3 6,8 7,2 7,4 7,6 7,7 ACCD75217, ACCD75219 46°C 5 13,5 14,4 14,8 15,2 15,5

Carga total - Carga da unidade RD + Carga de verão no condensador + Carga inundada no condensador (para temperatura ambiente mínima possível) + R410A líquido em tubo para líquido

A carga da unidade RD é de 1,6 kg (3,5 lbs)

A densidade de R410a líquido a 105°F 260 psig é de 61,0 lbm/ft3

A área transversal para tubo ACR com 1/2 polegada de diâmetro externo é de 0,0010554 pés2

R410A na linha de líquido com diâmetro externo 1/2 - Área x Comprimento em pés x densidade - 0,0010554 (pés2) x C (pés) x 61,0 (lbm/ft3)

A carga na linha de líquido para tubo de cobre ACR com 1/2 polegada de diâmetro externo é de 0,095 kg/m A área transversal para tubo ACR com 5/8 polegada de diâmetro externo é de 0,001619 pés2

R410A na linha de líquido com diâmetro externo 5/8 - Área x Comprimento em pés x densidade - 0,001619 (pés2) x C (pés) x 61,0 (lbm/ft3)

A carga na linha de líquido para tubo de cobre ACR com 5/8 polegada de diâmetro externo é de 0,146 kg/m Exemplo: Calcule a carga total de R410A para o FCB5, com uma tubulação de líquido de 25 pés de comprimento e diâmetro externo de 1/2 pol. e temperatura externa mínima projetada de 20°F.

(32)

Conexões elétricas

As conexões elétricas necessárias em campo são:

• Controles (display, placa de gerenciamento de rede) • Comunicação (A-Link, sistema de gerenciamento predial) • Alimentação elétrica para o InRow RD (uma fase mais terra) • Alimentação elétrica para o aquecedor do receptor de líquido

Todas as conexões elétricas deverão estar de acordo com as diretrizes aplicáveis do setor e também com as normas e códigos nacionais e locais.

Consulte os requisitos de tensão e de corrente na placa de identificação do equipamento.

Faça todas as conexões de baixa tensão, inclusive as conexões de dados e de controle, com cabos devidamente isolados. O isolamento do cabeamento de baixa tensão deve suportar no mínimo a tensão de qualquer cabeamento adjacente.

Risco elétrico:Existem tensões potencialmente perigosas e letais neste equipamento. Talvez seja necessária mais de uma chave de desconexão para energizar ou desenergizar este equipamento. Siga todos os avisos e advertências. Se você não fizer isso, poderá haver ferimentos graves ou morte. Somente equipes qualificadas de manutenção e assistência técnica podem trabalhar neste equipamento.

Risco elétrico: O equipamento deve estar aterrado. Verifique os valores nominais corretos

na placa de identificação do equipamento.

Aviso: Use um voltímetro para garantir que a energia esteja desligada antes de fazer conexões elétricas.

Conexões de controle

Observação: Todas as conexões de entrada e de saída de baixa tensão devem ser feitas como

circuitos Classe 2.

Dependendo da configuração, talvez sejam necessárias conexões de controle adicionais para a comunicação A-Link remota através do suporte da placa de gerenciamento de rede da APC ou de um software tradicional de monitoramento de equipamentos.

(33)

Conexões da interface do usuário

 Portas A-Link: Pino 1 = Alto; pino 2 = Baixo; Pinos 3,6 = Energia Perf; Pinos 4, 5 = Terra

 NA (contato normalmente aberto)

 Botão de reinicialização COM (contato comum)

 Porta de rede ! NF (contato normalmente fechado)  Blindagem/terra " Porta RS-232 do console

 A- = Verdadeiro # Entrada do alarme do trocador de calor externo - (não usado)

 B+ = Verdadeiro $ Entrada do alarme do trocador de calor externo +

na 26 88a Contatos de entrada de desligamento e contatos de saída de alarme Controle Modbus Trocador de calor externo

(34)

Contatos de alarme Form C e entrada de desligamento

Consulte os itens 6 a 13 em “Conexões da interface do usuário” na página 28. Um relé interno para a interface do usuário é controlado por um alarme definido pelo usuário (por exemplo, ventiladores com defeito). Antes de uma condição de alarme, o sinal no terminal COM (comum) é direcionado para o terminal NF (normalmente fechado). Quando o alarme é ativado, o relé é energizado, fazendo com que o sinal do terminal COM seja direcionado para o terminal NA (normalmente aberto). Os terminais NA e NF podem ser conectados a luzes indicadoras remotas, a uma campainha de advertência ou a outro dispositivo para alertar um operador sobre a presença de uma condição de alarme.

na 22 50 a + _ Chave de desconexão remota

(35)

Sensor de temperatura do rack

O sensor de temperatura do rack monitora e controla o fluxo de ar do equipamento e garante um fornecimento adequado de ar de resfriamento para os racks do servidor no data center.

O equipamento é fornecido com um sensor externo de temperatura do rack. Consulte “Kit de instalação” na página 5. Esse sensor, juntamente com grampos e encaixes para cabos, está incluído no kit de instalação fornecido com o equipamento.

Instalação do sensor de temperatura do rack

Observação: A instalação do sensor de temperatura do rack não será necessária se o

equipamento operar nos modos Sistema de contenção de ar do rack ou Sistema de contenção de corredor quente. A configuração do InRow requer a instalação do sensor de temperatura. 1. Insira o conector do sensor de temperatura do rack na porta do sensor de temperatura na interface

do usuário. Consulte “Conexões da interface do usuário” na página 28. a. Para uma instalação pela parte superior,

pressione o sensor de temperatura do rack através da porta localizada na parte superior do equipamento.

b. Para uma instalação pela parte inferior,

direcione o sensor através do furo de acesso na parte inferior do equipamento.

2. Direcione o sensor através da parte superior ou da parte inferior do rack do servidor adjacente. 3. Prenda o cabo do sensor de temperatura na porta

frontal do rack do servidor adjacente em vários locais usando os encaixes para cabo fornecidos, conforme mostrado. Consulte “Kit de instalação” na página 5.

Instale o sensor nos locais onde é mais provável que ocorra falta de ar de resfriamento suficiente. A posição ideal do sensor de temperatura do rack irá variar de acordo com a instalação, mas ele deve ser colocado onde exista fluxo de ar para permitir leituras adequadas.

Os servidores com maior probabilidade de ter ar de resfriamento insuficiente ou ar resfriado de modo inadequado devido à recirculação de ar quente do corredor quente incluem:

a. Servidores posicionados na parte superior de um rack.

b. Servidores posicionados em qualquer altura no último rack em uma extremidade aberta de

g e n0 74 4a gen 07 67 a Encaixe para cabo Sensor de temperatura

(36)

Conexões A-Link

A conexão do barramento A-Link permite que vários equipamentos InRow RD (até doze) se

comuniquem entre si. Somente um InRow RD precisa ser definido através do display; os outros InRow RDs são numerados automaticamente.

Para permitir que os InRow RDs funcionem como um grupo, conecte-os usando os cabos fornecidos ou cabos CAT-5 com conectores RJ-45. Um terminador (150 Ohms, 1/4 W) está instalado na porta A-Link e deve permanecer inserido nas portas A-Link do primeiro e do último InRow RDs apenas.

O comprimento máximo do cabo para o grupo todo não pode ultrapassar 1000 m.

 Porta de saída A-Link (com terminador RJ-45 fornecido)

 Porta de saída A-Link

 Porta de entrada A-Link  Porta de entrada A-Link (com

na26

77

a

(37)

Sistema de gerenciamento predial (BMS, Building Management System)

A interface Modbus permite que cada InRow RD se comunique com o BMS. Use um cabo de três fios para conectar cada InRow RD. Conecte um resistor terminador de 150 Ohms, 1/4 W (incluído) no MODBUS mestre e no InRow RD final, entre o Modbus D0 e o Modbus D1.

Cada InRow RD possui um terminal Modbus de três fios na interface do usuário. Use um conector com terminais roscados para permitir a conexão do cabeamento. Consulte “Conexões da interface do usuário” na página 28 para obter o layout específico da interface do usuário.

Para obter informações sobre configuração de parâmetros Modbus, consulte o Manual de

Operação do InRow RD.

 Resistor de terminação (fornecido)  Cabo Modbus (RS-485)

na

26

78a

InRow RD nº 1 InRow RD nº 2 InRow RD final

(38)

Porta de rede

 Porta de rede

 Cabo de rede local (10/100 Base-T)

na

267

9a

Switch/Hub

(39)

Conexões elétricas

Configurações de cabeamento

Direcione a alimentação de entrada para a caixa de junção elétrica localizada na parte superior ou inferior do equipamento.

Risco elétrico:Somente um eletricista licenciado pode conectar o equipamento à rede elétrica.

Faça o procedimento de bloqueio e etiquetagem (lockout/tagout) de todas as fontes de alimentação antes de trabalhar com o cabeamento elétrico.

Não use adereços, como relógios de pulso ou anéis, quando trabalhar perto de componentes energizados.

Observe todas as normas e códigos de eletricidade nacionais e locais.

Observação: Para facilitar a instalação e a futura remoção do equipamento para reparos, use

conduítes flexíveis para o cabeamento de energia.

Direcionamento pela parte superior

1. Remova a tampa da caixa de junção elétrica.

2. Direcione o cabeamento elétrico até a caixa de junção elétrica, conforme mostrado.

3. Prenda o cabo de entrada com um conduíte padrão para alívio de tensões de 20 mm (3/4 pol.) nominal (não fornecido).

4. Conecte os cabos de alimentação aos terminais confirme mostrado e aperte os parafusos até o valor mostrado na etiqueta.

5. Reinstale a tampa da caixa de junção elétrica.

Direcionamento pela parte inferior

1. Corte com cuidado todos os grampos para cabos que prendem o cabo elétrico ao bastidor do gabinete. Remova os grampos para cabos do gabinete e descarte.

2. Remova dois parafusos que prendem a caixa de junção elétrica

na26

45

(40)

Conecte o aquecedor do receptor de líquido

O receptor de líquido é equipado com um aquecedor para manter o refrigerante aquecido durante condições climáticas extremamente frias. O aquecedor requer uma instalação elétrica de 208 a 240/monofásica/60 Hz conectada ao painel elétrico do condensador (consulte os desenhos do projeto para obter detalhes).

Aviso: Faça as conexões elétricas de acordo com todas as normas e códigos nacionais e locais.

(41)

Interferência de Freqüência do Rádio

USA—FCC

This equipment has been tested and found to comply with the limits for a Class A digital device, pursuant to part 15 of the FCC Rules. These limits are designed to provide reasonable protection against harmful interference when the equipment is operated in a commercial environment. This equipment generates, uses, and can radiate radio frequency energy and, if not installed and used in accordance with this user manual, may cause harmful interference to radio communications. Operation of this equipment in a residential area is likely to cause harmful interference. The user will bear sole responsibility for correcting such interference.

Canada—ICES

This Class A digital apparatus complies with Canadian ICES-003.

Cet appareil numérique de la classe A est conforme à la norme NMB-003 du Canada.

Japan—VCCI

This is a Class A product based on the standard of the Voluntary Control Council for Interference by Information Technology Equipment (VCCI). If this equipment is used in a domestic environment, radio disturbance may occur, in which case, the user may be required to take corrective actions.

この装置は、情報処理装置等電波障害自主規制協議会(

VCCI

)の基準に基づくクラス

A

情報技術装置です。この装置を家庭環境で使用すると、電波妨害を引き起こすことがあ

ります。この場合には、使用者が適切な対策を講ずるように要求されることがあります。

Taiwan—BSMI

警告使用者 :

這是甲類的資訊產品 , 在居住的

環境中使用時 , 可能會造成射頻

干擾 , 在這種情況下 , 使用者會

被要求採取某些適當的對策。

Australia and New Zealand

Attention: This is a Class A product. In a domestic environment this product may cause radio interference in

which case the user may be required to take adequate measures.

Aviso: Alterações ou modificações nessa unidade sem uma autorização expressa pela parte responsável pela conformidade do produto poderá invalidar a autoridade do usuário para operar este equipamento.

(42)

Atendimento mundial ao cliente da APC

O atendimento ao cliente para este ou qualquer outro produto da APC é fornecido gratuitamente de uma das seguintes maneiras:

• Visite o site da APC na Web para encontrar respostas às perguntas mais freqüentes (FAQs), ter acesso à Base de Conhecimento (Knowledge Base) da APC e solicitar atendimento ao cliente. – http://www.apcc.com(Escritórios centrais da empresa)

Conecte-se, através de links, às páginas da APC na Web destinadas a países e regiões específicas, as quais fornecem informações sobre o atendimento ao cliente.

– http://www.apcc.com/support/ Solicite atendimento ao cliente.

• Entre em contato por telefone ou e-mail com o centro de atendimento ao cliente da APC. – Centros regionais:

.

– Centros locais, específicos de países: visite http://www.apcc.com/support/contact para obter informações sobre o contato.

Entre em contato com o representante ou distribuidor da APC onde o produto foi adquirido APC para receber informações sobre como obter atendimento local ao cliente.

América Latina (1)(401)789-5735 (E.U.A) Europa, Oriente Médio e África (353)(91)702000 (Irlanda)

Imagem

Referências

temas relacionados :