te.*,,., Dá % Os protestos contra o fechamento Albüquerque vê Amazônia sob pressões

Texto

(1)

TEMPO: liom. TEM- 1'BRATUHAi eilúvel.

VKiNTOS: finco» v vn- rliíveis. VISI».: lion.

MÁXIMA: 20.6. Mf- NIMA": 12.fi. (Mnía <lo.

tnllies nn Tfi. púg. <l»

Cnd. dc Classificados)

S. A. JORNAL DO BRASIL ••

Av. Rio Branco, 110/112 - End Tel. JORBRASIL - GB - Tel RÊde Interne 22-1818 - Telex n.o. 43) _ 432 -- 433 - Su- cursai!! S. Paulo - Av. São Lufi, 170, loia 7, Tel. 32-8702.

Brasília - Setcr Comercial Sul - S.C.S. - Quadra 1 - Bloco 1.

End. Cenlral, 6° and., «r. 602/7.

Tel. 2-8866. B. Horizonte - Av.

Afonso Pena, 1 500, 9.o and. Tel, 2-5848. Nilerói - Av. Amaral Peixoto, 116. grupos 703/704.

Tels. 5509 e 21730. Pôrlo Ale- gre - Av. Borges de Medei- ros, 916, 4,° and., Tel. 4-7566.

Recife - Rua União, Ed. Su maré, s| 1 003. Tel. 2-5793.

Correspondentes! Manaus. Belém.

S. Lufs, Teresina, Fortaleza, Na- tal, Joio Pessoa, Maceió, Aracaiu, Salvador, Vitória, Curitiba, Fio- rianópolii, Goiânia, Montevidéu, Washington, Nova Iorque, Paris, londre!. PREÇOS: VENDA AVUL- SA GB e E. do Rio: Dias úleis NCrS 0,20 - Domingos, NCrS 0,30; SC, DF e BH: Dias úteis, NCr$ 0,40; Domingos. NCrS 0,50;

Estados do Sul: Dias úteis. NCrJ 0,40 - Domingos, NCrS 0,65;

Nordeste (até PB): Dias úleis, NCrS 0,40 - Domingos, NCrS 0,65; Norte (RN até AM): Di úteis, NCrS 0,60 - Domingos, NCrS 1,00; Oeile (GO. MT): Dios úteis NCr$ 0,40 - Domingos, NCrS 0,65; SERVIÇO POSTAL (BRASIL) Ano, NCrí 50,00; Semestre, NCrS 26,00; Trimestre, NCrS 15,00 - ENTREGA DOMICILIAR: Guanaba- ra. Trimestre, NCrS 18.00; Semei- rre, NCrS 36,00 - Exterior (V.

A6REA) - EUA: Menial, USS 10;

Trimeitre: US$30; Argentina PAS 60 e PAS 100; Uruguai $8, dias úteis, e $15 domingos; Chile, dlai úteis, 1,50 escudos, domingos, 2.70 escudos.

ACHADOS E PERDIDOS.

ATENÇÃO - Perdeu-se no per- curso compreendido entre a Av.

Presidente Vargas n.° 3016 e a Praça 15 de Novembro, nesta VJ°'de' no, dia 24 de abril de IVoS, a placa de experiência numero GB 4-14 pertencente a Çarrosserias Vieira Comércio e Industrie S.A. Roga-se a quem encontrou entrega-la no primei- ro^endereço acima aludido ESQUECEU-SE dia 25-4-68 no ôní- bus 136 (linha Leopoldina - Bairro do Peixoto) uma pasta comendo os Livros de Registro de Compras e Registro de In- yentário e oiríros documentos da firma Benjamin Ferreira da Cunha/

Jr. Gratifica-se bem a quem devolver - Sr. Cavalcanti - Te- lefcno: 23-8788.

EXTRAVIARAM.SE os livros de Reg. Pag, do Imp, s{ serviços n.

1 e Enlrada de Mercadorias n ° 1 da firma TINTURARIA E LAVAN- DERIA SOCIAL LTDA., estabele- cida na Rua Conde de Bonfim

•n.o

36 GLP, inscrita no Codas- tro Fiscal sob o n. 266448.00.

Ambos os livros . estavam aulen- ti ca d os.

ENCONTREI Copacabana, CBdelã pequena beje. Telefonar 36-3567.

FOI PERDIDO" um carne Fundo Mutuo SAVIP n.» 134 de Ney da-Silva Soares.

GWIFICA-SE quem devolver ca- dela vlra-lata branca eabeçe pre-

¦ta orelhas erectai, manche preta, perna traieira, fugid» meados afarrl Prèia da Bica 1151 - liha do Governador.

PERDEU-SE o cartão de inscrição n.o 262 209.00 da Alfaiataria Nas- sch Ltda. Rio, 6 de maio dt 1968. Nicolau Nasseh.

EMPREGOS SERVIÇOS DOMÉSTICOS

AMAS- ARRUMADEIRAS COPEIRAS

ARRUMADEIRA - Precisa-se, dor- mihdo fora. Av. Prado Júnior n.

181 ap. 903. Copacabana.

AGENCIA TIJUCA - GRAJAU - 38-2176. Peça sua empregada, va.

Sas pi amas, arrum., coiinh. e um casal s' filho. Tragam rcupa. — Rua Uruguai n. 194, loia 31. -

D, Dulce.

ARRUMADEIRA com prática, ida- de 25 a 35 anos. Ordenado: 100 cruzeiros. Tel. 46-9659. Jardim Botânico — Rua Joaquim Campos Parlo n. 70. Entrar Rua Pacheco Leão.

ARRUMADEIRA - Precisa-se de uma das 8 às 17h. Paga-se NCrS 80,00. Tralar na Rua Osório de Almeida, 9.

AGENCIA SAO JUDAS TADEU oferece ótimas empr. domésticas efetivas, diaristas, faxineiros. Telt. 57-7106 ou 57-0632~.

ARRUMADEIRA que sirva o jan- tar e trabalhe somente na parle da tarde. R. Júlio de Castilhos, 79 ap. 201. Copacabana. Tratar pela manhã.

.--.RRUMADEIRA - Precisa-se para familia, dorme fora e folga aos domingos. Pede-se carteira. Rua Santana, 186 ap, 201.

ACOMPANHANTE - Precisa-se senhora para companhia ' Jovem oente, com referências. Rua Vis- ..•>ndt de Pirajá, 452, ap. 202 BABA - Precisa-se na Rua Peri n. 365 - Jardim Botânico. - Tel. 26-8961 - Pede-se referên- cias - Ordenado NCrS 60,00.

•ABA' - ARRUMADEIRA - Pre- cisa.jt - boa aparência • reftran- ci»» -, Tratar 57-9354.

BABA — Preciso com referências de um ano. João Lira, 2051301 - leblon .

BABA - Portuguesa. NCrS 1(0,00 para 1 criança de um ano, idade 30 a 40 anos,, referências mini- mas dt um ano. Rua Almirante Guilh.n 35, ip. 302. leblon.

BABÁ — Familia de alto trata- mento procura babá de preferên- cia portuguesa,, pura criança de 1 and. Exigem-se sólidas referên- cias. Salário inicial básico: NCrS 90,00, de acordo com as qualifi- cações. Tratar pessoalmente com D. ISA. R. Raul Prmoéia n. 29, ap. 501. Tel. 47-3663;___

BABA' - Precisa-se com práti"

ca e referências. Paoa-se bem Rua Fig. Magalhães, 122, ap. 901

Dona Sônia.

JORNAL DO BRA

Rio de Janeira — Terça-feira, 7 de maio de 1968

BABA - Precisa-se de mocinha de 13 a 16 anos para ajudar com erian;as. Av. Copacabana, 876, apartamento 706.

COPEIRA - Arrumadeira - Pre- cisa-se na Rua Paissandu,. 93, api, 903. Só se admite c/ do- ceiTi-i, NCrS . 75,00.

COPEIRA - Precisa-se (om práti.

<a e boas referências, na Rua Mi- nistro Viveiros de Castra n.* 47, ap. 601 - Tel.: 37-9961.

COPEIRA Precisa-se exige-se referencias. Paga-se bem, 25-2791 Rua Paissandu 384.

EMPREGADA - Oferece-se pl todo serviço de seg. a sexta, c|

criança. Das 8 às 17h. Av. Copa- cabana n. 1 107, Cacilda, 13.°

andar. .

EMPREGADA Precisa-ce para casa!. Pedem-se carteira cu refe- rencias.- Rua Aires Saldanha n.°

139, ap. 801. Tel. 56-6280 - Me.

Fany.

EMPREGADA para todo terviço, lavar e cozinhar, dormt no em- prego. Tretar Av. Vieira Souto, 690, 5,« de 1 es 3. Tel.i 47-4792.

A LUTA POR UM FUTURO SADIO

?9££ iílü-:. '¦'•

te .*,,., %

l -' $ik '

v " 'iMtt&ÉáSllí

j&iêuêkm :; iMy.. y.y!M yyy&y - '^ipojí

. —. . "#¦ www

..JMIIir ¦—"•• " "*" ^^BflH \\\\\\\\\\\\W'.

¦¦¦ ¦¦

'¦¦¦ -; ¦ MjMJ v;:.:^li:;i-:IÍi:^pÍÍ|;^^S:C :|;i:;-?éí::te;í;: : :C;-'-.;-^::/:;:,-vi;::;:;¦¦;:í

^MjMyyyyy ^BtÈ^^*.'-'¦yy''--j ¦¦ ¦ ^:^^^^^S*p¦ IíSS^jBhhmIí;y 'y^&yj°;P<:-:¦

.'¦•'-¦¦y¦:¦:.•:¦'--.'¦'-:'¦ TOD ^Bty.'-fi-J--Jfi'fi JJ.J ¦•'¦ ¦'¦'¦¦¦' WÉÈÊàfifi:'---'

RS Bit' j>i:^BHroP^^^BH^B^^.te^wí^J^^'"^™^jlBll^^ ffl - ,*®" ^

Governo

,/V

..,'->'¦ 1 i , ¦.:..;.

.-,i_ ;• ; ' 'fi.fi ) . ' fiMMfir-,--

cria órgão para acabar favelas

O Presidente Costa e Sil- va criou ontem a Coordena- ção de. Habitação de Interês- se Social da Área Metropoli- tana do Grande Rio e a ela deu a tarefa de planejar, a erradicação de favelas, no Rio e em municípios vizi- nlios do Estado do Rio, a curto e médio prazos,, com base em estudos sócio-econô- micos, territorial e habita- cional.

O Rio tem atualmente 230 favelas — 26 às margens da Lagoa Rodrigo de Frei- tas —, com cerca dé 800 mil habitantes. Os outros gran- des núcleos de favelas são o

Engenho Nòvo (18), .Madu- reira (18), Ramos (22), São Cristóvão (16) e Ilha do Go- vernador (15) .• O desfavela- mento será coordenado por técnico indicado pelo BNH.

A idéia de estudar-se a erradicação das favelas ca- riocas e fluminenses partiu • do Ministro Albuquerque Li- ma, que só a apresentou ao.

Marechal Costa e Silva de- pois de ouvir òs órgãos que cuidavam do assunto. O Go- vêrno da Guanabara espera- va o decreto, mas não o re- cebeu com inteiro

(Página 7)

agrado.

Irritadas com o pouco caso de ãezeiias áe pais pela saú- áe de seus próprios filhos, as atenãentes âos centros de saúde âo Estado — e isso ocorreu bastante no posto âo Méier — aproveitaram on- te\n- o .cpmpçrècimento das . crianças levadas para rece- ber a vacina antipólio e, substituindo às vezes o "jei- Unho" pela energia, as imu- nizaram contra outras doen- ças, sobretudo a varíola e a febre tifóide. A SUSEME considerou baixo o número de crianças vacinadas no início áa campanha contra, a poliomielité, que apresen- tou. maior movimento na Zona Norte e subúrbios. Há um pôslo perto de sua casa e lá seus filhos poderão ser ¦ imunizados, até o dia 15, das S às 16 horas. (Página 5)

Rampa de S. Cristóvão deve cair

Além do prejuízo de • NCrS 200 mil à Secretaria de Turismo

— que teve seu depósito destrui- do —'-, o incêndio ocorrido do- mingo no Viaduto áz São Cris- tóvão abalou seriamente a ram- pa que dá acesso da Zona Nor- te para a Quinta da Boa Vista, que deverá ser demolida, mas a decisão final dos técnicos só será conhecida amanhã ou depois.

Com a interdição da rampa que dá acesso aos veículos ori- ginários da Zona Norte, pela Rua Bartolomeu ds Gusmão, o tráfego esta sendo feito nor bai- xo do viaduto: até a rampa de descida, onde foi adotado o re- gime de mão dupla. O Governa- dor Negrão de Lima já autorizou a construção de um galpão para servir de depósito à Secretaria de Turismo. (Página 5)

oa

Igreja faz reservas à aparição

A anunciada aparição Virgem Maria sôbre umã igreja copta ortodoxa, nas cercanias do Cairo, 'deve ser encarada

"com a mesma reserva que apli- camos a fatos ocorridos dentro de nossa Igreja", declarou um alto dirigente do Vaticano, res- saltando: "Não quero dizer que não houve aparições., mas que não temos elementos para julgar". - > . .-.-."

No Rio, o Secretário dc Re- Sional Leste I da Conferência dos Bispos, padre .beneditino D. Cirilo Folclr Gomes, disse ' acreditar na noticia por provir do Arcebispo Atanásios, em nome do patriarca Kyrilòs, em- bora. seja precária e sem cunho oficial, e que a aparição não significa lima chancela, mas um estímulo à devoção e à con- versão. (Página 11)

Albüquerque vê Amazônia sob pressões

Em tom dramático, o Minis- tro do Interior, General Albu- querque Lima,' advertiu ontem, no início do n Fórum sôbre a Amazônia, na Casa do Estudan- . te, sóbre o perigo dás pressões potenciais imternas e externas qúe incidem sôbre a Amazônia, acrescentando que "desde já de- vemos tomar medidas de resis- tância contra esses interesses".

Lembrou que nenhum plano de ocupação da Amazônia terá va- lidade se não contar com a par- ticipação das Forças Armadas, mas que elas, por suá vez, "de- verão compreender que não se trata de uma operação mera- mente militar e sim de uma operação em termos bem mais amplos, dei interesse econômico-

> social, segundo' os conceitos de desenvolvimento". (Página 18)

OLSS^BII

— N.o 23

-Z

Aliados repelem ataque contra Saigon e matam mil vietcongs

As forças aliadas repeli- ram a ofensiva vietcóng e n o r t e-vietnamita, lançada na madrugada de sábado contra 119 posições no Viet- name do Sul, ejá mataram mil guerrilheiros, frustrando sua tentativa de estabelecer posições em Saigon e Dong Ha, a grande base america- na ao sul da Zona Desmilita- rizada.

A informação é do Coman- do Militar de Saigon, que considerou a ofensiva menos intensa do que a de Tet, em- bora mais coordenada. A lu- ta intensificou-se ontem nos-

Chegam a 100 as emendas à sublegenda

A Comissão Mista que exa- minará o projeto das sublegcn- das já recebeu mais de 100 emendas e acredita-se que até amanhã, quando se encerrará o prazo, esse número poderá su- bir para 130. No dia 21, a Co- missão se reunirá para a leitu- ra, discussão e votação do pa- recer ao projeto e às emendas, que será dado pelo relator Rai- mundo de Brito.

Segundo informam lideres da ARENA, a aprovação do pro- jeto já está assegurada, por cau- sa do apoio que tem na banca- da governista, e ele não deverá sofrer nenhuma modificação fundamental, embora estejam previstas algumas mudanças. O MDB passou a admitir sua par- ticipação da votação, desde que tenha condições de derrotar o projeto. (Página 3)

subúrbios de Saigon e nos bairros próximos, como Cho- lon, onde os combates são mais violentos. Perto do ce- mitério francês de Saigon morreu mais um jornalista

— o quinto — e outro ficou ferido.

Foguetes lançados pelo Vietcóng explodiram em pie- no centro de Saigon, visando o aeródromo de Tan Son Nhut, e fora da Capital os combates crescem em Dong Ha. O Vietname do Norte deverá manter a pressão mi- litar ao nivel máximo, e tal-

Cobb escreve mensagens de coração nòvo

James Cobb, em quem o Dr.

Deriton Cooley realizou domingo seu segundo transplante dc co- ração, acordou ontem com força suficiente para escrever mensa- gens à sua mulher e aos medi- cos que o atendem no Hospital Sáo Lucas, de Houston, Texas, onde continuava, em "excelente estado", Everctt Thomas, opera- do 72 horas antes de Cobb.

Em Londres, Frederick West, primeiro paciente de enxerto cardíaco da Inglaterra, riu e pi- llierioü ontem com seus médicos, enquanto na Câmara dos Co- muiis os legisladores discutiam informações de que o coração do doador, Patrick Ryan, bateu levemente depois de comprovada sua morte por dois especialistas.

'Página 2)

vez se preparem para uma ofensiva maior, é o c}ue afir- mani fontes diplomáticas de Londres. "

O Presidente Johnson es- teve reunido com seus envia- dos especiais às conversa- ções de Paris, Averell HarrI- man e Cyrus Vance. Tanto eles como o delegado princi- pai norte-vietnamita, Xuan Thuy, chegam a Paris quin- ta-feira à noite, anunciando- se que as reuniões se realiza- rão no Centro de Conferên- cias Internacionais da Aveni- da Kleber. (Página 8)

Leite vai passar para NCr$ 0,45

Em reunião presidida hoje pelo Ministro da Fazenda, Sr.

Delfim Neto, o Conselho Nacio- nal do Abastecimento poderá aumentar de NCr$ 0,33 para NCr$ 0,45 o preço do litro do leite, que ontem continuou a faltar, na Zona Norte, onde o.

consumo diminuiu em 30 mil litros, segundo estimativa da Cooperativa Central dos Produ- tores de Leite.

Alguns setores da SUNAB acusaram ontem os "interessa- dos no aumento do leite" de ia- zer pressão com a diminuição da distribuição, mas o Presidente da União das Cooperativas Cen- trais de Laticínios garante que

"a situação da pecuária no Pais está calamitosa, e por isso é d?

extrema urgência o reajusta- mento do preço do produto",

(Página 5)

franceses Dez mil estudantes

lutam contra dois mil policiais

Os protestos contra o fe- chamento da Sorbonne e a ' prisão de estudantes provoca- ram uma violência sem pre- cedentes na história das ma- infestações de rua em Paris, quando dez mil estudantes e professores, no Quartier La- ' tin, enfrentavam, até altas horas de ontem, dois mil po- liciais, atirando-lhes parale- lepípedos, pedaços de asfalto e latas de lixo.

Mais de 100 feridos foram recolhidos aos hospitais e inúmeras prisões efetuadas, mas nem os carros-tanques,

Abono entra alterado

no Congresso

O artigo que estabelecia a for- ma pela qual as empresas deve- riam descontar para a Previdên- cia Social foi retirado do ante- projeto de abono salarial, que ontem deu entrada no Congres- so, porque o Governo o consi- derou dúbio. O assunto, depois de estudado por uma comissão especial já nomeada, será iri- cluído na regulamentação da lei.

Fontes do Ministério do Tra- balho revelaram que o Governo decidiu prorrogar a atual legis- lação que regulamenta os au- mentos salariais, que deveria vencer-se a 13 de julho. Acres- cantaram que a prorrogação não será em termos absolutos, de- vendo ser incluído dispositivo tornando móvel a aplicação do resíduo inflacionário aos aumen- tos salariais. (Página 4)

nem as bombas de gás foram suficientes para deter os ma- nifestantes. O próprio Chefe de Polícia de Paris admitiu nunca ter visto tamanha violência.

No Rio, Dom José de Castro Pinto e padre Vicente Ada- mo se reunirão hoje, às 20 horas, no Colégio Santo An- tônio Zacaria, com represen- tantes de 59 Diretórios Aca- dêmicos — a maioria da UEG, PUC, escolas indepen- dentes e entidades estudan- tis —, a fim de discutirem as bases do diálogo entre os

B. Ribeiro fica larga em 6 meses

Dentro de seis meses toda a Rua Barata Ribeiro terá uma largura uniforme de 14 metros, a fim de acabar o afunilamento que se verifica a partir da Rua Siqueira Campos até a Djalma Ulrich. Os trabalhos serão ini- ciados na próxima semana e causarão uma série de trans- tornos aos moradores, entre os quais entulhos na rua e baru- lho à noite.

O Distrito de Obras de Copa- cabana entrou em contato com a Light, a Companhia Telefôni- ca e à Companhia do Gás, a fim de que aproveitem os buracos para uma série de obras de am-^

pliação de suas redes. Também o Departamento de Trânsito se- rá mobilizado para evitar engar- rafamento. (Página 17)

estudantes e o Governo. A FUEC e as extintas UNE, UME e UBES se pronuncia- ram contra a reunião.

Em Belo Horizonte os alu- nos da Faculdade de Mediei- na da UFMG decretaram greve geral até que seja subs- tituído o Diretor Oscar Ver- siani, e o Coronel Medeiros enquadrou sete dos 152 uni- versitários presos sábado úl- timo na Lei de Segurança Nacional. Cêrça de 3 500 estudantes da Universidade Católica também estão em greve. (Páginas 9 e 15).

Festival terá Ella e Belafonte

O Sr. Augusto Marzagão, que retornou de uma viagem aos Es- tados Unidos e Europa, anun- ciou ontem que já está assegu- rada a "participação

de Ella Fitzgerald, Harry Belafonte, Frank Pourcel, Paul Mauriat e Françoise Hardy no m Festival Internacional da Canção, a ter lugar entre 26 de setembro e 6 de outubro, no Maracanãzinho.

As inscrições para a fase na- cional do concurso, que tem o mesmo regulamento do ano pas- sado, deverão ser abertas até o final da próxima semana. O Sr.

Augusto Marzagão disse que os diretores da Rádio e Televisão Francesa e Rádio e Televisãç da Alemanha, Srs. Roland D'Hor- dain e Karl Weiland foram con- vidados e também farão parte do júri do Festival.' (Página 10)

EMPRcGADA - Precis«.se para todo» serviços casal, Rua Mara.

chal Foch, A2, ap. 301 - Bon- sucesso. Tel.^OSOOS.

EMPREGADA - p7ecisa.se pa"rí lodo serviço. Exigem-se referên.

cias e pratica de cozinha. Tcleio-

^e_57-89M _-_D;_Ste I Ia.

EMPREGADA - Precisa-M^rãíT rumar • outros strvisos, casa 3 pessoas »m Copacabana. 57-2854.

Raftnnci».

EMPREGADA - Precisa-se. Tra.

tar das 8 ia 13 horas na Praia de Botafogo, 58, ap. 21.

EMPREGADA - Precisa-se na Rua Senador Vergueiro n. 128-401.

EMPREGADA - Aiudar em casa de família, NCrí 30,00. Rua João Rego,-89, ci 2, ap. 102. - Ola- ria.

EMPREGADA - Serviço geral.

Dormir fora. Rua Aires Saldanha, 104, ap. 202.

EMPREGADA todo serviço p| se- nhora e filho idade escolar. Exi- gem-se referencias. Visc. Pirajá, 514, ap. 302. A noite: . . EMPREGADA todo serviço menos lavar-passar. Preciso. R. Laran- jeiras, .347, c-Q2 - Fone 25-7854.

EMPREGADA -. Precisa-s. de uma. ' Ru» Maria Quitéria n. 77,' Ipanema, - Praça N. S.-di Paz.i

MOÇA —¦ Precisn-se em casa de peq. família. Serviços, dométticcs.

Trivial sVr.ples. Tralar Travessa Jcsé Hlginp, 86 — Tiiuca ou pe- lo, tei. 58-3423.

MOÇA OU SRA., casal com fi-

!ho 2 anos .precisa doméslica, clara, pouco trab. Av. Copaca bana, 583, op. 608.

MOÇA OU MOCINHA - Preci- sa-se para serviços gerais em casa de pequena familia. Dormir no emprego.- Tratar na Rua Itapiru, 1487 ap. COÍ. - Rio Compri.

do.

MOCINHA - Serviço geral. Rua Aires Saldanha, .104—Ap. 202.

OFERECE-SE empresada pcrluguê.;OFEREÇO mocinha pire serviços sa. Rua General Dela

Cstele. re n. ídomésiicos, íem prática. Telefone :36-55ó5.

OFERECEMOS órimas copeíras-ar rumadeiras e babás com documen- tos e boas referências. Telefone 52-4604.

OFERECE-SE senhora de confian- ça para todo serviço de 2 pessoas trivial fino referências. Tel.

47-2M2 Dina. Não . trab. aos domingas.

OFERECE-SE copeiro para casa de tratamento. 52-6235.

OFERECE-SE uma empregada pare todo serviço de pequena familia.

PRECISA-SE arrumadeira-copeira de meia idade com referências, Paga b«m. Av. Osvaído Cruz, 123, ap. 1001.

PRECISA-SE de uma senhora de mela idade ,com documentos _ referências, para todo serviço de um casal, no horário de 8 às lô horat. 60 mil. Rua das Laranjei ras, 83|103.

PRECISA-SE empregada com res- ponsabilidade, que saiba cozinhar

Paga-se muito bem, referên- Com boa-referência. Ttl. 42-4456. eiH. Barate Ribeiro, 433|701

PRECISA-SE empregada- todo ser*

viço. Dorme fora. Salário a com- binar. Rua Paissandu. 156 ,ap, 203.

PRECISA-SE de casal sem filhos para coilnhar, arrumar tomar conta da casa. —Teltfonar para 27-4735.

PRECISA-SE - arrumadeira-copeira com referências. Av. Visconde de Albuquerque, 606 Leblcn 80,00.

PRECISA-SE senhora ou moça soi- segada para ajudar em serviços domésticos. NCrS 40,00, dorme, no emprego. Tel. 29-5668 — Rua Moreira Sampaio 15 — Méier.

PREClSA-SE cie uma empregada psra tcdo serviço. Eslrada E-igt.- nha da Pedra n.° 337 fundos

Ramos. *

PRECIS A-SE empregada para ar- rumar ¦ cozinhar. Pagi-s» bem.

Exigem-se referências. — Maestro Francisco Braga 200 202 — Bairro Peixoto. Tel.: 364127.

PRECIS A-SE empregada ap. ca- sal,' com pritica todo serviço, carteira e ref. das 8 atê 17 horas - Ord. NCrí 70,00. Av. Prado Júnior, 17211 001.

PRECISA-SE arrumadeira que sai- ba costurar. Av. N. S. Copaca- ban», 1319 ap. 601. Tel. 27-1357.

PRECISA-SE de uma senhora que queira se empregara para peque- no apartamento de 3 pessoas, que tenha responsabilidade. Trazer re- ferêneias. Ordenado 120,00. Rua Desembargador Alfredo Russel n.

73, ap. 104. - leblon.

PRECISA-SE de senhora acima 30 anos, 4 pessoas, todo serviço, sa- bendo cozinhar bem o trivial, em Copacabana, pelo tel. 56-6658 -

Pega-se bem. (X

PRECISA-SE empregada senhora Idosa durma no emprego. Livre.

Ref. Tomar conta 2 crianças e casa. Rua Inácio Acioü 68 ap.

101. Praça do Carmo — Penh».

PRECISA-SE de empregado «m- pregada, serviços domésticos. — Araújo _Pena_n. 58 - Tiiuca.

PRECISA-SE arrumadeira - Ho.

tel M. Castelo. Cândido Mendes, 201 Glória.

PRECISO de empregada parTlõ"

do serviço de um casal. Peço re.

ferêneias. Pago 120,00 Av. Co»

pacabana, 613, s/ 805.

PRECISA-SE babá-cozinheira. a"^

,i cs- Cop»"'»''» 605, sl. 1203.

JQ-JJOJ.

PRECISA-SE empregada todo nr*

viço 3 pessoas menos passar, P«- ga-se bem. Tel. 57-1031 - Av Copacabana, 400, ap. 1002.

% '#

Imagem

Referências

temas relacionados :