A) I B) II C) III D) IV

Download (0)

Full text

(1)

QUESTÕES DE PORTUGUÊS - BANCA I B F C Leia o texto para responder às questões de

1 a 9

Aldo Bizzocchi .

Para que servem as palavras? Essa pergunta pode parecer absurda, mas, se pararmos para refletir, veremos que as palavras são nossa principal conexão com o mundo. Apenas não podemos conceber aquilo que não podemos nomear. As palavras são os signos que mais diretamente representam nossa visão de mundo. É evidente que palavras podem ser decompostas em signos menores, mas não pensamos nem nos expressamos por radicais ou afixos: são as palavras que estão na memória, estocadas para serem postas em discurso. E nem todas - talvez uma minoria - podem ser traduzidas por outros signos, desenhos, gestos, ruídos.

Nem todas as palavras representam "coisas" do mundo exterior à linguagem: palavras puramente gramaticais como preposições, conjunções e artigos são o cimento que une os tijolos da comunicação, como substantivos, adjetivos, verbos e advérbios. Estes são chamados de palavras lexicais, cheias ou exteroceptivas porque nos remetem ao "mundo", a vivências físicas ou mentais que abstraímos e guardamos na mente sob a forma de conceitos. Já as palavras gramaticais são chamadas de vazias ou interoceptivas porque não representam conceitos, só exercem funções na própria língua, como conectar ou substituir palavras cheias.

A economia proporcionada pela linguagem articulada consiste no fato de que podemos usar um número finito, embora relativamente grande, de signos para dar conta de um número de vivências concretas que tende ao infinito.

Além de Platão, outros pensadores, como Kant, Frege, Russell e Wittgenstein se fizeram a pergunta "O que os signos significam?". Essa é talvez a mais importante questão da filosofia da linguagem. Trata-se de constatar que não podemos conhecer o mundo em que vivemos sem a mediação dos signos. Alguns filósofos chegaram mesmo a supor que a própria realidade é uma ilusão criada pela linguagem e, portanto, o conhecimento em si é simplesmente impossível.

Aliás, as únicas formas de conhecimento a priori, que independem da experiência, são a lógica e a matemática, justamente dois exemplos de linguagem formal. Ou seja, podemos lidar com a linguagem sem a realidade, mas não podemos lidar com a realidade sem a linguagem.

[comadaptações]http://revistalingua.uol.com.br/textos.asp?codigo=11 913

1. Pode-se afirmar que o texto acima é um(a)

A) crônica informativa em que o autor fornece informações sobre o léxico e a gramática da língua.

B) editorial predominantemente descritivo, dada a ênfase na descrição do léxico da língua portuguesa. C) artigo expositivo-argumentativo em que o autor argumenta em favor de uma tese sobre a função da linguagem

D) panfleto organizado dialogicamente, no qual se estabelece um diálogo explícito com o leitor por meio do uso da primeira pessoa do plural.

2. Considere o período a seguir e as suas assertivas.

“O diretor considerou inadequado, as ideias expostas pelo funcionário na reunião, mas houve colegas que apoiaram ele.”

I - O adjetivo “inadequado” deveria estar no feminino e no plural.

II - O pronome pessoal do caso reto “ele” deveria ser substituído pelo pronome oblíquo: o correto seria “que o apoiaram”.

III - O verbo “haver” deveria concordar com “colegas”, o correto seria “houveram”.

IV - A vírgula depois de “inadequado” está empregada incorretamente.

- Assinale alternativa incorreta: A) I

B) II C) III D) IV

3. De acordo com a norma culta da língua, em qual das frases abaixo o verbo deveria estar no plural?

A) Lá existia alguns cães dessa raça. B) Fazia uma hora que eu o esperava. C) O relógio da torre marcava duas horas. D) Havia muitos sequestros naquela região.

(2)

QUESTÕES DE PORTUGUÊS - BANCA I B F C 4. Apenas uma das frases está correta no que diz

respeito à concordância nominal. Assinale-a. A) Dado o sinal, todos se retiraram.

B) Todas as raças eram meias agressivas. C) É proibido a entrada neste local. D) Elas mesmo treinam os cães.

5. “A pesquisa do MIT, que analisou a intersecção da propriedade intelectual com a biologia, coincide com o 25.º aniversário de uma decisão-marco da Suprema Corte americana determinando que coisas vivas são patenteáveis – contanto que tenham sido "feitas" por humanos.”

-Os núcleos dos sujeitos das formas

verbais “coincide e determinando” - são,

respectivamente,

A) MIT e Suprema Corte. B) pesquisa e decisão-marco. C) intersecção e aniversário. D) MIT e americana.

6. Considere as orações abaixo.

I. Devem fazer dois anos que ele foi embora para a Europa.

II. Houve muitos reprovados no curso. A concordância está correta em

A) somente I. B) somente II. C) I e II. D) I e II.

7. Considere o período e as afirmações abaixo.

“A imprensa é a voz da sociedade pois a denúncia de crimes e desigualdades mobilizam as pessoas”

I. Observa–se o uso de metáfora. II. A pontuação está correta.

III. Há um problema de concordância verbal. -Está correto o que se afirma somente em: A) Apenas I

B) Apenas II C) Apenas III

D) Apenas I e III

8. A expressão “ ... são o cimento que une os tijolos da comunicação ” ( 2º§) foi empregada

A) no sentido denotativo , e o termo destacado significa unificar.

B) no sentido conotativo dando ideia de construção dos sentidos, e o termo destacado pode significar juntar, aproximar.

C) para expressar a força da intensidade da unificação na construção da comunicação.

D) Ambas alternativas “a” e “b”, estão corretas.

9) A oração “... nunca os encontro.” (2º § ) -

assume, em voz passiva, a seguinte redação: A)... eu nunca encontro eles.

B)... eles nunca têm sido encontrados por mim. C)... nunca se encontram eles.

D)... eles nunca são encontrados por mim.

10. Leia e analise o BRASÃO da Polícia Militar de Sergipe:

-Pode-se inferir que o BRASÃO representa, predominantemente, uma função de linguagem A) expressiva B) referencial. C) conativa. D) fática

11. Assinale a opção que apresenta, corretamente, a classificação sintática dos termos em destaque na frase

“Os vereadores, chateados e tristes, deixaram a sessão antes do término do julgamento. (1°§):

(3)

QUESTÕES DE PORTUGUÊS - BANCA I B F C

A) Predicativo do Sujeito. B) Adjunto adnominal. C) Aposto explicativo. D) Predicativo do objeto.

12. Em: “Bem que tentaram, mas nenhum foi atingido.”, a palavra destacada poderia ser substituída, sem alteração de sentido, por:

A) porque B) então C) contudo D) portanto 13.

- Na sequência de 1 a 4 dos quadrinhos, podem ser identificadas as seguintes características de linguagem:

I. No primeiro quadrinho, há apenas a linguagem

verbal oral.

II. No segundo quadrinho, pode-se perceber

apenas a linguagem não-verbal.

III. No terceiro quadrinho, o chargista apresenta uma mistura entre o verbal escrito e o não-verbal. IV. No quarto quadrinho, há uma informação

verbal escrita.

- Marque a alternativa CORRETA:

A) apenas as proposições III e IV são verdadeiras.

B) apenas as proposições I e II são verdadeiras.

C) apenas as proposições I e III são verdadeiras.

D) as proposições I,II,III e IV são verdadeiras.

14. De acordo com a norma culta da língua, assinale a opção correta em relação à regência verbal.

A) Esqueci do nome desse cachorro.

B) Prefiro lutar sozinho do que acompanhá-lo! C) Ele assistiu tudo sem dizer nada.

D) Lembro-me muito bem deste cão.

15. A palavra QUE só não substitui um termo da oração anterior em

A) “[...] percebe QUE, do esforço de si próprio, é possível gerar frutos [...]” (parágrafo 2)

B) “[...] o sentimento de orgulho àqueles QUE a exercem[...]” (parágrafo 1)

C) “Capturar um suspeito QUE tenha cometido um abuso [...]” (parágrafo 2)

D) “[...] diferentemente do orgulho, QUE atinge o ego [...]” (parágrafo 4)

16. Analise as assertivas abaixo e assinale a alternativa correta quanto ao uso do conectivo “ QUE”

I - Eis os artistas que representarão o nosso país. II- Trouxe o documento que você pediu.

III - O acidente ocorreu no dia em que eles chegaram

IV - Você é o professor que muitos querem ser.

- Assinale a alternativa correta quanto às afirmações das assertivas acima

A) Nas assertivas I e II, o “que” é um SUJEITO PRONOMINAL.

(4)

QUESTÕES DE PORTUGUÊS - BANCA I B F C B) Nas assertivas III, o “que” é um pronome

relativo exercendo a função de PREDICATIVO DO SUJEITO

C) Na assertiva I, “que” tem a função de SUJEITO, e na IV, a função de PREDICATIVO DO SUJEITO.

D ) Na assertiva II , o “ que “ exerce a função de AGENTE DA PASSIVA

17) Assinale a alternativa em que as palavras são

acentuadas graficamente pelos mesmos motivos que justificam, respectivamente, as acentuações de: estatística, repúdio, Itajuípe.

A) flexíveis, chapéu, tênis. B) inferência, provável, saída. C) islâmico, cenário, propôs.

D) república, empresária, graúda.

18. Em apenas uma das frases a colocação pronominal segue a norma culta da língua. Aponte-a.

A) Não desespere-se.

B) Afaste-se desse animal agora!

C) Me procure mais tarde, capitão.

D) Espero que resolva-se tudo.

19. “A pesquisa do MIT, que analisou a intersecção da propriedade intelectual com a biologia, coincide com o 25.º aniversário de uma decisão-marco da Suprema Corte americana determinando que coisas vivas são patenteáveis – contanto que tenham sido "feitas" por humanos.” I – O conectivo que inicia a oração destacada introduz uma oração subordinada adjetiva explicativa

II- O conectivo que inicia a oração destacada exerce a função de sujeito pronominal

- Está certo o que se afirma em A) apenas a assertiva I

B) apenas a assertiva II

C) ambas estão incorretas D) ambas estão corretas 20.

- A oração que completa sintaticamente “ A verdade é ...” - funciona como seu A) aposto.

B) predicativo. C) objeto direto. D) sujeito.

21. Na Nova Gramática do Português

Contemporâneo, os autores Celso Cunha e Lindley Cintra explicam que o adjunto adnominal é o termo de valor adjetivo que serve para especificar ou delimitar o significado de um substantivo, qualquer que seja a função deste. -Tal definição está corretamente exemplificada com a expressão destacada em:

A) Um ano depois do casamento, Fadinha estava outra vez bonita...

B) O caso é que ambos foram muito felizes. Ainda vivem.

C) ... com todo o corpo cruelmente invadido pela medonha erupção...

D) ... absolutamente nada da beleza célebre de inverno.

22.“ Atualmente há previsões de que esse perigo tenha mais ramificações para a saúde pública do que o amianto ou o fumo.” – pode ser corretamente substituída por:

(5)

QUESTÕES DE PORTUGUÊS - BANCA I B F C

B) se ouve.

C) se fazem.

D) executam-se.

23. Observe os dois trechos a seguir para responder às questões .

I. O retrato, às oito e meia da noite daquela segunda-feira fatídica, era desolador.

II. São Paulo, quarta maior metrópole do mundo, 20 milhões de moradores, estava vazia.

- Os termos desolador e vazia, sintaticamente, exercem função de :

A) sujeito.

B) complemento nominal. C) predicativo do sujeito D) objeto direto.

24) Assinale a alternativa correta quanto à pontuação, de acordo com a norma-padrão da língua portuguesa.

A) Um amigo declarou: que meu pé de milho era capim. Outro amigo, que era cana. O leitor já viu um pé de milho?

B) Um amigo declarou, que meu pé de milho, era capim. Outro amigo que era cana. O leitor, já viu um pé de milho?

C) Um amigo, declarou que meu pé de milho era capim. Outro amigo que era cana. Já viu leitor, um pé de milho?

D) Um amigo declarou que meu pé de milho era capim. Outro amigo, que era cana. Já viu, leitor, um pé de milho?

25. Assinale a alternativa correta quanto à regência verbal, de acordo com a norma-padrão. A) Todos perdoavam o defeito para o Joaquim por não ser culpa dele.

B) Todos perdoavam ao defeito no Joaquim por não ser culpa dele.

C) Todos perdoavam o defeito ao Joaquim por não ser culpa dele.

D) Todos perdoavam do defeito ao Joaquim por não ser culpa dele.

26. Assinale a alternativa em que as palavras entre parênteses substituem com correção o termo destacado na frase.

A).... caminhou cerca de seis quilômetros até um antigo cemitério galo-romano, onde finalmente tombou e foi sepultado. ( no qual)

B)... turistas que todos os anos invadem a capital francesa. (nos quais)

C)... são um testemunho assustador da tempestade política que varreu o mundo... (com cuja)

D)... nas décadas que precederam a Independência do Brasil. (de onde)

27. Leia o seguinte trecho para responder à questão.

A pesquisa encontrou um dado curioso: homens com baixos níveis de testosterona tiveram uma resposta imunológica melhor a essa medida, similar _____________. A alternativa que completa, corretamente, o texto é:

A) das mulheres B) às mulheres C) com das mulheres D) à das mulheres

28 .

O texto apresenta construções com os verbos “pedir” e “ ir” que merecem correção, pois estão em desacordo com a norma-padrão.

(6)

QUESTÕES DE PORTUGUÊS - BANCA I B F C

- Assinale a alternativa em que eles estão empregados corretamente.

A) ... pedir um empréstimo ao banco /Aonde é que você vai?

B) ... pedir a um empréstimo do banco. / Aonde é que você vai?

C) ... pedir de um empréstimo ao banco. / Vou no banco.

D) ... pedir a um empréstimo no banco. / Aonde é que você vai?

29 .

A) de que ... à ... bastante ... tem

B) que ... à ... bastantes ... têm C) de que ... a ... bastantes ... tem D) que ... à ... bastante ... tem

30. Considere o período inicial do texto: Nas viradas de ano, costuma-se fazer muitos votos.

- Assinale a alternativa que apresenta outra forma gramaticalmente correta de escrevê-lo, ainda que alterando um pouco o sentido.

A) Nas viradas de ano, fazem-se muitos votos.

B) Nas viradas de ano, faz-se muitos votos.

C) Nas viradas de ano, existe muitos votos.

D) Nas viradas de ano, precisam-se de muitos votos.

31. Considere as orações abaixo.

I. Devem haver muitos interessados no cargo.

II. Devem-se analisar todos os aspectos da questão.

III. Tratam-se de problemas graves.

- A concordância está correta somente em

A) I B) II C) III D) I e II

32. Considere o período e as afirmações abaixo:

“ O jovem aspirava em seus sonhos, uma vida muito confortável. “

I. A pontuação está correta.

II. Há um problema de regência verbal.

Está correto o que se afirma em

A) somente I. B) somente II. C) I e II. D) nenhuma.

33. Analise as frases abaixo e suas assertivas quanto ao uso dos recursos linguísticos,

- Ele não encara a realidade, vive sonhando acordado.

- Se você sair, se você ficar, se você quiser esperar - Meu Deus, não aguento mais o tic-tac desse relógio

- As crianças falavam e cantavam e riam felizes I- Na primeira ocorrência, trata de uma figura de

linguagem paradoxal.

II- Na segunda ocorrência, trata de uma figura de linguagem anáfora.

III- Na terceira ocorrência, trata de uma figura de linguagem onomatopeia.

IV- Na quarta ocorrência,– trata de uma figura de linguagem polissíndeto.

- está correto o que se afirma na alternativa, A) apenas as assertivas I , IV estão corretas

(7)

QUESTÕES DE PORTUGUÊS - BANCA I B F C B) somente as assertivas II, III estão corretas

C) nenhuma das assertivas estão corretas D) todas as assertivas estão corretas

34. Assinale a alternativa sem problemas de regência.

A) O viaduto que passo todos os dias está em reforma. B) O filme que assistimos é muito bom.

C) A cidade aonde ele nasceu é muito pequena. D) A obra a que o professor se referiu não é muito divulgada.

35) Na passagem “ Casara-se com d. Laura, que [....] era mais inteligente e instruída que ele” , emprega-se a vírgula para indicar uma :

A) conclusão sintetizando as divergências entre as personagens.

B) citação contendo o pensamento de Garcia. C) explicação quanto às qualidades de d. Laura. D) correção relativa à personalidade de d. Laura. 36. Considere a relação entre o vocábulo “que” e a expressão entre colchetes nas seguintes passagens do texto.

I. ... estão conectadas mais a máquinas e menos a pessoas, de [uma maneira] que jamais aconteceu na história da humanidade. (1º parágrafo)

II. Um estudante universitário observa [a solidão e o isolamento] que acompanham uma vida reclusa ao mundo virtual... (2º parágrafo)

III. Ele lembra que [seus colegas] estão perdendo a habilidade de manter uma conversa... (2º parágrafo) IV. [Nenhum aniversário, show, encontro ou festa] pode ser desfrutado sem que você se distancie... (2º parágrafo)

V. ... [as intermináveis horas] que os jovens passam olhando fixamente para aparelhos eletrônicos... (3º parágrafo)

- Tem função pronominal, por se referir à expressão entre colchetes e equivaler a ela em termos de sentido, o vocábulo “que” sublinhado

APENAS em A) II, III e V.

B) I, III e IV. C) I, II e V. D) I, II e IV.

37) Analise as assertivas abaixo e marque a alternativa correta

I- pedra, plano, atleta, crise. II - queijo, quiabo, chave, desço III- tampa, chumbo, templo, canto

A) na assertiva I, todas as palavras são constituídas de dígrafos , pelo menos.

B) na assertiva II, todas as palavras são constituídas de encontros consonantais.

C) na assertiva I, todas são constituídas de dígrafos e na assertiva II, encontros consonantais.

D) na assertiva III, todas as palavras são constituídas de dígrafos vocálicos.

38 Assinale a alternativa em que apresente um verbo no pretérito imperfeito do indicativo, e outro, no pretérito imperfeito do subjuntivo.

A) Na mesa ao lado, um casal havia passado o almoço todo sem trocar palavra, como se estivesse hipnotizado pelas informações sobre o plantio de orégano.

B) Na mesa ao lado, um casal estava passando o almoço todo sem trocar palavra, como se esteve hipnotizado pelas informações sobre o plantio de orégano.

C) Na mesa ao lado, um casal terá passado o almoço todo sem trocar palavra, como se estará hipnotizado pelas informações sobre o plantio de orégano.

D) Na mesa ao lado, um casal passara o almoço todo sem trocar palavra, como se estiver hipnotizado pelas informações sobre o plantio de orégano.

Figure

Updating...

References

Related subjects :