XIV Encontro de Escaladores do CAAL 02, 03, 04 e 05 de Outubro de 2010

Texto

(1)

XIV Encontro de Escaladores do CAAL

02, 03, 04 e 05 de Outubro de 2010

(2)

Serra de Grazalema

O Parque Natural da Serra de Grazalema está situado no maciço mais ocidental da serrania de Ronda e está considerado como um dos mais belos do sul de Espanha. Abarca as provincias de Cádiz e Málaga Foi declarado Parque Natural pela a Junta da Andaluzia em dezembro de 1984 mediante decreto, sendo o primeiro na sua clase nest comunidade. Em 1977 foi declarado Reserva da Biosfera pela UNESCO e Zona de Protecção Especial para as Aves (ZEPA) em 1989.

A sua altitude está compreendida entre as cotas 289 e os 1.654 m acima do nivel do mar. Tem o índice de chuvas mais elevado da Península Ibérica com uma média anual superior a 2.000 litros por metro quadrado, circunstancia que, junto com a natureza calcárea do terreno, conformaram uma paisagem cárstica rica em zonas escarpadas, grutas e sinuosas gargantas. Destaca-se a Serra del Pinar com um importante bosque de pinsapos (um variedade de abetos), considerados uma reliquia vegetal do periodo terciário. Outro dos locais lendários é Garganta Verde, entalada entre paredes rochosas com mais de 400 metros verticais, onde a fauna e flora exibem dos seus curiosos exemplares.

Parque Natural

(3)

O Parque Natural da Serra de Grazalema identifica-se como uma das áreas de maior valor ecológico do sul peninsular, conservando uma vegetação natural típicamente mediterrânica.

Sem dúvida, o atractivo principal deste Parque está na flora que apresenta, e principalmento no que se refere ao pinsapo, um autêntico fóssil vivo que cresce somente acima dos 1.000 metros de altura. Na Sierra del Pinar localiza-se o bosque melhor conservado da actualidade de este tipo de abetos exclusivo da Serranía de Ronda.

Na fauna, destaca-se o Abutre Leonado que tem aquí uma das suas maiores colonias de nidificação de Europa, e ainda outras espécies de aves de rapina de grande valor ecológico como o Alimoche, a Águia Real e a Águia Perdicera.

Encontram-se ainda inúmeros mamiferos como os, cervos, corsos e cabras montesas, e ainda uma enorme variedade de repteis, anfibios e peixes, que se repartem pelo territorio em perfeita harmonía formando um conjunto natural de grande valia ambiental.

No Parque Natural da Sierra de Grazalema podemos visitar numerosos pontos de interesse, como El Pinsapar, La Garganta Verde ou Los Llanos del Republicano.

São abundantes os vestigios da presença árabe, como o povoado de Archite ou Benaocaz e romana como em Iptuci (Prado del Rey) y Ocurrí (Ubrique).

Todas os aglomerados populacionais do parque oferecem uma ampla gama de atractivos culturais, com um urbanismo muito bem cuidado que os incluiu na célebre rota dos “ Los Pueblos Blancos ”.

Como exemplo do seu rico Patrimonio Histórico se destaca, a calçada romana, as igrejas de estilo barroco ou o castelo de Zahara de la Sierra.

Intimamente ligados à vida rural dos municipios que constituem este Parque Natural, chegam até aos nossos dias, actividades e costumes típicos como a fabricação artesanal de mantas de lã (Grazalema), o artesanato (Ubrique y Prado del Rey), os trabalhos de cerâmica e cestería.

A gastronomía representa outro dos muitos valores culturais da Serra de Cádiz.

Muitas são as festividades que se encontram nestes municipios serranos ao longo do ano: Romarias e largadas de touros, “Toro de Cuerda”, nas localidades como Grazalema, Benaocaz e Villaluenga, as feiras e festas na temporada estival ou Corpus Christi de Zahara de la Sierra e El Gastor, ambos declarados de Interesse Turístico Nacional de Andaluzía.

FAUNA

LUGARES

FLORA

(4)

Grazalema

,vila lendaria da Serranía Gaditana, encontra-se situada a Nordeste da provincia de Cádiz , encravada no coração da serra que leva o seu nome e comprrendida dentro do espaço protegido do primeiro Parque Natural que se constituiu na Andaluzia; o Parque Natural de la Sierra de Grazalema. Instalada na ladeira da Sierra del Endrinal, sobre uma bancada natural, Grazalema extende-se desembocando precipitadamente no “ el Tajo”, que nos empurra até ao Vale del Guadalete.

Nas suas costas se erige, imponente, majestoso e protector, el Peñón Grande

A Oeste situa-se “el cerro de San Cristobal” de 1.555 m de altitude e, un pouco mais a Norte, a Sierra del Pinar sendo o orográfico mais alto da provincia de Cádiz, com 1.653 m.

Aquí é o reino por excelência do conhecido Pinsapo, uma espécie de pinheiro que poderemos de catologar de pre-histórico, e que é a única especie arbórea que perdurou na última glaciação alpina. A vila é de origem árabe, denominada Gran Zulema, de donde provém o seu actual nome.

En 1485 foi conquistada pelo duque de Arcos e teve um grande auge económico a partir do século XVII, graças à industria de lanificios que produzía a famosa manta de Grazalema.

Em Grazalema e suas imediações se encontram restos arqueológicos indicadores de uma certa actividade humana durante a pre-historia.

(5)

Programa

O nosso XIV Encontro de Escaladores do CAAL vai decorrer nas escolas de escalada da Serra de

Grazalema, num bonito enquadramento natural de montanhas agrestes e pueblos brancos e

serenos.

Ficamos no campingo Tajo Rodillo que será a nossa base para as incursões diárias. Face ao

grande número de participantes, iremos dividir o grupo em diversos subgrupos para que

todos possam tirar o máximo partido deste espectacular local.

Vamos visitar as escolas de Benaojan, Benaocaz, Tajo Colorao e descobrir a escola de Puerto

del Viento perto de Ronda.

Para os amantes da clássica temos o magnífico e imponente Peñon Grande com vias de 250

metros.

Estão reunidos todos os ingredientes para mais uma grande actividade de escalada.

O ponto de encontro será no parque de estacionamento do Parque de Campismo diáriamente

pelas 9h30, para organizarmos os grupos e sair para as escolas.

Quem vai para a escalada clássica a saída será às 8h30.

Boa actividade

Imagem

Referências

temas relacionados :