Exercícios propostos Tema inicial – A posição de Portugal na Europa e no Mundo

12  32 

Loading....

Loading....

Loading....

Loading....

Loading....

Texto

(1)

Exercícios propostos

Tema inicial

A posição de Portugal na Europa e no Mundo

A constituição do território nacional

A posição geográfica de Portugal

GRUPO 1

1. Selecione a letra da chave que corresponde a cada uma das afirmações seguintes.

Afirmações Chave

1. Localiza-se na faixa ocidental da Península Ibérica.

2. Localiza-se no oceano Atlântico, a sudoeste de Portugal continental.

3. É constituído por nove ilhas subdivididas em três grupos (Oriental, Central e Ocidental).

4. Situa-se a aproximadamente 39ºN e 28ºO.

5. Com um território de cerca de 92 000 km2, situa-se no extremo sudoeste da Europa.

6. Regiões Autónomas.

A. Portugal

B. Ilha da Graciosa C. Açores e Madeira D. Arquipélago dos Açores E. Arquipélago da Madeira F. Portugal Continental

2. Classifique, como verdadeira ou falsa cada uma das seguintes afirmações. Corrija as afirmações consideradas falsas mantendo-as na afirmativa.

a) A sua posição geográfica coloca o nosso país na periferia da Europa e do espaço atlântico. b) Portugal aderiu à União Europeia em 1986, quando esta ainda era designada por CEE. c) O último tratado da União Europeia foi assinado em 2007, em Lisboa.

d) O maior alargamento da União Europeia, com a adesão de 10 países, deu-se em 2007. e) Em 2009, o euro era a moeda oficial em apenas 12 Estados-membros da União Europeia. f) Em 2009, faziam parte do Espaço Schengen 25 países.

3. Selecione a opção de resposta correta para as seguintes questões.

3.1. Portugal faz parte

(A)do espaço Schengen mas não da zona Euro.

(B) da zona Euro mas não de espaço Schengen.

(C) da zona Euro desde 2005.

(D)da zona Euro e do espaço Schengen.

3.2. Da CPLP fazem parte, além de Portugal

(A)4 países africanos, 1 sul-americano e 1 asiático.

(B) 6 países africanos e 2 asiáticos.

(C) 5 países africanos, 1 sul-americano e 1 asiático.

(2)

4. Responda às perguntas que se seguem.

4.1. Reflita sobre a influência da posição geográfica de Portugal no contexto político-económico internacional.

4.2. Descreva a divisão administrativa do território português.

4.3. Explique a importância da assinatura da Ato Único Europeu, tendo em conta os seus objetivos.

4.4. Apresente três argumentos que defendam a adesão de Portugal à União Europeia.

4.5. Refira dois organismos internacionais em que Portugal se integra, para além da União Europeia.

4.6. Indique qual o papel que Portugal pode desempenhar relativamente aos países CPLP.

4.7. Mencione duas das ações desenvolvidas pela CPLP.

4.8. Explique o papel das comunidades portuguesas para a projeção internacional de Portugal e para o desenvolvimento interno do nosso país.

GRUPO 2

Reforma da Administração Local

A reforma administrativa do poder local decorre do Programa do XIX Governo Constitucional com o objetivo de melhorar a gestão do território e a prestação de serviço público aos cidadãos.

A mudança do atual modelo autárquico visa uma reforma da gestão, da política e do território e pretende propiciar uma administração mais eficaz e eficiente com a consequente racionalização dos recursos públicos.

1. As unidades territoriais que compõem o território nacional são

(A)as freguesias, os concelhos e os distritos.

(B) os distritos e as NUT.

(C) Portugal continental e os arquipélagos dos Açores e da Madeira.

(D)as regiões administrativas e as NUT.

2. As NUT são

(A)uma forma de organização territorial do Estado que promove a autonomia local.

(B) uma divisão territorial com fins administrativos.

(C) a nomenclatura as unidades territoriais para fins estatísticos.

(D)um grupo relativamente alargado de concelhos com relações funcionais entre si.

3. As novas formas de organização intermunicipal criadas em 2003 foram

(A)as NUT e as regiões administrativas.

(B) as Grandes Áreas Metropolitanas, as Associações de Municípios, as Comunidades Urbanas e as Comunidades Intermunicipais.

(C) as Grandes Áreas Metropolitanas, as Associações de Municípios, as Comunidades Urbanas e as regiões administrativas.

(3)

4. A Reforma da Administração Local atualmente em marcha passa por

(A)aumento do número de freguesias.

(B) manutenção do número de freguesias existentes.

(C) diminuição do número de freguesias.

(D)abolição das freguesias.

GRUPO 3

A divisão administrativa de Portugal estabelece-se segundo uma determinada hierarquia.

1. Indique, por ordem hierárquica, quais as unidades administrativas em que se divide o território português.

2. Identifique, assinalando no mapa com a numeração correspondente, os seguintes distritos:

1. Portalegre; 2. Viana do Castelo; 3. Leiria;

4. Guarda; 5. Viseu; 6. Évora.

3. Refira a divisão territorial introduzida no nosso país após a adesão à CEE e que é utilizada para fins estatísticos.

4. Equacione os problemas decorrentes, para o nosso país, de uma diversificação tão grande ao nível das divisões territoriais.

GRUPO 4

(4)

1. Portugal continental fica situado no extremo

(A)norte da Europa.

(B) sudeste da Europa.

(C) sudoeste da Europa.

(D)sul da Europa.

2. O ponto extremo situado mais a sul do território português

(A)é o Cabo de Sta. Maria.

(B) é a foz do rio Trancoso.

(C) são as ilhas Selvagens.

(D)é a ilha de Santa Maria.

3. Os lugares assinalados no mapa com as letras A e B têm o mesmo valor de

(A)altitude. (B) latitude. (C) longitude. (D)temperatura.

4. A ilha de S. Miguel, no arquipélago dos Açores, pertence ao grupo

(A)oriental. (B) ocidental. (C) central. (D)setentrional.

GRUPO 5

A figura que se segue é uma representação cartográfica do território português.

1. As coordenadas geográficas dos lugares A, B e C são

(A)Lugar A – latitude 40ºN e longitude 5ºE; Lugar B – latitude 35ºN e longitude 15ºE; Lugar C – latitude 40ºN e longitude 25ºE.

(B) Lugar A – latitude 5ºO e longitude 40ºN; Lugar B – latitude 15ºO e longitude 35ºN; Lugar C – latitude 25ºO e longitude 40ºN.

(C) Lugar A – latitude 40ºO e longitude 5ºN; Lugar B – latitude 35ºO e longitude 15ºN; Lugar C – latitude 40ºO e longitude 25ºN.

(5)

2. O arquipélago da Madeira localiza-se entre

(A)os paralelos 15ºN e 20ºN e os semimeridianos de 30ºO e 35ºO.

(B) os paralelos 30ºO e 35ºO e os semimeridianos de 15ºN e 20ºN.

(C) os paralelos 15ºS e 20ºS e os semimeridianos de 30ºE e 35ºE.

(D)os paralelos 30ºN e 35ºN e os semimeridianos de 15ºO e 20ºO.

3. O valor da latitude da ilha de Santa Maria é, aproximadamente, de

(A)40ºN. (B) 25ºO. (C) 35º55’O. (D)25ºE.

4. Portugal continental localiza-se, relativamente aos arquipélagos portugueses, a

(A)oeste do arquipélago dos Açores e a sudoeste do arquipélago da Madeira.

(B) este do arquipélago dos Açores e a nordeste do arquipélago da Madeira.

(C) noroeste do arquipélago dos Açores e a sudeste do arquipélago da Madeira.

(D)sudoeste do arquipélago dos Açores e a este do arquipélago da Madeira.

5. A escala do mapa apresentado pode ser classificada, em termos de grandeza e da forma de representação, como

(A)grande escala e escala numérica.

(B) pequena escala e escala numérica.

(C) pequena escala e escala gráfica.

(D)grande escala e escala gráfica.

6. As unidades territoriais que constituem o território nacional são

(A)NUTS I, NUTS II e NUTS III.

(B) Portugal continental e Regiões Autónomas da Madeira e dos Açores.

(C) Espaço lusófono,

(D)Diáspora portuguesa.

7. As ilhas que se localizam no grupo central do arquipélago dos Açores são

(A)Flores, Corvo, Graciosa, Terceira e Pico.

(B) S. Miguel, Santa Maria, Graciosa, Terceira e Pico.

(C) Graciosa, Terceira, S. Jorge, Faial e Pico.

(D)Graciosa, Terceira, S. Jorge, Flores e S. Miguel.

GRUPO 6

O mapa que se segue mostra a divisão administrativa do território continental.

1. Identifique e defina a divisão apresentada no mapa.

2. Faça a correspondência entre as divisões apresentadas e a respetiva localização no mapa, identificando o número correspondente.

Bragança Braga Viana do Castelo

Santarém Évora Coimbra Vila Real

(6)

GRUPO 7

Observa o mapa apresentado.

1. O mapa representa

(A)a NUT II dos Açores e as suas sub-regiões (NUT III).

(B) a NUT I dos Açores e as suas sub-regiões (NUT II).

(C) a NUT I dos Açores e as respetivas ilhas.

(D)a NUT II dos Açores e as respetivas ilhas.

2. A Região Autónoma dos Açores localiza-se

(A)a oeste de Portugal Continental, a sul da Região Autónoma da Madeira e a leste do continente americano.

(B) a sudoeste de Portugal Continental, a norte do arquipélago da Madeira e a este do continente americano.

(C) a sudoeste do Portugal Continental, a noroeste da Região Autónoma da Madeira e a oeste da América do Norte.

(D)a oeste do Portugal Continental, a noroeste da Região Autónoma da Madeira e a este da América do Norte.

3. O arquipélago dos Açores estende-se por um território que varia, aproximadamente, em termos de longitude e latitude

(A)entre o 25ºN e os 32º N, respetivamente em Santa Maria e nas Flores e entre os 37ºE e os 40ºE, respetivamente em Santa maria e no Corvo.

(B) entre os 25ºO e os 32ºO, respetivamente em Santa Maria e nas Flores e entre os 37ºN e os 40ºN, respetivamente em Santa Maria e no Corvo.

(C) entre os 25ºE e os 32ºE, respetivamente em Santa Maria e nas Flores e entre os 37ºS e os 39ºN, respetivamente em Santa Maria e no Corvo.

(D)entre os 25ºS e os 32ºN, respetivamente em Santa Maria e nas Flores e entre os 37ºO e os 39ºO, respetivamente em Santa Maria e no Corvo.

4. As ilhas assinaladas com os números 1, 2 e 3 correspondem, respetivamente, às ilhas de

(A)S. Jorge, Terceira e S. Miguel.

(B) Pico, Graciosa e S. Miguel.

(C) Pico, S. Jorge e Santa Maria.

(D)Faial, Terceira e Santa Maria.

5. As ilhas do Pico, Faial, S. Miguel integram

(A)a primeira o grupo ocidental e as restantes o grupo central.

(B) a primeira o grupo oriental e as restantes o grupo ocidental.

(C) as duas primeiras o grupo central e a terceira o grupo oriental.

(7)

A inserção de Portugal em diferentes espaços

GRUPO 8

A posição geográfica insere Portugal no espaço atlântico do território, cada vez mais vasto, da União Europeia.

1. Portugal localiza-se nas latitudes médias do hemisfério norte, tendo como limites aproximados

(A)32°, na Região Autónoma dos Açores, e 6° de latitude oeste, em Portugal Continental.

(B) 30°, na Região Autónoma dos Açores, e 42° de latitude norte, em Portugal Continental.

(C) 32°, na Região Autónoma da Madeira, e 6° de latitude norte, em Portugal Continental.

(D)30°, na Região Autónoma da Madeira, e 42° de latitude norte, em Portugal Continental.

2. As ilhas assinaladas na Fig. 1, correspondem

(A)a A, à ilha Terceira, e a B, à ilha de Porto Santo, nos Açores e na Madeira, respetivamente.

(B) a A, à ilha de S. Miguel, e a B, à ilha de Porto Santo, nos Açores e na Madeira, respetivamente.

(C) a A, à ilha de S. Miguel, e a B, à ilha da Madeira, nos Açores e na Madeira, respetivamente.

(D)a A, à ilha Terceira e a B, à ilha da Madeira, nos Açores e na Madeira, respetivamente.

3. A União Europeia, cuja primeira designação foi Comunidade Económica Europeia, surgiu em

(A)1957 pelo Tratado de Roma.

(B) 1992 pelo Tratado de Maastricht.

(C) 1957 pelo Tratado de Amesterdão.

(D)1962 pelo Tratado de Nice.

4. Portugal apenas aderiu à comunidade em 1986 porque

(A)pertencia a outra associação que lhe garantia uma melhor integração económica e política.

(B) o seu comércio resumia-se às trocas que mantinha com as suas colónias de África.

(C) não queria perder a situação privilegiada que detinha no comércio com as colónias.

(D)não era aceite na Comunidade por manter um regime político democrático.

5. Da Zona Euro fazem parte, entre outros países

(A)Portugal, Espanha, Itália e Polónia.

(B) França, Bélgica, Irlanda e Eslovénia.

(C) Suécia, Finlândia, Holanda e Alemanha.

(8)

GRUPO 9

Observe os mapas relativos aos países membros da União Europeia em 1957 e 1995.

1. Identifique os países fundadores da Comunidade Económica Europeia (CEE), atual União Europeia (UE).

2. Refira os países que aderiram à União Europeia entre 1957 e 1995 e o respetivo ano de adesão.

3. Mencione dois países e respetivas capitais que tenham aderido à União Europeia em 2004.

4. Exponha as vantagens da adesão de Portugal à União Europeia.

GRUPO 10

O projeto da Europa unida surgiu no contexto do pós II Guerra Mundial. Na última década do século XX, as mudanças produzidas no espaço europeu introduziram profundas alterações no quadro político.

1. A criação da CEE teve inicio com a assinatura do Tratado de Roma em

(A)1945. (B) 1949. (C) 1957. (D)1962.

2. O principal objetivo da criação da CEE foi de natureza

(A)política. (B) económica. (C) social. (D)demográfica.

3. Portugal aderiu à CEE (atual UE) em

(A)1958. (B) 1974. (C) 1986. (D)1990.

4. Entre os países fundadores da União Europeia referem-se

(A)Itália, Espanha, Luxemburgo.

(B) Áustria, Suécia, Grécia.

(C) Dinamarca, Reino Unido, Luxemburgo.

(D)Países Baixos, França, Alemanha.

5. Quatro dos países que aderiram à União Europeia no alargamento de 2004 foram

(A)Hungria, Lituânia, Chipre, Eslováquia.

(B) Noruega, Suécia, Suíça, Roménia.

(C) Estónia, Letónia, Ucrânia, Bulgária.

(9)

GRUPO 11

Observe o mapa que representa a União Europeia em 2013.

1. O Tratado da fundação da Comunidade foi assinado em

(A)Bruxelas.

(B) Londres.

(C) Roma.

(D)Lisboa.

2. Com o alargamento de 2013, a União Europeia passou a incluir

(A)Macedónia.

(B) Sérvia.

(C) Kosovo.

(D)Croácia.

3. União Europeia é a designação atual da Comunidade Económica Europeia que foi fundada em

(A)1974, por sete países em que se incluíam a Alemanha e a França.

(B) 1957, por seis países em que incluíam a Irlanda e o Reino Unido.

(C) 1957, por seis países, entre os quais um da Europa do Sul.

(D)1957, por seis países que incluíam Portugal e Espanha.

4. A criação do mercado comum é um dos objetivos mais antigos da UE e inclui a livre circulação de pessoas nos países que assinaram a convenção de

(A)Maastricht, em 1992, com a participação de todos os países.

(B) Schengen, que inclui três países extra-UE, mas não a Irlanda e o Reino Unido.

(C) Lisboa, com a participação de todos os Estados-membros, a Suíça e a Islândia.

(D)Schengen, com a participação de todos os Estados-membros, a Suíça e a Islândia.

5. Para Portugal, a integração na UE foi um fator de

(A)progresso devido, em parte, aos apoios financeiros e à participação no mercado único.

(B) desenvolvimento, pois abriu maiores possibilidades à emigração para a Europa.

(C) limitação da economia, pela imposição de regras comuns nas finanças públicas.

(10)

GRUPO 12

Observa os mapas A e B.

1. Os mapas A e B representam, respetivamente, os países que integram a

(A)OCDE e União Europeia em 2004.

(B) União Europeia em 2013 e CPLP.

(C) CPLP e União Europeia em 2007.

(D)União Europeia em 2004 e OCDE.

2. Portugal aderiu à União Europeia (então Comunidade Económica Europeia) em

(A)1957. (B) 1983. (C) 1995. (D)1986.

3. A organização do mapa B foi fundada em

(A)1996. (B) 1999. (C) 2001. (D)2006.

4. A União Europeia teve o seu maior alargamento em

(A)2004, com a adesão de 8 países.

(B) 2007, com a adesão da Eslovénia.

(C) 2007, com a adesão de dois países.

(D)2004, com a adesão de 10 países.

5. Os países assinalados com os números 1 a 6 são, respetivamente

(A)França, Alemanha, Roménia, Brasil, Cabo Verde e Angola.

(B) Holanda, França, Bulgária, Angola, Brasil e S. Tomé e Príncipe.

(C) Reino Unido, Alemanha, Roménia, Brasil, Angola e Moçambique.

(11)

GRUPO 13

O mapa representa os países que pertencem à União Europeia e os países que fazem parte do acordo de Schengen.

1. O Tratado de Roma, que consagrou a criação da CEE, ocorreu em

(A)1951. (B) 1957. (C) 1960. (D)1973.

2. Em 1973 aderiram à CEE

(A)Portugal, Espanha e Grécia.

(B) Suécia, Áustria e Finlândia.

(C) Reino Unido, Irlanda e Dinamarca.

(D)Estónia, Letónia e Lituânia.

3. Em 2001 é assinado o Tratado de

(A)Nice. (B) Roma. (C) Lisboa. (D)Paris.

4. Apesar do pressuposto pela União Europeia de livre circulação entre os países, isso só acontece no espaço Schengen, no qual alguns países não fazem parte, como por exemplo

(A)Bélgica, Letónia e Lituânia.

(B) Reino Unido, Irlanda e Polónia.

(C) República Checa, Áustria e Eslováquia.

(D)Croácia, Reino Unido e Irlanda.

5. A união monetária nos países da União Europeia aconteceu a

(A)1 de janeiro de 2001.

(B) 1 de janeiro de 2002.

(C) 1 de janeiro de 2003.

(12)

GRUPO 14

Nos últimos alargamentos, treze países da Europa Central e Oriental (PECO) e do Mediterrâneo aderiram à UE – dez em 2004, dois em 2007 e um em 2013. Tratou-se do maior alargamento de sempre da UE, que constituiu um marco histórico na unificação da Europa, após décadas de divisão ditadas pela lógica da Guerra Fria. O alargamento permitiu melhorar significativamente o nível de vida, modernizar as economias e estabilizar as instituições e a legislação dos novos países membros. Criou também novas oportunidades de investimento e de exportação para as empresas dos antigos estados-membros.

1. A CEE foi criada pela assinatura do

(A)Tratado de Paris, em 1951.

(B) Tratado de Roma, em 1957.

(C) Tratado de Bruxelas, em 1967.

(D)Tratado de Lisboa, em 2007.

2. Em 2004 aderiram à UE os seguintes países

(A)Finlândia, Hungria, Polónia e Suíça.

(B) Chipre, Islândia, Noruega e Suécia.

(C) Eslovénia, Estónia, Letónia e Lituânia.

(D)Bulgária, Croácia, Malta e República Checa.

3. O Tratado de Maastricht

(A)institui a União Europeia.

(B) suprimiu a Comunidade Europeia da Energia Atómica (EURATOM).

(C) deu início à circulação do euro como moeda oficial.

(D)tornou obrigatória a eleição, por sufrágio direto, dos deputados do Parlamento Europeu.

4. Os alargamentos da União Europeia

(A)devem ser travados, no futuro, para os países menos desenvolvidos da Europa.

(B) têm reforçado a paz e a segurança no espaço europeu.

(C) refletem-se na uniformização cultural dos estados-membros.

(D)traduziram-se na perda de competitividade da economia europeia.

5. A instituição de uma cidadania europeia

(A)aumenta a competitividade entre os estados.

(B) torna obrigatória a participação dos cidadãos nos atos eleitorais.

(C) tem em vista a adoção do euro por todos os estados-membros.

(D)permite a livre circulação dos cidadãos e a possibilidade de votarem e serem eleitos nos estados-membros onde residem.

GRUPO 15

A CPLP, criada em 17 de Julho de 1996, é uma organização que integra os países lusófonos.

1. Diz o que entendes por CPLP.

2. Refere os países que integram a CPLP.

3. Menciona três objetivos que orientam a ação da CPLP.

Imagem

Referências