Montamos esse e-book para te ajudar a otimizar sua estrutura e assim o seu Protheus alcançar um melhor funcionamento de forma rápida e segura.

21 

Texto

(1)
(2)

TRADUÇÃO

Muitas das vezes é desafiador manter um sistema como o Protheus funcionar pefeitamente, temos muitos aplicativos envolvidos, bancos de dados, sistema operacional, hardware e outros, sem contar com as complicações inerentes ao próprio sistema.

Ocorre muitas das vezes que o analista que é o responsável por manter toda a estrutura não tem todo o conhecimento quando trata- se de melhorias de performance e práticas para utilizar o sistema e o resultado é problemas em backup,travamentos, lentidões, e varias outras questões que nos deparamos dia a dia.

Montamos esse e-book para te ajudar a otimizar sua estrutura e assim o seu Protheus alcançar um melhor funcionamento de forma rápida e segura. Temos como objetivo detalhar cada ponto que pode ser otimizado e você poderá colocar em prática o que se enquadar na realidade da sua empresa. Iremos te fornecer algumas informações que irão abrir seus olhos e que

(3)

SEPARAÇÃO DE BANCO DE

DADOS

Devido a grande quantidade de consultas e gravações de dados feitas a todo instante o banco de dados consome muita comunicação com o HD , uma forma de melhorar isso é separar os bancos de dados em computadores diferentes.

Digamos que você tenha um banco de dados principal, o banco das NF - e (TSS) e o banco do audit trail. Experimente colocá-los em instâncias diferentes; colocando em HDs diferentes irá auxiliar na perfomance do sistema.

É interessante separar os arquivos de log dos arquivos de banco.Nos arquivos de log ficam todos os comandos executados contra o banco de dados,

sempre que ocorre por exemplo uma inclusão de clientes, o sistema grava a informação no log e também no banco, se for utilizado um só HD gera

(4)
(5)

BACKUP

Para não disputar com o tráfego do

sistema o envio de dados, configure seu backup para ser copiado por uma placa de rede dedicada.

Se tiver muitos dados e realizar um backup no meio do dia isto pode carregar a sua placa de rede e dar lentidão no sistema.

Para resolver essa questão muitas pessos optam por fazer o backup durante a noite ... sendo também uma estratégia arriscada. O ideal mesmo é fazer diversos backups incrementais durante o dia,

resultando em mais segurança em caso de acidentes.

(6)

ÍNDICES NO SISTEMA DE

GERENCIAMENTO DO BANCO

DE DADOS (SGBD)

Considere a criação de novos índices nos bancos do Protheus conforme sugeridos pelo DBA ou pelo SGBD, não é algo sugerido pela TOTVS mas´pode gerar ganhos de segundos em cada transação, pode se fazer total diferencia na performance de algumas rotinas.

Realize uma verredura nas suas tabelas (O DBA pode te auxiliar) para identificar se há índices

desnecessários no banco de dados, o alto índices facilita na recuperação dos dados, porém deixa lenta as inclusões e alterações, porque todos os índices devem ser atualizados a cada nova

(7)

STORED PROCEDURE

Stored Procedure, que traduzido significa

Procedimento Armazenado, é uma conjunto de comandos em SQL que podem ser executados de uma só vez, como em uma função. Ele armazena tarefas repetitivas e aceita parâmetros de entrada para que a tarefa seja efetuada de acordo com a necessidade individual.

Um Stored Procedure pode reduzir o tráfego na rede, melhorar a performance de um banco de dados, criar tarefas agendadas, diminuir riscos, criar rotinas de processsamento, etc.

Como a rotina vai rodar diretamente no banco de dados, o ganho é alto. Ao invés de passar

pelo Protheus, dicionário de dados, ctree, odbc, top connect e etc, o ganho de performance é sempre muito bom.

(8)

C - TREE

O C-tree server é um aplicativo da FairCom utilizado para gerenciamento dos arquivos de dicionários de dados do Protheus.

Quando se tem até 10 usuários o uso é opcional. Logo se você tem mais de 10 usuários avalie instalar o C-tree server, é liberado pela TOTVS a licença de até 64 usuários sem cobrar o licenciamento,

(9)

LOAD

BALANCE

O Balanceamento de cargas, é uma funcionalidade importante do Protheus.

Geralmente quando é instalado o Protheus inicia com apenas um servidor de aplicação, entretanto

conforme a medida de usuários vai aumentando o servidor de aplicação sobrecarrega, então é

necessário criar uma estrutura chamada de load balance.

Veja no exemplo ao lado; ele funciona com um server que é o Master, e os outros servers são chamados de Slaves, temos no exemplo 2 Slaves, mas poderiam ser mais.

É possível fazer o balanceamento em computadores diferentes, o master pode ficar em um computador e os slaves em outro, ou parte dos slaves em um

(10)

INACTIVE TIMEOUT

Ocorre muitas vezes os usuários do Protheus acessam o sistema, realizam uma atividade, saem do computador e deixam o sistema logado.

Esse processo consome licença e recursos do sistema, também é uma questão de segurança.

Usando a cláusula inactivetimeout do Prothues é possível derrubar estes usuários inativos... Depois de x minutos(configuravéis) o sistema derruba e libera os recursos e a licença.

(11)

DEFRAG

DESFRAGMENTAR

REPOSITÓRIO

O repositório de objetos do Protheus é o lugar onde encontra-se toda a inteligência do negócio do

Protheus, todas as funções de inclusão de produtos, notas fiscais, bibliotecas e diversas outras funções. Com o tempo, o rpo (repositório) pode ficar bem

grande, a medida que se aplica patchs, updates e faz complilações de fonte ... sendo importante

desfragmentar para ganhar vários MB que serão

economizados em HD (E memória RAM) na execução dos appservers.

E se você utilizar o load balance isto pode ser uma economia de Gigabytes!

(12)

AUDIT TRAIL

O serviço de Audit Trail tem o objetivo de auditar as atividades realizadas pelos usuários do Protheus no banco de dados. Suas premissas são:

- Alto desempenho

- Facilidade de instalação e configuração - Simplicidade de operação

Segurança

É possível fazer o controle no que foi alterado, por quem e quando.

Quando alterado um cadastro de um fornecedor, o sistema guarda os dados anteriores, os dados novos, o usuário que alterou e a data/hora.

Pode se escolher quais tabelas auditar, e o nível de auditoria, o mais baixo ou o mais alto.

(13)

AUDIT TRAIL

Mas é preciso ter cautela com o audit trail, ao configurar com a auditoria máxima em todas as

tabelas (100% das tabelas e campos) terá um sistema com a perfomance depreciada

Avalie as tabelas e quais níveis de auditoria , isso pode fazer grande diferença no perfomance do sistema. As tabelas que serão auditadas é uma configuração opcional, sempre coloque na balança a questão da auditoria vs perfomance.

(14)

ATUALIZAÇÕES

Quando fala se de atualizações do Protheus

geralmente nos trazem muitos problemas, porém temos que estar sendo atentos para versões de binários, TSS, audit trail e demais aplicativos do Protheus, com eles desatualizados podemos contrair vários problemas que já foram resolvidos pela TOTVS como manipulação de memória, conexões erradas com sefaz e etc.

Então, SEMPRE tenho no seu planejamento a atualização dos aplicativos Protheus.

(15)

GARGALOS

Quando fala se de atualizações do Protheus geralmente nos trazem muitos problemas, porém temos que estar sendo atentos para versões de binários, TSS, audit trail e demais aplicativos do Protheus, com eles desatualizados podemos contrair vários problemas que já foram resolvidos pela TOTVS como manipulação de memória, conexões erradas com sefaz e etc. Então, SEMPRE tenho no seu planejamento a atualização dos aplicativos Protheus.

Quando há um ponto de lentidão, deve se estar atento com os gargalos que apresentam no sistema, a estrutura do Protheus é bem distribuída, entretanto ela é impactada de forma serial.

(16)

GARGALOS

Um exemplo, o sistema todo pode estar bem

dimensionado e rápido, porém se o SGBD estiver lento toda a estrutura sofrerá.

Então, realmente a performance do sistema todo será definida pela velocidade do componente mais lentoda estrutura, deve se ter atenção sempre bo SGBD,

dbaccess, audittrail, appserver, rede, hd,

processamento e demais itens que impactam na estrutura Protheus.

(17)

BROADBAND

Para ganho de performance o Protheus tem uma

funcionalidade que permite desabilitar alguns itens do sistema.

Menu Funcional Painel Online

Browse de internet na abertura do sistema

Detalhes apresentados nas telas de Browse de tabelas Exibição de painéis transparente em interface de

destaque

As modificações são feitas no .INI do server. Ideal para clientes que enfrentam problemas de lentidão de

(18)

DIÁRIO DE BORDO

Mantenha um diário de bordo sempre atualizado. Como geralmente não é somente uma única pessoa que mexe na estrutura, é muito comum várias

pessoas mexerem, é importante ter um local

centralizado e atualizado de tudo que ocorre na manutenção ou ocorrência nos servidores

do Protheus.

É interessante criar uma planilha no GoogleDrive para controle, sendo importante a disciplina para manter estes registros e também para todos da equipe terem o histórico completo e fácil do que está sendo feito na estrutura Protheus.

(19)

LIMPEZA DE ARQUIVOS

O grande número de arquivos que o Protheus precisa para trabalhar, acaba tornando várias tarefas mais trabalhosas na manutenção do sistema.

Deve- se sempre verificar estes arquivos e fazer a limpeza deles.

Um exemplo, RPOs não utilizados mais, de testes ou ambientes criados para analistas, é muito comum os HDs dos servidores ficarem sem espaço por conta da grande quantidade de RPOs absoletos que são

(20)

ORGANIZAÇÃO

É extremamente importante total organização em toda a estrutura do Protheus, não adianta montar um ambiente todo homologado pela TOTVS e mantê-lo desorganizado.

Não deixe acumular arquivos que não serão utilizados, tenha sempre um padrão de

nomenclatura de servers, pastas, repositórios, ambientes e etc.

Sem organização você fatalmente sucumbirá

probelmas causados pela própria desorganização ou seja, a organização é um investimento, sempre reserve um tempo para deixar tudo muito bem organizado.

(21)

Protheus e TOTVS são produtos e marca registrada de propriedade da TOTVS S.A. A Primeerp é uma consultoria independente e não tem

nenhum vínculo direto ou indireto com a TOTVS, qualquer uma de suas franquias ou qualquer um de seus representantes.

www.primeerp.com.br

Imagem

Referências

temas relacionados :