• Nenhum resultado encontrado

Indica as funções sintáticas das expressões sublinhadas nas seguintes frases, retiradas da obra “As confissões de Adrian Mole & Cª” de Sue Townsend.

N/A
N/A
Protected

Academic year: 2021

Share "Indica as funções sintáticas das expressões sublinhadas nas seguintes frases, retiradas da obra “As confissões de Adrian Mole & Cª” de Sue Townsend."

Copied!
1
0
0

Texto

(1)

Indica as funções sintáticas das expressões sublinhadas nas seguintes frases, retiradas da obra “As confissões de Adrian Mole & Cª” de Sue Townsend.

1- “Fui hoje chamado ao gabinete do Sr. Brown”. 1.º Modificador do grupo verbal 2.º Complemento oblíquo

1.1- Sujeito nulo subentendido

2- “Reparei que o Brown tinha deixado morrer a sua árvore de borracha.” Complemento direto 3- “A outra única alternativa possível dificilmente seria tolerável.” 1.º Sujeito simples

2.º Modificador de frase 3.º Predicativo do sujeito

4- “Esta noite a Pandora e eu tivemos uma profunda discussão acerca do tampo de mogno da sanita.” Sujeito composto

5- “Alguns agitaram os punhos em direção ao céu.” 1.º Sujeito simples 2.º Modificador do grupo verbal

6- “E rogavam pragas à camada de ozono” Complemento indireto

7- “Agora há problemas com as mulheres da limpeza.” Modificador do grupo verbal 7.1- Indica o tipo de sujeito. Sujeito nulo expletivo

8- “A Sr.ª Sprogett, que limpa o nosso escritório, estava muito ressentida” Modificador do nome apositivo

9- “Informei-os de que eles tinham infringido a lei” Complemento direto 10- “Foi suspenso com o vencimento por inteiro” Predicativo do sujeito 10.1- Indica o tipo de sujeito. Sujeito nulo subentendido

11- “Ele e a sua mulher adoram a ilha.” Predicado

12- “Vinte minutos depois da aterragem estou já dentro de um táxi” 1.º Modificador do grupo verbal 2.º Predicativo do sujeito

13- “Esta ilha, caro leitor, é Maiorca.” Vocativo

14- “Mostrei-lhe a minha reserva” Complemento indireto 15- “Ele dirigiu-se ao escritório.” Complemento oblíquo

(2)

Sublinha e classifica as orações secundárias das frases seguintes, baseadas da obra

“As confissões de Adrian Mole e Cª” de Sue Townsend.

1- “Reparei que o Brown tinha deixado morrer a sua árvore de borracha.” Oração subordinada substantiva completiva

2- “E eu fui, embora estivesse aborrecido por ter sido chamado como um cão.” 1.ª Oração coordenada copulativa; 2.ª oração subordinada adverbial concessiva

3- “Era óbvio que o Brown tinha enlouquecido.” Oração subordinada substantiva completiva 4- “A sala de dactilografia está de péssimo humor e ameaça amotinar-se.” Oração coordenada copulativa

5- “Aconteceram cenas patéticas ao longo de todo o dia, enquanto os funcionários tentavam salvar os seus desodorizantes.” Oração subordinada adverbial temporal

6- “O grupo de trabalhadores que saiu do edifício era um grupo transpirado” Oração subordinada adjetiva relativa restritiva

7- “Quando olhou da janela para o jardim, descobriu uma enorme piscina.” Oração subordinada adverbial temporal

8- “Fui ao escritório do Brown para o pôr ao corrente dos últimos factos” Oração subordinada adverbial final

9- “Se não for devido a uma neurose de aeroporto coletiva, não sei qual será a explicação para este comportamento obstinado.” Oração subordinada adverbial condicional

10- “A Sr.ª Sprogett, que limpa o nosso escritório, estava muito ressentida” Oração subordinada adjetiva relativa explicativa

11- “ Aposto que aquelas “certas pessoas” são da família da mulher, porque ela fica amuada.”

1.ª Oração subordinada substantiva completiva; 2.ª Oração subordinada adverbial causal 12- “Não troco uma palavra com este casal até que atravessamos as nuvens sobre Maiorca”

Oração subordinada adverbial temporal

(3)

Identifica os recursos expressivos das seguintes frases, retiradas da obra “As confissões de Adrian Mole & Cª” de Sue Townsend. (Pode existir mais que um!)

1- “… removi as folhas murchas até ficar apenas um toco castanho e ressequido.” Adjetivação 2- “ Estaria eu a fazer algo de inconfessável sem saber?” Interrogação retórica

3- “A sala de dactilografia está de péssimo humor” Hipálage / personificação

4- “Não é coisa para eles, esse luxo de colocar a bagagem no chão entre os pés.” Ironia 5- “Sobrevoamos campos vermelhos, verdes e pretos que, no seu conjunto, se assemelham a uma vasta prancheta de desenho.” Enumeração

6- “A decoração era em tons de castanho suicida” Personificação / Metáfora

7- “Foi com as alpercatas bordadas com brilhantes, um macaco de algodão e uma carteira de toilette a tiracolo, que deixei o hotel” Enumeração

8- “… então venha comigo até uma ilha onde a calma reina sempre e os homens nunca têm pressa, onde as mulheres nunca envelhecem, onde as palavras não são usadas em vão, onde o sol dura mais do que em qualquer outro lugar e a rainha lua se move mais lentamente,

sonolenta e ociosa.” Repetição /paralelismo / adjetivação /hipérbole 9- “iniciei uma alegre exploração das vielas tortuosas” Antítese

10- “… até chegar a C’an Pastilla, que é uma estância de férias favorecida por vastas praias arenosas, lojas e cafés numerosos e passagens para peões convenientemente localizadas.”

Enumeração

11- “Duas inglesas idosas passeavam-se pela praia de braço dado, confessando os ressentimentos de uma vida inteira”. Hipérbole

12- “… à medida que a noite ia caindo, o som dos execráveis órgãos eletrónicos erguia-se dos bares nas caves.” Personificação

13- “Traz pratos cheios, tigelas cheias, chávenas cheias e copos cheios até que, por fim, ele fica satisfeito.” Enumeração

(4)

Conjuga os verbos entre parênteses no tempo e modo indicados, nas frases retiradas do livro “As confissões de Adrian Mole e C.ª” de Sue Townsend.

1- Ele, ela, eu e mais outras trinta e quatro pessoas estamos (verbo estar, no Presente do Indicativo) inscritos numa excursão de autocarro.

2- Não existe ali absolutamente nada que eu queira (verbo querer, no Presente do Conjuntivo) comprar.

3- Os aventais das raparigas estão abandonados tal como elas os deixaram (verbo deixar, no Pretérito perfeito simples do Indicativo), sem dúvida ansiosas por se verem (verbo ver, no Infinitivo Pessoal) livres das pérolas.

4- Em tempos fora (verbo ser, no Pretérito mais-que-perfeito simples do Indicativo) professor de Matemática, mas passados dez anos aborreceu-se (verbo aborrecer-se, no Pretérito perfeito simples do Indicativo) das suas somas.

5- Um outro escritor tinha sido (verbo ser, no Pretérito mais-que-perfeito composto do Indicativo) físico nuclear, mas não encontrara (verbo encontrar, no Pretérito mais-que-perfeito simples do Indicativo) aí o romance que esperava.

6- Tinham perseverado e esperado que esperassem (verbo esperar, no Pretérito imperfeito do Conjuntivo) a sua hora.

7- Que fique (verbo ficar, no Presente do Conjuntivo) registado.

8- A sua voz foi ficando (verbo ficar, no Gerúndio) mais sonora e os olhos dos seus companheiros começaram a ficar (verbo ficar, no Infinitivo Impessoal) toldados.

9- “Inglesa, dá (verbo dar, no Imperativo)-me um cigarro.”

10- “Se tu me deres (verbo dar, no Futuro simples do Conjuntivo) vinho”, disse eu.

11- E pensar que Tchekhov teria gostado (verbo gostar, no Condicional Composto) da piada.

12- A partir daí eu tenho sido (verbo ser, no Pretérito perfeito composto do indicativo) perseguida.

Referências

Documentos relacionados

a) Pretérito perfeito do indicativo - pretérito perfeito do indicativo - pretérito perfeito do indicativo. b) Pretérito perfeito do indicativo - futuro do presente do indicativo -

Indica as funções sintáticas das expressões sublinhadas nas seguintes frases, retiradas da obra “Por onde tens andado, Roberto?” de Hans Magnus Enzensberger.. 1-

Bruno não percebeu (verbo perceber, no Pretérito Perfeito do Indicativo) o que ela queria (verbo querer, no Pretérito Imperfeito do Indicativo) dizer e, por isso, fez

O burrito do menino _______________ (verbo demorar, no Pretérito Perfeito Simples do Indicativo) a aparecer, porque a morada _______________ (verbo estar, no Pretérito Imperfeito

5- Bruno não percebeu (verbo perceber, no Pretérito Perfeito do Indicativo) o que ela queria (verbo querer, no Pretérito Imperfeito do Indicativo) dizer e, por isso, fez

Indica as funções sintáticas das expressões sublinhadas nas seguintes frases, retiradas da obra “As confissões de Adrian Mole & Cª” de Sue Townsend.. 1- “Fui hoje chamado

Indica as funções sintáticas das expressões sublinhadas nas seguintes frases, retiradas da obra “Por onde tens andado, Roberto?” de Hans Magnus Enzensberger.. 1-

Indica as funções sintáticas das expressões sublinhadas nas seguintes frases, retiradas da obra “O rapaz do rio” de Tim Bowler.. 1- “E sabia que a nascente