LÍNGUA PORTUGUESA E MATEMÁTICA. Data de Nascimento do estudante

20 

Loading.... (view fulltext now)

Loading....

Loading....

Loading....

Loading....

Texto

(1)

Caderno

C0705

LÍNGUA PORTUGUESA E MATEMÁTICA

7º ano do

Ensino Fundamental

Nome do estudante

Data de Nascimento do estudante 

SAEMI

SISTEMA DE AVALIAÇÃO EDUCACIONAL MUNICIPAL DO IPOJUCA

2014

LM7EF

Caro(a) estudante,

Você está participando do Sistema de Avaliação Educacional Municipal do Ipojuca - SAEMI. Sua participação é muito importante para sabermos como está a educação em nosso município.

• Hoje, você vai fazer atividades de Língua Portuguesa e Matemática.

• Reserve os últimos 20 minutos para transcrever suas respostas para o cartão de respostas. Cuidado e muita atenção com a ordem das questões para fazer a marcação.

• Responda com calma, procurando não deixar nenhuma questão em branco. Bom teste!

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO

Saemi

Sistema de Avaliação Educacional Municipal do Ipojuca

(2)
(3)

BL05P07

ATENÇÃO!

Agora, você vai responder a questões de Língua Portuguesa.

Leia o texto abaixo.

5 10 15 20 25 30 A cadeira do dentista

Fazia dois anos que não me sentava numa cadeira de dentista. [...] Cheguei a marcar várias consultas, mas começava a suar frio [...]. Na única ocasião em que botei o pé no gabinete do odontólogo [...], quando ele me informou o preço do serviço, a dor transferiu-se do dente para o bolso. [...]

Adiei o tratamento. Tenho pavor de dentista. [...]

Desta vez, porém, não tive como escapar. Os dentes do lado esquerdo já tinham se transformado em meros figurantes dentro da boca. [...]

O dentista surgiu com aquele ar triunfal de quem jamais teve cárie. Ah! Como adoraria vê-lo sentado na própria cadeira extraindo um siso incluso! [...] Foi logo ordenando:

– Abra a boca.

Tentei, mas a boca não obedeceu aos meus comandos. [...] – Abra a boca! – insistiu ele.

Abri a boca. Numa cadeira de dentista sinto-me tão frágil quanto um recruta diante do sargento do batalhão. [...]

– A anestesia vai impedir a dor – disse ele, armado com uma seringa.

– E eu vou impedir a anestesia – respondi duro segurando firme no seu pulso.

Ele fez pressão para alcançar minha pobre gengiva. Permaneci segurando seu pulso. [...] Continuei resistindo, em posição defensiva. Ele subiu em cima de mim. [...] Ele afastou a mão que agarrava seu pulso e desceu com a seringa [...] num gesto rápido, desviei a cabeça. A agulha penetrou a poltrona. [...]

– Não pense que o senhor vai me anestesiar como anestesia qualquer um – disse, dando-lhe um tapa na mão.

A seringa voou longe e escorregou pelo assoalho. Corremos os dois pra alcançá-la [...]. Tapei-lhe o rosto [...] e cheguei antes. A situação se invertera: eu estava por cima.

– Agora sou eu quem dá as ordens – vociferei, rangendo os dentes. – Abra a boca! – Mas... não há nada de errado com meus dentes. [...]

– Não, não, não. Por favor – implorou – Morro de medo de anestesia.

Era o que eu suspeitava. É fácil ser corajoso com a boca dos outros. Quero ver continuar dentista é na hora de abrir a própria boca. Levantei-me, joguei a seringa para o lado e disse-lhe, cheio de desprezo:

– Você não passa de um paciente!

Disponível em: <http://www.educacaopublica.rj.gov.br/oficinas/lportuguesa/lpe16/02.html>. Acesso em: 31 jul. 2013. Fragmento. (P070274F5_SUP)

01) (P070274F5) Nesse texto, qual trecho mostra que o narrador é um personagem da história?

A) “Fazia dois anos que não me sentava numa cadeira de dentista.”. (ℓ. 1) B) “O dentista surgiu com aquele ar triunfal de quem jamais teve cárie.”. (ℓ. 8) C) “A seringa voou longe e escorregou pelo assoalho.”. (ℓ. 23)

D) “É fácil ser corajoso com a boca dos outros.”. (ℓ. 28)

02) (P070275F5) A expressão “... a dor transferiu-se do dente para o bolso.” (ℓ. 3-4) foi usada para

A) destacar a parte do corpo que mais doía. B) exagerar a dor de dente sentida pelo paciente. C) indicar que o tratamento de dente era caro. D) sugerir que a dor se espalhou pelo corpo.

(4)

Leia novamente o texto “A cadeira do dentista” para responder às questões abaixo.

03) (P070276F5) Nesse texto, o trecho “Levantei-me, joguei a seringa para o lado e disse-lhe, cheio de

desprezo:...” (ℓ. 29-30) apresenta linguagem A) culta.

B) informal. C) regional. D) técnica.

04) (P070277F5) De acordo com o trecho “Cheguei a marcar várias consultas, mas começava a suar frio...”

(ℓ. 1-2), o narrador estava A) cansado.

B) com calor. C) com medo. D) irritado.

05) (P070278F5) Nesse texto, um dos trechos que apresenta humor é:

A) “Cheguei a marcar várias consultas, mas começava a suar frio...”. (ℓ. 1-2) B) “Adiei o tratamento. Tenho pavor de dentista.”. (ℓ. 5)

C) “Ele afastou a mão que agarrava seu pulso e desceu com a seringa.”. (ℓ. 18-19) D) “Não, não, não. Por favor [...]. Morro de medo de anestesia.”. (ℓ. 27)

06) (P070279F5) Nesse texto, no trecho “– Abra a boca!” (ℓ. 12), o ponto de exclamação reforça a ideia de

A) surpresa. B) irritação. C) dúvida. D) admiração.

07) (P070280F5) No trecho “Corremos os dois pra alcançá-la...” (ℓ. 23), o termo em destaque está substituindo

a palavra A) anestesia. B) mão. C) seringa. D) boca.

Leia o texto abaixo.

Disponivel em: <http://www1.folha.uol.com.br/folhinha/quadri/qa19070301.htm>. Acesso em: 22 jan. 2014.

08) (P070281F5) No segundo quadrinho desse texto, a menina demonstra estar

A) animada. B) confusa. C) irritada. D) surpresa.

(5)

BL05P07

Leia o texto abaixo.

5

10

15

Produza sua própria energia

Na teoria, é possível ganhar dinheiro produzindo energia elétrica. Uma regulamentação da Aneel, de dezembro de 2012, liberou: quem produz mais energia do que consome pode vender eletricidade para os outros consumidores. Não é dinheiro fácil.

Bicicletas elétricas [...]

Academias e hotéis já utilizam bicicletas que transformam pedaladas em eletricidade. Os pedais movimentam um dínamo, que gera energia elétrica a partir da mecânica. É claro que, para uma casa, o projeto é pouco rentável ─ afinal, um ciclista solitário não faz milagre. Mas, em uma academia com 20 bicicletas que oferece quatro aulas de spinning por dia, o resultado são 300 kWh por mês, o suficiente para iluminar mais de seis casas ao mês. [...]

Biogás [...]

O combustível vem da decomposição de resíduos orgânicos (restos de comida e fezes de bovinos, porcos, aves e humanos). A transformação ocorre no biodigestor, um recipiente onde os dejetos são colocados e tampados. Lá dentro, bactérias decompõem o material, gerando o biogás, que pode ser queimado para abastecer geradores, fogões e aquecedores. Claro que somente produtores rurais possuem chiqueiros tão grandes, mas matéria-prima não falta.

Disponível em: <http://super.abril.com.br/ecologia/produza-sua-propria-energia-782457.shtml>. Acesso em: 1 fev. 2014. (P060093F5_SUP)

09) (P060093F5) O assunto desse texto é

A) a importância da transformação da matéria em gás. B) a produção de energia pelos próprios consumidores. C) o modo de produzir chiqueiros nas áreas rurais. D) o uso de bicicletas para preservar o meio ambiente. 10) (P060094F5) Esse texto apresenta uma opinião no trecho:

A) “Não é dinheiro fácil.”. (ℓ. 3)

B) “Academias e hotéis já utilizam bicicletas que transformam pedaladas em eletricidade.”. (ℓ. 5) C) “O combustível vem da decomposição de resíduos orgânicos (restos de comida...)”. (ℓ. 11) D) “A transformação ocorre no biodigestor,...”. (ℓ. 12)

11) (P060095F5) De acordo com esse texto, o biogás é produzido pela

A) decomposição de matéria pelas bactérias. B) movimentação do dínamo.

C) queima de matéria-prima.

D) venda de energia para outros consumidores.

(6)

ATENÇÃO!

Agora, você vai responder a questões de Matemática.

12) (M061292E4) Observe os sólidos geométricos abaixo.

I II III IV

Quais desses sólidos são corpos redondos? A) I e III.

B) II e III. C) II e IV. D) III e IV.

13) (M061345E4) Margarida realizou uma pesquisa sobre os preços de um perfume para presentear sua

mãe. Na primeira loja, o perfume custava R$ 77,00 e, na segunda, R$ 88,00. Qual é a diferença entre os preços desse perfume nessas duas lojas?

A) R$ 1,00 B) R$ 11,00 C) R$ 12,00 D) R$ 165,00

14) (M061297E4) Observe a figura geométrica plana desenhada na malha quadriculada abaixo.

Que figura plana é essa? A) Círculo.

B) Pentágono. C) Trapézio. D) Triângulo.

(7)

BL05M07

15) (M061310E4) O desenho abaixo mostra um carro visto de frente, com sua largura indicada.

1 700 mm Qual é a largura desse carro em metros? A) 1,7

B) 17 C) 170 D) 1 700

16) (M070726E4) Observe o sólido geométrico desenhado abaixo.

Esse sólido tem quantos vértices? A) 10

B) 8 C) 6 D) 3

(8)

17) (M061349E4) No gráfico abaixo, estão representados os países cujas seleções marcaram mais gols na

Copa do Mundo de 2010, realizada na África do Sul. 17 16 15 14 13 12 11 10 9 8 7 6 5 4 3 2 1 0 Alemanha Gols marcados

Holanda Uruguai Argentina Brasil Espanha Portugal

Países

De acordo com esse gráfico, a seleção de qual país marcou 11 gols? A) Alemanha.

B) Brasil. C) Portugal. D) Uruguai.

18) (M070745E4) No desenho abaixo, a região em cinza representa os 3 canteiros construídos por Marcelo

em sua fazenda.

1 m 1 m

Qual é a medida total da área desses canteiros construídos por Marcelo? A) 99 m2

B) 84 m2

C) 52 m2

(9)

BL05M07

19) (M070756E4) Observe abaixo o desenho de um eneágono. Ele foi dividido em 11 partes iguais.

De acordo com esse desenho, qual é a fração que representa a parte colorida em cinza em relação ao total dessas partes?

A) 511 B) 65 C) 116 D) 115

20) (M070734E4) Um voo estava marcado para decolar às 14h30min. Devido ao mau tempo, o voo atrasou

40 minutos para decolar.

Qual foi o horário que esse voo decolou após esse atraso? A) 14h10min

B) 14h40min C) 15h10min D) 15h40min

(10)

21) (M070768E4) O gráfico abaixo apresenta o faturamento mensal de uma oficina mecânica nos 6 primeiros

meses de 2013.

Faturamento mensal

Faturamento (em Reais)

16 000 14 000 12 000 10 000 8 000 6 000 4 000 2 000 0 Meses

Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho

Qual tabela representa os dados desse gráfico?

A) Meses Faturamento (em reais)

Janeiro R$ 12 000,00 Fevereiro R$ 8 000,00 Março R$ 14 000,00 Abril R$ 6 000,00 Maio R$ 10 000,00 Junho R$ 12 000,00

B) Meses Faturamento (em reais)

Janeiro R$ 6 000,00 Fevereiro R$ 8 000,00 Março R$ 10 000,00 Abril R$ 12 000,00 Maio R$ 12 000,00 Junho R$ 14 000,00

C) Meses Faturamento (em reais)

Janeiro R$ 14 000,00 Fevereiro R$ 12 000,00 Março R$ 12 000,00 Abril R$ 10 000,00 Maio R$ 8 000,00 Junho R$ 6 000,00

D) Meses Faturamento (em reais)

Janeiro R$ 12 000,00 Fevereiro R$ 6 000,00 Março R$ 14 000,00 Abril R$ 8 000,00 Maio R$ 12 000,00 Junho R$ 10 000,00

22) (M061334E4) Observe a conta no quadro abaixo.

83 – 47

O resultado dessa conta é A) 36

B) 44 C) 46 D) 130

(11)

BL01P07

ATENÇÃO!

Agora, você vai responder a questões de Língua Portuguesa.

Leia o texto abaixo.

5 10 15 20 25 Porto de Galinhas

O fascínio dos brasileiros pela vila que, em outros tempos, já teve um status de segredo bem-guardado, continua crescendo embora sua principal atração, as piscinas naturais que trouxeram fama ao lugar, esteja, aos poucos, perdendo a beleza. Todos os anos, pelo menos 800 mil turistas [...] desembarcam em Porto de Galinhas em busca da boa rede hoteleira

(com confortáveis resorts e também charmosas pousadinhas), da gastronomia nordestina e dos passeios de bugue e jangada. Para alegria de quem curte ir às compras, uma dica: as ruazinhas de terra do vilarejo escondem lojas descoladas, ateliês e grifes modernas. [...]

Sugestão de roteiros:

2 dias – é o suficiente para fazer o tão falado passeio de jangadas às piscinas naturais [...] e ainda conhecer as principais praias durante um passeio de bugue, no trajeto conhecido como “ponta a ponta”, que vai de Muro Alto até o Ponta de Maracaípe. Lá, faça o passeio para ver os cavalos-marinhos e prove o caranguejo fresquinho do Estrela do Mar.

4 dias – Não deixe de visitar a belíssima Praia de Carneiros, em Tamandaré. Se o objetivo for passar o dia lá, opte por ir de bugue, assim você fica o tempo que quiser. Caso o objetivo seja conhecer mais lugares, faça o passeio de catamarã, com parada na Ilha de Santo Aleixo e almoço no manguezal. Aproveite o tempo livre para descansar na Praia de Muro Alto, uma das melhores de Porto de Galinhas. [...]

7 dias – com uma semana você tem tempo de sobra para aproveitar bem a viagem. Faça o mergulho com cilindro nas piscinas naturais. Existem também passeios de bugue mais longos, como o que vai à Praia de Calhetas, em Cabo de Santo Agostinho. Você ainda pode conhecer o Centro Histórico de Olinda ou as principais atrações de Recife. [...]

Preservação:

A vida marinha nas piscinas naturais vem diminuindo ao longo dos anos. Hoje, são visíveis por lá apenas duas espécies de peixes e alguns crustáceos. Para colaborar na preservação, evite mergulhar ou pisar nas áreas restritas, indicadas pelos fiscais. Em contrapartida, o número de cavalos-marinhos, símbolo do Pontal de Maracaípe, aumentou nos últimos tempos graças a criações em cativeiro no Projeto Hippocampus.

Disponível em: <http://viajeaqui.abril.com.br/cidades/br-pe-porto-de-galinhas>. Acesso em: 28 dez. 2013. Fragmento. (P070242F5_SUP)

23) (P070242F5) Esse texto foi escrito para

A) contar uma história.

B) divulgar uma cidade turística. C) ensinar uma tarefa.

D) noticiar um acontecimento.

24) (P070243F5) De acordo com esse texto, uma das melhores praias de Porto de Galinhas é

A) Calhetas. B) Carneiros. C) Maracaípe. D) Muro Alto.

25) (P070244F5) Nesse texto, o trecho que apresenta uma opinião é:

A) “O fascínio dos brasileiros pela vila que, em outros tempos, já teve um status,...”. (ℓ. 1) B) “... (com confortáveis resorts e também charmosas pousadinhas)...”. (ℓ. 5)

C) “... e ainda conhecer as principais praias durante um passeio de bugue,...”. (ℓ. 10) D) “Existem também passeios de bugue mais longos...”. (ℓ. 19-20)

(12)

Leia novamente o texto “Porto de Galinhas” para responder às questões a seguir.

26) (P070245F5) No trecho “... faça o passeio para ver os cavalos-marinhos e prove o caranguejo...” (ℓ. 11-12),

as palavras em destaque indicam A) um convite.

B) um pedido. C) uma ordem. D) uma sugestão.

27) (P070246F5) No trecho “... as ruazinhas de terra do vilarejo escondem lojas descoladas...” (ℓ. 7), a

palavra destacada tem o mesmo sentido de A) desbotadas.

B) espertas. C) modernas. D) soltas.

28) (P070247F5) No trecho “Lá, faça o passeio para ver os cavalos-marinhos...” (ℓ. 11-12), a palavra em

destaque substitui A) Muro Alto.

B) Ponta de Maracaípe. C) Estrela do Mar. D) Praia de Carneiros.

29) (P070248F5) No trecho “Faça o mergulho com cilindro nas piscinas naturais.” (ℓ. 18-19), a expressão

em destaque indica

A) o local para se fazer o mergulho. B) o modo como é feito o mergulho. C) o motivo para se fazer o mergulho. D) o tempo gasto para fazer o mergulho.

30) (P070249F5) Nesse texto, no trecho “... já teve um status de segredo bem-guardado,...” (ℓ. 1-2), a

expressão em destaque foi usada para A) destacar que o lugar é distante. B) indicar que o lugar era desconhecido.

C) mostrar que os habitantes do lugar são confi áveis. D) sugerir que o lugar tinha tesouros escondidos.

Leia o texto abaixo.

Disponível em: <http://linguaportuguesa.uol.com.br/linguaportuguesa/gramatica-ortografi a/39/artigo275033-1.asp>. Acesso em: 12 fev. 2013. (P060066F5_SUP)

31) (P060066F5) Esse texto mostra

A) a importância de organizar o material. B) a ligação da leitura com o mundo. C) o valor da escola.

(13)

BL01P07

Leia os textos abaixo.

Texto 1 Texto 2

5

10

A pipa e o vento

Aprumo a máquina, dou linha à pipa e ela sobe alto pela força do vento. O vento é feliz porque leva a pipa, a pipa é feliz

porque tem o vento. Se tudo correr bem, pipa e vento,

num lindo momento, vão chegar ao céu.

RAINHO, Cleonice. Disponível em: <https://poemas-infantis.blogspot.com/>. Acesso em: 8 jan. 2014.

5

10

Brincadeira soltar pipa

A brincadeira soltar pipa é bem divertida para as crianças e também para adultos com espírito jovem. Com uma linha, os garotos conseguem direcionar e fazer malabarismos no céu.

Para quem não sabe, mas todos sabem, pipa é a mesma coisa que papagaio. Claro que não estou falando da ave, e sim do brinquedo. Portanto, tanto faz dizer pipa, como dizer papagaio. Tudo é a mesma coisa. Mas eu acho a palavra pipa mais bonita.

Disponível em: <http://blogs.oregional.net/ crianca/?p=908>. Acesso em: 8 jan. 2014. (P060067F5_SUP)

32) (P060067F5) Esses dois textos são parecidos porque falam sobre

A) o prazer de soltar pipa.

B) o outro nome que a pipa recebe. C) a força do vento para levantar a pipa. D) a altura atingida pela pipa.

33) (P060068F5) No Texto 1, nos versos “pipa e vento,/ num lindo momento,” (v. 10-11), o autor utilizou

A) ideias contrárias. B) ideias exageradas. C) palavras inventadas. D) palavras que rimam.

(14)

ATENÇÃO!

Agora, você vai responder a questões de Matemática.

34) (M061148E4) A tabela abaixo mostra a quantidade de proteínas em uma porção de 100 g de alguns alimentos.

Produto Proteínas

Leite 8 g

Carne 30 g

Peixe 20 g

Queijo 15 g

Disponível em: <http://www.onlinesuplementos.net/proteinas-o-que-e-proteina-alimentos-ricos-em-proteinas/>. Acesso em: 21 maio 2013.

O gráfico que representa essas informações é

A) 35 30 25 20 15 10 5 0

Leite Carne Peixe Queijo

Alimentos Proteínas em gramas B) 35 30 25 20 15 10 5 0

Leite Carne Peixe Queijo

Alimentos Proteínas em gramas C) 35 30 25 20 15 10 5 0

Leite Carne Peixe Queijo

Alimentos Proteínas em gramas D) 35 30 25 20 15 10 5 0

Leite Carne Peixe Queijo

Alimentos

Proteínas em gramas

35) (M051802E4) Observe o número abaixo.

40 186

Uma das decomposições desse número é A) 40 + 186

B) 400 + 100 + 86 C) 4 000 + 100 + 80 + 6 D) 40 000 + 100 + 80 + 6

(15)

BL01M07

36) (M061143E4) O desenho na malha quadriculada abaixo mostra o trajeto que Francisco fez para deslocar-se

do banco até o mercado.

α β Mercado Banco

Os ângulos α e β representam dois giros realizados por Francisco nesse trajeto. Nesses giros, os ângulos α e β são, respectivamente,

A) agudo e reto. B) obtuso e agudo. C) raso e obtuso. D) reto e agudo.

37) (M061146E4) Geovane comprou 3 bermudas e 5 camisas para usar em uma viagem.

De quantas maneiras diferentes Geovane poderá combinar essas bermudas com essas camisas nessa viagem? A) 3

B) 8 C) 15 D) 24

38) (M061144E4) Para comprar algumas placas de cimento com mesma dimensão para construir um

chiqueiro retangular, Rafael calculou o perímetro de parte de um terreno que ele disponibilizará para essa construção. Observe abaixo o desenho do chiqueiro que Rafael irá construir.

1

cm

1

m

211cmmcm

De acordo com esse desenho, qual é a medida do perímetro do chiqueiro? A) 5,2 m

B) 6,0 m C) 11 m D) 12 m

(16)

39) (M070009E4) Em um projeto, a altura de uma porta é 230 cm.

Qual é a altura, em metros, dessa porta? A) 230

B) 23,0 C) 2,30 D) 0,23

40) (M060590E4) A malha quadriculada abaixo mostra a localização de algumas poltronas em um teatro.

Alice sentou-se na poltrona de localização (K, 4).

10 9 8 7 6 5 4 3 2 1 A B C D E F G H I J K X Z V Y W

De acordo com essa malha, qual é o ponto que representa o local onde Alice se sentou? A) W.

B) X. C) Y. D) Z.

41) (M051429E4) Observe o sólido geométrico abaixo.

Quantas faces tem esse sólido geométrico? A) 3

B) 4 C) 6 D) 8

(17)

BL01M07

42) (M070473E4) Observe os quadriláteros representados na malha quadriculada abaixo.

1 2 3 4

Qual desses quadriláteros é um retângulo? A) 1

B) 2 C) 3 D) 4

43) (M060626E4) Observe a reta numérica abaixo. Ela está dividida em segmentos de mesma medida.

41 25

17

9 49 R

Qual é o número representado pelo ponto R nessa reta? A) 26

B) 33 C) 34 D) 40

44) (M061147E4) Francisco pagou R$ 19,90 em cada uma das 3 camisas que comprou em uma promoção.

Ao pagar essas camisas, ele recebeu de troco R$ 10,30. Quantos reais ele deu para pagar essa compra?

A) R$ 9,60 B) R$ 11,00 C) R$ 30,20 D) R$ 70,00

(18)
(19)
(20)

Imagem

Referências

temas relacionados :