GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE. COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER

30 

Loading....

Loading....

Loading....

Loading....

Loading....

Texto

(1)

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE.

COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER

PORTARIA G.CEL 20/2016

REGULAMENTO DOS JOGOS ABERTOS “HORÁCIO BABY BARIONI”

O Coordenador de Esporte e Lazer, no uso de suas atribuições, expede a presente Portaria, que estabelece o Regulamento dos Jogos Abertos “Horácio Baby Barioni”.

A – REGULAMENTO GERAL I – DOS OBJETIVOS

Artigo 1° – Os Jogos Abertos “Horácio Baby Barioni”, que recebe a denominação de seu criador e

idealizador por força da Lei Estadual nº 12553, de 31 de março de 2007, tem por objetivo coroar o desenvolvimento da prática desportiva dos municípios classificados nos Jogos Regionais e contribuir para o aprimoramento técnico das diversas modalidades em disputa, no Estado de São Paulo.

II – DAS DIVISÕES

Artigo 2° – Os Jogos Abertos “Horácio Baby Barioni” serão disputados em 3 (três) Divisões:

a) 1ª Divisão; b) 2ª Divisão; c) Divisão Especial.

Parágrafo Único: A Divisão Especial será realizada de acordo com os critérios estabelecidos

pela Coordenadoria de Esporte e Lazer para as seguintes modalidades:

a) Basquetebol Masculino Feminino

b) Handebol Masculino Feminino

c) Voleibol Masculino Feminino

d) Xadrez Masculino Feminino

e) Futsal Masculino

Artigo 3° – Os Jogos Abertos “Horácio Baby Barioni” serão disputados somente na categoria Livre,

respeitados os limites mínimo e máximo de idade determinados em cada modalidade.

Parágrafo Primeiro: A modalidade de Ginástica Artística será disputada por ambos os sexos

em 2 (duas) categorias:

a) Feminina - até 14 anos - nascida entre 2007 a 2002 b) Feminina – Livre

c) Masculino - até 16 anos - nascido entre 2007 a 2000. d) Masculina – Livre

Parágrafo Segundo: A modalidade de Ginástica Rítmica será disputada em 2 (duas)

categorias:

a) Feminina - até 14 anos - nascida entre 2007 a 2002. b) Feminina – Livre – nascida a partir do ano de 2002.

Parágrafo Terceiro: A modalidade de Futebol será disputada como segue:

a) Feminino – Livre

b) Masculino - até 20 anos - nascido a partir do ano de 1996.

III – DO PERÍODO DE REALIZAÇÃO

Artigo 4° – Os Jogos Abertos “Horácio Baby Barioni” serão realizados no período de 10 a 24 de

Setembro de 2016, no município de São Bernardo do Campo.

IV – CONGRESSO TÉCNICO

Artigo 5° - O Congresso Técnico será realizado dia 03 de Setembro de 2016, as 10h00. V – DAS MODALIDADES

(2)

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE.

COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER

Até 14 anos Sexo Livre Sexo

Ginástica Artística Feminino Atletismo Masc./Fem.

Ginástica Rítmica Feminino Atletismo ACD Masc./Fem.

Basquetebol Masc./Fem.

Até 16 anos Biribol Masc.

Ginástica Artística Masculino Bocha Masc.

Boxe Masc./Fem.

Até 20 anos Capoeira Masc./Fem.

Futebol Masculino Ciclismo Masc. /Fem.

Damas Misto ou Fem.

Futebol Fem.

Futsal Masc./Fem.

Ginástica Artística Masc./Fem. Ginástica Rítmica Fem.

Handebol Masc./Fem.

Judô Masc./Fem.

Karatê Masc./Fem.

KickBoxing Masc./Fem. Luta Olímpica Masc./Fem.

Malha Masc.

Natação Masc./Fem.

Natação ACD Masc./Fem.

Taekwondo Masc./Fem.

Tênis Masc./Fem.

Tênis de Mesa Masc./Fem. Vôlei de Praia Masc./Fem.

Voleibol Masc./Fem.

Xadrez Masc./Fem.

VI – DA PARTICIPAÇÃO

Artigo 7° – Os Jogos Abertos “Horácio Baby Barioni” serão realizados anualmente pela Secretaria

de Esporte, Lazer e Juventude, em conjunto com o Município-Sede, e disputado pelas representações municipais do Estado de São Paulo, classificadas nos Jogos Regionais em cada Divisão, modalidade, categoria e sexo.

Artigo 8° – Será cobrado pelo município-Sede taxa de participação de R$ 50,00 (cinquenta reais)

por modalidade, categoria e sexo, que deverá ser recolhida no dia da entrega das Relações Nominais. Caso isso não ocorra, o município estará impedido de participar.

Parágrafo Único: Para efetivar sua participação todos os atletas e dirigentes deverão ser

cadastrados pelo Gestor de Cadastro Municipal no Sistema Integrado de Cadastro da CEL. Os Árbitros e Funcionários deverão ser cadastrados pelos Diretores e Inspetores Regionais de Esporte e Lazer.

Artigo 9º – Os órgãos promotores não se responsabilizarão por acidentes ocorridos com atletas

antes, durante ou depois de qualquer competição, cabendo aos municípios as providências quanto as condições de aptidão física / clínica do atleta para a prática da respectiva modalidade.

(3)

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE.

COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER

Artigo 10 – Para assegurar a sua participação nos Jogos Abertos “Horácio Baby Barioni” o município

deverá satisfazer as seguintes exigências:

a) Ter participado dos Jogos Regionais na modalidade, categoria e sexo, exceto Boxe, KickBoxing e Luta Olímpica (ambos os sexos);

b) Não ter sido eliminado ou desclassificado dos Jogos Regionais pela Coordenadoria de Esporte e Lazer na modalidade, categoria e sexo;

c) Fica assegurada a participação nos Jogos Abertos “Horácio Baby Barioni” aos municípios inscritos nos Jogos Regionais na modalidade e sexo não realizadas por insuficiência de participantes.

Artigo 11 – Para a classificação e participação nos Jogos Abertos “Horácio Baby Barioni” serão

adotados os seguintes critérios:

1ª Divisão;

a) 4 (quatro) municípios melhores colocados na classificação geral da Primeira Divisão dos Jogos Abertos Horácio Baby Barioni do ano anterior;

b) 2 (dois) municípios melhores colocados na classificação geral da Segunda Divisão dos Jogos Abertos Horácio Baby Barioni do ano anterior;

c) Município melhor colocado na classificação geral de cada um dos 8 (oito) Jogos Regionais do ano em curso.

Parágrafo Primeiro: Os municípios integrantes da Primeira Divisão poderão disputar todas

as modalidades das quais tenham participado nos Jogos Regionais e obrigatoriamente nas modalidades classificadas em primeiro e segundo lugares, exceto nas modalidades de Atletismo e Natação, cujo critério de participação está estabelecido no item “a” do parágrafo quinto deste artigo.

Parágrafo Segundo: No caso do município assegurar a classificação por mais de uma das

hipóteses previstas no Parágrafo Primeiro deste Artigo, adotar-se-ão os seguintes critérios: a) A vaga será preenchida pelo município subsequente na classificação geral dos Jogos

Regionais caso um município seja um dos 4 (quatro) primeiros colocados da 1ª Divisão dos Jogos Abertos “Horácio Baby Barioni” e Campeão dos Jogos Regionais.

b) A vaga será preenchida pelo município subsequente na classificação geral dos Jogos Regionais caso um município seja um dos 2 (dois) primeiros colocados da 2ª Divisão dos Jogos Abertos “Horácio Baby Barioni” e Campeão dos Jogos Regionais.

2ª Divisão;

a) Os 2 (dois) melhores colocados por modalidade e sexo da 1ª Divisão dos Jogos Regionais do ano em curso.

b) O melhor colocado por modalidade e sexo da 2ª Divisão, dos Jogos Regionais do ano em curso.

c) Quando o Município Sede participar da 2º divisão poderá disputar todas as modalidades das quais tenha participado nos Jogos Regionais, exceto nas modalidades de Atletismo e Natação, cujo critério de participação está estabelecido no item “a” do parágrafo quinto deste artigo.

Parágrafo Terceiro: Incluem se neste artigo as seguintes modalidades por equipes:

01. Basquetebol; 02. Biribol;

03. Bocha; 04. Damas;

05. Capoeira; 06. Ciclismo; 07. Futebol; 08. Futsal;

09. Ginástica Artística; 10. Ginástica Rítmica;

11. Handebol; 12. Judô;

13. Karatê; 14. Malha;

15. Taekwondo; 16 Tênis; 17. Tênis de Mesa; 19. Voleibol; 19. Vôlei de Praia; 20. Xadrez.

(4)

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE.

COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER

Parágrafo Quarto: Excluem-se se dos itens “a” e “b” os integrantes da Divisão Especial e da

1ª Divisão dos Jogos Abertos Horácio Baby Barioni.

Parágrafo Quinto: A classificação das seguintes modalidades será como segue:

a) ATLETISMO E NATAÇÃO: O primeiro colocado por prova e sexo nos Jogos Regionais, independente da divisão a que pertencer o município, entendendo-se como tal o melhor tempo ou marca de cada prova, além dos atletas que obtiverem índice.

Parágrafo Sexto: Nas provas para Atletas com Deficiência (ACD) classifica-se o primeiro

colocado por prova, sexo e classificação funcional, de cada um dos 8 (oito) Jogos Regionais do ano em curso, independente da divisão a que pertencer o município, entendendo-se como tal o melhor tempo ou marca de cada prova, mais 2 (dois) atletas por índice, por município. a) CICLISMO, GINÁSTICA RÍTMICA, JUDÔ, KARATÊ E TAEKWONDO: O campeão por sexo,

peso ou prova, caso sua equipe não tenha se classificado.

b) GINÁSTICA ARTÍSTICA: classifica-se o campeão de cada prova, categoria e sexo. c) CAPOEIRA: O primeiro colocado, de ambas as divisões, por peso e sexo nos Jogos

Regionais, caso sua equipe não tenha se classificado.

d) BOXE, KICKBOXING, LUTA OLÍMPICA: a participação será livre.

e) DIVISÃO ESPECIAL: Poderá ser realizado nas modalidades de Basquetebol, Handebol, Voleibol e Xadrez (ambos os sexos), Futsal (masculino) por critérios que serão

estabelecidos pela Coordenadoria de Esporte e Lazer.

Artigo 12 - Os municípios participantes dos Jogos Regionais classificados para os Jogos Abertos

“Horácio Baby Barioni” deverão obrigatoriamente participar do mesmo em todas as modalidades classificadas, citadas no Parágrafo Terceiro do Artigo 11. Caso isso não ocorra, ficará impedido de participar dos Jogos Regionais do ano seguinte na modalidade, categoria e sexo em que deixou de participar nos “Jogos Abertos Horácio Baby Barioni”.

Parágrafo Único: Caso o município integrante da Primeira Divisão exerça o seu direito de

participação, fazendo inscrever equipes de modalidades não classificadas em primeiro e segundo lugares, ficará também enquadrado no caput deste artigo.

Artigo 13 – Nas modalidades de Atletismo, Atletismo ACD, Capoeira, Natação e Natação ACD será

realizada uma única competição, com classificação e pontuação individual e por equipe distintas entre os participantes da Primeira e Segunda Divisão.

Parágrafo Único: Nas modalidades de Boxe, Ciclismo, Ginástica Artística, Ginástica Rítmica,

Judô, Karatê, KickBoxing, Luta Olímpica e Taekwondo as competições serão distintas em cada Divisão.

Artigo 14 – São condições fundamentais para que um atleta participe dos Jogos Abertos “Horácio

Baby Barioni”:

a) Estar cadastrado no Sistema Integrado de cadastro da CEL e inscrito no evento;

b) Apresentar antes da sua participação nas partidas/competições a credencial expedida pela SELJ/CEL;

c) Satisfazer a todas as exigências das Portarias e Regulamentos da SELJ/CEL;

d) O Atleta apenado pela Justiça Desportiva poderá ser inscrito desde que a pena termine até a data do bloqueio da relação nominal previsto no cronograma do evento.

VII – DA INSCRIÇÃO

Artigo 15 – Os Municípios deverão através dos seus Gestores de cadastro Municipal confirmar por

meio de formulário próprio on-line até a data de bloqueio, através do site da SELJ www.selj.sp.gov.br, as inscrições por modalidade e sexo como segue:

a) Até às 18h00 do dia 26 de Agosto de 2016.

(5)

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE.

COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER

Parágrafo Primeiro: As Relações Nominais por modalidade e sexo deverão ser preenchidas

em formulário próprio on-line até a data de bloqueio, através do site da SELJ www.selj.sp.gov.br, obedecendo ao seguinte cronograma:

a) Até às 18h00 do dia 06 de Setembro de 2016.

b) Após este prazo o site estará bloqueado para qualquer intervenção na relação nominal.

Parágrafo Segundo: O não cumprimento do cronograma estabelecido nos itens deste Artigo

implicará no impedimento de participação do município.

Artigo 16 - Após a data do bloqueio das Relações Nominais o sistema será fechado e gerará

automaticamente aos atletas e dirigentes relacionados uma credencial que deverá ser retirada como segue.

Parágrafo Primeiro: Os municípios inscritos nos Jogos Abertos Horácio Baby Barioni –

Primeira Divisão, Segunda Divisão e Divisão Especial – deverão entregar todas as relações nominais das modalidades, categoria e sexo carimbadas e assinadas pelo representante legal, em 4 (quatro) vias, das 14h00 às 18h00 do dia 12 de Setembro e das 08h00 às 18h00 do dia 13 de Setembro na Comissão de Controle do evento. As credenciais dos atletas e dirigentes deverão ser retiradas pelo chefe ou integrante da delegação no Setor de Credenciamento, acompanhada de uma via da relação nominal protocolada pela Comissão de Controle, apresentando a seguinte documentação original ou copia autenticada pelo Cartório:

a) Atleta – C.N.H., Cédula de Identidade (RG) emitida pela Secretaria da Segurança Pública e Cadastro de Pessoa Física (CPF), quando não constar no RG.

b) Atleta Estrangeiro – RNE (Registro Nacional de Estrangeiro).

c) Técnico, auxiliar técnico, preparador físico – CREF (Conselho Regional de Educação Física). d) Médico – CRM – (Conselho Regional de Medicina)

e) Fisioterapeuta - CREFITO. (Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional) f) Massagista - (RG) Carteira de Identidade emitida pela Secretaria da Segurança Pública.

Paragrafo Segundo: Componentes das Delegações não citados no parágrafo acima deverão

apresentar a Cédula de Identidade original (RG) emitida pela Secretaria da Segurança Pública para a retirada da Credencial.

Parágrafo Terceiro: As credenciais dos Árbitros deverão ser retiradas pelo Chefe do Comitê

Dirigente até as 18h00 do dia que antecede o inicio dos jogos e competições na comissão de controle do evento.

Parágrafo Quarto: A solicitação da 2ª via das credenciais deverá ser através de oficio em

papel timbrado e protocolado na comissão de controle do comitê Dirigente. Será recolhida pela empresa responsável pelo credenciamento uma taxa no valor de R$10,00 (dez reais) para cada solicitação.

VIII - DOS JOGOS E COMPETIÇÕES

Artigo 17 – O atleta deverá ter completado, ou vir a completar no ano da realização dos Jogos, as

seguintes idades mínimas por modalidade:

a) 09 anos (2007) - Ginástica Artística e Ginástica Rítmica b) 10 anos (2006) - Damas e Xadrez

c) 12 anos (2004) - Natação, Tênis, Tênis de Mesa e Natação para Atletas com Deficiência (ACD).

d) 14 anos (2002) - Atletismo para Atletas com Deficiência (ACD)

e) 15 anos (2001) - Atletismo, Biribol, Bocha, Ciclismo, Malha. f) 17 anos (1999) – Basquetebol, Futebol, Futsal, Handebol e Voleibol e Volei de Praia.

g) 16 anos (2000) – Judô, Karatê (Katá) e Taekwondo. h) 18 anos (1998) - Capoeira.

(6)

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE.

COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER

Parágrafo Primeiro: Na modalidade de Boxe a idade máxima será de 40 (Quarenta) anos;

na modalidade de Capoeira a idade máxima será de 42 (quarenta e dois) e na modalidade de KickBoxing será de 40 (quarenta) anos, completos ou a completar no ano da realização dos Jogos.

Parágrafo Segundo: Para as provas de BMX e Mountain Bike as idades serão as

determinadas nos respectivos Regulamentos Técnicos.

Artigo 18 - Será considerada como mandante a equipe que se encontrar à esquerda na

programação dos jogos. Caso haja coincidência na cor dos uniformes, caberá a esta a troca dos mesmos, no prazo de 15 (quinze) minutos, contados a partir da constatação do fato.

Artigo 19 – O Técnico, Assistente Técnico e o preparador físico deverão estar registrados no

Conselho Regional de Educação Física (CREF), sendo obrigatória a apresentação do documento emitido pelo órgão para retirada da credencial expedida pela SELJ/CEL. O não cumprimento dessa exigência implicará no impedimento de suas participações, exceto para Técnicos e Assistentes-Tecnico das modalidades de Futebol e Futsal, estes deverão apresentar documento comprobatório de técnico, através de carteira de filiação, com foto, atualizada, de sua respectiva federação ou sindicato.

Artigo 20 – Será admitida uma tolerância máxima de 15 (quinze) minutos sobre o horário marcado

para as competições e jogos. A equipe que não se apresentar nesse prazo, ou quando anunciada, perderá por não comparecimento, caracterizando "W.O.", exceto nas modalidades de Damas Xadrez.

Artigo 21 – As equipes que abandonarem as disputas em qualquer modalidade e sexo serão

desclassificadas e consideradas desistentes, ficando, ainda, sujeitas a outras penalidades que poderão ser aplicadas pelos órgãos judicantes da CEL.

Parágrafo Primeiro: Configuram abandono as seguintes situações:

a) Deixar de comparecer depois de inscrito;

b) Deixar de comparecer em qualquer partida após o início da Fase Final do Sistema de Disputa dos Jogos Regionais, quando disputada em eliminatória simples;

c) Deixar de comparecer para disputar a última partida dentro de um turno quando não houver possibilidade de classificação para uma fase subsequente;

d) Deixar de comparecer para disputar a última partida dentro de um turno (Grupo Único) quando não houver possibilidade de ser primeiro colocado;

e) Não comparecer a competição programada nas modalidades individuais; f) Duas ausências consecutivas nas modalidades coletivas;

g) Desistir oficialmente da competição entre uma fase e outra;

h) Comparecer ao local das competições e se recusar a jogar ou competir.

i) Deixar de comparecer em qualquer partida no sistema de eliminatória simples.

Parágrafo Segundo: Configurado o abandono serão considerados nulos os resultados das

partidas realizadas pela equipe na fase.

Parágrafo Terceiro: Os Municípios, nos casos citados, deverão apresentar justificativa

fundamentada por escrito, até 12 (doze) horas após o ocorrido, para apreciação da Chefia, que poderá encaminhar à Comissão Disciplinar.

IX – DA FORMA DE DISPUTA

Artigo 22 – As competições das modalidades de Basquetebol, Biribol, Bocha, Futebol, Futsal,

Handebol, Malha, Tênis de Mesa, Voleibol e Vôlei de Praia serão realizadas de acordo com o número de equipes participantes, obedecendo aos critérios estabelecidos na sua Divisão e Sistema de Disputa.

Parágrafo Único: As demais modalidades obedecerão aos critérios estabelecidos pelos

respectivos Regulamentos Técnicos.

(7)

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE.

COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER

Artigo 23 – Na fase disputada no sistema de turno, a tabela de pontuação das modalidades será:

a) Basquetebol, Biribol, Bocha, Tênis de Mesa (equipe), Voleibol e Vôlei de Praia. Vitória 02 pontos

Derrota 01 ponto Ausência 00 ponto

b) Futebol, Futsal, Handebol e Malha. Vitória 03 pontos Empate 02 pontos Derrota 01 ponto Ausência 00 ponto c) Damas Vitória 03 pontos Empate 01 pontos Derrota 0,5 ponto Ausência 00 ponto d) Xadrez

Pontos por tabuleiro.

Artigo 24 – Para apuração do município campeão geral será adotada a seguinte tabela de

pontuação, por modalidade, categoria, sexo e Divisão:

1a e 2a Divisões Divisão Especial

1o lugar...09 pontos 1o lugar...13 pontos

2o lugar...07 pontos 2o lugar...11 pontos

3o lugar...06 pontos 3o lugar...09 pontos

4o lugar...05 pontos 4o lugar...07 pontos

5o lugar...04 pontos 5o lugar...06 pontos

6o lugar...03 pontos 6o lugar...05 pontos

7o lugar...02 pontos 7o lugar...04 pontos

8o lugar...01 ponto 8o lugar...03 pontos

Parágrafo Único: Para a contagem final da 1ª Divisão serão consideradas até 40 melhores

pontuações obtidas pelos municípios.

Artigo 25 – Em caso de empate na classificação final será adotado o seguinte critério para o

desempate na Divisão correspondente: a) Maior número de primeiros lugares;

b) Persistindo o empate, o desempate será efetuado pelo maior número de segundos lugares, e assim sucessivamente com as classificações subsequentes;

c) Persistindo ainda o empate será realizado sorteio.

XI – DA COMPOSIÇÃO DA DELEGAÇÃO

Artigo 26 – A Delegação de cada Município poderá ser composta por:

a) 1 (um) Chefe; b) 1 (um) Assistente; c) 2 (dois) Médicos;

d) 1 (um) Acompanhante para até 50 atletas; acima 02 (dois) acompanhantes; e) 1 (um) Roupeiro;

f) 1 (um) Assessor de imprensa; g) 1 (um) Fotógrafo;

h) 1 (um) Tesoureiro; i) 2 (dois) Vigilantes;

j) 6 (seis) Membros da cozinha; k) 5 (cinco) Motoristas;

(8)

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE.

COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER m) 2 (dois) Encarregados pelo Alojamento;

n) 2 (dois) Responsáveis pela Limpeza; o) 2 (dois) Enfermeiros;

p) Técnico, Assistente Técnico, Fisioterapeuta, Massagista de acordo com o número de equipes.

Parágrafo Único: O número máximo de atletas que comporão a Delegação será:

01. Atletismo - 46 Masculino 46 Feminino

02. Atletismo ACD 14 Masculino 14 Feminino

03. Basquetebol 12 Masculino 12 Feminino 04. Basquetebol - Divisão Especial 18 Masculino 18 Feminino

05. Biribol 8 Masculino

06. Bocha 9 Masculino

07. Boxe 10 Masculino 10 Feminino

08. Ciclismo 17 Masculino 9 Feminino 09. Capoeira 8 Masculino 8 Feminino

10. Damas 22 Masculino 22 Feminino

11. Futsal 14 Masculino 14 Feminino

12. Futsal Masc.- Divisão Especial 18 Masculino 18 Feminino 13. Ginástica Artística 8 Masculino 8 Feminino

14. Ginástica Rítmica 8 Feminino

15. Handebol 16 Masculino 16 Feminino 16. Handebol - Divisão Especial 18 Masculino 18 Feminino

17. Judô 17 Masculino 17 Feminino

18. Karatê 11 Masculino 8 Feminino

19. KickBoxing 9 Masculino 6 Feminino

20. Luta Olímpica 14 Masculino 14 Feminino

21. Malha 6 Masculino

22. Natação - 44 Masculino 44 Feminino

23. Natação ACD 14 Masculino 14 Feminino

24. Taekwondo 8 Masculino 8 Feminino

25. Tênis 5 Masculino 5 Feminino

26. Tênis De Mesa 6 Masculino 6 Feminino

27. Voleibol 12 Masculino 12 Feminino

28. Voleibol – Divisão Especial 18 Masculino 18 Feminino

29. Vôlei De Praia 4 Masculino 4 Feminino

30. Xadrez 8 Masculino 8 Feminino

Artigo 27 – O Chefe ou Assistente de Chefia da delegação representam o Município para todos os

efeitos legais no decorrer do evento.

Parágrafo Único: Nenhum membro suplementar poderá figurar na Delegação. XII – DOS TRANSPORTES - ALIMENTAÇÃO – HOSPEDAGEM

Artigo 28 - O Município-sede deverá providenciar junto aos órgãos competentes, alojamento para

as delegações, os quais deverão apresentar bom índice de higiene e conforto.

Parágrafo Primeiro: As representações municipais serão responsáveis pela boa

conservação dos alojamentos que lhes forem reservados, obrigando-se a acatar as ordens disciplinares e a indenizar o Comitê Organizador pelas avarias verificadas no material posto a sua disposição.

Parágrafo Segundo: As representações municipais deverão levar colchões e chuveiros em

número condizente com os elementos da delegação.

Parágrafo Terceiro: O Chefe da Delegação comunicará ao Comitê Organizador com 24

(vinte e quatro) horas de antecedência, o dia e a hora em que a delegação deixará o Município-sede, para fim de vistoria nos respectivos alojamentos.

(9)

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE.

COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER

Artigo 29 – O Transporte será de responsabilidade dos municípios participantes.

Parágrafo Único: O Chefe da Delegação e o Assistente de Chefia serão os responsáveis para

todos os efeitos legais no decorrer do evento.

XIII – DA ARBITRAGEM

Artigo 30 – A arbitragem será de responsabilidade da Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude. Os

árbitros deverão ser, obrigatoriamente, Cadastrados no Sistema Integrado de Cadastro da CEL e designados pelo seu Núcleo de Arbitragem.

XIV - JUSTIÇA DESPORTIVA

Artigo 31 – O atleta, técnico, assistente técnico e dirigente expulso ou desqualificado pelo árbitro,

estará automaticamente suspenso por uma partida na modalidade, independente das punições que lhes poderão ser impostas pela Comissão Disciplinar Especial.

Parágrafo Único: Independente de publicação em Boletim Oficial, a responsabilidade de

controle de suspensões aplicadas é do município participante.

Artigo 32 – O prazo para os Municípios interporem representações será de 03 (três) horas após o

término do jogo ou competição, desde que acompanhadas de provas. Após esse prazo o resultado estará automaticamente homologado, não cabendo mais representações.

Parágrafo Único: Nas modalidades de Atletismo, Atletismo ACD, Boxe, Capoeira, Ciclismo,

Ginástica Artística, Ginástica Rítmica, Judô, Karatê, KickBoxing, Luta Olímpica, Natação, Natação ACD e Taekwondo, será considerado o horário do término das competições do dia.

Artigo 33 – A Justiça Desportiva será exercida pela Comissão Disciplinar Especial.

Parágrafo Primeiro: Nos termos do Artigo 217, Parágrafo Primeiro, da Constituição Federal,

para se recorrer ao Poder Judiciário será necessário esgotarem-se todas as vias da Justiça Desportiva, citado no Parágrafo Único do Artigo 1o do Código de Justiça Desportiva da CEL.

Parágrafo Segundo: Para efeito dos procedimentos da Justiça Desportiva serão

consideradas modalidades individuais: Atletismo, Atletismo ACD, Capoeira, Ginástica Artística, Ginástica Rítmica, KickBoxing, Natação, Natação ACD e Taekwondo.

Parágrafo Terceiro: O prazo para apresentação de recurso às decisões da Comissão

Disciplinar Especial será de conformidade com o artigo 32 do Código de Justiça Desportiva da CEL.

XV – DOS UNIFORMES E PUBLICIDADE

Artigo 34 – É obrigatória a inscrição dos nomes dos Municípios impressa nas camisas, quimonos e

judoguis utilizados pelos atletas em todos os jogos e competições, exceto nas modalidades de Biribol, Ginástica Artística, Ginástica Rítmica e Natação.

Parágrafo Primeiro: Não será permitido, sob quaisquer hipóteses, o uso de pincéis,

canetas, fitas adesivas e outros para tal fim, assim como para a numeração das camisas.

Parágrafo Segundo: Será obrigatório o uso de Judoguis azuis e brancos na modalidade de

Judô.

Parágrafo Terceiro: Será permitida a inscrição dos nomes ou logomarcas de patrocinadores

nos uniformes sendo vedado patrocínio que se relacione com propaganda política, fumo ou produtos incompatíveis com a prática desportiva.

(10)

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE.

COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER

Parágrafo Quarto: Aos Técnicos e Assistentes Técnicos fica proibido o uso de chinelo e

sandália quando estiverem dirigindo ou representando suas equipes. O short somente poderá ser utilizado se fizer parte do uniforme e a regra ou normas da modalidade permitir.

Artigo 35 – Os responsáveis pela execução do certame impedirão a participação em jogos ou

competições das equipes que se apresentarem uniformizados em desacordo com as normas estabelecidas.

Artigo 36 - A publicidade de qualquer gênero só poderá ser realizada mediante autorização

expressa da SELJ-CEL, cabendo a esta lugar de destaque em todas as inserções, com exceção da constante dos uniformes de jogos e competições dos municípios participantes.

XVI – DO CERIMONIAL E DA PREMIAÇÃO

Artigo 37 – No Cerimonial de Abertura todas as delegações municipais devidamente uniformizadas

deverão, obrigatoriamente, participar com o número de atletas estabelecido pelo Comitê Dirigente.

Paragrafo Único: O município que não atender a esse artigo perdera 9 (nove) pontos na

classificação final.

Artigo 38 – Será obrigatória a realização do Cerimonial do “Fogo-Simbólico” pelo Município-Sede. Artigo 39 - Ao Campeão, Vice-Campeão e Terceiro colocado de cada modalidade e sexo será

conferido pela SELJ medalhas ao técnico, assistente técnico ou preparador físico, médico ou fisioterapeuta, massagista e atletas classificados em 1o, 2o, 3o colocados nas modalidades coletivas e individuais por prova e sexo.

Parágrafo Primeiro: Nas modalidades individuais, medalhas aos 03 (três) primeiros atletas

por prova, sexo e divisão, bem como aos técnicos e assistentes técnicos das 03 (três) equipes primeiras colocadas.

Parágrafo Segundo: Durante o Cerimonial de Premiação os atletas, técnicos e assistentes

técnicos deverão estar devidamente uniformizados.

Artigo 40 – Ao Campeão, Vice-Campeão e Terceiro colocados de cada modalidade, categoria e sexo

nas 3 (três) Divisões serão conferidos troféus de posse definitiva oferecidos pela SELJ/CEL.

Artigo 41 – Ao Município Campeão, Vice-Campeão e 3o Colocado na classificação geral nas 2 (duas)

Divisões dos Jogos Abertos “Horácio Baby Barioni” serão conferidos troféus de posse definitiva, oferecidos pela SELJ/CEL e Município-Sede.

B – REGULAMENTO TÉCNICO

Artigo 42 – Os Jogos Abertos “Horácio Baby Barioni” serão regidos pelo Regulamento Técnico dos

Jogos Regionais em cada modalidade, excetuando-se as alterações e inclusões do presente.

XVII – DA MODALIDADE DE ATLETISMO

Artigo 43 – Poderão participar os atletas classificados por prova e sexo nos Jogos Regionais, mais

os que obtiverem os seguintes índices, limitando a 2 (dois) atletas por prova.

Prova Sexo Índice

100m Masculino 10.7 100m Feminino 12.5 200m Masculino 22.0 200m Feminino 25.8 400m Masculino 48.8 400m Feminino 58.0 800m Masculino 1.54.0 800m Feminino 2.24.0

(11)

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE.

COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER

1.500m Masculino 4.00.0 1.500m Feminino 5.00.0 5.000m Masculino 15.10.0 5.000m Feminino 18.20.0 10.000m Masculino 32.10.0 10.000m Feminino 39.30.0 3.000m Marcha Feminino 20.30.0 5.000m Marcha Masculino 27.00.0

110 com barreiras Masculino 15.2 100 com barreiras Feminino 16.1 400 com barreiras Masculino 55.5 400 com barreiras Feminino 1.07.0

04 x 100m Masculino 43.0

04 x 100m Feminino 50.5

04 x 400m Masculino 3.21.0

04 x 400m Feminino 4.12.0

Salto Triplo Feminino 11.40m

Salto Triplo Masculino 14.60m

Salto em Altura Masculino 1.90m

Salto em Altura Feminino 1.55m

Salto com Vara Masculino 3.90m

Salto com Vara Feminino 2.80m

Salto em Distancia Masculino 6.95m Salto em Distancia Feminino 5.40m Arremesso do Peso Masculino 14.00m Arremesso do Peso Feminino 12.00m Lançamento do Disco Masculino 42.50m Lançamento do Disco Feminino 37.00m Lançamento do Dardo Masculino 53.00m Lançamento do Dardo Feminino 37.00m Lançamento do Martelo Masculino 43.00m Lançamento do Martelo Feminino 41.00m

Decatlo 6.000 ptos

Heptatlo 3.800 ptos

Parágrafo Primeiro: Na categoria ACD poderão participar os atletas classificados por prova

e sexo nos Jogos Regionais e mais 2 atletas com índice técnico por município e por sexo, respeitados os limites estabelecidos no parágrafo único do artigo 26 deste Regulamento.

Parágrafo Segundo: Nas provas para atletas com deficiência cada município não poderá

inscrever, por prova/classe mais do que 2 (dois) atletas e cada atleta poderá participar de no máximo 03 (três) provas.

Parágrafo Terceiro: Segue abaixo o índice Técnico da Competição (ITC) para as provas

paralímpicas: INDICE TÉCNICO - ATLETISMO MASCULINO - ATLETAS COM DEFICIÊNCIA

Classe Funcional 100M 200M 400M 800M 1500M 5000M Recorde Mundial Índice Técnico Recorde Mundial Índice Técnico Recorde Mundial Índice Técnico Recorde Mundial Índice Técnico Recorde Mundial Índice Técnico Recorde Mundial Índice Técnico T11 00:10,9 00:18,6 00:22,4 00:38,1 00:49,8 01:24,7 01:58,5 03:21,4 03:58,4 06:45,2 15:11,1 25:48,8 T12 00:10,6 00:18,0 00:21,6 00:36,7 00:48,5 01:22,5 01:50,0 03:07,0 03:48,3 06:28,1 13:53,8 23:37,4

(12)

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE.

COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER

T13 00:10,4 00:17,7 00:21,1 00:35,8 00:47,9 01:21,4 01:52,5 03:11,3 03:48,8 06:29,0 14:46,0 25:06,2 T20 00:11,1 00:18,9 00:23,0 00:39,0 00:48,5 01:22,5 03:54,1 06:37,9 15:32,7 26:25,7 T34 00:15,3 00:26,1 00:26,7 00:45,4 T35 00:12,3 00:20,9 00:24,7 00:42,0 T36 00:11,9 00:20,2 00:24,6 00:41,9 00:53,3 01:30,6 02:05,0 03:32,6 04:32,9 07:43,9 18:23,5 31:16,0 T37 00:11,5 00:19,5 00:22,8 00:38,7 00:50,9 01:26,5 01:57,2 03:19,2 03:59,5 06:47,2 16:34,4 28:10,4 T38 00:10,8 00:18,3 00:21,8 00:37,1 00:49,3 01:23,9 T42 00:12,1 00:20,6 00:24,4 00:41,4 00:57,1 01:37,0 T43 00:10,6 00:18,0 00:20,7 00:35,1 00:45,4 01:17,2 T44 00:10,7 00:18,3 00:21,6 00:36,8 00:49,9 01:24,8 T45 00:10,9 00:18,6 00:21,9 00:37,2 00:49,2 01:23,7 01:59,3 03:22,8 04:08,3 07:02,0 15:37,8 26:34,3 T46 00:10,7 00:18,2 00:21,7 00:37,0 00:47,7 01:21,1 01:51,8 03:10,1 03:50,1 06:31,3 14:20,9 24:23,5 T47 00:10,7 00:18,2 00:21,7 00:37,0 00:47,7 01:21,1 T51 00:21,1 00:35,9 00:38,8 01:06,0 T52 00:16,7 00:28,4 00:30,0 00:51,0 00:57,3 01:37,3 01:52,3 03:10,9 03:36,0 06:07,3 12:37,1 21:27,0 T53 00:14,2 00:24,1 00:25,2 00:42,9 00:47,4 01:20,5 01:34,9 02:41,3 T54 00:13,6 00:23,2 00:24,2 00:41,1 00:45,1 01:16,6 01:13,1 02:04,3 02:54,5 04:56,7 09:53,0 16:48,2 Classe Funcion al SALTO EM

DISTÂNCIA SALTO EM ALTURA ARREMESSO DE PESO

LANÇAMENTO DE DISCO LANÇAMENTO DE DARDO Recorde Mundial Índice Técnic o Record e Mundi al Índice Técnico Recorde Mundial Índice Técnico Record e Mundi al Índice Técnic o Recorde Mundial Índice Técnico F11 6,73 3,37 15,26 7,63 44,44 22,22 53,99 27,00 F12 7,47 3,74 2,02 1,01 16,62 8,31 52,51 26,26 64,38 32,19 F13 7,66 3,83 2,03 1,02 53,61 26,81 61,48 30,74 F20 7,48 3,74 16,29 8,15 F32 9,86 4,93 17,41 8,71 F33 12,10 6,05 28,13 14,07 26,75 13,38 F34 10,65 5,33 43,29 21,65 34,47 17,24 F35 16,22 8,11 54,13 27,07 56,07 28,04 F36 5,44 2,72 14,73 7,37 42,18 21,09 43,86 21,93 F37 6,31 3,16 17,52 8,76 55,81 27,91 57,81 28,91 F38 6,48 3,24 15,58 7,79 52,91 26,46 51,37 25,69 F40 10,51 5,26 19,21 9,61 33,83 16,92 F41 14,46 7,23 45,78 22,89 47,95 23,98 F42 6,50 3,25 1,96 0,98 14,71 7,36 48,69 24,35 52,79 26,40 F43 14,21 7,11 38,88 19,44 F44 8,24 4,12 2,17 1,09 18,38 9,19 63,46 31,73 59,82 29,91 F46 15,69 7,85 49,85 24,93 62,15 31,08 F47 7,58 3,79 2,05 1,03 F51 13,16 6,58 F52 10,23 5,12 21,06 10,53 18,58 9,29 F53 8,72 4,36 26,62 13,31 24,30 12,15

(13)

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE.

COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER

F54 10,32 5,16 33,68 16,84 29,49 14,75

F55 11,85 5,93 39,42 19,71 35,30 17,65

F56 13,49 6,75 45,49 22,75 42,27 21,14

F57 13,81 6,91 43,90 21,95 42,16 21,08

INDICE TÉCNICO - ATLETISMO FEMININO - ATLETAS COM DEFICIÊNCIA

Classe Funciona l 100M 200M 400M 800M 1500M 5000M Record e Mundi al Índice Técnico Record e Mundia l Índice Técnico Record e Mundi al Índice Técnico Record e Mundi al Índice Técnico Record e Mundia l Índice Técnico Record e Mundi al Índice Técnico T11 00:12,0 00:24,0 00:24,7 00:49,3 00:56,1 01:52,3 02:17,7 04:35,3 04:44,1 07:06,1 20:05,8 30:08,7 T12 00:11,9 00:23,8 00:24,5 00:48,9 00:53,7 01:47,3 02:05,0 04:09,9 04:19,2 06:28,8 17:50,5 26:45,7 T13 00:12,0 00:24,0 00:24,2 00:48,5 00:54,5 01:48,9 02:03,2 04:06,4 04:05,3 06:07,9 15:07,2 22:40,8 T20 00:00,0 00:29,1 00:58,2 00:57,5 01:55,0 04:23,4 06:35,1 T34 00:17,3 00:34,6 00:30,6 01:01,3 01:00,0 02:00,0 02:04,5 04:09,0 04:01,8 06:02,7 T35 00:14,6 00:29,3 00:30,7 01:01,4 01:20,9 02:41,7 T36 00:13,8 00:27,6 00:28,6 00:57,2 01:07,0 02:13,9 03:14,0 06:28,0 06:26,3 09:39,5 T37 00:13,7 00:27,4 00:28,4 00:56,7 01:04,8 02:09,6 02:46,8 05:33,5 05:40,1 08:30,2 T38 00:13,0 00:26,1 00:27,4 00:54,8 01:02,5 02:05,1 02:35,9 05:11,8 05:28,5 08:12,8 T42 00:15,2 00:30,4 00:32,6 01:05,3 01:34,6 03:09,2 T43 00:13,0 00:25,9 00:26,2 00:52,4 01:00,8 02:01,6 T44 00:13,0 00:26,0 00:26,8 00:53,5 01:01,4 02:02,8 02:38,3 05:16,6 T45 00:14,0 00:28,0 00:28,6 00:57,2 01:13,9 02:27,8 T46 00:11,9 00:23,9 00:24,4 00:48,9 00:55,7 01:51,4 02:12,4 04:24,8 04:50,1 07:15,1 15:20,5 23:00,8 T47 00:11,9 00:23,9 00:24,4 00:48,9 00:55,7 01:51,4 T51 00:32,1 01:04,2 00:56,0 01:52,0 T52 00:18,7 00:37,3 00:33,2 01:06,4 01:04,9 02:09,7 02:13,2 04:26,4 04:24,5 06:36,7 14:47,6 22:11,3 T53 00:16,2 00:32,4 00:28,9 00:57,9 00:54,9 01:49,8 01:49,8 03:39,6 T54 00:15,8 00:31,6 00:27,5 00:55,0 00:51,9 01:43,8 01:44,4 03:28,9 03:18,7 04:58,1 11:17,0 16:55,4 Classe Funcional

SALTO EM DISTÂNCIA SALTO EM ALTURA ARREMESSO DE PESO LANÇAMENTO DE DISCO LANÇAMENTO DE DARDO Recorde Mundial Índice Técnico Recorde Mundial Índice Técnico Recorde Mundial Índice Técnico Recorde Mundial Índice Técnico Recorde Mundial Índice Técnico F11 5,21 2,61 17,32 8,66 40,42 20,21 38,62 19,31 F12 6,60 3,30 1,57 0,79 13,12 6,56 45,97 22,99 42,51 21,26 F13 5,88 2,94 1,80 0,90 44,67 22,34 43,82 21,91 F20 6,09 3,05 14,33 7,17 F32 6,55 3,28 F33 6,37 3,19 10,73 5,37 F34 8,60 4,30 21,02 10,51 10,57 5,29 F35 12,35 6,18 31,42 15,71 25,59 12,80 F36 4,09 2,05 10,64 5,32 28,01 14,01 29,55 14,78

(14)

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE.

COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER

F37 4,92 2,46 12,20 6,10 35,35 17,68 37,86 18,93 F38 4,96 2,48 12,58 6,29 31,63 15,82 32,87 16,44 F40 6,29 3,15 15,15 7,58 20,00 10,00 F41 9,86 4,93 32,37 16,19 28,30 14,15 F42 4,60 2,30 1,38 0,69 10,06 5,03 33,19 16,60 31,51 15,76 F43 9,76 4,88 32,22 16,11 F44 5,47 2,74 1,52 0,76 13,05 6,53 42,38 21,19 40,51 20,26 F46 12,21 6,11 42,12 21,06 41,15 20,58 F47 6,01 3,01 1,67 0,84 0,00 F51 8,60 4,30 F52 6,14 3,07 15,28 7,64 13,46 6,73 F53 5,88 2,94 14,46 7,23 11,87 5,94 F54 7,83 3,92 19,96 9,98 18,45 9,23 F55 9,06 4,53 27,80 13,90 22,71 11,36 F56 9,43 4,72 24,67 12,34 24,03 12,02 F57 10,58 5,29 33,57 16,79 22,71 11,36

Artigo 44 – O município poderá inscrever até 2 (dois) atletas por prova e uma equipe de

revezamento, desde que apresentem o índice técnico exigido ou classificação nos Jogos Regionais. Cada atleta poderá participar de até 3 (três) provas individuais e dos revezamentos.

Parágrafo Primeiro: O Município-Sede poderá inscrever até 2 (dois) atletas por prova e

uma equipe por revezamento, independente de índice técnico, desde que atenda aos limites de provas estabelecidos no “caput” deste Artigo.

Parágrafo Segundo: Os atletas participantes nas provas de Decatlo e Heptatlo poderão

participar de até 2 (duas) outras provas.

Parágrafo Terceiro: Não poderão ser feitas alterações de provas individuais. Os atletas

deverão participar das provas em que foram inscritos na relação nominal.

Artigo 45 – O município que obtiver índice nas provas de revezamento poderá substituir os

integrantes da equipe. No caso de substituição de integrantes da equipe de revezamento, só poderão ser utilizados atletas que constem da relação nominal de inscritos na competição de atletismo.

Artigo 46 - As provas serão realizadas em 4 (quatro) dias, como segue:

1º Dia- Manhã

07h00

Confirmação

08h00

5000 metros ACD

Feminino

Final por Tempo

08h30

5000 metros ACD

Masculino

Final por Tempo

09h00

100 m rasos ACD- ambulantes

Feminino

Final por Tempo

Lançamento do Dardo ACD-

cadeirantes

Masculino

Final

Lançamento do Disco ACD-

cadeirantes

Masculino

Final

Arremesso do Peso ACD-

(15)

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE.

COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER

09h30

100 m rasos ACD- ambulantes

Masculino

Final por Tempo

Salto em Distância ACD

Masculino

Final

10h00

100 m rasos ACD- cadeirantes

Feminino

Final por Tempo

10h30

100 m rasos ACD- cadeirantes

Masculino

Final por Tempo

10h30

Lançamento do Dardo ACD-

cadeirantes

Feminino

Final

Lançamento do Disco ACD-

cadeirantes

Feminino

Final

Arremesso do Peso ACD-

cadeirantes

Feminino

Final

11h00

400 m rasos ACD- ambulantes

Feminino

Final por Tempo

11h30

400 m rasos -ACD-

ambulantes

Masculino

Final por Tempo

1º Dia - Tarde

14h30

Confirmação

15h00

200 m rasos ACD- ambulantes

Feminino

Final por Tempo

Salto em Altura ACD

Masculino

Final

Arremesso do Peso ACD-

ambulantes

Feminino

Final

Lançamento do Dardo ACD-

ambulantes

Feminino

Final

Lançamento do Disco ACD-

ambulantes

Feminino

Final

15h30

200 m rasos ACD- ambulantes

Masculino

Final por Tempo

Salto em Distância ACD

Feminino

Final

16h00

400 m rasos -ACD- cadeirantes

Feminino

Final por Tempo

Arremesso do Peso ACD-

ambulantes

Masculino

Final

Lançamento do Dardo ACD-

ambulantes

Masculino

Final

Lançamento do Disco ACD-

ambulantes

Masculino

Final

16h30

400 m rasos -ACD- cadeirantes

Masculino

Final por Tempo

17h00

800 m rasos T- 11-12-52-53-54

Feminino

Final por Tempo

17h30

200 m rasos ACD- cadeirantes

Feminino

Final por Tempo

18h00

200 m rasos ACD- cadeirantes

Masculino

Final por Tempo

18h30

1500 m rasos T-11-12-13-20-36-37-46-52-54

Masculino

Final por Tempo

2º Dia - Manhã

07h30

Confirmação

08h00

100 m rasos

Feminino

Semifinal

Salto em Distância

Masculino

Final

08h30

100 m rasos

Masculino

Semifinal

09h00

5000 metros rasos

Feminino

Final por tempo

Salto com Vara

Feminino

Final

Lançamento do Dardo

Feminino

Final

(16)

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE.

COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER

10h00

5000 metros rasos

Masculino

Final por tempo

Salto em Altura

HEPTATLO

10h30

100 m rasos

DECATLO

Lançamento do Dardo

Masculino

Final

Arremesso do Peso

HEPTATLO

Salto em Distância

DECATLO

11h00

100 m rasos

Feminino

Final

11h20

100 m rasos

Masculino

Final

11h45

200 m rasos

HEPTATLO

2º Dia- Tarde

14h30

Confirmação

Salto com Vara

Feminino

Final

15h00

100 m sobre barreiras

Feminino

Final por Tempo

Arremesso do Peso

DECATLO

15h30

110 metros sobre barreiras

Masculino

Final por tempo

Salto com Vara

Masculino

Final

Salto em Altura

DECATLO

16h00

Revezamento 4X100 metros

Feminino

Final por tempo

Lançamento do Disco

Masculino

Final

Salto Distância

Feminino

Final

16h30

Revezamento 4X100 metros

Masculino

Final por tempo

17h00

400 metros rasos

DECATLO

3º Dia- Manhã

07h30

Confirmação

08h30

110 metros sobre barreiras

DECATLO

09h00

3 KM Marcha Atlética

Feminino

Final por tempo

Salto em Altura

Masculino

Final

Salto em Distancia

HEPTATLO

Lançamento do Disco

DECATLO

Final

09h30

5 KM Marcha Atlética

Masculino

Final por Tempo

10h00

Salto com Vara

DECATLO

10h30

400 m rasos

Feminino

Final por Tempo

Arremesso do Peso

Feminino

Final

Lançamento do Dardo

HEPTATLO

11h00

400 m rasos

Masculino

Final por Tempo

11h30

800 metros rasos

HEPTATLO

3º Dia - Tarde

14h30

Confirmação

15h00

400 metros sobre barreiras

Feminino

Final por tempo

Lançamento do Disco

Feminino

Final

Salto em Altura

Feminino

Final

15h30

400 metros sobre barreiras

Masculino

Final por tempo

16h00

800 metros rasos

Feminino

Final por tempo

16h15

Lançamento do Dardo

DECATLO

(17)

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE.

COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER

Arremesso do Peso

Masculino

Salto Triplo

Masculino

Final

17h00

1500 metros rasos

DECATLO

4º Dia- Manhã

07h30

Confirmação

08h00

10000 metros rasos

Feminino

Final por tempo

Lançamento do Martelo

Masculino

Final

09h00

10000 metros rasos

Masculino

Final por tempo

Salto Triplo

Feminino

Final

09h50

200 metros rasos

Feminino

Final por tempo

10h00

Lançamento do Martelo

Feminino

Final

10h20

200 metros rasos

Masculino

Final por tempo

11h00

1500 metros rasos

Masculino

Final por tempo

11h30

1500 metros rasos

Feminino

Final por tempo

11h45

Revezamento 4X400 metros

Feminino

Final por tempo

12h10

Revezamento 4X400 metros

Masculino

Final por tempo

Artigo 47 – A contagem de pontos nas provas de Decatlo, Heptatlo e Revezamentos, para a

classificação final, serão em dobro.

Parágrafo Primeiro: Para efeito de pontuação deverá ser aplicada a seguinte tabela:

1o lugar...09 pontos 2o lugar...07 pontos 3o lugar...06 pontos 4o lugar...05 pontos 5o lugar...04 pontos 6o lugar...03 pontos 7o lugar...02 pontos 8o lugar...01 ponto

Parágrafo Segundo: A realização da competição será única, porém, a contagem de pontos

por prova e sexo será distinta de acordo com a Divisão a que pertencer.

Parágrafo Terceiro – A contagem de pontos e premiação da competição para Atletas com

Deficiência (ACD) será feita separadamente.

Artigo 48 – No caso de apenas uma inscrição ou desistência de atletas, redundando numa única

participação, será atribuída pontuação e premiação.

XVIII – DA MODALIDADE DE BOXE

Artigo 49 – A modalidade de Boxe será regida pelas Regras da modalidade, com as exceções

previstas neste Regulamento.

Artigo 50 – A modalidade de Boxe será disputada por ambos os sexos, em uma única classe -

Amadores, nas seguintes categorias e pesos:

FEMININO MASCULINO PESOS PESOS 45 kg a 48 Kg 46 Kg a 49 kg 51 kg 52 kg 54 kg 56 kg 57 kg 60 kg 60 kg 64 kg 64 kg 69 kg

(18)

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE.

COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER

69 kg 75 kg

75 kg 81 kg

81 kg 91 kg

+ de 81 kg + de 91 kg

Parágrafo Primeiro: Os pesos deverão ser definidos, obrigatoriamente, na relação nominal.

Caso o atleta não passe na primeira pesagem estará automaticamente desclassificado da competição.

Parágrafo Segundo: No caso de apenas uma inscrição ou desistência de atletas na

categoria/peso, este não poderá lutar, salvo se o técnico, no momento da pesagem, optar por colocar o atleta em outra categoria.

Parágrafo Terceiro: Não haverá tolerância de peso entre os participantes.

Artigo 51 – O município será representado por apenas 1 (um) pugilista em cada categoria, peso e

sexo.

Artigo 52 – Na categoria Elite Masculino serão utilizadas luvas de 10(dez) onças da categoria de

peso 49(quarenta e nove) Kg até a categoria 64(sessenta e quatro) Kg e 12 (doze) onças da categoria 69(sessenta e nove) Kg até a categoria + de 91(noventa e um) Kg.

Na categoria Elite Feminina serão utilizadas luvas de 10(dez) onças em todos os de pesos.

Artigo 53 – As lutas terão a seguinte duração:

Feminino – 4 (quatro) “rounds” de 2 (dois) minutos, por 1 (um) minuto de descanso. Masculino – 3 (três) “rounds” de 3 (dois) minutos, por 1 (um) minuto de descanso.

Artigo 54 – Para que o pugilista possa tomar parte da competição deverá estar devidamente

uniformizado, como segue: VESTUÁRIO

a) Calções com comprimento máximo acima do joelho e nas categorias femininas é opcional o uso de saias;

b) No Calção, a linha da cintura deve estar claramente indicada por uma cor distinta;

c) Não é permitido o uso de esparadrapos ou adesivos de qualquer natureza no vestuário do atleta;

d) Calção e camiseta (tipo regata, sem mangas, cobrindo o peito e as costas) ambos na cor VERMELHA OU AZUL, de acordo com o corner de atuação: vermelha para o corner vermelho e azul para o corner azul;

e) Protetor bucal não poderá ser na cor vermelha ou similar;

f) É proibido o uso de cabeleiras fora do protetor de cabeça (feminino)

g) Nenhum outro tipo de presilha poderá ser utilizado para fixar os cabelos no protetor de cabeça;

h) De preferência utilizar “bandanas” para prender os cabelos para dentro do capacete; i) É proibido o uso de qualquer tipo de acessório aparente, de metal ou de plástico, no

corpo, como piercing;

j) É proibido o uso de barbas e bigodes;

k) É permitido o uso de joelheiras desde que não contenha metal.

Parágrafo Primeiro: Na categoria Elite Masculino não serão utilizados capacetes Parágrafo Segundo: Na categoria Elite Feminina será obrigatório o uso do capacete.

Artigo 55 – A pesagem será feita no dia anterior à primeira rodada, no horário das 07h00 às 09h00

e o Congresso Específico será às 15h00. Nas demais rodadas a pesagem será das 8h00 às 9h00.

Artigo 56 – As boxeadoras deverão apresentar “Atestado Negativo de Gravidez” quando da

primeira pesagem e não posteriormente. Caso não apresente o atestado a atleta estará impedida de ser pesada e de participar.

(19)

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE.

COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER

O Atestado terá que ser expedido com data máxima de 15(quinze) dias que antecedem as disputas.

Artigo 57 – O(A) boxeador(a) classificado (a) para a disputa da fase semifinal ou final que deixar

de se apresentar para a pesagem, exame médico ou combate programado, não terá direito a medalha e pontuação.

Parágrafo Único: Para ter direito à referida premiação e pontuação o mesmo deverá

apresentar atestado médico comprovando estar lesionado e impedido de participar do combate.

Artigo 58 – A pontuação para efeito de classificação final por equipes será:

a) 1 (um) ponto por categoria pelo primeiro combate efetivamente disputado; b) 1 (um) ponto por vitória nas preliminares;

c) 2 (dois) pontos por vitória na semifinal;

d) 1 (um) ponto por derrota na final (exceto W.O.); e) 3 (três) pontos por vitória na final.

Parágrafo Único: As competições serão distintas em cada Divisão. XIX – JUDÔ

Artigo 59 – A competição de Judô será conforme programação abaixo: Primeiro Dia - 1ª e 2ª DIVISÃO

16 horas = Congresso Técnico Específico do Judô.

 Retirada do envelope com a Ficha de Inscrição Nominal dos atletas da equipe + 3 fichas de escalações das equipes;

 Retirada da Ficha de Inscrição Nominal da dupla de Nague no Katá;

 Retirada da Ficha de Inscrição Nominal dos atletas para a competição individual;

 Orientações gerais para a participação dos atletas;

Segundo Dia - 1ª e 2ª DIVISÃO

8 horas – Equipes masc/fem. Da 1ª divisão

 Entrega dos envelopes com a ficha da equipe preenchida com os nomes dos atletas.

 Anexando o CRACHA dos atletas inscritos nas equipes.

 1ª escalação dos atletas para a ordem dos confrontos

9 horas – Início das competições por equipes da 1ª divisão - Masc/Fem. Das 9 às 10 horas - Equipes masc/fem. da 2ª divisão

 Entrega dos envelopes com a ficha da equipe preenchida com os nomes dos atletas.

 Anexando o CRACHA dos atletas inscritos nas equipes.

 1ª escalação dos atletas para a ordem dos confrontos

10 horas – Início das competições por equipes da 2ª divisão. Masc/fem. Até as 14 horas – Inscrições das duplas de Nague no Kata

Entrega das Inscrições das duplas de Nague no Katá da 1ª e 2ª divisão masculino e feminino.

1ª DIVISÃO - INDIVIDUAL

Das 14 às 15 horas – Pesagem Livre – Masculino e Feminino.

Até as 15 horas – Entrega das fichas com as inscrições dos atletas para o individual da 1ª divisão, masc/fem.

Das 15 às 16 horas – Pesagem Oficial – Masculino e Feminino.

Terceiro Dia - 1ª e 2ª DIVISÃO

(20)

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

SECRETARIA DE ESPORTE, LAZER E JUVENTUDE.

COORDENADORIA DE ESPORTE E LAZER 1ª DIVISÃO - INDIVIDUAL

Das 9 às 10 horas – Pesagem Oficial 11 horas – Sorteio das chaves

12 horas – Início da competição individual da 1ª divisão 2ª DIVISÃO - INDIVIDUAL

Das 14 às 15 horas – Pesagem Livre – Masculino e Feminino.

Até as 15 horas – Entrega das fichas com as inscrições dos atletas para o individual da 2ª divisão, masc/fem.

Das 15 às 16 horas – Pesagem Oficial – Masculino e Feminino.

18 horas – PREMIAÇÃO E ENCERRAMENTO da 1ª divisão + KATA

Quarto Dia - 2ª DIVISÃO

Das 7 horas às 8 horas – Pesagem Oficial - Masculino e Feminino. 8h30m – SORTEIO DAS CHAVES

9 horas – Início da competição individual da 2ª divisão

18 horas – PREMIAÇÃO E ENCERRAMENTO da 2ª divisão

XX – DA MODALIDADE DE KICKBOXING

Artigo 60 – A competição será disputada por ambos os sexos nas modalidades Low Kicks (ambos

os sexos) e Full-Contact (somente para o sexo feminino), todos com torneio individual, de acordo com as regras oficiais do KickBoxing da Confederação Brasileira de KickBoxing.

Parágrafo Primeiro: As categorias de peso são divididas de acordo com as seguintes

especificações: ESTILO LOW-KICKS MASCULINO FEMININO De 60,001 kg. até 63,500 kg. De 52,001 kg. até 56 kg. De 63,501 kg. até 67 kg. De 56,001 kg. até 60 kg. De 67,001 kg. até 71 kg. De 71,001 kg. até 75 kg. De 75,001 kg. até 81 kg.

ESTILO FULL-CONTACT (FEMININO) De 54,001 kg. até 56 kg.

De 56,001 kg. até 60 kg.

Parágrafo Segundo: O Município poderá inscrever até o máximo de 15 (quinze) atletas, e

devendo confirmar os 09 (nove) titulares (05 no masculino e 04 no feminino) na pesagem oficial. Somente os titulares podem participar da pesagem oficial.

Paragrafo Terceiro: O Município deverá, no momento da pesagem oficial, confirmar

somente 01 (um) atleta em cada categoria de peso, num total de 05 (cinco) masculino e 04 (quatro) feminino, sendo até 02 (duas) na modalidade Low Kicks e até 02 (dois) na modalidade Full-Contact, além de um técnico e um auxiliar técnico.

Parágrafo Quarto: Somente poderá participar atleta com graduação de faixa verde em

diante. A graduação dos atletas participantes deverá ser comprovada no Congresso Específico, por meio de documento de entidade de direção estadual da modalidade de KickBoxing. Os atletas podem requerer sua certificação de graduação oficial na entidade de

Imagem

Referências

  1. www.selj.sp.gov.br,
temas relacionados :