SolidWorks SKA Nível I

560 

Loading....

Loading....

Loading....

Loading....

Loading....

Texto

(1)
(2)

2

Sumário ... Erro! Indicador não definido.

Introdução ao SolidWorks – Conceitos básicos ... 4

1. Criação de Esboço I – Estudo de Caso ... 22

2. Criação de Esboço II – Estudo de Caso ... 38

3. Gestos do Mouse ... 59

4. Modelagem de peças I ... 68

5. Modelagem de peças II ... 77

6. Modelagem de peças III- Exercício ... 83

7. Modelagem de peças IV- Exercício ... 89

8. Modelagem de peças V - Exercício ...112

9. Modelagem de Peças VI - Exercício ...126

10. Comando Revolução I - Estudo de caso ...138

11. Comando Revolução II - Estudo de caso ...178

12. Comando Revolução III - Estudo de caso ...194

13. Comando Revolução IV - Estudo de caso ...196

14. Comando Revolução V - Estudo de caso ...202

15. Comando Revolução VI - Estudo de caso ...213

16. Comando Revolução VII - Estudo de caso ...217

17. Aplicação de Padrões I - Estudo de caso ...220

(3)

3

19. Construção de Peças I - Estudo de caso...235

20. Construção de Peças II - Estudo de caso...251

21. Montagens I - Estudo de caso ...257

22. Montagens II - Estudo de caso ...296

23. Montagens III - Estudo de caso ...324

24. Conceitos básicos de detalhamento ...365

25. Criando um Template de Peças ...376

26. Criando um Template de Desenho ...399

27. Detalhamento da peça Exemplo ...426

28. Detalhamento Bloco ...438

29. Detalhamento Suporte ...456

29. Detalhamento Mandíbula ...469

29. Detalhamento Mandíbula ...485

30. Detalhamento conjunto Morsa...486

(4)

4

Introdução ao SolidWorks – Conceitos básicos

O SolidWorks é uma ferramenta de desenho tridimensional paramétrica, que nos permite criar os mais diversos tipos de peças, conjuntos e desenhos em diversas áreas de aplicação, tais como setores de engenharia e desenvolvimento de produtos.

A tecnologia do SolidWorks de modelagem 3D, é uma ferramenta que permite visualizar o produto antes de seu processo de fabricação, além de detectar possíveis interferências, formas de montagem, análise de movimentos, peso e resistência, antes de enviar a peça ou conjunto para fabricação.

(5)

5

Paramétrico, pois é controlado por dimensões (na linguagem do software, parâmetros) que nos permite prever e alterar quaisquer variações de geometria em produtos, redefinindo nosso projeto ou mesmo gerando um novo (maior ou menor, conforme necessidade).

Um dos pré-requisitos para este treinamento é possuir o SolidWorks instalado no computador que você irá utilizar para realizar as tarefas.

Durante o treinamento, iremos abordar as diferentes técnicas de construção de peças, técnicas de montagens, e elaboração de folhas de processo.

Conheceremos agora como o SolidWorks aborda estes diferentes processos. Antes de iniciarmos a primeira peça, vamos clicar em Opções

(ou clique em Ferramentas, Opções) selecionar a opção Esboço, e nos certificar de que a opção está marcada. Após clique em OK.

Dica: Você também pode acessar as opções do SolidWorks através do menu Ferramentas, Opções.

(6)

6

Durante o andamento das lições, iremos verificar que o SolidWorks utiliza uma nomenclatura típica de sistemas 3D.

Terminologia: O SolidWorks emprega alguns termos nativos de modelagem 3D. Abaixo encontram-se alguns termos bastante utilizados no SolidWorks. - Recurso: Recursos são todos os cortes, ressaltos, esboços e planos que serão utilizados para construir o produto.

- Plano: São utilizados como uma superfície de esboço principal para a criação de ressaltos e cortes.

- Esboço: Todo e qualquer perfil 2D é denominado esboço. Esboços são criados sobre os planos e as faces do nosso modelo. Geralmente são utilizados como base para ressaltos e cortes.

- Ressalto: Os ressaltos são utilizados para adicionar material ao nosso modelo. O recurso inicial básico sempre é um ressalto. Após o primeiro

(7)

7

ressalto, é possível adicionar quantos ressaltos forem necessários para concluir a geometria do produto. Todo ressalto é criado a partir de um esboço. - Corte: Os cortes são utilizados para remover material do modelo. É o oposto do ressalto. Os cortes também são criados a partir de um esboço.

- Filetes: Geralmente adicionados ao sólido (3D) não ao esboço (2D). Podem ser adicionados através da seleção de arestas, e faces.

- Origem: O SolidWorks utiliza um sistema de coordenadas com origem. Um documento de peça contém uma origem. Sempre que você seleciona um plano ou face e abre um esboço, uma origem é criada em alinhamento com o plano ou face.

Uma origem pode ser usada como uma âncora para as entidades de esboço e ajuda a orientar a perspectiva dos eixos.

Uma tríade de referência tridimensional o orienta nas direções X, Y e Z nos documentos de peça e montagem.

Por este motivo, iremos sempre construir o esboço da peça com alguma referência com a origem.

- Relações de esboço: As relações de esboço são bastante utilizadas para auxiliar na construção da geometria desejada. No SolidWorks, as relações entre entidades de esboço e a geometria do modelo são uma maneira dinâmica de construir a intenção do projeto, além de contribuir para o entendimento do esboço, que consequentemente terá menos dimensões.

(8)

8

Para adicionar relação à uma entidade de esboço (linha, arco, ponto, origem), basta pressionar a tecla CTRL e selecionar as entidades respectivamente, ou simplesmente selecionar a linha, salvo quando a relação seja vertical ou horizontal.

Abaixo segue alguns exemplos para sabermos como adicionar as relações de esboço.

Exemplo 1:

Como adicionar relação Vertical em uma linha: Clique no menu arquivo, Novo.

Selecione Peça e clique em OK.

(9)

9

Clique em Esboço, para habilitar as ferramentas de esboço.

Selecione a ferramenta Linha.

Clique e arraste para criar uma linha.

Pressione a tecla Esc para sair do comando linha. Dê um Clique na linha para selecioná-la.

Observe à esquerda da tela as Propriedades de Linha. Selecione em Adicionar relações a opção vertical.

1° Clique

2° Arraste o mouse para dar o comprimento à linha e dê mais um clique para finalizá-la

(10)

10

Feche sem salvar o documento.

Exemplo 2:

As relações verticais e horizontais, também podem ser dadas entre pontos centrais de círculos. Observe o exemplo abaixo.

Clique no menu arquivo, Novo.

Selecione Peça e clique em OK.

(11)

11

Clique em Esboço, para habilitar as ferramentas de esboço.

Selecione a ferramenta Círculo.

Crie três círculos aleatoriamente. Selecione a ferramenta círculo nas ferramentas de esboço.

Clique e arraste para criar um círculo.

Crie mais um círculo, conforme imagem abaixo.

1° Clique

2° Arraste o mouse para dar o diâmetro do círculo e dê mais um clique para finalizá-lo

(12)

12

Pressione a tecla CTRL e selecione os dois pontos centrais dos círculos. Note que irá aparecer um menu suspenso com a relação vertical. Você pode clicar em vertical.

Nota: Você também pode adicionar a relação através do Feature Manager à esquerda, clicando em Vertical, conforme ilustração abaixo.

Nota: Resultado após a inserção da relação vertical.

Pressione a tecla Esc para limpar a seleção dos pontos. Feche sem salvar o documento.

Clique em Vertical

1° Selecione os pontos centrais 2° Clique em Vertical

(13)

13

Exemplo 3:

Adicionar relação Perpendicular: Clique no menu arquivo, Novo.

Selecione Peça e clique em OK.

Clique em Esboço, para habilitar as ferramentas de esboço.

Selecione a ferramenta Linha.

Crie duas linhas conforme ilustração abaixo. Após construir as linhas, pressione a tecla “CTRL” e clique em cima de cada uma das duas linhas;

(14)

14

Selecione a relação Perpendicular para adicionar esta relação às linhas selecionadas.

Pressione a tecla Esc para limpar a seleção das linhas. Feche sem salvar o documento.

Exemplo 4:

Adicionar relação simétrica: Clique no menu arquivo, Novo.

(15)

15

Selecione Peça e clique em OK.

Clique em Esboço, para habilitar as ferramentas de esboço.

Selecione a ferramenta Linha.

(16)

16

Adicione uma linha de centro vertical partindo da origem. Para selecionar a linha de centro:

Clique na seta ao lado da ferramenta Linha.

Clique em Linha de centro.

Com a ferramenta linha de centro selecionada clique na origem, arraste verticalmente e dê um clique para concluir a linha.

Pressione a tecla CTRL e selecione as duas linhas e a linha de centro.

(17)

17

Selecione a relação Simétrico para adicionar esta relação às entidades selecionadas.

Pressione a tecla Esc para limpar a seleção dos pontos. Feche sem salvar o documento.

Siga as mesmas orientações para adicionar as relações abaixo.

Relação Horizontal

Relação Vertical

Relação Perpendicular

Relação Paralela 2° Clique em Simétrico

(18)

18

- Vistas de desenho: As vistas ortogonais do SolidWorks podem ser acessadas a qualquer momento.

Clique em Orientações de Vista:

Relação Colinear

Relação Igual (mesmo comprimento)

Relação Concêntrica

Relação Coincidente

Relação Tangente

(19)

19

Selecione uma vista ortogonal.

Podemos acessar as vistas ortogonais através da barra de espaço do teclado, e selecionar através de um duplo clique a vista desejada.

Você também pode definir o alinhamento de uma face. Basta selecionar a face desejada e pressionar a tecla “CTRL + 8” (é a vista perpendicular a qualquer face ou plano selecionado, equivalente a uma vista de plano)

Vista Frontal

1° Selecionar a face

2° Pressione CTRL + a tecla 8

(20)

20

Abaixo lista com as teclas de atalho das vistas Ortogonais:

Frontal Ctrl+1 Posterior Ctrl+2 Esquerda Ctrl+3 Direita Ctrl+4 Superior Ctrl+5 Inferior Ctrl+6 Isométrica Ctrl+7 Normal a Ctrl+8

- Atalhos do SolidWorks: Os atalhos de teclado são combinações de teclas, que podem ser personalizadas para configurar as ferramentas do SolidWorks mais utilizadas diariamente pelo usuário.

Abaixo segue a lista de atalhos padrão do SolidWorks.

Limpar ferramenta selecionada ESC

Novo Ctrl+N

Abrir Ctrl+O

Fechar Ctrl+W

Salvar Ctrl+S

Imprimir Ctrl+P

Procurar nos documentos recentes R

Desfazer Ctrl+Z

Refazer Ctrl+Y

Repetir último comando Enter

Cortar Ctrl+X Copiar Ctrl+C Colar Ctrl+V Excluir Delete Reconstruir Ctrl+B Redesenhar Ctrl+R

(21)

21

Orientação

SpaceBar

Zoom para ajustar F

Snaps rápidos F3

Tela inteira F11

Área da árvore do FeatureManager F9

Barras de ferramentas F10 Painel de tarefas Ctrl+F1 Linha L Frontal Ctrl+1 Posterior Ctrl+2 Esquerda Ctrl+3 Direita Ctrl+4 Superior Ctrl+5 Inferior Ctrl+6 Isométrica Ctrl+7 Normal a Ctrl+8

Alternar opção de comando A

Expandir/recolher árvore C

Recolher todos os itens.

Shift+C Filtrar arestas E Localizar/substituir Ctrl+F Próxima aresta N Forçar regeração Ctrl+Q Lente de aumentos G Barra de atalho S Filtrar vértices V

Alternar barra de ferramentas de Filtro de

seleção F5

Alternar filtros de seleção F6

Verificador ortográfico F7

(22)

22

Aceitar aresta Y

Menos zoom Z

Mais zoom Shift+Z

Vista anterior Ctrl+Shift+Z

1. Criação de Esboço I – Estudo de Caso

Com a opção de criação de esboço em peças novas, toda vez que inicializarmos um novo arquivo de peça, o SolidWorks criará esse tipo de entidade.

Portanto, dá-se início à criação de uma nova peça (menu Arquivo, Novo). Clique no menu arquivo, Novo.

Selecione Peça e clique em OK.

(23)

23

Observa-se que a interface do SolidWorks mostra ao usuário algumas pistas de criação de um novo arquivo de peça com o seu esboço. O sinal mais claro que poderemos averiguar é o canto de confirmação na área do modelo.

O segundo sinal da criação do esboço poderá ser observado no Feature

Manager do arquivo, conforme a imagem abaixo:

Observa-se que o Command Manager foi inicializado na guia de Esboço com todos os comandos para esse tipo de ambiente de trabalho.

Canto de confirmação

Esboço no

(24)

24

Seleciona-se o Comando Retângulo Central.

O Comando “Retângulo” possui 5 variações que poderão ser aplicadas conforme o tipo de projeto. Observe abaixo os tipos de retângulo.

Clique na seta ao lado da ferramenta retângulo.

(25)
(26)

26

Para a peça que será criada neste estudo de caso, utilizaremos o comando Retângulo Central. Observe que o ponto central do retângulo será a própria origem e o segundo ponto poderá estar localizado em qualquer local da área de modelo.

Certifique-se que o template está com as dimensões em milímetros.

Clique em Opções (ou clique em Ferramentas, Opções).

Selecione ao lado de opções do sistema as Propriedades do documento (Propriedades do template de peça).

2° Clique no Espaço

1° Clique na Origem

(27)

27

Verifique em Unidades, se o Sistema de unidades selecionado é o MMGS (milímetro, grama, segundo).

Clique em OK para confirmar a operação.

Verifique na aba Esboço o comando “Dimensão Inteligente”. Selecione o comando.

Com o comando Dimensão inteligente habilitado, selecione a linha a qual será adicionada a dimensão.

(28)

28

À medida que o usuário insere as dimensões, o SolidWorks já solicita o valor das mesmas com uma janela similar à que encontramos abaixo. Basta a inserção de um valor e a sua confirmação.

Insira a segunda dimensão, com valor de 70mm, para que a peça fique com o mesmo layout da imagem abaixo.

Adicione os círculos conforme imagem abaixo.

Para adicioná-los, selecione a ferramenta Círculo no Command Manager.

1° Clique sobre a linha que será dimensionada. 2° Clique para posicionar a dimensão. 1° Inserção do Valor 2° Confirmação da Dimensão

(29)

29

Repita o mesmo procedimento para adicionar os quatro furos.

Pressione a tecla CTRL, selecione os quatro círculos para definir a relação de igualdade (para que os quatro círculos possuam os mesmos diâmetros).

Essa prática é altamente recomendada para evitar que existam muitas dimensões poluindo o desenho.

Selecione a ferramenta círculo

1° Clique

(30)

30 Nota: Observe que não importa qual foi o diâmetro que o SolidWorks adotou

para os quatro círculos, pois nenhum deles possui uma dimensão definida.

Adicione duas linhas tracejadas no centro das linhas dividindo o retângulo em partes iguais, e a dimensão de diâmetro em um dos círculos (o diâmetro será igual aos outros círculos).

Nota: Clique na seta ao lado da ferramenta linha e selecione a opção Linha de centro.

Adicione as linhas conforme ilustração.

1° Linha de centro

(31)

31

Adicione relações de simetria para definirmos totalmente o esboço.

Para adicionar a relação de simetria selecione os pontos centrais dos círculos e a linha de centro.

Adicione relação Simétrica entre os pontos centrais conforme imagem abaixo.

1° Selecione os pontos centrais e a linha de centro

2° Clique em Simétrico

(32)

32

Adicione relação Simétrica entre os pontos centrais conforme imagem abaixo.

Adicione relação Simétrica entre os pontos centrais conforme imagem abaixo

Insira um novo retângulo de ponto central e dimensione-o conforme ilustração abaixo.

Relação Simétrica

(33)

33

Observe no canto inferior direito a mensagem “Totalmente definido”, esta mensagem significa que o nosso esboço está pronto para ser utilizado na criação do produto 3D.

Observação:

No SolidWorks existem três estados de esboço, , e .

Subdefinido: Quando você começa um esboço, pode arrastar entidades para alterar sua forma ou posição. Neste retângulo, as linhas pretas esquerda e inferior (1) estão fixas na origem, mas você pode arrastar as linhas superior e direita (2). A cor azul indica que a entidade não é fixa, ou seja, sua geometria não está totalmente definida.

Totalmente definido: Adicionar dimensões na linha superior e na linha à esquerda fixa os tamanhos de todos os lados do retângulo devido às relações de igualdade implícitas entre os lados, superior e inferior, e direito e esquerdo. O retângulo em si é fixo na origem. Todas as entidades ficam pretas, indicando que o retângulo está totalmente definido.

(34)

34

Sobredefinido: As dimensões redundantes sobredefinem um esboço. O retângulo vermelho está sobredefinido. Quando você insere dimensões, elas são consideradas dimensões acionadoras. Ter duas dimensões acionando a mesma geometria é uma condição inválida. Uma caixa de diálogo aparece, permitindo que você designe as dimensões que estão redundantes no desenho como dirigida.

A criação do sólido tridimensional da peça será realizada com o recurso “Ressalto/Base Extrudado”. Para acessá-lo, clica-se na aba recursos do

Command Manager e seleciona-se o comando conforme a imagem abaixo.

1° Selecionar a aba de Recursos do Command Manager. 2° Selecionar o recurso “Ressalto /base extrudado”

(35)

35

Quando a extrusão é iniciada, o software pergunta a profundidade da extrusão conforme a imagem abaixo. No campo adequado, defina uma profundidade de 30 mm.

O resultado final deverá ser semelhante ao da imagem abaixo:

No Command Manager, selecionar a aba “Avaliar” e clicar sobre o comando “Propriedades de massa”.

O comando “Propriedades de massa” será utilizado constantemente como ferramenta de avaliação das peças que criamos durante o treinamento. Nesse exemplo, não avaliaremos a massa, pois ainda não determinamos propriedades dos materiais. Apenas observe o volume da peça.

Observa-se que no Feature Manager existe um novo item denominado como “Extrusão 1” e ao lado do seu nome existe um sinal de mais (+). Ao Clicar sobre esse sinal, observa-se que o esboço construído para a extrusão está alocado dentro da extrusão.

1° Definir um valor numérico para a profundidade da extrusão. 2° Confirmar a criação da extrusão.

(36)

36

Ao clicar sobre a extrusão ou sobre o esboço, pode-se contar com a edição das entidades de forma rápida e direta. Esse é um dos principais benefícios de um software baseado em recursos como o SolidWorks.

Clica-se sobre a “Extrusão 1” e seleciona-se a opção “Editar Esboço”. Efetua-se um duplo clique na dimensão que possui 140 mm e modifica-Efetua-se para 160 mm.

Clica-se no canto de confirmação da área de modelo para atualizar o modelo sólido conforme executado no esboço.

No Feature Manager, clica-se sobre o recurso “Extrusão 1” e seleciona-se a opção “Editar Recurso”.

Clicar para expandir e exibir o esboço.

O esboço exibido no

(37)

37

Clica-se no canto de confirmação na área do modelo para confirmar a modificação do sólido.

No Command Manager, seleciona-se a aba “Avaliar” e clica-se sobre o comando “Propriedade de massa” para verificar o volume da geometria.

(38)

38

2. Criação de Esboço II – Estudo de Caso

A primeira etapa para a elaboração de uma peça como a que será executada neste estudo de caso é a escolha de qual vista das dispostas acima será utilizada como referência dos esboços e extrusões.

(39)

39

A escolha sempre envolve a identificação dos esboços na geometria sólida e disposição clara de dimensões. Nesse caso, a partida será executada pela vista abaixo.

(40)

40

Selecione Peça e clique em OK.

Essa peça será criada por linhas, arcos e círculos para que possamos desenhá-la com uma maior plasticidade e que lembre a peça como realmente ela é. Na aba de esboço do Command Manager, seleciona-se o comando Linha.

A geometria é criada com poucos cliques a partir da origem, conforme demonstrado na imagem abaixo.

(41)

41

Sem terminar o comando de linha, pode-se iniciar o comando de execução de arcos pressionando a tecla “a” do teclado. Observa-se que é apenas clicar e não segurar essa tecla. No comando de Arco, sem pressa, executa-se um movimento com o mouse que simule o formato do arco com saída no ponto final da linha.

Com o comando linha ainda ativo, clica-se na origem para fecharmos a geometria da peça. Caso seja necessário, pressionar ESC para encerrar o

1° Clicar na origem.

2° Clicar em um ponto vertical acima da origem. 3° Clicar em um ponto horizontalmente alinhado com o anterior. 4° Clicar em um ponto verticalmente alinhado abaixo do ponto anterior.

1° Com o comando linha ainda ativo, pressionar a tecla “A” no teclado.

2° Movimentar o mouse em um movimento circular para obtermos o formato do círculo.

3° Clicar no ponto final do círculo.

(42)

42

comando linha, clicar sobre a linha recém criada e adicionar uma relação horizontal para efetuar o alinhamento da mesma.

Selecionar as linhas verticais para igualarmos o comprimento das mesmas.

1° Clicar sobre a linha.

2° Selecionar a relação Horizontal.

1° Clicar sobre uma das linhas verticais.

2° Com o Ctrl pressionado, selecionar a segunda linha vertical.

3° Marcar a relação Tornar igual.

(43)

43

Dimensionar as entidades conforme a imagem abaixo:

Observar que nem sempre o círculo estará alinhado com a origem como no exemplo da imagem acima. Para resolver o problema, selecionar a linha horizontal inferior, o ponto central do círculo (a tecla Ctrl deverá ser pressionada) e adicionar a relação de coincidência.

(44)

44

Com isso, a geometria estará totalmente definida conforme a imagem abaixo:

1° Clicar sobre a linha horizontal. 2° Com o Ctrl acionado seleciona-se o ponto central do arco. 3° Clica-se para adicionar uma coincidência.

(45)

45

No Command Manager, selecionar a aba de esboço e clicar sobre o comando círculo.

Adicionar um círculo baseado no ponto central do arco.

1° Clicar no ponto central do arco.

2° Clicar em uma área livre para a inserção do círculo.

(46)

46

Adicionar uma dimensão de diâmetro para o círculo criado no valor de 50 mm, conforme a imagem abaixo:

Criar um segundo retângulo para que se possam representar as variações de alturas que a peça possuirá. O único cuidado que se deve tomar é a inserção do retângulo fora do ponto central das linhas verticais. Para isso, na aba de esboço do Command manager, seleciona-se o comando Retângulo com cantos em 3 pontos.

(47)

47

O retângulo será inserido conforme a imagem abaixo:

1° Clicar nesse ponto para iniciar o retângulo.

2° Clique para definir o comprimento

3° Clique para definir a altura

(48)

48

Com isso, basta inserir uma dimensão para definir a altura do retângulo no valor de 65 mm.

(49)

49

A geometria deverá estar totalmente definida conforme a imagem abaixo:

A criação do sólido será realizada com o recurso “Ressalto/Base Extrudado”. Para acessá-lo, clica-se na aba recursos do Command Manager e seleciona-se o comando conforme a imagem abaixo.

1° Selecionar a aba de Recursos do Command Manager. 2° Selecionar o recurso “Ressalto /base extrudado”

(50)

50

Nesta peça existirá uma diferença se compararmos sua extrusão com a da peça anterior.

Observe que a peça possui mais de uma região para extrusão, o SolidWorks nos disponibilizará uma opção para seleção de contornos e regiões.

Em princípio, será trabalhado apenas o uso de regiões. Observe abaixo o campo do Property manager de extrusões para seleção das regiões da peça.

Duas regiões para extrusão.

(51)

51

Selecionar a região ressaltada na imagem clicando nela na área de desenho do SolidWorks. Definir a extrusão com 125 mm de profundidade.

Clicar no canto de confirmação na área do modelo para conformar a modificação do sólido.

Ao observar o modelo sólido, vê-se que o modelo não possui o esboço visível para ser utilizado em mais outra extrusão. Para que o esboço seja utilizado para uma segunda extrusão, procure-o armazenado internamente na “Extrusão

Observar que as opções de seleção de contorno estão disponíveis na parte inferior do

Property manager de extrusão.

125 mm de profundidade O Property manager confirma a seleção de uma região. Clicar nesta região.

Local onde devem ser selecionadas as regiões

(52)

52

1” no Feature Manager. Clique no sinal de expansão (+) para que possamos visualizar o esboço.

Antes de inicializar o comando extrusão, selecione o esboço clicando sobre o mesmo no Feature manager. No Command manager, clique para ativar a aba de recursos e o recurso de extrusão.

Caso não consiga visualizar a peça, utilizar o botão central do mouse para efetuar uma órbita do modelo na tela. Clicar no botão, segurar e arrastar para efetuar o giro.

1° Clicar no esboço

no Feature Manager. 2° Verificar que o esboço fica visível

na área do modelo. 3° Ativar o recurso extrusão.

Botão central do mouse (Roda).

(53)

53

Deve-se selecionar a outra região da peça para extrusão e definir a profundidade como 35 mm.

Clicar no canto de confirmação na área do modelo para confirmar a modificação do sólido. Clicar nesta região Definir como 35 mm a profundidade. O Property manager confirma a seleção de uma região.

(54)

54

A peça necessita de uma furação conforme a imagem a seguir:

Para executar a furação, clicar sobre a face correspondente no modelo, esperar o menu de contexto e selecionar a opção Criar Esboço. Deve-se tomar cuidado, pois o menu de contexto nos fornece duas opções de esboço:

Editar esboço – Para editar o esboço responsável pela criação do sólido;

(55)

55

No Command Manager, selecionar a aba de esboço e clicar sobre o comando círculo. 1°Clica-se sobre a face do sólido. 2° Seleciona-se o comando Esboço.

(56)

56

Desenhar os círculos conforme a imagem abaixo:

Para o posicionamento dos círculos, deve-se adicionar um alinhamento horizontal entre seus pontos centrais.

1°Clica-se no ponto central do círculo. 2° Clica-se para abrir o primeiro círculo. 3°Clica-se no para inserir o ponto central de

outro círculo. 4° clica-se no espaço para inserir o círculo. 1°Clica-se no primeiro ponto central do círculo. 2°Clica-se no segundo ponto central de círculo. 3° Adicionar a horizontalidade entre os pontos.

(57)

57

Adicionar a igualdade entre os diâmetros dos círculos

Adicionar as dimensões conforme a imagem abaixo:

Nenhuma outra dimensão será necessária para essa peça.

Para a construção da furação da peça, será utilizado o comando Corte Extrudado. Com o comando Ressalto/Base Extrudado acabamos construindo

1° Clicar sobre a borda circular do primeiro círculo. 2° Clicar sobre a borda circular do segundo círculo. 3° Adicionar a relação de igualdade.

(58)

58

uma geometria sólida normal ao plano e, com esse comando, é um corte efetuado normal ao plano de esboço.

No Command Manager, seleciona-se a aba recursos e inicializa-se o comando “Corte extrudado”:

Como não existem intersecções de entidades de esboço, a seleção de contornos e regiões não se fará necessária. Ao invés de definir uma profundidade para o corte, modifica-se de extrusão de tipo “cego” para “passante”.

Clicar no canto de confirmação para efetuar o corte passante. 1° Extrusão inicializada com profundidade. 2° Alterar para passante. 3° Inexistência de profundidade.

(59)

59

O modelo deverá se assemelhar ao exibido na imagem abaixo:

Salve o arquivo “Exercício 02” na sua pasta de exercícios. 3. Gestos do Mouse

Gestos do mouse:

Desde a versão 2010 do SolidWorks o usuário pode personalizar gestos do mouse como atalhos para executar um comando, de forma semelhante a um atalho de teclado. Basta configurar o mapeamento dos comandos mais utilizados, para usar gestos do mouse para executar os comandos rapidamente. É permitido personalizar até oito gestos para desenhos, montagens, peças e esboços.

(60)

60

Para ativar um gesto do mouse, na área de gráficos, basta clicar com o botão direito do mouse e arrastar em uma das quatro direções: para cima, para baixo, para a esquerda e para a direita.

Nota: Para usar gestos do mouse com montagens, clique com o botão direito e arraste o cursor na área de gráficos para longe dos componentes para evitar girar um componente, ou pressione Alt +, clique com o botão direito e arraste.

Ao clicar com o botão direito e arrastar, uma guia é aberta mostrando o mapeamento dos comandos para cada direção. Esse guia realça o comando que o usuário está prestes a selecionar.

(61)

61

Abra uma nova peça. Clique no menu Arquivo, Novo.

Selecione Peça e clique em OK.

Para ver ou editar as atribuições atuais dos gestos do mouse, acesse o menu Ferramentas e selecione Personalizar.

(62)

62

Na caixa de diálogo Personalizar, selecione a guia Gestos do mouse e habilite 8 gestos.

Clique e arraste a barra de rolagem até o final.

Verifique na coluna esboço que o SolidWorks seleciona 8 ferramentas (Linha, Círculo, Dimensão inteligente, Retângulo, Converter entidades, Esboço, Filete, Aparar).

(63)

63

Para selecionar comandos diferentes dos predeterminados pelo SolidWorks, basta clicar na célula do comando desejado e selecionar uma das direções possíveis.

(64)

64

Selecione a direção indicada conforme ilustração abaixo.

Clique em OK para confirmar as alterações.

Clique com o botão direito do mouse e arraste. Observe que os comandos são exibidos conforme personalizados. Arraste o mouse na direção do retângulo

.

Observe que o PropertyManager do retângulo é aberto, selecione o Retângulo Central.

(65)

65

Crie um retângulo centralizado na origem.

Clique com o botão direito do mouse arraste e selecione a ferramenta círculo.

Crie um círculo centralizado com o retângulo.

Clique com o botão direito do mouse arraste e selecione a ferramenta Dimensão inteligente.

(66)

66

Dimensione o esboço conforme ilustração abaixo.

Clique na aba Recursos e selecione Ressalto base extrudado. Faça uma extrusão com 30mm de profundidade.

(67)

67

Clique com o botão direito do mouse e arraste para exibir a vista posterior da peça.

(68)

68

4. Modelagem de peças I

Crie a peça abaixo conforme os passos descritos.

(69)

69

Nota: Um cuidado no dimensionamento de ângulo: basta acionar o comando “Dimensão Inteligente” e selecionar as linhas, uma é a linha de referência e a outra é a linha que assumirá a inclinação. Criar duas linhas tangentes interligando os círculos.

(70)

70

Criar dois oblongos utilizando o comando “Ranhura Reta”.

Observar que os dois oblongos possuirão os mesmo pontos iniciais e finais. Dimensionar os oblongos conforme a imagem abaixo:

1° Clicar no ponto inicial. 2° Clicar no ponto final. 3° Clicar no ponto de abertura do oblongo.

(71)

71

Terminar o desenho do esboço conforme descrito abaixo:

• Coincidir o ponto central da linha vertical dos oblongos com o ponto final da linha de centro horizontal;

• Desenhar duas linhas horizontais saindo dos quadrantes dos oblongos até o círculo central.

(72)

72

Modificar a dimensão de diâmetro de 90 mm para 70 mm.

Observe que o ponto final da linha superior não coincide com a linha que tangencia o círculo maior.

(73)

73

Realizar as extrusões conforme as imagens abaixo:

• Utilizar a opção “Plano Médio” nas opções de direção da Extrusão. • Definir profundidade de 30 mm e selecione a região conforme

imagem.

(74)

74

Definir profundidade de 20 mm na região ressaltada na imagem abaixo.

(75)

75

Definir profundidade de 20 mm na região ressaltada na imagem abaixo.

(76)

76

Verificar o Feature Manager e expandir a primeira extrusão para visualizar o esboço.

Salve o arquivo “Exercício 04” na sua pasta de exercícios.

Este ícone ao lado do esboço significa que o mesmo esboço está sendo utilizado em processos diferentes, ou seja, é um esboço compartilhado.

(77)

77

5. Modelagem de peças II

Crie a peça abaixo conforme os passos descritos.

(78)

78

- Definir profundidade de 60 mm nas regiões destacadas.

(79)

79

Criar um esboço na face destacada com um círculo centralizado dimensionado conforme abaixo. Utilizar um corte extrudado com a condição final passante para efetuar a modificação do sólido.

Na face selecionada, criar um retângulo com as dimensões informadas e efetuar um corte extrudado passante.

Selecione a face e clique em esboço.

(80)

80

Para arredondar a saliência frontal, recomenda-se a utilização do filete de tipo “redondo”. Isso facilitará a atualização da geometria mantendo o semicírculo tangente entre as faces paralelas.

1° Selecionar a opção “Filete Redondo”. 3° Utilizar a opção Visualização completa. 2° Selecione as faces na sequência correta. Face 3 Face 2. Face 1 Esboço nesta face

(81)

81

Para o filete redondo funcionar, recomenda-se selecionar as faces em ordem sequencial. Define-se a primeira face, seleciona-se a face ao lado, assim por diante. Confirmar a criação do filete.

Realizar a furação concêntrica ao arco criado pelo Filete Redondo conforme destacado na imagem abaixo:

Para desenhar o círculo de ½” já concêntrico ao arco, acionar o comando círculo, aproximar da aresta circular do filete redondo. O SolidWorks destacará o seu centro, clique sobre este ponto e abra o arco.

(82)

82

Criar um Corte extrudado passante com o esboço desenhado.

(83)

83

6. Modelagem de peças III- Exercício Crie a peça abaixo conforme os passos descritos.

(84)

84

Realizar as extrusões com plano médio conforme abaixo:

Definir profundidade de 160 mm, selecione a região conforme imagem abaixo.

(85)

85

Definir um filete totalmente arredondado nas faces conforme imagem abaixo.

Observe a ordem da seleção das faces. A sequência é muito importante para que o recurso seja adicionado corretamente, clique na 1° caixa de seleção e selecione a 1° face, clique na segunda caixa de seleção e selecione a 2° face (face do meio), clique na terceira caixa de seleção e selecione a 3° e última face.

(86)

86

Criar um esboço na face destacada. Selecione a face e clique em Esboço para criar um esboço na face selecionada.

Crie uma extrusão passante conforme imagem abaixo. Observe que o círculo de 40 mm de diâmetro deverá estar centralizado com o filete.

(87)

87

Crie um novo esboço na face destacada.

Crie o esboço conforme imagem abaixo.

Observe que para modificar o retângulo para geometria de construção basta selecioná-lo, clicar em opções no canto esquerdo da tela e selecionar a opção “Para construção”.

(88)

88

Dica: Abaixo o mesmo esboço, porém, observe que ao invés do retângulo de construção, o esboço foi construído com o auxílio das relações do SolidWorks. Você pode optar pelo método que achar melhor.

Vertical Vertical

Horizontal

(89)

89

A peça final deverá ser semelhante a que visualizamos abaixo:

Salve o arquivo “Exercício 06” na sua pasta de exercícios.

7. Modelagem de peças IV- Exercício

Existe uma série de situações que foram suprimidas nas peças anteriores, mas que passarão a fazer efeito nas próximas peças. Nesta peça serão abordados os seguintes itens:

Extrusão através da seleção de contornos Utilização do Assistente de Perfuração

(90)

90

Segue abaixo uma imagem da peça finalizada:

Clique no menu arquivo, Novo.

(91)

91

Clique em Esboço, para habilitar as ferramentas de esboço. Crie o esboço conforme a imagem abaixo:

Neste mesmo esboço, podemos inserir a saliência a 45°. Observe a relação Perpendicular entre as linhas destacadas.

(92)

92

Basta inserir as linhas e inserir as relações perpendiculares conforme ilustração abaixo.

(93)

93 Nota: Observe que através da técnica de extrusão por seleção de contornos, podemos selecionar regiões do esboço para adicionar ou não material.

Após, insira a dimensão de 34,5mm para definir o esboço.

A criação do sólido tridimensional da peça será realizada com o recurso “Ressalto/Base Extrudado”.

Para acessá-lo, primeiro clicar na aba Recursos do Command Manager e selecionar o comando Ressalto/base extrudado conforme a imagem abaixo:

1° Clique

(94)

94

Definir a profundidade de 130 mm e selecionar a opção Plano médio.

Expandir a opção Contornos Selecionados e selecionar a região do esboço conforme imagem abaixo.

Clicar no canto de confirmação na área do modelo para confirmar a modificação do sólido.

Criar uma nova extrusão para a criação da saliência da base.

Clicar no recurso Ressalto/base extrudado, clicar sobre o esboço e selecionar as regiões da imagem abaixo, definindo a profundidade de 125 mm e selecionando a opção Plano médio.

(95)

95

Clicar no canto de confirmação na área do modelo para confirmar a modificação do sólido.

Criar uma nova extrusão para a saliência inclinada. Clicar no recurso Ressalto/base extrudado, clicar sobre o esboço e selecionar a região conforme imagem abaixo, definindo a extrusão com profundidade de 60mm e selecionando a opção Plano médio.

1° Clique 2°Clique

3° Clique

(96)

96

Clicar no canto de confirmação na área do modelo para confirmar a modificação do sólido.

Para realizar acabamentos nos cantos, deve-se utilizar o comando Filete.

Para este recurso, deve-se selecionar as arestas abaixo para que se possa arredondar os principais cantos da peça.

(97)

97

Clicar no canto de confirmação na área do modelo para confirmar a modificação do sólido.

Clicar na face sinalizada abaixo, no Command Manager selecionar a aba recursos e clicar sobre o Assistente de Perfuração.

Observar nas próximas etapas que a furação será gerada em duas faces simultaneamente devido a dois fatores:

As faces são co-planares: Neste tipo de face, o SolidWorks reconhecerá que o furo baseado na primeira face estará posicionado na mesma altura na segunda.

Igualdade de comprimento: As duas regiões possuem a mesma altura e todos os furos possuirão o mesmo comprimento, neste caso serão passantes.

1° Clique 2° Clique

(98)

98

Observar que o assistente de perfuração é um recurso dividido em duas etapas:

Tipo: onde são definidas as dimensões e características da furação.

- Tipo de Furo: Definição do tipo de furação (escariado, com rebaixo, furo com rosca, rosca cônica);

- Padrão: Norma que contém a definição dos tamanhos de furo para o tipo que foi selecionado (Ansi, ISO);

- Tipo: Definição do tipo de elemento no qual será baseada a furação (parafuso, Broca);

- Tamanho: Dimensão de diâmetro da furação definido em normas;

- Ajuste: Definição do ajuste do furo com um parafuso (normal, apertado ou com folga);

- Condição final: Definição do comprimento da furação.

Posições: Definição de um esboço com pontos para inserção dos furos. Cada ponto será um furo.

(99)

99 Nota: Observe que podemos adicionar dimensões e relações para

posicionarmos corretamente estes pontos, que equivalem ao ponto central do furo.

Definir a furação da peça deste estudo de caso conforme a imagem abaixo:

1° Definição do tipo de furo.

2° Norma pela qual a furação será dimensionada.

4° Dimensionamento do diâmetro da furação. 5° Definição do ajuste. 6° Condição Final.

3° Definição do tipo de componente pelo qual será dimensionada a furação.

(100)

100

Clicar na aba Posições no Property manager do comando Assistente de perfuração para a inserção dos furos conforme a imagem abaixo:

Adicione quatro furos concêntricos com as arestas dos filetes. Para posicionar o ponto, realize os procedimentos abaixo:

- Posicione o mouse sobre a aresta circular.

- Observe que o SolidWorks exibe o ponto central do raio. - Clique sobre o ponto central.

Realize o mesmo procedimento para a inserção dos outros 3 furos.

O posicionamento da furação necessita do término do comando de inserção de pontos de esboço. Portanto, clicar na tecla “Esc” do teclado.

Enquanto você tiver a aba de posicionamento do assistente de perfuração, a tecla “Esc” não encerrará o recurso Assistente de perfuração, apenas a entidade de esboço.

1° Clique.

2° Observe que o Command Manager mostrará a ativação da inserção de pontos.

1° Posicione o mouse sobre a aresta.

2° Clique sobre o ponto central.

(101)

101

Para deletar furos indesejados no modelo, clique com o botão direito do mouse sobre o ponto central, e selecione a opção “Excluir”.

Dica: Você também pode apenas selecionar o ponto central e clicar na tecla “Delete” do teclado para excluir entidades indesejadas.

(102)

102

Com a inserção de todos os furos em seus respectivos lugares, o modelo deverá estar disposto conforme abaixo:

Clicar no canto de confirmação na área do modelo para confirmar a modificação do sólido.

Para realizar a furação restante, seleciona-se a face destacada na imagem abaixo e inicializa-se o assistente de perfuração.

(103)

103

Para as informações de roscas serem definidas corretamente, devem-se observar mais alguns parâmetros no Property manager do recurso do assistente de perfuração, conforme imagem abaixo:

(104)

104 1° Selecione o tipo

de furo Tarraxa.

2° Defina a norma.

5° Defina a profundidade da rosca. Quando há uma indicação em amarelo, o software nos alerta para uma modificação dos parâmetros normatizados.

7° Definir o esquema de representação de rosca. A opção destacada na imagem ao lado representa a rosca com textura simplificada e de visualização rápida.

3° Defina o tipo de furo.

4° Defina o diâmetro do furo.

(105)

105

Selecionar a guia de posições no Property manager, clicar na tela para inserir os pontos com a furação na posição prévia de inserção dos pontos.

Para uma maior facilidade de edição das posições dos pontos, evite as seguintes situações:

Inserir os pontos em arestas;

Inserir algum ponto na origem do esboço;

Buscar um alinhamento de pontos visualmente, pois isso não adiciona relações geométricas de alinhamento (horizontal, vertical).

Neste exemplo em que estamos trabalhando, os pontos poderão estar em posições similares às que encontramos na imagem abaixo:

Para o posicionamento de qualquer ponto de posicionamento de furação, além das relações de esboço, podemos utilizar geometrias de esboço como auxílio, entre elas:

(106)

106

Retângulos Círculos Polígonos Linhas

Neste exemplo, pode-se conferir na imagem abaixo que será utilizada a inserção de um retângulo. Todas as dimensões e linhas de centro poderão ser associadas a eles.

Para o término da definição da furação, deve-se arrastar os pontos e posicioná-los nos cantos dos retânguposicioná-los conforme a imagem abaixo:

(107)

107

Clicar no canto de confirmação na área do modelo para confirmar a criação do corte extrudado.

Com a inserção de todos os furos em seus respectivos lugares, o modelo deverá estar disposto conforme abaixo:

Para visualizar a textura da rosca nos furos, é necessário ativá-la manualmente.

Clique com o botão direito do mouse na pasta Anotações, clique na opção Detalhes.

(108)

108

Observe que abrirá uma caixa de diálogo das Propriedades da anotação, selecione a opção Representação de rosca sombreada e clique em ok.

Na aba de “Recursos” do Command Manager, selecionar o Recurso “Filete”.

Selecionar a aresta ressaltada na imagem abaixo e definir um raio de 5 mm. Não esqueça de verificar se o filete a ser criado é do tipo de raio constante.

1° Habilite esta opção.

(109)

109

Clicar no canto de confirmação na área do modelo para confirmar a criação do filete.

(110)

110

Selecionar as arestas ressaltadas na imagem abaixo e definir um raio de 6 mm. Não esqueça de verificar se o filete a ser criado é do tipo de raio constante.

Clicar no canto de confirmação na área do modelo para confirmar a criação do filete.

Ao observar a imagem abaixo, pode-se averiguar que a furação é interceptada pelo ressalto com a furação.

Para corrigir este problema, selecionar o recurso responsável pela furação no

(111)

111

No campo de especificação do furo, marcar a opção “Exibir dimensões personalizadas” e dimensionar o recurso conforme a imagem abaixo:

Clicar no canto de confirmação na área do modelo para confirmar a modificação da furação.

Verificar que a peça foi concluída com sucesso conforme a imagem seguinte:

1° Clicar sobre o recurso. 2° Selecionar o ícone Editar Recurso. 1° Marcar a caixa de seleção. 2° Digitar os valores para customização da furação.

(112)

112

Salve o arquivo como “Exercício 07” na sua pasta de exercícios. 8. Modelagem de peças V - Exercício

(113)

113

Clique no menu arquivo, Novo.

(114)

114

Clique em Esboço, para habilitar as ferramentas de esboço.

Visualize a imagem abaixo para definir a igualdade entre linhas, assim como os seus respectivos alinhamentos.

(115)

115

Dimensionar o esboço conforme a imagem abaixo:

Nota: Verifique a fixação de qualquer entidade em relação à origem.

(116)

116

Selecione apenas as duas regiões da parte inferior do esboço para uma extrusão de 265 mm em plano médio.

(117)

117

Selecione todas as regiões para construir uma extrusão de 84 mm Plano médio.

(118)

118

Selecione a região próxima ao furo de 60 mm de diâmetro para uma abertura de 30 mm através de uma extrusão de corte em plano médio.

(119)

119

Utilize o recurso de filete para criar arredondamentos com raio de 30 mm nas arestas destacadas:

(120)

120

Na face destacada na imagem abaixo, criar quatro círculos com diâmetro igual a 30 mm.

Observe as seguintes informações:

- Cada círculo deverá estar centralizado em relação a um arco criado pelo filete.

- Não adicione dimensão de 30 mm nos quatro círculos. Dimensionar apenas um dos quatro e adicionar uma relação de igualdade entre as entidades.

(121)

121

Criar uma extrusão de corte passante para efetuar a furação.

Selecione a face abaixo e desenhe o esboço definido ao lado.

1° Selecione esta face.

2°Clique em esboço para iniciar um novo esboço na face selecionada.

(122)

122

(123)

123

Na criação da chaveta, não realizar cortes com o comando aparar.

Nota: Para adicionar a dimensão da linha ao quadrante do círculo, mantenha a tecla Shift pressionada durante o comando

(124)

124

Sem utilizar o comando “Aparar esboço”, iniciar o recurso de corte extrudado e selecionar todas as regiões. Definir a profundidade como passante.

2° Pressione a tecla “Shift” do teclado e clique no círculo.

(125)

125

A peça deve estar conforme a ilustração abaixo após concluída.

(126)

126

9. Modelagem de Peças VI - Exercício

Criar a peça conforme os passos descritos.

Clique no menu arquivo, Novo.

Selecione Peça e clique em OK.

(127)

127

Clique em Esboço, para habilitar as ferramentas de esboço.

Fazer o esboço conforme a imagem abaixo e tomar os seguintes cuidados:

- Observar a posição da origem;

- Observar a dimensão em relação à linha de centro; - Observar a relação de tangência entra as linhas e o arco; - Certificar-se de que o esboço está totalmente definido antes de

espelhar as entidades.

Espelhar entidades: Esta é uma ferramenta bastante utilizada para a criação de geometrias simétricas. O espelhamento ocorre em tempo real, criando cópias da geometria original através da relação simétrica, reduzindo a inserção de dimensões nos desenhos.

(128)

128

Para utilizar este recurso, selecione as entidades de esboço existentes (linhas, arcos), depois selecione a entidade em relação à qual espelhar (linha de centro, linha, arestas lineares).

Com o esboço totalmente definido, podemos espelhar as entidades. Selecione o recurso “Espelhar entidades” na barra de ferramentas de esboço.

Selecione as entidades de esboço a espelhar na primeira caixa de seleção (linhas, arco, círculo), e a referência do espelhamento (linha de centro) na segunda caixa de seleção.

2° Linha de centro. 1° Entidades a espelhar.

(129)

129

Clicar no canto de confirmação na área do modelo para confirmar a modificação da furação.

O esboço deverá ser igual ao apresentado na imagem a seguir:

Realizar as extrusões conforme as imagens abaixo:

(130)

130

Clicar no canto de confirmação na área do modelo para confirmar a modificação do sólido.

- Extrusão de 48 mm plano médio nas regiões selecionadas.

Clicar no canto de confirmação na área do modelo para confirmar a modificação do sólido.

(131)

131

Clicar no canto de confirmação na área do modelo para confirmar a modificação do sólido.

Crie um esboço na face destacada conforme imagem abaixo.

(132)

132

Defina uma profundidade ao corte Cego de 17 mm.

Clicar no canto de confirmação na área do modelo para confirmar a modificação do sólido.

Crie um esboço na face selecionada.

(133)

133

Clicar no canto de confirmação na área do modelo para confirmar a modificação do sólido.

Aplique um recurso de filete com 4 mm nas arestas selecionadas.

Nota: Você irá selecionar um total de oito arestas.

Clicar no canto de confirmação na área do modelo para confirmar a modificação do sólido.

(134)

134

Clicar no canto de confirmação na área do modelo para confirmar a modificação do sólido.

Selecione a face para inserir furos com o recurso Assistente de Perfuração.

1° Clique na face.

(135)

135

Inserir quatro furos concêntricos aos raios conforme a imagem abaixo e considerar os parâmetros listados para a inserção dos furos.

Tipo: Furo Padrão: ISO

Tipo: Tamanhos de Broca Tamanho: Ø 10

Condição Final: Passante

Abra um esboço na face selecionada.

(136)

136 Nota: Observe que no centro do retângulo há

uma linha de centro coincidente na origem.

(137)

137

A peça deverá estar semelhante à imagem abaixo.

(138)

138

10. Comando Revolução I - Estudo de caso Observe abaixo uma imagem da peça finalizada.

Dá-se início à criação de uma nova peça (menu Arquivo Novo). Efetuar duplo clique sobre o arquivo “Peça MM”.

(139)

139

A peça conterá inicialmente apenas duas linhas de centro conforme a imagem abaixo para que sejam utilizadas como referência de simetria para espelhamento de entidades e eixo de revolução do perfil.

Para uma maior agilidade na construção da peça, será criada apenas metade do perfil a ser revolucionado, conforme a imagem abaixo:

(140)

140 Nota: Observe que é necessário transpassar a dimensão em relação à linha de

centro.

Para criar este tipo de dimensão, siga os passos abaixo. Selecione a ferramenta Dimensão inteligente.

Com a ferramenta Dimensão inteligente selecionada, clique no ponto e na linha de centro não importando a sequência.

Clique na linha de centro. Clique no ponto.

(141)

141

Arraste o mouse para a esquerda.

Clique para adicionar a dimensão.

(142)

142

Repita o mesmo procedimento para criar a dimensão de 141 mm conforme imagem abaixo.

Para um dimensionamento correto das entidades, deve-se excluir a relação de tangência entre o arco e a linha vertical.

Clique no ponto.

(143)

143

Realize a inserção das dimensões conforme imagem abaixo.

Para a criação do restante das entidades que formarão o perfil a ser revolucionado, será necessária a aplicação do comando de espelhamento de entidades em esboços.

(144)

144

Clicar sobre a aba de Esboço no Command Manager e iniciar o comando “Espelhar entidades”.

Selecionar todas as linhas criadas para o esboço como sendo as entidades a serem espelhadas e a linha de centro vertical como a referência de espelhamento.

Selecionar as linhas como entidades a serem espelhadas.

(145)

145

Selecione a linha de centro vertical como referência de espelhamento.

Clicar no canto de confirmação na área do modelo para confirmar a execução do espelhamento.

O esboço deverá ser semelhante ao visualizado na imagem abaixo:

Selecionar a linha de centro vertical como referência de espelhamento.

(146)

146 Nota: As dimensões não estão visíveis nesta imagem apenas para fins

ilustrativos.

Na continuidade da construção do modelo, dá-se início à construção do sólido pelo recurso de revolução.

Para ativar o recurso de revolução, selecionar a aba de Recurso do Command

Manager e Iniciar o recurso de Ressalto/Base Revolucionado.

No Property Manager do Recurso de Revolução, selecionar a linha de centro horizontal como eixo de revolução.

2° Ativar o recurso Ressalto/base revolucionado. 1° Selecionar a aba de recursos no Command Manager do SolidWorks. Eixo de Revolução.

(147)

147

Clicar no canto de confirmação na área do modelo para confirmar a criação do sólido por Revolução.

Edite o recurso de Revolução.

Selecione o recurso de Revolução e clique em Editar recurso.

(148)

148

Observe as cotas de 18, 36, 89. 95, 113,5, e 141. Todas elas estão com o símbolo de diâmetro, uma vez que durante a criação do esboço criamos estas cotas em relação ao eixo de revolução.

Clicar no canto de confirmação na área do modelo para confirmar a criação do sólido por Revolução.

No Feature Manager, clicar sobre o plano direito e esperar a indicação de criação de novo esboço no menu de contexto.

1°Clique em Plano direito. 2°Clique para criar esboço.

(149)

149

Criar um retângulo conforme a imagem abaixo e observar os seguintes detalhes:

Ponto central da linha horizontal está verticalmente alinhado com a origem;

Adicionar uma dimensão da linha superior horizontal com o quadrante inferior do círculo (pressionar a tecla Shift no processo de adição de dimensão).

Inserir a dimensão da linha horizontal superior até a tangência da aresta

circular. Para esta operação é necessário pressionar a tecla Shift ao selecionar a aresta circular.

3°Pressione a tecla Shift e clique na aresta circular. 2°Clique na linha.

(150)

150

Insira a dimensão de 6mm, e crie uma relação coincidente entre um dos cantos inferior do retângulo com a aresta circular.

Construa um corte utilizando a geometria definida no esboço. Inicie o recurso de Corte extrudado. Para iniciar o recurso de Corte extrudado, selecione no

Command Manager na aba de recursos e ative o recurso.

Observar que o perfil, mesmo que colocado em uma condição final de extrusão como passante, não cortará a peça totalmente, pois o plano de desenho encontra-se no meio da peça. Verificar a imagem abaixo e o modelo que está em seu computador para chegar às próprias conclusões.

(151)

151

Para criar um corte em ambas direções, utiliza-se a opção do Property

Manager conhecida como Direção 2. Selecionar a caixa para a Direção 2 e

selecionar “Passante” como condição final.

Ao visualizar o modelo, observa-se que o corte está sendo executado em dois sentidos simultaneamente.

(152)

152

Clicar no canto de confirmação na área do modelo para confirmar a criação do corte extrudado.

Inicie um novo esboço no Plano direito.

No Feature Manager, clicar sobre o plano direito e esperar a indicação de criação de novo esboço no menu de contexto.

Desenhar o esboço abaixo para o início da criação dos dentes da coroa.

Selecione o círculo e marque a opção Para construção.

(153)

153

Dimensione o círculo e crie as linhas de centro.

Dimensione as linhas de centro em ângulo.

Inicie a linha de centro vertical na origem. O ponto final da linha de centro

é coincidente no arco.

As linhas de centro em ângulo iniciam no ponto final da linha de centro vertical.

(154)

154

Crie um círculo e dimensione-o.

Nota: Você também pode digitar 5/8 pol, 5/8in, que o SolidWorks também irá converter a medida para milímetros.

Crie um círculo com o ponto central coincidente no ponto final da linha de centro em ângulo.

Digite 5/8”. O SolidWorks irá converter a medida em milímetros.

Inicie o Círculo no ponto final da linha de centro.

(155)

155

Dimensione o círculo conforme imagem abaixo.

Adicione uma relação tangente entre o círculo de diâmetro 152,4 com o círculo de diâmetro 5/8”.

(156)

156

Crie um círculo com o ponto central coincidente no círculo de construção conforme imagem abaixo.

(157)

157

Insira uma relação de tangência entre o círculo de diâmetro 24,38mm e o círculo de 152,4mm.

Espelhe os círculos de diâmetro 152,4 mm e 24,38 mm em relação à linha de centro vertical.

Selecione estas entidades para espelhar .

(158)

158

Ilustração após o espelhamento dos círculos.

Converter Entidades:

Através do recurso Converter Entidades é possível criar uma ou mais curvas em um esboço, projetando uma aresta, um loop, uma face, uma curva ou um contorno de esboço externo, um conjunto de arestas ou um conjunto de curvas de esboço no plano de esboço determinado inicialmente.

A utilização deste recurso automatiza o processo do esboço, poupando tempo para efetuar outras operações.

Imagem

Referências

temas relacionados :