Timóteo, 27de agosto de Ao Banco Central do Brasil. Remessa eletrônica de demonstrações financeiras.

Texto

(1)

SICOOB

Timóteo, 27de agosto de 2021.

Ao Banco Central do Brasil

Assunto: Remessa eletrônica de demonstrações financeiras.

Senhores:

1. Objetivando atender a Instrução Normativa nº 54, 7/12/2020, emitida pelo BCB, que dispõe sobre a remessa eletrônica de demonstrações financeiras de publicação obrigatória para fins de constituição da Central de Demonstrações Financeiras do Sistema Financeiro Nacional, encaminhamos os seguintes documentos:

Data Base: 06/2021

( x ) Balanço Patrimonial

( x ) Demonstração das Sobras ou Perdas ( x ) Demonstração do Resultado Abrangente ( x ) Demonstração dos Fluxos de Caixa

Documentos: ( x ) Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido ( x ) Notas Explicativas

( x) Relatório da Administração

Data publicação: 27/08/2021

Sítio eletrônico publicação: www.sicoobco12esita.com.br

2. Informamos que a administração desta cooperativa se responsabiliza pelo conteúdo dos documentos contidos neste arquivo.

Atenciosamente,

CECM DAS EMPRESAS, EMPREGADOS E PRESTADORES DE SERVIÇO DAS METALURGICAS, SIDERURGICAS E INDUSTRIAIS-$ OOB COPESITA

CNPJ:19.875.244/0001-46

BEL MOREIRA 11.815.896-49

Diretor Respon ável pela Contabilidade

______ ___,/

1/1

(2)

SICOOBCOPESITA

Cooperativa de Crédito

Relatório da Administração Senhores Associados,

Submetemos à apreciação de V.S.as as Demonstrações Contábeis do exercício findo em 30/06/2021 da CECM DAS EMPRESAS, EMPREGADOS E PRESTADORES DE SERVIÇO DAS METALURGICAS, SIDERURGICAS E INDUSTRIAIS-SICOOB COPESITA, na forma da Legislação em vigor.

1. Política Operacional

Em junho 2021 a CECM DAS EMPRESAS, EMPREGADOS E PRESTADORES DE SERVIÇO DAS METALURGICAS, SIDERURGICAS E INDUSTRIAIS-SICOOB COPESITA completou 52 anos mantendo sua vocação de instituição voltada para fomentar o crédito para seu público­

alvo, os cooperados. A atuação junto aos seus cooperados se dá principalmente através da concessão de empréstimos e captação de depósitos.

2. Avaliação de Resultados

Em junho de 2021, o Sicoob Copesita obteve um resultado de R$ 654.917,72 representando um retorno sobre o Patrimônio Líquido de 3, 10 %.

3. Ativos

Os recursos depositados na Centralização Financeira somaram R$ 17.120.459,70.

Por sua vez a carteira de créditos representava R$ 39.313.325,06 A carteira de crédito encontrava-se assim distribuída:

Carteira Comercial R$ 39.313.325,06 100%

Os Vinte Maiores Devedores representavam em junho de 2021 o percentual 44,61 % da carteira, no montante de R$ 17 .538.089, 17

4. Captação

As captações, no total de R$ 34.250.997,00 apresentaram um aumento em relação ao mesmo período do exercício anterior de 42,45 %.

As captações encontravam-se assim distribuídas:

R$ 14.265.022,39 R$ 23.280.422,36

' a' S. Lopes

·.1,RFTOR ISTRATIVO

SEDE

R: 20 de novernbro . 110 Av: Acesita • 3908 Av: Geraldotnãcio-734 Centro Norte• 35.180-020 Centro Sul- 35.182-031 Melo Viana - 35.170-150

Timóteo• MG • Tel.: (31) 3848-0500 Timóteo• MG • Tel.: (31) 3847-3057 Cel. Fabriciano . MG • Tel.: (31) 3846-0567 CNPJ: 19.875.244/0001-46 CNPJ: 19.875.244/0002-27 CNPJ: 19.875.244/0003-08

ê;)

www.sicoobcopesita.com.br

O

Facebook.com/sicoobcopesita

@]

lnstagram@sicoobcopesita

PAOl PA02

37,98% 62,02 %

et

(3)

Cooperativa de Crédito

Os Vinte Maiores Depositantes representavam na data-base de 30/06/2021 o percentual de 27,79% de captação, no montante de R$ 10.432.431,32.

5. Patrimônio de Referência

O Patrimônio de Referência do SICOOB COPESITA era de R$ 19.055.289,91. O quadro de associados composto em junho de 2021 de 8.818 cooperados, havendo um acréscimo de 9,77% em relação ao mesmo período do exercício anterior.

6. Política de Crédito

A concessão de crédito está pautada em prévia análise do propenso tomador, havendo limites de alçadas pré-estabelecidos a serem observados e cumpridos, cercando ainda a Singular de todas as consultas cadastrais e com análise do Associado através do "RATING" (avaliação por pontos), buscando assim garantir ao máximo a liquidez das operações.

A Singular passou a utilizar-se dos serviços prestados pela Cobrança Centralizada do SICOOB CENTRAL CECREMGE, visando padronizar os procedimentos de cobrança de créditos de difícil recuperação.

O SICOOB COPESITA adota a política de classificação de crédito de sua carteira de acordo com as diretrizes estabelecidas na Resolução CMN nº 2.682/99.

7. Governança Corporativa

Governança corporativa é o conjunto de mecanismos e controles, internos e externos, que permitem aos associados definir e assegurar a execução dos objetivos da cooperativa, garantindo a sua continuidade, os princípios cooperativistas ou, simplesmente, a adoção de boas práticas de gestão.

Nesse sentido, a administração da Cooperativa tem na assembléia geral, que é a reunião de todos os associados, o poder maior de decisão.

A gestão da Cooperativa está alicerçada em papéis definidos, com clara separação de funções.

Cabem ao Conselho de Administração as decisões estratégicas e à Diretoria Executiva, a gestão dos negócios da Cooperativa no seu dia a dia.

A Cooperativa possui ainda um Agente de Controles Internos, supervisionado diretamente pelo SICOOB CENTRAL CECREMGE que, por sua vez, faz as auditorias internas.

Os balanços da Cooperativa são auditados por auditor externo, que emit relatórios, levados ao conhecimento dos Conselhos e da Diretoria. Todos esses processo s o companhados e fiscalizados pelo Banco Central do Brasil, órgão ao qual cabe a co A tên ia de scalizar a Cooperativa.

Tendo em vista o risco que envolve a intermediação financeir ão. Para exemplificar, na concessão de crédit

1

SEDE PAOl

lierald~~r,S. Lopes

!)IRETOR\/\~:TRATIVO

CO ADOR

CRC: MG 70.175 / PF: 837564.936-87 Skoob opesita

R:20 de novembro - 110 Av: Acesita - 3908 Av: Geraldo Inácio - 734 Centro Norte - 35.180-020 Centro Sul- 3S.182-031 Melo Viana - 35.170-150

Timóteo - MG - Tel.: (31) 3848-0500 Timóteo - MG - Tel.: (31) 3847-3057 Cel. Fabriciano - MG - Tel: (31) 3846-0567 CNPJ: 19.875.244/0001-46 CNPJ: 19.87S.244/0002-27 CNPJ: 19.875.244/0003-08

~ www.sicoobcopesita.com.br

O

Facebook.com/sicoobcopesita

@)

lnstagram@sicoobcopesita

PA02

(4)

SICOOBCOPESITA

Cooperativa de Crédito

Manual de Crédito, aprovado, como muitos outros manuais, pelo Sicoob Confederação e homologado pela Central.

Além do Estatuto Social, são adotados regimentos e regulamentos, entre os quais destacamos o Regimento Interno, o Regimento do Conselho de Administração, o Regimento do Conselho Fiscal, o Regulamento Eleitoral.

A Cooperativa adota procedimentos para cumprir todas as normas contábeis e fiscais, além de ter uma política de remuneração de seus empregados e estagiários dentro de um plano de cargos e salários que contempla a remuneração adequada, a separação de funções e o gerenciamento do desempenho de todo o seu quadro funcional.

Todos esses mecanismos de controle, além de necessários, são fundamentais para levar aos associados e à sociedade em geral a transparência da gestão e de todas as atividades desenvolvidas pela instituição.

8. Conselho Fiscal

Eleito anualmente na AGO, com mandato até a AGO de 2020, o Conselho Fiscal tem função complementar à do Conselho de Administração. Sua responsabilidade é verificar de forma sistemática os atos da administração da Cooperativa, bem como validar seus balancetes mensais e seu balanço patrimonial anual.

Todos os membros efetivos e suplentes do Conselho Fiscal participaram de um curso de formação ministrado pelo SICOOB CENTRAL CECREMGE, com o objetivo de detalhar as responsabilidades dos conselheiros fiscais e as formas de exercê-las.

9. Código de Ética

Todos os integrantes da equipe do SICOOB COPESITA aderiram o Código de ética atualizado em abril/2017, por meio de compromisso firmado, ao Código de Ética e de Conduta Profissional proposto pela Confederação Nacional das Cooperativas do SICOOB - SICOOB CONFEDERAÇÃO. A partir de então, todos os novos funcionários, ao ingressar na Cooperativa, assumem o mesmo compromisso.

10. Sistema de Ouvidoria

A Ouvidoria, constituída em 2007 representou um importante avanço a serviço dos cooperados, dispõe de diretor responsável pela área e de um Ouvidor. Atende às manifestações recebidas por meio do Sistema de Ouvidoria do SICOOB, composto por sistema tecnológico específico, atendimento via DDG 0800 e sítio na internet integrado com si ma informatizado de ouvidoria tendo a atribuição de assegurar o cumprimento das no a rei cionadas aos direitos dos usuários de nossos produtos, além de atuar como canal de co

associados e integrantes das comunidades onde estamos presen e

os Ma.rtms Silva. ~

SEDE

Ger~~çsar S. Lopes

DIRET1R ~MINISTRATIVO

PAOl

R: 20 de novembro - 110 Av: Acesita - 3908 Av: Geraldo Inácio - 734 Centro Norte - 35.180-020 Centro Sul - 35.182-031 Melo Viana - 35.170-150

Timóteo - MG - Tel.: (31) 3848-0500 Timóteo - MG - Tel.: (31) 3847-3057 CeL Fabriciano - MG - Tel.: (31) 3846-0567 CNPJ: 19.875.244/0001-46 CNPJ: 19.875.244/0002-27 CNPJ: 19.875.244/0003-08

~ www.sicoobcopesita.com.br

O

Facebook.com/sicoobcopesita

@)

lnstagram@sicoobcopesita

PA02

CO ~DOR

CRC: MG 70.175 / PF: 837.564.936--87 Skoob Copesita

(5)

SICOOBCOPESITA

Cooperativa de Crédito

Em junho de 2021, a Ouvidoria do SICOOB COPESITA registrou 05 (cinco) manifestações de cooperados sobre a qualidade dos produtos e serviços oferecidos pela Cooperativa. Dentre elas, havia reclamações, pedidos de esclarecimento de dúvidas e solicitações de providências relacionadas principalmente a atendimento, conta corrente, cartão de crédito e operações de crédito.

Das 05 (cinco) reclamações, 05 (cinco) foram consideradas procedentes e resolvidas dentro dos prazos legais, de maneira satisfatória para as partes envolvidas, em perfeito acordo com o previsto na legislação vigente.

11. Fundo Garantidor do Cooperativismo de Crédito - FGCoop

De acordo com seu estatuto, o Fundo Garantidor do Cooperativismo de Crédito- FGCoop tem por objeto prestar garantia de créditos nos casos de decretação de intervenção ou de liquidação extrajudicial de instituição associada, até o limite de R$ 250 mil por associado, bem como contratar operações de assistência, de suporte financeiro e de liquidez com essas instituições.

O Conselho Monetário Nacional (CMN) aprovou resolução que estabelece a forma de contribuição das instituições associadas ao Fundo Garantidor do Cooperativismo de Crédito (FGCoop), ratifica também seu estatuto e regulamento. Conforme previsto na Resolução CMN nº 4.150/12, esse fundo possui como instituições associadas todas as cooperativas singulares de crédito do Brasil e os bancos cooperativos integrantes do Sistema Nacional de Crédito Cooperativo (SNCC).

Conforme previsto no artigo 2° da Resolução CMN nº 4.284/13, a contribuição mensal ordinária das instituições associadas ao Fundo é de 0,0125%, dos saldos das obrigações garantidas, que abrangem as mesmas modalidades protegidas pelo Fundo Garantidor de Créditos dos bancos, o FGC, ou seja, os depósitos à vista e a prazo, as letras de crédito do agronegócio, entre outros.

As contribuições ao FGCoop pelas instituições a ele associadas tiveram início a partir do mês de março de 2014 e recolhidas no prazo estabelecido no § 4° do art. 3° da Circular Bacen nº 3.700/14.

Ainda nos termos de seu estatuto, a govemança do Fundo será exercida pela Assembleia Geral, pelo Conselho de Administração e pela Diretoria Executiva, e está estruturada de modo a permitir a efetiva representatividade das associadas, sejam elas cooperativas independentes ou filiadas a sistemas cooperativistas de crédito, sendo o direito de voto proporcional às respectivas contribuições ordinárias.

Agradecimentos

Agradecemos aos nossos associados pela preferência e con a

ela dedicação. cionários e

SEDE

-

Gera'(J)l_,a, S. Lopes

DIRETO\A~INISTRATIVO

PAOl PA02

R: 20 de novembro - 110 Av: Acesita - 3908 Av: Geraldo Inácio - 734 Centro Norte - 35.180-020 Centro Sul - 35.182-031 Melo Viana - 35.170-150

Timóteo - MG - Tel: (31) 3848-0500 Timóteo - MG - Tel.: (31) 3847-3057 Cel Fabriciano · MG · Tel: (31) 3846-0567 CNPJ: 19.875.244/0001-46 CNPJ: 19.875.244/0002-27 CNPJ: 19.875.244/0003-08

~ www.sicoobcopesita.com.br

O

Facebook.com/sicoobcopesita

@)

lnstagram@sicoobcopesita

(6)

SICOOBCOPESITA

Cooperativa de Crédito

Timóteo/MG, 11 de agosto de 2021.

Conselho de Administração e Diretoria

EDS N ISA EL MOREIRA DIRETO FINANCEIRO

CPF: 3 1.815.896-49

GERALDO CE AR SOUZA LOPES DIRETOR A MINISTRATIVO

SEDE PAOl

R: 20 de novembro - 110 Av: Acesita - 3908 Av: Geraldo Inácio - 734 Centro Norte - 35.180-020 Centro Sul - 35.182-031 Melo Viana - 3S.170-1S0

Timóteo - MG - Tel.: (31) 3848-0500 Timóteo - MG - Tel.: (31) 3847-3057 Cel Fabriciano - MG - Tel.: (31) 3846-0567 CNPJ: 19.875.244/0001-46 CNPJ: 19.875.244/0002-27 CNPJ: 19.875.244/0003-08

ê)

www.sicoobcopesita.com.br

O

Facebook.com/sicoobcopesita

@)

lnstagram@sicoobcopesita

PA02

(7)

Cooperativa de Crédito

COPESITA SICOOB COPESITA CNPJ: 19.87S.244/0001-46

BALANÇO PATRIMONIAL (Em Reais)

ATIVO

DISPONIBILIDADES

INSTRUMENTOS FINANCEIROS

Aplicações lnterfinanceiras de Liquidez Títulos e Valores Mobiliários

(-) Provisão para Desvalorização de Títulos e Valores Mobi I iári os Relações lnterfinanceiras

Centralização Financeira Repasses lnterfinanceiros Outras Relações lnterfinanceiras Rei ações Interdependências O pera ções de Crédito Outros Ativos Financeiros

(-) PROVISÕES PARA PERDAS ESPERADAS ASSOCIADAS AO RISCO DE CRÉDITO (-) Operações de Crédito

(-) Outras

ATNOS FISCAIS CORRENTES E DIFERIDOS OUTROS ATIVOS

INVESTIMENTOS IMOBILIZADO DE USO DIFERIDO

INTANGÍVEL

(-) DEPRECIAÇÕES E AMORTIZAÇÕES

(-) PROVISÕES PARA REDUÇÃO AO VALOR RECUPERÁVEL DE ATIVOS TOTAL DO ATIVO

PASSNO E PATRIMÔNIOLÍQUIDO DEPÓSITOS

DepósitosàVista Depós í tos I nterfi na ncei ros Depósitos Sob Aviso DepósitosàPrazo Outros Depósitos

DEMAIS INSTRUMENTOS FINANCEIROS Obrigações por Operações Compromissadas Recursos de Aceite e Emissão de Títulos Relações lnterfinanceiras

Centralização Financeira - Cooperativas Repasses lnterfinanceiros

Outras Relações lnterfinanceiras Obrigações por Empréstimos e Repasses Outros Passivos Financeiros

Instrumentos Financeiros Derivativos PROVISÕES

OBRIGAÇÕES FISCAIS CORRENTES E DIFERIDAS OUTROS PASSIVOS

PATRIMÔNIO LÍQUIDO CAPITAL SOCIAL RESERVAS DE CAPITAL RESERVAS DE SOBRAS

OUTROS RESULTADOS ABRANGENTES SOBRAS OU PERDAS ACUMULADAS TOTAL DO PASSIVO E PATRIMÔNIO LÍQUIDO

AsNotas Explicativas são parte integrante das demonstrações contábeis.

SEDE PAOl

Notas 30/06/2021 61.484.810,69

992.301,85 57.158.594,33

17.120.459,70 17.120.459,70

31/12/2020 57.794.004,66

1.683.979,75 52.178.474,27

19.607.237,69 19.607.237,69

39.313.325,06 31.889.317,06 724.809,57 681.919,52 {2.178.976,07) (1.665.924,43) (2.064.332,85) (1.569.142,78) (114.643,22) (96.781,65) 10.121,93 12.916,37 5S.383,43 67.502,81 3.027.150,66 2.954.480,88 3.875.701,61 3.841.214,72 150.000,12 150.000,12 (1.605.467,17) (1.428.639,831 61.484.810,69 57.794.004,66 61.484.810,69 57.794.004,66 37.545.444,75 34.250.997,00 14.265.022,39 14.037,869,48

23.280.422,36 20.213.127,52 177.973,19 38.018,08

177.973,19 38.018,08

520.348,20 477.460,53 108.640,32 168.114,63 1.977.596,47 2.186.031,72 21.154.807,76 20.673.382,70 13.973.884,94 13.377.969,06 6.526.005,10 5.276.005,10 654.917,72 2.019.408,54

R:20de novembro -110 Av: Acesita -3908 A : Geraldo Inácio -734 CRC: MG

7

. 75 /C F: 837.5 . 36,

Centro Norte -35.180-020 Centro Sul -35.182-031 lo Viana -35.170-150 -~~b peslta

Timóteo - MG. Tel:(31) 3848-0500 Timóteo - MG - Tel.:(31) 3847-3057 C L Fabriciano - MG - Tel.:(31) 3846-0S87"- CNPJ: 19.875.244/0001-46 CNPJ: 19.875.244/0002-27 CNPJ: 19.875.244/0003-08

~ www.sicoobcopesita.com.br

O

Facebook.com/sicoobcopesita

@)

lnstagram@sicoobcopesita

(8)

SICOOBCOPESITA

Cooperativa de Crédito COPESíTA

SICOOB COPESíTA CNPJ: 19.87S.244/0001-46

DEMONSTRA ÇÃO DE SOBRAS OU PERDAS ACUMULADO

(EmReais)

Notas INGRESSOS E RECEíTAS DA INTERMEDIAÇÃO FINANCEIRA

Operações de Crédito

Ingressos de Depósitos lntercooperativos

Resultado de Aplicações lnterfínanceiras de Liquidez Resultado de Operações com Títulos e Valores Mobiliários Resultado com Instrumentos Financeiros Derivativos Operações de Venda ou de Transferência de Ativos Financeiros Resultado das Aplicações Compulsórias

30/06/2021 3.665.602,88

30/06/2020 3.300.970,60

DISPtNDIOS E DESPESAS DA INTE RMEDIAÇÃO FINANCEIRA Operações de Captação no Mercado

Operações de Empréstimos e Repasses

Operações de Venda ou de Transferência de Ativos Financeiros Dispêndios de Depósitos lntercooperativos

Provisões para Perdas Esperadas Associadas ao Risco de Crédito

3.465.711,71 199.891,17

3.004.390,73 296.579,87

{992.827,90) (277.951,43)

(742.918,50) (338.800,93)

RESULTADO BRUTO DA INTERMEDIAÇÃO FINANCEIRA

OUTROS INGRESSO S E RECErrAS/DISPÊNDIOS E DESPESAS OPERA CIONAIS Ingressos e Receitas de Prestação de Serviços

Rendas de Tarifas

Dispêndios e Despesas de Pessoal

Outros Dispêndios e Despesas Administrativas Dispêndios e Despesas Tributárias

Resultado de Participações em Coligadas e Controladas Outros Ingressos e Receitas Operacionais

Outros Dispêndios e Despesas Operacionais

PROVISÕES

Provisões/Reversões para Contingências Provisões/Reversões para Garantias Prestadas

RESULTADO OPERA CIONAL

OUTRA S RECEITAS E DESPESAS

Lucros em Transações com Valores e Bens (·) Prejuízos em Transações com Valores e Bens Ganhos de Capital

Rendas de Aluguel

Reversão de Provisões Não Operacionais Outras Rendas Não Operacionais (·) Perdas de Capital

(·) Despesas de Provisão Não Operacionais (-) Outras Despesas Não Operacionais

(714.876,47) (404.117,57) 2.672 .77 4,98 Z.558.052,10

(1.889.505,11) (1.518.792,44) 893.150,10 727.409,69 131.336,80 140.811,07 (1.610.117,46) (1.352.602,24) (1.692.202,63) (1.466.891,43) (79.775,01) (64.702,99) 622.461,31 591.486,82 (154.358,22) (94.303,36) (38.483,54) 7.690 ,01

(38.483,54) 7.690,01 744.786,33 1.046.949,67

(170,00) 6.504,10

10.436,40

(170,00)

SOBRA S OU PERDAS ANTES DA TRIBUTAÇÃO E PARTICIPAÇÕES 744.616,33

(344,85) (3.587,45) 1.053.453,77

IMPOSTO DE RENDA E CONTRIBUIÇÃ O SOCIAL Imposto de Renda Sobre Atos Não Cooperados Contribuição Social Sobre Atos Não Cooperados Ativo Fiscal Diferido

(55.009,50) (35.410,88) (32.672,91)

(22.336,59)

(15.025,48) (20.385,40)

PARTICIPAÇÕES NAS SOBRA S

SOBRA S OU PERDAS DO PERÍODO ANTES DAS DESTINAÇÕES E DOS JUROS AO CAPITAL

JUROS AO CA PITAL

689.606,83 1.018.042,89

(55.148,79)

SOBRA S OU PERDAS DO PERIODO ANTES DAS DESTINAÇÕES

As Notas Explicativas são parte integrante das demonstrações contábeis.

SEDE

R:20de novembro -110 Centro Norte -35.180-020 Timóteo - MG - Tel.:(31) 3848-0500 CNPJ:19.875.244/0001-46

@:!

www.sicoobcopesita.com.br

PAOl

"I

PA02

Av: Acesita -3908 Av: Geraldo Inácio -734 Centro Sul -35.182-031 Melo Viana -35.170-150

Timóteo. MG - Tel.:(31) 3847-3057 Cel. Fabriciano - MG - Tel:(31) 3846-0567 CNPJ:19.875.244/0002-27 CNPJ:19.875.244/0003-08

O

Facebook.com/sicoobcopesita

@)

lnstagram@sicoobcopesita

(9)

Cooperativa de Crédito

COPESITA SICOOB COPESITA CNPJ: 19.875.244/0001-46

DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADO ABRANGENTE (Em Reais)

SOBRAS OU PERDAS DO PERÍODO ANTES DAS DESTINAÇÕES E DOS JUROS AO CAPITAL

Notas 30/06/2021 30/06/2020

689.606,83 1.018.042,89 OUTROS RESULTADOS ABRANGENTES

Itens que podem ser reclassificados para o Resultado

Ajuste de avaliação patrimonia1 -investimentos em coligadas e controladas Outros eventos que podem ser reclassificados para o Resultado

Efeito tributário

Itens que não podem ser reclassificados para o Resultado

Outros eventos que não podem ser reclassificados para o Resultado Efeito tributário

TOTAL DO RESULTADO ABRANGENTE

AsNotas Explicativas são parte integrante das demonstrações contábeis. 1.018.042,89

SEDE PAOl PA02

R: 20 de novembro - 110 Av: Acesita - 3908 Av: Geraldo Inácio - 734 Centro Norte - 35.180-020 Centro Sul - 35.182-031 Melo Viana - 35.170-150

Timóteo - MG - Tel.: (31) 3848-0500 Timóteo - MG - Tel.: (31) 3847-3057 Cel. Fabriciano - MG - Tel.: (31) 3846-0567 CNPJ: 19.875.244/0001-46 CNPJ: 19.875.244/0002-27 CNPJ: 19.875.244/0003-08

e)

www.sicoobcopesita.com.br

O

Facebook.com/sicoobcopesita

@)

lnstagram@sicoobcopesita

(10)

SICOOBCOPESITA

COPESITA

Cooperativa de Crédito srcooa coPESITA CNPJ: 19.875.244/0001-46 DEMONSTRAÇÃO DOS FLUXOS DE CAIXA

(Em Reais)

SOBRAS OU PERDAS ANTES DA TRIBUTAÇÃO E PARTICIPAÇÕES

Notas 30/06/2021 30/06/2020

Ajuste de Exercícios Anteriores Juros sobre o Capital Próprio Recebidos Distribuição de Sobras e Dividendos Resultado de Equivalência Patrimonial

Provisões/Reversões para Perdas Esperadas Associadas ao Risco de Créd ito Provisões/Reversões para Garantias Prestadas

Destinações de Sobras

Provisões/Reversões Não Operacionais Provisões/Reversões para Contingências Atualização de Dep6sftos em Garantia (Ganho)/Perdas Por Baixas de Imobilizado (Ganho)/Perdas Por Baixas delntangfvel Depreciações e Amortizações

Outros Ajustes

744.616,33

(72.670,51)

1.053.453,77

714.876,47 38.483,54

333.246,28 (130.326,57) 404.117,57 (7.690,01)

176.827,34 108.597,56 SOBRAS OU PERDAS ANTES DA TRIBUTAÇÃO E PARTICIPAÇÕES AJUSTADO 1.602.133,17 1.761.398,60

Aumento (redução ) em ativos operadonais Aplicações lnterfinanceiras de Liquidez Títulos e Valores Mobiliários

Relações lnterfinanceiras Rei ações I nter deperrdênct as Operações de Crédito Outros Ativos Financeiros Ativos Fiscais Correntes e Diferidos Outros Ativos

Aumento (redução) em passivos operacionais Depósitos àVista

Depósitos lnterfinanceiros Depósitos sob Aviso DepósitosàPrazo Outros Depósitos

Obrigações por Operações Compromissadas Rec ursos de AceiteeEmissão de Títulos Relações lnterfinanceiras

Obrigações por Empréstim oseRepasses Outros Passivos Financeiros

Instrumentos Financeiros Derivativos Provisões

Obrigações Fiscais Correntese Diferidas Outros Passivos

Des tinação de Sobras Exercício An teriorAoFATES FATES -Atos Cooperativos

FATES-At osNãoCooperativos Outras Destinações

Im postodeRenda Contribuição Soci al

(7 .561.55 7,19) (107 .165,69) 2.794,44 12.119,38 227.152,91

3.067 .294,84

139.955,11 4.404,13 (59.474,31) (243.124,36)

(4.811.949,79) (130.558,39) 2.351,95 9.306,22 2.874.879,52

2.469.511,23

(10.329,73) (305.825,70) 10.119,74 387.798,08 (100.000,00)

CAIXA LÍQUIDO APLICADO/ ORIGINADO EM ATIVIDADES OPERACIONAIS

(32.672,91) (22.336,59) (2.970.477,07)

(15.025,48) (20.385,40) 2.121.290,8S

Atividades de Investimentos DistribuiçãodeDividendos DistribuiçãodeSobrasdaCentral Dlstr+butç ãode SobrasdaConfederação Juros sobreoCapital Próprio Recebidos AlienaçãodeInves timento

Alienação delmobilizaçõesdeUso AquisiçãodeIntangível

Aquisiçãode Diferido

Aquisição de Imobilizado de Uso Aquisição de Investimentos OutrosAustes

27.825,78 44.844,73

73.703,78 56.622,79

(1.079,49) (33.407,40) (72.669,78)

(0,00) (480.904,62) (317.131,40)

CAIXALÍQUIDOAPLICADO / ORIGINADO EM INVESTIMENTOS (34.486.16) (667.709,45)

Atividades de Finandamentos Aumentopor novos aportesdeCapital DevoluçãodeCapitalàCooperados Estorno de Capital

Distribuição de sobras para associados Juros sobreoCapital Próprio, liquido RecuperaçãodePerdasdeExercícios Anteriores Aumento no capital por Incorporações Aumento nas reservas por incorporações Sobras/Perdas por incorporaçê5es Rev ersõesdeReservas

Reversões de Fundos

Aumento aportes em reserva estatutária Outros Eventos/Reservas

939.989,96 (499.148,59) (614.334,03)

781.636,77 (522.853,33) (599.123,71)

CAIXA LÍQUIDO APLICADO/ ORIGINADO EM FINANCIAMENTOS (173.492,66) (340.340,27)

AUMENTO /REDUÇÃO LÍQUIDADE CAIXAE EQUIVALENTES DECAIXA (3.178.455,89) 1.113.241.13 Modiflca@es em de Calxa e Equivalentes de Caixa Líquidas

CaixaeEquivalentes de Caixa No Ínicio do Período Caixa e E uiva lentes de Caixa No Fim do Período Varia o Lí uida de Caixa e E uivalentes de Caixa

As Notas Explicativas são parte integ rante das demonstrações contá

SEDE

R: 20 de novembro - 110 Centro Norte - 35.180-020 Timóteo - MG - Tel.: (31) 3848-0500 CNPJ: 19.875.244/0001-46

18.281.156,11 19.394.397,24 1.113.241 13

PAOI PA02

Av: Acesita - 3908., ·--­

Centro Sul - 35.182-031

Timóteo - MG - Tel.: (31) 38 -3057 CNPJ: 19.875.244/0002-27

e)

www.sicoobcopesita.com.br

O

Facebook.com/s coobcopesita

(11)

Cooperativa de Crédito

:;; }

i !

:;;::l

o

i

!1

a} :;;

s

:::

:P

il j I!

.g ..

,. ,, ,,

! " H

~i

Ili

3 ..g~

!

& : tÔ:; ]

;

~

;;&

~'8.ci: la ~

ii: ~ :;

i5 ~ '5-

!

jl

! ,,

al

,,

i

.g

j

1

~ j

.g Ji :;

i

i

... ' .

SEDE

R: 20 de novembro - 110 Centro Norte - 35.180-020 Timóteo - MG - Tel.: (31) 3848-0500 CNPJ: 19.875.244/0001-46

êJ

www.sicoobcopesita.com.br

PAOl PA02

Av: Acesita - 3908 Av: Geraldo Inácio - 734 Centro Sul - 35.182-031 Melo Viana - 35.170-1S0

Timóteo - MG - Tel.: (31) 3847-30S7 Cel Fabriciano - MG - Tel: (31) 3846-0S67 CNPJ: 19.875.244/0002-27 CNPJ: 19.875.244/0003-08

O

Facebook.com/sicoobcopesita

@)

lnstagram@sicoobcopesita

(12)

SICOOBCOPESITA

Cooperativa de Crédito

CECM DAS EMPRESAS, EMPREGADOS E PRESTADORES DE SERVIÇO DAS METALURGICAS, SIDERURGICAS E INDUSTRIAIS-SICOOB COPESITA

NOTAS EXPLICATIVAS DA ADMINISTRAÇÃO ÀS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS EM 30 DE JUNHO DE 2021 1. Contexto Operacional

A CECM DAS EMPRESAS, EMPREGADOS E PRESTADORES DE SERVICO

DASMETALURGICAS,SIDERURGICAS E INDUSTRIAIS-SICOOB COPESITA - SICOOB COPESITA, é uma cooperativa de crédito singular, instituição financeira não bancária, fundada em22/07/1967, filiada àCCE CRÉD EST MG LTOA. SICOOB CENTRAL CECREMGE - SICOOB CENTRAL CECREMGE e componente da Confederação Nacional das Cooperativas do SICOOB - SICOOB CONFEDERAÇÃO, em conjunto com outras cooperativas singulares e centrais. Tem sua constituição e o funcionamento regulamentados pela Lei nº 4.595/1964, que dispõe sobre a Política e as Instituições Monetárias, Bancárias e Creditícias, pela Lei nº 5.764/1971, que define a Política Nacional do Cooperativismo, pela Lei Complementar nº 130/2009, que dispõe sobre o Sistema Nacional de Crédito Cooperativo e pela ResoluçãoCMN nº 4.434/2015, do Conselho Monetário Nacional, que dispõe sobre a constituição e funcionamento de cooperativas de crédito.

OSICOOB COPESITA,sediado à Rua 20 de Novembro, nº. 110, Loja 01, Centro, Timóteo -MG,possui2Postos de Atendimento (PAs) nas seguintes localidades: TIMÓTEO - MG, CORONEL FABRICIANO - MG.

OSICOOB COPESITAtem como atividade preponderante a operação na área creditícia, tendo como finalidade:

(i) Proporcionar, através da mutualidade, assistência financeira aos associados;

(ii) A formação educacional de seus associados, no sentido de fomentar o cooperativismo, através da ajuda mútua da economia sistemática e do uso adequado do crédito; e

(iii) Praticar, nos termos dos normativos vigentes, as seguintes operações dentre outras: captação de recursos, concessão de créditos, prestação de garantias, prestação de serviços, formalização de convênios com outras instituições financeiras e aplicação de recursos no mercado financeiro, inclusive depósitos a prazo com ou sem emissão de certificado, visando preservar o poder de compra da moeda e remunerar os recursos.

2. Apresentação das Demonstrações Contábeis

As demonstrações contábeis foram elaboradas de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil, aplicáveis às instituições financeiras autorizadas a funcionar pelo Banco Central do Brasil - BACEN, considerando as Normas Brasileiras de Contabilidade, especificamente àquelas aplicáveis às entidades Cooperativas, a Lei do Cooperativismo nº 5. 764/71 e normas e instruções do BACEN, apresentadas conforme Plano Contábil das Instituições do Sistema Financeiro Nacional - COSIF, e sua emissão foi autorizada pela Diretoria Executiva em 11/08/2021

Em função do processo de convergência com as normas internacionais de contabilidade, algumas normas e interpretações foram emitidas pelo Comitê de Pronunciamentos Contábeis (CPC), as quais serão aplicáveis às instituições financeiras somente quando aprovadas pelo BACEN, naquilo que não confrontar com as normas por ele já emitidas anteriormente. Os pronunciamentos contábeis já aprovados, por meio das Resoluções do CMN, foram aplicados integralmente na elaboração destas Demonstrações Contábeis.

2.1 Mudanças nas Políticas Contábeis e Divulgação a) Mudanças em Vigor

O Banco Central emitiu a ResoluçãoCMNnº 4.720 de 30 de maio de 2019, Resolução CMN nº 4.818 de 29 de maio de 2020, Circular nº 3.959 de 4 de setembro de 2019 e Resol ão BCB nº 2 de 12 de agosto de 2020, as quais

SEDE PAOl PA02

R: 20 de novembro - 110 Av: Acesita - 3908 Av: Geraldo Inácio· 734

Centro Norte - 35.180-020 Centro Sul - 35.182-031 Melo Viana - 35.170-150

Timóteo - MG - Tel: (31) 3848-0500 Timóteo - MG - Tel: (31) 3847- 057 Cel. Fabriciano · MG · Tel.: (31) 3846f567 CNPJ: 19.875.244/0001-46 CNPJ: 19.875.244/0002-27 CNPJ: 19.875.244/0003-08

~ www.sicoobcopesita.com.br

O

Facebook.com/sicoobcopesita

@)

lnstagram@sicoobcopesita

(13)

Cooperativa de Crédito

apresentam as premissas para elaboração das demonstrações financeiras obrigatórias e os procedimentos mínimos que devem ser levados na elaboração das demonstrações financeiras.

As principais alterações em decorrência destes normativos:

i) no Balanço Patrimonial as contas estão dispostas baseadas na liquidez e na exigibilidade. A abertura de segregação entre circulante e não circulante está sendo divulgada apenas nas respectivas notas explicativas. Adoção de novas nomenclaturas e agrupamentos de itens patrimoniais, tais como: ativos financeiros, provisão para perdas associadas ao risco de crédito, passivos financeiros, ativos e passivos fiscais e provisões;

ii) na Demonstração de Sobras ou Perdas a alteração consiste na apresentação de novas nomenclaturas das provisões para perdas associadas ao risco de crédito e destaque para as despesas de provisões;

iii) os saldos do Balanço Patrimonial do período estão apresentados comparativamente com o final do exercício social imediatamente anterior e as demais demonstrações estão comparadas com os mesmos períodos do exercício anterior;

iv) readequação da estrutura das notas explicativas em função da adoção de novas nomenclaturas e agrupamentos dos itens patrimoniais.

b) Mudanças a serem aplicadas em periodos futuros

Apresentamos abaixo um resumo sobre as novas normas que foram recentemente emitidas pelos órgãos reguladores, ainda a serem adotadas pela Cooperativa:

Resolução CMN4.817, de 29 de maio de 2020. A norma estabelece os critérios para mensuração e reconhecimento contábeis, pelas instituições financeiras, de investimentos em coligadas, controladas e controladas em conjunto, no Brasil e no exterior, inclusive operações de aquisição de participações, no caso de investidas no exterior, estabelece critérios de variação cambial; avaliação pelo método da equivalência patrimonial; investimentos mantidos para venda;

e operações de incorporação, fusão e cisão.AResoluçãoCMN4.817/20 entra em vigor em 1

°

de janeiro de 2022.

ResoluçãoCMN4.872, de 27 de novembro de 2020. A norma dispõe sobre os critérios gerais para o registro contábil do patrimônio líquido das instituições autorizadas a funcionar pelo Banco Central do Brasil. A ResoluçãoCMN4.872/20 entra em vigor em 1

°

de janeiro de 2022.

ACooperativa iniciou a avaliação dos impactos da adoção dos novos normativos. Eventuais impactos decorrentes da conclusão da avaliação serão considerados até a data de vigência de cada normativo.

2.2 Continuidade dos Negócios e Efeitos da Pandemia de COVID-19 "Novo Coronavírus"

A Administração avaliou a capacidade de a Cooperativa continuar operando normalmente e está convencida de que possui recursos suficientes para dar continuidade a seus negócios no futuro.

Mesmo com ineditismo da situação, tendo em vista a experiência da Cooperativa no gerenciamento e monitoramento de riscos, capital e liquidez, com auxílio das estruturas centralizadas do Sicoob, bem como as informações existentes no momento dessa avaliação, não foram identificados indícios de quaisquer eventos que possam interromper suas operações em um futuro previsível. A CECM DAS EMPRESAS, EMPREGADOS E PRESTADORES DE SERVICO DAS METALURGICAS, SIDERURGICAS E INDUSTRIAIS-SICOOB COPESITAjunto a seus associados, empregados e a comunidade estamos fazendo nossa parte para evitar a propagação do Novo Coronavírus, seguindo as recomendações e orientações do Ministério da Saúde, e adotando alternativas que auxiliam no cumprimento da nossa missão.

(descrever as ações realizadas, recomendações, e frentes de ado as durante o período pandêmico)

SEDE PAOl PA02

R: 20 de novembro - 110 Av: Acesita - 3908 Av: Geraldo Inácio - 734 Centro Norte - 35.180-020 Centro Sul - 35.182-031 Melo Viana - 35.170-150

Timóteo - MG - Tel: {31) 3848-0500 Timóteo - MG - Tel.: {31) 3847-3 57 Cel. Fabriciano - MG - Tel: {31) 3846z°567 CNPJ: 19.875.244/0001-46 CNPJ: 19.875.244/0002-27 CNPJ: 19.875.244/0003-08

ê)

www.sicoobcopesita.com.br

O

Facebook.com/sicoobcopesita

@)

lnstagram@sicoobcopesita

(14)

SICOOBCOPESITA

Cooperativa de Crédito

3. Resumo das Principais Práticas Contábeis a) Apuração do Resultado

Os ingressos/receitas e os dispêndios/despesas são registrados de acordo com o regime de competência.

As receitas com prestação de serviços, típicas ao sistema financeiro, são reconhecidas quando da prestação de serviços ao associado ou a terceiros.

Os dispêndios e as despesas e os ingressos e receitas operacionais, são proporcionalizados de acordo com os montantes do ingresso bruto de ato cooperativo e da receita bruta de ato não-cooperativo, quando não identificados com cada atividade.

De acordo com a Lei nº 5.764/71, o resultado é segregado em atos cooperativos, aqueles praticados entre as cooperativas e seus associados ou cooperativas entre si, para cumprimentos de seus objetivos estatutários, e atos não cooperativos aqueles que importam em operações com terceiros não associados.

b) Estimativas Contábeis

Naelaboração das demonstrações contábeis faz-se necessário utilizar estimativas para determinar o valor de certos ativos, passivos e outras transações considerando a melhor informação disponível. Incluem, portanto, estimativas referentes à provisão para créditos de liquidação duvidosa, à vida útil dos bens do ativo imobilizado, provisões para causas judiciais, dentre outros. Os resultados reais podem apresentar variação em relação às estimativas utilizadas.

c) Caixa e Equivalentes de Caixa

Composto pelas disponibilidades, pela Centralização Financeira mantida na Central e por aplicações financeiras de curto prazo, de alta liquidez, com risco insignificante de mudança de valores e limites e, com prazo de vencimento igual ou inferior a 90 dias a contar da data de aquisição.

d) Aplicações lnterfinanceiras de Liquidez

Representam operações a preços fixos referentes às compras de títulos com compromisso de revenda e aplicações em depósitos interfinanceiros e estão demonstradas pelo valor de resgate, líquidas dos rendimentos a apropriar correspondentes a períodos futuros.

e) Títulos e Valores Mobiliários

A carteira está composta por títulos de renda fixa e renda variável, os quais são apresentados pelo custo acrescido dos rendimentos auferidos até a data do Balanço, ajustados aos respectivos valores de mercado, conforme aplicável.

f) Relações lnterfinanceiras - Centralização financeira

Os recursos captados pela cooperativa que não tenham sido aplicados em suas atividades são concentrados por meio de transferências interfinanceiras para a cooperativa central, e utilizados pela cooperativa central para aplicação financeira. De acordo com a Lei nº 5. 764/71, essas ações são definidas como atos cooperativos.

g) Operações de Crédito

As operações de crédito com encargos financeiros pré-fixados são registradas a valor futuro, retificadas por conta de rendas a apropriar e as operações de crédito pós-fixadas são registradas a valor presente, calculadas por critério"pro rata temporís",com base na variação dos respectivos indexador actuados.

I

SEDE

R: 20 de novembro - 110 Centro Norte - 35.180-020 Timóteo - MG - Tel.: (31) 3848-0500 CNPJ: 19.875.244/0001-46

ê;)

www.sicoobcopesita.com.br

PAOl PA02

Av: Acesita - 3908 Av: Geraldo Inácio - 734 Centro Sul - 35.182-031 Melo Viana - 35.170-150

Timóteo - MG - Tel.: (31) 3847-3057 Cel. Fabriciano - MG - Tel.: (31) 3846-0567 CNPJ: 19.875.244/0002-27 CNPJ: 19.875.244/0003-08 3

Facebook.com/sicoobcopesita

@)

lnstagram@sicoobcopesita

(15)

Cooperativa de Crédito

h) Provisão para Perdas Associadas ao Risco de Crédito

Constituída em montante julgado suficiente pela Administração para cobrir eventuais perdas na realização dos valores a receber, levando-se em consideração a análise das operações em aberto, as garantias existentes, a experiência passada, a capacidade de pagamento e liquidez do tomador do crédito e os riscos específicos apresentados em cada operação, além da conjuntura econômica.

As Resoluções CMN nº 2.697/2000 e 2.682/1999 estabeleceram os critérios para classificação das operações de crédito definindo regras para constituição da provisão para operações de crédito, as quais estabelecem nove níveis de risco, de AA (risco mínimo) a H (risco máximo).

i)Depósitos em Garantia

Existem situações em que a cooperativa questiona a legitimidade de determinados passivos ou ações em que figura como polo passivo. Por conta desses questionamentos, por ordem judicial ou por estratégia da própria administração, os valores em questão podem ser depositados em juízo, sem que haja a caracterização da liquidação do passivo.

j)Investimentos

Representados substancialmente por quotas do SICOOB CENTRAL CECREMGE e ações do BANCO SICOOB, avaliadas pelo método de custo de aquisição.

k) Imobilizado de Uso

Equipamentos de processamento de dados, móveis, utensílios e outros equipamentos, instalações, edificações, veículos, benfeitorias em imóveis de terceiros e softwares, são demonstrados pelo custo de aquisição, deduzido da depreciação acumulada. A depreciação é calculada pelo método linear para reduzir o custo de cada ativo a seus valores residuais de acordo com as taxas aplicáveis e levam em consideração a vida útil econômica dos bens.

1) Intangível

Correspondem aos direitos adquiridos que tenham por objeto bens incorpóreos destinados à manutenção da Cooperativa ou exercidos com essa finalidade. Os ativos intangíveis com vida útil definida são geralmente amortizados de forma linear no decorrer de um período estimado de benefício econômico.

m) Ativos Contingentes

Não são reconhecidos contabilmente, exceto quando a Administração possui total controle da situação ou quando há garantias reais ou decisões judiciais favoráveis sobre as quais não cabem mais recursos contrários, caracterizando o ganho como praticamente certo. Os ativos contingentes com probabilidade de êxito provável, quando aplicável, são apenas divulgados em notas explicativas às demonstrações contábeis.

n) Obrigações por Empréstimos e Repasses

As obrigações por empréstimos e repasses são reconhecidas inicialmente no recebimento dos recursos, líquidos dos custos da transação. Em seguida, os saldos dos empréstimos tomados são acrescidos de encargos e juros proporcionais ao período incorrido("pro rata temporis"), assim como das despesas a apropriar referente aos encargos contratados até o final do contrato, quando calculáveis.

o) Depósitos e Recursos de Aceite e Emissão de Títulos

Os depósitos e os recursos de aceite e emissão de títulos são demonstrados pelos valores das exigibilidades e

j

consideram, quando aplicável, os encargos exigíveis até a data do lanço, reconhecidos em basepro rata die.

SEDE PAOl PA02

R: 20 de novembro - 110 Av: Acesita - 3908 Av: Geraldo Inácio · 734 Centro Norte - 35.180-020 Centro Sul - 35.182-031 Melo Viana - 35.170-150

Timóteo - MG - Tel.: (31) 3848-0500 Timóteo - MG - Tel.: (31) 3847-305 Cel. Fabriciano - MG - Tel: (31) 3846,:i°567 CNPJ: 19.875.244/0001-46 CNPJ: 19.875.244/0002-27 CNPJ: 19.875.244/0003-08

e)

www.sicoobcopesita.com.br

O

Facebook.com/sicoobcopesita

@l

lnstagram@sicoobcopesita

(16)

SICOOBCOPESITA

Cooperativa de Crédito

p) Outros Ativos

São registrados pelo regime de competência, apresentados ao valor de custo ou de realização, incluindo, quando aplicável, os rendimentos e as variações monetárias auferidas, até a data do balanço.

q) Outros Passivos

Os demais passivos são demonstrados pelos valores conhecidos ou calculáveis, acrescidos, quando aplicável, dos correspondentes encargos e das variações monetárias incorridas.

r) Provisões

São reconhecidas quando a cooperativa tem uma obrigação presente legal ou implícita como resultado de eventos passados, sendo provável que um recurso econômico seja requerido para saldar uma obrigação legal. As provisões são registradas tendo como base as melhores estimativas do risco envolvido.

s) Provisões para Demandas Judiciais e Passivos Contingentes

São reconhecidos contabilmente quando, com base na opinião de assessores jurídicos, for considerado provável o risco de perda de uma ação judicial ou administrativa, gerando uma provável saída no futuro de recursos para liquidação das ações, e quando os montantes envolvidos forem mensurados com suficiente segurança. As ações com chance de perda possível são apenas divulgadas em nota explicativa às demonstrações contábeis e as ações com chance remota de perda não são divulgadas.

t) Obrigações Legais

São aquelas que decorrem de um contrato por meio de termos explícitos ou implícitos, de uma lei ou outro instrumento fundamentado em lei, aos quais a Cooperativa tem por diretriz.

u) Imposto de Renda e Contribuição Social

O imposto de renda e a contribuição social sobre o lucro tem incidência sobre os atos não cooperativos, situação prevista no caput do Art. 194 do Decreto 9.580/2018 (RIR2018). Entretanto, o resultado apurado em operações realizadas com cooperados não tem incidência de tributação, sendo essa expressamente prevista no caput do art. 193 do mesmo Decreto.

v) Segregação em Circulante e Não Circulante

Os valores realizáveis e exigíveis com prazos inferiores a 360 dias estão classificados no circulante, e os prazos superiores, no longo prazo (não circulante).

w) Valor Recuperável de Ativos -lmpairment

Aredução do valor recuperável dos ativos não financeiros(impairment)é reconhecida como perda, quando o valor de contabilização de um ativo, exceto outros valores e bens, for maior do que o seu valor recuperável ou de realização.

As perdas por"impairment", quando aplicável, são registradas no resultado do período em que foram identificadas.

Em 30 de junho de 2021 não existem indícios da necessidade de redução do valor recuperável dos ativos não financeiros. (somenteseaplicável)

SEDE PAOl PA02

R: 20 de novembro - 110 Av: Acesita - 3908 Av: Geraldo Inácio - 734 Centro Norte - 35.180-020 Centro Sul - 35.182-031 Melo Viana - 35.170-150

Timóteo - MG - Tel: (31) 3848-0500 Timóteo - MG - Tel.: (31) 3847-30 7 Cel Fabriciano - MG - Tel.: (31) 3846f567 CNPJ: 19.875.244/0001-46 CNPJ: 19.875.244/0002-27 CNPJ: 19.875.244/0003-08

~ www.sicoobcopesita.com.br

O

Facebook.com/sicoobcopesita

@]

lnstagram@sicoobcopesita

(17)

Cooperativa de Crédito

x) Resultados Recorrentes e Não Recorrentes

Resultados recorrentes são aquele que estão relacionados com as atividades características da Cooperativa ocorridas com frequência no presente e previstas para ocorrer no futuro, enquanto os resultados não recorrentes são aqueles decorrente de um evento extraordinário e/ou imprevisível, com tendência de não se repetir no futuro.

y) Eventos Subsequentes

Correspondem aos eventos ocorridos entre a data-base das demonstrações contábeis e a data de autorização para a sua emissão. São compostos por:

• Eventos que originam ajustes: são aqueles que evidenciam condições que já existiam na data-base das demonstrações contábeis; e

• Eventos que não originam ajustes: são aqueles que evidenciam condições que não existiam na data-base das demonstrações contábeis.

Não houve qualquer evento subsequente para as demonstrações contábeis encerradas em 30 de junho de 2021.

(somenteseaplicável)

4. Caixa e Equivalente de Caixa

O caixa e os equivalentes de caixa, apresentados na demonstração dos fluxos de caixa, estão constituídos por:

Descrição 30/06/2021 31/12/2020

Caixa e depósitos bancários

992.301 8~ 1.683.979 75

Relações interfinanceiras - centralizacão financeira(a) 17.120.459 70 19.607.237 69

TOTAL 18.112.761,Sl 21.291.217,4'

(a) Referem-se à centralização financeira das disponibilidades líquidas da Cooperativa, depositadas junto ao SICOOB CENTRAL CECREMGE conforme determinado no art. 24, da Resolução CMN nº 4.434/15, cujos rendimentos auferidos nos períodos em 30 de junho de 2021 e de 2020 foram de:

Descrição 30/06/2021 30/06/2020

Rendimentos da Centralização Financeira 199.891,17 296.579,87

5. Operações de Crédito

a) Composição da carteira de crédito por modalidade:

Descrição 30/06/2021 31/12/2020

Circulante Não Circulante Total Circulante Não Circulante Total Empréstimos e Títulos Descontados 17.932.434,57 11.774.816,09 29.707.250,66 13.916.291,79 10.438.323, 17 24.354.614 96 Financiamentos 3.309.343 40 6.296.731,00 9.606.074,40 2.627.656 75 4.907.045,35 7.534.702 10 Totalde Ooeracões de Crédito 21.241.777 97 18.071.547 09 39.313.325.06 16.543.948 54 15.345.368 52 31.889.317 06 -) Provisões cara Operações de Crédito (999.718 63 (1.064.614,22 (2.064.332 85: (747.488 02 (821.654,76 (1.569.142 78

TOTAL 20.242.059 34 17.006.932 87 37.248.992 21 15.796.460 52 14.523.713 76 30.320.174 28

SEDE

R:20 de novembro - 110 Centro Norte - 35.180-020 Timóteo - MG - Tel.: (31) 3848-0500 CNPJ: 19.875.244/0001-46

ê)

www.sicoobcopesita.com.br

PAOl PA02

Av: Acesita - 3908 Av: Geraldo Inácio - 734 Centro Sul - 3S.182-031 Melo Viana - 35.170-150

Timóteo - MG - Tel: (31) 3847-305 Cel Fabriciano - MG - Tel.: (31) 3846ef567 CNPJ: 19.875.244/0002-27 CNPJ: 19.875.244/0003-08

Facebook.com/sicoobcopesita

@)

1 nstagram@sicoobcopesita

(18)

SICOOBCOPESITA

Cooperativa de Crédito

b) Composição por tipo de operação, e classificação por nível de risco de acordo com a ResoluçãoCMNnº 2.682/1999:

Nível / Percentual

Empréstimo/ TD Financiamentos Total em Provisões Total em Provisões

de Risco / Situação 30/06/2021 30/06/2021 31/12/2020 31/12/2020

AA - Normal 608.970 69 O 00 608.970,69 791.928 51

A 0,5% Normal 6.640.178,87 2.194.951 99 8.835.130 86 (44.175,65 8.955.379 31 (44.776,90 B 1% Normal 8.555.758,65 2.673.335,82 11.229.094,47 (112.290,94 9.399.879,74 (93.998,80

B 1% Vencidas 143.492 37 9.085 87 152.57824 (1.525 78 38.443 1( (384,43

e

3% Normal 8.302.070,55 3.087.322,33 11.389.392 88 (341.681,79 8.213.402 85 (246.402 09

e

3% Vencidas 111.216,34 10.951,04 122.167,38 (3.665 02 186.043,3~ (5.581,30

D 10% Normal 3.524.538 43 956.836 67 4.481.375 1 O (448.137 51 2.414.590 8~ (241.459,08

D 10% Vencidas 158.931 26 67.044,30 225.975 56 (22.597,56 186.234 24 (18.623,42

E 30% Normal 548.331 96 508.189 03 1.056.520 99 (316.956 30 596.731,86 (179.019,56

E 30% Vencidas 250.465 63 37.860,10 288.325 73 (86.497 72 120.346,44 (36.103,93

F 50% Normal 94.297,65 15.177 81 109.475 46 (54.737 73 328.575,01 (164.287 51

F 50% Vencidas 255.256 37 0,00 255.256 37 (127.628, 19 152.909,31 (76.45466

G 70% Normal 89.289,52 O 00 89.289,52 (62.502,66 23.619 40 (16.533 58

G 70% Vencidas 70.561,58 22.225 60 92.787 18 (64.951,03 119.053,43 (83.337,40

H 100% Normal 101.650 85 1.553 48 103.204,33 (103.204,33 38.790,02 (38.790 02

H 100% Vencidas 252.239,94 21.540,36 273.780,30 (273.780 30 323.389 61 (323.389 61 Total Normal 28.465.087 17 9.437.367.13 37.902.454 30 (1.483.686 91 30.762.897 60 {1 .025.267 54 Total Vencidos 1.242.163 49 168.707 27 1.410.870 76 1580.645.60 1.126.419 46 1543.874 75 Total Geral 29.707.250 66 9.606.074.40 39.313.325 06 12.064.332.51 31.889.317 06 11.569.142 29

Provisões {1.621.142 141 1443.190 71 (2.064.332 85 (1.569.142 78 Total Liauido 28.086.108.52 9.162.883,69 37.248.992,21 30.320.174,28

c) Composição da carteira de crédito por faixa de vencimento (em dias):

Tino Até90 De91 a 360 Acimade360 Total

Emoréstimos e Títulos Descontados 11.085.907,08 6.846.527,49 11.774.816,09 29.707.250 66

'-inanciamentos 888.995,06 2.420.348,34 6.296.731 00 9.606.074,40

TOTAL 11.974.902,14 9.266.875,83 18.071.547,09 39.313.325 06

d) Composição da carteira de crédito por tipo de produto, cliente e atividade econômica:

Descrieão Emoréstimos/TD Financiamento 30/06/2021 %da Carteira

Setor Privado - Comércio 205.462,58 0,00 205.462 58 1%

Setor Privado - Indústria 2.293.619,35 O 00 2.293.619,35 6%

Setor Privado - Servicos 18.109.289,05 3.381.920,74 21.491.209,79 54%

Pessoa Física 9.109.383 96 5.942.412 32 15.051.796,28 38%

Outros 0,05 398.778 47 398.778 52 1%

TOTAL 29.717.754,99 9.723.111,5~ 39.440.866,52 100%

e) Movimentação da provisão para créditos de liquidação duvidosa de operações de crédito:

Descrição 30/06/2021 31/12/2020

Saldo Inicial 1.569.142,78 1.463.474,50

Constituições/Reversões no período 697.014,90 359.562,55

Transferência para Prejuízo no período Saldo Final

253.894,27 1.569.142,78

SEDE PAOl PA02

R:20de novembro -110 Av: Acesita -3908 Av: Geraldo Inácio ·734 Centro Norte -35.180-020 Centro Sul -35.182-031 Melo Viana·35.170-150

Timóteo. MG - Tel:(31) 3848-0500 Timóteo - MG - Tel:(31) 3847- 057 Cel Fabriciano - MG - Tel:(31) 3846f567 CNPJ:19.875.244/0001-46 CNPJ:19.875.244/0002-27 CNPJ:19.875.244/0003-08

ê;)

www.sicoobcopesita.com.br

O

Facebook.com/sicoobcopesita

@)

lnstagram@sicoobcopesita

Imagem

Referências

temas relacionados :