O SUCESSO DA COMUNICAÇÃO. O caminho natural da VOZ

25 

Texto

(1)

16º CONGRESSO ANEFAC 2014

O Balanço do Sucesso

Vida Profissional e Pessoal

O SUCESSO DA COMUNICAÇÃO

“O caminho natural da VOZ”

Profa. Esp. Anna Paula Sahdi

www.cantossagrados.com.br

annaintegrativos@gmail.com

(2)

COMUNICAÇÃO

Communicare = partilhar, participar

algo, tornar comum

Seres partilham informações entre si

Atividade essencial para vida em

sociedade

Integração, instrução, troca mútua e

desenvolvimento

(3)

A mensagem é

codificada num sistema

de sinais....

...transportada até o

destinatário...

...através de um canal

de comunicação...

Emissor Receptor

-Código - Canal de

comunicação

(4)

COMUNICAÇÃO NAS EMPRESAS

DIFICULDADES

• Sérios problemas na empresa

• Prejuízos financeiros

• Equívocos na execução de tarefas

• Constrangimento pessoal

• Estruturação de ideias ambiguas

• Telefone sem fio

• Prolixidade, redundância

• Imprecisão

(5)

COMUNICAÇÃO NAS EMPRESAS

BENEFÍCIOS

• Clareza, objetividade, precisão

• Conduzir bem uma equipe

• Conduzir bem uma reunião

• Repassar projetos

• Negociar

• Debater

• Expressar-se

• Boa interpretação

• Sucesso

(6)

O mais importante na comunicação é

ouvir o que não foi dito.

(7)

Funções da linguagem

REFERENCIAL, EMOTIVA, CONATIVA, FÁTICA, METALINGUISTICA E

POÉTICA

A mensagem é elaborada de forma

inovadora e imprevista, utilizando

condições sonoras ou rítmicas,

jogos de imagens ou idéias,

manifestação da função poética da

linguagem, é capaz de despertar

no receptor prazer estético e

surpresa.

(8)

V O Z

A voz reflete a condição mental,

emocional e física da pessoa; ela é,

verdadeiramente, a parábola da alma.

(Dewhurst-Maddock, 1999)

A voz depende da percepção auditiva, que está intimamente ligada à escuta, uma faceta a ser trabalhada nos dias de hoje. Pois, não possuímos mais o hábito de simplesmente dar atenção e escutar o outro, a voz e a música, de forma íntegra e plena.

(9)

HEMISFÉRIO ESQUERDO

Sons verbais

Músicos com treinamento

(complexidade análise)

Ritmo do canto Imitação rítmica

Escrita e leitura Musical Adestramento instrumental

HEMISFÉRIO DIREITO

Sons musicais Discriminação sons isolados

(intensidade e timbre) Discriminação frequências musicais (melodias familiares e inéditas) Canto melódico

HEMISFÉRIO ESQUERDO

(10)

integração TÉCNICAS e integração do

SER

(11)

O CAMINHO NATURAL DA VOZ

Engloba: técnica vocal italiana, fonoaudiologia, musicoterapia,

pranayamas, consciência corporal, fisiologia humana, técnicas de

interpretação e relaxamento

Visa a utilização da voz em toda sua plenitude, perfazendo um trajeto natural, sem causar tensão, esforços ou prejuízos ao organismo, suas bases estão na fisiologia da produção vocal

Proporciona a todos, independente de conhecimento musical, idade ou condição física pré-existente a possibilidade de melhorar sua comunicação, cantar e aprimorar seu Ser

Prática salutar, autorreguladora, que promove expansão de consciência e qualidade de vida

(12)

PRODUÇÃO VOCAL

Respiração

Passagem do ar pelas

pregas vocais

Ressonância/Amplificaç

ão

Articulação/Dicção

(13)

RESPIRAÇÃO -PRANAYAMAS

Ciência ocidental = fenômeno fisiológico

Ciência Yogue

=

fisiológico, psicológico, mental e prânico.

(Hermógenes, 1988)

PRANA = energia cósmica, vital, alento Divino,

YAMA = controle

Captar, acumular e distribuir a energia pelo corpo e fixá-la em certos centros =

(14)

Adham

,

Madhyam

e

Adhyam

Deitado, em pé ou sentado

MAHAT PRANAYAMA

Respiração Completa

(15)

Relaxar musculatura que envolve a região Higiene e saúde das pregas vocais

PASSAGEM DO AR PELAS PREGAS VOCAIS

Notas agudas: pregas vocais estiradas Notas graves: pregas vocais mais afrouxadas

(16)

HIGIENE E SAÚDE DAS PREGAS VOCAIS

• Beber água natural constantemente

• Evitar alimentos que engrossem a saliva antes de cantar • Não estar em processo de digestão na hora do canto

• Evitar balas, pastilhas a base de menta, mentol e hortelã • Aquecer e desaquecer a voz, antes e após o canto

• Evitar alimentos muito condimentados, bebidas gaseificadas e excesso de cafeína

• Não fumar ativa ou passivamente

• Não ingerir bebidas alcoólicas antes de cantar

• Evitar ar condicionado, choque térmico - corpo e pregas vocais • Manter uma boa postura, coluna ereta

• Não cometer abusos vocais

(17)

RESSONÂNCIA /AMPLIFICAÇÃO

Controle - tensão e relaxamento

Caminho da coluna de AR Caixa de ressonância inferior:

faringe, traquéia, brônquios e pulmões

Caixa de ressonância superior:

cavidades bucais e cavidades da face Nível anterior e superior de projeção “n”

(18)

Articuladores: lábios, dentes, língua, palato duro, palato mole, mandíbula Articulação – mecânica da palavra e Dicção – estética da palavra

Vocalises

Projeção e Impostação da VOZ

(19)

CLASSIFICAÇÃO VOCAL

TESSITURA – Conjunto de notas em que o cantor emite a voz com total homogeneidade

REGISTRO MÉDIO – Parte central da tessitura da voz

EXTENSÃO – Limite de sons emitidos pela voz

MUDANÇA OU MUDA DA VOZ – geralmente

dos 11 aos 16 anos alteração no tamanho da laringe em todas as dimensões, pelo

crescimento anatômico e alterações

(20)

MASCULINAS

Tenor

Barítono

Baixo

FEMININAS

Soprano

Mezzo soprano

Contralto

Contra tenor

V O Z E S

(21)
(22)

Quem me ensinou a nadar

Quem me ensinou a nadar

Quem me ensinou a nadar Quem me ensinou a na

Foi, foi marinheiro

Foi os peixinhos do mar

Foi, foi marinheiro

Foi os peixinhos do mar

(23)

GU-UNE LANE

Gu-une lane

iiyu weeti

e-ei ka guya he e yi

Nagu jioo yá

wii yu loosse

ii ka guyá hei-yi

(24)

CIO DA TERRA

Debulhar o trigo,

recolher cada bago do trigo

Forjar do trigo o milagre do pão

E se fartar de pão

Decepar a cana,

recolher a garapa da cana

Roubar da cana a doçura do mel

Se lambuzar de mel

Afagar a terra,

conhecer os desejos da terra

Cio da terra propícia estação

De fecundar o chão

(25)

Gratidão,

NAMASTÊ !

Imagem

Referências

temas relacionados :