aspectos legais)

Top PDF aspectos legais):

Aspectos legais da morte

Aspectos legais da morte

Resumo: O presente trabalho pretende esclarecer e realçar os aspectos legais do evento morte para o médico, já que este, por atribuição normativa, e pelas circunstâncias fáticas e práticas, é quem, normalmente, a atesta em documento próprio. São enfocados os efeitos legais e jurídicos da morte, e sua repercussão no mundo do direito, com a importância e correlação que possui com a declaração médica da morte. Ao reavivar os conceitos, pretende-se que o médico esteja cada vez mais consciente do seu ato profissional enfocado no presente trabalho, e que seja, como sempre, diligente e zeloso com esta prática profissional pelas, dentre inúmeras outras coisas, repercussões que dela decorrem.
Mostrar mais

3 Ler mais

ASPECTOS LEGAIS DA AUDITORIA AMBIENTAL

ASPECTOS LEGAIS DA AUDITORIA AMBIENTAL

Foram propostos, no Brasil, dois projetos de lei federal (PL) com o objetivo de sistematizar a auditoria ambiental (AA) em nosso ordenamento jurídico. O PL 3.160/92, primeiro a ser apresentado, acabou arquivado em 02 de fevereiro de 1999 (CÂMARA, 2010a), mesma data em que o PL 3.539/97 teve encerrado seu trâmite (CÂMARA, 2010b), sem a devida conclusão por conta do art. 105, do Regimento Interno da Câmara, que impõe o arquivamento de todas as proposições apreciadas pela Câmara e em tramitação ao fim da legislatura. Ainda assim, cumpre reconhecer os requisitos legais básicos indicados para a AA, segundo análise de Kochen (2003, p. 56-57) do PL 3.160/92: a) obrigatoriedade de auditorias periódicas para atividades potencialmente causadoras de impacto ambiental; b) independência dos auditores; c) credenciamento dos auditores pelo órgão ambiental competente; d) responsabilização da organização auditada, ou de seus técnicos, em relação às não conformidades identificadas; e) periodicidade da verificação de aspectos legais, técnicos e administrativos da organização; f) AA deve seguir procedimento semelhante ao do estudo de impacto ambiental (EIA); g) definição de penalidades, diferenciadas para a empresa e para o auditor, em razão do não tratamento das não conformidades identificadas; h) intervenção estatal para impedir práticas que possam causar dano ao meio ambiente e/ou à saúde da população.
Mostrar mais

17 Ler mais

ASPECTOS LEGAIS E CONTÁBEIS DAS ENTIDADES RELIGIOSAS

ASPECTOS LEGAIS E CONTÁBEIS DAS ENTIDADES RELIGIOSAS

O terceiro setor surgiu devido a incapacidade dos setores público e privado em atender toda a demanda populacional. O mesmo divide-se em tantos, entre essas divisões citam-se as entidades religiosas, alvo desse artigo, o qual tem o objetivo de demonstrar os aspectos legais e contábeis que norteiam tais instituições. Essas organizações têm a função de prestar serviços relacionados à fé, logo seu funcionamento está ligado à devoção de fieis, onde os mesmos colaboram através de doações, para que seu funcionamento ocorra, e para isto necessitam de pessoas capacitadas, sedes, órgãos, e movimentos monetários. Devido esses donativos, requer-se um gerenciamento contábil, onde qual se deve controlar o patrimônio fundamentado em leis e normas. O presente trabalho trata-se de uma pesquisa bibliográfica de origem quantitativa, explicativa e exploratória onde o autor apresenta as organizações filantrópicas, conceituando religião, de forma genérica. Da mesma forma, apresenta dados fornecidos pelos censos do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, onde expõe informações sobre as mesmas no decorrer do tempo, assim como explicar e diferenciar imunidade de isenção tributária demonstrando qual se enquadra nas organizações em estudo, tal como busca-se a necessidade de um desenvolvimento legal e contábil próprio para as instituições religiosas, com o intuito de agregar informações ao ente e desempenhar um papel de apoio organizacional, uma vez que tais se assemelham a qualquer outra entidade, de qualquer setor, afinal possuem movimentos financeiros necessitando, consequentemente, de serviços contábeis específicos, assim como profissionais qualificados e de legislação específica para determinar sua forma de funcionamento.
Mostrar mais

10 Ler mais

ASPECTOS LEGAIS DA COLETA SELETIVA DE LIXO

ASPECTOS LEGAIS DA COLETA SELETIVA DE LIXO

O presente artigo tem como foco o estudo dos aspectos legais que regulam o tratamento dos resíduos sólidos urbanos no Brasil e, particularmente, no município do Rio de Janeiro. O estudo parte do disposto na Carta Magna, promulgada em 1988, buscando analisar o modo pelo qual o Estado brasileiro regula o tema. Verifica-se que a implantação de coleta seletiva é fator primordial para o funcionamento do Programa Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), uma vez que os resíduos gerados devem ser selecionados, reciclados e reintroduzidos na cadeia produtiva, poupando recursos naturais, gerando renda e, consequentemente, desenvolvimento. O estudo do arcabouço legislativo disponível e em vigor no país, estado e município, permite concluir que existe farta regulação do tema e consenso sobre a necessidade de se implantar programas de coleta seletiva.
Mostrar mais

11 Ler mais

Análise dos aspectos legais das prescrições de medicamentos

Análise dos aspectos legais das prescrições de medicamentos

O farmacêutico deverá avaliar os aspectos terapêuticos (farmacêuticos e farmacológicos), adequação ao indivíduo; contra-indicações e interações; aspectos legais, sociais e econômicos (Brasil, 2001a); rubricar a receita aviada para devolver ao paciente (Brasil, 1973; Brasil, 1974). Em havendo necessidade, o farmacêutico deve entrar em contato com o profissional prescritor para esclarecer eventuais problemas que tenha detectado. Quando a dosagem ou posologia dos medicamentos prescritos ultrapassarem os limites farmacológicos, ou a prescrição apresentar incompatibilidade ou interação potencialmente perigosa com demais medicamentos prescritos ou de uso do paciente, o farmacêutico exigirá confirmação expressa do profissional que prescreveu. Na ausência ou negativa da confirmação, o farmacêutico não pode aviar e/ou dispensar os medicamentos prescritos ao paciente, expostos os seus motivos por escrito, com nome legível, nº do CRF e assinatura em duas vias, sendo uma via entregue ao paciente e outra arquivada no estabelecimento farmacêutico com assinatura do paciente, ou pode ser transcrito no verso da prescrição devolvida ao paciente; ou ainda o farmacêutico pode enviar cópia de sua via ao Conselho Regional de Farmácia respectivo para análise e encaminhamento ao Conselho do profissional prescritor (Brasil, 2001a).
Mostrar mais

4 Ler mais

Aspectos legais e normativos da educação brasileira: uma possibilidade para uma narrativa histórica

Aspectos legais e normativos da educação brasileira: uma possibilidade para uma narrativa histórica

O presente comunicado terá por inalidade discutir uma ação compreensiva sobre as possibilidades per- tinentes ao trabalho do Historiador na elaboração de sua narrativa, pertinente a seu oicio, especialmente quando o objeto é parte integrante deste e remete - -se aos aspectos legais e normativos, consorciados ao funcionamento das instituições escolares brasileiras, admitindo-se, ainda, a existência de um processo mais amplo que é a de que:

7 Ler mais

Aspectos legais e éticos na implantodontia

Aspectos legais e éticos na implantodontia

sistemática, expõe que a taxa de sucesso da especialidade varia de 72.4% a 96%, demonstrando assim, que a taxa de insucesso ainda é expressiva; consequências desagradáveis ao profissional clínico e judicialmente podem surgir com o fracasso do tratamento. O implantodontista deve dominar o conhecimento técnico da especialidade bem como os aspectos da ética centrada nas reais necessidades do paciente, assumir a responsabilidade pela saúde individual, e promover um tratamento eficaz e seguro. Existem poucos estudos na literatura que avaliam os aspectos legais, termos de consentimento e considerações éticas. Desta forma, o intuito desta revisão de literatura é abordar o assunto de forma simples, clara e objetiva para o implantodontista.
Mostrar mais

6 Ler mais

aspectos legais e implicações :: Brapci ::

aspectos legais e implicações :: Brapci ::

Nesse âmbito e pelo exposto, compreender os aspectos legais que permeiam a atividade da medicina, especificamente na Telemedicina, sob o viés da arquivologia destaca a magnitude e a responsabilidade social inerentes no trato da informação de tal modo a cobrar do cientista, as suas reflexões, questionamentos e posicionamentos sobre as melhores e mais adequadas práticas para as duas áreas no cenário que ora se apresenta. É com essa abordagem que se propõe este trabalho: descortinar o cenário das práticas arquivistas na Telemedicina. Para tanto, objetivamos analisar a legislação referente a esse tipo de atividade em nosso país, considerando aspectos de preservação sobre a produção audiovisual a partir da prática arquivista. Utilizamos, assim, a pesquisa bibliográfica das áreas da saúde, tecnologia e ciência da informação para adequada familiarização dos termos e conceitos desses saberes. Num segundo momento e de forma sucinta, descrevemos o histórico da Telemedicina no Brasil e, na sequencia, a análise documental da legislação do acervo do Conselho Federal de Medicina que aborda a temática desse trabalho.
Mostrar mais

11 Ler mais

Azeitonas de mesa no Brasil: mercado, tecnologia e aspectos legais.

Azeitonas de mesa no Brasil: mercado, tecnologia e aspectos legais.

Azeitona de mesa é o produto vegetal fermentado de maior importância no mundo ocidental. Apesar de não possuir produção significativa, o Brasil está entre os dez maiores consumidores de azeitona de mesa do mundo. Para o ano safra 2013/2014 (período entre os dias 01 de outubro até 30 de setembro), estima-se que o país seja o segundo maior importador e o nono maior consumidor do fruto. No entanto, as características do fruto e os principais processos de elaboração de azeitonas de mesa são pouco conhecidos no Brasil. Dessa maneira, este trabalho objetiva realizar um levantamento do mercado, as principais tecnologias utilizadas e os aspectos legais associadas à produção de azeitona de mesa.
Mostrar mais

9 Ler mais

Prescrição Off-Label no Brasil e nos EUA: aspectos legais e paradoxos.

Prescrição Off-Label no Brasil e nos EUA: aspectos legais e paradoxos.

De acordo com o observado neste artigo, o fato da vigilância sanitária no Brasil não possuir com- petência legal para intervir diretamente na práti- ca de prescrição off-label de medicamentos e pro- dutos de interesse para a saúde não a impede de usar estratégias para exercer algum tipo de con- trole sobre esta matéria. Como demonstrado acima, as formas de controle utilizadas no Brasil pela Anvisa, a partir de 1999, assemelham-se em vários aspectos às utilizadas pelo FDA nos EUA. As semelhanças residem na necessidade de se con- fiar nos estudos pós-comercialização, na estru- turação de meios de controle sobre a promoção de medicamentos, inclusive para os prescritores, e na necessidade contínua de aperfeiçoar os mé- todos para aprovação de produtos para comer- cialização.
Mostrar mais

8 Ler mais

A apensação de execuções fiscais: aspectos legais: relatório de atividade profissional

A apensação de execuções fiscais: aspectos legais: relatório de atividade profissional

A sentença, proferida em 05-12-2014, aderindo totalmente à posição sustentada pelo magistrado do Ministério Público, veio a julgar totalmente procedente a reclamação do acto do órgão de execução fiscal, determinando a anulação do despacho impugnado e sendo proferida em sentido perfeitamente inverso daquele que foi defendido pelo Mestrando em juízo. Para o efeito, o juiz, invocando o disposto no artigo 124.º do CPPT, o qual consagra que “1 - Na sentença, o tribunal apreciará prioritariamente os vícios que conduzam à declaração de inexistência ou nulidade do acto impugnado e, depois, os vícios arguidos que conduzam à sua anulação. 2. Nos referidos grupos a apreciação dos vícios é feita pela ordem seguinte: a) No primeiro grupo, o dos vícios cuja procedência determine, segundo o prudente critério do julgador, mais estável ou eficaz tutela dos interesses ofendidos. b) No segundo grupo, a indicada pelo impugnante sempre que este estabeleça entre eles uma relação de subsidiariedade e não sejam arguidos outros vícios pelo Ministério Público ou, nos demais casos, a fixada na alínea anterior”, resolveu conhecer, desde logo o vício de falta de fundamentação, pois que o mesmo se poderia colocar numa posição em que não permitisse a apreensão dos pressupostos de facto e de direito que determinaram a sua emissão com um determinado sentido decisório, impedindo, por isso, o tribunal de avaliar da correcção material dos demais pressupostos legais. Neste seguimento, considerou o juiz que:
Mostrar mais

101 Ler mais

FORMAÇÃO DOCENTE EM GEOGRAFIA: aspectos legais e institucionais

FORMAÇÃO DOCENTE EM GEOGRAFIA: aspectos legais e institucionais

Atualmente vivenciamos um período de uma sociedade globalizada e capitalista, que influencia diretamente na vida social, econômica, política e cultural das pessoas, q[r]

15 Ler mais

Gianfranco Pampalon ASPECTOS LEGAIS DAS NORMAS REGULAMENTADORAS

Gianfranco Pampalon ASPECTOS LEGAIS DAS NORMAS REGULAMENTADORAS

Nos trabalhos em telhados é obrigatória a instalação de cabo- guia para fixação do cinto de segurança para perm itir a m ovim entação segura dos trabalhadores. Trabalhador deve ser or[r]

24 Ler mais

Aspectos legais da enfermagem hiperbárica brasileira: por que regulamentar?.

Aspectos legais da enfermagem hiperbárica brasileira: por que regulamentar?.

Essas diretrizes reforçam quem são os profissionais indicados para cuidar dos pacientes - enfermeiros e técnicos de enfermagem- atendendo a Lei do Exercício Profissional que preconiza a [r]

5 Ler mais

Estupro de vulneráveis: condições de ocorrência e suas consequências à luz dos aspectos legais

Estupro de vulneráveis: condições de ocorrência e suas consequências à luz dos aspectos legais

Conforme Lordello e Oliveira (2012), além dos ambientes percebidos, Brofenbrenner focalizou com mais detalhe a pessoa em desenvolvimento, os processos proximais e o tempo, em diferentes contextos, por meio da Teoria PPCT (Processo, Pessoa, Contexto e Tempo). A análise da pessoa envolve suas características biopsicológicas durante seu ciclo de vida, que são determinadas pela herança e aquelas desenvolvidas na interação com o ambiente, sendo compreendidas como produtoras e produtos do desenvolvimento, uma vez que influenciam os resultados dos processos proximais, em termos da disposição, recurso e demanda. As disposições, como forças geradoras ou inibidoras, contribuem para colocar os processos proximais em desenvolvimento, seja sustentando-os ou dificultando seu estabelecimento. Os recursos são aspectos biopsicológicos, que abrangem conhecimentos, experiências, habilidades e capacidades necessárias ao engajamento das pessoas nos processos proximais, em um determinado tempo. As demandas, por sua vez, estimulam ou desencorajam as reações do ambiente social imediato, de forma a manter ou romper as conexões com os processos proximais.
Mostrar mais

104 Ler mais

Compras públicas sustentáveis: aspectos legais, gerenciais e de aplicação

Compras públicas sustentáveis: aspectos legais, gerenciais e de aplicação

Abordaremos traços bibliográficos sobre o tema e o arcabouço normativo, especialmente no que diz respeito a mais recente alteração do Regulamento de Licitações e Cont[r]

17 Ler mais

Áreas verdes em Teresina-PI: aspectos legais, ambientais e de gestão

Áreas verdes em Teresina-PI: aspectos legais, ambientais e de gestão

A análise das circunstâncias já pontuadas influenciam determinadas variáveis que afetam diretamente o processo de privatização: a viabilidade financeira e a viabilidade econômica. A viabilidade financeira está vinculada com a ideia de renda, de algo rentável. Diz-se que o processo de privatização terá viabilidade financeira quando, estimados todos os seus custos e receitas, ainda assim haverá lucro remanescente, capaz de atrair uma empresa privada para operar o negócio. Já a viabilidade econômica é um conceito que analisa quais os benefícios e custos sociais oriundos do projeto. Uma situação que ilustra bem esses aspectos poderia ser a construção de rodovias. Se por um lado as rodovias produzem inúmeros benefícios, permitindo um deslocamento espacial mais eficaz e, por conseguinte, aumentando a interligação das vias através dessa infraestrutura com os meios de produção econômica de uma determinada região, por outro, inevitavelmente gera impactos (custos) no meio ambiente (poluição, ruído e congestionamento) e na população local, uma vez que poderá haver uma majoração do valor dos imóveis no entorno da rodovia, por exemplo.
Mostrar mais

203 Ler mais

Aspectos éticos e legais da assistência religiosa em hospitais psiquiátricos.

Aspectos éticos e legais da assistência religiosa em hospitais psiquiátricos.

A assistência religiosa a pacientes com transtornos psiquiátricos graves internados é um problema pouco discutido entre psiquiatras. Aspectos legais asseguram o direito à assistência religiosa aos pacientes, no entanto alguns aspectos específicos conduzem a reflexão e cautela em determinadas situações. Assim, objetiva- -se com o presente trabalho discutir os aspectos éticos, legais e científicos da assistência religiosa em hospitais psiquiátricos. Serão abordados também alguns comentários sobre os conceitos de autonomia, beneficência e não maleficência, contidos nos princípios bioéticos. Ao final, é apresentada a experiência do Hospital João Evangelista na abordagem de tais casos. Como conclusão, situações de conflito ético e legal podem surgir, pois os pacientes têm direito a receber assistência religiosa, porém podem apresentar manifestações psicopatológicas que poderiam levar a prejuízo de seu quadro clínico diante da abordagem religiosa. A orientação dos familiares e as relações entre hospital, médico, paciente e família são essenciais para a resolução de tais conflitos.
Mostrar mais

5 Ler mais

2. ASPECTOS ÉTICOS, LEGAIS E SUAS INTERFACES SOBRE O MORRER

2. ASPECTOS ÉTICOS, LEGAIS E SUAS INTERFACES SOBRE O MORRER

O presente artigo apresenta uma revisão bibliográfica sobre bioética no final da vida. É um tema polêmico que envolve princípios éticos, morais e legais. Descreve conceitos de eutanásia, distanásia, ortotanásia e mistanásia. Relata o que pode influenciar e o que não deve ser levado em consideração frente a um paciente com o diagnóstico de uma doença terminal em seus últimos momentos de vida. Menciona ainda a reação dos acompanhantes dos pacientes que estão no final da vida e como o médico deve se comportar em situações como esta, respeitando sempre a autonomia do paciente, porém, nunca ultrapassando os limites éticos, morais e legais. O conhecimento do tema é fundamental para a rotina médica diária, principalmente para aqueles que trabalham com pacientes em unidade de terapia intensiva ou para os que lidam diretamente com pacientes terminais.
Mostrar mais

5 Ler mais

Show all 10000 documents...