Automação - Supervisão

Top PDF Automação - Supervisão:

Proposta de arquitetura de supervisão e controle para uma plataforma automatizada (WebLab) orientada à formação e pesquisa em automação e robótica

Proposta de arquitetura de supervisão e controle para uma plataforma automatizada (WebLab) orientada à formação e pesquisa em automação e robótica

Este trabalho propõe uma arquitetura genérica de supervisão e comando para uma plataforma automatizada de experimentação modular com capacidade de utilização remota, concebida para apoiar e complementar os processos de formação e pesquisa em Automação Industrial e Robótica, descrevendo sua concepção, modelagem dinâmica e implementação hardware - software. A integração de tecnologias e dispositivos industriais existentes no mercado (Controladores Lógicos Programáveis - CLP, diversos tipos de sensores e atuadores industriais, processamento de imagens, sistemas supervisórios e dispositivos robóticos de movimentação) em uma única plataforma implementada através de uma arquitetura modular de Sistema Automatizado de Produção Colaborativo (CSAP/ADACOR) permite que alunos e pesquisadores possam interatuar com essas tecnologias realizando atividades de modo a automatizar, supervisar e comandar um processo completo de produção. Uma plataforma desenvolvida utilizando esta arquitetura genérica permite aos estudantes e pesquisadores trabalhar dentro de um ambiente educacional, mas que retrata a maioria dos aspectos encontrados em um Sistema Automatizado de Manufatura real, tais como Integração Tecnológica, Redes de Comunicação, Controle de Processos e Gestão da Produção. Além disso, é possível realizar o controle e supervisão do processo completo que ocorre na plataforma automatizada por meio de uma conexão remota que utiliza a internet – WEBLAB (Laboratório Remoto); possibilitando que usuários e grupos em diferentes lugares possam utilizar a plataforma e compartilhar informação rapidamente. Pode-se destacar também que as características de Modularidade e Flexibilidade da plataforma permitem futuras modificações tanto do software quanto do hardware da mesma.
Mostrar mais

180 Ler mais

Integração e supervisão de múltiplas redes de automação

Integração e supervisão de múltiplas redes de automação

4 ou porque não existiu disponibilidade financeira para aquisição de outros dispositivos específicos. Além disso este trabalho vai ao encontro de um dos objetivos principais da disciplina de Redes de Automação e Supervisão do Mestrado em Engenharia Eletrotécnica que é dotar os alunos de conhecimentos teóricos e práticos em redes de comunicação e sistemas de supervisão utilizados atualmente em Automação Industrial. Deste modo, justifica-se plenamente a realização desta dissertação de Mestrado onde houve a necessidade de efetuar um estudo aprofundado do funcionamento e potencialidades dos equipamentos e criar medidas alternativas para colocar estes equipamentos a comunicar. Considera-se assim que esta dissertação apresenta valor técnico-científico relevante para a obtenção do grau de Mestre em Engenharia Eletrotécnica.
Mostrar mais

161 Ler mais

Desenvolvimento de uma ferramenta para automação e supervisão, baseada na plataforma arduino e controladores lógicos programáveis, para a aplicação em ambientes industriais

Desenvolvimento de uma ferramenta para automação e supervisão, baseada na plataforma arduino e controladores lógicos programáveis, para a aplicação em ambientes industriais

O projeto tem como objetivo desenvolver uma ferramenta simples e de baixo custo que auxilie e dê suporte para sistemas de controle e automação em ambientes industriais. A ferramenta utiliza um sistema supervisório ou SCADA (Supervisory Control and Data Acquisition), que consiste em um sistema que utiliza um software para a coleta, monitoramento e supervisão de dados. Para o projeto do sistema supervisório é utilizado o software Elipse SCADA em sua versão 2.29. Como controladores são utilizados: a plataforma Arduino em sua versão Uno e o controlador lógico programável (CLP) Siemens S7 1214c AC/DC/RLY, amplamente utilizado no setor industrial. Os dispositivos são interligados utilizando drivers específicos, disponibilizados pelos próprios fabricantes. Os testes de comunicação são realizados em vários estágios de acionamento e os resultados obtidos após os ensaios são satisfatórios.
Mostrar mais

66 Ler mais

Automação industrial e a integração dos sistemas digitalizados de proteção, controle e supervisão de subestações de energia elétrica

Automação industrial e a integração dos sistemas digitalizados de proteção, controle e supervisão de subestações de energia elétrica

Um Sistema Digital Integrado consiste em um conjunto de equipamentos de proteção, supervisão e controle, interligados de forma a poder trocar informações com confiabilidade e dentro de tempos aceitáveis. São conectados a uma unidade central de processamento, capaz de compartilhar tais informações aos níveis hierárquicos superiores através de um rede local (LAN). Tal sistema deve oferecer as funções de proteção, as características da automação e controle, e a disponibilidade de todas as informações em um único sistema de supervisão. O objetivo principal dessa integração é utilizar, de forma mais eficiente, os recursos de supervisão, controle, automação e proteção, com melhor desempenho e menores custos e, ao mesmo tempo, disponibilizar o maior número de informações à operação e manutenção dos sistemas elétricos, buscando sempre a eficiência do sistema e ainda possibilitando a otimização de todo o processo.
Mostrar mais

70 Ler mais

Supervisão e controle de temperatura em túneis de resfriamento industriais de pequeno porte utilizando tecnologias de automação open source

Supervisão e controle de temperatura em túneis de resfriamento industriais de pequeno porte utilizando tecnologias de automação open source

A Beaglebone Black foi desenvolvida para atender demandas de automação industrial de pequeno a médio porte, desde os dispositivos de entrada e saída (I/O Devices: Sensores, Drivers de Motores e Gateways) até as IHMs Industriais e CLPs. E pode ser programada em diversas linguagens de programação, como por exemplo: C, C++, Java (Qt Jambi), Python (PyQt, PySide, PythonQt), Ruby (QtRuby).

66 Ler mais

Automação e supervisão de uma planta didática industrial utilizando um sistema open-source

Automação e supervisão de uma planta didática industrial utilizando um sistema open-source

• Desenvolver uma tela de supervis˜ao da troca de ´agua entre os reservat´orios da planta did´atica industrial utilizando o software ScadaBR.;.. • Desenvolver uma tela de implementac¸˜ao[r]

69 Ler mais

Sistema de automação e supervisão de um Sistema Anti-Heeling para navios de carga.

Sistema de automação e supervisão de um Sistema Anti-Heeling para navios de carga.

44 Uma tag é um nome lógico para uma variável em um PLC ou na memória local. Por exemplo, uma tag pode representar uma variável de um processo em um CLP. O valor de uma tag, quando requerido, é atualizado do CLP no qual o sistema de supervisão está conectado e armazenado na memória do computador (value table). Sendo assim, o valor desta tag é imediatamente acessível por todas as partes do RSView32. Por exemplo, displays gráficos utilizam os valores das tags para controlar animações. Na tag database são definidas as informações/variáveis que se deseja monitorar. Cada entrada na base de dados é chamada de tag.
Mostrar mais

99 Ler mais

Desenvolvimento de um Sistema de Automação e Supervisão de Máquinas Dispensadoras Através da Internet

Desenvolvimento de um Sistema de Automação e Supervisão de Máquinas Dispensadoras Através da Internet

O novo modelo, orientado pelo professor José Aniceto Duarte Costa, está sendo feito pelos estudantes Harlan Ellison, Victor Peixoto, Felipe Henrique e Iogo Teixeira, do curso de automação industrial, e Fernanda Nicolai, de design de interiores. Há nove meses a equipe vem trabalhando na máquina, que funciona de modo semelhante à de distribuição de refrigerante com ficha ou moeda. Na máquina do IFPB, o usuário, que seria um aluno cadastrado, digita a matrícula e senha para ter acesso a um preservativo masculino.

78 Ler mais

Desenvolvimento da automação, controle e supervisão de um sistema de ensaios de vazão e temperatura com tanques em desnível

Desenvolvimento da automação, controle e supervisão de um sistema de ensaios de vazão e temperatura com tanques em desnível

Desta forma, o desenvolvimento da planta did´atica industrial auxiliar´a nos estudos focados para ´areas fabris, gerando resultados que s˜ao encontrados em empresas que utilizam vari´ave[r]

72 Ler mais

Automação Industrial

Automação Industrial

Um sistema de Supervisão e Aquisição de Dados (SCADA), é um software capaz de monitorar e controlar processos por meio de drives, servidores, módulos de entrada e saída ou Controladores Lógicos Programáveis (CLPs). Eles podem controlar parte ou todo o processo industrial.

30 Ler mais

Prática, reflexão e supervisão

Prática, reflexão e supervisão

Quando questionados sobre a grelha de avaliação individual que é preenchida pelos orientadores cooperantes e posteriormente discutida com a equipa e entregue aos alunos no final de cada semestre, 91 os alunos afirmaram concordar com os itens e que os mesmos eram importantes; e 64 que podem compreender melhor a forma como são avaliados. Sobre as reuniões que são realizadas após as atividades/aulas lecionadas por eles, com os colegas, os educadores/professores cooperantes e a equipa de supervisão, 173 alunos responderam da seguinte forma: muito válidas (24); uma excelente oportunidade para refletirmos sobre o que se passou (38); fulcrais (28); construtivas (48); pertinentes(26); e muito importantes(78). Em virtude da prática pedagógica envolver diversos agentes educativos, a saber, (colegas de estágio e de outros anos, educadores/professores cooperantes, professores da ESEJDEUS e da equipa de supervisão) solicitámos que indicassem quem mais tinha contribuído para o seu desenvolvimento pessoal e profissional, recorrendo a uma escala tipo Likert (1 a 5, em que o 1 era o mais importante) conforme se pode ver na figura 1.
Mostrar mais

24 Ler mais

Relatório de supervisão pedagógica

Relatório de supervisão pedagógica

As práticas de supervisão, na sua conceção tradicional, surgem associadas à orientação de estágio, como processo de aquisição de competências para um desempenho profissional qualificado, segundo Alarcão (2000). “A supervisão é o processo em que o professor, em princípio, mais experiente e mais informado, orienta um outro professor ou candidato a professor no seu desenvolvimento humano e profissional” (Alarcão e Tavares, 2003:16). Tendo por base o processo de Supervisão Pedagógica, o objeto do nosso estudo centra-se no Estágio Pedagógico, mais concretamente num relatório e numa análise detalhada, de como se processa a atuação como supervisora de um Núcleo de Estágio, na Escola Secundária de S. Pedro. Este processo te como base de apoio um documentos imanado da UTAD, o documento “Uniformização de Critérios do Estágio Pedagógico” e o livro da série Didática “Supervisão Pedagógica em Educação Física e Desporto - Parâmetros e Critérios de Avaliação do Estagiário de Educação física”, que têm como finalidade informar todos os intervenientes no estágio em Educação física de Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro sobre as tarefas e funções que cada um deles terá de desempenhar ao longo do ano letivo.
Mostrar mais

41 Ler mais

A supervisão de estágio e a extensão universitária na UNILA: o processo de supervisão em questão

A supervisão de estágio e a extensão universitária na UNILA: o processo de supervisão em questão

Palavras-chave: Extensão Universitária; Supervisão de Estágio; Formação Profissional. Abstract: The present work seeks to foment a necessary debate about university extension and the internship supervision process. For this, part of two extension projects in execution in the UNILA Social Service course. These projects reflect on the possible relationship between traineeship supervision and training of field supervisors through a training course and workshops and thematic forums. The present work is based on the action-research method and concludes that the understanding of the supervision of internship needs to be better fostered in our professional category through diverse strategies.
Mostrar mais

14 Ler mais

Relatório de supervisão pedagógica

Relatório de supervisão pedagógica

O Despacho nº 13981/2012 determina que a avaliação externa do desempenho docente centra-se na dimensão científica e pedagógica e realiza-se através da observação de aulas. Este despacho estabelece os parâmetros nacionais para a avaliação externa na dimensão citada. O processo passa a ser liderado pelo centro de formação contínua que coordena e informa sobre as fases da avaliação de desempenho docente. Assim, o centro de formação contínua despoletou os procedimentos referentes ao recenseamento dos docentes que reúnem requisitos para integração na bolsa de avaliadores externos. Fazem parte integrante e obrigatória da referida bolsa de avaliadores, todos os docentes que reúnam cumulativamente os seguintes requisitos: a) Estar integrado no 4.º escalão ou superior da carreira docente; b) Ser titular do grau de doutor ou mestre em avaliação do desempenho docente ou supervisão pedagógica ou deter formação especializada naquelas áreas ou possuir experiência profissional no exercício de funções de supervisão pedagógica que integrem observação de aulas.
Mostrar mais

62 Ler mais

Automação de voo

Automação de voo

O principal motivo para a indicação da aplicação da tecnologia de automação completa a bordo de uma aeronave, tem como prioridade melhorar a segurança e operação dos equipamentos aéreos. É visto e compreendido, que uma máquina previamente programada para operar dentro de padrões específicos é capaz de realizar operações e manobras de forma mais precisa e eficiente do que um operador que realiza de forma manual e intuitiva. O computador possui um sistema matemático exato, que correlaciona milhões de dados em pequenas frações de segundos, tais dados são processados e por meio deles o computador seleciona a melhor decisão e ação a ser tomada.
Mostrar mais

40 Ler mais

Automação de investimentos

Automação de investimentos

A gestão passiva, por outro lado, defende que existem maiores vantagens através de uma redução dos custos de investimento do que tentando superar a média de mercado. O portfólio de um investidor passivo é composto de tal forma que cada ativo é representado na mesma proporção que o mercado correspondente (SHARPE, 1991). Na prática, o investidor passivo irá investir em veículos que replicam índices diversificados como os ETF´s e segurar estas posições a longo prazo, o que é exatamente o que o modelo de automação de investimentos se propõem a fazer. Na média, a estrutura de custos na gestão ativa envolve uma taxa de administração cobrada pelos fundos de 2,00% a.a. acrescida de uma taxa de performance de 20,00% sobre o índice de referência em questão, os custos de transação também são incorporados pelo fundo afetando sua rentabilidade, sendo que a intensidade deste custo dependerá da frequência do giro da carteira. Em contrapartida, os ETF’s aqui no Brasil possuem um custo médio de taxa de de 0,40%a.a., ainda distante dos EUA, aonde os custos giram em torno de 0,03%a.a., mas significativamente mais baratos do que os propostos pela gestão ativa. Naturalmente, não há custo de performance e o giro da carteira tende a ser menor, reduzindo os custos transacionais.
Mostrar mais

122 Ler mais

13- Automação

13- Automação

ARQUITETURA ARQUITETURA DO SCOA DO SCOA RMSP RMSP Lps, frame-relay ou linhas discadas Segmento de rede 1 Dualizado Segmento de rede 2 Estação de engenharia 1 Estação de engenharia n U[r]

37 Ler mais

Legislação e Automação

Legislação e Automação

As leis que reduzem o número dos dados na aplicação geral da le Sislação são as que melhor se adaptam às necessidades de uma uti izaçao racional da automação. Cogita-se, como exemplo, da utilidade de uma lei introduzindo um número nacional de identidade para cada indivíduo. Todas as Vezes que se deve tratar das questões individuais (por exemplo, direito fiscal, impostos, pensões e tc .) é preciso indicar e memorizar o nome, prenome, o local e data do nascimento, o endereço, o estado civil e tc ., da pessoa inte­ ressada. A utilização uniforme do número nacional de identidade sim plificaria 9randemente as coisas, admitindo-se, no caso, que bastaria interrogar o ÇOin- Putador que forneceria, de imediato, os dados armazenados na sua memória.
Mostrar mais

18 Ler mais

A Supervisão no campo educativo

A Supervisão no campo educativo

Licenciada em Letras, mestre em Currículo e Instrução e doutorada em Educação, professora catedrática aposentada da Universidade de Aveiro, Portugal, onde exerceu os cargos de Vice-reitora e Reitora. Integra o CIDTFF, desde a fundação. É membro da SPCE e do CIDInE. Autora de vários livros e artigos, conferencista frequentemente convidada, é conhecido o seu pensamento sobre o papel das Didáticas Específicas na formação de professores bem como o da Supervisão no desenvolvimento profissional dos professores e das escolas, numa perspetiva reflexiva. First degree in Languages, Master in Curriculum and Instruction, doctor in Education, full professor of Education (now retired) at the University of Aveiro, Portugal, where she was Vice-Rector and Rector. She is member of CIDTFF since its creation. Also member of SPCE and CIDInE. Author of several books and articles, frequently invited speaker, her thought on the role of Specific Didactics on teacher education is well known. Another research interest focuses on the role of Supervision on the professional and institutional development based on a reflexive perspective. Isabel Alarcão possède une licence en Lettres, une maîtrise en Curriculum et Instruction et un doctorat en Éducation, elle est professeure universitaire à la retraite à l’Université d’Aveiro, Portugal, où elle a occupé les postes de vice-rectrice et de rectrice. Elle fait partie du CIDTFF, depuis sa fondation. Elle est membre de la SPCE et du CIDInE. Auteure de plusieurs ouvrages et articles, elle est fréquemment invitée à titre de conférencière. Ses réflexions concernant le rôle de la didactique spécifique dans la formation des enseignants et de la supervision du développement professionnel des enseignants et des écoles sont bien connues, dans une perspective réflexive.
Mostrar mais

120 Ler mais

Plataforma de Supervisão de Percursos

Plataforma de Supervisão de Percursos

Este ap´ os fazer a consulta ` a base de dados e carregar toda a informa¸ c˜ ao necess´ aria para o preenchimento da tabela envia-a para o Portal de Gest˜ ao onde a interface do servidor[r]

46 Ler mais

Show all 1990 documents...