Avaliação técnica

Top PDF Avaliação técnica:

Avaliação técnica de um transportador pneumático de grãos por aspiração.

Avaliação técnica de um transportador pneumático de grãos por aspiração.

Este trabalho apresenta os resultados da avaliação técnica do protótipo do transportador pneumático de grãos por aspiração ASP 200. O equipamento foi construído para uso em instalações armazenadoras agrícolas, na limpeza de pés de elevadores, moegas e renovação do ar em galerias de silos. Os testes avaliaram características mecânicas do equipamento, descargas de material e ar, perdas de carga, vedação do equipamento, eficiência dos captores e o diâmetro das mangueiras. Os resultados subsidiaram diversas recomendações para melhoria no projeto do equipamento, que aumentarão a sua eficiência operacional. Embora o transporte pneumático seja considerado uma ciência experimental, os autores notaram a falta de procedimentos, parâmetros e orientações para testes e comparações na literatura, que são fundamentais para o desenvolvimento do projeto desses transportadores.
Mostrar mais

4 Ler mais

Avaliação técnica de um sistema de pesagem no carregamento florestal.

Avaliação técnica de um sistema de pesagem no carregamento florestal.

c) Pesagem no Ponto Alto: registro do peso da carga ao final do ciclo operacional, com a garra suspensa a 1 m acima da plataforma de carga do veículo de transporte, estabelecendo-se uma pausa de aproximadamente 5 seg para estabilização do equipamento. A avaliação foi realizada com um operador de carregador florestal experiente na função e treinado na operação com o Sistema de Pesagem. Foram coletados dados de 30 veículos de transporte nos procedimentos baixo, médio e alto, determinando-se o tempo médio do ciclo operacional de carregamento por meio de estudo de tempos e movimentos. Simultaneamente, foi determinado o erro médio de pesagem, obtido pela diferença de peso entre o Sistema de Pesagem e a fábrica. 2.5. Coleta de Dados
Mostrar mais

7 Ler mais

Avaliação técnica e econômica do Harvester na colheita do eucalipto

Avaliação técnica e econômica do Harvester na colheita do eucalipto

Dispondo do conhecimento sobre a melhor condição de aplicação da máquina e, ou, equipamento na colheita da madeira, a empresa pode refinar seu planejamento operacional e dimensionar recursos suficientes para realizar esta com a melhor técnica e menor custo, seguramente aumentando sua competitividade no setor e seguramente prolongando a vida útil de suas máquinas. Dessa forma, o efeito de cada uma das variáveis presentes na floresta que afetam o desempenho do “Harvester”, bem como a interação entre elas, deve ser conhecido e dimensionado através de ferramentas matemáticas que permitam uma previsão antecipada do resultado da colheita de madeira com “Harvester” em determinada situação florestal.
Mostrar mais

79 Ler mais

Avaliação técnica e econômica do corte de Pinus com harvester

Avaliação técnica e econômica do corte de Pinus com harvester

A explor ação com er cial de florest as plant adas com o obj et iv o básico de pr odução de m adeir a e seus der ivados t or nou- se um a at ividade de gr ande im por t ância social e[r]

61 Ler mais

Avaliação técnica de um aspersor canhão do tipo turbina.

Avaliação técnica de um aspersor canhão do tipo turbina.

Nos tempos de elevada competitividade entre os fabricantes nacionais, incrementada pela concorrência externa, deflagrada pela globalização da economia e abertura do mercado às importações, acentua-se a ne- cessidade de uma melhoria na qualidade dos produtos nacionais, a qual tem, na avaliação dos produtos, um subsídio de extrema valia (KELLER e BLIESNER, 1990; BERNARDO, 1995). A aplicação de testes se- gundo as normas padronizadas torna-se, cada vez mais, uma necessidade de sobrevivência no mercado.

10 Ler mais

Avaliação técnica de tubos emissores para irrigação localizada

Avaliação técnica de tubos emissores para irrigação localizada

a) Os coeficientes de variação de fabricação para todos os tubos emissores avaliados foram abaixo de 0,07, permitido pela norma ISO 9261:2004. b) Os tubos emissores não autocompensantes[r]

78 Ler mais

Descrição técnica e avaliação anatômica da craniotomia minipterional

Descrição técnica e avaliação anatômica da craniotomia minipterional

Os resultados da investigação qualitativa através do sistema de neuronavegação confirmaram os da avaliação quantitativa. Não houve diferenças nos limites de exposição cirúrgica entre as duas técnicas, mesmo considerando-se os alvos anatômicos contralaterais. Entretanto, houve discrepância no limite da exposição cirúrgica na cisterna sylviana ipsilateral, um resultado previsível, uma vez que a técnica pterional clássica propiciou dissecação mais distal da fissura sylviana. Destarte, ramos mais distais da artéria cerebral média foram expostos, estendendo-se o limite lateral da exposição cirúrgica, o que, no entanto, não se traduziu em maior exposição das cisternas basais.
Mostrar mais

64 Ler mais

Avaliação da técnica projetiva de Rorschach em portadores do HIV.

Avaliação da técnica projetiva de Rorschach em portadores do HIV.

O medo de morrer, a sensação de abandono e a angústia ligada à definição da própria identidade são destacados, tanto através da técnica projetiva quanto nos relatos dos sujeitos. A importância de construir meios eficazes de intervenção a fim de minimizar tais perdas é mais uma vez verificada. Vários estudos sobre intervenções de suporte à pes- soas com aids, confirmaram que a existência de re- des de atendimento que minimizem as perdas sofri- das em decorrência da doença, auxilia o desenvolvi- mento do melhor equilíbrio emocional e melhor res- posta ao tratamento. (Figueiredo, M. A.C.; Costa, J. C.; Coelho,W.F.; Trindade, E. & Siqueira, M. R. 1999; Jue, 1994; Nord, 1997; Rabkin J. G.; Kemien, R.; Katoff, L. & Willians, J. B. W., 1993).
Mostrar mais

11 Ler mais

AVALIAÇÃO DA QUALIDADE TÉCNICA E INTERPRETATIVA DA RADIOGRAFIA PANORÂMICA

AVALIAÇÃO DA QUALIDADE TÉCNICA E INTERPRETATIVA DA RADIOGRAFIA PANORÂMICA

a) pacientes A frente: se a cabeça do paciente estiver muito A frente no descanso do queixo, sera encontrada uma imagem estreitada e borrada dos dentes anteriores e das estruturas [r]

32 Ler mais

Avaliação da técnica de coloração AgNOR em testículos de ovinos.

Avaliação da técnica de coloração AgNOR em testículos de ovinos.

A coloração pela prata das regiões organizadoras de nucléolos (NORs) é caracterizada por marcar proteínas ligadas ao ácido ribonucleico ribossômico, avaliando a proliferação em células normais ou neoplásicas. Objetivou-se estudar, em testículos de ovinos obtidos em matadouro, a validade do uso da técnica de coloração pela prata (AgNOR) na identificação das regiões organizadoras de nucléolo (NORs) em células saudáveis da linhagem espermatogênica. Utilizaram-se 43 pares de testículos de ovinos mestiços entre seis e 10 meses de idade. Testes de Wilcoxon e Spearman foram empregados, com nível de 5%. As médias das NORs nas células das gônadas direita e esquerda foram, respectivamente: espermatogônia (8,77±1,14 e 9,04±0,96), espermatócitos (4,99±2,00 e 6,20±2,07; P<0,05), Leydig (8,05±2,82 e 7,89±2,29) e Sertoli (8,07±1,88 e 7,61±2,16; P<0,05). Houve correlação (P<0,05) entre os lados para o número de NORs: espermatócitos x Leydig (0,49); espermatócitos x Sertoli (0,49) e Leydig x Sertoli (0,96). Conclui-se ser válido o emprego da técnica AgNOR para avaliar o potencial proliferativo das células saudáveis em testículos de ovinos com prática execução e baixo custo.
Mostrar mais

8 Ler mais

Avaliação da eficiência técnica dos hospitais da Rede São Camilo

Avaliação da eficiência técnica dos hospitais da Rede São Camilo

A região Sudeste do Brasil conta com oito hospitais da SBSC, dos quais sete estão de fato nesta região e um está localizado no Estado de Goiás. Os resultados apontam que os hospitais estão sobre a fronteira de eficiência técnica nos anos de 2006 e 2008; ou seja, nestes anos, todos os oito hospitais são eficientes; entretanto, em 2007, o Hospital São Vicente de Paulo, em Itabirito, Minas Gerais, denominado como (HT) localizado aquém da fronteira de eficiência técnica, cabe destacar que a unidade, ao analisar a amostra plena (Brasil), foi considerada ineficiente em 2007 e assim permaneceu em 2008. Além disso, para esta amostra reduzida (região Sudeste), o Hospital São Vicente de Paulo (HT) tem como benchmark os hospitais São Marcos (HS), Monsenhor Horta (HY), São Camilo (HQ) e Casa de Caridade S. V. P. (HK).
Mostrar mais

61 Ler mais

Avaliação da eficiência técnica das escolas municipais de Fortaleza

Avaliação da eficiência técnica das escolas municipais de Fortaleza

O presente trabalho busca avaliar a eficiência técnica das escolas municipais de Fortaleza, envolvendo alunos do ensino fundamental de 6ª a 9ª série, empregando dados de 2007. Para isso, utilizou-se da metodologia de Análise Envoltória de Dados (DEA), cujos modelos são adequados para esse tipo de avaliação, uma vez que possibilita incorporar na análise a interação entre os insumos e os produtos, para obter resultados voltados para mensurar as eficiências e ineficiências técnicas das escolas. Ao final, constatou-se que das 31 escolas utilizadas na amostra, dez estão sobre a fronteira de eficiência técnica. Em relação às escolas ineficientes (isto é, as que estão abaixo da fronteira de eficiente técnica relativa), foi elaborado enquanto as demais e que todas as escolas podem alcançar a produtividade máxima observada independentemente do seu porte.
Mostrar mais

39 Ler mais

Viabilização da técnica de transiluminação para avaliação da anatomia, alterações...

Viabilização da técnica de transiluminação para avaliação da anatomia, alterações...

A proposta desse trabalho é demonstrar a viabilidade da técnica de transiluminação com a captação de imagens digitais através de uma pastilha de resina com pinos metálicos posicionados sobre sua superfície e imagens geradas a partir de elementos dentais, também, foram realizados processamentos matemáticos com base na transformada rápida de Fourier. Para a geração das imagens foram utilizadas fontes de laser e led com comprimentos de onda que vão do visível ao infravermelho. A análise das imagens mostrou que imagens formadas com led foram superiores as imagens formadas com laser e a cor azul não apresentou contraste suficiente independente da fonte de iluminação. Os resultados mostraram que o uso de Lasers não obteve sucesso devido à difração da luz pelos pinos e à interferência entre as radiações laser, o que provocou imagens com baixa resolução. No entanto, usando a fonte de led, foi possível definir a morfologia dos pinos na resina. Como conclusão verificou-se que os efeitos ópticos de absorção e espalhamento da luz pela resina e pelo dente, a difração da luz pelos pinos e a interferência da luz coerente foram os fatores de maior influência para a análise das imagens.
Mostrar mais

173 Ler mais

Parâmetros da Câmara Anterior: Estudo Comparativo das Várias Técnicas de Medida

Parâmetros da Câmara Anterior: Estudo Comparativo das Várias Técnicas de Medida

Como foi explicado anteriormente, um dos parâmetros que se pode avaliar na câmara anterior é a sua profundidade. Mas existem outros parâmetros, tal como o ângulo iridocorneano. O ângulo iridocorneano é o ângulo formado entre o corpo ciliar e a córnea ao longo do eixo do diâmetro da córnea. O ângulo iridocorneano, para manter a pressão ocular constante, tem a importância de drenar o humor aquoso através da região trabecular para o canal de Schlemm. Quando o humor aquoso não é drenado corretamente a pressão intraocular aumenta. Este fator de risco está relacionado com o glaucoma, onde existem danos no nervo óptico que podem levar à perda parcial ou total da visão, sendo este uma das principais causas de cegueira do mundo. (7, 8) Em indivíduos saudáveis é habitual encontrarem-se ângulos iridocorneanos abertos (maiores que 35º), através da técnica de imagiologia de Scheimpflug, e ângulos um pouco menores com a técnica de gonioscopia. A técnica de Van Herick tende a apresentar uma largura do ângulo maior. Em idades mais avançadas o ângulo torna-se menor. (8, 9, 10) Em situações comuns de prática clínica é usual, sobretudo durante o processo de adaptação de lentes de contacto, utilizar-se técnicas de biomicroscopia para se estimar a profundidade da câmara anterior e verificar-se o ângulo iridocorneano. Atualmente, além dos métodos mais tradicionais existem outras abordagens biométricas da câmara anterior onde se destaca a técnica de imagiologia por Scheimpflug, a técnica de biometria por laser e a técnica por tomografia de coerência óptica. (8, 9) Todas estas técnicas são sem contacto para o indivíduo. A técnica por biomicroscopia é utilizada num biomicroscópio para a realização da medida do ângulo iridocorneano através do método de Van Herick e para a realização da medida da profundidade da câmara anterior através do método de Smith. (11)
Mostrar mais

55 Ler mais

Avaliação da trajetória dos parafusos bicorticais pela técnica de harms e melcher em relação à artéria carótida interna: estudo experimental em cadáveres.

Avaliação da trajetória dos parafusos bicorticais pela técnica de harms e melcher em relação à artéria carótida interna: estudo experimental em cadáveres.

Objetivo: O objetivo deste trabalho é estudar, em peças anatômicas; a relação entre os parafusos bicorticais pela técnica de Harms e Melcher e a artéria carótida interna. Métodos: Nossa amostra consiste em cinco cadáveres. Resultados: Os resultados encontrados foram: a média da menor distância entre o orifício de saída do parafuso e a borda medial da artéria carótida interna direita foi de 11,55 mm (com variação de 10,05 a 14,23 mm), enquanto do lado esquerdo a média foi de 7,50 mm (variando de 2,75 a 12,42 mm). A média da menor distância entre a borda posterior da artéria carótida interna e a cortical anterior da massa lateral de C1 à direita foi de 4,24 mm (variando de 2,08 a 7,48 mm), enquanto do lado esquerdo a média obtida foi de 2,98 mm (com variação de 1,83 a 3,83 mm). Conclu- são: Os resultados encontrados estão de acordo com os estudos similares existentes na literatura que enfatizam a necessidade de uma avaliação imaginológica criteriosa da posição anatômica da artéria carótida interna antes da utilização de parafusos bicorticais na massa lateral de C1 por via posterior.
Mostrar mais

4 Ler mais

Síntese de nanomarcadores luminescentes contendo íons terras raras para aplicação...

Síntese de nanomarcadores luminescentes contendo íons terras raras para aplicação...

Novamente se nota um deslocamento de intensidade centralizado em 250 nm para 100 nm, e uma leve diminuição da dispersão de tamanhos, observado por um afinamento das curvas na presença de glutaraldeído. Uma diminuição de intensidade nessa região também é bem nítida. Além disso, a população de partículas em 10 nm aumenta de forma mais acentuada, o que pode indicar um processo de desagregação de aglomerados conforme já discutido. É possível verificar também que na concentração máxima de glutaraldeído, partículas maiores são observadas, tal fenômeno pode ser FIG. 5.51: Distribuição granulométrica obtida pela técnica de Espectroscopia de Correlação de Fótons (PCS) para as nanopartículas de PHB + complexo Tb(acac) 3 (H 2 O) 3 funcionalizadas com Glutaraldeído.
Mostrar mais

157 Ler mais

Avaliação prospectiva das atividades fagocitária e quimiotática de neutrófilos humanos quando submetidos ao plasma de pacientes sépticos

Avaliação prospectiva das atividades fagocitária e quimiotática de neutrófilos humanos quando submetidos ao plasma de pacientes sépticos

A despeito do evidente aumento das taxas de incidência de sepse e dos avanços científicos e técnicos inegáveis da medicina, a mortalidade associada a essa condição não tem reduzido de maneira satisfatória e ainda atinge índices inaceitáveis (FRIEDMAN; SILVA; VINCENT, 1998; MARTIN et al., U003). Tal afirmação é comprovada pela análise desenvolvida a partir da avaliação de todos os estudos científicos que contemplaram os índices de mortalidade secundária ao choque séptico desde 1958 a 1997. Os autores observaram que a mortalidade geral associada a esta entidade nos diferentes estudos foi de 49,7% e que as taxas, apesar de terem decrescido ao longo do período analisado, não o fizeram da maneira esperada, já que a compreensão acerca da patogênese da sepse e os recursos terapêuticos e diagnósticos disponíveis evoluíram significativamente ao longo dos anos. Curioso notar que uma das prováveis justificativas que poderia mascarar os efeitos dos progressos científicos nas taxas de mortalidade associadas à sepse diz respeito justamente às modificações do perfil demográfico dos pacientes sujeitos a essa condição: os avanços nas cirurgias de transplante de órgãos e nas cirurgias cardíacas de alto risco, a disseminação de terapias imunossupressoras e a melhoria da assistência aos pacientes idosos ou portadores de múltiplas patologias tem determinado um acréscimo substancial da população sujeita às instâncias mais graves da sepse que, no passado, não sobreviveriam às suas condições clínicas de base (FRIEDMAN; SILVA; VINCENT, 1998).
Mostrar mais

75 Ler mais

Avaliação da aprendizagem: uma experiência do uso do portfólio em uma disciplina do curso de Ciências Contábeis

Avaliação da aprendizagem: uma experiência do uso do portfólio em uma disciplina do curso de Ciências Contábeis

Esta técnica leva em consideração a utilização da construção de um trabalho contínuo confeccionado por cada aluno. Portanto, para complementar as informações obtidas durante a própria pesquisa, foi respondido um questionário pelos 17 alunos no momento da entrega dos seus respectivos portfólios e que antecedeu a discussão a respeito do método de avaliação de aprendizagem. Ressalta-se que dessa população, nem todos explicitaram suas opiniões no questionário aberto, portanto, para fins de análise, levaram-se em consideração apenas as respostas dadas pelos alunos que fizeram comentários em cada pergunta formulada.
Mostrar mais

15 Ler mais

Avaliação das mecânicas ortodônticas na técnica do Benefício Antecipado

Avaliação das mecânicas ortodônticas na técnica do Benefício Antecipado

Com o objetivo de avaliar as alterações na saúde bucal relacionada à qualidade de vida e satisfação do paciente submetido à “Surgery First” e à técnica convencional, Huang, S.; Chen, W; Ni, Z. e Zhou, Y., aplicaram dois questionários para cinquenta pacientes chineses ortognáticos: um para avaliação de sua satisfação e o OHIP-14 para avaliação da qualidade de vida do paciente. Como resultado, a qualidade de vida melhorou significativamente quando terminou o tratamento e as quantidades de mudança não apresentaram diferença significativa em 1, 6, 12 meses após a cirurgia ortognática entre os dois grupos. No entanto, no grupo da abordagem cirúrgica convencional, a qualidade de vida piorou antes da cirurgia ortognática, enquanto que no grupo da abordagem “Surgery First”, a qualidade de vida foi imediatamente melhorada, o que levou a uma melhor satisfação. Em seus estudos, Feu, D. et al. e Pelo, S. et al., também avaliaram a qualidade de vida dos participantes de suas pesquisas submetidos à cirurgia ortognática convencional e “Surgery First”, através do Questionário de Qualidade de Vida Ortognática (OQLQ-22) e o Questionário de Impacto da Saúde Oral no Perfil (OHIP-14), concluindo, em concordância com Huang, que os pacientes que não fizeram tratamento ortodôntico prévio à cirurgia tiveram melhores escores de qualidade de vida nos dois primeiros anos em comparação aos pacientes que se submeteram à técnica convencional, que nesses dois anos iniciais tiveram sua estética piorada devido ao tratamento ortodôntico prévio, o qual piorou a má oclusão [44,45,46].
Mostrar mais

74 Ler mais

Eletrocardiografia contínua (Holter) em cães saudáveis submetidos a diferentes exercícios físicos.

Eletrocardiografia contínua (Holter) em cães saudáveis submetidos a diferentes exercícios físicos.

Pelo presente estudo, conclui-se que: a- a eletrocardiografia contínua (Holter) constitui uma técnica viável para a avaliação da frequência cardíaca e do ritmo cardíaco em cães clinicamente sadios submetidos a diferentes cargas de exercício físico; b- a prática das atividades físicas propostas predispõe à maior ocorrência de arritmias cardíacas e de pausas durante o período de sono, induz ao sono mais rapidamente, além de aumentar o período de sono total; c- a prática de exercícios físicos inadvertidamente pode predispor a arritmias importantes. Nesse âmbito, mais estudos devem ser realizados, a fim de se obter um melhor esclarecimento desses efeitos.
Mostrar mais

10 Ler mais

Show all 10000 documents...