Contrastes a base de gadolínio

Top PDF Contrastes a base de gadolínio:

Contaminantes metálicos em contrastes a base de quelatos de gadolínio e reações de transmetalação

Contaminantes metálicos em contrastes a base de quelatos de gadolínio e reações de transmetalação

O gadolínio (Gd) é a base do meio de contraste mais utilizado em ressonância magnética (RM). Por se tratar de um íon metálico muito tóxico, todos os meios de contraste com Gd possuem agentes quelantes em sua composição. As formulações de Gd estão comercialmente disponíveis em concentrações de 0,5 e 1 mol L -1 , sendo estas, quase exclusivamente, excretadas por via renal, sem produzir efeitos tóxicos. Porém, em 2006, dois grupos europeus independentes sugeriram uma relação entre a administração de complexos gadolínicos e a ocorrência de fibrose sistêmica nefrogênica (FSN) em pacientes com insuficiência renal. A FSN é uma doença grave, atribuída a reações de transmetalação do Gd de seus complexos por metais endógenos. Neste trabalho, utilizaram-se técnicas de espectrometria de absorção atômica, espectrometria de massa com plasma indutivamente acoplado e cromatografia líquida com detector de massa para investigar metais presentes como impurezas e/ou contaminantes em cinco formulações de contrastes a base de Gd e suas reações de transmetalação. Os resultados encontrados mostraram que outros metais, além do Gd, estão presentes nas formulações, os elementos terras-raras (Sc, Y, La, Ce, Pr, Nd, Eu, Tb, Dy, Ho, Er e Tm) e elementos como Al, As e Pb, sabidamente tóxicos para o ser humano. Para verificar a transmetalação, o complexo Gd-DTPA (Gadopentetato dimeglumina) foi utilizado como modelo e verificou-se que, praticamente, todos os elementos presentes como contaminantes nas formulações substituíram o Gd no complexo, ou seja, mesmo a presença de metais endógenos como Cu e Fe, que não apresentariam potencial toxicológico podem, através da transmetalação, levar à presença de Gd 3+ livre.
Mostrar mais

148 Ler mais

Avaliação do nível de conhecimento a respeito do meio de contraste a base de Gadolínio

Avaliação do nível de conhecimento a respeito do meio de contraste a base de Gadolínio

OBJETIVO: A administração do contraste à base de gadolínio vem sendo realizada não só no Brasil como também no mundo com um enorme crescimento, pois o fármaco traz uma excelente qualidade nas imagens obtidas por ressonância magnética. O objetivo deste trabalho é avaliar o grau de instrução de profissionais atuantes em ressonância magnética do Estado de São Paulo, Brasil, a respeito dos efeitos adversos dos contrastes a base de gadolínio. MATERIAIS E MÉTODOS: O levantamento de dados foi obtido por aplicação de questionários aos profissionais da área radiológica atuantes em ressonância magnética com embasamento teórico na literatura. RESULTADOS: Os resultados encontrados indicam que os participantes têm um baixo nível de conhecimento a respeito do contraste a base de Gd. CONCLUSÃO: Com este levantamento se concluí a necessidade de uma maior especialização dos profissionais a respeito dos medicamentos (contrastes) a que submetem os pacientes para garantir a segurança e qualidade de exame.
Mostrar mais

6 Ler mais

Cinecoronariografia com gadolínio em pacientes com alergia grave ao contraste iodado.

Cinecoronariografia com gadolínio em pacientes com alergia grave ao contraste iodado.

O s contrastes iodados são usualmente utilizados para a realização de coronariografias e angio­ plastias coronárias e geralmente são bem tole­ rados. No entanto, complicações podem ocorrer, e a nefropatia por contraste e as reações alérgicas são as mais frequentemente relatadas. A maioria das reações alérgicas pode ser prevenida com o uso prévio de corticosteroides e anti­histamínicos. Nas situações em que há contraindicação ao uso desses contrastes em decorrência de reação alérgica grave, o contraste à base de gadolínio pode ser uma opção. 1
Mostrar mais

4 Ler mais

Complicações do uso intravenoso de agentes de contraste à base de gadolínio para ressonância magnética.

Complicações do uso intravenoso de agentes de contraste à base de gadolínio para ressonância magnética.

O efeito desejado e, conseqüentemente, o mais importante do Gd como meio de contraste para RM é a redução do tempo de relaxamento T1 nos tecidos em que se en- contra o composto. É interessante notar que as imagens de RM não mostram o Gd pro- priamente dito, mas sim seu efeito para- magnético sobre os tecidos ao seu redor. De modo geral, a maioria dos meios de con- traste à base de Gd tem distribuição pelo corpo semelhante àquela apresentada pelo contraste iodado. Contudo, a sensibilidade da RM ao Gd é comprovadamente maior que a da TC ao contraste iodado. Usual- mente, o volume médio de contraste admi- nistrado por via intravenosa nos exames de RM varia entre 10 ml e 20 ml. Este volume é 5 a 15 vezes menor do que o utilizado com os contrastes iodados na TC, e com certeza é um dos motivos pelo qual o uso do Gd é mais seguro.
Mostrar mais

5 Ler mais

Efeito do gadolínio nas propriedades catalíticas de óxidos de ferro na reação de WGS

Efeito do gadolínio nas propriedades catalíticas de óxidos de ferro na reação de WGS

A primeira derivada da massa em relação ao tempo em função da temperatura ilustrada na Figura 4.2. No caso das amostras baseadas em óxidos de ferro dopados ou não com gadolínio, foram observados quatro eventos de perda de massa. As Tabelas 4.2 a 4.5 apresentam os valores de perda de massa e as faixas de temperatura de cada estágio. A primeira perda de massa, na faixa entre 42 e 139 °C (Tabela 4.2), está associada à evaporação de material volátil e/ou água adsorvida (GADALLA, 1988; MACKENZIE, 1970). O segundo e terceiro pico, na faixa entre 185 e 309 °C (Tabelas 4.3 e 4.4), estão relacionados à decomposição dos hidróxidos e ou óxidos de ferro hidratados (MACKENZIE, 1970; FURUICHI, 1988). A perda de massa acima de 300 °C (Tabela 4.5) pode ser atribuída à decomposição dos íons nitrato e à transição do hidróxido de ferro para formar hematita (GADALLA, 1989). Observa-se que a presença de gadolínio nos sólidos baseados em óxido de ferro (hematita) deslocou as temperaturas do segundo, terceiro e quarto picos, para valores superiores, indicando que o gadolínio dificulta o processo de decomposição dos hidróxidos ou óxidos de ferro hidratados e a decomposição dos íons nitrato; este efeito aumenta com o teor de gadolínio nos sólidos. A amostra de óxido de gadolínio puro apresentou picos de perda de massa, atribuídos aos processos de decomposição de espécies nitrato e da desidratação do hidróxido de gadolínio (Gd(OH) 3 ) para formar óxido de gadolínio (Gd 2 O 3 ) (HUSSEIN, 2002). Em todas as
Mostrar mais

100 Ler mais

Efeitos do cloreto de gadolínio na pancreatite induzida por tauracolato de sódio em ratos.

Efeitos do cloreto de gadolínio na pancreatite induzida por tauracolato de sódio em ratos.

Objetivo: Avaliar os efeitos do uso de cloreto de gadolínio como pré-tratamento e tratamento em um modelo experimental de pancreatite em ratos induzida por tauracolato de sódio a 3%. Métodos: Métodos: Métodos: Métodos: Métodos: Ratos Wistar foram divididos em cinco grupos: grupo SF – controle com solução fisiológica intra-ductal e IV; grupo TS – controle com PA induzida por tauracolato de sódio a 3% e solução fisiológica a 0,9% IV; grupo GD – controle com SF intra-ductal e cloreto de gadolínio IV; grupo GDTS – pré-tratamento com GD (24h antes da indução da PA) e grupo TSGD – tratamento com GD (1h após a indução da PA). Foi realizado dosagem sérica de amilase, transaminases e TNF-á; determinação da atividade da MPO no tecido pulmonar; histologia pancreática e pulmonar. Resultados: Resultados: Resultados: Resultados: Resultados: O número de animais mortos antes do término previsto do experimento foi significativamente maior no grupo TSGD (p=0,046). Os escores de pancreatite e de dano pulmonar foram mais elevados nos grupos que utilizaram tauracolato em comparação aos grupos com infusão intra-ductal de solução salina. Não houve diferenças nas demais variáveis estudadas na comparação entre os grupos TS; GDTS e TSGD. Conclusão: Conclusão: Conclusão: Conclusão: Conclusão: Não foram demonstrados benefícios com o uso de cloreto de gadolínio de forma profilática e terapêu- tica.
Mostrar mais

7 Ler mais

Síntese e caracterização da céria dopada com gadolínio para uso em células combustíveis

Síntese e caracterização da céria dopada com gadolínio para uso em células combustíveis

A aproximação dos 2 mecanismos de sinterização através do aumento da razão de aquecimento favoreceu a obtenção de uma microestrutura final mais homogênea, comparadas com taxas de aquecimento menores. O aumento da razão de aquecimento possibilita a ativação conjunta dos mecanismos de transporte de massa para diferentes tamanhos de grãos. Esse estudo vem colaborar com o melhoramento no processo de densificação de cerâmicas obtidas a partir de métodos de síntese que apresentam aglomerados em sua microestrutura final, tais como Pechini, precipitação, complexação com ácido citrico, de fluxo, decomposição de organometálico etc. O método dos precursores poliméricos demonstrou ser também eficiente para a síntese da céria dopada com gadolínio em todas as composições propostas.
Mostrar mais

102 Ler mais

Reprodutibilidade de Padrões de Realce pelo Gadolínio e Espessura Parietal em Cardiomiopatia Hipertrófica.

Reprodutibilidade de Padrões de Realce pelo Gadolínio e Espessura Parietal em Cardiomiopatia Hipertrófica.

intraclasse entre observadores. Conforme esperado, foi observada excelente concordância com relação à EP máxima. Além disso, houve boa concordância com relação à presença de RTG nos quesitos por paciente e por segmento, com identificação de RTG em mais de 70% dos casos de pacientes e em mais de 20% dos segmentos avaliados. Esses resultados estão de acordo com os dados Tabela 4 – Variabilidade intraobservador. Espessura parietal e padrões e extensão do realce tardio pelo gadolínio

7 Ler mais

Os nomes em função adjetiva não predicativa: contrastes

Os nomes em função adjetiva não predicativa: contrastes

Na terceira seção discutimos a análise de 372 nomes do inglês (extraídos de jornais e revistas), de acordo com os mesmos critérios, e concluímos que, embora a maioria dos substantivos [r]

17 Ler mais

Contrastes e confrontos na obra de Guimarães Rosa

Contrastes e confrontos na obra de Guimarães Rosa

resposta, a conclusão de que o desafiante, Riobaldo, saiu vencedor. É um processo semelhante ao da personagem do conto de Primeiras estórias, para quem o fato de o jacaré não ser visto não significa que não exista um jacaré ali. “ – ‘Você já viu jacaré lá?’ – caçoava Pele. – ‘Não. Mas você também nunca viu o jacaré-não-estar-lá. Você vê é a ilha, só. Então, o jacaré pode estar ou não estar...’” 11 Finalmente, dar ao episódio do pacto a característica de ser a base da sociedade civil e do Estado é também não querer ver que o “Estado” de Riobaldo se circunscreve aos limites de sua propriedade e aos da sua vizinhança, devidamente guardadas por seus jagunços. Deve-se, por princípio, desconfiar das palavras do narrador, especialmente se for alguém como Riobaldo, cujos motivos para iniciar a narração não são claros. É preciso considerar o texto, mas sempre procurando ler o que há sob ele.
Mostrar mais

14 Ler mais

O espaço agrário de Ponte de Lima : alguns contrastes

O espaço agrário de Ponte de Lima : alguns contrastes

Sabendo nós da importância da feira quinzenal, da atracção que ela exerce sobre uma vasta área, não estranhamos que existam 99 estabelecimentos que abarcam desde os restaurantes, aos snacks, dos caféfc às confeitarias e todo um conjunto doutros estabelecimentos similares. É evidente que estendendo-se a feira por todo o dia, este tipo de comércio se desenvolveu, sobretudo nos últimos anos. Contudo, também a grande percentagem deste comércio é de cariz tradicional. A título de exemplo refira-se que 23 dos 99 estabelecimentos aqui referenciados correspondem a tabernas. E se as tradicionais mercearias, para além doutros artigos, vendem produtos agrícolas locais, também as tabernas subsistem quase exclusivamente com base na produção vinícola local, sobretudo as mais antigas. Não é, de facto, apenas a indústria local que se interliga com a produção agropecuária, pois também a actividade comercial, numa grande percentagem, apresenta características semelhantes. Além disso, uma parcela considerável destes comerciantes, com especial incidência entre os proprietários dos restaurantes e estabelecimentos similares, acumula à actividade comercial a agrícola. Frequentemente, nos pisos superiores, sobre o café ou sobre o restaurante, instala-se uma residencial ou uma pensão, actividade recente no concelho, sobretudo a de qualidade.
Mostrar mais

86 Ler mais

Controle de tamanho de nanopartículas de óxido de gadolínio dopado com európio (III)

Controle de tamanho de nanopartículas de óxido de gadolínio dopado com európio (III)

ZĞƐƵŵŽ EĞƐƚĞƚƌĂďĂůŚŽ͕ĨŽƌĂŵĞƐƚƵĚĂĚĂƐĂƐşŶƚĞƐĞĞĂĐĂƌĂĐƚĞƌŝnjĂĕĆŽĚĞŶĂŶŽƉĂƌƚşĐƵůĂƐĚĞ ſdžŝĚŽ ĚĞ ŐĂĚŽůşŶŝŽ ĚŽƉĂĚŽ ĐŽŵ ĞƵƌſƉŝŽ;///Ϳ͘ KƐ ſdžŝĚŽƐ ĚĞ ŐĂĚŽůşŶŝŽ ĨŽƌĂŵ ŽďƚŝĚŽƐ ƉĞůĂ ƚĞƌŵŽĚĞĐŽŵƉŽƐŝĕĆŽĚŽƐƉ[r]

93 Ler mais

Contrastes e confrontos : a antonímia no cancioneiro de Elba Ramalho

Contrastes e confrontos : a antonímia no cancioneiro de Elba Ramalho

A afirmação de que a antonímia é um processo multifacetado e, por isso mesmo, rico, não se restringe apenas à possibilidade de ser encontrado em qualquer corpus, refere-se também aos múl[r]

169 Ler mais

Impacto dos contrastes de interesse no delineamento de um experimento em blocos

Impacto dos contrastes de interesse no delineamento de um experimento em blocos

Antes de definir esses conceitos, será. conveniente introduzir uma relação auxiliar para expressar as equações normais reduzidas e outras quantidades de interesse em t[r]

160 Ler mais

Língua Brasileira de Sinais: o domínio dos contrastes mínimos

Língua Brasileira de Sinais: o domínio dos contrastes mínimos

figuras e essas estavam dispostas em três colunas. Realizou-se análise estatística com nível de significância de 5% e foram utilizados o teste de comparação de Friedman e Wilcoxon, além do teste de correlação de Spearman. Resultados: os resultados mostraram que o parâmetro movimento é percebido mais facilmente do que os demais contrastes. Seguido dos parâmetros locação e configuração de mão, os quais atuam de maneira semelhante na percepção dos aprendizes de LIBRAS. O contraste mais difícil de ser percebido refere-se à orientação. Outro achado relevante se refere à faixa etária, pois quanto mais tempo de contato com a LIBRAS, melhor o desempenho das codas no instrumento de percepção dos contrastes mínimos. Conclusão: De acordo com os achados, constatou-se que através do instrumento de percepção foi possível perceber quais os parâmetros são primeiramente adquiridos pelas codas e quais os parâmetros são mais difíceis de serem percebidos pelas crianças em fase de desenvolvimento da LIBRAS.
Mostrar mais

111 Ler mais

Incubadoras universitarias de empresas e de cooperativas : contrastes e desafios

Incubadoras universitarias de empresas e de cooperativas : contrastes e desafios

No caso americano, o surgimento das incubadoras ocorreu a partir de um esforço da Stanford University e de ex-alunos e pesquisadores do Massachusetts Institute of Technology. Na França, a iniciativa contou com apoio do Estado, através da criação de cursos, nas universidades, que visavam à criação de empresas e de incentivos fiscais para empresas que se instalassem em regiões determinadas. Foram também criadas as tecnópoles para viabilizar a instalação de empresas de base tecnológica EBTs. Na Grã-Bretanha, o governo implantou programas de formação de novos empreendedores em diversas universidades, criou os Small Firms Centers e apoiou a instalação dos Science Parks nos campi das universidades. Na Alemanha, o governo criou, no início dos anos 80, uma maternidade de empresas, com apoio da Universidade Técnica de Berlim. No Japão, foram criadas as chamadas cidades tecnológicas através da atuação governamental no planejamento industrial e regional.
Mostrar mais

111 Ler mais

Entre aparências e contrastes : imaginário do masculino nas animações Disney

Entre aparências e contrastes : imaginário do masculino nas animações Disney

A personagem de animação em si é uma performance. Ela é criada do zero, sua concepção é uma máscara, pois sua base de criação é o estereótipo, o cômico, o exagero, a representação tipificada. A personagem não habita um corpo físico verdadeiro, o personagem de animação é a performance in natura – ele é feito dela. Criado e animado, frame a frame, para ser exatamente o que é. Se um personagem gesticula mais com as mãos, mostra as unhas ou possui uma aparente maquiagem nos olhos, como alguns vilões da Disney, esses atos fazem parte dele, foram desenhados. É uma concepção totalmente diferente de um ator em carne e osso, que pode improvisar, pode imprimir trejeitos e ambiguidades próprias nos personagens ou carrega-los consigo uma ideia de seus personagens anteriores, como afirma Cândido. Logo que Johnny Depp fez testes para Piratas do Caribe (Verbisnki, 2003), por exemplo, os produtores se preocuparam com a atuação por vezes afetada ou efeminada de Johnny Depp para o Capitão Jack Sparrow. Eles temiam que ele parecesse “bêbado” ou “gay”. Esse tipo de perda de controle do produto e a liberdade criativa do ator não têm muito espaço na animação. Ou seja, por mais óbvio que possa parecer, se o personagem é caracterizado de determinada maneira, provavelmente era para ele ser, de forma intencional, exatamente como é. 34
Mostrar mais

152 Ler mais

Contrastes da modernidade na obra "Drácula" de Bram Stoker

Contrastes da modernidade na obra "Drácula" de Bram Stoker

Busca-se compreender como o autor se utiliza da diferença entre o moderno e o antigo. Como se apresenta a relação entre Londres, que representa a modernidade e junto dela os personagens ligados à ciência, e a Transilvânia representada pelo Conde Drácula, ligado às tradições. O autor se utiliza de metáforas para descrever a oposição entre o moderno, “bem” e o atraso “mal”. Há uma luta entre da ciência contra o Conde Drácula, ao mesmo tempo em que é preciso estudá-lo para compreender como superá-lo. Os contrastes criados por Stoker deixam sua obra mais interessante, pois abre um leque vasto para se analisar a constituição da sociedade da Inglaterra vitoriana e como os outros países são vistos por esta sociedade, e como se dá o final do século XIX a partir de um romance de terror, em que ao mesmo tempo junta a literatura e a história como complementos, unindo superstições e folclore com técnicas médicas reais, além de cientistas da época. Tudo isso será explorado com mais calma adiante, a modernidade, o que é e sua importância na obra, o progresso científico e quais as mudanças que ele trouxe consigo e para fechar a dicotomia civilização versus barbárie, com uma análise da obra e da imagem do vampiro ao longo do tempo.
Mostrar mais

63 Ler mais

Gadolínio antrópico como traçador da presença de esgotos sanitários em águas superficiais

Gadolínio antrópico como traçador da presença de esgotos sanitários em águas superficiais

A classificação das águas naturais pode ser feita através de cálculos de equilíbrio químico entre as principais espécies dissolvidas e visualizadas graficamente em diagramas. Piper (1944) sugeriu um diagrama baseado em dois gráficos ternários correlacionando os principais cátions e ânions nas águas naturais a partir das suas concentrações presentes. O diagrama de Piper ainda é um dos mais utilizados em hidrogeoquímica, contudo é mais adequado para águas de composição mais pristina. Stiff (1951) propôs um diagrama com base nos íons maiores presentes nas águas, o qual é útil para comparar diferentes tipos composicionais em uma mesma área de estudo. Gibbs (1970) usou a composição química de águas superficiais, do oceano e de chuva para classificá-las segundo a quantidade de sólidos totais dissolvidos (STD) em função da razão Na/(Na+Ca) e de Cl/(Cl+HCO3). O diagrama resultante apresenta uma distribuição de pontos com três campos de fatores predominantes distintos, isto é, evaporação/precipitação, dominância da rocha e precipitação. O diagrama de Gibbs (1970) tem sido usado para demonstrar a influência antrópica na composição de águas superficiais. Exemplos são o aumento do pH e das concentrações de Ca 2+ e HCO3 – quando águas levemente ácidas entram em contato com tubulações de concreto (Hatt et al. 2004, Wright et al. 2011). Adicionalmente, Hem (1970, 1989) já tinha realizado revisão acerca dos processos químicos, geológicos e hidrogeológicos que controlam a composição natural das águas. Além de constituintes originados da interação água-rocha, diversos contaminantes antrópicos podem ocorrer em águas a depender da disposição inadequada de resíduos sólidos e líquidos, seja de natureza domiciliar ou industrial.
Mostrar mais

109 Ler mais

Perspectivas do federalismo: contrastes entre o formalismo e a abordagem sociopolítica

Perspectivas do federalismo: contrastes entre o formalismo e a abordagem sociopolítica

Apesar de não se configurar um como uma ordem jurídica simples, o Esta- do federal contém o mesmo fundamento de validade para toda sua ordem com- posta: a norma fundamental que valida su[r]

26 Ler mais

Show all 9086 documents...