Engenharia Química

Top PDF Engenharia Química:

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

A engenharia química apresenta diversas aplicações do processo da fluidização, podendo ser na indústria farmacêutica no qual “a técnica de revestir pílulas e comprimidos com soluções açucaradas tem sido um processo utilizado na Indústria Farmacêutica desde o século XVII, tendo apresentado uma evolução significativa a partir de 1950 quando foram introduzidos novos conceitos em equipamentos para recobrir e, nos anos 70, quando foi iniciado o recobrimento com materiais poliméricos, formadores de filme.” (DA SILVA, 2003).
Mostrar mais

34 Ler mais

Atividades complementares: importância e formação integral de estudantes de engenharia química / Complementary activities: importance and integral formation of chemical engineering students

Atividades complementares: importância e formação integral de estudantes de engenharia química / Complementary activities: importance and integral formation of chemical engineering students

Braz. J. of Develop., Curitiba, v. 5, n. 9, p. 14017-14030 sep. 2019 ISSN 2525-8761 contextos que promovam a imersão de estudantes, em experiências formativas continuadas, tendem a, de fato, potencializar formações integrais de futuros profissionais. O presente estudo levanta o grau de imersão de estudantes de graduação em engenharia química, considerando dados quantitativos, percepções e depoimentos relacionados à participação em atividades complementares, enquanto experiências formativas, propondo ações que potencializem a formação integral de futuros engenheiros. Percebe-se que atividades complementares desempenham papel fundamental na potencialização da formação integral de futuros profissionais. Sugere-se que incorporações de ferramentas tecnológicas podem culminar na ampliação da compatibilidade entre atividades complementares e rotinas estudantis. Destacam-se propostas de atividades envolvendo problemas reais, sob perspectivas multidisciplinares e transdisciplinares, com alinhamento construtivo de soluções. O estudo segue sentido de implementação de práticas que, com acepção, potencializem engajamento, autonomia, protagonismo, e imersão consciente, em processos de aprendizagem.
Mostrar mais

14 Ler mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

aromático utilizado na quantificação de carboidratos e ensaios enzimáticos. O DNS é utilizado nas atividades dos laboratórios didáticos da Faculdade de Engenharia Química para a avaliação da cinética enzimática da hidrólise da sacarose catalisada pela invertase, além da determinação de açúcares redutores totais. Considerando a toxicidade e o grande volume gerado de resíduo, a necessidade de tratamento se fez urgente. Neste sentido, o presente trabalho propôs apresentar um protocolo de tratamento de resíduos de DNS. Mesmo diante de diversas técnicas convencionais de tratamento, a aplicação das mesmas pode se tornar um desafio haja vista a recalcitrância dessa molécula. Por isso, a utilização do Processo Oxidativo Avançado (POA) do tipo UV/H 2 O 2 se tornou uma alternativa para tratamento. Neste contexto, experimentos
Mostrar mais

41 Ler mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

O presente trabalho foi proposto devido à percepção da necessidade de se readequar a prática de Laboratório de Engenharia Química destinada ao tema de associação de bombas centrífugas, dado sua relevância no ramo industrial. Primeiramente, apresentou-se uma breve contextualização sobre sistemas de bombeamento, no geral, e suas aplicações na indústria química, com destaque para a utilização de bombas centrífugas. Em seguida, são abordadas as teorias que regem o funcionamento destas máquinas, discutindo-se sobre como as energias mecânicas, de pressão e cinética se convertem no equipamento e passam para o fluido bombeado, além da perda de carga empregada pelas tubulações, o conceito de NPSH e o fenômeno da cavitação. Em seguida, apresenta-se a teoria e as particularidades acerca da associação destas bombas em série e em paralelo. Após estes apontamentos, começa-se a discutir os problemas de projetos avaliados na unidade original, e propõe-se a troca do sistema de leitura de carga manométrica de manômetros tubo em U por um sistema eletrônico com sensores de pressão e monitoramento via LabVIEW. Com a unidade readaptada, apresenta-se um novo teste para levantamento das curvas características das bombas operando individualmente e conectadas entre si, o qual apresentou resultados qualitativamente condizentes com a literatura. Por fim, levou-se esta prática às aulas de laboratório, a partir das quais avaliou-se os resultados obtidos por três grupos de alunos, mostrando também uma performance satisfatória da nova unidade experimental, porém com algumas oportunidades de melhoria, já que a reprodutibilidade do comportamento das bombas isoladas sofreu alguns desvios quantitativos.
Mostrar mais

43 Ler mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

Devido à sua alta sensibilidade à umidade, com perda das propriedades de barreira, o EVOH é geralmente utilizado em embalagens multicamadas, como camada intermediária, entre camadas de poliolefinas ou outros substratos que são boas barreiras a umidade. Visto que o EVOH é uma resina polar e as poliolefinas são apolares, a adesão entre estas duas camadas deve ser feita por um adesivo, mesmo em embalagens coextrusadas. Nas estruturas multicamadas, os copolímeros de EVOH podem ser aplicados na camada interna, para minimizar a absorção de aromas e vapores orgânicos e/ou devido à sua resistência química ou na camada intermediária como barreira ao oxigênio (OLIVEIRA et al., 2008).
Mostrar mais

59 Ler mais

UNIVERSIDADE FEDERAL UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

UNIVERSIDADE FEDERAL UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

O uso de matérias primas renováveis também se mostra como um braço importante no futuro da indústria química brasileira. O uso de biomassa renovável está sendo visto como alternativa ao o uso de combustíveis fósseis, e demonstrou ser uma oportunidade viável, duradoura e cada vez mais importante para o futuro. Processos térmicos, químicos e biotecnológicos já estão disponíveis para a transformação de biomassas em moléculas úteis. É possível antecipar que em um futuro próximo observaremos o crescimento das indústrias químicas baseadas nesse tipo de matéria, bem como seremos testemunhas do declínio da indústria petroquímica. Diante desse cenário, de matérias-primas fósseis se esgotando, o Brasil tem como dever desenvolver suas próprias tecnologias, capazes de tornar essas biomassas renováveis intermediárias de química fina ou produtos básicos para a indústria química.
Mostrar mais

32 Ler mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

O uso de EPR tem como objetivo principal prevenir a exposição por inalação de substâncias perigosas e/ou ar com deficiência de oxigênio. Quando não for possível prevenir a exposição ocupacional, o controle da exposição adequada deve ser alcançado, tanto quanto possível, pela adoção de outras medidas de controle que não o uso de EPR. Medidas de controle de engenharia, tais como, substituição de substâncias por outras menos tóxicas, enclausuramento ou confinamento da operação e sistema de ventilação local ou geral e medidas de controles administrativos, como a redução do tempo de exposição, devem ser consideradas. O uso de EPR é considerado o último recurso na hierarquia das medidas de controle e deve ser adotado somente após cuidadosa avaliação dos riscos. Existem situações, entretanto, nas quais ainda pode ser necessário o uso de um respirador, tais como (TORLONI, 2016):
Mostrar mais

50 Ler mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

De acordo com a Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad), a Defesa Civil de Minas Gerais classificou o desastre como de nível IV, ou seja, um desastre de porte muito grande, ocasionando danos de extrema significância e com muitos prejuízos. Os rejeitos, compostos principalmente por óxido de ferro, água e lama, formaram uma espécie de cobertura nos locais por onde passou, arrancando matas ciliares e, quando secarem, o que demorará anos de acordo com estudos, formarão um material parecido com cimento, pobre em matéria orgânica, e que impedirá o desenvolvimento da flora e por consequência da fauna. Além disso, devido à sua composição, a lama afetou o pH da terra e causou a desestruturação química do solo (SANTOS, 2015).
Mostrar mais

52 Ler mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

Em razão do constante aumento populacional e consequente maior gasto energético, novas tecnologias surgem como alternativas para substituição dos combustíveis fósseis. O biodiesel surge como uma valiosa alternativa no âmbito dos transportes. No entanto, as usinas de refinamento desse combustível geram grande quantidade de resíduo que deve ser devidamente tratado. Algumas técnicas convencionais se tornam inviáveis nesse tratamento, sendo necessária a avaliação de técnicas consideradas mais avançadas. No presente trabalho, avaliou-se o tratamento do efluente de biodiesel proveniente de um reator UASB do NUCBIO – UFU utilizando os processos Fenton e Foto – Fenton, visto a necessidade do tratamento dos efluentes gerados pelas práticas de pesquisa dos alunos. Os experimentos foram realizados sob agitação magnética por duas horas e as variáveis resposta para análise da eficiência dos processos foram a Demanda Química de Oxigênio (DQO) e Carbono Orgânico Total (COT). Sulfato ferroso e peróxido de hidrogênio foram utilizados como fonte de radicais hidroxila na proporção DQO (H 2 O 2 ) (Fe 2+ ) = 1:4:2. Ambos os processos se mostraram satisfatórios no
Mostrar mais

41 Ler mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

O objetivo central desse trabalho foi desenvolver um programa computacional para cálculo de mapas de curvas residuais para sistemas ideais e não ideais utilizando modelos de [r]

129 Ler mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

Além do óleo, considerado o principal produto da soja, vários produtos e subprodutos são de grande importância, tais como: lecitina, biodiesel, melaço de soja, farelo de so[r]

33 Ler mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

O diâmetro de entrada do hidrociclone ( Di ) reflete diretamente sobre o número de Euler, pois um maior diâmetro equivale a uma grande vazão volumétrica, para uma queda de pre[r]

34 Ler mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

Figura 26 - Prevalência da doença simulada para uma população urbana em Minas Gerais durante 365 dias. Com todos os parâmetros calculados o modelo foi reescrito de acordo com [r]

46 Ler mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

Assim sendo, dentre as três equações de estado utilizadas, a equação de Peng-Robinson- Stryjek-Vera revelou-se a equação mais apropriada para estimar a pressão de saturação, e por isso [r]

46 Ler mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

Assim, a separação de materiais plásticos dos outros tipos de resíduos através da coleta seletiva é um ponto fundamental, afirmam Brasil e Santos (2004). O emprego do plástico em d[r]

51 Ler mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

O objetivo principal da modelagem das curvas de cinética de extração com fluido supercrítico é definir parâmetros para o desenho de processos, como as dimensões do equipamen[r]

39 Ler mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

Segundo JAPAN/KOREA INTERNATIONAL SYMPOSIUM ON RESOURCES RECYCLING AND MATERIALS SCIENCE (2014), somente a composição química não é capaz de classificar esse material, mas também a era geológica que foi formada, uma vez que atividade hidráulica e a produção de PCC (Precipitation Calcium Carbonate) de aragonita dependem das propriedades geológicas do calcário. Para isso, técnicas de difração de raios X e microscopia são utilizadas a fim de obter informações sobre a cristalinidade do material, uma vez que são fatores importantes para as características do cal produzida, assim como sua reatividade ao ser hidratada.
Mostrar mais

56 Ler mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

44 Com base na literatura, os autores fizeram um exercício, visando ao estabelecimento de uma lista de substâncias químicas prioritárias para o Estado de São Paulo, a partir das seguintes premissas: (1) - elaboração de lista geral, composta de 291 substâncias, resultante da combinação das seguintes fontes: (a) Lista de poluentes elencados no Registro de Emissão e Transferência de Poluentes (RETP) do Ministério do Meio Ambiente (2010); (b) Relação dos princípios ativos de agrotóxicos utilizados nas principais culturas do Estado de São Paulo; (c) Relação de agrotóxicos considerados prioritários pela CETESB (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo); (d) Relação de compostos propostos para inclusão durante o processo de revisão da Portaria n° 518; (e) Substâncias regulamentadas nas resoluções CONAMA n° 357/2005, n° 396/2008 e n° 420/2009; (f) Substâncias tóxicas encontradas nos mananciais do Estado de São Paulo, de acordo com pesquisa na literatura; (2) a partir da lista geral, foram estabelecidos os seguintes critérios para exclusão e/ou permanência obrigatória na listagem de substâncias prioritárias: (i) Permanência obrigatória: (a) Ocorrência da substância química em mananciais do Estado de São Paulo, de acordo com trabalhos científicos ou relatórios; (b) Presença da substância nas resoluções CONAMA n° 357/2005, n° 396/2008 e n° 420/2009, por representar lista debatida nacionalmente quanto à ocorrência e/ou importância; (c) Princípios ativos de agrotóxicos utilizados nas principais culturas do Estado de São Paulo; (d) Citação no guia da Organização Mundial de Saúde; (ii) Exclusão: (a) Substâncias já relacionadas pela Portaria MS nº 2.914 de 12 de dezembro de 2011, por já possuir padrão para a água de consumo humano; (b) Substâncias da lista RETP (Registro de Emissões e Transferência de Poluente) de não relevância para a água de consumo humano, conforme avaliação realizada pelo grupo técnico, que elaborou este documento; (c) Contaminantes emergentes cuja avaliação da toxicidade existente ainda não permite o estabelecimento de doses de referência e, consequentemente, ainda não possibilita derivar critérios de qualidade de água. Então, a combinação destes critérios resultou em uma lista de substâncias que poderiam ser consideradas prioritárias para o Estado de São Paulo, contendo 72 substâncias químicas, em sua maioria agrotóxicos, apresentada no Anexo II deste documento.
Mostrar mais

91 Ler mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ CENTRO DE TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE ENGENHARIA QUÍMICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ CENTRO DE TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE ENGENHARIA QUÍMICA

Desse modo, água contaminada com corantes é um dos principais problemas ambientais enfrentado por empresas de roupas, papeis, tintas, etc. Uma vez que há a diversos métodos para o tratamento dos efluentes da indústria têxtil, por exemplo, degradação química, coagulação/precipitação e adsorção, a busca por tecnologias eficientes e com baixo custo têm sido objeto de estudo para muitos pesquisadores. Um dos materiais mais utilizados para o tratamento dos efluentes através do método de adsorção é o carvão ativado, no entanto, outro material que têm apresentado resultados significativos são os Hidróxidos Duplos Lamelares (HDL) para o tratamento dessas águas.
Mostrar mais

62 Ler mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA QUÍMICA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA QUÍMICA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA

As determinações de ácido acético, ácido propiônico, ácido succínico, ácido lático, ácido fórmico, ácido butírico, ácido valérico, ácido capróico, ácido isovalérico e ácido isobutírico foram feitas com método desenvolvido pelo Laboratório de Processos Biológicos – Setor de Cromatografia do Departamento de Hidráulica e Saneamento (SHS) da Escola de Engenharia de São Carlos (EESC) da Universidade de São Carlos (USP) por cromatografia líquida pelo HPLC Shimadzu equipado com bomba LC- 10ADVP, um amostrador automático HT SIL-20A, coluna de forma CTO-20A a 43ºC, detector do índice de refração RID-10A, controlador de sistema SCL-10AVP e coluna HPX-87H Aminex (300mm x 78mm, Bio-Rad). A fase móvel constituída por H 2 SO 4
Mostrar mais

113 Ler mais

Show all 10000 documents...