Gestão de RCD

Top PDF Gestão de RCD:

Gestão de RCD - resíduos de construção e demolição, na obra de ampliação do Aeroporto Francisco Sá Carneiro

Gestão de RCD - resíduos de construção e demolição, na obra de ampliação do Aeroporto Francisco Sá Carneiro

Como um exemplo de boa gestão de rCD em Portugal pode-se referir, entre outros, a Ambisider (Markelink, 2007), empresa que executa demolição selectiva, tendo já efectuado trabalhos como a demolição dos antigos estádios do benfica e do Sporting, e da Aldeia da luz. Por outro lado, é considerado um caso de sucesso a demolição do estádio das Antas, por parte da Amorim Imobiliária e da Somague Imobiliária, pois realizou-se uma demolição selectiva e uma triagem dos resíduos (bSCD Portugal, 2007). Neste caso, as fracções mais significativas foram betão e pedra, aço e ferro, cadeiras plásticas, madeiras e poliestireno expandido (“esferovite”). Todas foram enviadas para reciclagem, excepto a última, que foi enviada para a lIPOr (Serviço Intermunicipalizado de gestão de resíduos do grande Porto).
Mostrar mais

7 Ler mais

Gestão de resíduos de construção e demolição em Loulé (Algarve)

Gestão de resíduos de construção e demolição em Loulé (Algarve)

As atividades de sensibilização e educação ambiental devem abordar, a definição e a composição dos RCD, os problemas e impactes associados a estes resíduos, boas práticas a tomar na gestão de RCD, legislação aplicável e ainda as consequências associadas a estes resíduos, que se verifica no concelho. Estas atividades devem ocorrer regularmente, abranger a população residente no concelho e entrar no calendário cultural e educativo do município. No que diz respeito à caminhada pelos depósitos ilegais de RCD, a entidade municipal poderá realizar este tipo de atividade física por diversos locais do concelho, abrangendo alguns dos locais identificados onde são depositados RCD, de modo a sensibilizar a população através da visualização da degradação paisagística local. Com isto salienta-se que os depósitos perto da fábrica da Cimpor e junto ao canil, podem integrar a rota da caminhada, visto que apresentam condições para a execução da atividade física, assegurando a segurança da população.
Mostrar mais

229 Ler mais

Guia para a utilização de resíduos de construção e demolição em vias municipais e rurais e em valas

Guia para a utilização de resíduos de construção e demolição em vias municipais e rurais e em valas

Em 2008, foi publicada uma nova regulamentação, tornando os planos de gestão de RCD na obra obrigatórios para todos os projetos de construção de valor superior a 341 880€. Este plano de gestão de RCD, Site Waste Managment Plan (SWMP), regista a quantidade e tipo de resíduos produzidos na obra e a forma como os RCD vão ser reutilizados, reciclados ou eliminados. Segundo o Department for Environment, Food and Rural Affairs ( DEFRA), o planeamento atempado da gestão de RCD na obra vai permitir: aumentar a quantidade de resíduos de construção que são recuperados, reutilizados e reciclados; melhorar a eficiência dos recursos materiais; diminuir a produção de resíduos; e impedir os despejos ilegais. A implementação do SWMP é da responsabilidade do empreiteiro, cabendo às autoridades garantir a aplicação do plano e, em caso de falhas, impor sanções (Mália, 2010).
Mostrar mais

114 Ler mais

Indicadores de resíduos de construção e demolição para construções residenciais novas.

Indicadores de resíduos de construção e demolição para construções residenciais novas.

Através destes dados, verificou-se que a geração total de RCD, para edifícios com a estrutura em madeira, se situa entre 10 e 39 kg/m2 (Quadro 6). Para edifícios com a estrutura em betão armado, esta situa-se entre 44 e 115 kg/m2. Optou-se pelo valor de 115 kg/m2 para definir o limite máximo deste intervalo pois considerara-se pouco fiáveis os valores largamente superiores a 115 kg/m2. Os dados de Kharrufa (2007) sugerem um elevado desperdício de materiais durante o processo construtivo, resultado das limitadas políticas de gestão de RCD no Iraque. Por sua vez, os dados de Hsiao et al. (2002) e de Ortiz, Pasqualino e Castells (2010) resultam do somatório de valores que foram considerados outliers. Embora este indicador global tenha como finalidade complementar os restantes indicadores desenvolvidos, não foi obtido de forma totalmente dependente destes. Assim, pretende-se evitar que indicadores com um baixo grau de fiabilidade possam adulterar a quantidade real de RCD produzidos em obra. Pode-se constatar que a estimativa desenvolvida acaba por ser semelhante à que resultaria do somatório dos diversos indicadores produzidos para a categoria em análise.
Mostrar mais

14 Ler mais

Análise comparativa entre o concreto produzido com agregado cerâmico miúdo de RCD e o concreto com agregado convencional através do ensaio de compressão axial Comparative analysis of the concrete produced with kid ceramic aggregate of RCD and the concrete

Análise comparativa entre o concreto produzido com agregado cerâmico miúdo de RCD e o concreto com agregado convencional através do ensaio de compressão axial Comparative analysis of the concrete produced with kid ceramic aggregate of RCD and the concrete

Abstract: The construction industry is the largest consumer of natural resources in the world and is also therefore a major generator of waste. Use of Construction and Demolition Waste - RCD as an aggregate in concrete alternative kid has become known for, besides providing a reduction in the final cost of concrete, reduces the use of natural resources, these resources that are increasingly scarce. This research aimed to analyze the concrete compressive strength produced with fine aggregate of RCD, using two distinct traits. For both lines, the conventional fine aggregate (sand) was substituted for the RCD percentage of 25%, 50%, 75% and 100%. The water / cement factor was a variant in all percentages of the concrete, since the reduction of the concrete was kept constant. After fabrication and modeling the 90 bodies of the test piece, all were submerged in water saturated with lime for their respective periods of healing: 7, 14 and 28 days. Subsequently underwent simple compression test. The results showed resistance variation for the two strokes used, it being understood that the resistance of concrete with higher cement content was higher.
Mostrar mais

10 Ler mais

Reforço de base de fundações superficiais utilizando resíduo de construção e demolição para o município de Sinop-MT Reinforcement of surface foundations using construction and demolition waste for the municipality of Sinop-MT

Reforço de base de fundações superficiais utilizando resíduo de construção e demolição para o município de Sinop-MT Reinforcement of surface foundations using construction and demolition waste for the municipality of Sinop-MT

Uma outra alternativa seria a modificação das propriedades geotécnicas do solo formando um novo material com capacidade de suporte mais elevada e consequentemente menores deformações, sendo a estabilização granulométrica dos solos uma das técnicas mais utilizadas para essa alternativa. A utilização do RCD como material granular estabilizante, servindo como camada de reforço para fundações superficiais, tem o intuito de remediar a junção da baixa capacidade de suporte do solo local com o acúmulo irregular de RCD na região, aumentando a resistência do solo além de proporcionar uma alternativa de reciclagem e uso para os resíduos oriundos da construção civil.
Mostrar mais

9 Ler mais

RESÍDUO DE CONSTRUÇÃO CIVIL EM PARACATU (MG): ANÁLISES DO SISTEMA DE GERENCIAMENTO E ESTIMATIVAS DE GERAÇÃO

RESÍDUO DE CONSTRUÇÃO CIVIL EM PARACATU (MG): ANÁLISES DO SISTEMA DE GERENCIAMENTO E ESTIMATIVAS DE GERAÇÃO

O gerenciamento eficiente dos resíduos sólidos de construção civil e demolição (RCD) é um desafio para as administrações públicas e demais agentes envolvidos. Os RCD integram importante parcela dos resíduos sólidos gerados no ambiente urbano e possuem significativo potencial de degradação ambiental, se não tratados de maneira adequada. Considerando isso, realizou-se o presente estudo com o objetivo de analisar o sistema de gerenciamento de RCD da cidade de Paracatu (MG). Esse trabalho foi desenvolvido por meio de pesquisas bibliográficas e de campo. Como resultado da avaliação qualitativa do sistema de gerenciamento de RCD de Paracatu, destaca-se a sua fragilidade, o baixo controle por parte do poder público e a ausência leis municipais e de dados. Visto que não existia registro da produção de RCD na cidade em estudo, estabeleceram-se quantificações a partir de informações que foram levantadas nesta pesquisa e por meio de métodos indiretos. Dessa forma, estimou-se para Paracatu: a taxa de geração de RCD de 0,34 t/habitante por ano; que a área de aterramento municipal de RCD esteja recebendo em média 120 t de RCD por dia de operação; e que, em 2017, tenham sido aterradas cerca de 31.748,28 t de RCD na área de disposição final do município.
Mostrar mais

15 Ler mais

Ambient. constr.  vol.18 número1

Ambient. constr. vol.18 número1

A reciclagem e o reaproveitamento de RCD podem contribuir para o desenvolvimento sustentável à medida que minimizam a geração de resíduos descartados e o consumo de matéria-prima não renovável; assim, são reduzidos os impactos ambientais advindos das atividades de extração de matéria-prima e disposição final dos resíduos. Sabe-se que a indústria da construção civil é capaz de absorver quase totalmente os resíduos por ela gerados, com a possibilidade de incorporar novos materiais de construção originados da reciclagem e do reaproveitamento dos RCDs. Como exemplo ressalta-se a possibilidade de produzir agregados, areia, brita, blocos, tubos para drenagem, placas e componentes construtivos para uso em pavimentação, contenção de encostas, canalização de córregos, uso em argamassas e concreto. As usinas de reciclagem de RCD têm se mostrado viáveis técnica e economicamente (COELHO; BRITO, 2013), reduzindo custos e energia ao longo da cadeia produtiva do setor da construção civil (DAHLBO et al., 2015), além de ser uma alternativa para a geração de emprego e renda, tanto na coleta quanto nas usinas de reciclagem. Cabe salientar a importância da segregação dos resíduos na fonte geradora, por permitir a otimização do processo de reciclagem e influenciar diretamente na qualidade dos produtos (DAHLBO et al., 2015).
Mostrar mais

13 Ler mais

Gerenciamento de resíduos da construção civil e demolição e sua utilização como base, sub-base e mistura betuminosa em pavimento urbano em Goiânia - GO

Gerenciamento de resíduos da construção civil e demolição e sua utilização como base, sub-base e mistura betuminosa em pavimento urbano em Goiânia - GO

avanço na qualidade da construção civil nos últimos anos, obtido principalmente por meio de programas de redução de perdas e implantação de sistemas de gestão da qualidade. Não há dúvidas, porém, que nas próximas décadas, além da qualidade (implantada para a garantia da satisfação do usuário com relação a um produto específico), haverá, também, uma grande preocupação com a sustentabilidade, antes de tudo, para garantir o próprio futuro da humanidade. Pode-se dizer que já há um grande movimento neste sentido, e várias pesquisas têm sido realizadas nesta área, subsidiadas por agências governamentais, instituições de pesquisas e agências privadas no mundo inteiro. No Brasil este movimento se intensificou após a ECO-92, realizada no Rio de Janeiro, quando foram estabelecidas algumas metas ambientais locais, incluindo a produção e a avaliação de edifícios e a busca do paradigma do desenvolvimento sustentável, obtido pela produção da maior
Mostrar mais

9 Ler mais

Concretos secos produzidos com agregados reciclados de RCD separados por densidade.

Concretos secos produzidos com agregados reciclados de RCD separados por densidade.

Foram coletadas cerca de 2 t de resíduos mistos já britado pela usina de reciclagem localizada em Osasco, SP. O agregado reciclado misto foi então rebritado, com britador de mandíbula, em escala de laboratório, com tamanho de partícula abaixo de 9 mm. Em seguida, o agregado de RCD misto foi homogeneizado através da formação de uma pilha alongada (ANGULO; FIGUEIREDO, 2011) e quarteado em alíquotas homogêneas e representativas de 50 kg, que foram encaminhadas para os estudos de processo. A composição (% em massa) do agregado de RCD misto estimada por catação na fração graúda (entre 9 mm e 4,8 mm) foi de 49,0% de partículas cimentícias, 19,4% de partículas mistas (cimentícias e rochas), 19,8% de partículas de rochas, 8,1% de partículas de cerâmica vermelha e 3,8% de outros (madeira, gesso, papel, aço, etc.).
Mostrar mais

15 Ler mais

Modelagem da resistência à compressão de concretos produzidos com agregados reciclados de rcd.

Modelagem da resistência à compressão de concretos produzidos com agregados reciclados de rcd.

Os RCD caracterizam-se por possuírem composição variável com a localidade e, quando em uma mesma localidade, com o tempo. Entretanto, os resíduos de concreto, de argamassa e de cerâmica vermelha aparecem como os principais constituintes dos RCD, representando acima de 70% da massa total (Pinto, 1999; Zordan, 1997; Leite, 2001; Vieira, 2003). Essa heterogeneidade dos RCD influi diretamente nas características dos agregados reciclados com eles produzidos. Portanto, se faz necessário conhecer o comportamento das características dos concretos produzidos com esses agregados reciclados quando se variam os teores dos constituintes.
Mostrar mais

10 Ler mais

Composição gravimétrica dos RCD para a etapa de acabamento em obras residenciais horizontais.

Composição gravimétrica dos RCD para a etapa de acabamento em obras residenciais horizontais.

Um fator relevante observado pela análise qualitativa do inventário refere-se à grande parte (cerca de 79%) de resíduos pertencentes às classes A (resíduos reutilizáveis ou recicláveis como agregados) e B (resíduos recicláveis para outras destinações) conforme a classificação dada pela Resolução nº 307 (CONSELHO..., 2002). O que demonstra que grande parcela dos materiais gerados tem possibilidade de reutilização ou reciclagem, dentro ou fora do canteiro de obras. Isso reforça a importância do correto manejo dos RCD nas etapas de segregação, acondicionamento e transporte, para garantir seu reaproveitamento. Em relação à estimativa quanto à classificação dos materiais conforme a NBR 10004 (ABNT, 2004) verifica-se que a maior parcela de materiais que compõem os RCD da unidade em estudo, ou seja, 48% pertencem à classe II B – Inerte. O restante são resíduos classificados como classe II A – não inerte (33%) e classe I – perigoso (19%). Esses dados confirmam o exposto por Karpinsk (2009) sobre a composição característica dos RCD
Mostrar mais

17 Ler mais

Variabilidade de agregados graúdos de resíduos de construção e demolição recicla...

Variabilidade de agregados graúdos de resíduos de construção e demolição recicla...

Percebe-se que o percentual de participação dos RCD nos resíduos sólidos é bastante variável nos países considerados. Provavelmente, este fato se deve ao sistema de informação da geração do resíduo, pois sabe-se que o levantamento nas áreas de descarte é de difícil quantificação, em virtude da quantidade de áreas receptoras pulverizadas na malha urbana. Deve-se também às tecnologias e materiais empregados em cada país, bem como a idade das cidades, com maior ou menor quantidade de atividades de construção e de demolição, considerando-se a diferença da quantidade de resíduos gerados pelas atividades de demolição, se comparada com a quantidade de resíduos gerados pelas atividades de construção. Deve-se considerar ainda, a abrangência das definições nesses diferentes países, consideradas diferentes das definições encontradas na literatura.
Mostrar mais

172 Ler mais

Quantificação e classificação dos resíduos procedentes da construção civil e demolição no município de Pelotas, RS.

Quantificação e classificação dos resíduos procedentes da construção civil e demolição no município de Pelotas, RS.

construção civil é um dos setores econômicos de maior impacto no meio ambiente. Entre os impactos causados por essa atividade, pode-se citar o elevado volume de resíduos gerados, que, na maioria dos municípios brasileiros, são depositados irregularmente, intensificando os problemas de saneamento nas áreas urbanas. Em virtude disso, algumas ações vêm sendo tomadas pelo Governo Federal, entre as quais se pode citar a criação de uma resolução que estabelece a elaboração e implantação de um plano integrado de gerenciamento de resíduos da construção civil com base nas características de cada região. O objetivo do presente artigo é apresentar os resultados do diagnóstico qualitativo e quantitativo da produção de resíduos de construção e demolição (RCD) no município de Pelotas-RS, elaborado com o auxílio de um software. O diagnóstico final resultante da pesquisa foi que são produzidos diariamente no referido município 315,08 m³ de RCD a uma taxa de geração per capita de 1,23 kg/hab.ano. A densidade dos RCD encontrada foi de 1,28 ton/m³, e a composição gravimétrica mostrou que 88% dos RCD produzidos referem-se aos resíduos classe A, os quais tem grande potencial para reutilização e reciclagem. Palavras-chave: Resíduo de construção e demolição. Diagnóstico. Quantificação.
Mostrar mais

10 Ler mais

Análise preliminar de parâmetros de fratura de concretos compactados com agregados de construção e de demolição para bases de pavimentos

Análise preliminar de parâmetros de fratura de concretos compactados com agregados de construção e de demolição para bases de pavimentos

Pode ser retido dos estudos que, apesar da perda de resis- tência estática e da capacidade de reter energia de deforma- ção durante o processo de fissuração dos concretos compac- tados que incorporam reciclados de RCD, todos os valores obtidos são ainda mais favoráveis que aqueles já estudados para a BGTC (Balbo, 2006), o que leva a acreditar que tais materiais possam e devam ser cotejados em aplicações mais específicas como pisos industriais e pavimentos urbanos, até mesmo como opção às bases cimentadas tradicionais, com possíveis diminuições em passivos ambientais.
Mostrar mais

7 Ler mais

INFLUÊNCIA DE AGREGADOS RECICLADOS PROVENIENTES DE RCD NO DESEMPENHO DE ARGAMASSA DE CAL AÉREA

INFLUÊNCIA DE AGREGADOS RECICLADOS PROVENIENTES DE RCD NO DESEMPENHO DE ARGAMASSA DE CAL AÉREA

A União Europeia estabeleceu, com a publicação da Directiva 2008/98/CE, de 19 de Novembro, do Parlamento Europeu e do Conselho, para 2020 a meta de 70% de preparação para a reutilização, reciclagem e valorização de outros materiais, incluindo operações de enchimento utilizando resíduos como substituto de outros materiais, de resíduos de construção e demolição não perigosos, com exclusão de materiais naturais definidos na categoria 17 05 04 da lista de resíduos. O principal objectivo desta directiva assentou na criação de condições legais para a correcta gestão dos RCD que privilegiassem a prevenção da produção e da perigosidade, o recurso à triagem na origem, à reciclagem e a outras formas de valorização, diminuindo-se desta forma a utilização de recursos naturais e minimizando o recurso à deposição em aterro, o que subsidiariamente conduz a um aumento do tempo de vida útil [55].
Mostrar mais

153 Ler mais

Estudo do método ahp para desenvolvimento de estrutura de sistema de apoio à decisão (sad) no gerenciamento de resíduos da construção civil em canteiros de obras verticais / Study of the ahp method for developing the decision support system (sad) in the m

Estudo do método ahp para desenvolvimento de estrutura de sistema de apoio à decisão (sad) no gerenciamento de resíduos da construção civil em canteiros de obras verticais / Study of the ahp method for developing the decision support system (sad) in the management of civil construction waste in vertical construction sites

Desce-se outro nível, passa-se ao das combinações de ações, e: ou se constroem matrizes segundo cada um dos critérios/subcritérios (levará a 32 matrizes de ordem 36), ou se constroi uma matriz de decisão [A] “genérica” entre as combinações de ações possíveis para a globalidade dos critérios/subcritérios, e ter-se-á uma única matriz de ordem 36. Procedendo da primeira forma, para achar o peso/importância de uma determinada combinação de ações para a meta do problema far-se- ia: através do vetor (W) correspondente à matriz de comparação par a par de todas as combinações de ações para um determinado critério, achar-se-ia a importância de qualquer combinação segundo esse critério. Multiplicando-se qualquer desses 36 pesos pela importância do critério dentro da respetiva classe, e depois também pelo peso da própria classe quanto à respetiva contribuição para a meta, chegava-se à contribuição/peso de uma determinada combinação para a meta, via/através de uma classe de critérios específica. Fazendo o mesmo para essa combinação e para os restantes critérios e restantes classes de critérios, através de uma somatória de produtos chegar-se-ia à importância/peso total (global) daquela combinação de ações para a meta do problema. Calculando o mesmo para as restantes combinações, a que obtiver o maior valor será a melhor. A combinação “ótima” para o gerenciamento de RCC/RCD naquele canteiro de obra civil vertical, para aquele cenário.
Mostrar mais

26 Ler mais

Estudo experimental e desenvolvimento de um modelo de simulação de um refrigerador por absorção de pressão total única

Estudo experimental e desenvolvimento de um modelo de simulação de um refrigerador por absorção de pressão total única

O Absorvedor tem a função de receber a solução pobre proveniente do gerador, via RCD e DSP, e o vapor de amônia proveniente do evaporador. A saída do absorvedor apresenta solução enriquecida, quando o vapor de amônia já está absorvido pela solução pobre, agora enriquecida. O princípio termodinâmico do absorvedor está relacionado à afinidade existente entre a amônia e a solução pobre. A água absorve a amônia no ambiente em sua volta e, como a energia interna do vapor é maior que a do líquido, isso leva ao aumento da energia interna da solução, que sofre uma reação exotérmica. A solução tem a possibilidade de perder calor para o ambiente, equilibrando esse aumento da energia interna (Goel e Goswami; 2004, Möller e Knoche; 1996, Kang e Kashiwagi; 2002). Na FIG 4.17 apresenta um esboço de absorvedor. Seu formato possui o intuito de aumentar a turbulência da solução pobre. Assim, o efeito Marangoni pode aumentar a absorção do vapor de amônia. A solução pobre (que se enriquece) escorre pela base do tubo, aumentando a área de absorção do vapor de amônia.
Mostrar mais

154 Ler mais

Utilização de resíduos de construção e demolição para pavimentos urbanos da região metropolitana de Fortaleza

Utilização de resíduos de construção e demolição para pavimentos urbanos da região metropolitana de Fortaleza

(concentração, britagem, peneiramento e operações auxiliares) antes de ser comercializado. Ao chegar à USIFORT, as grandes peças de concreto são separadas do restante do resíduo. Com a separação desse material são gerados dois tipos de agregados reciclados, o “puro” e o “misto”. O primeiro resulta da trituração de materiais oriundos de peças constituídas basicamente de concreto puro: postes, lajes, pilares, vigas, etc. Esse tipo de resíduo é usado na própria construção civil, na forma de tijolo ecológico, concreto ecológico, dentre outros produtos. O segundo tipo de agregado produzido, o RCD misto, é proveniente da trituração de diversos tipos de materiais de construção: telha, concreto, gesso, tijolo, etc. Por ter uma aparência pouco homogênea e por se tratar de materiais mais frágeis que o concreto, existe uma descrença na aplicabilidade do RCD misto para a RMF. Por esse motivo, o segundo tipo de resíduo tem se mostrado bem menos atrativo ao mercado.
Mostrar mais

185 Ler mais

Recomendações para a incorporação de agregados resultantes de RCD em betões de ligantes hidráulicos – Um contributo

Recomendações para a incorporação de agregados resultantes de RCD em betões de ligantes hidráulicos – Um contributo

Os RCD existentes em Portugal são maioritariamente constituídos por betão ou produtos de ligantes hidráulicos, materiais cerâmicos, agregados naturais não ligados e materiais betuminosos, sendo que os restantes constituintes surgem em percentagens reduzidas. Neste projeto, de modo a cobrir uma vasta gama de RCD foram escolhidas as seguintes amostras: “agregado de betão” designado ARB, “agregado cerâmico” designado ARC, “agregado não diferenciado” designado ARM e agregado natural designado AN. O último visa ter um termo de comparação entre agregados provenientes de RCD e agregados convencionais. O AN também simula a fração de pedras naturais não ligadas contidas nos RCD. Os betuminosos não podem ser utilizados para o fabrico de betões segundo a E 471 [3].
Mostrar mais

10 Ler mais

Show all 10000 documents...