Itabaiana (Sergipe

Top PDF Itabaiana (Sergipe:

Taxonomia e ecologia dos Myxomycetes ocorrentes na Estação Ecológica Serra de Itabaiana, Sergipe, Brasil

Taxonomia e ecologia dos Myxomycetes ocorrentes na Estação Ecológica Serra de Itabaiana, Sergipe, Brasil

RESUMO – (Mixobiota da Estação Ecológica Serra de Itabaiana, Sergipe, Brasil: Physarales). A Estação Ecológica Serra de Itabaiana-EESI, Sergipe, apresenta elevações entre 180-670m acima do nível do mar. Os objetivos deste estudo foram obter dados sobre a diversidade de Myxomycetes em florestas e savanas Neotropicais e determinar a composição das espécies de Physarales associadas com diferentes microhabitats. Entre abril de 2002 e dezembro de 2003, um esforço foi feito para registrar espécies de Physarales e obter amostras de vários tipos de substratos a serem utilizados na preparação de culturas em câmara-úmida (madeira em decomposição; casca de árvores vivas; folhedo; plantas suculentas; musgos; fezes de animais herbívoros). Coleções foram depositadas nos Herbários UFP e MA - Fungi. A abundância e constância de cada espécie foram determinadas e a descrição taxonômica de uma provável espécie nova de Physarum é fornecida. Um total de sete espécies de Didymiaceae e 24 espécies de Physaraceae foi identificado. A diversidade taxonômica observada nos diferentes microhabitats é baixa, com valores de S/G entre 1,0-2,6 As Physarales estão presentes em todos os microhabitats analisados e as lignícolas e foliícolas compreendem mais de 50% dos espécimes analisados; fimícolas e suculentícolas só foram observadas em culturas de câmaras-úmidas. As espécies mais freqüentes e abundantes foram Physarum viride (Bull.) Pers., Physarum stellatum (Massee) G. W. Martin, Craterium paraguayense (Speg.) G. Lister e Physarum cinereum (Batsch) Pers. Todos os táxons constituem primeira referência para o estado de Sergipe e as espécies Diachea silvaepluvialis M.L. Farr, Diderma rugosum (Rex) T. Macbr., Didymium dubium Rostaf. e Physarum pulcherrimum Berk. & Ravenel, estão sendo referidas pela primeira vez para o Brasil.
Mostrar mais

156 Ler mais

Mixobiota do Parque Nacional Serra de Itabaiana,  Sergipe, Brasil: Stemonitales

Mixobiota do Parque Nacional Serra de Itabaiana, Sergipe, Brasil: Stemonitales

RESUMO – (Análise comparativa das Stemonitales (Myxomycetes) em dois tipos fisionômicos de vegetação no Parque Nacional Serra de Itabaiana, Sergipe, Brasil). A vegetação do Parque Nacional Serra de Itabaiana, Sergipe (10º 40 52 S e 37º 25 15 W, 180-670 m alt.,7966 ha), apresenta dois tipos fisionômicos principais: áreas fechadas, compostas por florestas secundárias encontradas nas margens dos riachos das encostas leste e oeste; áreas abertas, com solos de areias brancas, mais freqüentes na costa leste. Entre 2002-2003, em 19 excursões, comparou-se a riqueza, freqüência, abundância e sazonalidade de esporulação dos mixomicetos ocorrentes em áreas representativas dos dois tipos fisionômicos: Riacho Coqueiro (fechada) e Mangabeira (aberta). Foram obtidos 590 espécimes (campo e câmara-úmida), pertencentes a 61 espécies em seis parcelas permanentes (10 x 10 m) lançadas nos dois tipos de ambiente. Trichiales foi a ordem mais representativa no ambiente Riacho Coqueiro e Stemonitales no ambiente Mangabeira. Arcyria cinerea e Cribraria microcarpa foram as espécies mais freqüentes e abundantes nos dois ambientes. Dentre as Stemonitales, destacaram-se Stemonitis fusca e S. smithii. Os mixomicetos esporularam durante o ano todo no ambiente Riacho Coqueiro, com estações bem definidas de esporulação no ambiente Mangabeira, ambos com picos de esporulação nos meses chuvosos. Nas duas fitofisionomias a mixobiota assemelha-se quanto à diversidade taxonômica, mas a área fechada possui maior riqueza, freqüência e abundância de espécies.
Mostrar mais

104 Ler mais

Consumo alimentar de adolescentes de uma escola no município de Itabaiana-Sergipe

Consumo alimentar de adolescentes de uma escola no município de Itabaiana-Sergipe

OBJECTIVE: To characterize the food consumption of adolescents from a private school in the city of Itabaiana, Sergipe. METHODS: The study design was descriptive and transversal. Thirty-three adolescentes participated in the study (individuals aged 10 to 17 years) of both sexes. The data collection occurred from January to February 2017. It was utilized the Food and Nutrition Surveillance System form to the evaluate food consumption. The collection was performed in an individualized and reserved manner. The collected data was tabulated in the Microsoft Office Excel® software. The analyzes were performed with the support of the Statistical Package for the Social Science (SPSS), version 20.0. RESULTS: Through the analysis of the feed quality of the adolescentes, it was observed that 43 (68.2%) presented a diet considered as healthy, and 20 (31.8%) presented a diet not healthy. Among adolescents, 41 (65.1%) had meals watching TV, using the computer and/or cell phone. In relation to the food consumption, it was observed that 56 (88.9%) consumed beans, 34 (54%) fresh fruits, 36 (57.1%) vegetables and/or legume, 26 (41.3%) hamburgers and/or embedded, 42 (66.7%) had sweetened drinks, 23 (36.5%) consumed instant noodles, salt snacks and 42 (66.7%) stuffed biscuits, candies or sweets. CONCLUSION: The results show the need to carry out educational activities of awareness and demonstration of the harm caused by having meals in front of the media. As well as actions those stimulate healthy eating and reducection of the consumption of processed foods.
Mostrar mais

38 Ler mais

Avaliação da sustentabilidade do perímetro irrigado Poção da Ribeira em Itabaiana, Sergipe

Avaliação da sustentabilidade do perímetro irrigado Poção da Ribeira em Itabaiana, Sergipe

Como um dos objetivos do milênio pactuados entre 191 países por meio da Organização das Nações Unidas (ONU) em 2000, a sustentabiliade é uma meta que deve ser buscada em cada atividade humana. A agricultura irrigada tem sido relatada por consumir cerca de 70% da água utilizada no planeta. Diante do panorama mundial de mudanças climáticas e escassez de recursos hídricos, práticas sustentáveis na agricultura irrigada precisam ser mensuradas, e para isso tem-se buscado o uso de ferramentas a exemplo dos indicadores de sustentabilidade. O perímetro irrigado Poção da Ribeira em Itabaiana, Sergipe, Brasil tem sido citado, no meio acadêmico, por apresentar dificuldades na gestão de recursos hídricos. Diante disto, este trabalho teve por objetivo geral avaliar a sustentabilidade do perímetro irrigado Poção da Ribeira através de indicadores ambientais, sociais e econômicos. Para tanto o trabalho foi dividido em três partes correspondentes aos objetivos específicos: avaliar a qualidade da água do reservatório da Ribeira através de indicadores de risco para agricultura irrigada; avaliar a qualidade agroambiental dos solos do perímetro irrigado Poção da Ribeira através de indicadores químicos; avaliar a condição sustentável do perímetro através de um índice de sustentabilidade composto por indicadores ambientais, sociais e econômicos. Os resultados permitiram concluir que a qualidade da água do reservatório da Ribeira apresenta riscos de fitotoxidade por cloro e sódio durante o período seco para a região, além de risco iminente de contaminação microbiológica por coliformes termotolerantes. Os solos do perímetro irrigado apresentam baixos teores de matéria orgânica e capacidade de troca catiônica e valores elevados de fósforo e potássio indicando um manejo intensivo e inadequado para a manutenção da fertilidade e conservação do solo. Concluiu-se que a superação da individualidade pela organização social, a adoção de práticas conservacionistas do solo, o tratamento sanitário da água, redução e eficiência no consumo da água para irrigação, o abandono do uso de agrotóxicos, a implantação de serviços públicos de assistência técnica rural, educação e capacitação profissional técnica e extensão rural, segurança pública e monitoramento de água e solo, são necessidades que podem melhorar a situação atual e consequentemente a busca da condição de sustentabilidade ideal.
Mostrar mais

92 Ler mais

Percepções e práticas em relação ao patrimônio "Serra do Cajueiro", Itabaiana, Sergipe

Percepções e práticas em relação ao patrimônio "Serra do Cajueiro", Itabaiana, Sergipe

Os problemas de cunho socioambiental nunca estiveram tão evidentes como na atualidade. As formas de uso, utilização e até mesmo de apropriação dos recursos e/ou bens naturais vêm sendo questionadas e analisadas na contemporaneidade. A criação de áreas naturais protegidas tornou-se uma medida cautelar e ao mesmo tempo normativa de proporcionar às gerações futuras o direito a usufruir desses recursos/bens. Nesse sentido, esta análise busca a reflexão sobre as percepções e as práticas dos moradores, visitantes e gestores em relação a Serra do Cajueiro, Itabaiana, Sergipe. Esta está inserida no conjunto do Parque Nacional Serra de Itabaiana. A pesquisa de caráter exploratório descritivo buscou analisar as percepções e as práticas dos sujeitos que se relacionam com a Serra do Cajueiro, levantar os elementos da Serra percebidos, identificar práticas de conservação em relação a mesma e avaliar se a Serra do Cajueiro é considerada um patrimônio por aqueles que se utilizam dela. A interdisciplinaridade desta pesquisa dá-se através das articulações envolvendo os campos que perpassam as diferentes disciplinas relacionadas ao contexto social, ambiental, cultural, espacial e político. Para coleta de dados em campo utilizou-se as técnicas da observação participativa passiva e entrevistas semiestruturadas. Os instrumentos utilizados foram os mapas mentais e os roteiros de entrevistas, em âmbito formal e informal. As informações foram trabalhadas utilizando-se da analise de conteúdo e os mapas mentais foram tabulados e analisados levando-se em consideração os elementos naturais, construídos e humanos. Os resultados apresentaram que as percepções dos moradores e visitantes não convergem com as práticas, no entanto para os moradores essas práticas rotineiras estabelecem um vinculo funcional e/ou simbólico, configurando a Serra do Cajueiro como bem fundante para construção da história de vida dos que utilizam-na em seu cotidiano. Para os visitantes a Serra é considerada um bem sob a perspectiva do processo de burocratização no qual a mesma se insere.
Mostrar mais

104 Ler mais

Sustentabilidade das propriedades rurais do açude da Marcela em Itabaiana-Sergipe

Sustentabilidade das propriedades rurais do açude da Marcela em Itabaiana-Sergipe

Declaro para os devidos fins, que fui esclarecido (a) pelo (s) pesquisador (es) Maria Gabriela Santos Oliveira, Ariovaldo Antônio Tadeu Lucas, Ivana Silva Sobral e Anaíle Oliveira Costa Damásio sobre a minha participação no projeto de pesquisa intitulado “Sustentabilidade das propriedades rurais do Açude da Marcela em Itabaiana- Sergipe”. Fui informado (a) que esta pesquisa possui como objetivo geral avaliar a sustentabilidade ambiental, social e econômica das propriedades rurais presentes no açude da Marcela em Itabaiana-Sergipe, considerando a relevância do mesmo na produção olerícola da região agreste do Estado, sendo importante para a população local, colaborando para o desenvolvimento de pessoas físicas e fortalecendo a economia e desenvolvimento de Sergipe. Fui também esclarecido (a) que o presente estudo oferece aos seus participantes riscos previsíveis de ordem psicológica, intelectual e/ou emocional, tais como: possibilidade de constrangimento, desconforto, estresse, fadiga, quebra de sigilo e anonimato. No entanto, foi assegurado pelo (s) pesquisador (es) que os mesmos serão evitados. Estou ciente que os dados necessários ao desenvolvimento desta pesquisa serão obtidos tanto mediante a realização de entrevistas semiestruturadas baseadas em um roteiro contendo questões pré-determinadas, aplicadas através de um diálogo investigativo. O quadro de perguntas será dividido por blocos de assuntos que serão completados ao longo do diálogo, envolvendo também caminhadas pelas propriedades dos entrevistados. Participarão da pesquisa todos os agricultores que possuem propriedade na área de estudo e demonstrarem interesse em colaborar com os pesquisadores. Autorizo a utilização de todos os dados obtidos neste estudo, incluindo coletas de solos, fotos, gravações, materiais audiovisuais, produzidos para fins didáticos e de divulgação em revistas científicas de origem brasileira ou estrangeira desde que, sejam mantidos o anonimato e a minha privacidade, bem como, assegurados os meus direitos de ser mantido (a) atualizado (a) sobre os resultados parciais desta pesquisa e de ter livre acesso aos pesquisadores para esclarecimento de eventuais dúvidas relacionadas à mesma. Informo ainda, que não sofri qualquer tipo de coerção, que a minha participação é de caráter voluntário e que ficaram claros para mim quais são os objetivos desta pesquisa, os procedimentos nela envolvidos, seus riscos, benefícios e as garantias de confidencialidade e de esclarecimento permanente. Também fui esclarecido que a minha participação é isenta de despesas e de qualquer compensação financeira, sendo possível retirar o meu consentimento e me desvincular do presente estudo em qualquer uma de suas fases, sem penalização alguma.
Mostrar mais

136 Ler mais

Florística e estrutura da vegetação arbustivo-arbórea das Areias Brancas do Parque Nacional Serra de Itabaiana/Sergipe, Brasil.

Florística e estrutura da vegetação arbustivo-arbórea das Areias Brancas do Parque Nacional Serra de Itabaiana/Sergipe, Brasil.

RESUMO – (Florística e estrutura da vegetação arbustivo-arbórea das Areias Brancas do Parque Nacional Serra de Itabaiana/ Sergipe, Brasil). O Parque Nacional Serra de Itabaiana destaca-se pela diversidade itoisionômica, dentre estas, uma conhecida localmente por Areias Brancas, uma vegetação aberta que varia de arbustiva-herbácea a arbustiva-arbórea e classiicada por alguns autores como restinga ou cerrado, a depender do porte. Com intuito caracterizar e classiicar esta itoisionomia foram selecionadas duas áreas amostrais de Areias Brancas no Parque Nacional Serra de Itabaiana e construída uma listagem de acordo com o material depositado no Herbário ASE e de coletas adicionais. Para o estudo itossociológico foi utilizado o método dos quadrantes errantes, amostrando todos os indivíduos com circunferência do tronco (> 15 cm) a altura do peito (1,30 m). Foi veriicada nas Areias Brancas do Parque, a ocorrência de 193 espécies, distribuídas em 143 gêneros e 60 famílias, sendo, em sua maioria, representadas por espécies herbáceas e arbustivas. Destaca-se o alto número de espécies encontradas nas Areias Brancas quando comparado com estudos realizados em todo Parque Nacional. Há similaridade lorística signiicativa entre as áreas amostradas, porém estruturalmente as duas áreas devem ser consideradas como diferentes isionomias sucessionais pelas variações de densidade, altura e dominância. Mesmo possuindo espécies vegetais em comum, as Areias Brancas do Parque Nacional não podem ser classiicadas como restinga ou cerrado por não possuir características de origem comuns a estas formações. As Areias Brancas devem ser consideradas como um refúgio ecológico, uma vegetação azonal derivada de condições especiais da formação do substrato.
Mostrar mais

14 Ler mais

Custo e rentabilidade na produção de batata-doce nos perímetros irrigados de Itabaiana, Sergipe

Custo e rentabilidade na produção de batata-doce nos perímetros irrigados de Itabaiana, Sergipe

In a modern agricultural activity, it is necessary to know the total operational cost, which reflects the overall production cost, besides the relative component participation on the effective operational cost, which reflects the variable costs or expenses effectively accomplished as overhead costs. The objective of the study was to evaluate the profitability of the irrigated sweet potato cv. Brazlândia, by estimation of production costs and profitability, focusing on subsidies for the organization of local farmers. The study was accomplished in the Jacarecica and Poção da Ribeira irrigated perimeters, in the municipality of Itabaiana, Sergipe State, Brazil. Fixed and variable costs, net profit, and rate of return were calculated, during one growing season. The results indicate the need for spending R$ 11,186.25, with the total operational cost reaching R$ 13,824.55. The gross revenue was equal to R$ 26,136.00, resulting in a net margin of R$ 12,331.45 and a rate of return equivalent to 89%, indicating that sweet potato is a feasible alternative for irrigated agriculture in that region.
Mostrar mais

5 Ler mais

Geoquímica e distribuição dos metais traço em testemunhos de sedimento do açude Marcela, Itabaiana - Sergipe

Geoquímica e distribuição dos metais traço em testemunhos de sedimento do açude Marcela, Itabaiana - Sergipe

Neste trabalho foi determinada a distribuição de metais traço em testemunhos de sedimento do Açude Marcela com o objetivo de avaliar a ocorrência de impactos associados à atividade humana e industrial, desenvolvidas naquela região. O Açude Marcela localiza-se na cidade de ItabaianaSergipe, foi construído no período 1953 à 1957 pelo barramento do riacho Fuzil e tem uma área de 1,4km 2 , com capacidade de armazenamento de 2.700.000 m 3 . Foram coletados em novembro de 2008 dois testemunhos de sedimentos com aproximadamente 45cm de profundidade em dois pontos distintos do açude. Os testemunhos foram secionados a cada 5cm para determinação dos seguintes elementos químicos: Co, Cr, Cu, Ni, Pb, Zn, Mn, Al, Fe, Corg e Ntotal. A relação Corg/Ntotal variou de 4,97-7,64 e 6,39-7,69 para os testemunhos I e II, respectivamente, indicando origem autóctone e alóctone para a matéria orgânica presente no sedimento. A análise estatística multivariada (análise de componentes principais-ACP), aplicada ao conjunto dos resultados, mostrou que os dois testemunhos, em relação às concentrações dos metais, são estatisticamente diferentes, com evidências de enriquecimento por Cr, Cu, Mn e Zn, nas camadas mais superficiais. O fator de contaminação calculado mostrou um nível de contaminação moderado para os metais Cr, Cu, Mn e Zn. O Fator de Risco (RAC), que compreende a percentagem do metal extraída na fração lábil (F1) do procedimento (BCR) empregado, indicou que o cromo não apresentou risco ao ambiente. Cobre, níquel e chumbo apresentaram risco baixo a médio, e zinco apresentou risco alto a altíssimo para o ambiente aquático. Sendo assim, pequenas variações nas condições ambientais podem remobilizar esses elementos do sedimento para a coluna d’água. As concentrações dos metais nos testemunhos estiveram entre TEC e o PEC, definidos pelos valores guias de qualidade de sedimento consensual (VGQS), indicando que, nas condições atuais, o sedimento pode exercer efeito adverso aos organismos do açude em questão.
Mostrar mais

123 Ler mais

Flora exótica e exótica invasora do Parque Nacional Serra de Itabaiana, Sergipe

Flora exótica e exótica invasora do Parque Nacional Serra de Itabaiana, Sergipe

Apesar dos dados alarmantes, isso ainda é um assunto desconhecido do público em geral e pouco pesquisado no Brasil (KUNTSCHIK e EDUARTE, 2010). Assim, o objetivo do presente estudo foi inventariar as espécies exóticas que ocorrem no Parque Nacional da Serra de Itabaiana, Sergipe e avaliar os impactos causados pela exótica invasora Urochloa brizantha (Hochst. ex A. Rich.) R.D.Webster sobre a composição, riqueza e diversidade de espécies autóctones do local.

28 Ler mais

Turismo para valorizar e conservar: o sítio arqueológico da Igreja Velha - Itabaiana, Sergipe

Turismo para valorizar e conservar: o sítio arqueológico da Igreja Velha - Itabaiana, Sergipe

A Igreja Velha (sítio arqueológico Igreja de Santo Antônio) no povoado Igreja Velha, Itabaiana (Sergipe), pode ser considerada um marco histórico regional. É um dos mais antigos testemunhos do início da colonização e integração portuguesa no estado de Sergipe, que data do século XVI. Na margem do rio Jacarecica foi edificada a Igreja Velha, juntamente com um Arraial de Santo Antônio, o que viria a ser um início do município de Itabaiana, pois, a partir das intermediações do Arraial de Santo Antônio, os proprietários das sesmarias espalharam- se, povoando os domínios marginais ao rio acima citado. Atualmente, a Igreja Velha ainda é alvo de representações simbólicas por parte da população local, em sua maioria agricultora em sistema de campesinato, quem mantém práticas associadas ao cristianismo. Em contrapartida, está em ruínas e paulatinamente passando por processo de desaparecimento gradual de sua história, por falta de efetivação das políticas de proteção ao patrimônio cultural, falta de articulação entre o poder público, gestores e a população local - o que geralmente está associado à má gestão pública, bem como de conscientização do valor patrimonial. Assim, no presente escrito, pretende-se propor um programa integrado de valorização, conservação e integração do sítio arqueológico Igreja Velha, pelo que se utiliza do turismo arqueológico para preservar e gerar renda local, e da educação patrimonial para formar multiplicadores, integrando a Igreja Velha num circuito turístico pré-existente no município de Itabaiana. Para efetivar o estudo, optou-se por pesquisa de gabinete e saída a campo não interventiva, na qual foram observados os problemas, as potencialidades e a possibilidade de diálogo entre o turismo (integrado) arqueológico e a preservação do patrimônio cultural; na ocasião, também se realizaram entrevistas semiestruturadas com pessoas da comunidade do sítio Igreja Velha e com agentes municipais de cultura de Itabaiana, o que permitiu a elaboração da proposta de um programa de gestão.
Mostrar mais

52 Ler mais

Caracterização da qualidade da água na Barragem do
Perímetro Irrigado de Jacarecica I, Itabaiana, Sergipe.

Caracterização da qualidade da água na Barragem do Perímetro Irrigado de Jacarecica I, Itabaiana, Sergipe.

A preocupação crescente com a disponibilidade hídrica no que se refere a sua qualidade e quantidade vem estimulando o conhecimento da dinâmica dos reservatórios.Esse conhecimento é de fundamental importância para gerenciamento e manejo sustentável de uma bacia hidrográfica e da qualidade da água, principalmente quando se trata de agroecossistemas irrigados. Há uma tendência mundial na preservação dos recursos hídricos, visando garantir sua disponibilidade para usos como doméstico, agrícola, piscicultura, navegação, industrial, lazer, etc. Este trabalho tem por objetivo caracterizar através de parâmetros físico-químicos e biológicos a qualidade da água utilizada no Perímetro Irrigado Jacarecica I, bacia hidrográfica do Rio Jacarecica, município de Itabaiana, SE. Os parâmetros da água medidos foram : pH, temperatura, transparência, turbidez, sólidos suspensos, sólidos totais dissolvidos, oxigênio dissolvido, condutividade elétrica, sódio, potássio, cálcio, magnésio, boro, cloreto, bicarbonato, sulfato, amônia, nitrito, nitrato, nitrogênio total, fósforo total, coliforme fecal, em cinco campanhas de amostragem: janeiro, março, maio, julho e outubro de 2005. Estes parâmetros servem como indicadores ambientais da água da barragem, visando tanto o monitoramento ambiental como a sua adaptabilidade à prática da agricultura irrigada. Com base no Índice de Estado Trófico o reservatório apresenta características de sistemas oligotróficos a eutróficos, dependendo do período e da localização das estações amostradas. Observou-se ainda que ocorre redução do estado de trofia no sentido do rio para a barragem. O nutriente limitante do reservatório no período de estiagem é o nitrogênio e, durante o período chuvoso, a limitação passa a ser do fósforo. Constatou- se um comportamento hidroquímico homogêneo, com predominância do tipo de água cloretada sódica. De acordo com o sistema de classificação do USDA a água pode ser classificada como C2-S1, tanto na estação seca como na chuvosa. Considerando as diretrizes da FAO houve restrição quanto ao uso para o sódio, nos meses de janeiro e março, e para o bicarbonato nos períodos de amostragem
Mostrar mais

89 Ler mais

Briófitas da Serra de Itabaiana, Sergipe, Brasil.

Briófitas da Serra de Itabaiana, Sergipe, Brasil.

Ocorre nos estados do Amazonas, Amapá, Distrito Federal , Espírito Santo, Goiás , Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, [r]

13 Ler mais

Caracterização do material combustível superficial no Parque Nacional Serra de Itabaiana - Sergipe, Brasil.

Caracterização do material combustível superficial no Parque Nacional Serra de Itabaiana - Sergipe, Brasil.

Com relação às fitofisionomias de Campos Graminosos, a baixa quantidade de material combustível da classe MS1 e a ausência de materiais nas classes MS2 e MS3 sugere que os incêndios sejam de pequeno porte e queimem rapidamente todo o estoque de material combustível, já que são os materiais mortos mais grossos (MS2 e MS3), responsáveis pelo aumento do tempo de residência do fogo (BATISTA, 1990). Considerando-se que a mínima quantidade de material combustível nos Campos Graminosos necessária para propagar um incêndio florestal está entre 2 a 2,5 t/ha (HÉLY et al., 2003), a variabilidade espacial da carga presente nos Campos Graminosos do Parque Nacional Serra de Itabaiana pode comprometer a propagação do fogo em algumas áreas. Entretanto, a grande maioria das parcelas estudadas (88%) apresentou carga suficiente ( > 2 t/ha) para propagarem incêndios (Figura 2).
Mostrar mais

8 Ler mais

Avaliação da maturação ossea por meio das vertebras cervicais no municipio de Itabaiana-Sergipe

Avaliação da maturação ossea por meio das vertebras cervicais no municipio de Itabaiana-Sergipe

A amostra foi calculada usando o comando do Power do programa estatístico SAS (Statistical Analysis System), SAS Institute, Cary, NC, versão 9.1, 2003) considerando um poder de 0,80 e nível de significância de 5%, sendo então composta por crianças brasileiras residentes no município de Sergipe, Itabaiana com IDH 0,678 ( Superintendência de Estudos e Pesquisas - SUPES, 2000) integrantes de um programa de governo (PETI – Programa de Erradicação do Trabalho Infantil) destinado a população de baixa renda. O PETI tem como objetivo contribuir para a erradicação de todas as formas de trabalho infantil do País, atendendo famílias de crianças e adolescentes com idade inferior a 16 anos que se encontrem em situação de trabalho. A amostra foi constituída de 140 indivíduos (76 meninos e 64 meninas) com idade entre 7,0 e 14,9 anos sendo realizadas radiografias cefalométricas e radiografias de mão e punho. Nenhum dos pacientes era portador de más formações congênitas ou adquiridas nas vértebras cervicais ou na mão e punho.
Mostrar mais

51 Ler mais

Trabalho camponês na formação territorial de Itabaiana, Sergipe

Trabalho camponês na formação territorial de Itabaiana, Sergipe

Para atingir o objetivo da pesquisa e especialmente do plano de trabalho “Registro de memória social do trabalho camponês”, foram realizadas entrevistas com camponeses. O principal critério utilizado para selecionar entrevistados é a condição de possuir vínculo direto com a terra, ainda que por inúmeros motivos, não resida atualmente no campo. Parte dos entrevistados são alunos do curso de Geografia da Universidade Federal de Sergipe – Campus Prof. Alberto Carvalho, essa seleção foi uma forma de valorização dos discentes camponeses e reconhecimento de seus conhecimentos enquanto estudante e camponês. Todas as entrevistas realizadas foram gravadas em suporte eletrônico e optou-se pela transcrição literal da entrevista, ou seja, o registro do que o entrevistado fala. Meihy; Holanda (2015) apresentam um guia para a construção do registro de memória camponesa desde o momento do depoimento até sua transcrição; de como utilizar esse depoimento como ferramenta metodológica na construção de conhecimento. Os depoentes também assinaram um termo de entrevista livre e esclarecido 2 , onde autorizam o uso do conteúdo da entrevista para fins acadêmicos.
Mostrar mais

33 Ler mais

Caracterização da produção de alface e seleção de genótipos adaptados no município de Itabaiana, Sergipe

Caracterização da produção de alface e seleção de genótipos adaptados no município de Itabaiana, Sergipe

Um dos grandes desafios da agricultura no Estado de Sergipe é caracterizar a sustentabilidade dos sistemas de produção, propor ferramentas e soluções visando à certificação dos produtos agropecuários. Assim, o objetivo deste trabalho foi avaliar a sustentabilidade dos sistemas de produção de olerícolas por produtores de alface em Itabaiana utilizando a metodologia MESMIS (Marco de Avaliação de Sistemas de Manejo de Recursos Naturais Incorporando Indicadores de Sustentabilidade), testando os indicadores quanto a sua eficiência para auxiliar no processo de tomada de decisões. Realizou-se também a seleção de genótipos de alface adaptados às condições climáticas de Itabaiana visando contribuir para a sustentabilidade dos sistemas de produção. Na avaliação da sustentabilidade, os indicadores foram mensurados a partir de dados obtidos junto aos produtores por meio de questionários semi-estruturados, seguindo os passos propostos na metodologia MESMIS. Conclui-se que esta metodologia é eficiente na avaliação da sustentabilidade das fazendas, e os sistemas avaliados não são sustentáveis. Quanto a contribuição para a sustentabilidade empregando o melhoramento vegetal, o genótipo AFX005B-121-02 foi selecionado como promissor na obtenção de uma nova cultivar adaptada as condições da região com características como folhas lisas e resistente aos nematóides Meloidogyne incógnita raça 1 e ao florescimento precoce, que foram identificados como fragilidades dos sistemas de produção, comprometendo a sustentabilidade destes.
Mostrar mais

71 Ler mais

Caracterização mineralógica da fração argila extraída da mina Sagrado Coração de Jesus, no município de Itabaiana, Sergipe

Caracterização mineralógica da fração argila extraída da mina Sagrado Coração de Jesus, no município de Itabaiana, Sergipe

O complexo estudado é composto predominantemente por ortognaisses miloníticos bandados de composição granítica a granodiorítica, com intercalações boudinadas de anfibolitos e gabros, por vezes com feições migmatíticas refletindo vários estágios de anatexia parcial. A composição mais frequente desses gnaisses de fácies anfibolito inclui quartzo, feldspato potássico, plagioclásio, biotita (hornblenda?), moscovita, sericita, epidoto e clorita. Alguns gnaisses apresentam porfiroclastos de feldspato, relíquias de textura ígnea original, por vezes transformados em augen gnaisse. Isto pode ser visto no rio Jacarecica, contato leste do Domo de Itabaiana, tanto em afloramentos do próprio gnaisse como em clastos angulosos no conglomerado basal do quartzito da Formação Itabaiana (Santos et al., 1998).
Mostrar mais

42 Ler mais

EFEITOS DA AÇÃO ANTRÓPICA NA FAUNA DE LAGARTOS DO PARQUE NACIONAL SERRA DE ITABAIANA, SERGIPE

EFEITOS DA AÇÃO ANTRÓPICA NA FAUNA DE LAGARTOS DO PARQUE NACIONAL SERRA DE ITABAIANA, SERGIPE

The Parque Nacional Serra de Itabaiana (PNSI) is nature reserve considered appropriate to ecoturism for present a natural beauty, rivers and areas to practice some adventure sports like rappelling and trekking trails. We evaluated whether antropic action negatively affect the distribution of PNSI lizards. Our study, evaluated the relationship between the distance from the main trail of the park with the structural complexity of the environment and the distribution of species of lizards in eight plots of one hectare. We recorded for active search, five species of lizards of the Tropiduridae, Teiidae and Sphaerodactylidae families. The study of the structural complexity of microhabitat pointed out some differences between near and far plots of the main trail. The highest lizard specimes abundance occurred in plots near the track, favored by low humidity. The anthropic action was registered as the fragmentation of areas to open clearings and the main track of the Parque Nacional Serra de Itabaiana influence the community lizards, in the sense that they use the edges to keep their physiological needs and ecological, because this sites there is higher luminosity and lowest air humidity.
Mostrar mais

12 Ler mais

Histórias contadas e vividas : memórias da Escola Normal Rural Murilo Braga de Itabaiana/Sergipe (1950/1972)

Histórias contadas e vividas : memórias da Escola Normal Rural Murilo Braga de Itabaiana/Sergipe (1950/1972)

. The classes after 1971 were regulated by the LDB No. 5692/71. The aim of this study is to analyze the process of teacher training of Murilo Braga. Within the purposes of the federal government, Murilo Braga Rural Normal School was created to train rural teachers, however, there wasn't the adequacy in the organization of normal and primary education of Sergipe, in order to meet the objectives of the implementation, and neither attracted a number of people to meet the demand for teachers in rural primary schools. The student teachers composed the teaching staff of Murilo Braga and primary schools in the city. The narrative is included in studies of the History of Education in the perspective of Cultural History, and oral, by allowing to study the various contexts in which historical subjects are inserted. The main concepts used were those of Civilization (ELIAS, 1993); Habitus (BOURDIEU, 1990); Representation (CHARTIER, 2009). The study contributes to the historiography of Sergipe Education, by discussing the history of primary teachers training from an inner educational institution, little explored by researchers of Sergipe education. A school that after 1970 was considered the reference to education in the state.
Mostrar mais

216 Ler mais

Show all 2191 documents...