Light Steel Framing

Top PDF Light Steel Framing:

Bruno da Rocha Junqueira "SISTEMA CONSTRUTIVO LIGHT STEEL FRAMING APLICADO NA CONSTRUÇÃO DE UMA AGÊNCIA BANCÁRIA"

Bruno da Rocha Junqueira "SISTEMA CONSTRUTIVO LIGHT STEEL FRAMING APLICADO NA CONSTRUÇÃO DE UMA AGÊNCIA BANCÁRIA"

O termo Light Steel Framing, Estrutura de Aço Leve, representa sucintamente o conceito do sistema, perfis formados a frio em aço galvanizado que formam um esqueleto estrutural capaz de resistir as cargas da edificação e dos demais componentes e subsistemas inter-relacionados, segundo Santiago (2008). O sistema é uma evolução do Wood Frame, muito aplicado na colonização americana, em que era usado somente madeira como elemento estrutural. A figura 2.1 ilustra os principais elementos usados no LSF.

43 Ler mais

PROPEC-Programa de Pós Graduação em Engenharia Cívil :: Métodos de avaliação da resistência e transmitância térmicas do sistema de fechamento em Light Steel Framing

PROPEC-Programa de Pós Graduação em Engenharia Cívil :: Métodos de avaliação da resistência e transmitância térmicas do sistema de fechamento em Light Steel Framing

Diante do crescimento populacional e dos avanços tecnológicos, a indústria da construção civil no mundo tem buscado sistemas mais eficientes de construção com o objetivo de aumentar a produtividade, diminuir o desperdício e atender a uma demanda crescente. Nesse aspecto, o uso do aço na construção civil aparece como uma das alternativas para mudar o panorama desse setor. O sistema Light Steel Framing (LSF) introduzido no Brasil no final da década de 1990 está passando por um processo de desenvolvimento técnico e de aceitação no mercado da construção civil nacional, mas ainda existem deficiências no projeto, no detalhamento e na execução dos sistemas complementares de fechamento e também no seu desempenho térmico. Tendo em vista esses aspectos, neste trabalho faz-se um estudo dos métodos de cálculo da resistência térmica e transmitância térmica equivalentes para fechamentos em LSF. Esse estudo abrange uma abordagem analítica na qual são apresentados os métodos simplificados de cálculo da resistência e transmitância térmicas e uma abordagem numérica, utilizando o programa computacional ANSYS (versão 15), para a verificação e comparação desses métodos. Pelos resultados obtidos observa-se que dos métodos simplificados de cálculo da resistência e transmitância térmicas apresentados, os métodos dos Planos Isotérmicos e Zona Modificada são aqueles que apresentam a menor diferença no valor, via análise numérica comparada à análise analítica, para os tipos de fechamentos aqui utilizados, ou seja, 9,31 % e 4,20%, respectivamente.
Mostrar mais

110 Ler mais

PROJETOS PARA PRODUÇÃO DE RESIDÊNCIAS UNIFAMILIARES EM LIGHT STEEL FRAMING André Luiz Vivan

PROJETOS PARA PRODUÇÃO DE RESIDÊNCIAS UNIFAMILIARES EM LIGHT STEEL FRAMING André Luiz Vivan

Este trabalho tem por objetivo principal a proposição de diretrizes para a elaboração de projetos para produção voltados para a construção de habitações unifamiliares de Light Steel Framing. Tais diretrizes envolvem considerações a respeito da apresentação dos projetos e sobre sequências de montagem dos principais elementos de uma edificação em Light Steel Framing, promovendo maior construtibilidade aos projetos. Paralelo a estas diretrizes, foram desenvolvidos alguns detalhes gráficos com relação aos elementos abordados baseados no conceito do Design for Assembly. Para isso, foram utilizadas as informações da revisão bibliográfica, que aborda conceitos como a Engenharia Simultânea, Lean Design e o próprio Projeto para Produção, e as informações coletadas nas entrevistas estruturadas. O produto desta dissertação contribui para o avanço dos estudos a respeito do processo de projeto do Light Steel Framing, além de promover o uso de conceitos pouco abordados ou utilizados na Construção Civil. Sendo um sistema construtivo pré-fabricado, o Light Steel Framing colabora com a modernização dos processos envolvidos em obras de pequeno porte e facilita o emprego de princípios de gestão como da Lean Construction e de ferramentas como o Design for Assembly.
Mostrar mais

226 Ler mais

Modelagem numérica de diagonais equivalentes em painéis de cisalhamento do sistema Light Steel Framing

Modelagem numérica de diagonais equivalentes em painéis de cisalhamento do sistema Light Steel Framing

Este trabalho apresenta um estudo sobre a estabilidade estrutural de painéis de cisalhamento “Shear Wall" do sistema Light Steel Framing (LSF). O sistema construtivo LSF, também conhecido como sistema autoportante de construção a seco estruturado em aço, vem se consolidando no mercado brasileiro da construção civil. Esse sistema é composto por painéis reticulados de perfis de aço galvanizado formado a frio que trabalham em conjunto com placas, proporcionando uma estrutura autoportante. Os reticulados são compostos por perfis esbeltos, denominados de guias e montantes. As placas podem ser de Oriented Strand Board (OSB) ou cimentícias, ambas com considerável resistência mecânica, ou de gesso acartonado, com função apenas de vedação. No presente trabalho é desenvolvido um modelo numérico tendo como base o método dos elementos finitos, empregando o software ABAQUS para a análise estrutural. Com os resultados obtidos do modelo numérico, é proposto um modelo analítico para o método da diagonal equivalente e uma equação baseada na regressão não linear multivariada para representar o modelo de modo mais geral. Desta forma, a análise estrutural do painel de cisalhamento poderá ser realizada com o processamento dos reticulados metálicos sem as placas estruturais, mas contraventado com uma barra circular fictícia trabalhando à tração (Diagonal Equivalente).
Mostrar mais

131 Ler mais

ANÁLISE DO CICLO DE VIDA ENERGÉTICO DE PROJETO DE HABITAÇÃO DE INTERESSE SOCIAL CONCEBIDO EM LIGHT STEEL FRAMING

ANÁLISE DO CICLO DE VIDA ENERGÉTICO DE PROJETO DE HABITAÇÃO DE INTERESSE SOCIAL CONCEBIDO EM LIGHT STEEL FRAMING

The construction industry in Brazil has great importance both socially and economically, but generates more than 50% of municipal solid waste and consuming large quantities of raw materials, energy and water. Thus the sector is strategic under the environmental point of view, since small changes in their processes cause the reduction of environmental impacts. To meet the current housing shortage, many building systems are being employed in the country, among which, the Light Steel Framing (LSF), which consists of a rational building system, and industrial productivity. The aim of this study was to simulate the amount of embodied energy original (EEi) of a standard project aimed at social housing using the LSF as a constructive system, applying the concepts of Life Cycle Analysis of Energy (ACVE). To achieve this goal initially was held to review the literature on sustainability, and LSF construction system ACVE. Following the adjustment was made for a project for social housing in structural masonry designed to LSF. From the specifications for materials and components, their respective values of the quantitative EEi and held the simulation of the quantity of EEi considering three scenarios: project conceived in structural masonry concrete block, masonry, structural ceramic blocks and LSF. Comparing the results of three simulations, it was concluded that the project designed masonry structural ceramic blocks showed the lowest absolute value of the EEi in relation to other systems simulated (117.6 GJ and 3.0 GJ / m² ), with the LSF presented an intermediate value (154.3 GJ and 3.9 GJ / m²), but very close to the masonry of ceramic blocks, while designed masonry concrete blocks had a higher value (262 , 0 GJ and 6.6 GJ / m²), largely due to the high value of IAS adopted for the concrete. It is noteworthy that these results should not be extrapolated as EE values were used for materials and components used in these construction systems referenced in the international literature, which indicates the need to build a national database about.
Mostrar mais

164 Ler mais

MÉTODO DE AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO TÉRMICO DE EDIFÍCIOS COMERCIAIS E RESIDENCIAIS EM LIGHT STEEL FRAMING

MÉTODO DE AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO TÉRMICO DE EDIFÍCIOS COMERCIAIS E RESIDENCIAIS EM LIGHT STEEL FRAMING

O sistema Light Steel Framing (LSF) foi introduzido no Brasil no final da década de 90, quando algumas construtoras começaram a importar kits pré-fabricados dos EUA para montagem de casas residenciais. O sistema LSF está passando por um processo de desenvolvimento técnico e de aceitação no mercado da construção civil nacional, mas ainda existem deficiências no projeto, no detalhamento e na execução dos sistemas complementares de fechamento. A avaliação do desempenho térmico de edificações em LSF no programa EnergyPlus pode ser realizada considerando métodos que incluem ou não a estrutura de aço na simulação numérica. Dependendo do método adotado, os resultados das cargas térmicas e da temperatura interna dos ambientes podem superestimar o desempenho térmico da edificação. O objetivo deste trabalho foi desenvolver um método específico para avaliar o desempenho térmico de edificações em LSF, naturalmente ventiladas ou condicionadas artificialmente, considerando os efeitos das pontes térmicas em uma análise global. O método das Propriedades Térmicas Combinadas foi utilizado como base para considerar os efeitos dos perfis de aço em simulações numéricas no programa EnergyPlus. Foram realizados estudos de caso para exemplificar a aplicação do método e discutir parâmetros importantes na simulação de edificações. Observou-se que nas edificações residenciais naturalmente ventiladas não houve diferenças significativas entre os resultados da simulação considerando ou não os efeitos das pontes térmicas. No entanto, a aplicação do método em estudos de caso de edificações condicionadas artificialmente mostrou que, ao se aumentar a diferença de temperatura entre o interior e exterior da edificação por meio do acionamento do sistema de condicionamento de ar, os efeitos das pontes térmicas foram mais significativos, chegando a representar uma variação no pico da carga térmica em cerca de 10%.
Mostrar mais

166 Ler mais

Estudo numérico do isolamento térmico de painéis do sistema Light Steel Framing em situação de incêndio

Estudo numérico do isolamento térmico de painéis do sistema Light Steel Framing em situação de incêndio

O sistema construtivo Light Steel Framing vem sendo utilizado em grande escala e sua aplicação é cada vez mais popular no Brasil. Este trabalho apresenta um estudo numérico da transferência de calor em modelos de painéis para este sistema. O estudo analisou a transferência de calor através da espessura da parede quando submetida a elevadas temperaturas, a variação e a distribuição da temperatura e a proteção térmica proporcionada pelos materiais envolvidos. Foram desenvolvidos modelos considerando o perfil metálico e diferentes configurações de placas de fechamento, com suas respectivas condições de contorno e propriedades em situação de incêndio. Alterou-se a configuração dos materiais constituintes de um painel de parede através: do emprego de uma ou duas placas de gesso acartonado em cada lado; do uso ou não de material isolante, lã de rocha, no interior da parede. Diferentes tipos de proteções foram desenvolvidas para o perfil formado a frio utilizando partes de placas de gesso. As análises foram efetuadas a partir do Método dos Elementos Finitos e os modelos foram expostos ao incêndio-padrão e ao incêndio natural. Constatou-se que o acréscimo de uma segunda placa de gesso proporciona uma redução significante da elevação da temperatura ao longo da espessura da parede, atendendo tempo requerido de resistência ao fogo, TRRF, superior a 120 minutos, com o isolamento térmico. O uso de isolamento no preenchimento da cavidade leva a valores maiores de temperatura no perfil formado a frio, próximo ao lado de exposição ao incêndio, em função da baixa condutividade térmica da lã de rocha. Constatou-se também que as proteções desenvolvidas para o perfil metálico mostraram-se bastantes satisfatórias, proporcionando redução significante da temperatura.
Mostrar mais

173 Ler mais

Estudo da estabilidade e da capacidade resistente de painéis estruturais do sistema construtivo Light Steel Framing

Estudo da estabilidade e da capacidade resistente de painéis estruturais do sistema construtivo Light Steel Framing

O presente trabalho estuda a estabilidade de painéis estruturais do sistema construtivo Light Steel Framing (LSF) a partir da modelagem computacional de painéis estruturais, com o intuito de analisar a instabilidade global, os deslocamentos horizontais de topo e os esforços resistentes dos perfis formados a frio que compõem estas estruturas. Realizaram-se análises lineares, não-lineares e de flambagem de geometrias de painéis comumente empregadas e indicadas na literatura, e de formatos diferenciados, buscando encontrar configurações de travamento que pudessem permitir maior estabilidade e a utilização de perfis mais esbeltos do que os indicados por norma para este tipo de sistema construtivo. Constatou-se que os painéis aqui estudados atingem seus estados-limites quando são utilizados perfis de menores espessuras do que aquelas normalmente indicadas, e que a geometria do painel proposto no estudo efetuado mostrou-se viável, tornando-se uma alternativa às configurações comumente empregadas e recomendadas pela literatura em questão e oferecendo estabilidade, capacidade resistente, segurança e economia de material.
Mostrar mais

208 Ler mais

TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO ESTRUTURAS EM LIGHT STEEL FRAMING: PROJETO E DIMENSIONAMENTO EM SOFTWARES 3D

TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO ESTRUTURAS EM LIGHT STEEL FRAMING: PROJETO E DIMENSIONAMENTO EM SOFTWARES 3D

O sistema construtivo de estruturas leves em aço, conhecido como Light Steel Framing (LSF), permite a racionalização da construção civil por meio do processo de industrialização dos elementos de uma edificação. Buscando eficiência construtiva com o aumento da produtividade, diminuição do desperdício e o atendimento da alta demanda por edificações, haja vista a necessidade advinda do déficit habitacional brasileiro, o sistema LSF, formado por perfis formados a frio (PFF), é tratado como solução estrutural viável para o país. Nessa perspectiva, o trabalho produzido permite conhecer as particularidades desse método construtivo, tais como materiais, terminologias empregadas, características de projeto e considerações de cálculo. Em seguida, a partir da concepção de um projeto arquitetônico de uma edificação de baixo custo, desenvolve-se a modelagem estrutural em programas 3D (mCalc3D e mCalcLSF). Usando principalmente as normas brasileiras ABNT NBR 8800:2008, NBR 14762:2010, NBR 15253:2104 e NBR 15575:2013, a avaliação dos esforços resistentes para cada perfil e dos deslocamentos máximos da estrutura é discutida a fim de possibilitar o adequado dimensionamento dos elementos da construção. Por fim, a estimativa de quantidades e perfis utilizados no projeto final são brevemente exploradas no intuito de que, em um trabalho futuro, possa ser pesquisada a viabilidade econômica desse sistema em comparação aos métodos construtivos tradicionais.
Mostrar mais

127 Ler mais

Influência da inércia térmica do solo e da ventilação natural no desempenho térmico: um estudo de caso de um projeto residencial em light steel framing.

Influência da inércia térmica do solo e da ventilação natural no desempenho térmico: um estudo de caso de um projeto residencial em light steel framing.

O desempenho térmico de duas habitações unifamiliares em Light Steel Framing foi avaliado por Gomes (2007). O autor utilizou o programa EnergyPlus para simular a resposta global da edificação considerando diferentes composições de painéis adequados ao clima das regiões de interesse (Curitiba, Belo Horizonte, Brasília, Goiânia, Teresina e Belém). Observou-se que é possível reproduzir quaisquer comportamentos térmicos de painéis, de acordo com as exigências do projeto, uma vez que o sistema de fechamento no LSF é baseado no conceito de isolação multicamada.
Mostrar mais

16 Ler mais

Performance of external vertical panel design in Light Steel Framing composed of Mineralized Wood Board Jocely Rosanna da Silva Nogueira Ivan Júlio Apolônio Callejas Luciane Cleonice Durante Resumo

Performance of external vertical panel design in Light Steel Framing composed of Mineralized Wood Board Jocely Rosanna da Silva Nogueira Ivan Júlio Apolônio Callejas Luciane Cleonice Durante Resumo

atender os requisitos normativos de desempenho estabelecidos pela NBR 15575: desempenho de edificações habitacionais (ABNT, 2013a, 2013b). No atual cenário da construção civil brasileira, uma alternativa viável técnica e economicamente seria a utilização de sistemas de vedações verticais industrializados, que, apesar de não serem novidade para a indústria da construção brasileira, ainda são pouco utilizados nos projetos de edificações habitacionais quando comparados aos sistemas convencionalmente empregados (MÓDENA, 2009). Esse fato torna seu emprego não só um desafio, mas também, uma oportunidade para melhorias em termos de produtividade e qualidade, visto que, o uso de produtos industrializados exige ações mais cuidadosas durante o processo de projeto e fabricação, resultado melhor acabamento e qualidade Dentre os sistemas industrializados utilizados atualmente na construção de edificações está o Light Steel Framing (LSF), uma tipologia bastante difundida na construção de edificações habitacionais no mundo, sendo uma alternativa viável, principalmente nos aspectos de produtividade, controle de qualidade, redução de desperdícios, comuns na construção convencional. Além disso, há a possibilidade de variação nas composições utilizadas em projetos de sistemas de vedação vertical (CRASTO, 2005; COSTA; LOVATO; COSTA, 2016; MASS; TAVARES, 2016).
Mostrar mais

19 Ler mais

Heat flow avaliation in closing system in light steel framing / Avaliação do fluxo de calor no sistema de fechamento em light steel framing

Heat flow avaliation in closing system in light steel framing / Avaliação do fluxo de calor no sistema de fechamento em light steel framing

The use of steel in construction appears as an alternative to change the overview of this sector, contributing to increase productivity, reduce waste and the running time of construction. The Light Steel Framing System (LSF) introduced in Brazil in the late 1990s is going through a process of technical development and acceptance in the domestic construction market, but there are still shortcomings in the design, detailing and implementation of complementary systems of closing and also in its thermal performance. This study covers an analytical approach in which simplified methods of calculating resistance and thermal transmittance and a numerical approach are presented, using the computer program ANSYS (version 15) for checking and comparing of these methods. It is considered the closing of multi-layer compound in the outer layer by cement board and the inner layer of gypsum board, brokered by fiber glass insulation, with studs formed by C-sections profiles in galvanized steel. Among the simplified methods discussed in analytical analysis, the method of Isothermal Plans showed the lowest value of thermal resistance and thus the highest thermal transmittance and heat flow. In relation to the numerical analysis, the results showed that the heat flow is equal to a value around 49% higher than the heat flux value for a closing without the presence of steel profile. The method of Modified Zone showed the smallest difference in the value of the equivalent thermal resistance in comparison of analytical and numerical analysis.
Mostrar mais

16 Ler mais

Influência da inércia térmica do solo e da ventilação natural no desempenho térmico: um estudo de caso de um projeto residencial em light steel framing

Influência da inércia térmica do solo e da ventilação natural no desempenho térmico: um estudo de caso de um projeto residencial em light steel framing

A origem do sistema Light Steel Framing (LSF) remonta ao início do século XIX, com as habitações em madeira construídas pelos colonizadores em território norte-americano. Para atender ao crescimento da população foi necessário empregar métodos mais rápidos e produtivos na construção de habitações, utilizando os materiais disponíveis na região, no caso a madeira. Esse método consistia em uma estrutura composta de peças em madeira serrada de pequena seção transversal conhecida por balloon framing. A partir daí, as construções em madeira conhecidas por woodframe tornaram-se a tipologia residencial mais comum nos Estados Unidos. Aproximadamente cem anos depois, em 1933, com o grande desenvolvimento da indústria do aço, foi lançado na Feira Mundial de Chicago o protótipo de uma residência em steel framing, que utilizava perfis de aço em substituição à estrutura de madeira (FRECHETTE, 1999).
Mostrar mais

16 Ler mais

Light Steel Framing: uso em construções habitacionais empregando a modelagem virtual...

Light Steel Framing: uso em construções habitacionais empregando a modelagem virtual...

No entanto, apesar do protótipo ter sido construído no início do século XX somente na última década desse mesmo século é que o sistema Light Steel Framing ganhou espaço entre as construções americanas. O impulso para a utilização do sistema se deu em função dos grandes desastres que ocorreram naquele continente, como a passagem do furacão Andrew (agosto de 1992) pela costa leste americana e o terremoto de Northridge (janeiro de 1994), próximo a Los Angeles. Segundo Jardim e Campos (2014) a maioria das residências em Light Wood Framing não resistiu aos impactos dos eventos naturais, e consequentemente as empresas de seguros passaram a incentivar o uso das construções em Light Steel Framing, que possuíam uma resistência maior aos sismos e furacões 38 .
Mostrar mais

198 Ler mais

Impact of thermal bridging on the performance of buildings using Light Steel Framing in Brazil

Impact of thermal bridging on the performance of buildings using Light Steel Framing in Brazil

Metallic structures that are lighter and more cost-effective have been developed in association with the industrialised construction process. A system that uses such lighter metal frame structures is the Light Steel Framing system (LSF). The LSF has stimulated great interest in the Brazilian market. The LSF employs the principles of construction industrialisation including rationalisation, stand- ardisation, modular coordination and transformation of the jobsite * Corresponding author. Tel./fax: þ55 31 3551 0741.

6 Ler mais

REPOSITORIO INSTITUCIONAL DA UFOP: Métodos de avaliação da resistência e transmitância térmicas do sistema de fechamento em Light Steel Framing.

REPOSITORIO INSTITUCIONAL DA UFOP: Métodos de avaliação da resistência e transmitância térmicas do sistema de fechamento em Light Steel Framing.

Diante do crescimento populacional e dos avanços tecnológicos, a indústria da construção civil no mundo tem buscado sistemas mais eficientes de construção com o objetivo de aumentar a produtividade, diminuir o desperdício e atender a uma demanda crescente. Nesse aspecto, o uso do aço na construção civil aparece como uma das alternativas para mudar o panorama desse setor. O sistema Light Steel Framing (LSF) introduzido no Brasil no final da década de 1990 está passando por um processo de desenvolvimento técnico e de aceitação no mercado da construção civil nacional, mas ainda existem deficiências no projeto, no detalhamento e na execução dos sistemas complementares de fechamento e também no seu desempenho térmico. Tendo em vista esses aspectos, neste trabalho faz-se um estudo dos métodos de cálculo da resistência térmica e transmitância térmica equivalentes para fechamentos em LSF. Esse estudo abrange uma abordagem analítica na qual são apresentados os métodos simplificados de cálculo da resistência e transmitância térmicas e uma abordagem numérica, utilizando o programa computacional ANSYS (versão 15), para a verificação e comparação desses métodos. Pelos resultados obtidos observa-se que dos métodos simplificados de cálculo da resistência e transmitância térmicas apresentados, os métodos dos Planos Isotérmicos e Zona Modificada são aqueles que apresentam a menor diferença no valor, via análise numérica comparada à análise analítica, para os tipos de fechamentos aqui utilizados, ou seja, 9,31 % e 4,20%, respectivamente.
Mostrar mais

110 Ler mais

Giane Alfenas Antunes Hofmann TRATAMENTOS DE JUNTAS INVISÍVEIS EM PLACAS CIMENTÍCIAS NO FECHAMENTO DE SISTEMAS LIGHT STEEL FRAMING

Giane Alfenas Antunes Hofmann TRATAMENTOS DE JUNTAS INVISÍVEIS EM PLACAS CIMENTÍCIAS NO FECHAMENTO DE SISTEMAS LIGHT STEEL FRAMING

A construção civil leve brasileira tem passado por uma transformação nos últimos anos. A construção industrializada, pensada para promover agilidade e economia, se estabelece no cenário da engenharia civil. O desperdício e imprevistos da prática construtiva em concreto armado dividem agora espaço com inovações como o Light Steel Framing, um sistema de estrutura em aço galvanizado que utiliza painéis nos fechamento internos e externos. O fechamento externo, feito inicialmente com OSB, é feito agora com placa cimentícia. É nesse fechamento que se localiza a patologia mais frequente neste sistema, as trincas. Uma das causas de trinca é o tratamento de juntas entre estas placas, que é muitas vezes ineficiente ou sofre patologias devido aos vícios de construção. Pelo fato de este tipo de fechamento ser ainda mais novo do que a utilização do Light Steel Framing, e por haver diversos fabricantes que recomendam formas diferentes de fazer tal tratamento, foi feito este estudo, com o objetivo de conhecer as placas mais utilizadas no mercado brasileiro, assim como seus respectivos tratamentos de juntas. Observa-se que não há no mercado nacional uma padronização no tratamento de juntas nos fechamentos em placa cimentícia e que os construtores seguem o tratamento indicado pelo fabricante da placa utilizada.
Mostrar mais

105 Ler mais

Giane Alfenas Antunes Hofmann TRATAMENTOS DE JUNTAS INVISÍVEIS EM PLACAS CIMENTÍCIAS NO FECHAMENTO DE SISTEMAS LIGHT STEEL FRAMING

Giane Alfenas Antunes Hofmann TRATAMENTOS DE JUNTAS INVISÍVEIS EM PLACAS CIMENTÍCIAS NO FECHAMENTO DE SISTEMAS LIGHT STEEL FRAMING

A construção civil leve brasileira tem passado por uma transformação nos últimos anos. A construção industrializada, pensada para promover agilidade e economia, se estabelece no cenário da engenharia civil. O desperdício e imprevistos da prática construtiva em concreto armado dividem agora espaço com inovações como o Light Steel Framing, um sistema de estrutura em aço galvanizado que utiliza painéis nos fechamento internos e externos. O fechamento externo, feito inicialmente com OSB, é feito agora com placa cimentícia. É nesse fechamento que se localiza a patologia mais frequente neste sistema, as trincas. Uma das causas de trinca é o tratamento de juntas entre estas placas, que é muitas vezes ineficiente ou sofre patologias devido aos vícios de construção. Pelo fato de este tipo de fechamento ser ainda mais novo do que a utilização do Light Steel Framing, e por haver diversos fabricantes que recomendam formas diferentes de fazer tal tratamento, foi feito este estudo, com o objetivo de conhecer as placas mais utilizadas no mercado brasileiro, assim como seus respectivos tratamentos de juntas. Observa-se que não há no mercado nacional uma padronização no tratamento de juntas nos fechamentos em placa cimentícia e que os construtores seguem o tratamento indicado pelo fabricante da placa utilizada.
Mostrar mais

105 Ler mais

Avaliação do ciclo de vida energético e de emissões de CO2 de uma edificação habitacional unifamiliar de light steel framing

Avaliação do ciclo de vida energético e de emissões de CO2 de uma edificação habitacional unifamiliar de light steel framing

DF. Foram comparados dois diferentes sistemas de vedação vertical (externa e interna): light steel framing (LSF) e blocos cerâmicos de vedação convencional (VC), considerando o ciclo de vida completo da EHU, também chamado de berço ao túmulo, a partir das etapas de pré-uso, uso e pós- uso da edificação. A metodologia utilizada se baseou em estudos nacionais e internacionais, realizados por meio da pesquisa bibliográfica e da aplicação a um estudo de caso. Foram utilizados diferentes dados de inventário, obtidos da literatura, para valores mínimos, médios e máximos. As equações utilizadas foram aplicadas em planilhas eletrônicas e foi utilizado o software de simulação termoenergética, DesignBuilder, para obtenção do consumo de energia e emissões de CO 2 na etapa operacional da edificação em estudo, avaliando a relação do desempenho térmico dos
Mostrar mais

174 Ler mais

ARQUITETURA E TECNOLOGIA EM SISTEMAS CONSTRUTIVOS INDUSTRIALIZADOS: LIGHT STEEL FRAMING

ARQUITETURA E TECNOLOGIA EM SISTEMAS CONSTRUTIVOS INDUSTRIALIZADOS: LIGHT STEEL FRAMING

Vários materiais têm sido desenvolvidos para atender estes requisitos. Nos países que utilizam largamente construções em Steel Framing, as pesquisas relativas ao conforto térmico têm propiciado a evolução no uso de sistemas de maior desempenho térmico devido ao clima temperado e a necessidade de economizar energia. Para o isolamento térmico da edificação, outro ponto a ser considerado é que os perfis que compõem a estrutura têm a capacidade de produzir pontes térmicas em determinadas condições de temperatura. Por isso em muitos casos, as pesquisas se detêm a sistemas de fechamento externo que possuam grande capacidade de isolamento térmico como painéis de EIFS (Figura 6.1), que em Inglês corresponde a “Exterior Insulation and Finish System”, que consiste em um sistema multicamada composto de isolamento térmico com EPS (poliestireno expandido), revestimento especial (argamassa polimérica) e tela de fibra de vidro que garante a resistência e durabilidade dos painéis.
Mostrar mais

255 Ler mais

Show all 3041 documents...