Padrões de circulação

Top PDF Padrões de circulação:

Estudo de Ciclones e de Padrões de Circulação Atmosférica no Oceano Atlântico Sul Próximo à Costa das Regiões Sul e Sudeste do Brasil Usando Dados da Reanálise do Era-Interim.

Estudo de Ciclones e de Padrões de Circulação Atmosférica no Oceano Atlântico Sul Próximo à Costa das Regiões Sul e Sudeste do Brasil Usando Dados da Reanálise do Era-Interim.

O objetivo desta pesquisa é estudar os ciclones e os padrões de circulação atmosférica a eles associados no Oceano Atlântico Sul, próxima à costa das Regiões Sul e Sudeste do Brasil, usando dados da Reanálise ERA-Interim nos meses de outubro a abril dos anos de 2003 a 2013. Foi desenvolvido um método objetivo para obter as datas, a localização e a intensidade dos ciclones, o que permitiu gerar compostos de algumas variáveis meteorológicas. Os resultados mos- traram que em média ocorreram 17 casos de ciclones entre os meses de outubro a abril e que o período de vida dentro da região de estudo chegou até a 8 dias em alguns casos. O período de out/08 a abr/09 chama atenção por ter apresentado 27 casos. Os compostos para o período mostraram que a combinação de difluência no escoamento em altos níveis, associada a um cavado em médios níveis e a presença de anomalias positivas do vento zonal são favoráveis à formação de ciclones no Atlântico Sul, próximo à costa das Regiões Sul e Sudeste do país. A convergência do escoamento em baixos níveis é decisiva para estimular a ciclogênese na região. O estudo de caso mostrou uma aplicação da ferramenta desenvolvida que pode ter utilidade no aperfeiçoamento dos modelos numéricos de previsão desse tipo de sistema meteorológico.
Mostrar mais

16 Ler mais

Padrões de circulação em superfície e em 500 hPa na América do Sul e eventos de anomalias positivas de precipitação no estado de Minas Gerais durante o mês de dezembro de 2011.

Padrões de circulação em superfície e em 500 hPa na América do Sul e eventos de anomalias positivas de precipitação no estado de Minas Gerais durante o mês de dezembro de 2011.

O presente trabalho apresenta uma classiicação dos campos de circulação atmosférica em superfície e 500 hPa sobre a América do Sul durante o mês de dezembro, com o intuito de identiicar os principais padrões sinóticos que inluenciam o tempo na Região Sudeste do Brasil, principalmente no Estado de Minas Gerais (MG). A metodologia utilizada foi a técnica de Análise de Componentes Principais rotacionadas aplicada à série de reanálises do NCEP para o período 1986-2011. O intuito inal desta classiicação foi determinar os padrões de circulação predominantes durante o mês de dezembro de 2011, que estiveram relacionados com a ocorrência de precipitações anômalas no Estado de MG. Os resultados obtidos para o período 1986-2011 destacam seis padrões de sequências principais (PSP) de circulação em superfície e quatro padrões de altitude que representam 72,8% e 94% dos casos analisados, respectivamente. Em superfície houve três padrões de circulação principais associados com maior probabilidade de ocorrência de chuva sobre o Estado MG; um deles associado com uma frente fria no sul da Região Sudeste (PSP2-Sup), e outros dois (PSP3-Sup e PSP5-Sup) relacionados com uma coniguração de bloqueio de tipo “dipolo” no oceano Atlântico determinado por um anticiclone localizado em torno de 50°W, 45°S e por uma baixa posicionado ao norte do anticiclone em torno de 25°S. Em 500 hPa houve dois padrões de circulação associados com a ocorrência de chuva signiicativa sobre o Estado mineiro que se reletiram nos campos obtidos em superfície; um deles associado ao avanço de um sistema frontal frio (PSP2-500) e o outro relacionado com uma situação de bloqueio de tipo “dipolo” no oceano Atlântico (PSP4-500). As chuvas anômalas registradas durante dezembro de 2011 estiveram associadas diretamente com a atuação dos padrões de circulação PSP3-Sup e PSP4- 500, sendo que ambos os modelos estiveram relacionados com a atuação de episódios de Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS).
Mostrar mais

20 Ler mais

Padrões de circulação em superfície e altitude associados a eventos de chuva intensa na Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

Padrões de circulação em superfície e altitude associados a eventos de chuva intensa na Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

Para a análise das sequências de campos de circulação em superfície e altitude, associados a eventos de chuva intensa no Rio de Janeiro, foram usados dados de Pressão ao Nível Médio do Mar (PNMM), e dados de altura geopotencial em 500 hPa, provenientes da Reanálise do NCEP/NCAR (National Center for Environmental Prediction/Nacional Center for Atmospheric Research) (Kalnay et al., 1996), disponíveis no endereço www. cdc.noaa.gov. A mesma base de dados foi utilizada para se obter as iguras de pressão a nível médio do mar, e direção e intensidade do vento e umidade especíica no nível de 850 hPa, para os casos altamente correlacionados com os Padrões de Sequência Principal.
Mostrar mais

14 Ler mais

ASPOF M Fernandes Cabo 2015

ASPOF M Fernandes Cabo 2015

Inicialmente é feito um enquadramento teórico, relacionando toda a dinâmica oceânica com o problema em questão (Corrente dos Açores e a sua influência no Golfo de Cádis. Posteriormente são estudados os padrões de circulação da zona oriental da Corrente dos Açores assim como campos de velocidade e o transporte ao longo desta, considerando o escoamento em equilíbrio geostrófico. As estruturas de circulação estudadas são, então, comparadas e relacionadas com a teoria da pluma-, que indica que a corrente dos Açores pode ter como forçamento a intrusão de Água Mediterrânea no Oceano Atlântico, e que essa troca de massa no Estreito de Gibraltar formaria uma recirculação ciclónica à superfície. Não constituindo apenas uma fonte de água salina para os níveis intermédios (Jia, 2000; Kida, 2006; Peliz et al., 2007). Por essa razão foi dado especial ênfase à zona do Golfo de Cádis.
Mostrar mais

9 Ler mais

pt 1519 3829 rbsmi 17 s1 S199

pt 1519 3829 rbsmi 17 s1 S199

Estas categorizações permitem dois tipos de observação – uma direcionada as regiões - como estas se organizam os movimentos de seus profis- sionais internamente - e em relação as outras regiões. Neste sentido seria possível identificar regiões com padrões de circulação intra e inter-regionais, sua dependência de trabalhos externos e sua capacidade de retenção. E a segunda abordagem dirigida aos próprios profissionais – como circulam e se vinculam aos serviços nas diferentes regiões, permitindo identificar eventualmente, padrões ou perfis de circulação dos médicos e suas especiali- dades – como e onde atuam e se vinculam os exclu- sivos e não exclusivos, com quais especialidades.
Mostrar mais

10 Ler mais

Sandra Dalcul Depexe Márcia Franz Amaral

Sandra Dalcul Depexe Márcia Franz Amaral

Os anúncios foram examinados levando-se em conta sete categorias de análise definidas com base em Charaudeau (2006), de modo que permitissem sistematizar os contratos de comuni- cação publicitária autorrefencial a fim de indicar as encenações do jornal-produto midiático e do leitor. Nessa perspectiva, a compreensão acerca do panorama de estruturação social e cultural do jornalismo popular implica na compreensão das articulações que regem a própria existência do jornal impresso: a fundamen- tação de seu público leitor. Do ponto de vista mercadológico, a viabilidade de um jornal depende do mercado de leitores, pois o sustento dos periódicos dificilmente se dá pela venda de exem- plares, mas por uma circulação 14 capaz de atrair o interesse dos
Mostrar mais

14 Ler mais

Design de Padrões Criação, Metodologia e Implementação de Padrões em Tecido

Design de Padrões Criação, Metodologia e Implementação de Padrões em Tecido

padrões, que se está a tornar muito evoluído. O software gráfico, da fotografia digital, do vídeo e dos efeitos especiais, são usados pela geração de jovens designers híbridos, criando uma nova visão aos tecidos estampados. Designers de moda, como Issey Miyake, Hussein Chalayan e Comme des Garçons, continuam a usar e a adaptar as tecnologias do design e da produção digital, ganhando terreno com a criação e utilização de impressões altamente inovadoras, os padrões florais têm sido reinventados através do uso da fotografia e de desenhos geométricos; o ponto de foco de uma peça de vestuário tem tido uma abordagem futurista pelos designers, como Jonathan Saunders. O processo da produção digital é agora bastante utilizado em coleções de moda atualmente, através da utilização de grandes impressões ou colocação de pormenores na estrutura da peça. Os designers que trabalham noutras áreas, como traje, teatro, interior, design de produto, também estão a descobrir a simplicidade de envolver na criação dos trabalhos, o designs de padrões. A impressão digital tem muito rápido se estabelecido no âmbito da moda e do design têxtil, embora os elevados custos de produção. Já existem áreas, como têxteis, moda e design de interiores, a mudar a maneira como os designers trabalham, pois, cada vez mais, naturalmente, o designer tem uma visão da integração da impressão como a forma da peça ou do produto em si, devido à sua facilidade e rapidez de implementação (Idem, 2012, p.11).
Mostrar mais

200 Ler mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ NÚCLEO DE MEDICINA TROPICAL PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DOENÇAS TROPICAIS

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ NÚCLEO DE MEDICINA TROPICAL PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DOENÇAS TROPICAIS

Devido às altas taxas de cobertura vacinal no país, as cepas G1P[8] foram detectadas em baixa prevalência. A frequência de detecção das cepas G9P[8] diminuiu abruptamente nos 2 anos seguintes após a introdução da Rotarix®, ressurgindo como o genótipo dominante em 2011 e, em seguida, diminuindo novamente de modo rápido em 2012. Em contraste, a G3P[8], raramente detectado nas Regiões Sul, Sudeste e Centro- Oeste do Brasil por 3 anos consecutivos (2006 a 2008), elevou progressivamente sua taxa de detecção ao longo de 2009, 2010 e 2011, atingindo pico de prevalência em 2012 e 2013. G12P[8] foi detectada pela primeira vez, com baixa prevalência, durante as temporadas de 2008 e 2009. Entre 2011 e 2012, as cepas G12P[8] exibiram um aumento gradual de circulação. Em 2013, a detecção de G12P[8] diminuiu drasticamente, para, de repente, reemergir como o genótipo mais prevalente em 2014 (LUCH et al., 2016).
Mostrar mais

122 Ler mais

Circulação dos trabalhadores europeus

Circulação dos trabalhadores europeus

De facto, o considerando 3 da Diretiva 2014/54/UE refere que: “ A livre circulação de trabalhadores confere a todos os cidadãos da União 5 , independentemente do respetivo lugar de residência, o direito de se deslocarem livremente para outro Estado-Membro a fim de aí trabalharem e/ou residirem para efeitos de trabalho. Protege-os contra a discriminação em razão da nacionalidade no que diz respeito ao acesso ao emprego, às condições de emprego e de trabalho, em especial no que se refere à remuneração, ao despedimento e a outras vantagens fiscais e sociais, garantindo-lhes igualdade de tratamento ao abrigo do direito, das práticas ou de convenções coletivas nacionais, em relação aos nacionais desse Estado-Membro. Esses direitos deverão ser exercidos sem discriminação por todos os cidadãos da União que exercem o seu direito à livre circulação, incluindo os trabalhadores permanentes, sazonais e fronteiriços. É preciso distinguir a livre circulação de trabalhadores da liberdade de prestação de serviços, a qual inclui o direito das empresas de prestarem serviços noutro Estado-Membro podendo, para o efeito, destacar temporariamente os seus próprios trabalhadores para outro Estado-Membro para que estes realizem as atividades necessárias à prestação dos serviços nesse Estado-Membro ”.
Mostrar mais

84 Ler mais

CIRCULAÇÃO D E IDEIAS

CIRCULAÇÃO D E IDEIAS

OUTRAS IDEIAS | não há limites para a cria- tividade: muitos materiais têm potencial para se transformar em brinquedos e jogos.. Bonecos variados execu- tados com uma mistura de mater[r]

49 Ler mais

Anatomia da circulação medular.

Anatomia da circulação medular.

O algoritmo matemático aplicado identificou a hipotensão intraoperatória e a exclusão simultânea de pelo menos dois territórios de irrigação medular como relevantes na gênese [r]

5 Ler mais

Cirurgia de revascularização miocárdica com circulação extracorpórea versus sem circulação extracorpórea: uma metanálise.

Cirurgia de revascularização miocárdica com circulação extracorpórea versus sem circulação extracorpórea: uma metanálise.

No entanto, deve-se considerar que os doentes, em um contexto de cirurgia de revascularização miocárdica sem CEC que necessitem de transição emergente para a CEC, têm maior ri[r]

8 Ler mais

Aplicação de mapas auto-organizáveis na classificação de padrões de escoamento b...

Aplicação de mapas auto-organizáveis na classificação de padrões de escoamento b...

Uma boa parte dos equipamentos utilizados em nosso cotidiano dissipa energia em forma de calor e em muitos casos esse calor é retirado naturalmente dos equipamentos, por um fenômeno físico que chamamos de convecção natural. A convecção natural de um fluido ocorre basicamente pela diferença de densidades entre uma camada de fluido mais quente que sobe e outra mais fria que desce. Quando houver recirculação do fluido, o processo passa a ser chamado de circulação natural. Esse gradiente de densidade é causado termicamente, como acontece nos circuitos do tipo estudado nesse trabalho; ou adiabaticamente, como acontece em reator de pesquisa, onde o núcleo é a fonte que cede calor ao fluido da parte inferior do tanque, e a coluna de fluido acima da chaminé é a fonte fria (Oliveira, A. F. da S., 2012). Nestes sistemas a circulação é estabelecida sem a utilização de qualquer equipamento. Apenas as leis da física fornecem o mecanismo necessário para a motivação do fluido.
Mostrar mais

119 Ler mais

A liberdade de circulação de fatores econômicos produtivos no Mercosul: ainda a questão da livre circulação de trabalhadores

A liberdade de circulação de fatores econômicos produtivos no Mercosul: ainda a questão da livre circulação de trabalhadores

O artigo visa a tratar sobre a liberdade de circulação de fatores produtivos trabalhistas no âmbito do MERCOSUL, fazendo um estudo sobre a questão trabalhista, a liberdade de circulação de trabalhadores como um princípio integracionista, a razão existencial e eficiência da Declaração Sociolaboral do MERCOSUL (DSM) e as recentes modificações na liberdade de circulação de trabalhadores no MERCOSUL. Aplicou-se uma investigação na normativa MERCOSUL e dos Estados-partes envolvidos (Argentina, Bolívia, Brasil, Paraguai, Uruguai e Venezuela). No caso do MERCOSUL, a aprovação de uma revisão da DSM de 1998 representará mais avanço na busca pelo fortalecimento da cidadania, porque incluirá aspectos que estão relacionados com a discussão sobre a justiça social como princípio geral da integração. O presente artigo trata, brevemente, sobre os recentes avanços e discussões depois da vigência da Declaração de 1998, partindo do fortalecimento dos direito coletivos trabalhistas no MERCOSUL. Lembre-se que a decisão e a aprovação dos critérios de proteção e das garantias para a realização dos direitos trabalhistas ainda depende da aprovação de cada Estado-parte da integração sub-regional.
Mostrar mais

23 Ler mais

A  na produção e circulação do conhecimento na unisidade

A na produção e circulação do conhecimento na unisidade

o segundo passo a ser dado para um a interdisciplinaridade sóiida consiste na criação de espaços pedagógicos em nível de C oordenação de C urso, onde a questão, anteriorm ente evocada, s[r]

5 Ler mais

Da enciclopédia à Wikipédia: o conhecimento em circulação

Da enciclopédia à Wikipédia: o conhecimento em circulação

Este trabalho focalizou as potencialidades do uso do repertório de conhecimento disponível na rede virtual, mais especificamente a Wikipédia, como material auxiliar da escolarização. Para tanto, foi realizada pesquisa de cunho bibliográfico que identificou, na perspectiva histórica, outras tentativas de reunir o conhecimento produzido, colocando-o à disposição dos leitores. Foi estabelecido um quadro de referências sobre a produção, circulação e redação dos livros desde a época moderna até os dias atuais, orientado, principalmente, pelas proposições de Peter Burke e Robert Darnton, que possibilitou abordar questões referentes à organização e controle do conhecimento e do público leitor; a credibilidade das informações; os espaços e locais de leitura e o patrocínio das publicações. Essas questões orientaram a análise dos mesmos verbetes nas seguintes obras: Enciclopedie francesa, elaborada no século XVIII; Enciclopédia Barsa; Grande Enciclopédia Delta Larousse; Enciclopedia e Dicionário Koogan Houaiss Digital e Wikipédia. Com esses procedimentos foi possível constatar a mudança de sentido sofrida pelos verbetes ao longo do tempo e a produção da indistinção entre conhecimento e informação que vigora atualmente.
Mostrar mais

140 Ler mais

ILUMINAÇÃO NAS ÁREAS DE HALL E CIRCULAÇÃO DE

ILUMINAÇÃO NAS ÁREAS DE HALL E CIRCULAÇÃO DE

Entretanto, não é só o projeto arquitetônico que deixou falhas, o luminotécnico também o fez. Apesar do número excessivo de lâmpadas encontradas e o fato delas apresentarem potência luminosa variando de 40w a 400w com reatores e ignitores eletrônicos, que proporcionam maiores eficácia e economia deste sistema, mesmo assim elas ainda não provêm espaços claros e confortáveis visualmente, gerando muitas áreas de penumbra (menos de 100lx) com iluminâncias correspondentes a ambientes como corredores, escadas e depósitos segundo à ABNT (1992). Estes níveis chegam a corresponder 20% do valor recomendado para áreas de hall e circulação de shopping centers. A distribuição deste sistema de iluminação artificial no primeiro pavimento mesmo não atendendo às normas especificadas é mais iluminado que o segundo, sendo auxiliado pelas lojas do entorno e pelo pé direito baixo (3,60m); enquanto que no segundo pavimento, a colocação somente de refletores voltados para a coberta metálica (a uma altura de 11,0m) não favoreceu a iluminância noturna deste andar tornando-o escuro como pôde ser observado no capítulo quatro.
Mostrar mais

135 Ler mais

Redação e Marketing de Circulação do Estado

Redação e Marketing de Circulação do Estado

“Magérrimo”. Há diferença entre mais e m aior qu an do colocados an t es de substantivo. Use mais para palavras ou expressões que indiquem quanti- dade e maior , para os casos em [r]

400 Ler mais

Revascularização do miocárdio sem circulação extracorpórea

Revascularização do miocárdio sem circulação extracorpórea

Off-pump versus on-pump myocardial revascularization in low-risk patients with one or two vessel disease: Perioperative results in a multicenter randomized controlled trial.. Kilo J, Bau[r]

2 Ler mais

Show all 9219 documents...

temas relacionados