Pontos críticos

Top PDF Pontos críticos:

Aplicação da metodologia de APPCC - análise de perigos e pontos críticos de controle...

Aplicação da metodologia de APPCC - análise de perigos e pontos críticos de controle...

O reúso de água na indústria alimentícia vem atraindo muita atenção nos últimos anos devido ao acréscimo do custo tanto da água quanto da descarga de efluentes. Contudo, um dos principais obstáculos para o reúso extensivo é o risco associado à contaminação microbiológica dos alimentos e do ambiente de produção. Portanto, um modelo genérico baseado na Análise de Perigos e Pontos Críticos de Controle - APPCC ou (Hazard Analysis Critical Control Point – HACCP) pode ser elaborado com a finalidade de implementar e avaliar sistemas de reúso de água na indústria alimentícia. O modelo inclui informações sobre o processo produtivo, a água, os patógenos potencialmente presentes e a sua sensibilidade aos diversos métodos de tratamento.
Mostrar mais

118 Ler mais

Aplicação da análise de perigos e pontos críticos de controle no tratamento de água para consumo humano

Aplicação da análise de perigos e pontos críticos de controle no tratamento de água para consumo humano

Este trabalho visa discutir a aplicação da metodologia de Análise de Perigos e Pontos Críticos de Controle em estações de tratamento de água para consumo humano, por meio de estudos de caso em estações de tratamento de água para consumo humano que operam com ciclo completo, quais sejam: ETA UFV responsável pelo abastecimento de água do 'campus' da Universidade Federal de Viçosa e ETA SAAE I e II, responsáveis pelo abastecimento de água da área urbana do município de Viçosa MG. A dissertação foi desenvolvida seguindo, basicamente, a sequência de passos para implantação do sistema APPCC, ou seja: (i) etapas preliminares; (ii) identificação de perigos; (iii) identificação de pontos críticos de controle; (iv) estabelecimento de limites críticos; (v) definição do monitoramento dos PCC; (vi) estabelecimento das medidas corretivas. Vale ressaltar que o presente trabalho restringe se à avaliação de perigos microbiológicos. Como resultado foram identificados como perigos microbiológicos as bactérias, os vírus e os protozoários, que são os principais perigos presentes nos mananciais e estações de tratamento de água. Sendo que neste trabalho foram monitorados e detectados nos pontos de captação dos mananciais que abastecem os sistemas em estudo a presença de spp., spp., coliformes totais e
Mostrar mais

129 Ler mais

Conjuntos Invariantes de Fluxo Decrescente na Teoria dos Pontos Críticos e Aplicações às Equações Diferenciais Não-Lineares

Conjuntos Invariantes de Fluxo Decrescente na Teoria dos Pontos Críticos e Aplicações às Equações Diferenciais Não-Lineares

Nesta dissertação, apresentaremos um método geral para mostrar a existência de pontos críticos para uma classe de funcionais denidos em espaços de Banach. Em seguida, mostraremos como esse método é usado para estudar a existência e a multiplicidade de soluções de problemas elípticos não-lineares com condições de fronteira de Dirichlet homogênea, do tipo

112 Ler mais

ASP - MODELO ORIENTADO AO NEGÓCIO PARA IDENTIFICAÇÃO DE PONTOS CRÍTICOS EM REDES ÓPTICAS

ASP - MODELO ORIENTADO AO NEGÓCIO PARA IDENTIFICAÇÃO DE PONTOS CRÍTICOS EM REDES ÓPTICAS

Este trabalho pressupõe que as organizações que possuem redes ópticas adotam práticas de gerenciamento de serviços e necessitam tomar decisões com base no seu planejamento estratégico e no cenário de negócios. O modelo proposto nesta tese é específico para suporte ao gerenciamento de falhas em serviços de redes ópticas, considerando a estratégia de organizações provedoras desse tipo de serviço. Foram analisados os processos de gestão de serviços, de forma a se obter um alinhamento entre os objetivos estratégicos dessas organizações e suas necessidades. Foi proposta uma abordagem implementada em uma ferramenta de software, que visa gerar informações a partir de simulações de cenários de redes ópticas, relativas às falhas e alarmes emitidos pelos componentes de uma rede de comunicação tradicional, em função do seu respectivo impacto para o negócio. O modelo proposto (ASP) executa a correlação de alarmes, otimizando a identificação de pontos críticos com base no risco e permitindo a modelagem de cenários para contemplar diferentes falhas e análise das melhores soluções para investimento em redundância.
Mostrar mais

202 Ler mais

Estratégias para melhorar a qualidade da cerveja artesanal: análise de pontos críticos

Estratégias para melhorar a qualidade da cerveja artesanal: análise de pontos críticos

A cerveja apresenta-se como a terceira bebida mais consumida no mundo, segundo dados reunidos pela associação The Brewers of Europe, Portugal encontra-se em 13º lugar, entre os 29 países produtores europeus. A cerveja artesanal produz-se a partir de matéria-prima 100 % natural, não sendo adicionados quaisquer tipos de conservantes ou corantes o que se traduz numa cerveja com maior intensidade e perceção ao nível organolético, característica muito apreciada pelos consumidores. Contudo, esta apresenta um tempo de prateleira reduzido, entre 4 a 6 meses, para cervejas com relativamente baixo teor alcoólico. Deste modo, este trabalho tem por objetivo identificar pontos críticos durante os processos de enchimento e armazenagem de cerveja artesanal, que influenciem a estabilidade e qualidade do produto ao longo do tempo de prateleira. Através da realização deste trabalho, conclui-se que a temperatura de armazenamento tem efeito no ºBrix, pH, percentagem de oxigénio dissolvido na cerveja, velocidade de degradação e consequente estabilidade da cerveja e suas características organoléticas, em ambos os estilos de cerveja analisados (Weiss e India Pale Ale), sendo que, o armazenamento a 4 ᵒC teve uma influência positiva. Chegou-se à conclusão de que o processo de pasteurização foi eficiente, para os dois tipos de cerveja, sendo mais evidente no estilo Weiss. Quanto ao processo de refermentação em garrafa, observou-se que este pode ter influência na qualidade da cerveja, uma vez que, promove a reassimilação do oxigénio (O 2 ) presente na garrafa pela levedura, alterando
Mostrar mais

142 Ler mais

Métodos de diagnóstico e pontos críticos de bem-estar de bovinos leiteiros.

Métodos de diagnóstico e pontos críticos de bem-estar de bovinos leiteiros.

Os métodos de diagnóstico permitem evidenciar os principais pontos críticos do bem-estar de gado leiteiro nos países europeus e norte- americanos e fazer algumas inferências para a realidade das propriedades leiteiras no Brasil. Análises das instalações e dos recursos fornecidos aos animais podem ser úteis na avaliação dos sistemas produtivos brasileiros, visto que, nas regiões de mais alta produção por animal, adotam-se projetos de instalações muito semelhantes aos europeus. O sistema de semiconfinamento aparece como um ponto positivo na produção brasileira. Pontos críticos podem ser apontados em diversas áreas da produção, como na criação de bezerras de reposição e no tratamento dispensado aos bezerros machos. Ainda, a adequação genética dos animais torna difícil sua adaptação a climas muito quentes ou que apresentem flutuação na disponibilidade de forragem. Uma parte de tais pontos críticos é evitável, principalmente quando envolve a falta ou má distribuição de recursos aos animais. Outros, como a seleção genética e a separação precoce dos bezerros, são menos passíveis de mudança imediata, visto que são intrínsecos aos sistemas de produção tradicionalmente utilizados. Futuros trabalhos são necessários para se elaborar protocolos de diagnóstico de bem-estar com indicadores aplicáveis a diversos sistemas de produção distintos e adequados
Mostrar mais

8 Ler mais

Pontos críticos de impacto em linhas de beneficiamento utilizadas para citros no Estado de São Paulo.

Pontos críticos de impacto em linhas de beneficiamento utilizadas para citros no Estado de São Paulo.

RESUMO - A produção citrícola brasileira é uma das mais importantes para a fruticultura do País, comercializando principalmente para o mercado externo. O impacto mecânico é um fator importante a ser minimizado, visando a reduzir as perdas pós-colheita, diminuindo conseqüentemente os prejuízos decorrentes do manejo inadequado. Neste trabalho, foram avaliados os pontos críticos e o nível de impacto em que os frutos são submetidos em equipamentos nacionais e importados, utilizados para beneficiamento e classificação de citros. Utilizou- se da esfera instrumentada (70 mm) (Techmark, Inc., Lansing, EUA), com registrador de aceleração, para a avaliação da magnitude de impactos (G, m/s²) nos pontos de transferência das linhas de classificação de laranjas e lima-ácida Tahiti. A esfera instrumentada foi colocada, juntamente com os frutos, na etapa de recebimento das linhas que funcionavam em seu volume padrão diário, e seguiu o fluxo dos frutos até a etapa de classificação. Os resultados demonstraram que os maiores impactos foram causados por quedas em pontos de transferência com superfícies rígidas, sendo os maiores valores encontrados na etapa de recebimento e na entrada dos frutos em “containers” utilizados para o armazenamento. Observou-se, também, que a magnitude de impacto foi significativamente reduzida quando se utilizaram superfícies recobertas com acolchoados nos diversos pontos de transferência.
Mostrar mais

3 Ler mais

Análise comparativa das medidas de desempenho para identificação de pontos críticos: aplicação em interseções semaforizadas

Análise comparativa das medidas de desempenho para identificação de pontos críticos: aplicação em interseções semaforizadas

Os métodos de identificação de pontos críticos são um passo fundamental para determinação da eficácia global do processo de gestão da segurança viária. O Highway Safety Manual disponibiliza 13 medidas de desempenho para a identificação de locais críticos, que exigem diferentes níveis de integridade e precisão dos sistemas de dados de acidentes, bem como diferentes técnicas de modelagem da segurança viária. No Brasil, manuais para identificação de locais críticos são geralmente baseados apenas na frequência e taxa de acidentes como medidas de desempenho da segurança. Este estudo apresenta uma análise comparativa das medidas de desempenho da segurança viária na cidade de Fortaleza, Brasil, considerando as suas limitações na aplicabilidade de uma amostra de interseções semaforizadas. Dados sobre os acidentes, volume de tráfego e atributos geométricos das vias referentes aos anos de 2009, 2010 e 2011 foram utilizados para estimar as medidas de desempenho de segurança, incluindo as que envolvem o desenvolvimento e aplicação de modelos de previsão de acidentes. A análise comparativa entre as medidas de desempenho foi obtida através da diferença entre as posições na lista classificatória de cada medida de desempenho e o excesso esperado na frequência média de acidentes com o ajuste bayesiano empírico. Além disso, foi feita uma análise temporal baseada na consistência das medidas de desempenho ao longo de períodos de tempo subsequentes. Os resultados sugeriram uma correspondência razoável entre o excesso esperado na frequência média de acidentes com o ajuste bayesiano empírico e a medida de desempenho taxa de acidentes.
Mostrar mais

84 Ler mais

ANÁLISE DE PERIGOS E PONTOS CRÍTICOS DE CONTROLE EM DIETAS ENTERAIS MANIPULADAS EM HOSPITAL UNIVERSITÁRIO PÚBLICO DO BRASIL

ANÁLISE DE PERIGOS E PONTOS CRÍTICOS DE CONTROLE EM DIETAS ENTERAIS MANIPULADAS EM HOSPITAL UNIVERSITÁRIO PÚBLICO DO BRASIL

Este é um sistema preventivo que envolve a análise das diferentes etapas de elaboração de determinado alimento iniciando desde a seleção e compra de ingredientes até atingir o consumidor final, sendo identificados os perigos associados com a manipulação do produto em cada estágio do processo. É então construído um fluxograma que resume o processo, permitindo identificar os pontos onde um controle maior deve ser estabelecido, estes pontos são considerados Pontos Críticos de Controle, ou seja, pontos onde procedimentos imediatos de controle podem ser exercidos para eliminar, previnir ou reduziros perigos a níveis suportáveis. O próximo passo é o estabelecimento de critérios a serem seguidos e de ações corretivas a serem tomadas sempre que os critérios não forem atingidos, a monitorização periódica destes pontos críticos possibilitam a tomada de medidas preventivas apropriadas impedindo que o perigo atinja o consumidor final (ANDERTON, 1995).
Mostrar mais

71 Ler mais

Pontos críticos de controle de Salmonella spp. no abate de frangos.

Pontos críticos de controle de Salmonella spp. no abate de frangos.

Avaliou-se a presença de Salmonella spp. em esfregaços superficiais em 135 carcaças de frangos, coletadas em cinco diferentes fases do abate, utilizando os métodos de microbiologia convencional, reação em cadeia de polimerase (PCR) e imunoanálise. Os três métodos resultaram em tendência semelhante de detecção de Salmonella spp. nas carcaças de frango, ao longo da linha de abate. A maior frequência de Salmonella spp. foi determinada após o chuveiro de lavagem das carcaças, localizado entre a evisceração e o pré-resfriamento. Vinte (14,8%) esfregaços foram determinados pela metodologia convencional, 52 (38,5%) pela PCR e 66 (48,8%) pela imunoanálise. A menor contaminação foi encontrada na saída do pré-resfriamento, com frequências de 3,7%, 0% e 16,7%, respectivamente. Salmonella spp. foi encontrada em todas as fases de abate, mostrando a importância do monitoramento de diferentes pontos críticos de controle eventualmente identificados no abate de frangos.
Mostrar mais

5 Ler mais

Aplicação do sistema de análise de perigos e pontos críticos de controle em propriedade leiteira tipo A.

Aplicação do sistema de análise de perigos e pontos críticos de controle em propriedade leiteira tipo A.

O sistema de análise de perigos e pontos críticos de controle (APPCC) constitui um importante método preventivo empregado na linha de produção de alimentos, tendo sido aplicado com sucesso em propriedades leiteiras para o controle de agentes patogênicos e de resíduos de medicamentos. Este trabalho objetivou avaliar a eficiência e os principais problemas relacionados à aplicação do sistema APPCC em uma propriedade produtora de leite tipo A, com vistas ao controle dos níveis de células somáticas (CS) e da carga microbiana no leite do rebanho, bem como do resultado do exame California Mastitis Test (CMT) obtido individualmente nos animais. Após a aplicação do sistema, não houve alterações na contagem média de CS no leite e no percentual de casos de mastite, porém, observou-se uma diminuição (P<0,05) no número de quartos afetados e no escore de mastite, estimados pelo teste CMT. As contagens de mesófilos e psicrotróficos não diferiram (P>0,05) antes e após a aplicação do sistema. Entretanto, os valores de coliformes fecais no leite foram reduzidos (P<0,05), demonstrando que a aplicação do sistema foi eficiente para melhorar as condições sanitárias do leite. Ressalta-se a importância do comprometimento dos funcionários e do proprietário como fator essencial para o sucesso do sistema APPCC em granjas leiteiras.
Mostrar mais

7 Ler mais

Determinação de perigos e pontos críticos de controle para implantação de sistema de análise de perigos e pontos críticos de controle em lactário.

Determinação de perigos e pontos críticos de controle para implantação de sistema de análise de perigos e pontos críticos de controle em lactário.

Lactários são unidades hospitalares destinadas ao preparo, higienização e distribuição de mamadeiras e seus substitutos destinados a recém-nascidos e demais pacientes da pediatria. O cuidado durante o preparo deste tipo de alimentação deve ser bastante rigoroso, pois a população-alvo, além de apresentar maior suscetibilidade a enfermidades transmitidas por alimentos, pode estar imunologicamente debilitada. O objetivo desse trabalho foi investigar a qualidade microbiológica e os procedimentos de preparação das mamadeiras formuladas no lactário do Hospital de Clínicas de Porto Alegre e, a partir destas análises, elaborar fluxogramas e identificar perigos e pontos críticos de controle para implantação do sistema de Análise de Perigos e Pontos Críticos de Controle neste setor. Em um período de 6 meses, foram analisadas 75 formulações e 18 matérias-primas quanto à quantidade de mesófilos totais, coliformes totais, coliformes fecais, Staphylococcus aureus, Staphylococcus epidermidis, Bacillus cereus, Streptococcus sp., Clostridium sulfito redutores, bolores e leveduras e presença de Salmonella sp. As temperaturas, assim como o tempo de cada etapa das preparações também foram avaliadas. As análises microbiológicas demonstraram que 77,3% das amostras estavam com qualidade microbiológica insatisfatória segundo os padrões estipulados pela Seção de Dietética Experimental do Hospital das Clínicas de São Paulo. No entanto, nenhuma delas apresentou contaminação por microorganismos patogênicos. As medições de tempo e temperatura demonstraram necessidades de melhorias nas etapas de resfriamento, conservação fria e reaquecimento, enquanto a análise do fluxograma sugeriu como pontos críticos de controle, além dessas etapas citadas, a recepção e estocagem da matéria-prima, a fervura e a cocção. Com base nestes dados, foram implementadas melhorias em boas práticas de fabricação e a implantação completa do sistema de Análise de Perigos e Pontos Críticos de Controle.
Mostrar mais

12 Ler mais

Análise e monitoramento de pontos críticos no abate de frangos utilizando indicadores microbiológicos.

Análise e monitoramento de pontos críticos no abate de frangos utilizando indicadores microbiológicos.

A presença de microrganismos indicadores de contaminação na linha de abate de frangos foi determinada visando identificar os possíveis pontos de controle e oferecer uma opção para o monitoramento ou a verificação pelo sistema “Análise de Perigos e Pontos Críticos de Controle” (APPCC). A contaminação superficial das carcaças foi determinada pela enumeração de microrganismos aeróbios mesófilos, coliformes totais, coliformes termotolerantes e de Escherichia coli nas seguintes fases de abate: A - antes do primeiro chuveiro de higienização, B - após o primeiro chuveiro, C - após a evisceração manual, D - após o chuveiro de lavagem final e E - na saída do pré-resfriamento. Não houve diferença significativa (P<0,05) entre as médias de mesófilos, coliformes totais e termotolerantes, entre as fases A, B, C e D. Entretanto, as médias obtidas para esses microrganismos indicadores na fase E (pré-resfriamento) foram significativamente menores. Não houve diferença significativa entre as médias de Escherichia coli nas cinco fases. As chances de contaminação (Razão de Chances) por mesófilos foram maiores na fase A e por coliformes na fase C. Entre os parâmetros analisados, os níveis de contaminação por mesófilos, coliformes totais e termotolerantes foram os mais indicados para monitoramento e verificação de um plano APPCC no abate de aves. Os resultados obtidos indicaram que a fase de pré-resfriamento pode ser considerada um importante ponto crítico de controle, uma vez que foi capaz de reduzir a contaminação microbiológica de forma significativa.
Mostrar mais

6 Ler mais

ANÁLISE DOS PERIGOS E PONTOS CRÍTICOS DE CONTROLE EM UM MATADOURO- FRIGORÍFICO DE AVES EM CASTELO, ES

ANÁLISE DOS PERIGOS E PONTOS CRÍTICOS DE CONTROLE EM UM MATADOURO- FRIGORÍFICO DE AVES EM CASTELO, ES

A crescente demanda de alimentos de origem animal, especificamente frango de corte, devido ao seu rápido ciclo de produção, é um dos fatores básicos do progressivo desenvolvimento da avicultura mundial. Assim como o controle sanitário desses produtos também tem influenciado a dinâmica do comércio mundial de carne de aves, estabelecendo novos parâmetros de competitividade associados aos sistemas de qualidade dos alimentos. Quando se refere à qualidade na industrialização e manipulação dos alimentos, pode-se citar um sistema como a APPCC (Análise dos Perigos e Pontos Críticos de Controle), que consiste num programa que vai ao encontro da satisfação da qualidade dos produtos, através de medidas preventivas, com intuito de diminuir os riscos de contaminação e, consequentemente riscos à saúde do consumidor. Em face disso, este trabalho teve por objetivo analisar e discutir os PCCs (Pontos Críticos de Controle) do abatedouro/frigorífico – UNIAVES, como também suas medidas de controle e ações corretivas para estes.
Mostrar mais

14 Ler mais

IV- ABORDAGEM DOS PONTOS CRÍTICOS

IV- ABORDAGEM DOS PONTOS CRÍTICOS

6 “Art 2º ...I – a remessa propriamente dita: envio, permanente ou temporário, de amostra de componente do patrimônio genético, com a finalidade de acesso para p[r]

19 Ler mais

Pontos críticos na produção científica de enfermagem - os1 trabalhos submetidos à REBEn.

Pontos críticos na produção científica de enfermagem - os1 trabalhos submetidos à REBEn.

RESUMO: Estudo explorat6rio descritivo que objetivou detectar pontos criticos de manuscritos submetidos a avaliayao para publicayao na Revista Brasileira de Enfermagem . A coleta de dados se deu a partir de instrumentos de avaliayao utilizados pelo Conselho Editorial da Revista Brasileira de Enfermagem, dos quais estudou-se 32 pareceres favor3veis a publicayao, correspondentes a 50% dos textos publicados em u m volume da revista. Os resultados demonstram que a totalidade dos textos aprovados para divulgayao apresentavam deiciemcia e necessidade de correyoes, em torno das quais foi possivel apresentar requ isitos e orientayoes que auxiliam os autores no encaminhamento de suas produyoes para periodicos com sistema de revisao por pares. Ainda aparece como uma questao importante 0 desconhecimento por pate dos autores das normas de publicayao do periodico.
Mostrar mais

6 Ler mais

Pontos críticos para o desempenho dos voluntários na operacionalização de megaeventos esportivos

Pontos críticos para o desempenho dos voluntários na operacionalização de megaeventos esportivos

Em relação à categorial inicial mencionada, foram apresentadas questões que impactam o transporte, como: distância do local do evento, integração do transporte disponibilizado pela organização e do transporte público, falta de transporte público no horário determinado para início das atividades ou no término do dia. Em relação à alimentação, a qualidade dos alimentos e a alimentação (lanche) insuficiente para trabalhar todo o dia foram considerados pontos negativos, mas houve elogio à disponibilização de refeitórios. A falta de estrutura para atendimento a voluntários que não estão nas instalações competitivas também é considerada crítica. Outros pontos citados são as estruturas complementares, como falta de estacionamento e ausência de local destinado aos voluntários para descanso e ponto de encontro. Nenhum entrevistado levantou qualquer problema em relação à distribuição de uniformes nos eventos que participaram, porém houve relato do material informativo disponibilizado ser insuficiente para as atividades dos voluntários especialistas.
Mostrar mais

113 Ler mais

ESTUDO DOS PONTOS CRÍTICOS DE UMA SUPERFÍCIE DE RESPOSTA

ESTUDO DOS PONTOS CRÍTICOS DE UMA SUPERFÍCIE DE RESPOSTA

Resumo: A metodologia de superf´ıcie de resposta consiste em uma cole¸c˜ao de t´ecnicas estat´ısticas e matem´aticas que desempenham um papel importante no desenvolvimento, me- lhoria e otimiza¸c˜ao de processos. A mais extensiva aplica¸c˜ao da metodologia de superf´ıcie de resposta ´e na ´area industrial, particularmente em situa¸c˜oes em que s˜ao necess´arias muitas vari´aveis que potencialmente influenciam em alguma medida de desempenho ou na qualidade caracter´ıstica de um produto ou processo. Um experimento que costumeiramente ´e utilizado, conjuntamente com a metodologia de superf´ıcie de resposta, ´e o delineamento composto central. Este delineamento ´e muito utilizado devido a sua eficiˆencia com rela¸c˜ao do n´ umero de tratamentos utilizados. Neste trabalho, pretende-se apresentar a metodologia de superf´ıcie de resposta conjuntamente com o delineamento composto central, com intuito de apresentar o estudo da obten¸c˜ao dos pontos cr´ıticos da fun¸c˜ao ajustada. Para ilustrar a metodologia, ser´a utilizado um exemplo descrito por Montgomery (2013), em que um engenheiro estuda a produ¸c˜ao de um processo qu´ımico (Y ), observando-se os fatores tempo de rea¸c˜ao em minutos (X 1 ) e temperatura de rea¸c˜ao em ◦ F (X 2 ), com dois n´ıveis cada. Para organizar os n´ıveis dos
Mostrar mais

16 Ler mais

Pontos críticos Temperatura °C K

Pontos críticos Temperatura °C K

a) os dois termômetros nunca registrarão valores numéricos iguais. b) a unidade de medida do termômetro graduado na escala Celsius é 1,8 vezes maior que a da escala Fahrenheit. c) a alt[r]

8 Ler mais

Pontos críticos Temperatura °C K

Pontos críticos Temperatura °C K

a) os dois termômetros nunca registrarão valores numéricos iguais. b) a unidade de medida do termômetro graduado na escala Celsius é 1,8 vezes maior que a da escala Fahrenheit. c) a a[r]

6 Ler mais

Show all 4967 documents...