Prontuários médicos

Top PDF Prontuários médicos:

Prontuários médicos: reflexo das relações médico-paciente

Prontuários médicos: reflexo das relações médico-paciente

Resumo O artigo apresenta discussão sobre a relação médico-paciente, utilizando para tanto o prontuário, tomado como instrumento do trabalho médico capaz de mensurar a qualidade da relação profissional. Por ser documento que cadastra informações a respeito da assistência, pesquisa e ensino, é elemento de comunicação entre os setores dos serviços, a instituição e os pacientes. Pautado em pesquisa em cinco hospitais em Recife/PE, que evidencia a existência de prontuários com baixa qualidade de preenchimento, o estudo aponta como possível causa a manutenção de posturas individuais e organizacionais que estabelecem distorções no preenchimento. Baseando-se na hipótese de que tais situações podem estar refletindo uma relação de autonomia excludente, bem como fragilidade ética na relação médico-paciente, este artigo discute à luz das teorias contemporâneas os possíveis fatores intervenientes nessas relações e conclui apontando a importância de pesquisas e novos estudos que desvendem as repercussões no preenchimento dos dados contidos nos prontuários médicos.
Mostrar mais

18 Ler mais

Prontuários médicos: reflexo das relações médico-paciente

Prontuários médicos: reflexo das relações médico-paciente

O artigo apresenta discussão sobre a relação médico-paciente, utilizando para tanto o prontuário, tomado como instrumento do trabalho médico capaz de mensurar a qualidade da relação profissional. Por ser documento que cadastra informações a respeito da assistência, pesquisa e ensino, é elemento de comunicação entre os setores dos serviços, a instituição e os pacientes. Pautado em pesquisa em cinco hospitais em Recife/PE, que evidencia a existência de prontuários com baixa qualidade de preenchimento, o estudo aponta como possível causa a manutenção de posturas individuais e organizacionais que estabelecem distorções no preenchimento. Baseando-se na hipótese de que tais situações podem estar refletindo uma relação de autonomia excludente, bem como fragilidade ética na relação médico-paciente, este artigo discute à luz das teorias contemporâneas os possíveis fatores intervenientes nessas relações e conclui apontando a importância de pesquisas e novos estudos que desvendem as repercussões no preenchimento dos dados contidos nos prontuários médicos.
Mostrar mais

18 Ler mais

A experiência da loucura segundo o espiritismo: uma análise dos prontuários médicos do Sanatório Espírita de Uberaba.

A experiência da loucura segundo o espiritismo: uma análise dos prontuários médicos do Sanatório Espírita de Uberaba.

procurava efetuar uma série de exames e inquirições – anamnese, exames físicos e do sistema nervoso – que tinham como objetivo estabelecer as possíveis cau- sas orgânicas do estado de alienação mental do paciente e realizar um diagnósti- co psiquiátrico para que fosse possível prescrever o tratamento adequado, o grupo de médiuns, por seu lado, procurava detectar a presumível ação persecutória de espíritos desencarnados que, através de irradiações espirituais ou da manipulação do fluido universal, pudessem estar produzindo uma obsessão espiritual no pa- ciente, além de indicar o tratamento espiritual adequado caso a obsessão fosse confirmada. Nesse sentido, a organização interna do Sanatório, como registrada nos prontuários de internação, parece indicar a existência de uma divisão “médi- co-espiritual” do trabalho, com cada campo de saber sendo utilizado por grupos específicos de funcionários encarregados de aspectos diferenciados da atenção ao interno.
Mostrar mais

17 Ler mais

Estratégias populares de identificação e tratamento da loucura na primeira metade do século XX: uma análise dos prontuários médicos do Sanatório Espírita de Uberaba.

Estratégias populares de identificação e tratamento da loucura na primeira metade do século XX: uma análise dos prontuários médicos do Sanatório Espírita de Uberaba.

Observa-se, portanto, como o Sanatório podia ser utilizado como mediador na solução de conflitos familiares, além de ser empregado, pelas famílias da região, na regulação e no controle dos indivíduos com comportamentos considerados socialmente inapropriados. Quais seriam, porém, esses comportamentos que tinham como resultado a exclusão do indivíduo do convívio social e familiar, levando à internação num sanatório de alienados? No campo reservado à anamnese dos pacientes, em geral encontram-se os argumentos apresentados pelas famílias para justificar as requisições de internamento, e relatos dos distúrbios familiares provocados pelos pacientes. Sua análise possibilita observar como estavam organizadas as relações socioculturais que regulavam, na época, o convívio social dos indivíduos. Era essa realidade sociocultural que determinava os projetos, anseios e desejos aceitáveis e legítimos, além de definir os papéis sociais a serem desempenhados pelos gêneros e grupos sociais. Os prontuários de internação do Sanatório fornecem exemplos reais das possíveis consequências reservadas àqueles cujas ações e desejos podiam ameaçar a integridade da instituição familiar, ou aos que viessem a contestar os modelos estabelecidos de conduta.
Mostrar mais

16 Ler mais

Avaliação dos prontuários médicos de hospitais de ensino do Brasil.

Avaliação dos prontuários médicos de hospitais de ensino do Brasil.

Devido ao maior número de casos (n = 58), os escores dos componentes do formulário “Medicina Interna do Adulto” (identificação do paciente, anamnese, exame físico, diagnósti- co, conduta e identificação do médico) foram comparados en- tre aqueles dos prontuários dos hospitais filantrópicos vs. pú- blicos (Tabela 3). Exceto quanto aos dados de anamnese (p > 0,35), exame físico (p > 0,53) e identificação do médico (p > 0,59), os demais itens alcançaram valores significativamente mais ele- vados (p < 0,02) nos formulários extraídos de prontuários dos hospitais públicos. Porém, no geral, os 58 casos no item anam- nese tiveram valores com limites entre 0 e 15 pontos (máximo possível de até 22), mediana de 4 e média de 4,3 (± 3,7).
Mostrar mais

14 Ler mais

A indexação temática em prontuários médicos: uma análise da literatura

A indexação temática em prontuários médicos: uma análise da literatura

Arquivamento.. o prontuário médico tradicional também representa uma barreira na busca de informações clinicas para efeitos de estudos, pesquisas e auditorias de qualidade. Isso porque [r]

106 Ler mais

Síndrome de Fournier: 10 anos de avaliação.

Síndrome de Fournier: 10 anos de avaliação.

Introdução: A gangrena de Fournier é uma fasciite necrosante sinérgica do períneo e parede abdominal, que tem origem no escroto e pênis, no homem, e vulva e virilha, na mulher. O processo inicialmente foi descrito como idiopático, mas atualmente sabe-se que se trata de grave afecção causada por bactérias Gram positivas, Gram negativas ou anae- róbios, que pode levar a comprometimento sistêmico importante e, eventualmente, morte. Método: Foi realizado estudo retrospectivo, baseado na análise de prontuários médicos de 23 pacientes portadores de síndrome de Fournier, no período de janeiro de 2002 a janeiro de 2012. O tratamento dos pacientes incluiu intervenção precoce, com antibioticoterapia de largo espectro e desbridamentos consecutivos. O procedimento terapêutico empregado para a reconstrução variou desde a aproximação das bordas com sutura simples até uso de retalhos e enxertos, nas lesões extensas. Resultados: As técnicas de reparação cutânea foram eicientes e a reparação escrotal foi também efetiva em todos os casos, obtendo-se bons resultados estéticos. Houve 3 (13%) óbitos, 2 deles em pacientes com doenças pregressas e portadores de comorbidades. Conclusões: Apesar da reconhecida gravidade da Síndrome de Fournier, as medidas terapêuticas adotadas, como rápida intervenção, desbridamento precoce e antibioticoterapia de amplo espectro, juntamente com abordagem multidiscipli- nar, demonstraram-se bastante eicazes no controle da doença, permitindo reconstrução cirúrgica das áreas atingidas, com baixa mortalidade.
Mostrar mais

5 Ler mais

Perfil do atendimento de vítimas de violência sexual em Campinas

Perfil do atendimento de vítimas de violência sexual em Campinas

O objetivo deste estudo foi caracterizar o perfil do atendimento a mulheres vítimas de violência sexual, com ênfase nos aspectos jurídicos. Foi realizado estudo descritivo e retrospectivo, incluindo 41 mulheres com mé- dia etária de 31 anos que sofreram violência sexual no período. A maior frequência dos crimes ocorreu entre meia-noite e seis da manhã (n=17). Para os dados de “boletim de ocorrência” foi encontrada frequência de 56%. Os crimes encontrados na amostra foram de estupro (n=37) e violação sexual mediante fraude (n=4). Do total, 12,20% (n=5) completaram o atendimento proposto. As vítimas eram na maioria solteiras, sujeitas a estupro com violência e grave ameaça no local “rua”. Apesar de mais da metade da amostra relatar ter feito registro de boletim de ocorrência, não se pôde confirmar a veracidade dessa informação, pois as cópias dos boletins não foram encontradas nos prontuários médicos correspondentes.
Mostrar mais

10 Ler mais

A confiabilidade dos dados nos formulários de Autorização de Internação Hospitalar (AIH), Rio de Janeiro, Brasil.

A confiabilidade dos dados nos formulários de Autorização de Internação Hospitalar (AIH), Rio de Janeiro, Brasil.

interpretações independentes — a informação anotada nos formulários AIH e aquelas anotadas nos prontuários médicos. Utilizou-se o teste Kappa (k) que é o procedimento estatístico adequado para avaliar a confiabilidade de variáveis categóricas e nominais (Cohen, 1960). Kappa é interpretado como a proporção de concordância entre duas ou mais medidas de n observações, após a exclusão das concordâncias ao acaso. Kappa é também considerado como um teste adequado para medir concordâncias, corrigidas pelas concordâncias ao acaso, pois não aumenta o percentual de discordância nos casos de populações homogêneas – aquelas com taxas próximas de 100 ou 0% (Shrout et al., 1987). Compara as diferenças entre as concordância observadas e esperadas até o valor máximo possível desta diferença. Kappa é igual a 1 quando existe perfeita concordância (entrevistadores concordam em todos os casos). É igual a 0 quando a concordância observada equivale aquela esperada ao acaso e é negativa quando a concordância observada é menor do que a esperada ao acaso.
Mostrar mais

17 Ler mais

Congenital lobar emphysema: 30-year case series in two university hospitals Daniele Cristina Cataneo, Olavo Ribeiro Rodrigues, Erica Nishida Hasimoto, Aurelino Fernandes Schmidt Jr, Antonio José Maria Cataneo

Congenital lobar emphysema: 30-year case series in two university hospitals Daniele Cristina Cataneo, Olavo Ribeiro Rodrigues, Erica Nishida Hasimoto, Aurelino Fernandes Schmidt Jr, Antonio José Maria Cataneo

Objetivo: Revisar os casos de enfisema lobar congênito (ELC) operados nos últimos 30 anos em dois hospitais universitários. Métodos: Foram revistos os prontuários médicos das crianças com ELC operadas no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu e no Hospital da Universidade de Mogi das Cruzes entre 1979 e 2009. Dados sobre sintomas, exame físico, achados radiológicos, diagnóstico, tratamento cirúrgico e seguimento pós-operatório mediato e tardio foram analisados. Resultados: Durante o período estudado, 20 crianças com ELC foram submetidas a tratamento cirúrgico. A média de idade dos pacientes no momento da cirurgia foi 6,9 meses (variação, 9 dias a 4 anos). Todos os casos apresentaram sintomas ao nascimento ou nos primeiros meses de vida. Em todos os casos, a radiografia simples de tórax foi importante na definição do diagnóstico. Em casos de dificuldade respiratória moderada, a TC de tórax auxiliou no diagnóstico. Um paciente com desconforto respiratório grave foi diagnosticado erroneamente com pneumotórax hipertensivo e submetido a drenagem torácica. A broncoscopia só foi realizada nos pacientes com dificuldade respiratória moderada e não foram encontrados sinais de anomalias traqueobrônquicas. A abordagem cirúrgica foi realizada através de toracotomia lateral poupadora de músculo. O lobo superior esquerdo e o lobo médio foram os mais afetados, seguidos pelo lobo superior direito. A lobectomia foi realizada em 18 casos, enquanto a bilobectomia foi realizada em 2 casos (com ressecção de cisto broncogênico em 1 desses). Complicações pós-operatórias não foram observadas. O acompanhamento pós-operatório foi de pelo menos 24 meses (média, 60 meses) e não foram observadas complicações tardias nesta série. Conclusões: O ELC é uma doença pouco comum, ainda negligenciada, de etiologia incerta, mas de fácil diagnóstico radiológico e tratamento cirúrgico eficaz. Descritores: Anormalidades do sistema respiratório; Anormalidades congênitas; Procedimentos cirúrgicos pulmonares; Enfisema pulmonar.
Mostrar mais

9 Ler mais

Assistência ventilatória domiciliar em crianças: descrição de um programa.

Assistência ventilatória domiciliar em crianças: descrição de um programa.

Foram avaliados todos os prontuários médicos para a obtenção de informações tais como diagnóstico etiológico da insuficiência respiratória, método ventilatório, período do dia sob ventilação, tempo decorrido entre o início da assistência ventilatória e a liberação para casa, indicação da ventilação domiciliar e tempo de ventilação domiciliar. Analisaram-se ainda as intercorrências já havidas até então e os resultados das avaliações de rotina. Como as crianças compareram regularmente ao hospital para as referidas avaliações, neste período foi feito contato pessoal com todas, bem como com suas respectivas famílias.
Mostrar mais

5 Ler mais

Perfil microbiológico e desfechos clinicos de úlceras em pés de diabéticos internados

Perfil microbiológico e desfechos clinicos de úlceras em pés de diabéticos internados

Objetivos: Descrever o perfil microbiológico e os desfechos clínicos de úlceras graves em pés diabéticos de pacientes internados em um hospital universitário de atenção terciária no estado do Ceara, Brasil. Métodos: Conduziu-se uma análise retrospectiva de dados obtidos nos prontuários médicos de todos os pacientes diabéticos internados entre janeiro de 2006 a junho de 2007, nas enfermarias do Serviço de Endocrinologia e Diabetes do Hospital Universitário Walter Cantídio (Universidade Federal do Ceará), por úlceras graves em pés diabéticos, com no mínimo grau 2 da classificação de Wagner, refratárias ao tratamento ambulatorial. Dados clínicos (sexo, idade, tempo de diabetes e co-morbidades) de cada paciente assim como as características microbiológicas do material colhido das suas ulceras em pés ou das suas peças cirúrgicas (amputações) foram obtidos. Resultados: Foram identificados no período 17 diabéticos, todos tipo 2, com idade de 58,11±10,8 anos e 12,4±8,4 anos de doença, 58,8% homens. Das úlceras, 41,1% eram grau 2, 35,2% grau 3, 11,7% grau 4 e 11,7% grau 5 de Wagner, 64,7% com menos de 3 meses de evolução. Realizaram limpeza cirúrgica 82,3% dos pacientes e amputações 47%, sendo identificada osteomielite em 47% dos casos. Antibioticoterapia empírica foi iniciada em todos os pacientes, sendo ciprofloxacina/ metronidazol o esquema mais usado (76,5%). Houve cultura negativa em 12,5% das realizadas. Nas positivas, os germes mais freqüentes foram: S. aureus (57,1%); S. viridans (28,7%); P. aeruginosas (28,7%) e M. morganii (28,7%) A maioria (75%) dos S. aureus isolados eram meticilino-resistentes, mas sensíveis à vancomicina. Conclusão: Observou- se a presença de flora polimicrobiana com grande número de patógenos multirresistentes e elevada prevalência de osteomielite e amputações em diabeticos portadores de úlceras graves, neuropatia e doença vascular periférica.
Mostrar mais

6 Ler mais

Efeitos de um programa de estimulação cognitiva multidisciplinar intergeracional.

Efeitos de um programa de estimulação cognitiva multidisciplinar intergeracional.

Objetivos: Verificar e comparar o desempenho de adultos e idosos em testes de atenção, memória, humor e metamemória, antes e após programa de estimulação cognitiva multidisciplinar intergeracional. Método: Foram selecionados 79 dos prontuários médicos do período de 2008 a 2012, de pessoas acima de 40 anos de idade, ambos os sexos, onze anos ou mais de escolaridade, com queixas subjetivas de memória, sem demência pelos critérios do Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais – DSM-IV-TR. Foram coletadas as avaliações de testes cognitivos, escalas de humor e questionário de queixa de memória subjetiva, antes e após o programa de estimulação de 20 sessões de 100 minutos, num hospital de grande porte na cidade de São Paulo. Resultados: Houve melhora do desempenho tanto dos testes de atenção quanto de memória ( p<0,001), mas sem mudança na metamemória. Houve redução de sintomas depressivos ( p=0,014) e ansiosos ( p<0,001). A aprendizagem associativa imediata teve melhora evidente entre os idosos ( p=0,022), enquanto que a redução dos sintomas ansiosos ( p=0,019) e depressivos foi maior entre os adultos ( p=0,022). Conclusão: A Estimulação Cognitiva Multidisciplinar Intergeracional foi eficaz na melhora do desempenho cognitivo e do humor nos idosos e adultos com queixas subjetivas de memória.
Mostrar mais

11 Ler mais

Crescimento e composição corporal em crianças e adolescentes com síndrome nefrótica córtico-dependente.

Crescimento e composição corporal em crianças e adolescentes com síndrome nefrótica córtico-dependente.

Foram coletados dos prontuários médicos os dados referentes a tempo de tratamento, idade de início de tratamento, valores consecutivos do colesterol, albu- minemia, proteinemia t[r]

6 Ler mais

Atitudes dos pneumologistas brasileiros em face da dependência de nicotina: inquérito nacional.

Atitudes dos pneumologistas brasileiros em face da dependência de nicotina: inquérito nacional.

parece que o problema da não abordagem dos fumantes não é apenas nosso. Em um trabalho recente nos EUA, investigando mais de 85 mil prontuários médicos ambulatoriais no período entre 2001 e 2004, encontrou-se que, em 32% desses, não havia qualquer informação sobre o uso ou não de tabaco pelos pacientes, que mais de 80% dos pacientes identificados como fumantes não receberam aconselhamento para a cessação e que menos de 2% dos fumantes receberam a prescrição de farmacoterapia para o tratamento do tabagismo. (12)

4 Ler mais

Enfisema lobar congênito: série de casos de 30 anos em dois hospitais universitários.

Enfisema lobar congênito: série de casos de 30 anos em dois hospitais universitários.

Objetivo: Revisar os casos de enfisema lobar congênito (ELC) operados nos últimos 30 anos em dois hospitais universitários. Métodos: Foram revistos os prontuários médicos das crianças com ELC operadas no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu e no Hospital da Universidade de Mogi das Cruzes entre 1979 e 2009. Dados sobre sintomas, exame físico, achados radiológicos, diagnóstico, tratamento cirúrgico e seguimento pós-operatório mediato e tardio foram analisados. Resultados: Durante o período estudado, 20 crianças com ELC foram submetidas a tratamento cirúrgico. A média de idade dos pacientes no momento da cirurgia foi 6,9 meses (variação, 9 dias a 4 anos). Todos os casos apresentaram sintomas ao nascimento ou nos primeiros meses de vida. Em todos os casos, a radiografia simples de tórax foi importante na definição do diagnóstico. Em casos de dificuldade respiratória moderada, a TC de tórax auxiliou no diagnóstico. Um paciente com desconforto respiratório grave foi diagnosticado erroneamente com pneumotórax hipertensivo e submetido a drenagem torácica. A broncoscopia só foi realizada nos pacientes com dificuldade respiratória moderada e não foram encontrados sinais de anomalias traqueobrônquicas. A abordagem cirúrgica foi realizada através de toracotomia lateral poupadora de músculo. O lobo superior esquerdo e o lobo médio foram os mais afetados, seguidos pelo lobo superior direito. A lobectomia foi realizada em 18 casos, enquanto a bilobectomia foi realizada em 2 casos (com ressecção de cisto broncogênico em 1 desses). Complicações pós-operatórias não foram observadas. O acompanhamento pós-operatório foi de pelo menos 24 meses (média, 60 meses) e não foram observadas complicações tardias nesta série. Conclusões: O ELC é uma doença pouco comum, ainda negligenciada, de etiologia incerta, mas de fácil diagnóstico radiológico e tratamento cirúrgico eficaz. Descritores: Anormalidades do sistema respiratório; Anormalidades congênitas; Procedimentos cirúrgicos pulmonares; Enfisema pulmonar.
Mostrar mais

9 Ler mais

PDF PT Jornal Brasileiro de Pneumologia 2 13 portugues

PDF PT Jornal Brasileiro de Pneumologia 2 13 portugues

parece que o problema da não abordagem dos fumantes não é apenas nosso. Em um trabalho recente nos EUA, investigando mais de 85 mil prontuários médicos ambulatoriais no período entre 2001 e 2004, encontrou-se que, em 32% desses, não havia qualquer informação sobre o uso ou não de tabaco pelos pacientes, que mais de 80% dos pacientes identificados como fumantes não receberam aconselhamento para a cessação e que menos de 2% dos fumantes receberam a prescrição de farmacoterapia para o tratamento do tabagismo. (12)

4 Ler mais

Estudo epidemiológico de 55 pacientes portadores de doença vertebral metastática sintomática em Santo André - SP, Brasil .

Estudo epidemiológico de 55 pacientes portadores de doença vertebral metastática sintomática em Santo André - SP, Brasil .

Estudo retrospectivo de 55 pacientes avaliados em equipe de ortopedia especializada em cirurgia da coluna vertebral em um mesmo serviço, no Hospital Estadual Mario Covas, em Santo André, SP, Brasil. Os dados foram coletados durante o período de Janeiro de 2008 a Janeiro de 2011, em avaliações ambulatoriais e hospitalares de pacientes com diagnóstico de metástase em coluna vertebral, apresentando sintomatologia compatível com a lesão apresentada em exames de imagem correspondentes. Observamos também através de prontuários médicos as seguintes informações: sexo, idade no diagnóstico confirmatório de lesão metastática, tipo de tumor, topografia (cervical, torácica, lombossacral ou difusa, ao acometer mais de uma das regiões anteriores concomitantemente) e sintomatologia principal (dor, alteração neurológica ou ambas condições). Apresentamos dados cronológicos da evolução da doença, com os seguintes momentos de observação: 1) data de biópsia referente à neoplasia primária; 2) data de início de sintomas vertebrais; 3) data de diagnóstico confirmatório de doença vertebral metastática através de exame de imagem (RM); 4) data de cirurgia, para os pacientes que foram submetidos à descompressão e estabilização segmentar.
Mostrar mais

4 Ler mais

Histoplasmose simulando neoplasia primária de pulmão ou metástases pulmonares.

Histoplasmose simulando neoplasia primária de pulmão ou metástases pulmonares.

Objetivo: Descrever as principais características clínico-radiológicas de pacientes com histoplasmose simulando câncer de pulmão. Métodos: Estudo descritivo e retrospectivo baseado na análise dos prontuários médicos de 294 pacientes diagnosticados com histoplasmose no Laboratório de Micologia da Irmandade Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre, em Porto Alegre (RS), entre 1977 e 2011. O diagnóstico de histoplasmose foi estabelecido por cultura, exame histopatológico ou identificação de bandas M ou H por imunodifusão. Após identificar os pacientes com lesões macroscópicas e com achados compatíveis de malignidade em radiografia ou TC de tórax, os pacientes foram divididos em dois grupos: pacientes com história de câncer e lesões simulando metástases (grupo HC) e pacientes sem história de câncer com lesão simulando neoplasia primária (SHC). Resultados: Dos 294 pacientes com histoplasmose, 15 apresentaram lesões simulando neoplasia primária ou metástases (9 e 6 nos grupos HC e SHC, respectivamente). A idade dos pacientes variou de 13 a 67 anos (mediana, 44 anos) Dos 15 pacientes, 14 (93%) apresentaram lesões pulmonares no momento da internação. Conclusões: A síndrome clínica e radiológica da doença neoplásica não se limita a malignidade, e, portanto, as doenças infecciosas granulomatosas devem ser consideradas no diagnóstico diferencial.
Mostrar mais

6 Ler mais

Distúrbios respiratórios em pacientes pediátricos de 0 até 5 anos em Unidades de Saúde de Rio Verde-GO/  Respiratory disorders in pediatric patientes aged 0 to 5 years in Health Units in Rio Verde-GO

Distúrbios respiratórios em pacientes pediátricos de 0 até 5 anos em Unidades de Saúde de Rio Verde-GO/ Respiratory disorders in pediatric patientes aged 0 to 5 years in Health Units in Rio Verde-GO

Trata-se de um estudo de campo de abordagem qualitativa e quantitativa. É caracterizado como um estudo de coorte retrospectivo, prospectivo longitudinal. A amostra foi dividida em diferentes grupos, quanto ao tipo de patologia respiratória: síndromes Alérgicas, síndromes obstrutivas e deficiência de alfa-1antitripsina e infecções das VA. Esta última se subdivide em infecções das vias aéreas inferiores (IVAI) e infecções das vias aéreas superiores (IVAS). Os dados foram obtidos a partir de prontuários médicos de pacientes até cinco anos de idade, que foram atendidos em unidades básicas de saúde ou que ficaram internados nos hospitais que oferecem atendimento pediátrico na cidade de Rio Verde-GO entre dezembro de 2018 e dezembro de 2019. Participaram da pesquisa as seguintes Unidades Básicas de Saúde: Anhanguera, Bandeirantes, Benjamin (Bairro Martins), Gameleira, Morada do Sol, Promissão, Valdeci Pires, Vila Borges e os Hospitais Municipal Universitário e Santa Terezinha. Com o objetivo de requerer a autorização para efetivar a coleta dos dados, elaborou-se o Termo de Autorização para Pesquisa em Prontuário. Como a coleta foi realizada com a utilização do documento médico referente às internações e consultas de dezembro de 2018 a dezembro de 2019, torna-se inviável a localização de todos os participantes que fazem parte da amostragem. Desta forma, solicitou-se a concordância expressa do Comitê de Ética em Pesquisa (CEP) da Universidade de Rio Verde para a não utilização do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE). Garantiu-se o anonimato dos pacientes contidos nos prontuários. Cada paciente pediátrico teve sua identificação quanto à cronologia de avaliação da pesquisa. Os objetivos foram: especificar de forma exata os vários subtipos de afecções do sistema respiratório que podem acometer a criança, dados epidemiológicos, quanto a incidência e prevalência. Ressaltar medidas preventivas e de controle de agravos a esses pacientes, destacando que se essas medidas não forem corretamente estabelecidas, ocorrerá aumento de um dos principais indicadores de saúde do Brasil, que é a mortalidade infantil, além de poder gerar desconforto ao bem-estar biopsicossocial desses pacientes. Vale ressaltar que a pesquisa contou com o auxílio de uma médica responsável, com especialização em pediatria, a qual deu suporte acerca do desenvolvimento deste trabalho.
Mostrar mais

20 Ler mais

Show all 2367 documents...