Sistema de Programação

Top PDF Sistema de Programação:

Proposta de um sistema de programação da produção para a indústria metalomecânica: aplicação à empresa O FELIZ

Proposta de um sistema de programação da produção para a indústria metalomecânica: aplicação à empresa O FELIZ

Aliado a este paradigma, surge o desafio relacionado com a eficiência da gestão de informação de artigos, uma vez que, com uma maior variedade de produtos, as organizações têm de lidar com uma enorme quantidade e diversidade de dados. De maneira a ultrapassar este desafio, na literatura, encontram-se novos modelos para a representação da informação de artigos, designados por modelos de referenciação genérica. A referenciação genérica possibilita a agregação de um conjunto de artigos, com caraterísticas semelhantes, em famílias de artigos ou referências genéricas, às quais são associadas listas de materiais e gamas operatórias. A gestão de informação de artigos é a área mais importante dentro de uma organização, uma vez que, fornece toda a informação necessária ao planeamento e controlo da produção, e posteriormente, à programação da produção. Neste sentido, tem se vindo a desenvolver sistemas informáticos para o planeamento e controlo da produção, baseados na referenciação genérica, que visam melhorar o desemprenho da organização como um todo. Estes sistemas permitem obter rapidamente informações e dados sobre tudo o que ocorre no shop floor, em tempo real, auxiliando o gestor na toma de decisão.
Mostrar mais

99 Ler mais

Modelagem de um Sistema de Programação de Produção de uma Indústria de Autopeças utilizando Programação Inteira.

Modelagem de um Sistema de Programação de Produção de uma Indústria de Autopeças utilizando Programação Inteira.

Para se testar esse modelo, então, foi definida uma capacidade de 1797 minutos por dia, para que não haja problema de falta de tempo e a otimização não seja encerrada por essa restrição. O total para 5 dias é de 8585 minutos de capacidade. Esse valor foi definido pois, ao se utilizarem outros valores para a demanda, o sistema utiliza folgas altas, que alteram a capacidade de um dia em mais de 500 minutos, tornando assim o sistema inviável para utilização industrial, embora ele otimize, de forma correta, de acordo com a modelagem. Apesar da quantidade ser de 8985 para os 5 dias, comparando-se com o modelo utilizado atualmente pela empresa, já ocorre uma diferença de 295 minutos, ou seja, 3,2%, que já pode ser considerado como um ganho inicial do modelo. Esse primeiro teste realizado com os dados para a demanda baixa e com o modelo criado considerou os pesos dos atrasos dos produtos como sendo iguais para todos. Dessa forma, os produtos com maiores tempos de produção estão mais sujeitos a atrasar, porque a otimização leva em consideração apenas o atraso em peças e não em tempo. Os custos dos atrasos para produtos pode ser observada em (5.12) e custo dos atrasos por dia pode ser visto em (5.13).
Mostrar mais

119 Ler mais

Sistema de programação por demonstração de um manipulador com garra

Sistema de programação por demonstração de um manipulador com garra

Na área da visão robótica, a tecnologia RGBD tem vindo a ganhar relevância em resultado da sua versatilidade e capacidade para extrair os dados necessários a este tipo de programação. O Kinect, comercializado pela Microsoft, é um exemplo de um equipamento com esta tecnologia o qual, através da captura de uma sequência de imagens, replica o movimento capturado num manipulador em tempo real ou guarda os dados obtidos por forma a poderem ser utilizados poste- riormente. O processamento dos dados recolhidos através de uma câmara RGBD permite extrair informação relativa às coordenadas de um objeto no espaço 3D. Contudo, existem fatores que permitem melhorar a replicação do movimento. Por isso, para o efeito, existe a necessidade de conciliar a visão 3D com um conjunto de sensores, tendo em vista a extração das caraterísticas mais importantes para o aumento da precisão deste movimentação, tais como orientação, abertura da garra e força necessária.
Mostrar mais

100 Ler mais

Programação e controle da produção na indústria de montagem: um sistema para pequenas e médias empresas

Programação e controle da produção na indústria de montagem: um sistema para pequenas e médias empresas

Considerando somente estas variáveis, já concluímos não ser possível generalizar, para todo o universo de empresas, so - luções satisfatórias para programação e controle da produção, de vido justamente aos amplos intervalos que estas variáveis assu - iriem. Poderíamos, sim realizar um estudo sóbre toda a gama de em­ presas e propor um sistema de programação e controle da produção, contendo apenas as variáveis que aparecem em todos os elementos da amostra (empresas). Este sistema seria genérico para toda a gama de empresas, mas estaria sendo considerado um número de va­ riáveis quase sempre menor do que o real de cada empresa.
Mostrar mais

139 Ler mais

Um modelo baseado em programação linear e programação de metas para análise de um sistema de produção e distribuição de suco concentrado congelado de laranja.

Um modelo baseado em programação linear e programação de metas para análise de um sistema de produção e distribuição de suco concentrado congelado de laranja.

modelagem matemática utiliza conceitos conhecidos da literatura de problemas de mistura e planejamento da produção com múlti- plos produtos, estágios e períodos, conforme, por exemplo, em ACKHOFF (1962), JOHNSON & MONTGOMERY (1974), WILLIAMS (1978), SCHRAGE (1986), NAHMIAS (1993) e SHAPIRO (1993). Entende-se aqui por distribui- ção, o transporte e estocagem de produtos entre diferentes locais (estoques na fábrica e externos) e formas de acondicionamento (a granel em tank farms, ou em tambores em câmaras frias). Espe- cificações de qualidade da mistura, capacidade dos processos de mistura e estocagem, e balan- ceamento de material, formam as principais restrições do sistema, estas últimas responsáveis pela ligação entre os diferentes períodos de planejamento e locais de mistura e estocagem. Equações de balanceamento de material são comuns nos modelos com múltiplos estágios. Por exemplo, em WIIG (1975) é apresentado um modelo de planejamento para distribuição de derivados de petróleo, onde equações de balanceamento de material são muito utilizadas em cada ponto do sistema de distribuição.
Mostrar mais

21 Ler mais

Um sistema de controle da produção para a manufatura celular. Parte II: um sistema de emissão de ordens e programação de operações.

Um sistema de controle da produção para a manufatura celular. Parte II: um sistema de emissão de ordens e programação de operações.

processo de emissão de ordens tem como objetivo principal converter as necessidades colocadas no PMP em termos de produtos finais, para a forma de necessidades em termos de itens componentes (produzidos ou comprados). Vale ressaltar que é muito importante a escolha do sistema de emissão de ordens de produção (SEOP) empregado. Ela deve levar em conta principalmente o tipo de sistema de produção em que o SEOP vai operar. Em um sistema de produção repetitivo, que possui uma variedade cibernética pequena, um sistema simples como o Kanban é, em geral, altamente apropriado. Para um sistema de produção não-repetitivo não há atualmente uma alternativa melhor do que o MRP. Na situação intermediária, sistema de produção semi-repetitivo, é que a questão é crítica, e ainda não há uma resposta definitiva. O Kanban apresenta difícil aplicabilidade em ambientes semi- repetitivos, enquanto que o MRP apresenta uma complexidade além da exigida num
Mostrar mais

21 Ler mais

Sistema inteligente para apoio à programação da manutenção de disjuntores de alta tensão

Sistema inteligente para apoio à programação da manutenção de disjuntores de alta tensão

rioso, exigindo resultados excelentes do esp´ecime, independente do es- for¸co, tempo e investimento necess´ arios. Por outro lado, uma Equipe B pode simplesmente realizar os ensaios e anot´ a-los no sistema, utilizando em seu crit´erio de qualidade de ensaio apenas a compara¸c˜ ao entre os polos, ou seja, se todos os polos possuem resultados semelhantes de tempo, resistˆencia de isolamento e resistˆencia de contato, ent˜ ao espera- se que esteja dentro da normalidade optando pela n˜ao interven¸c˜ ao in- trusiva no esp´ecime. A falta de metodologia para avalia¸c˜ ao de ensaio afeta diretamente os esp´ecimes, o preciosismo da Equipe A pode inserir defeitos n˜ao existentes pela ado¸c˜ ao de interven¸c˜ ao intrusiva e elevar os custos de manuten¸c˜ ao, j´ a a Equipe B pode estar negligenciando algum aspecto. Em ambos os casos os disjuntores voltar˜ ao a operar e os re- sultados ser˜ ao lan¸cados no sistema se juntando a centenas de outros ensaios sem qualquer avalia¸c˜ ao posterior. A ausˆencia de dados de re- ferˆencia de ensaios para as equipes tamb´em dificulta a avalia¸c˜ ao at´e mesmo porque pode existir somente um equipamento daquele modelo em determinada equipe, dificultando a pesquisa de hist´ orico de ensaios no sistema atual.
Mostrar mais

162 Ler mais

Um sistema para programação de uma estação FM.

Um sistema para programação de uma estação FM.

c) a eliminação dos vértices de um cami- nho viável poderá ter como conseqüências a anulação do semigrau exterior de algum vér- tice (se ele tivenipenas um sucessor que esteja sobr[r]

6 Ler mais

Programação e simulação de um sistema de automação do setor operacional de uma indústria de grãos

Programação e simulação de um sistema de automação do setor operacional de uma indústria de grãos

Já com relação a revisão das telas do sistema supervisor e dos diagramas P&ID’s, tiveram grande utilidade, primeiramente por que, esses de colaboraram para a programa- ção tanto do sistema de controle quando da simulação. Além disso, as telas foram bem aceitas pelo cliente já que não foi necessário fazer grandes alterações após o retorno do cliente. A revisão do diagrama P&ID serviu, também, para levantar dúvidas referentes de funcionamento dos equipamentos, que posteriormente foram enviadas e respondidas pelas empresas fornecedoras do projeto, isso fora o fato de manter a plataforma COMOS atualizada.
Mostrar mais

102 Ler mais

Programação econômica de geração a curto - prazo para um sistema hidro - termoelétrico de energia

Programação econômica de geração a curto - prazo para um sistema hidro - termoelétrico de energia

terligado. Os recursos de memoria interna requeridos seriam de aproximadamente l50K nes- se caso. requerida facilmente atingirã SOOK ou mais, principalmente se de se[r]

113 Ler mais

Sistema de apoio à programação de desligamentos em redes de distribuição de energia elétrica

Sistema de apoio à programação de desligamentos em redes de distribuição de energia elétrica

Os desligamentos são para execução de atividades na rede de distribuição tais como manutenção e construção.. Para tomar as decisões quanto à aprovação.[r]

160 Ler mais

Um modelo de um sistema tutor inteligente aplicado ao ensino da programação estruturada

Um modelo de um sistema tutor inteligente aplicado ao ensino da programação estruturada

UM MODELO DE SISTEMA TUTOR INTELIGENTE APLICADO AO ENSINO DA PROGRAMAÇÃO ESTRUTURADA... UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA.[r]

148 Ler mais

Automatização de conteúdos num sistema tutor inteligente para o ensino-aprendizagem de programação

Automatização de conteúdos num sistema tutor inteligente para o ensino-aprendizagem de programação

Sistema tutor inteligente (STI), pode ser entendido com um sistema para computador que tem como objetivo o feedback ao aluno ou que fornece instruções diretas a ele, ou seja, o STI funciona sem a intervenção humana. A ideia principal do STI é o aluno aprender fazendo, com isso, auxiliando não somente o aluno, mas também facilitando o conteúdo repassado pelo professor. Como existem diferentes perfis de alunos é importante que um STI se adapte as escolhas de cada um, para isso o STI deve realizar questionários, diretamente ou indiretamente, para se modelar conforme as escolhas de cada um.
Mostrar mais

74 Ler mais

Uma arquitetura de sistema para criação, programação e disponibilização de times de robôs para robótica educacional

Uma arquitetura de sistema para criação, programação e disponibilização de times de robôs para robótica educacional

RT-Middleware oferece algumas características importantes como sincronização, in- dependência de plataforma, linguagens e tecnologias de redes, assim como suporta exe- cução em tempo real. A parte fundamental desse middleware é o RT-Component. Se trata de uma especificação da OMG, que tem suporte em CORBA. Um RT-Component é com- posto de um ou mais objetos componentes. Um sistema de robôs distribuídos pode ser desenvolvido pela combinação de vários desses objetos componentes, que são unidades de processamento independentes com portas de entrada e saída e interfaces bem definidas. O middleware Orca (Makarenko et al. 2006, Orca 2017) foi projetado para promover o desenvolvimento de aplicações oferecendo suporte a um conjunto amplo de robôs e redes de sensores pela programação baseada em componentes. Orca possui código fonte aberto e tem como objetivos principais: habilitar o reuso de software definindo um conjunto de interfaces comuns, simplificar o reuso de software por meio de APIs de alto nível e mo- tivar o reuso de software com o uso de um repositório de componentes. Os componentes funcionam como elementos fundamentais para a montagem de aplicações.
Mostrar mais

125 Ler mais

Modelação matemática de um sistema elétrico isolado com programação lógica de armazenamento hídrico

Modelação matemática de um sistema elétrico isolado com programação lógica de armazenamento hídrico

tipicamente a função objetivo mais usada. As restrições do problema não seriam mais que a modelação das formas de controlo que o operador da rede tenha ao seu dispor, tais como o nível de produção de cada gerador, tensões de excitação dos geradores, regulação dos bancos de cargas (shunts) e transformadores desfasadores, assim como a modelação das caraterísticas da rede, sua topologia e limites técnicos. Dentro desta abordagem, a atribuição de um tipo de barramento tal como mencionado no subcapítulo anterior é equivalente à atribuição de restrições às variáveis deste barramento. Portanto num estudo do fluxo de potências, cada conjunto de escolhas dos tipos de barramentos corresponde a uma única solução, que será apenas um subconjunto das soluções que seria possível considerar aplicando programação matemática. Reside aqui a grande vantagem desta abordagem, é possível obter soluções melhores, com maior flexibilidade, bastando alterar a função objetivo para otimizar diferentes critérios. É comum num problema de fluxos de potência ser necessário alterar as escolhas dos tipos de barramentos após efetuados os cálculos e posteriormente repetidos com a nova configuração [11], seja porque os resultados não estão dentro dos limites técnicos dos equipamentos ou da rede, ou para obter melhores soluções, que podem ser difíceis de identificar apenas com recurso às variáveis controladas ( V ,  , P e Q ), sobretudo se o critério de escolha da melhor solução não tem uma relação simples e direta com estas variáveis. O recurso à programação matemática agiliza este processo, mas a custo de maiores necessidades computacionais. No entanto, esta desvantagem pode ser menos significativa nos casos em que é necessário efetuar várias resoluções dos cálculos de fluxo de potência tradicionais com diferentes configurações de tipos de barramento, comparativamente a uma única resolução do algoritmo de otimização matemática.
Mostrar mais

90 Ler mais

Sistema de produção : estudo de caso da programação da produção da Chapemec Indústria de Cabines

Sistema de produção : estudo de caso da programação da produção da Chapemec Indústria de Cabines

Através desta pesquisa, pode se constatar a importância da produção dentro de uma indústria, e mais especifico ainda dentro do setor de PCP, o quão imprescindível é a programação da produção, e que do seu desempenho, ou seja, através da eficiência e eficácia de sua programação, dependem os bons resultados da empresa, resultados estes que atingem os seus clientes, o mercado como todo, e até mesmo os colaboradores da empresa, que encontram um ambiente motivador para trabalhar, visto que, eles têm segurança, e sabem o andamento do processo e assim podem trabalham de forma organizada. A empresa só tem a ganhar investindo em ferramentas que trazem soluções otimizadas para sua programação, pois além de conquistar seus clientes, os fidelizam e ainda solidificam sua marca no mercado.
Mostrar mais

83 Ler mais

Publicações do PESC Mulplix: Um Sistema Operacional Tipo Unix para Programação Paralela

Publicações do PESC Mulplix: Um Sistema Operacional Tipo Unix para Programação Paralela

Um sistema operacional com estas características deve estender o conceito de processo UNIX, possibilitando a definição e escalação de múltiplas linhas de controle e provendo[r]

78 Ler mais

Estimativa de indicadores de desempenho da lavra para integração entre sistema de despacho e programação diária.

Estimativa de indicadores de desempenho da lavra para integração entre sistema de despacho e programação diária.

 Operator e Dispatcher Performance-> Operadores do sistema despacho influem diretamente na produtividade, logo, uma questão importante é saber se o manuseio das ações está acontecendo de forma correta. Não existe um parâmetro definido ou fórmula para avaliar esse parâmetro. É necessário verificar o total de ações e verificar se foram tratadas corretamente ou não, neste ponto checamos se as que não foram tratadas corretamente são significativas, de modo a interferir na performance do sistema. Alguns fatores que podem atrapalhar a performance são: tempo zero de manobra, tempo zero de carga, mensagens atrasadas, demora para a tomada de decisões, alto índice de redesignações, entre outros. Tais ações podem interferir negativamente prejudicando a qualidade dos relatórios, produtividade da mina e o cálculo do tempo de ciclo.
Mostrar mais

109 Ler mais

Algoritmo para programação integrada de veículos e tripulações no sistema de transporte público por ônibus

Algoritmo para programação integrada de veículos e tripulações no sistema de transporte público por ônibus

A programação de veículos inicial é gerada por uma heurística construtiva gulosa. Em heurísticas deste tipo uma solução é construída iterativamente, elemento por elemento, tomando-se a cada passo a melhor decisão segundo um dado critério. No algoritmo proposto, inicia-se com uma frota formada por um único veículo com jornada vazia e um conjunto de viagens a serem realizadas, dispostas ordenadas crescentemente pelo horário de início. A cada passo, remove-se a primeira viagem do conjunto e a aloca na jornada de trabalho diária de algum veículo da frota. Esta combinação deve ser a que implique no menor custo possível de operação determinado pela aplicação da função de avaliação descrita anteriormente pela expressão (3.1). À medida que a solução vai sendo gerada novos veículos são criados dinamicamente, de tal maneira que sempre seja avaliada a atribuição de uma viagem a um veículo com jornada vazia. Este processo é repetido até que não haja mais viagens a serem alocadas.
Mostrar mais

108 Ler mais

Desenvolvimento e programação de um sistema de injeção e ignição de um motor de combustão interna

Desenvolvimento e programação de um sistema de injeção e ignição de um motor de combustão interna

A interferência eletromagnética é um campo ou onda elétrica ou magnética que pode ou não alterar o funcionamento ou danificar um equipamento ou um dispositivo. A propagação da interferência eletromagnética pode-se dar por radiação, condução e/ou acoplamentos capacitivos ou indutivos. Em automóveis com motores de combustão interna por exemplo, existem várias fontes de interferências eletromagnéticas tais como o sistema de ignição, que utiliza uma alta tensão e produz pequenos impulsos que geram um vasto espetro de frequências, os motores elétricos usados nas bombas de combustível e nos motores de arranque, os injetores, entre outros. As cablagens em automóveis transportam uma grande variedade de sinais desde alimentações de motores elétricos a transporte de dados dos sistemas. Dado que estes condutores se encontram agrupados ocorre o aumento dos níveis de ruído, picos de tensões e correntes indesejadas, perda de sincronismo em sistemas digitais, entre outros [27].
Mostrar mais

127 Ler mais

Show all 10000 documents...