Terra Fria Transmontana

Top PDF Terra Fria Transmontana:

CARACTERÍSTICAS DEMOGRÁFICAS DA TERRA FRIA TRANSMONTANA

CARACTERÍSTICAS DEMOGRÁFICAS DA TERRA FRIA TRANSMONTANA

Após o Censo de 2011, considerou-se pertinente fazer uma breve análise às alterações demográficas ocor- ridas, nas últimas décadas, na nossa região, especialmente a partir de 1960. Ao longo do trabalho pretendemos identificar as diferentes causas que estão na origem desta redefinição da estrutura etária da população portuguesa, particularizando as regiões de Bragança e da Terra Fria Transmontana.

6 Ler mais

V COLÓQUIO HISPANO-PORTUGUÊS DE ESTUDOS RURAIS Área Temática: C – Recursos Naturais e Produção Agro-Alimentar numa Europa Alargada Título da Comunicação: Cadeia de Valor e o Sistema de Comercialização de Castanha da Terra Fria Transmontana

V COLÓQUIO HISPANO-PORTUGUÊS DE ESTUDOS RURAIS Área Temática: C – Recursos Naturais e Produção Agro-Alimentar numa Europa Alargada Título da Comunicação: Cadeia de Valor e o Sistema de Comercialização de Castanha da Terra Fria Transmontana

O consumo industrial e bastante elaborado está mais relacionado com segmentos de mercado de países com grande poder de compra e tradição. Constituem disso exemplos a França e a Itália, com consumo num segmento restrito de mercado de produtos de luxo e outros derivados de castanha bastante elaborados. Nos países nórdicos, não há tradição de consumo, embora ultimamente esteja a surgir uma oportunidade no mercado consumidor. A castanha vem assumindo grande importância na gastronomia da Terra Fria Transmontana (TFT). É consumida em pratos regionais feitos de acordo com a sabedoria das gentes do campo, tradicionalmente por mulheres, que transmitem os seus saberes de geração em geração. É ainda consumida nas feiras, nas festas tradicionais e nos restaurantes. Aqui, os consumidores autóctones, forasteiros, turistas e os emigrantes deliciam-se com os pratos regionais cujo elemento primordial é a castanha.
Mostrar mais

21 Ler mais

Reprodução social e património fundiário na Terra Fria Transmontana

Reprodução social e património fundiário na Terra Fria Transmontana

2·1HLOO  QXPHVWXGRDQWURSROyJLFRULJRURVRHGHWD- OKDGRTXHIH]QXPDFRPXQLGDGHUXUDOQmRPXLWRORQJHGDTXHODTXH HVWDPRVDHVWXGDUGHVFUHYLDDVRFLHGDGHUXUDOWUDGLFLRQDOFRPRVHQGR constituída por estes três grupos sociais fundamentais: proprietários  lavradores e jornaleiros. A sua distinção tem sobretudo origem na GLPHQVmRGRSDWULPyQLRIXQGLiULR$VVLPRVMRUQDOHLURVQmRSRVVXtDP WHUUDRXSRVVXtDPPXLWRSRXFDHVREUHYLYLDPWUDEDOKDQGRjMRUQD2V ODYUDGRUHVSRVVXtDPMiXPDGLPHQVmRIXQGLiULDTXHOKHVSHUPLWLDVXE- sistir trabalhando as suas próprias terras ou tomando algumas de renda. $SRVVHGHSHORPHQRVXPDMXQWDGHYDFDVHOHPHQWRHVWUDWpJLFRQD exploração tradicional da terra que assegurava a autonomia em termos GHWUDFomRpWDPEpPXPHOHPHQWRFDUDFWHUtVWLFRGHVWHJUXSRVRFLDOH TXHPDUFDXPDGLVWLQomRFODUDUHODWLYDPHQWHDRVMRUQDOHLURV3RUWDQWR XPDIDPtOLDGHODYUDGRUHVDVVHJXUDYDDVXDVXEVLVWrQFLDHHPSUHJDYD DVXDIRUoDGHWUDEDOKRQDVXDH[SORUDomRDJUtFROD2VSURSULHWiULRV para além de possuírem uma dimensão fundiária nitidamente superior j GRV ODYUDGRUHV FDUDFWHUL]DYDPVH WDPEpP SRU SRVVXtUHP DR VHX serviço criados VHUYLoDLVTXHKDELWDYDPHWUDEDOKDYDPQDVFDVDVGRV proprietários com carácter permanente.
Mostrar mais

188 Ler mais

O Sistema de Comercialização de Castanha da Terra Fria Transmontana e Sua Cadeia de Valor

O Sistema de Comercialização de Castanha da Terra Fria Transmontana e Sua Cadeia de Valor

O maior problema da junção das variedades na Terra Fria está na mistura das cultivares precoces (que são vendidas em pequenas quantidades) com as tardias. Quando as variedades precoces não se vendem no cedo já não encontram comprador, pois uma das particularidades que anda associada a estas cultivares prende-se com a sua perecibilidade. Assim, quando não são absorvidas pelo mercado, são introduzidas juntamente com as outras variedades, na formação de grandes lotes. É deste modo que o AE acaba, involuntariamente, por comprar as variedades precoces que obviamente vão prejudicar, em termos de conservação, a qualidade do produto. Ao proceder à calibragem, esta operação exige cuidados redobrados, aumentando os custos globais, e por essa via, diminuem os rendimentos do grossista. Por este motivo, nos últimos anos, um dos empresários do nosso estudo, que possui os seus armazéns situados na área metropolitana de Lisboa, tem preferido abastecer-se junto dos armazenistas da TF, portanto no mesmo elo. Para comprar directamente ao produtor, destaca empregados da sua confiança para o local de produção durante a apanha, para obter mais qualidade e melhor servir os clientes mais exigentes. Na Beira Interior, o produtor efectua uma separação rudimentar das variedades, mas quando vende a Judia introduz também a Lada, que amadura na mesma altura, o que envolve, à semelhança do que se passa na TF, alguns problemas de conservação dos lotes. A pedido dos AE, na zona de Chaves e Vila Real, alguns produtores também vão separando uma ou duas variedades durante a apanha.
Mostrar mais

264 Ler mais

As Áreas Curriculares Não Disciplinares - Projecto de intervenção num agrupamento de escolas da Terra Fria Transmontana

As Áreas Curriculares Não Disciplinares - Projecto de intervenção num agrupamento de escolas da Terra Fria Transmontana

No quadro destas ideias, foram repensados os tempos lectivos, com o objectivo de criar e/ou alargar as possibilidades para a operacionalização das propostas curriculares nes[r]

124 Ler mais

Annona emarginata (Schltdl.) H. Rainer 'araticum-de-terra-fria' cultivada com variação de nitrogênio: produtividade e perfil químico dos voláteis foliares

Annona emarginata (Schltdl.) H. Rainer 'araticum-de-terra-fria' cultivada com variação de nitrogênio: produtividade e perfil químico dos voláteis foliares

A espécie araticum-de-terra-fria nativa da América do Sul, encontrada na Bolívia, Peru, Argentina, Uruguai, Paraguai e Brasil (MAAS et al.,2001; USDA, 2009). No Brasil essa espécie é encontrada em altitudes de 950 m das regiões sul e sudeste. Em São Paulo, a sua ocorrência natural se verifica nos municípios de Cunha e Itapeva, localizados sobre a Serra do Mar e em São Bento do Sapucaí e Campos de Jordão, situados sobre a Serra da Mantiqueira. Na região sul do Estado de Minas Gerais, araticum-de-terra-fria ocorre nos municípios de Sapucaí Mirim, Gonçalves, Brasópolis, Ipuiuna, Cambuí e Marmelópolis, em áreas próximas a córregos. A espécie também é encontrada em todo o estado do Paraná (MAAS et al.,2001), em Lages, Videira, Joaçaba e Ibicaré, em Santa Catarina e no estado do Rio Grande do Sul, em Vacarias (TOKUNAGA, 2005).
Mostrar mais

94 Ler mais

Aperfeiçoamento experimental de um tubo de vórtice para acionamento por sistema solar fotovoltaico dis tsxaragão

Aperfeiçoamento experimental de um tubo de vórtice para acionamento por sistema solar fotovoltaico dis tsxaragão

O presente trabalho tem como foco o estudo de tubos de vórtice com variadas configurações. No decorrer dele, determinaram-se quais parâmetros devem ser estudados para que se obtenha o melhor desempenho termodinâmico. As principais variações estudadas foram a pressão - de 1 a 6 bar - e a fração de massa fria, girando em torno de 40%, assim como o número de entradas da câmara de geração de vórtice, com 4 ou 6. As frações de massa fria se apresentaram mais eficientes entre os valores de 40 e 50%. A análise realizada usou um aparelho de vórtice de fabricação própria que possibilitava um trabalho conjunto com um compressor de 7,5hp. Outros instrumentos também foram utilizados para a obtenção dos dados experimentais, como filtros de ar e de impurezas, um rotâmetro de grande capacidade para aferição do fluxo de ar e uma série de termopares que se encarregaram de monitorar as temperaturas apresentadas pelo sistema. Os experimentos revelaram que um coeficiente de performance satisfatório, com índices de até 12%, foi alcançado. A melhor configuração apresentada foi com o tubo de vórtice trabalhando a uma pressão de 6 bar, com uma câmara de geração de vórtice possuindo 4 entradas. A eficiência em termos de exergia também foi estudada e aferida, apresentando valores de 2% para os pontos mais eficientes. Os valores desta eficiência apresentaram pouca variação em relação à variação de pressão. Juntamente com essa análise, o trabalho também realizou o dimensionamento e escolha de painéis solares capazes de alimentar o sistema. Foram selecionados painéis que atuam em paralelo, com 8 unidades atuando conjuntamente.
Mostrar mais

79 Ler mais

Avaliação e utilização de silagens de grão úmido de milho sobre o desempenho e características de carcaça de caprinos

Avaliação e utilização de silagens de grão úmido de milho sobre o desempenho e características de carcaça de caprinos

RESUMO - Objetivou-se no presente trabalho avaliar o efeito da inclusão de silagens de grãos úmidos de milho (SGUM), aditivadas ou não, em substituição ao farelo de milho no consumo e digestibilidade de nutrientes, sobre o desempenho e características de carcaça e dos componentes não carcaça de cabritos (16 ¾ Boer e ¼ Saanen e 8 Saanen puros) machos, castrados e confinados por 84 dias. O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado (DIC), em parcelas subdivididas, tendo na parcela um fatorial 4 X 2 (4 rações, 2 grupos genéticos) e na subparcela os ensaios. As rações foram compostas por feno de Tifton 85 (53,3%), farelo de soja (12,15%), uréia (0,25%) e núcleo mineral (2%), sendo acrescidas de: farelo de milho ou SGUM sem aditivo ou contendo Lactobacillus buchneri (LB) ou Benzoato de Sódio (BS), todas essas inclusões na proporção de 32,3%. Não foram observadas efeitos dos grupos genéticos, rações experimentais e da interação dos mesmos (P>0,05) sobre o consumo e digestibilidade dos nutrientes, bem como sobre as características de desempenho animal. A substituição do farelo de milho pelas SGUM não alterou o consumo e a digestibilidade dos nutrientes e, consequentemente, não proporcionou diferença no desempenho dos cabritos. Da mesma forma, aplicação de BS ou LB nas SGUM não proporcionou melhores desempenhos aos animais, não havendo a necessidade de suas inclusões durante a ensilagem das mesmas para a alimentação de caprinos. Os animais ¾ Boer apresentam valores superiores aos Saanen quanto à eficiência alimentar e aos rendimentos de carcaça quente, fria e verdadeira. Porém, são similares quanto ao rendimento de cortes comerciais.
Mostrar mais

135 Ler mais

A Terra de Duas Línguas

A Terra de Duas Línguas

– Razões mal assentadas. Cala-te. Esperei muito, fartei-me de es- perar que, a teu jeito, escolhesses, para amparo e companheiro, o ho- mem que o teu coração desejasse. Queria deixar-te livre a eleição. Hoje é tarde, porque escolhi eu. Rejeitei a princípio a violência, opto por ela agora. É tempo. Eu e tua mãe vamos no entardecer da existência. Te- mos a cova aos pés. E, quando se fechar, não queremos que a terra pese demais sobre nós por ter abandonado aos enredos perigosos do mundo a filha que estremecemos. Que destino seria o teu, pobre criança, com a paixão por conselheira e com a credulidade por norte? Estêvão Ribô, sem pretender engrandecê-lo com levantados conceitos, é o tipo da probidade e da discrição. Tenho por sem dúvida que há-de estimar-te às direitas. Se o ouvisses ainda agora! Conhecendo a tua repugnância em negócios de casamento, só teme uma renúncia ofensiva. Casarás, porque eu mando e quero. Entendes?
Mostrar mais

569 Ler mais

A Rússia e a nova guerra fria

A Rússia e a nova guerra fria

Carvalho viajara a Moscou em 1977. O Partido Comunista Brasileiro (PCB) lhe concedera uma bolsa de estudos para cursar Engenharia Agronômica na Universidade da Amizade dos Povos Patrici Lumumba (em 1995 defenderia tese de doutorado em Economia no Moscow State Institute of International Relations). “Sou de uma família pobre do interior de Goiás. Meu pai sempre so- nhou com uma sociedade mais justa e, por isso, ingressou no Partido Comunis- ta. Foi preso várias vezes, a primeira no ano do golpe militar, em 1964, quando o levaram para uma fazenda do Jango nas proximidades de Uruaçu, nossa terra; a última em 1975, já com 73 anos de ida- de, transportaram-no em um camburão para Brasília, onde icou 15 dias em um
Mostrar mais

3 Ler mais

Características de carcaça de vacas de descarte e novilhos mestiços Charolês × Nelore em confinamento sob diferentes frequências de alimentação.

Características de carcaça de vacas de descarte e novilhos mestiços Charolês × Nelore em confinamento sob diferentes frequências de alimentação.

RESUMO - O estudo foi realizado com o objetivo de avaliar as características de carcaça de novilhos e vacas de descarte de dois grupos genéticos sob diferentes frequencias de alimentação. Foram utilizados 12 novilhos e 12 vacas de descarte, de modo que cada categoria foi formada de seis animais 5/8 Charolês (C) - Nelore (N) e seis animais 5/8NC, submetidos a três frequencias alimentação; duas vezes ao dia (às 7 e 19 h); três vezes ao dia (às 7, 13 e 19 h); e quatro vezes ao dia (às 7, 11, 15 e 19 h). Os animais foram terminados em confinamento recebendo como volumoso silagem de milho e concentrado à base de farelo de trigo, grão de milho moído, farelo de soja, calcário calcítico e sal, com relação volumoso:concentrado 40:60. O aumento na frequência de alimentação não influenciou a qualidade da carcaça dos animais. As vacas apresentaram maiores pesos de abate e de carcaça quente e fria (509,7; 280,0; e 277,1 kg) em comparação aos novilhos (414,5; 230,5 e 228,1 kg), no entanto, os rendimentos de carcaça quente e fria e as perdas por resfriamento foram semelhantes entre novilhos e vacas de descarte. As características que expressam a musculosidade da carcaça foram melhores nas vacas, que apresentaram maior espessura de coxão (25,88 vs 23,33 cm). As características métricas foram mais expressivas nas vacas, que tiveram carcaças mais longas (132,8 vs 122,3 cm) e maior espessura de gordura (6,21 vs 3,83 mm). As vacas também foram superiores quanto aos pesos de dianteiro e traseiro (103,5 e 133,0 kg) em comparação aos novilhos (84,7 e 111,8 kg), que apresentaram maior percentual de traseiro na carcaça (49,06 vs 48,04%). Entre os grupos genéticos, os animais 5/8C 3/8N apresentaram maior espessura de coxão, área do músculo Longissimus dorsi e comprimento de carcaça (25,7 cm; 64,0 cm 2 e 137,0 cm) em comparação aos
Mostrar mais

9 Ler mais

António Reis e Margarida Cordeiro, cineastas excêntricos

António Reis e Margarida Cordeiro, cineastas excêntricos

Jacques Lemière (Université Lille 1) encerrou o colóquio com uma comunicação em que contrapôs o casal Reis e Cordeiro a outro farol da escola portuguesa da segunda metade do século 20, Manoel de Oliveira, a partir de impressões de cineastas lusitanos da geração seguinte. Na leitura de João Botelho recuperada por Lemière, Reis e Cordeiro eram os camponeses, e Oliveira, o burguês urbano; num “jeu de rôle” pessoano, o casal encarnaria Álvaro de Campos, e o rea- lizador de Francisca (1981), Alberto Caeiro. Já para Pedro Costa, o duo seria sinônimo de terra, água, paisagem, ao passo que Oliveira preferiria o grand monde teatral, a história dos livros, dos professores – corpo e palavra. Uns vêm da mitologia, da memória oral e da poe- sia; o outro, da cultura, da escrita. Em ambos os lados, entretanto, prossegue o diretor de Ossos (1997), haveria reverência excessiva da parte de “herdeiros”, condenados a fazer pastiches de trabalhos ante- riores das figuras de proa.
Mostrar mais

5 Ler mais

CARACTERÍSTICAS DA CARCAÇA DE ANIMAIS NELORE E F1 SINDI – NELORE ABATIDOS AOS 36 E 48 MESES DE IDADE

CARACTERÍSTICAS DA CARCAÇA DE ANIMAIS NELORE E F1 SINDI – NELORE ABATIDOS AOS 36 E 48 MESES DE IDADE

Souza (1999) ao analisar Rendimento de carcaça fria de animais com idades de 23 e 24 meses, não constatou diferenças significativas no que diz respeito ao rendimento de carcaça fria, rendimento de corte serrote, dianteiro e costilhar, quando comparou os animais Nelore com animais 1/2 sangue Tabapuã Nelore, encontrando para Nelore valores de 47,96%, 40,25% e 11,79% para serrote, dianteiro e costilhar, respectivamente, valores semelhantes aos verificados para os animais Nelore deste experimento. Este autor encontrou para animais Nelore rendimento de carcaça com valores inferiores (49,52%) aos encontradosno presente estudo para o mesmo grupo genético (54,3%). Os resultados citados no presente estudo e os encontrados por Sousa (1999), sugerem que poucas diferenças são encontradas ao se comparar animais de raças zebuínas com animais provenientes de cruzamento entre raças zebuínas. Rendimentos de carcaça de 53,56%,em animais Nelore, próximos aos obtidos no presente trabalho , foram verificados por Almeida (2001), em animais com idades entre 22,7 e 22,8 meses.
Mostrar mais

7 Ler mais

HISTÓRIA DA ARTE E GUERRA FRIA

HISTÓRIA DA ARTE E GUERRA FRIA

um esforço de integração de duas narrativas — a ocidental e a soviética. Efectivamente, a quase total clausura das referências bibliográficas disponíveis numa perspectiva modernista ou a sua incidência predominante na narrativa da Modernidade e do Modernismo ocidental apresentava-se como a limitação e obstáculo que desejávamos ultrapassar. Sendo o objecto desta tese a historiografia artística norte-americana e soviética, pareceu-nos que a sua matéria-prima essencial deveria ser os documentos originais da mesma, ou seja, os textos críticos, teóricos, historiográficos através dos quais esses respectivos discursos se foram estabelecendo. Também nesta pretensão metodológica as nossas dificuldades se avolumaram: o muito mais facilitado acesso às fontes primárias da historiografia ocidental (bem como a acurada atenção editorial que receberam, sendo alvo de inúmeras colectâneas, reedições e comentários), o desconhecimento do Russo e a ausência de traduções de textos relativos à historiografia do Realismo Socialista apresentaram-se como um obstáculo maior. Porém, este desequilíbrio no acesso às fontes não nos demoveu, pois, para além obviamente de decorrer das divisões da nossa localização cultural na Guerra Fria, ele revelava ser uma das mais claras manifestações de uma hegemonia — a hegemonia do paradigma historiográfico modernista — que queríamos explicitar. Estas dificuldades foram ultrapassadas pela bolsa de doutoramento concedida pela Fundação para a Ciência e Tecnologia — a qual nos permitiu realizar viagens ao estrangeiro, durante as quais pudemos aceder a bibliotecas, bem como contactar com instituições universitárias e investigadores de áreas similares —, pelo acesso a umas poucas e preciosas colectâneas de documentos soviéticos sobre cultura — como a inestimável obra editada por Katerina Clark e Evgeny Dobrenko, o arquivo de fontes primárias sobre História Soviética do notável site www.soviethistory.org ou, menos 
























































Mostrar mais

604 Ler mais

A IGREJA MATRIZ DE CARLÃO (ALIJÓ) ARQUITECTURA E ESPÓLIO RELIGIOSO NA ARTE RURAL TRANSMONTANA

A IGREJA MATRIZ DE CARLÃO (ALIJÓ) ARQUITECTURA E ESPÓLIO RELIGIOSO NA ARTE RURAL TRANSMONTANA

Esta nossa análise apresenta, pois, certas particularidades que assumimos como opções metodológicas. Se, por um lado, nos interessava chegar a conclusões restritas, mas correctamente estabelecidas e, na medida do possível, não contraditórias com a axiomática dos estilos artísticos em questão, por outro, com esta forma de actuar pretendíamos que se reflectisse uma dinâmica de investigação que, em grande medida, se procuraria a si mesma e na sua progressão se iria descobrindo e ultrapassando, pois quando se trata de património sacro local, independentemente da sua qualidade estético- artística, dever-se-á ter atenção as inerentes dinâmicas religiosas comunitárias porque “entre a terra e o céu estabelece-se então uma espécie de canal de comunicação no qual se encontram a acção do Senhor e o canto de louvor dos fiéis. A liturgia une os dois santuários, o templo terreno e o céu infinito, Deus e o Homem, o tempo e a eternidade” 4 .
Mostrar mais

45 Ler mais

Características quantitativas e composição tecidual da carcaça de cordeiros terminados em confinamento.

Características quantitativas e composição tecidual da carcaça de cordeiros terminados em confinamento.

Na tabela 2, estão apresentados os valores para rendimento de carcaça quente e fria e índice de quebra ao resfriamento, de acordo com o sexo dos cordeiros. Pode-se observar pela análise da variân- cia, que não houve diferença significativa (P ≥ 0,05) entre tratamentos para as variáveis estudadas. Ao tomar como base os valores médios obtidos para rendimento de carcaça, os dados deste experimento se colocaram acima dos valores obtidos por CARVALHO et al. (1980), SIQUEIRA (1983), porém são concordantes com KEMP et al. (1970), CARTER et al. (1973), BONIFACINO et al. (1979 b) e LIRETTE et al. (1984) , sendo que em todos estes trabalhos a idade de abate dos animais foi aproximada a deste estudo.
Mostrar mais

5 Ler mais

UT AD, 2a 5 de Novembro de 2005 Vila Real - Portug I

UT AD, 2a 5 de Novembro de 2005 Vila Real - Portug I

La cabra Serrana variedad Transmontana es un a raza con Denominacion de Origen Protegida que esta amp liamente distribuida en la regio n Norte de Portuga l y tien[r]

5 Ler mais

Características da Carcaça de Bezerros Holandeses para Produção de Vitelos Recebendo Dietas com Diferentes Níveis de Concentrado.

Características da Carcaça de Bezerros Holandeses para Produção de Vitelos Recebendo Dietas com Diferentes Níveis de Concentrado.

mais alimentados com níveis mais baixos de concen- trado, estão relacionadas à ausência de gordura de cobertura. Certa quantidade de gordura é desejável, pois a mesma tem a função de proteger as carcaças contra o ressecamento causado pelo resfriamento; fato que ocorreu com as carcaças dos animais ali- mentados com 90% de concentrado. Isso explica também a constância nos dados para o rendimento de carcaça fria, com base no peso de corpo vazio para todos os níveis de concentrado estudados.

9 Ler mais

A (im)pertinência da história ao aprendizado da física (um estudo de caso).

A (im)pertinência da história ao aprendizado da física (um estudo de caso).

rido da subst^ ania de trabalho para a fonte fria. Quando[r]

10 Ler mais

Módulo I – Água Fria

Módulo I – Água Fria

• Passagem das tubulações próximas a fontes de calor; • Não interligar vários cômodos, tonando-os independentes caso ocorra algum tipo de patologia na tubulaçãos não seja necessário a in[r]

10 Ler mais

Show all 3341 documents...