Turismo - Conde - Paraíba

Top PDF Turismo - Conde - Paraíba:

Turismo de segundas residências: a degradação ambiental e paisagística das praias de Jacumã, Carapibus e Tabatinga Conde/PB

Turismo de segundas residências: a degradação ambiental e paisagística das praias de Jacumã, Carapibus e Tabatinga Conde/PB

Diante dos Artigos citados acima cabe lembrar que toda a Zona Costeira brasileira era coberta por Mata Atlântica que foi ao longo do processo de colonização e, posteriormente, ocupação pelos próprios brasileiros sendo dizimada. Hoje restam apenas cerca de 7% da mata original, concentrados basicamente na Serra do Mar e na Serra da Mantiqueira, região sudeste do Brasil (SOS Mata Atlântica) 10 . Assim como toda costa do Brasil, o litoral da Paraíba também foi cortando a Mata Atlântica existente, inclusive da área estudada. Além da derrubada da Mata Atlântica outra vegetação protegida por lei e ainda presente nas três praias vem sendo degradada e até derrubada para ocupação, os manguezais.
Mostrar mais

72 Ler mais

Turismo e paisagem no litoral norte da Paraíba

Turismo e paisagem no litoral norte da Paraíba

de a maioria das destinações turísticas no país serem relativamente novas, os efeitos de declínio já se fazem sentir em algumas áreas que exigem esforços de rejuvenescimento (Itamaracá, em Pernambuco; Conde, na Paraíba; Itanhaém, Cananéia e Guarujá, em São Paulo, para citar apenas alguns exemplos). Ele lembra ainda que a existência de modelos evolutivos, como este proposto por Thurot (op. cit), não deve induzir a uma visão fatalista da atividade turística em si, pois o grande valor deles é advertir-nos que há um amplo leque de experiências que devemos ter em mente no momento da escolha de uma área potencial ao desenvolvimento do turismo.
Mostrar mais

58 Ler mais

Potencial turístico e produção/transformação do espaço pelo turismo no município do Conde-PB

Potencial turístico e produção/transformação do espaço pelo turismo no município do Conde-PB

Tourism is, nowadays, an activity that generates millions in hard currency. This study sought to examine tourism not as an economic activity, but as a social, political and economic phenomenon. The municipality of Conde, located on the southern coast of Paraíba state, is a place of lush natural beauty that attract tourists from several locations. Therefore, this study aimed to discuss about the tourism potential of Conde and see how this activity has interfered with the production/processing of space and local development. For this, a matrix of tourism potential of receptive locations was applied, as well as interviews with tourists, hotels and food establishments and official agencies. During the study, despite a wide variety of attractions, it was noticed these attractions not attract, for the most part, a stream of international tourists, but its main target are the local and regional tourists. Through opinion of the visitors tourists of Conde, how is the basic infrastructure the municipality that serves not only to tourists, but the entire local community could be evaluated. The study also demonstrated a devaluation of the use of tourism as a development engine for the local community in support of growth of external agents, which have an undercover speech of improvements to the location, but no more than great entrepreneurs who bring, at the most part, negative impacts, especially with the practice of allotments and buildings in areas of environmental preservation, such as the Environmental Protection Area of Tambaba. The local government has privileged the construction of horizontal condominiums owned by business of owners of other locations, leaving the inhabitants who still have tourism as a source of income, the rest of the local population and tourists which do not stay at big resorts, without basic urban infrastructure, i.e., a policy based on the priority of a minority of high economic power at the expense of the majority of low-income.
Mostrar mais

136 Ler mais

As ações do PRODETUR/ NE e suas implicações para o desenvolvimento do turismo na Paraíba

As ações do PRODETUR/ NE e suas implicações para o desenvolvimento do turismo na Paraíba

A cidade de João Pessoa, apesar de ser a mais importante cidade da Paraíba não dispõe de estudos básicos, como os inventários da oferta 14 e demanda turísticos, para o planejamento do turismo. Se a capital possui poucos estudos para o planejamento do turismo, os municípios localizados no Litoral Norte e Sul da Paraíba possuem condições ainda mais precárias, uma total ausência de dados que inviabiliza a elaboração de um plano municipal de turismo baseado em fontes concretas. Assim, acreditamos que caberia ao PRODETUR/ NE investir também na formação (já que não existem tais órgãos na maioria dos municípios litorâneos) ou desenvolvimento de bases institucionais para alguns dos principais municípios litorâneos (a exemplo do Conde – Litoral Sul e possivelmente Cabedelo – Litoral Norte). Na mesorregião da Zona da Mata Paraibana, Cabedelo é o município mais importante (tanto em termos econômicos pela presença do porto quanto turísticos) depois da capital, no entanto, até dezembro de 2004 (segundo pesquisa realizada pela autora in loco durante trabalho de conclusão de curso de graduação), este município não possuía nenhum estudo relacionado ao turismo (número de turistas, inventários, perfis, número de cruzeiros recebidos, entre outros.) e as condições físicas e de pessoal da secretaria municipal de turismo de Cabedelo eram extremamente precárias.
Mostrar mais

113 Ler mais

Investimentos públicos em turismo: uma análise comparativa entre regiões interioranas do Rio Grande do Norte e Paraíba

Investimentos públicos em turismo: uma análise comparativa entre regiões interioranas do Rio Grande do Norte e Paraíba

O Programa de Regionalização do Turismo, antigo Programa Nacional de Municipalização do Turismo, foi reformulado no ano de 2003 e por ser mais atual e completo, o Programa de regionalização é também mais eficiente do ponto de vista institucional, uma vez que dentre os seus objetivos se destacam: promover a cooperação e a parceria dos segmentos envolvidos, organizações da sociedade, instancias de governo, empresários e trabalhadores, instituição de ensino e outros, visando dar qualidade ao produto turístico; diversificar a oferta turística, estruturar os destinos turísticos e ampliar e qualificar o mercado de trabalho. (VIRGINIO, p.66, 2011). A regionalização é pensada com o objetivo de descentralizar as políticas de turismo de forma que venham desenvolver de forma organizada os municípios e regiões com interesses turísticos.
Mostrar mais

61 Ler mais

Memória ambiental, cultural e turismo no vale histórico do Rio Paraíba do Sul: design de uma pesquisa

Memória ambiental, cultural e turismo no vale histórico do Rio Paraíba do Sul: design de uma pesquisa

Os habitantes do Vale Histórico moram em locais adjacentes às Áreas de Proteção Ambiental e ao Parque Nacional da Bocaina, um santuário ecológico, de valor inestimável pela presença de remanescentes de Mata Atlântica e de nascentes de água pura e cristalina, que abriga famílias de agricultores de subsistência que já moravam na área antes da criação do Parque. Esta pesquisa poderá servir de canal de expressão das aspirações em relação ao desenvolvimento da região e à sustentabilidade, ao ecoturismo e à preservação ambiental, a partir da perspectiva da população local, que se mostrou bastante hospitaleira, tanto no que se refere ao acolhimento que deu aos pesquisadores, quanto em relação às propostas de desenvolvimento de um turismo sustentável que traga benefícios à região, sem descaracterizá-la em suas tradições mais caras e seus modelos de resistência ao avanço do industrialismo.
Mostrar mais

12 Ler mais

Sistema de indicadores de sustentabilidade para o desenvolvimento do turismo: análise da dimensão cultural do município de Areia (Paraíba)

Sistema de indicadores de sustentabilidade para o desenvolvimento do turismo: análise da dimensão cultural do município de Areia (Paraíba)

Folclóricas – Moenda –, e várias outras atrações artístico-culturais distri- buídas no decorrer do ano, a exemplo do Carnaval Tradição, a Festa de São Sebastião (que ocorre no Distrito de Mata Limpa), o Jubileu da Universi- dade Federal da Paraíba (UFPB) campus Areia-PB, a Mostra de Cerâmica Artística, a Semana de Pedro Américo, a Festa da Cidade, o São João Tra- dição da Cidade de Areia, o Brega Areia, a Festa da Padroeira, o Festival de Artes de Comes e Curtas (Rota Cultural), o Festival Regional Gastronômico que acontece paralelamente ao Festival de Inverno (Caminhos do Frio), o Encontro de bandas Marciais, a Festa do Rosário e a Festa literária de Areia (Letras e luzes na serra), entre outros eventos turísticos que acontecem na região e cidades circunvizinhas.
Mostrar mais

12 Ler mais

Planejamento regional do turismo no Vale do Paraíba: estudo de caso na micro-região de Bananal - SP

Planejamento regional do turismo no Vale do Paraíba: estudo de caso na micro-região de Bananal - SP

Agora é que a gente está se unindo para poder fazer um trabalho em conjunto. Inclusive, a partir da conclusão do Consórcio do Vale Histórico, será divulgado sempre a região e não o município, eu acho que com isso nós vamos ganhar bastante, até porque vamos reunir forças para estar buscando recursos junto ao Ministério do Turismo, junto a Secretaria de Estado, enfim, outros caminhos, porque o consórcio vai abranger não apenas a parte turística como também todas as outras áreas, saúde, educação. O consórcio é único e os seguimentos são diversos. O carro chefe está sendo o turismo, são os secretários de turismo que unidos estão correndo atrás para concluir esse projeto que se iniciou alguns anos atrás e já se tentou várias vezes e não concluiu, dessa vez nós vamos concluir. Inclusive no dia 18, no Clube do 200, no distrito de Formozo, nos vamos estar fazendo o lançamento do Festival Gastronômico do Vale Histórico e, juntamente, a assinatura do protocolo de intenções. O protocolo de intenções é importante porque ele é a primeira etapa do consórcio, uma vez assinado o protocolo de intenções pelos 6 prefeitos, automaticamente a elaboração do consórcio é gradativa.
Mostrar mais

127 Ler mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DA QUINTA DO CONDE

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DA QUINTA DO CONDE

Produzir textos orais em português padrão, segundo categorias e géneros específicos, complexificando progressivamente as suas diferentes dimensões e caracterizações.. Usar fluentemente [r]

8 Ler mais

O Conde Lopo : poema (inedito)

O Conde Lopo : poema (inedito)

A poesia do bello sentimental é para nós a mais bella : são esses hymnos que exhalão-se do coração como os perfumes da redoma quebrada de crystal onde se guarda o balsamo, como o aro[r]

235 Ler mais

Wesley Augusto Conde Godoy

Wesley Augusto Conde Godoy

macellaria, that shows damping oscillations in population size leading to one fixed point equilib- rium (Reis et al. We noted, however, that the value of λ obtained for C. albiceps is[r]

8 Ler mais

FICHA 36: SOLAR DO CONDE

FICHA 36: SOLAR DO CONDE

(ficha 24), apresenta elementos de arquitetura moderna, como o uso de pilotis, planta.. modular, linhas retas, estrutura de concreto armado marcada na fachada e planta.[r]

25 Ler mais

PEDRO JOSÉ CONDE MEIRINHO

PEDRO JOSÉ CONDE MEIRINHO

Fig.2.5.- Secção residual considerada resultante de ataque de caruncho.. 24 sobrecarregando as vigas do pavimento e podendo causar a sua rotura ou deformações inaceitáveis [r]

182 Ler mais

Políticas públicas de turismo na Paraíba: avaliação do Polo Cabo Branco e do Prodetur (NE)

Políticas públicas de turismo na Paraíba: avaliação do Polo Cabo Branco e do Prodetur (NE)

O processo de avaliação se utiliza de dados e indicadores quantitativos e qualitativos que possam expressar o desempenho das diversas dimensões do desenvolvimento acima mencionadas. Para que esse processo se cumpra, é preciso que haja a disposição de dados periódicos que demonstrem não apenas o estado da arte das diversas variáveis do turismo estudadas, mas o seu desempenho ao longo do tempo. São igualmente necessários canais de comunicação e de diálogo com os atores envolvidos que permitam a consulta, o diálogo, o acompanhamento dos resultados e eventuais correções de rumo das políticas. Esse diálogo com os atores é uma das garantias do caráter democrático de uma política. No caso das instâncias deliberativas, é importante que o critério da proporcionalidade das representações respeite a diversidade dos interesses em jogo.
Mostrar mais

15 Ler mais

Circulação de dons, trabalho e renda do turismo na comunidade rural Chã de Jardim, na Paraíba

Circulação de dons, trabalho e renda do turismo na comunidade rural Chã de Jardim, na Paraíba

Resumo: Este artigo relata uma análise empírica sobre os arranjos e as hibridizações entre valores tradicionais e modernos, focalizando as articulações entre trocas simbólicas e mercantis, a partir da participação de sitiantes na produção da oferta turística. O objetivo geral é analisar as transformações e adaptações dos valores camponeses à dinâmica do mercado. Os dados apresentados foram construídos a partir de uma etnografia da comunidade Chã de Jardim, incluindo também consultas a dados estatísticos e documentos oficiais sobre emprego e renda no município de Areia (PB), além da realização de entrevistas semidirigidas com os sitiantes. No plano teórico, privilegia-se uma discussão sobre o caráter ambíguo da dádiva e a obrigação de retribuição intrínseca ao princípio da reciprocidade. Para tanto, revisitam-se as interpretações de Marcel Mauss e Claude Lévi-Strauss, em interlocução com as abordagens mais recentes de Aafke Komter, Philippe Steiner, Éric Sabourin e Marcos Lanna, dentre outros pesquisadores. Os resultados da pesquisa permitiram compreender a formação e o funcionamento do microssistema de redistribuição da renda do turismo, o qual está subordinado, em grande medida, à dinâmica da reciprocidade e aos valores camponeses, com destaque para o sistema hierárquico preexistente nas relações sociais comunitárias.
Mostrar mais

17 Ler mais

Reabilitação do centro histórico de Vila do Conde

Reabilitação do centro histórico de Vila do Conde

Grande  parte  da  malha  urbana  da  área  central  de  Vila  do  Conde  manteve‐se  com  base  na  estrutura  quinhentista,  em  que  as  alterações  de  maior  relevância  são  a  abertura  da  Estrada  Real Porto‐Viana 12  em 1865 e a “expansão balnear” que com os seus acessos destruiu vários  edifícios.  Em  1875  é  inaugurada  a  linha  ferroviária  entre  Porto,  Vila  do  Conde  e  Póvoa  de  Varzim, que se estabeleceu como uma barreira para o crescimento da cidade a nascente. De  modo a articular estes novos acessos à cidade com a zona balnear, foram rasgadas as Ruas 25  de  Abril  e  a  Rua  Conde  D.  Mendo  no  interior  do  tecido  e  que  alteraram  profundamente  a  estrutura da malha até então existente. Mais próximo e ligado ao mar foram ainda abertas a  Rua dos Banhos, (actual Avenida Bento de Freitas / Avenida Artur da Cunha Araújo), a Avenida  Eduardo  José  Coelho  (actual  Avenida  Sacadura  Cabral)  e  a  Alameda  Júlio  Graça.  Estas  ruas  e  avenidas caracterizam‐se pela sua rectilinearidade e dimensão 13 . 
Mostrar mais

122 Ler mais

Prefeitura Municipal de São Francisco do Conde publica:

Prefeitura Municipal de São Francisco do Conde publica:

O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de São Francisco do Conde- Bahia, no uso de sua competência, atribuída na Lei Municipal n. 359, de 11 de junho de 2014, por meio de sua Comissão Organizadora e conforme a Resolução do Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente – CONANDA, n.170, de 10 de dezembro de 2014 e Resolução do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente- CMDCA, n.20 de 31 de agosto de 2015, torna pública as seguintes alterações dos Editais supracitados, informação dos locais e respectivos eleitores por abrangência, data, horário; faculdade ao candidato a inclusão do “apelido” na cédula eleitoral e documentação a ser apresentada pelo eleitor; permissão de propaganda eleitoral na internet, referente a Eleição do Processo de Escolha Unificado para membros do Conselho Tutelar para o quadriênio 2016/2019.
Mostrar mais

5 Ler mais

Prefeitura Municipal de São Francisco do Conde publica:

Prefeitura Municipal de São Francisco do Conde publica:

CONTRATO nº 175/2014 – celebrado entre o MUNICÍPIO DE SÃO FRANCISCO DO CONDE e a empresa URANIA MARIA DOS SANTOS - ME.Objeto O presente instrumento tem por objeto a contratação de empresa especializada no Fornecimento de materiais diversos de consumo, para atender as necessidades das Campanhas de Prevenção de Câncer, Prevenção e Combate à AIDS e

13 Ler mais

Prefeitura Municipal de São Francisco do Conde publica:

Prefeitura Municipal de São Francisco do Conde publica:

do Conde - BA, CEP: 43.900.000, destinado à instalação do PROAP (Programa de Atendimento Psicossocial de Alunos e Professores).Do Objeto do Aditivo:Constitui objeto deste instrumento, a renovação contratual com início em 16 de abril de 2016 e término em 16 de abril de 2017, conforme as previsões do art. 51 da Lei N.º8.245/91.

7 Ler mais

Prefeitura Municipal de São Francisco do Conde publica:

Prefeitura Municipal de São Francisco do Conde publica:

Estima a Receita e fixa a Despesa do Orçamento Anual do Município de São Francisco do Conde, para o exercício financeiro de 2018. O Prefeito Municipal de São Francisco do Conde, ESTADO[r]

154 Ler mais

Show all 8155 documents...