Universidade Federal

Top PDF Universidade Federal:

O PROGRAMA REUNI NA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA

O PROGRAMA REUNI NA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA

Ao considerar a educação como um dos fatores mais importantes no processo de desenvolvimento do país, o Governo Federal implantou programas que culminaram na duplicação de vagas públicas nas universidades federais. Apesar dos avanços, para o cumprimento das metas estabelecidas no Plano Nacional de Educação para o decênio 2011- 2020 serão necessários ainda muitos investimentos no setor. Atualmente, a quantidade de jovens de 18 a 24 anos com acesso à educação superior é de apenas 14%, mas espera-se que essa meta seja dobrada em apenas dez anos. Para realizar a expansão, o Governo, no ano de 2007 criou o Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais – REUNI. Após três anos da implantação, fica evidenciado o crescimento quantitativo da rede federal, mas para seguir com a ampliação da educação superior, torna-se necessário avaliar os seus resultados. A presente dissertação avalia o programa REUNI na Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), com o objetivo de verificar as suas contribuições para a melhoria do ensino de graduação por meio dos indicadores Relação Aluno Professor e Taxa de Conclusão da Graduação. Além disso, será analisado o aumento da oferta de vagas na graduação, a dimensão reestruturante da arquitetura curricular bem como a correspondente ampliação da infraestrutura. Ao final, o trabalho indica a adoção de medidas consubstanciadas em um Plano de Ação Educacional que vise a ampliação e a melhoria do Ensino de Graduação na UFJF. O estudo parte da análise dos documentos orientadores do Programa, do Plano de Adesão da UFJF ao REUNI, de dados do Governo Federal e da própria universidade. Para efeito de comparação foram selecionadas 5 (cinco) Universidades – Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), Universidade Federal do Maranhão (UFMA), Universidade Federal de Sergipe (UFS), Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e Universidade Federal de Viçosa (UFV). Com base nas análises do REUNI na UFJF, foi constatado o êxito da fase de implementação do Programa. O bom andamento do Programa serve de subsídio para delinear diretrizes e ações para um novo Plano de Expansão para a Universidade Federal de Juiz de Fora, vindo a contribuir com o que preceitua o Projeto de Lei do PNE 2011-2020.
Show more

93 Read more

GESTÃO DE COMPRAS PÚBLICAS: DESAFIOS, DILEMAS E PERSPECTIVAS NA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA – Mestrado em Gestão e Avaliação da Educação Pública

GESTÃO DE COMPRAS PÚBLICAS: DESAFIOS, DILEMAS E PERSPECTIVAS NA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA – Mestrado em Gestão e Avaliação da Educação Pública

A presente dissertação foi desenvolvida no âmbito do Mestrado Profissional em Gestão e Avaliação da Educação Pública (PPGP) do Centro de Políticas Públicas e Avaliação da Educação da Universidade Federal de Juiz de Fora (CAED/UFJF). Este estudo pretendeu analisar o processo de compras da Universidade Federal de Viçosa investigando possíveis fatores geradores de falhas. Nesta instituição, os pedidos de compra são lançados em um sistema informatizado e encaminhados a um órgão responsável pela abertura dos processos de licitação e pela compra centralizada. Porém, pedidos com algum tipo de falha, muitas vezes, não são percebidos por este órgão, resultando na não efetivação da compra ou na compra de itens de qualidade inferior com preços elevados, trazendo impacto nas atividades da instituição. A partir deste cenário, chega-se à pergunta norteadora desta pesquisa: por que alguns setores da universidade obtêm êxito em suas compras e outros não? Os objetivos definidos para este estudo foram: (1) Discutir o marco legal sobre as compras públicas no Brasil e apresentar uma revisão bibliográfica sobre o tema; (2) Contextualizar a instituição que foi o objeto deste estudo e mapear o processo de compras em quatro de seus departamentos; (3) Verificar a satisfação dos setores pesquisados e do órgão responsável pelas compras com o processo de compras da instituição e (4) Propor um Plano de Ação Educacional (PAE). Para tanto, a metodologia utilizada para o desenvolvimento desta pesquisa tratou-se de um Estudo de Caso de viés qualitativo e, na pesquisa de campo, os instrumentos utilizados foram entrevistas com roteiros semiestruturados e mapeamento de processos. Na revisão bibliográfica foram consultados autores como Hermann (1999), Costa (2000), Batista e Maldonado (2008), Motta (2010) e Carvalho (2012). Diante do estudo, concluiu-se que a falta de treinamento para os servidores bem como a falta de padronização nas rotinas e as falhas de comunicação foram identificadas como as possíveis causas para as falhas existentes no processo de compras da instituição. Ficou evidente a insatisfação dos usuários com o atual sistema de compras e que os setores pesquisados adotam boas práticas para melhorar o desempenho de suas compras, porém, elas são ocultas para os demais setores. Frente a isso, o Plano de Ação apresentado propõe a adoção de procedimentos padronizados para o processo de compras da UFV e uma política institucional de treinamento para que seus servidores realizem compras.
Show more

145 Read more

ANA PAULA DELGADO DA COSTA O REUNI NA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA: UMA ANÁLISE DOS BACHARELADOS INTERDISCIPLINARES

ANA PAULA DELGADO DA COSTA O REUNI NA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA: UMA ANÁLISE DOS BACHARELADOS INTERDISCIPLINARES

O presente estudo tem como tema central os Bacharelados Interdisciplinares, um projeto de reestruturação universitária empreendido pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) e idealizado no âmbito do Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais - REUNI. O objetivo deste trabalho foi avaliar as características de implementação desses bacharelados, bem como os resultados iniciais desse programa, propondo ao final, ações a serem encaminhadas aos gestores da UFJF que possam contribuir para a melhoria do programa implementado. Para o desenvolvimento da pesquisa utilizou-se de análise documental sobre o programa e autores que debatem o processo de implementação de políticas públicas, a prática docente no ensino superior e o processo de evasão nas universidades. Foram analisados ainda os dados oficiais do programa referentes ao acesso e à permanência dos alunos nos referidos cursos. Observou-se que, apesar dos resultados serem recentes, merecem atenção por parte da gestão da UFJF. A pesquisa de campo foi realizada através de entrevistas com os gestores da UFJF e aplicação de questionários aos alunos dos BI's. Como resultado observou-se que a UFJF enfrenta alguns entraves ao bom andamento do programa, dentre eles: a resistência dos docentes e alunos, questões de ordem administrativa e as dificuldades inerentes aos alunos do ensino superior em relação ao desempenho e condições financeiras. Com base nesses resultados, foi proposto um plano de intervenção em três etapas, compostas por cinco ações, buscando dirimir as principais questões diagnosticadas.
Show more

117 Read more

INCLUSÃO SOCIAL E DESEMPENHO DOS ALUNOS COTISTAS NO ENSINO SUPERIOR NA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA

INCLUSÃO SOCIAL E DESEMPENHO DOS ALUNOS COTISTAS NO ENSINO SUPERIOR NA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA

Eu tenho 23 anos, entrei em 2013 no curso de medicina na Universidade Federal de Viçosa. Eu sou natural de Curvelo, Minas Gerais onde estudei minha vida toda e fiz meu terceiro ano. Entrei por livre concorrência, na Universidade Federal de Viçosa no curso de medicina em 2013, como já disse, sem fazer nenhum cursinho preparatório. Foi apenas minha faculdade, apenas o estudo na minha escola mesmo. Sobre os anos em Viçosa, sobre o meu desempenho acadêmico eu considero ótimo, e sem nenhuma, assim sem grandes dificuldades. Eu não encontrei dificuldade no curso. É, assim, nenhuma muito importante. Claro que sempre tem alguma dificuldade, mas nenhuma muito relevante. E, eu considero que não há diferença de desempenho dos alunos que entraram como cotistas e não cotistas. Não acho que há diferença de desempenho acadêmico nem de nível intelectual ou de capacidade de algum aluno que entrou como cotista ou como livre concorrência. Inclusive, é, eu nem sei quem são os alunos cotistas da minha sala. Eu sei que tem alguns, mas muito poucos. Não sei quem são todos os cotistas e não acho que faz diferença isso não. É... e em relação a isso, é, acho que o desempenho acadêmico assim pelo que percebo nas salas vai muito mais do interesse do aluno. Porque tem muito aluno que independente de ser cotista ou não, ou ter entrado por livre concorrência que não tem um bom desempenho acadêmico porque não estuda, porque não tem interesse, porque não frequenta as aulas. Então acho que é muito mais importante esse fato, o fato do quanto o aluno tá interessado, é dedicado e ele tem um objetivo do que e de o que veio previamente. Não acho que a formação previa tem muito a ver. Com certeza, uma pessoa que tem, é, que já tem mais hábito de estudar, que é mais concentrada, mais focada, que já trouxe esse hábito assim desde a infância
Show more

81 Read more

BRUNO CÉSAR DE NAZARETH CIRIBELLI RETENÇÃO E EVASÃO ESCOLARES NO BACHARELADO INTERDISCIPLINAR EM CIÊNCIAS EXATAS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA

BRUNO CÉSAR DE NAZARETH CIRIBELLI RETENÇÃO E EVASÃO ESCOLARES NO BACHARELADO INTERDISCIPLINAR EM CIÊNCIAS EXATAS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA

A presente dissertação, fruto da pesquisa realizada no Mestrado Profissional em Gestão e Avaliação da Educação Pública do CAED/UFJF, apresenta como temática a retenção e a evasão escolares no ensino superior, especificamente entre alunos do Bacharelado Interdisciplinar em Ciências Exatas da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF). O termo evasão, para esta pesquisa, é considerado como sendo o desligamento do acadêmico de seu curso, tanto para fora da UFJF – abandono, cancelamento de matrícula, jubilamento, transferência –, quanto para outro curso da instituição – transferência interna ou novo ingresso por processo seletivo. Já em relação à retenção, este estudo a associa às reprovações sofridas pelo acadêmico ao longo de seu curso, ao qual se mantém vinculado, o que implica a ultrapassagem do tempo previsto para a integralização curricular da graduação pelo estudante. A partir da estrutura de pré-requisitos do referido curso, têm sido verificados casos frequentes de baixo rendimento acadêmico, especialmente nas disciplinas iniciais. A retenção nessas disciplinas tem dificultado a evolução do acadêmico dentro do curso, sendo possível, assim, levantar a hipótese de que o fato de o estudante não apresentar essa evolução contribua para os casos de evasão, bem como possibilite a investigação de fatores que tenham favorecido essa situação educacional preocupante. Assim, a realização deste estudo justifica-se por constatar-se que, tanto em nível local quanto nacional, as instituições de ensino superior vêm, ao longo dos anos, enfrentando problemas consideráveis relacionados à evasão e/ou repetência entre seus acadêmicos. Diante desse cenário, esta dissertação buscou analisar a retenção e evasão entre alunos do primeiro ciclo do Bacharelado Interdisciplinar em Ciências Exatas da UFJF, considerando pesquisa documental e referencial teórico sobre o tema, além de realizar entrevistas a professores e gestores da instituição. Por fim, foram propostas duas ações de intervenção – criação de uma atividade de apoio pedagógico e um programa de monitoramento do desempenho acadêmico –, visando à melhoria do desempenho dos alunos, e, como uma possível consequência, permitir que os acadêmicos concluam com êxito e no tempo adequado o seu curso, reduzindo os casos de reprovação e abandono escolar.
Show more

123 Read more

DISTRIBUIÇÃO ORÇAMENTÁRIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA: UMA PROPOSTA DE REVISÃO DO MODELO – Mestrado em Gestão e Avaliação da Educação Pública

DISTRIBUIÇÃO ORÇAMENTÁRIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA: UMA PROPOSTA DE REVISÃO DO MODELO – Mestrado em Gestão e Avaliação da Educação Pública

A presente dissertação foi desenvolvida no âmbito do Mestrado Profissional em Gestão e Avaliação da Educação (PPGP) do Centro de Políticas Públicas e Avaliação da Educação da Universidade Federal de Juiz de Fora (CAEd/UFJF). O caso de gestão estudado discutiu a distribuição interna, na Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), dos recursos recebidos através de descentralização orçamentária do Ministério da Educação. Os objetivos definidos para esta pesquisa foram descrever o modelo de distribuição orçamentária aplicado atualmente na UFJF, analisá-lo de forma a aferir como os critérios utilizados têm impactado efetivamente na distribuição e avaliar e comparar o modelo de descentralização orçamentária interno adotado em outras cinco Instituições Federais de Ensino Superior. Após essas reflexões, foi proposto um plano de ação a fim de tornar o modelo de distribuição orçamentária na UFJF mais atual e aperfeiçoado, de acordo com a expansão física e de pessoal ocorridas em decorrência da adesão ao Programa de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (REUNI). O Plano de Ação Educacional sugeriu a adoção de um modelo para a distribuição interna dos recursos oriundos do MEC através de descentralização de forma mais equânime. A metodologia desta pesquisa se caracteriza como qualitativa, uma vez que foi utilizada a análise comparativa entre alguns modelos de distribuição, a partir do emprego da pesquisa documental e bibliográfica.
Show more

116 Read more

GERÊNCIA DE PÓS-COMPRA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA: uma proposta de reestruturação

GERÊNCIA DE PÓS-COMPRA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA: uma proposta de reestruturação

A presente dissertação é desenvolvida no âmbito do Mestrado Profissional em Gestão e Avaliação da Educação (PPGP) do Centro de Políticas Públicas e Avaliação da Educação da Universidade Federal de Juiz de Fora (CAEd/ UFJF). O caso de gestão analisou e discutiu as rotinas desenvolvidas pela gerência de Pós- compra da UFJF, desde às notificações por atraso na entrega enviadas às empresas, até a aplicação das sanções administrativas previstas em lei. Os objetivos definidos para esta pesquisa foram descrever as atividades realizadas atualmente por esse setor da UFJF, analisá-las de forma a aferir como tornar as notificações aos fornecedores com entregas de bens em atraso mais eficientes, minorando o tempo de espera dos requisitantes internos pelos materiais e comparar a dinâmica de trabalho adotado na instituição com o de outras quatro Instituições Federais de Ensino Superior. Após essas reflexões, foi proposto um Plano de Ação Educacional (PAE) para aprimorar os processos de pós-compra dos materiais de consumo e materiais permanentes adquiridos pela UFJF, dinamizando as rotinas da Gerência de Pós-Compra. O Plano de Ação Educacional sugeriu a implementação de um módulo do Pós-compra no SIGA para atender as demandas específicas do setor. A metodologia desta pesquisa se caracteriza como qualitativa, uma vez que foi utilizada a análise comparativa com outras instituições federais de ensino, a partir do emprego da pesquisa documental e bibliográfica.
Show more

120 Read more

EXPANSÃO E FINANCIAMENTO DO SISTEMA DE ENSINO SUPERIOR FEDERAL: O CASO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA

EXPANSÃO E FINANCIAMENTO DO SISTEMA DE ENSINO SUPERIOR FEDERAL: O CASO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA

A UFJF, segunda universidade federal do interior do país a ser criada, atrás apenas da de Santa Maria (RS), foi criada por meio da Lei nº. 3.858, de 23 de dezembro de 1960, produto de ação desenvolvimentista do então presidente, Juscelino Kubitschek, está localizada no bairro Martelos, Juiz de Fora/MG. Encontra- se estabelecida em local articulado, entre três importantes capitais brasileiras, quais sejam: Belo Horizonte/MG, Rio de Janeiro/RJ e São Paulo/SP. Seu campus sede localiza-se em Juiz de Fora/MG que, com 516.247 habitantes (Censo de 2010) 14 , é uma das metrópoles mais populosas do Estado de Minas Gerais e um centro de referência na Zona da Mata Mineira. A instituição contribui para que Juiz de Fora/MG se constitua em autêntico polo educacional que desperta estudantes das cidades da adjacência bem como de outros estados brasileiros. Dos alunos aprovados pelo Sistema de Seleção Unificada (SiSu), mais de 50% são procedentes de outras cidades (UFJF, 2015b).
Show more

142 Read more

ESTÁGIO NÃO OBRIGATÓRIO NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA: PERSPECTIVAS E DESAFIOS – Mestrado em Gestão e Avaliação da Educação Pública

ESTÁGIO NÃO OBRIGATÓRIO NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA: PERSPECTIVAS E DESAFIOS – Mestrado em Gestão e Avaliação da Educação Pública

O presente trabalho investigou os estágios não obrigatórios nos cursos de graduação da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF). A Lei 11.788/2008, a qual regulamenta a relação de estágio, estabelece que essa relação deverá ser acompanhada de modo efetivo pelo professor orientador da instituição de ensino. Com base nessa Lei, o Regimento Acadêmico da Graduação (RAG) da UFJF preconiza que os cursos de graduação devem constituir uma Comissão Orientadora de Estágio (COE) para o acompanhamento dos estágios. Embora a criação da COE tenha sido estabelecida desde 2014, mais da metade dos cursos presenciais e a distância não possui sua COE instalada. Diante desse panorama, apresentou-se a seguinte pergunta norteadora: como é organizado o acompanhamento do estágio não obrigatório nos cursos de graduação da UFJF? Assim, esse estudo objetivou investigar como é feita a organização para o acompanhamento do estágio não obrigatório nos cursos de graduação elencados para este estudo: Engenharia, Administração e Enfermagem; analisar o processo do estágio não obrigatório na perspectiva das seguintes normas: a Lei 11.788/2008, o RAG e a Resolução nº 115/2014, além dos regulamentos das COEs dos cursos de graduação e, propor um Plano de Intervenção que vise aprimorar o acompanhamento do estágio não obrigatório nos cursos de graduação da UFJF. Para tanto, preliminarmente foi feita uma análise documental, a seguir foram entrevistados a Pró-Reitora de Graduação, a Coordenadora de Estágios/PROGRAD, os Presidentes das COEs e Professores Orientadores do estágio não obrigatório dos Cursos escolhidos como amostra na UFJF, a fim de verificar como está acontecendo a relação do estágio não obrigatório na perspectiva desses atores. Foram aplicados, ainda, questionários a estudantes de cada curso objeto da pesquisa que estão no estágio não obrigatório. A pesquisa evidenciou que muitos desafios enfrentados pelos professores orientadores, Coordenadores de Curso e componentes das COEs dificultam ou inviabilizam o acompanhamento efetivo das atividades do estágio não obrigatório nos cursos de graduação da UFJF. Sendo assim, foi apresentado um plano de intervenção que propõe melhorias na organização das COEs, o que oportunizará um efetivo acompanhamento dessa modalidade de estágio.
Show more

85 Read more

Synthesis of 2',4,4'-trimethoxychalcon and in vitro cytotoxic study in human tumor cells / Síntese da 2',4,4'-trimetoxichalcona e estudo citotóxico in vitro em células tumorais humanas

Synthesis of 2',4,4'-trimethoxychalcon and in vitro cytotoxic study in human tumor cells / Síntese da 2',4,4'-trimetoxichalcona e estudo citotóxico in vitro em células tumorais humanas

Programa de Pós-Graduação Em Produtos Naturais e Sintéticos Bioativos pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB).. Universidade Federal da Paraiba.[r]

10 Read more

Bioactive profile of Aspidosperma pyrifolium  Mart. & Zucc: An integrative review / Perfil bioativo de Aspidosperma pyrifolium Mart. & Zucc: Uma revisão integrativa

Bioactive profile of Aspidosperma pyrifolium Mart. & Zucc: An integrative review / Perfil bioativo de Aspidosperma pyrifolium Mart. & Zucc: Uma revisão integrativa

Mestre em Bioquímica e Fisiologia pela Universidade Federal de Pernambuco-UFPE Instituição: Universidade Federal de Pernambuco.. Endereço: Av.[r]

19 Read more

Ambient. constr.  vol.18 número1

Ambient. constr. vol.18 número1

No primeiro bloco, há dois artigos. O artigo de Sousa, da Universidade Federal do Ceará, Cândido, do Centro Universitário Christus, e Barros Neto, da Universidade Federal do Ceará, tem como objetivo identificar as oportunidades de melhoria para a medição de desempenho a partir de um estudo de caso em quatro construtoras de Fortaleza, CE. Estas oportunidades são estabelecidas mediante análise das deficiências do sistema de medição adotado pelas empresas com repercussão no desempenho e competitividade das mesmas. O artigo de Krainer e Krainer, da Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Cataldi, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Iarozinski Neto e Romano, da Universidade Tecnológica Federal do Paraná, propõe um modelo para avaliação da eficiência do relacionamento entre construtoras e fornecedores. Com a aplicação desse modelo, os autores buscam fornecer diretrizes estratégias para a formação de parcerias entre construtoras e fornecedores.
Show more

3 Read more

Comportamento dos corantes em função do pH

Comportamento dos corantes em função do pH

A Universidade Federal Fluminense (UFF), a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e a Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) estão organizando a VI Escola de Verão para P[r]

5 Read more

Cad. CRH  vol.29 número78

Cad. CRH vol.29 número78

José de Souza Muniz Junior Universidade Estadual do Ceará Josué Pereira da Silva Universidade Estadual de Campinas Katia Siqueira de Freitas Universidade Católica do Salvador Laila Nasen Mourad Universidade Católica do Salvador Laura Lowenkron Universidade do Estado do Rio de Janeiro Lígia Maria de Souza Dabul Universidade Federal Fluminense

2 Read more

AVALIAÇÃO DA IMPLEMENTAÇÃO DA REDE INTERNACIONAL DE COOPERAÇÃO ACADÊMICA LIXO ZERO (NIZAC) NO BRASIL

AVALIAÇÃO DA IMPLEMENTAÇÃO DA REDE INTERNACIONAL DE COOPERAÇÃO ACADÊMICA LIXO ZERO (NIZAC) NO BRASIL

A Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC, a Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC, o Instituto Federal de Santa Catarina- IFSC, a Universidade Estadual de Campinas- UNICAMP e a Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro PUC – RJ engajaram-se na Rede de Cooperação Acadêmica Internacional Lixo Zero – NIZAC, com o objetivo de enfrentar um dos maiores desafios antropogênicos da sustentabilidade global, a grande geração de resíduos sólidos nos ambientes urbanos. Neste contexto, o presente artigo discute os avanços e os desafios para a implementação dessa rede de cooperação acadêmica nas universidades brasileiras, a partir de informações obtidas por meio de aplicação de questionários às referidas instituições. Os principais resultados da implementação da rede são sistematizados e avaliados, constando que apesar dos programas Lixo Zero das universidades brasileiras estarem em fase inicial, existem
Show more

18 Read more

Aspectos morfológicos e imunofenotípicos das leucemias mielóides agudas em pacientes do Amazonas

Aspectos morfológicos e imunofenotípicos das leucemias mielóides agudas em pacientes do Amazonas

Tese de dissertação para obtenção do título de Mestre em Ciências apresentada à Universidade Federal de São Paulo – Mestrado em Ciências Interinstitucional com a Universidade Federal do [r]

1 Read more

Plasticidade das imagens audiovisuais no espaço acústico-ressonante do cinema

Plasticidade das imagens audiovisuais no espaço acústico-ressonante do cinema

Afonso de Albuquerque, Universidade Federal Fluminense, Brasil | Cláudia Lago, Universidade de São Paulo, Brasil | Cesar Baio Santos, Universidade Federal do Ceará, Brasil | Eduardo [r]

23 Read more

Psicol. Esc. Educ.  vol.17 número2

Psicol. Esc. Educ. vol.17 número2

Essa atividade está vinculada ao projeto de pesquisa “Transmissão intergeracional da violência: a relação do con- lito conjugal e parental com a agressividade entre pares de crianças de quatro a seis anos” (TIV), desenvolvido desde 2009 por pesquisadores da Universidade Federal de Santa Catarina em parceria com pesquisadores de duas institui- ções canadenses (Universidade de Montreal e Universidade do Quebec, em Montreal). Foram entrevistados 150 casais (pais e mães) de crianças de idade entre quatro e seis anos e 54 professores, com o objetivo de estabelecer um elo en- tre violência conjugal, violência parental e agressividade das crianças com seus pares, propondo um modelo de trans- missão intergeracional de estratégias de gestão de conlitos. São parceiras desse projeto 26 Instituições de Educação Infantil (IEIs) (dezesseis públicas e dez privadas) situadas em quatro municípios do Estado de Santa Catarina.
Show more

3 Read more

: Brapci ::

: Brapci ::

Possui graduação em Ciências Econômicas pela Universidade Federal de Santa Catarina (1979), mestrado em Sociologia Política pela Universidade Federal de Santa Catarina (1988) e doutorado em Sociologia Econômica pela Universidade Técnica de Lisboa (2002). Atualmente é professor Associado I da Universidade Federal de Santa Catarina, tendo sido presidente da Associação de Professores da UFSC (APUFSC) entre 2006 e 2010. Exerce a Chefia do Departamento de Economia e Relações Internacionais desde 2011. Tem experiência na área de Economia, atuando principalmente nos seguintes temas: América Latina, economia solidária, desenvolvimento, economia popular, economia ecológica e sociologia econômica.
Show more

5 Read more

Modelagem matemática para a secagem de clones de café (Coffea canephora Pierre) em terreiro de concreto.

Modelagem matemática para a secagem de clones de café (Coffea canephora Pierre) em terreiro de concreto.

2 Universidade Federal de Rondônia, Rolim de Moura, Rondônia, Brasil.. 3 Departamento de Agronomia, Universidade Federal de.[r]

8 Read more

Show all 10000 documents...