Universidade particular

Top PDF Universidade particular:

Estresse e fatores associados em alunos de psicologia de uma universidade particular do sul do Brasil

Estresse e fatores associados em alunos de psicologia de uma universidade particular do sul do Brasil

Resumo: Estudo transversal para verificar a prevalência de estresse e os fatores associados em alunos de psicologia de uma universidade particular do sul do Brasil. Participaram do estudo 196 alunos, do turno noturno. Utilizou-se o Inventário de Sintomas de Stress para Adultos de Lipp (ISSL) para mensuração do estresse e um questionário de dados sociodemográficos e relacionados ao curso. Os dados foram coletados em sala de aula, com aplicação coletiva, e analisados pelo SPSS 18.0 for Windows através de estatística descritiva e analítica. A prevalência de estresse foi de 63,3%. Observou-se diferença significativa em relação ao sexo (p=0,00) e atividade física (p=0,00). Mulheres e aqueles que não praticam atividade física apresentaram mais estresse. O estudo sugere que atividades de prevenção sejam incentivadas através da promoção de políticas institucionais para que os acadêmicos desenvolvam repertório de manejo e prevenção do estresse.
Mostrar mais

11 Ler mais

Inserção dos egressos do curso de graduação em enfermagem de uma universidade particular do Grande ABC no mercado de trabalho.

Inserção dos egressos do curso de graduação em enfermagem de uma universidade particular do Grande ABC no mercado de trabalho.

A apreciação das pesquisas supracitadas ensejou a reflexão sobre a oportunidade e a conveniência de conhecer a realidade do curso de graduação em enfermagem de uma universidade particular do Grande ABC, que oferece esta formação desde a metade dos anos noventa. Atualmente, o ingresso ocorre duas vezes por ano, com 100 alunos por turma O currículo tem duração de quatro anos, com carga horária em torno de 4400 horas, e é composto de atividades teóricas, teórico-práticas e práticas que são realizadas em várias instituições de saúde, públicas e privadas, situadas na mesma região geográfica da sede do curso. Adota o regime de contratação de professores como horistas, possui laboratórios e biblioteca próprios.
Mostrar mais

4 Ler mais

O perfil do aluno ingressante em uma universidade particular da cidade de São Paulo.

O perfil do aluno ingressante em uma universidade particular da cidade de São Paulo.

Para investigar, junto aos alunos ingressantes em Enfermagem de uma universidade particular da Cidade de São Paulo, como se dava sua inserção neste curso, realizou-se um estudo exploratório descritivo. As respostas de 33 alunos indicaram serem adultos jovens, do gênero feminino, casados, sem filhos e na sua maioria trabalhadores. Muitos moram na região da universidade e têm sua formação no nível médio em escola pública, sua inserção no ensino superior se deu na sua grande maioria após dois semestres ou mais da conclusão do ensino médio, conheceram o curso através de pessoas e pelos meios de comunicação.
Mostrar mais

3 Ler mais

Perfil do uso do tabaco em estudantes de medicina em uma universidade particular de Sergipe

Perfil do uso do tabaco em estudantes de medicina em uma universidade particular de Sergipe

Conclui-se por meio dos resultados estatísticos analisados no artigo que há uma prevalência elevada do uso do tabaco em estudantes de medicina em uma universidade particular de Sergipe quando comparada com outras, e destes, mais da metade nunca tentou parar. Em resposta ao objetivo da presente pesquisa foi possível traçar o perfil geral do uso do tabaco que corresponde em sua maioria a homens, fumantes ocasionais e que possuem conhecimento da possibilidade de disfuncionalidades futuras, ainda que não as tenham no presente. Além disso, a análise dos padrões de uso e abuso nos conduziu a resposta de que há, de fato, forte relação entre o álcool e o tabaco, que o uso e/ou abuso das substâncias podem ocasionar problemas de saúde, sociais e/ou financeiros, e dentre os motivos que estimulam o início do uso do tabaco estão, principalmente citados, a busca pela diversão, redução de estresse e socialização. Diante deste cenário, são necessárias maiores medidas ou projetos no que diz respeito a cessação do uso do tabaco, bem como a monitoração da relação que pode estar estabelecida entre o curso de medicina e suas causas de início.
Mostrar mais

8 Ler mais

A relação entre o uso de hipnóticos e sedativos e o desenvolvimento de alterações do humor em estudantes de medicina de uma universidade particular de Sergipe

A relação entre o uso de hipnóticos e sedativos e o desenvolvimento de alterações do humor em estudantes de medicina de uma universidade particular de Sergipe

Objetivo: Avaliar a relação entre o uso de hipnóticos e sedativos e o desenvolvimento de queixas associadas a alterações do humor em estudantes de medicina de uma universidade particular de Sergipe. Métodos: Trata-se de recorte de estudo transversal, de abordagem analítica qualiquantitativa, conduzido com 281 estudantes de medicina de uma universidade em Sergipe. O uso dessas substâncias foi avaliado por aplicação de um questionário próprio criado para este fim. Os dados foram analisados por estatística descritiva com auxílio do software R Core Team 2020 e o nível de significância adotado foi de 5%. O estudo teve aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa. Resultados: Do total de 281 estudantes, 38,1% já haviam consumido hipnóticos e sedativos, sendo a maioria do sexo feminino, e o principal fator motivador para o uso o estresse. 56,1% afirmaram diagnóstico prévio de ansiedade e 27,1%, de depressão. Em relação ao desenvolvimento de queixas associadas a alterações do humor após o uso, 38,3% relataram apresentar-se deprimidos ou desinteressados nas atividades diárias e 50,5% relataram medo, ansiedade e preocupação excessivos. Conclusão: Evidenciou-se relação entre o consumo de hipnóticos-sedativos e o surgimento de alterações do humor associadas a sintomas depressivos e de ansiedade.
Mostrar mais

9 Ler mais

Prevalência do uso de drogas entre acadêmicos de uma universidade particular do sul do Brasil

Prevalência do uso de drogas entre acadêmicos de uma universidade particular do sul do Brasil

O objetivo do presente estudo foi investigar a prevalência do uso de álcool, tabaco e outras drogas, além dos motivos típicos relacionados ao consumo de drogas por universitários de uma universidade particular do sul do Brasil. Os resultados apresentaram índices de prevalência para álcool (uso na vida = 75,1%, nos últimos três meses = 71,4%) e drogas ilícitas (uso na vida = 2,2-19,3%, nos últimos três meses = 0,3-9,0%) ligeiramente abaixo das taxas relatadas em outros estudos nacionais, entre 80-90% para álcool e 30-50% para drogas ilícitas (Brasil, 2010; Souza, Landim, Perdigão, Moraes & Filho, 1999; Kerr-Corrêa, Andrade, Bassit & Boccuto, 1999; Silva, Malbergier, Stempliuk & Andrade, 2006; Lucas et al., 2006). Contudo, de maneira similar, foi observada uma redução do uso de álcool na vida em um estudo epidemiológico com 9974 universitários do município de São Paulo (Wagner et al., 2012).
Mostrar mais

13 Ler mais

O ensino dos métodos de investigação científica numa universidade particular.

O ensino dos métodos de investigação científica numa universidade particular.

Este estudo foi desenvolvido entre alunos dos Cursos de Especialização em Enfermagem, em uma universidade pri- vada da região metropolitana de São Paulo, criada há 4 déca- das, contando hoje com aproximadamente 18500 alunos, dis- tribuídos em 42 cursos de graduação em seus quatro campi; cerca de 550 alunos estão matriculados em cursos de pós- graduação, lato sensu e stricto sensu. O curso de graduação em enfermagem desta universidade vem sendo desenvolvi- do há 26 anos, e conta hoje, com vários cursos de especiali- zação nesta área como: Enfermagem Pediátrica, Enfermagem em Centro Cirúrgico, Enfermagem Obstétrica, Enfermagem em Emergência, Enfermagem na Saúde do Idoso e Enferma- gem Psiquiátrica.
Mostrar mais

8 Ler mais

Perfil dos egressos do curso de enfermagem de uma universidade do planalto norte catarinense / Profile of nursing course profile of a northern catharian planalt university

Perfil dos egressos do curso de enfermagem de uma universidade do planalto norte catarinense / Profile of nursing course profile of a northern catharian planalt university

O estudo teve por objetivo identificar ocorreu a inserção dos egressos do curso de enfermagem de uma Universidade particular do planalto norte catarinense no mercado de trabalho, bem como as dificuldades encontradas com a formação para o início das atividades profissionais na visão dos egressos. Pesquisa exploratória descritiva realizada com 43 egressos de turmas formadas entre 2006 até 2017. Os dados foram coletados através de um questionário com perguntas abertas e fechadas com questões relacionadas à área de atuação, realização de especialização, satisfação profissional e dificuldades para a inserção no mercado de trabalho. O instrumento de coleta foi enviado via e-mail, obtido na secretaria acadêmica da Universidade, os resultados foram comparados à literatura. Na análise a maioria dos egressos é do sexo feminino, com faixa etária entre 22 a 53 anos, a maior parte é casada ou vive com o cônjuge, com especialização e atuam como enfermeiros. Concluiu-se que a falta de experiência foi um fator citado pela maioria dos recém-formados como uma das dificuldades para ingressar no mercado de trabalho, entretanto a maioria afirmou que iniciou no mercado de trabalho atuando como enfermeiro com menos de seis meses após a formação.
Mostrar mais

13 Ler mais

Psicol. Esc. Educ.  vol.1 número23

Psicol. Esc. Educ. vol.1 número23

Ao responderem à escala de incentivo à criatividade, observou-se também uma diferença entre estudantes da área de Exatas e Humanas das duas universidades, constatando-se que os estudantes da área de Humanas da universidade pública e de Exatas da universidade particular apontaram os seus professores como apresentando maior incentivo à criatividade do que os demais. Era nossa expectativa de que, caso esta diferença ocorresse, ela seria a favor dos estudantes da universidade pública, independentemente de sua área de curso. Isto porque o número de alunos por turma na universidade pública onde os dados foram coletados era menor, muitos de seus professores eram também pesquisadores, com uma formação de um nível mais elevado em termos de pós- graduação, o que poderia estar refletindo em sala de aula, no espaço para discussão de idéias divergentes, no tipo de pergunta que se faz ao aluno, na promoção de um ambiente de maior respeito e aceitação por novas idéias, no estímulo à independência e iniciativa e em uma maior inovação no processo de ensino. Isto, entretanto, não ocorreu, sugerindo que especialmente os professores da área de Exatas da universidade pública estavam menos equipados para prover um ambiente propício ao desenvolvimento e expressão da criatividade.
Mostrar mais

10 Ler mais

Preparando enfermeiros para o SUS: o desafio das escolas formadoras.

Preparando enfermeiros para o SUS: o desafio das escolas formadoras.

Os docentes do curso de enfermagem de uma Universidade particular, do Sul do Brasil, por ocasião da escolha dos campos de estágio pelos alunos, para o desenvolvimento da Monografia de Conclusão de Curso, deram-se conta da baixa procura destes pela área de saúde coletiva, contrariando não somente as diretrizes curriculares, como o projeto pedagógico e perfil pretendido para o egresso do curso nessa Unidade de Ensino Superior.

5 Ler mais

HEALTH INDICATORS OF ELDERS ASSISTED BY THE COMUNITY HEALTH UNDER-GRADUATE NURSING PROGRAME OF A UNIVERSITY IN SAO BERNARDO DO CAMPO

HEALTH INDICATORS OF ELDERS ASSISTED BY THE COMUNITY HEALTH UNDER-GRADUATE NURSING PROGRAME OF A UNIVERSITY IN SAO BERNARDO DO CAMPO

O Programa em Saúde Comunitária (PSC) é um programa social de responsabilidade social desenvolvido pela Graduação de Enfermagem de uma Universidade particular na cidade [r]

10 Ler mais

As possibilidades de desvinculação do garante, em particular do fiador

As possibilidades de desvinculação do garante, em particular do fiador

A prestação de uma garantia autónoma implica a chamada “Comissão”, ou seja, a concessão de um crédito equivalente ao do montante garantido (uma contrapartida). O garante responsabiliza-se perante o credor pelo pagamento de uma obrigação própria e não pelo cumprimento de uma obrigação alheia. Em causa está, não tanto o cumprimento da obrigação do credor, mas mais assegurar o interesse económico do credor (beneficiário da garantia). O garante constitui-se devedor de uma obrigação própria, ainda que relacionado com a divida do ordenador da garantia para com o garantido. Tal como a fiança, a garantia autónoma estabelece-se por contrato, como refere ROMANO MARTINEZ, “A garantia bancária, além da obrigação garantida, pode pressupor a existência de dois negócios jurídicos coligados: entre o banco e devedor garantido e entre o banco e o credor beneficiário e, em ambos os acordos, seriam necessárias duas declarações negociais, apesar de, as mais das vezes, uma delas se encontrar implícita no comportamento de parte, em particular no que respeite ao credor beneficiário e poder ser ajustado um contrato de garantia a favor de terceiro.” 43
Mostrar mais

74 Ler mais

O multiculturalismo e a dialética do universal e do particular.

O multiculturalismo e a dialética do universal e do particular.

[...] que desempenham as grandes fundações americanas de filantropia e pes- quisa na difusão da doxa norte-americana no seio do campo universitário brasi- leiro, tanto no plano das representações como das práticas. Assim, a Fundação Rockefeller financia um programa sobre “Raça e Etnicidade” na Universidade Federal do Rio de Janeiro, bem como o Centro de Estudos Afro-Asiáticos (e sua revista Estudos Afro-Asiáticos) da Universidade Candido Mendes, de ma- neira a favorecer o intercâmbio de professores e estudantes. Para a obtenção de seu patrocínio, a Fundação impõe como condição que as equipes de pesquisa obedeçam aos critérios de affirmative actions à maneira americana, o que levan- ta problemas espinhosos já que, como se viu, a dicotomia branco/negro é de aplicação, no mínimo, arriscada na sociedade brasileira. (ibidem, p.22)
Mostrar mais

18 Ler mais

A conjectura de Willmore: um caso particular

A conjectura de Willmore: um caso particular

Todos os conceitos acima definidos (como as aplicações diferenciáveis entre superfícies, imersões, mergulhos, etc.) e alguns resultados (como o teorema de Gauss-Bonnet, etc.) também podem[r]

68 Ler mais

A Engenharia como Alavanca para o Desenvolvimento e Sustentabilidade

A Engenharia como Alavanca para o Desenvolvimento e Sustentabilidade

Os laços que temos com África, com os países de língua oficial portuguesa, não me deixam dúvida de que o nosso futuro comum passa por não perdermos a oportunidade de colaborar em favor do desenvolvimento social, cultural, científico e tecnológico das nossas sociedades. E tais oportunidades aparecem á nossa frente em congressos como o que motiva estas linhas. As Obras têm sempre nomes concretos, Homens e Mulheres que lhes dão corpo. Quero felicitar vivamente os Colegas Moçambicanos e Portugueses, em particular o meu Colega da FEUP Professor Joaquim Silva Gomes e o Colega Professor António Matos da Universidade Eduardo Mondlane, por todo o grande e bem sucedido esforço em por de pé, ao longo dos anos, de forma persistente, um evento que hoje está consolidado como de sucesso reconhecido – pelo que sei, nesta edição 2011 teremos mais de 600 propostas de comunicações, cerca de 500 artigos para apresentação durante o Congresso, mais de 1.000 autores oriundos principalmente de Portugal e Moçambique, mas também do Brasil e de outros países Africanos e do Mundo. São números que falam por si. É uma grande contribuição em favor do desenvolvimento científico e tecnológico, e, noutro plano, da cooperação entre académicos e profissionais, entre povos, essencial para o progresso e para a paz no Mundo.
Mostrar mais

45 Ler mais

O particular e o universal mediados pela tradição.

O particular e o universal mediados pela tradição.

O entendimento de que “para ser universal é preciso conhecer sua aldeia”, postulado caro à literatura, serve também como axioma para as ciências sociais e orienta o livro Leituras brasileiras: itinerários no pensamento social e na literatura, de Mariza Veloso e Angélica Madeira. Com a postura dos modernistas brasileiros – para quem o universal deve ser atingido pelo particular e manifesta na frase de Mário de Andrade “precisamos ser nacionais, para que possamos ser universais” – as autoras adiantam sua posição epistemológica no debate da relação universalismo x relativism, globalismo x localismo. Elas não adotam essas categorias como dicotômicas e excludentes e, dessa forma, obtêm ferramenta principal para ir ao âmago das questões.
Mostrar mais

5 Ler mais

A lógica particular e concreta das palavras.

A lógica particular e concreta das palavras.

Gostaria apenas de agradecer a alguns professores e alguns interlocutores que tive nesses anos e que me acompanha- ram depois e sempre como figuras intelectuais com as quais dia- logo t[r]

13 Ler mais

Mandado de segurança contra ato de particular

Mandado de segurança contra ato de particular

É sabido que quanto mais complexa a sociedade, menor a capacidade de resposta do Estado aos estímulos político-sociais e aos reclames econômicos. Também as relações sociais são mais complexas, quanto maior o número de sujeitos e de interesses. Daí a emergência de novas forças, de novos confl itos, que estão para além do que o processo clássico consegue atender, na concepção limitada de seus institutos, ultrapassada pela alta interferência entre os elementos, público e privado, e particular e coletivo, da era moderna. E então, a importância do princípio da efetividade aproximando o processo dos resultados imediatos pretendidos pelo direito substancial
Mostrar mais

17 Ler mais

Show all 10000 documents...