Top PDF ASPECTOS FENOLÓGICOS, ECOLÓGICOS E DE PRODUTIVIDADE DO CUPUAÇU-Theobroma grandiflorum (Willd. ex Spreng.) Schum.

Aspectos fenológicos, ecológicos e de produtividade da Graviola (Rnnona muricata L.) na região de Manaus

Aspectos fenológicos, ecológicos e de produtividade da Graviola (Rnnona muricata L.) na região de Manaus

Por outro lado, a falta de correlação entre os outros parâmetros de produção tais como frutos imaturos x frutos maduros, flores x pe- so da safra e frutos imaturos x peso da safra sug[r]

6 Ler mais

Aspectos fenológicos, ecológicos e de produtividade do biribá (Rollinia mucosa (

Aspectos fenológicos, ecológicos e de produtividade do biribá (Rollinia mucosa (

Na parte superior, dados climatológicos para a área de Manaus (cf. Cochonilha - insetos provido de cera ou es- camas. São os homóptero::. Pseodococcus brevipes e Asp[r]

10 Ler mais

Efeito da temperatura e taxa de cisalhamento nas propriedades de escoamento da polpa de Cupuaçu (T. grandiflorum Schum) integral.

Efeito da temperatura e taxa de cisalhamento nas propriedades de escoamento da polpa de Cupuaçu (T. grandiflorum Schum) integral.

38,5% de polpa, 17,19% de semente e 2,85% de placenta. A polpa comestível é de coloração amarela ou esbranquiçada, de sabor ácido e aroma forte, e é muito apreciada organolepticamente (Venturieri, 1993). Do ponto de vista nutritivo, a cada 100g de polpa de cupuaçu são encontrados, em média, 14,70 g de glicídios, 1,70 g de proteínas, 1,60 g de lipídeos 1.800 mcg de vitamina B1, 215 mcg de vitamina B2, 3,200 mg de niacina, 2,60 mg de ferro, 23 mg de cálcio, 26 mg de fósforo e 26,5 mg de vitamina C (Franco, 1999).

5 Ler mais

Coleopterofauna visitante de Theobroma grandiflorum Schum. (Sterculiaceae) de uma plantação nos arredores de Manaus, Amazonas, Brasil1.

Coleopterofauna visitante de Theobroma grandiflorum Schum. (Sterculiaceae) de uma plantação nos arredores de Manaus, Amazonas, Brasil1.

Número de indivíduos de Coleoptera coletados em plantas de Theobroma grandiflorum (Sterculiaceae) nos períodos de chuva e seca conforme os diferentes métodos de amostragens durante o p[r]

18 Ler mais

Diversidade genética em coleções amazônicas de germoplasma de cupuaçuzeiro [Theobroma grandiflorum (Willd. ex Spreng.) Schum.]

Diversidade genética em coleções amazônicas de germoplasma de cupuaçuzeiro [Theobroma grandiflorum (Willd. ex Spreng.) Schum.]

RESUMO- Este trabalho teve por inalidade avaliar a diversidade genética e o parentesco de 24 acessos de Theobroma grandilorum, introduzidos de três unidades da Embrapa, objetivando sua utilização como genitores no programa de hibridação da espécie. Os marcadores genéticos utilizados foram lócus heterólogos de microssatélites desenvolvidos para cacaueiro. Foram encontrados 45 alelos na população estudada. O número médio efetivo de alelos por lócus (2,33) foi menor do que o número médio de alelos por lócus (3,21), indicando que muitos alelos têm baixa frequência. A heterozigosidade observada nos lócus polimóricos variou de 0,33 a 1,00 com média de 0,54 e a heterozigosidade esperada variou entre 0,48 a 0,76 com média de 0,54. O índice de ixação médio entre lócus (0,003) não foi signiicativamente diferente de zero. A estimativa do parentesco entre pares de indivíduos indica que alguns podem ser parentes, entre meios-irmãos e clones. Os resultados sugerem que os acessos de Theobroma grandilorum analisados contêm um moderado nível de diversidade genética e ausência de endogamia e, portanto, grande potencial para utilização em programas de melhoramento genético.
Mostrar mais

11 Ler mais

DESENVOLVIMENTO DE CALOS em EXPLANTES DE CUPUAÇUZEIRO (Theobroma grandiflorum Schum.) em FUNÇÃO da CONCENTRAÇÃO DE AUXINAS E do MEIO LÍQUIDO

DESENVOLVIMENTO DE CALOS em EXPLANTES DE CUPUAÇUZEIRO (Theobroma grandiflorum Schum.) em FUNÇÃO da CONCENTRAÇÃO DE AUXINAS E do MEIO LÍQUIDO

RESUMO - Objetivou-se estudar o efeito da concentração de auxina e do meio líquido sobre o desenvolvimento de calos de cupuaçuzeiro. Segmentos de eixos embrionários e cotilédones, obtidos de frutos de cupuaçu dos tipos Mamorana e Redondo, foram cultivados em 4 meios de cultura diferentes: 1) meio MS (50%), suplementado com 2,4-D (1; 2; 4; 8 mg/L); 2) sais N6 (SIGMA) (4 g/L), acrescidos de 2,4-D (0; 2; 4 mg/L) e ANA (0; 3; 5 mg/L); 3) igual ao anterior, suplementado apenas com ANA (3 mg/L); e 4) meio MS, acrescido com ANA (1 mM). Calos com aspecto branco e brilhante foram observados em segmentos de eixos embrionários e cotilédones, cultivados nas menores concentrações de meio 1 (1 e 2 mg/L), enquanto nas maiores concentrações (4 e 8 mg/L) se observou a formação de calos e massa calosa branco-opaca, em eixos embrionários e em segmentos cotiledonares, estas estruturas tornaram-se escuras dentro de oito semanas. Usando o meio 2, um grande número de raízes foram formadas, enquanto o mesmo meio suplementado apenas com ANA (3; 5 mg/L) originou uma massa calosa. A combinação de ANA e 2,4-D, 3 e 2 mg/L, respectivamente, promoveu a formação de calos brancos e raízes. A transferência das culturas para meio líquido, sem regulador de crescimento, promoveu aumento de tamanho dos explantes e escurecimento dos mesmos. O cultivo desses explantes no meio 3 resultou no aparecimento de calos amarelos, com aspecto friável, que permaneceram com a mesma aparência no meio 4.
Mostrar mais

4 Ler mais

Chromatin differentiation between Theobroma cacao L. and T. grandiflorum Schum

Chromatin differentiation between Theobroma cacao L. and T. grandiflorum Schum

Figure 3 - Heterochromatin and rDNA sites in the chromosomes of cacao and cupuaçu. Merged CMA/DAPI metaphase images of cacao (a) and cupuaçu (b). C-banded metaphase of cacao stained with DAPI (c). In the insert, one chromosome in higher magnification. In situ hybridization of 5S rDNA (d) and 45S rDNA (e) in cacao. The insert in (e) shows a CMA + band co-localized with a 45S rDNA site. Metaphase chromosomes of cacao showing proximal bands after FISH (f). In situ hybridization of 5S rDNA (g) and 45S rDNA (h) in cupuaçu. The insert in (g) shows chromosomes that were separated from the metaphase. The insert in (h) shows CMA + bands co-localized with 45S rDNA sites. Arrowheads and arrows indicate CMA + bands and rDNA sites, re-
Mostrar mais

5 Ler mais

Redução de aminoácidos em polpas de bacuri (Platonia insignis Mart), cupuaçu (Theobroma grandiflorum Willd ex-Spreng Schum) e murici (Byrsonima crassifolia L.) processado (aquecido e alcalinizado).

Redução de aminoácidos em polpas de bacuri (Platonia insignis Mart), cupuaçu (Theobroma grandiflorum Willd ex-Spreng Schum) e murici (Byrsonima crassifolia L.) processado (aquecido e alcalinizado).

de pH, glicose, frutose e sacarose também foram determinados nas polpas sem aquecimento. Os nutrientes foram determinados por CLAE (Cromatografia Líquida de Alta Eficiência). As polpas de bacuri, cupuaçu e murici apresentaram valores de pH 3,2, 3,6 e 3,35, respectivamente. A sacarose foi, quantitativamente, o principal carboidrato nas polpas de cupuaçu (38,34%) e bacuri (36,93%), sendo que os teores de frutose e glicose foram similares, tanto na polpa de cupuaçu (8,93% e 9,03%) como na de bacuri (12,63% e 11,65%), respectivamente. Em contraste, a polpa de murici foi quase isenta de sacarose (0,57%), mas não de frutose (11,51%) ou glicose (11,39%). Nas polpas sem aquecimento, os principais aminoácidos foram: ácido glutâmico (46,6 mg/kg), ácido aspártico (28,8 mg/kg) e arginina (25,3 mg/kg) na polpa de bacuri; ácido aspártico (56,3 mg/kg), ácido glutâmico (44,0 mg/kg) e alanina (24,2 mg/kg) na polpa de cupuaçu; prolina (73,5 mg/kg), ácido glutâmico (23,7 mg/kg) e ácido aspártico (23,5 mg/kg) na polpa de murici. O aquecimento reduziu as concentrações de todos os aminoácidos nas 3 polpas. O meio fortemente alcalino (pH 12) produziu a maior degradação de aminoácidos. Lisina foi mais sensível ao aquecimento do que outros aminoácidos em pH 12.
Mostrar mais

5 Ler mais

ESTIMATIVA DA ÁREA FOLIAR E DO PESO DE FOLHAS SECAS DE PLANTAS JOVENS DE CUPUAÇU (Theobroma grandiflorum (WILLD. EX SPRENG.) SCHUM. - STERCULIACEAE) POR MÉTODOS NÃO DESTRUTIVOS.

ESTIMATIVA DA ÁREA FOLIAR E DO PESO DE FOLHAS SECAS DE PLANTAS JOVENS DE CUPUAÇU (Theobroma grandiflorum (WILLD. EX SPRENG.) SCHUM. - STERCULIACEAE) POR MÉTODOS NÃO DESTRUTIVOS.

As fórmulas logarítmicas mostra- ram-se mais eficientes. Diferença em porcentagem dos valores calculados do peso da folha seca em relação aos observados. as variáveis CL e LL. As fórmu[r]

7 Ler mais

Cinética de secagem da polpa cupuaçu (Theobroma grandiflorum) pré desidratada por imersão-impregnação.

Cinética de secagem da polpa cupuaçu (Theobroma grandiflorum) pré desidratada por imersão-impregnação.

Nas curvas, o período de taxa constante não foi observado e o processo de secagem para polpa de cupuaçu acontece na faixa de período de taxa decrescente. Nesse caso a transferência interna de água é quem governa e fixa a taxa de secagem. Resultado semelhante foi observado por Doymaz (2006) na secagem de uvas pretas pré tratadas com diferentes soluções. Para maioria dos frutos o período de taxa decrescente é quase sempre o único observado (EL-AOUAR; AZOUBEL; MURR, 2003; PARK; VOHNIZOK; BROD, 2002).

5 Ler mais

Introdução de genes em segmentos foliares de cupuaçu (Theobroma grandiflorum schumm.) usando biobalística.

Introdução de genes em segmentos foliares de cupuaçu (Theobroma grandiflorum schumm.) usando biobalística.

Folhas jovens foram empregadas como explantes para os estudos iniciais de bombardeamento de cupuaçu, pelo fato de apresentarem as melhores respostas no processo de embriogênese somática. Sendo assim, segmentos foliares foram bombardeados com microprojéteis de tungstênio usando esquema de aceleração por partícula de hélio. Uma solução estoque de microprojétil foi preparada pela lavagem de 60 mg de tungstênio M10 (Sylvania, GTE chemicals/Towanda- USA) com 1ml etanol a 70% durante 15 minutos, seguida por 3 lavagens em água destilada estéril. Após a lavagem, microprojéteis foram ressuspendidos em 1 ml de solução de glicerol estéril à 50%. Para precipitar o DNA sobre as micropartículas, 8µl de DNA plasmidial (estoque 1µg/µl) (Figura 1) foram adicionados à 50µl de solução estoque da partícula de tungstênio (60mg/ml) sob baixa agitação (Vortex -1). Em seguida, 50 µ l CaCl 2 (estoque 2,5 M) e 20 µ l
Mostrar mais

2 Ler mais

Substituição do grão de milho pela semente de cupuaçu (Theobroma grandiflorum) na alimentação de ovinos confinados/Corn grain substitution by cupuaçu seeds (Theobroma grandiflorum) in sheep feedlot feed

Substituição do grão de milho pela semente de cupuaçu (Theobroma grandiflorum) na alimentação de ovinos confinados/Corn grain substitution by cupuaçu seeds (Theobroma grandiflorum) in sheep feedlot feed

Ainda quanto a composição, maior teor de FDN nas dietas com inclusão de semente de cupuaçu pode ter influenciado no CMS. Os carboidratos constituintes da FDN tem baixa taxa de degradação e lenta taxa de passagem pelo retículo-rúmen e, desta maneira, dietas com altos teores de FDN promovem redução na ingestão de MS total, em função da limitação provocada pelo enchimento do retículo-rúmen (Alves et al., 2016). Além disso, observa-se que a redução no CMS pode ocorrer pelo fato de plantas do gênero Theobroma L. apresentarem em suas sementes grandes quantidades de teobromina, substância sem cor ou odor, com ligeiro sabor amargo (EFSA, 2008), que pode interferir na palatabilidade, com consequente redução da ingestão.
Mostrar mais

12 Ler mais

Caracterização genética de populações de cupuaçuzeiro, Theobroma grandiflorum (Willd....

Caracterização genética de populações de cupuaçuzeiro, Theobroma grandiflorum (Willd....

The objective of this work was to select morphological and agronomic quantitative descriptors to characteriza accessions of Theobroma grandiflorum (Willd. ex Spreng.) Schum. Fifty three descriptors were evaluated, including 14 from leaves; 18 from flowers; 16 from fruits; and 5 agronomic traits. To discard redundant or non- discriminating descriptors, a two step multivariate analysis of principal components was applied. The first phase included the selection of descriptors within each group of characteristics individually (leaf; flower; fruit; agronomic). Based on the descriptors selected in this first phase, a joined analysis of principal componenets for the final selection. Three criteria were adopted for variable exclusion. Thirty four descriptors were excluded, reducing in 64% and a minimal list of descriptors for cupuassu was proposed, including: Leaf length (CPF); Leaf width (ELF); Leaf apex width (LAF); Leaf base vein angle (ANB); Flower bud length (CBE); Flower peduncle length (CP); Flower peduncle diameter (DP); Ovary girth (DO); Number of ovules (NO); Flower petal lamina length (CLP); Staminode length (CE); Seed width (DTS); Falt seeds (SC); Acidity (AC); Brix; pH; Number of fallen flowers buds (BOTAO); Number of abcised immature pods (FRUIMA); and Number of witches’ brooms (NV). Based on the selected 19 descriptors, it was possible to estimate the variability of accession of the Cupuassu Germplasm Collection, Belém, using the average Euclidean distances and clustering by UPGMA and Tocher.
Mostrar mais

159 Ler mais

Torta de cupuaçú (Theobroma grandiflorum) na alimentação de ovinos

Torta de cupuaçú (Theobroma grandiflorum) na alimentação de ovinos

RESUMO: O objetivo deste trabalho foi estudar o potencial de utilização da torta de cupuaçu em dietas de ovinos em substituição ao farelo de soja como fonte protéica. Foram formuladas três dietas experimentais contendo em media 15 % de proteína bruta: RC- dieta controle, sem adição de torta de cupuaçus, R50 - substitui-se 50% do farelo de soja pela torta de cupuaçu e na terceira dieta; R100, 100% do farelo de soja foi substituído pelo cupuaçu. Avaliou-se a degradabilidade dos ingredientes e a produção de nitrogênio amoniacal em sistemas “in vitro”, sendo utilizados 4 ovinos machos SRD, não castrados, divididos aleatoriamente nos três tratamentos em dois períodos de coleta distintos. Foi observado que a fração C e B da MS, PB e FDN dos alimentos foram as mais afetadas pela inclusão de torta de cupuaçu, tendo sido encontrados valores de C de 50,4% para MS, 47,7% para PB, e 56,5% para a FDN da brachiaria. Níveis elevados de cupuaçu na dieta afetam a digestibilidade “in vitro”, com prejuízos à fermentação ruminal. Para avaliar o GMD , rendimentos de carcaça e qualidade da carne foram utilizados 15 cordeiros da raça Santa Inêz, 12 machos e 3 fêmeas.Os animais alimentados com as dietas R50 e a RC tiveram o maior GMD (0,21 e 0,18 kg, respectivamente). O menor GMD foi observado para o tratamento R100 (0,10 kg). Animais submetidos ao tratamento R100 tiveram menor PR (2,8%), maior RCQ (42,7%), maior teor de EE na AOL (3,2%), maiores PC (36,6%), menores FC (2,4 kg) e em relação aos parâmetros sensoriais os animais submetidos a este tratamento apresentaram carne mais macia (3,3) e suculenta (6,6), porem com sabor (6,9) e aroma (6,0) estranhos, diferindo assim dos demais tratamentos nestas características.
Mostrar mais

126 Ler mais

Aspectos fenológicos, ecológicose de produtividade do Mapati (Pourouma cecropiifolia Mart.)

Aspectos fenológicos, ecológicose de produtividade do Mapati (Pourouma cecropiifolia Mart.)

Tanto os frutos imaturos quanto os maduros que permaneciam nos galhos ou caídos embai- xo de cada árvore foram contados com o obje- tivo de calcular-se a média d[r]

14 Ler mais

Study of root and leaf rachis of spathelia excelsa: phytochemistry and activity against fungus Moniliophthora perniciosa associated with cupuassu (Theobroma grandiflorum).

Study of root and leaf rachis of spathelia excelsa: phytochemistry and activity against fungus Moniliophthora perniciosa associated with cupuassu (Theobroma grandiflorum).

No ensaio antifúngico in vitro avaliou-se o efeito das diferentes concentrações das substâncias predominantes (2 e 3b) no extrato metanólico da raiz de S. excelsa contra o fungo fitopatogênico isolado de Theobroma grandiflorum. Os níveis de inibição máxima do limonoide 2 foram de 52,46 e 38,3% para as concentrações de 200 e 100 µg mL -1 , respectivamente, não evidenciando antagonismo

4 Ler mais

Mating system in a natural population of Theobroma grandiflorum

Mating system in a natural population of Theobroma grandiflorum

ral Amazonian conditions, cupuassu blooms during the dry season (July to December), and produces fruits from Au- gust to April, with a major peak from January to March, the local rainy season (Prance and Silva, 1975). Cupuassu flowers are hermaphrodite, but present extremely efficient anatomical barriers to avoid direct access of pollen grains from anthers to the stigma. Silva (1996) observed that 100% of spontaneous self-fertilization was avoided based only on hercogamy, and concluded that T. grandiflorum did not present agamospermy requiring pollination for pod set. In the related species Theobroma cacao (cacao), the pres- ence of flower physical barriers favors cross-pollination, even for self-compatible individuals (Souza and Dias, 2001). All attempts to artificially self-fertilize cupuassu have failed (Silva, 1996; Alves et al., 1997a), indicating that T. grandiflorum should also present a self-incompati- bility mechanism with a strong trend for outcrossing as its predominant mating system (Venturieri, 1993; Venturieri and Ribeiro Filho, 1995; Silva, 1996; Alves et al., 1997a). Addison and Tavares (1951) described a cupuassu tree, which was self-compatible and allo-compatible, able to cross-pollinate other Theobroma species.
Mostrar mais

7 Ler mais

Comportamento ingestivo de ovinos confinados alimentados com inclusões da semente de cupuaçu (Theobroma grandiflorum) em substituição ao grão de milho / Ingestive behavior of confined sheep fed with inclusions of cupuaçu seed (Theobroma grandiflorum) to r

Comportamento ingestivo de ovinos confinados alimentados com inclusões da semente de cupuaçu (Theobroma grandiflorum) em substituição ao grão de milho / Ingestive behavior of confined sheep fed with inclusions of cupuaçu seed (Theobroma grandiflorum) to replace corn grain

Observou-se que o consumo de matéria seca (CMS) reduziu 4,9 g dia -1 para cada aumento na inclusão da semente de cupuaçu em substituição ao milho. Para o estudo de regressão se obteve significância para o comportamento linear, contudo, com moderado nível de determinação (0,40 – 0,69) (Tabela 4). A redução do CMS pode ser explicada pela composição da dieta, que aumentou o teor de EE, com o aumento da inclusão da semente de cupuaçu. Contudo verifica-se que o CMS a partir da primeira inclusão de semente de cupuaçu na dieta em substituição ao milho (25%) apresenta-se semelhante, porém o consumo de FDN aumentou de forma considerável. Estes resultados são corroborados por Sá et al. (2014) quando avaliaram o consumo de ovinos machos não castrados alimentados com diferentes inclusões de endocarpo I de babaçu, observaram redução no CMS a partir da inclusão de 15%. Já o consumo de FDN teve efeito quadrático, com nível de determinação moderado (R 2 entre 0,40 a 0,69), com ponto de máxima de 47,9% de inclusão da
Mostrar mais

12 Ler mais

Show all 10000 documents...

temas relacionados