Top PDF Crescimento de Pistia stratiotes em diferentes condições de temperatura e fotoperíodo.

Crescimento de Pistia stratiotes em diferentes condições de temperatura e fotoperíodo.

Crescimento de Pistia stratiotes em diferentes condições de temperatura e fotoperíodo.

RESUMO – (Crescimento de Pistia stratiotes em diferentes condições de temperatura e fotoperíodo). A temperatura e fotoperíodo são variáveis abióticas que influenciam diretamente a produção primária das macrófitas aquáticas, determinam a distribuição geográfica das espécies e afetam a estrutura das comunidades. O objetivo desse trabalho foi avaliar a influência de diferentes condições de temperatura e fotoperíodo no crescimento de Pistia stratiotes. Indivíduos de P. stratiotes foram acondicionados em câmaras climáticas, com controle de temperatura e fotoperíodo. Utilizou-se oito tratamentos, 1 (15 ºC/8 h de fotoperíodo); 2 (15 ºC/12 h); 3 (25 ºC/8 h); 4 (25 ºC/12 h); 5 (30 ºC/8 h) e 6 (30 ºC/12 h). O maior ganho de biomassa ocorreu no tratamento 4, que apresentou diferenças significativas (p<0,05) em relação aos tratamentos 1, 5 e 6. Nos tratamentos 1, 5 e 6, a biomassa final foi inferior à biomassa inicial de P. stratiotes. A maior redução de biomassa ocorreu no tratamento 6, que foi significativamente inferior aos tratamentos 2, 3 e 4. Observou-se nos tratamentos com temperatura de 25 ºC a maior produção de brotos, enquanto que, nos tratamentos com temperatura de 15 ºC e 30 ºC, essa produção foi muito reduzida. Concluiu-se que temperatura e fotoperíodo influenciam o crescimento de Pistia stratiotes e que esta espécie apresentou maior crescimento quando submetida à temperatura de 25 ºC e fotoperíodo de 12 horas.
Mostrar mais

6 Ler mais

Crescimento das macrófitas aquáticas flutuantes Pistia stratiotes e Salvinia molesta em diferentes condições de temperatura e fotoperíodo

Crescimento das macrófitas aquáticas flutuantes Pistia stratiotes e Salvinia molesta em diferentes condições de temperatura e fotoperíodo

As macrófitas aquáticas flutuantes Pistia stratiotes e Salvinia molesta são consideradas algumas das espécies mais problemáticas nos ecossistemas aquáticos tropicais pelo fato de alterarem a qualidade da água e a composição de espécies dos ecossistemas aquáticos (Terry, 1981; Okafor, 1982; Spencer & Bowes, 1990). P. stratiotes é uma erva aquática flutuante livre, da Família Araceae. É uma planta rosulada, estolonífera, perene, apresentado tamanho muito variado em função do ambiente (Pott & Pott, 2000). É uma espécie amplamente distribuída nos ambientes aquáticos tropicais, de origem incerta, sendo hoje a planta aquática mais amplamente distribuída no mundo. No Brasil os maiores prejuízos são causados nas áreas mais quentes e em mananciais poluídos (Lorenzi, 1982). Citam-se como exemplos de crescimento indesejado de P. stratiotes a proliferação em canais de irrigação na Gâmbia (Terry, 1981), em um braço do reservatório de Itaipu, Brasil (Thomaz et al., 1999) e em viveiros de criação de peixes na África (Petr, 2000). Neste contexto, este trabalho teve como objetivos avaliar o crescimento da macrófita aquática flutuante Pistia stratiotes submetida a diferentes condições de temperatura e fotoperíodo.
Mostrar mais

66 Ler mais

Efeito de diferentes concentrações de nutrientes na competição entre Salvinia molesta e Pistia stratiotes

Efeito de diferentes concentrações de nutrientes na competição entre Salvinia molesta e Pistia stratiotes

A comunidade de macrófitas aquáticas é uma importante produtora de biomassa nos ambientes onde é encontrada e desempenha um papel de grande relevância na dinâmica desses ecossistemas (ESTEVES, 1998). Muitos animais utilizam essas plantas como fonte de alimento, abrigo e local de desova (TAVARES et al., 2002). As macrófitas são também amplamente utilizadas pelo homem em sua alimentação, seja na forma direta ou indireta; como fertilizante de solo; como fonte de matéria prima para remédios, utensílios domésticos, artesanato e até mesmo para a construção civil (ESTEVES, 1998). Além disso, as macrófitas são empregadas na remoção de poluentes de efluentes domésticos, industriais e agrícolas (VARDANYAN; INGOLE, 2006). Henry-Silva e Camargo (2008) demonstraram a eficiência do uso de macrófitas aquáticas no tratamento de efluentes de aqüicultura, diminuindo a turbidez e as concentrações de fósforo e de nitrogênio nessas águas. No entanto, a intensificação do processo de eutrofização dos corpos de água tem causado um crescimento acelerado dos vegetais aquáticos, os quais podem se tornar um problema (CORRÊA; VELIN; ARRUDA, 2002). Dentre tais problemas destacam-se o impedimento da navegação, comprometimento da captação de água, problemas relacionados à geração de energia elétrica e criação de condições para o desenvolvimento de mosquitos e caramujos transmissores de doenças (ESTEVES, 1998).
Mostrar mais

31 Ler mais

Crescimento das macrófitas aquáticas flutuantes Eichhornia crassipes (Mart.) Solms, Pistia stratiotes L. e Salvinia molesta (Mitchell) em diferentes concentrações de nutrientes

Crescimento das macrófitas aquáticas flutuantes Eichhornia crassipes (Mart.) Solms, Pistia stratiotes L. e Salvinia molesta (Mitchell) em diferentes concentrações de nutrientes

de mundo, restringindo os usos múltiplos dos ecossistemas aquáticos, tais como dificuldade à navegação e à captação de água, comprometimento das atividades de lazer, diminuição do oxigênio na água e redução da produção pesqueira e limitação da capacidade de descarga de rios (Pieterse & Murphy 1990, Petr 2000; Vereecken et al., 2006). Atualmente, têm sido constatados também, problemas com a proliferação massiva de macrófitas aquáticas na operação de algumas hidrelétricas brasileiras, causados principalmente pelas espécies Egeria densa, Eichhornia crassipes, Salvinia auriculata e Pistia stratiotes (Thomaz et al., 1999). Os vultuosos custos envolvidos na solução de problemas operacionais nas turbinas, têm levado o setor elétrico a buscar formas de controle das macrófitas. Antes do controle, contudo, devem ser considerados os níveis a partir dos quais a abundância das macrófitas aquáticas podem ser consideradas problema, em relação ao uso múltiplo dos reservatórios, pois níveis intermediários de plantas permitem uma maior riqueza de espécies, sendo mais adequados ao crescimento e à sobrevivência de peixes (Dibble et al., 1996). O conhecimento da ecologia destes vegetais, bem como os fatores físicos e químicos que podem influenciar no crescimento de macrófitas aquáticas é importante para a compreensão do comportamento desses organismos. Assim, se uma espécie prolifera indesejadamente em um ecossistema aquático e se os fatores que condicionam seu crescimento são conhecidos, podemos manejar adequadamente o sistema, criando condições que inibam o seu desenvolvimento.
Mostrar mais

79 Ler mais

Avaliação do crescimento da macrófita aquática flutuante Pistia stratiotes L. em diferentes concentrações de nitrogênio

Avaliação do crescimento da macrófita aquática flutuante Pistia stratiotes L. em diferentes concentrações de nitrogênio

A produção primária da comunidade de macrófitas é controlada por uma série de fatores limitantes, dentre os quais a concentração de nutrientes, temperatura, velocidade de corrente, radiação fotossinteticamente ativa, variação do nível de água e disponibilidade de carbono inorgânico (CAMARGO et al., 2003). O nitrogênio é um nutriente importante para o metabolismo dos ecossistemas, participando na formação de proteínas, componente básico da biomassa (FAÇANHA et al., 2008). Além disso, é essencial na composição de moléculas que atuam em processos metabólicos (BIUDES e CAMARGO, 2008). A importância desse elemento pode ser responsável por limitar o crescimento de macrófitas aquáticas quando presente em baixas concentrações. Henry-Silva et al. (2002) constataram menores ganhos de peso em Eichhornia crassipes e Pistia stratiotes quando estas são cultivadas em águas com baixas concentrações de nitrogênio e fósforo.
Mostrar mais

49 Ler mais

Estimativa da área foliar de plantas daninhas de ambiente aquático: Pistia stratiotes.

Estimativa da área foliar de plantas daninhas de ambiente aquático: Pistia stratiotes.

RESUMO - A área foliar é uma das principais características para avaliar o crescimento vegetal. Objetivou-se neste trabalho determinar uma equação matemática para estimar a área foliar de Pistia stratiotes a partir de dimensões lineares dos limbos foliares. A pesquisa foi desenvolvida na Universidade Estadual Paulista, Jaboticabal-SP, Brasil. Cem folhas, coletadas no ambiente natural, foram eletronicamente medidas em comprimento (C), largura máxima (L) e área foliar (AF). Os dados de AF e C × L foram submetidos à análise de regressão linear, determinando-se uma equação matemática para estimar a área foliar da espécie. A análise de variância sobre a regressão linear e a análise de correlação entre os valores de área foliar e estimada foram significativas (p < 0,01). A área foliar de P. stratiotes pode ser estimada pela equação: AF = 0,79499 (CL).
Mostrar mais

4 Ler mais

Desenvolvimento e rendimento de clones de batata na primavera e no outono.

Desenvolvimento e rendimento de clones de batata na primavera e no outono.

Resumo – O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos da radiação solar, da temperatura do ar e do fotoperíodo, no desenvolvimento e rendimento de clones de batata, cultivados em condições climáticas de primavera e outono. Foram avaliados os clones SMIJ461-1, SMINIA793101-3, SMINIA97145-2 e a cultivar Macaca, nos cultivos de primavera e outono, em Santa Maria, RS. Foram determinados: número de folhas no início da tuberização e no final, filocrono, soma térmica acumulada da emergência ao início da tuberização e do início da tuberização ao início da senescência, e rendimento. As condições de temperatura e fotoperíodo modificaram os valores de soma térmica acumulada nas fases emergência–início da tuberização e início da tuberização–início da senescência, o rendimento e o número de folhas no início da tuberização, porém, não afetaram o filocrono e o número de folhas final. A soma térmica acumulada necessária ao aparecimento de folhas variou entre os clones. A determinação do número de folhas no início da tuberização, na primavera e no outono, pode ser utilizada para a identificação de clones com potencial de cultivo, em ambas as estações. O desenvolvimento das plantas de batata é pouco afetado pelas condições de cultivo. A disponibilidade de radiação solar determina as diferenças de rendimento dos cultivos de primavera e outono, no Rio Grande do Sul.
Mostrar mais

7 Ler mais

Respostas do metabolismo antioxidativo de Pistia stratiotes L. (Araceae) submetida ao arsenito

Respostas do metabolismo antioxidativo de Pistia stratiotes L. (Araceae) submetida ao arsenito

A GST por sua vez, é uma enzima GSH-depedente que catalisam a conjugação da GSH com compostos tóxicos, formando derivados que podem ser eliminados a partir da célula, armazenados no vacúolo ou catabolizados (Dixon & Edwards, 2010). Neste sentido, os aumentos na atividade desta enzima nas menores concentrações de As III , ocorreram para complexar o metaloide e assim desintoxicar a planta. No entanto, folhas e raízes de P. stratiotes apresentaram redução na atividade da GST quando expostas às maiores concentrações de As III . Resultados similares foram observados também em Prosopis sp. (Mokgalaka-Matlala et al., 2009), Thypha latifolia (Lyubenova & Schröder, 2011) e Phaseolus aureus (Malik et al., 2012). Tal resultado sugere que a exposição às concentrações elevadas de As podem gerar disfunções metabólicas severas nas células, culminando na falha dos mecanismos de desintoxicação.
Mostrar mais

60 Ler mais

GESTÃO E FISCALIZAÇÃO DE CONTRATOS DE TERCEIRIZAÇÃO DE MÃO DE OBRA: O CASO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA EM UM ESTUDO DE CASO – Mestrado em Gestão e Avaliação da Educação Pública

GESTÃO E FISCALIZAÇÃO DE CONTRATOS DE TERCEIRIZAÇÃO DE MÃO DE OBRA: O CASO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA EM UM ESTUDO DE CASO – Mestrado em Gestão e Avaliação da Educação Pública

Em linhas gerais, portanto, o que se tem observado é a aparente ineficiência da gestão dos contratos de fornecimento de mão de obra terceirizada e a deficiência na sua fiscalização, geradas pela ausência de designação de fiscais contratuais e inexistência de quaisquer políticas voltadas a essa categoria dentro da UFJF (visando à sua capacitação e qualificação quando nomeados). Tais fatores são responsáveis pela precarização do trabalho em virtude do comprometimento dos direitos adquiridos dos trabalhadores (direitos garantidos pela CLT) e, consequentemente, geram o crescimento no número de ações judiciais, que culminam na corresponsabilização da Universidade por questões trabalhistas relacionadas aos funcionários terceirizados, o que tem acarretado prejuízos financeiros relevantes.
Mostrar mais

83 Ler mais

DIFERENTES FORMAS DE DIZER NAO WEB VF

DIFERENTES FORMAS DE DIZER NAO WEB VF

Organizações e movimentos sociais articulados na Rede Brasileira de Justiça Ambiental e no Comitê em Defesa dos Territórios frente à Mineração têm denunciado uma perversa ´coincidência` entre o processo de revisão do código mineral e a paralisação dos processos de reconhecimento de direitos territoriais, como a titulação de terras quilombolas. Tal denúncia aponta que a lógica política que preside a distribuição desigual dos custos ambientais está em vigor no processo de expansão das atividades extrativas no país. Isso significa dizer que esse processo expansivo não se orienta simplesmente pela descoberta de novas jazidas, mas pelas condições sociais e políticas de explotá-las, criadas no campo da política. O esvaziamento simbólico dos espaços, a desconsideração ou minimização dos impactos ambientais ou da existência de populações tradicionais nas áreas de interesse dos negócios são estratégias que visam esvaziar o debate político em torno da decisão sobre os fins que orientam o uso de um determinado recurso natural, ou, em outras pala- vras, para quê e para quem um determinado recurso natural deve ser utilizado.
Mostrar mais

224 Ler mais

Contribuciones al conocimiento de la flora del País Vasco, IV

Contribuciones al conocimiento de la flora del País Vasco, IV

New data for the knowledge of the flora of the Basque Country and bordering territories, among others the Aragonese Pyrenees. 31 new records are provided, among them Callitriche hamulata, Carex strigosa and Salix foetida, are new for the Iberian Peninsula. Besides, Lamium album, Colutea arborescens, Leucojum aestivum subsp. aestivum, Lotus corniculatus subsp. carpetanus, Myosotis secunda, Najas gracillima, Periploca graeca, Pistia stratiotes, Rorippa islandica and Wisteria sinensis, are new records for the flora of the Basque Country and bording territories. Anthyllis vulneraria L. s.l. and Stipa L., are also revised, clearing the distri- bution of their taxa.
Mostrar mais

12 Ler mais

Biologia e tabela de vida de fertilidade de Hypercompe indecisa em dieta artificial.

Biologia e tabela de vida de fertilidade de Hypercompe indecisa em dieta artificial.

Determinou-se, pela taxa líquida de reprodução (R o ), que H. indecisa tem capacidade de aumento de 283 vezes a cada geração, em laboratório, o que a caracteriza como espécie com elevado potencial biótico. Foi constatada, também, a duração média de 98 dias da geração (T), isto é, o tempo que decorre do nascimento dos pais ao nascimento dos seus descendentes. A taxa intrínseca de crescimento (r m ), característica da espécie, foi de 0,058, e a razão ! nita de aumento (l), ou seja, o número de fêmeas adicionadas à população por fêmea que dará fêmea, foi de 1,06. Esses resultados indicam que, decorridos 98 dias (duração média da geração), podem-se esperar cerca de 283 fêmeas resultantes de cada fêmea em fase de reprodução, o que demonstra o grande potencial de reprodução de H. indecisa, em condições de laboratório. A taxa máxima de aumento populacional ocorreu no 97 o dia, que corresponde ao
Mostrar mais

5 Ler mais

PROPEC-Programa de Pós Graduação em Engenharia Cívil :: ANÁLISE NUMÉRICA DE SÓLIDOS AXISSIMÉTRICOS VIA MEF: APLICAÇÃO EM ELEMENTOS DE CONCRETO, DE AÇO E MISTOS DE AÇO E CONCRETO

PROPEC-Programa de Pós Graduação em Engenharia Cívil :: ANÁLISE NUMÉRICA DE SÓLIDOS AXISSIMÉTRICOS VIA MEF: APLICAÇÃO EM ELEMENTOS DE CONCRETO, DE AÇO E MISTOS DE AÇO E CONCRETO

Lyon (2010) desenvolveu um modelo com base no MEF para estrutura axissimétrica bidimensional com o intuito de analisar as juntas adesivas cilíndricas, que tem a função de unir um material compósito a um material isotrópico. Consideraram–se neste estudo os efeitos da temperatura e todos os materiais utilizados nas análises realizadas foram assumidos como permanentes dentro da região linear elástica. Calcularam –se os deslocamentos que foram utilizados para conceber as juntas adesivas cilíndricas. Observou –se que o benefício de um modelo de elementos finitos específico para juntas adesivas é que os deslocamentos podem ser encontrados diretamente nos nós e interpolados dentro dos elementos.
Mostrar mais

85 Ler mais

Eficácia do Glyphosate no Controle de Macrófitas em Condição de Casa de Vegetação

Eficácia do Glyphosate no Controle de Macrófitas em Condição de Casa de Vegetação

Plants E. crassipes, P. stratiotes, S. molesta and S. herzogii were grown in polyethylene plastic boxes with a capacity of 2.5 liters, filled with substrate composed of coarse sand (3.0 μm), organic substrate and Red Oxisol (1:1:1; v/v). The water depth was 10.0 cm above the substrate, and herbicide application was done when the plants occupied 75% of the total area of the sample containers (plastic boxes). U. subquadripara was grown in pots with a capacity of 3.0 liters, filled with a substrate composed of coarse sand (3.0 mM), organic substrate and Red Oxisol (1:1:1; v/v), with five pointers of U. subquadripara per pot.
Mostrar mais

7 Ler mais

Variabilidade genética e sensibilidade de acessos de Pistia stratiotes ao herbicida glyphosate.

Variabilidade genética e sensibilidade de acessos de Pistia stratiotes ao herbicida glyphosate.

O emprego da técnica RAPD evidenciou a existência de diferenças genét icas entre os acessos de P. stratiotes. Dentre os 37 primers utiliz ados, 25 proporcionaram eficiência na amplificação das amostras, obtendo-se um to- tal de 110 bandas polimórficas e 68 bandas mo- nomórf icas. Os padrões de bandas gerados pelas reações de RAPD foram nítidos e geraram bandas de média a boa intensidade. Assim, os inici adores permitiram boa amplif icação de todas as amostras e demonstraram a existên- cia de variabilidade genética entre as popula- ções dessa macrófita, pela produção de bandas
Mostrar mais

9 Ler mais

O PROGRAMA DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA EM DUAS ESCOLAS ESTADUAIS DE JUIZ DE FORA: SUCESSOS E ENTRAVES

O PROGRAMA DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA EM DUAS ESCOLAS ESTADUAIS DE JUIZ DE FORA: SUCESSOS E ENTRAVES

criatividade”... A instituição possui além das salas de aula, refeitório pequeno com área externa coberta, biblioteca que funciona juntamente com a sala de recursos, laborató[r]

105 Ler mais

Controle químico de Pistia stratiotes, Eichhornia crassipes e Salvinia molesta em caixas d'água.

Controle químico de Pistia stratiotes, Eichhornia crassipes e Salvinia molesta em caixas d'água.

de uma testemunha sem aplicação de herbicida. Os estudos foram instalados no delineamento experimental em blocos ao acaso, com quatro repetições. As parcelas experimentais foram constituídas por caixas d’água com dimensões de 60 x 60 x 60 cm mantidas a pleno sol no campo. Utilizaram-se 18, 18 e 30 plantas/caixa de P. stratiotes, E. crassipes e S. molesta, respectivamente. Os herbicidas foram aplicados com pulverizador costal a pressão constante de CO 2 a 1,75 bar, munido de barra com bicos 110.02 VS, com consumo de calda de 180 L ha -1 . O

6 Ler mais

S Coscarón, LC Coscarón-Arias, OA Mancebo

S Coscarón, LC Coscarón-Arias, OA Mancebo

Specimens were taken from ponds around CEDIVEF Station, 12 km south of Formosa city and on the sides of highway 14, close to the Pilagá River, 30 km north of Formosa city (Formosa Prov- ince, Argentina) from September to October. Lar- vae were found between the leaves of water let- tuce (Pistia stratiotes) called “repollito de agua” (water little cabbage) in northern Argentina. The specimens were carried in polyethylene bags to the laboratory and kept in individual plastic boxes with some Pistia leaves and wet towel paper for emergence. Morphological studies were made with living larvae and later, after fixation in boiling water there were kept in 70% alcohol. For micro- scopic studies, structures were mounted on slides in Canadian balsam, after treatment with NaOH. Pupae were studied alive and the gross morphol- ogy of larval and pupal exuvia were studied with a stereoscopic microscope. Morphological details of the larvae were studied with a compound mi- croscope mounted slides. Drawings were made with a camera lucida. The specimens are kept in the Museo La Plata collection.
Mostrar mais

6 Ler mais

POLÍTICA DE FORMAÇÃO DE GESTORES DA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DE JUIZ DE FORA EM 2011 – Mestrado em Gestão e Avaliação da Educação Pública

POLÍTICA DE FORMAÇÃO DE GESTORES DA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DE JUIZ DE FORA EM 2011 – Mestrado em Gestão e Avaliação da Educação Pública

Pesquisadores como Fernando Abrucio (2009), na pesquisa Práticas Comuns dos Diretores Eficazes, promovida pela Fundação Victor Civita, reconhecem a capacitação profis[r]

93 Ler mais

AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO ESTRUTURAL DE COBERTURAS EM ESTRUTURA DE AÇO NA FORMA DE ARCO CIRCULAR E PARABÓLICO

AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO ESTRUTURAL DE COBERTURAS EM ESTRUTURA DE AÇO NA FORMA DE ARCO CIRCULAR E PARABÓLICO

No modelo, entre os nós do banzo inferior das treliças da cobertura e as terças, são utilizadas mãos-francesas que desempenham a função de travamento lateral dos mesmos, conforme ilustrado por barras de cor azul na Figura 4.30. Na verificação das barras do modelo, os comprimentos de flambagem são diferentes com relação aos dois eixos principais da seção transversal. O comprimento na direção x é o comprimento destravado fora do plano do pórtico e o comprimento na direção y é o comprimento destravado no plano do pórtico. A Figura 4.30 ilustra os pontos do travamento fora do plano do pórtico, através de círculos na cor vermelha.
Mostrar mais

128 Ler mais

Show all 10000 documents...

temas relacionados