Top PDF Diagnóstico de modernização de uma indústria de implementos agrícolas

Diagnóstico de modernização de uma indústria de implementos agrícolas

Diagnóstico de modernização de uma indústria de implementos agrícolas

A modernização é um dos aspectos mais importantes para a Indústria no estado econômico que nos encontramos. A inovação e a tecnologia são dois conceitos diretamente ligados a essa modernização, com estes se busca dentro da indústria um ambiente inovativo, que conta com profissionais adequados e capacitados e a parceria com centros de pesquisa e desenvolvimento, para assim possibilitar a visualização de novas oportunidades. O modelo, denominado Modelo De Vidossich foi adaptado e aplicado em uma Indústria de Implementos Agrícolas, identificando os seus pontos fortes e fracos, se a indústria pode ser considerada moderna e propondo ações para que essa modernização ocorra. Em relação aos procedimentos metodológicos para a realização da pesquisa, utilizou-se dados qualitativos obtidos a partir de entrevista com o proprietário e da experiencia da pesquisadora durante o período de estágio. Pode-se observar que a empresa adota práticas que a caracterizam como inovadora, porém ainda se necessita melhorias em muitos pontos para ser classificada como uma empresa moderna.
Mostrar mais

65 Ler mais

Elaboração de um sistema de gestão ambiental conforme requisitos de planejamento preconizados na norma ABNT NBR ISO Nº 14.001/2015 em indústria metalúrgica de implementos agrícolas

Elaboração de um sistema de gestão ambiental conforme requisitos de planejamento preconizados na norma ABNT NBR ISO Nº 14.001/2015 em indústria metalúrgica de implementos agrícolas

De acordo com os objetivos propostos e os resultados alcançados neste trabalho, pode- se concluir que: (1) a política ambiental foi elaborada de acordo com os princípios da indústria e suas intenções de melhoria de desempenho ambiental, porém, levando em consideração também a importância que é dada para a saúde e segurança dos trabalhadores; (2) o levantamento de aspectos e impactos ambientais foi realizado em todos os setores da indústria, avaliando quais os recursos naturais utilizados, matérias primas e insumos e quais os resíduos gerados e descartados. Critérios de avaliação como severidade do impacto, probabilidade de ocorrência do impacto e frequência do aspecto foram utilizados para classificar os impactos como significativos ou não significativos. Foram caracterizados como impactos significativos: vazamento de óleo, descarte de resíduos contaminados (resíduos têxteis, solventes, borra de tinta e lodo metálico), descarte de óleo vegetal e vazamentos de gás; (3) o levantamento de requisitos legais aplicáveis abrangeu os diversos assuntos relacionados aos processos da indústria, desde a segurança dos trabalhadores ao transporte interno de resíduos, sendo possível assim, fundamentar qualquer ação dos processos em legislações ambientais e de segurança, a nível estadual e federal e; (4) com todo o diagnóstico da indústria, os objetivos, metas e planos de ação foram traçados com o intuito de adequar os processos para buscar a certificação da Norma ABNT NBR ISO n° 14.001/2015. A elaboração dos mesmos levou em consideração todas as especificidades encontradas durante os meses de estudo no local.
Mostrar mais

81 Ler mais

Gestão do desenvolvimento de produto em empresas de pequeno e médio porte do setor de máquinas e implementos agrícolas do Estado de SP.

Gestão do desenvolvimento de produto em empresas de pequeno e médio porte do setor de máquinas e implementos agrícolas do Estado de SP.

O agronegócio tem apresentado um significativo destaque na economia brasileira, especialmente no período 1999 a 2005 (CONFEDERAÇÃO DA AGRICULTURA E PECUÁRIA DO BRASIL - CNA; CENTRO DE ESTUDOS AVANÇADOS EM ECONOMIA APLICADA - CEPEA, 2005). De acordo com o Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento – MAPA (BRASIL, 2004), a evolução do agronegócio brasileiro está diretamente associada ao desenvolvimento científico-tecnológico, à moder- nização da atividade rural, à expansão da indústria de máquinas e implementos agrícolas, à adoção de programas de sanidade animal e vegetal e à modernização das políticas agrícolas.
Mostrar mais

13 Ler mais

Marketing de relacionamento: uma análise das empresas de implementos agrícolas do noroeste gaúcho

Marketing de relacionamento: uma análise das empresas de implementos agrícolas do noroeste gaúcho

A indústria de implementos agrícolas no Rio Grande do Sul teve seu início na década de 1920, quando a Ford se instalou no país e iniciou a produção do trator Fordson, que a partir daquele momento não seria mais importado dos Estados Unidos (CASTILHOS et al, 2008). A partir daí, houveram várias mudanças no decorrer dos anos. Já na década de 1950, houve a implantação do Plano Nacional de Indústria de Tratores Agrícolas contido no governo Juscelino Kubitschek, que impulsionou esta área em todo o Brasil. Após, na década de 1990, foi criado o Programa de Modernização da Frota de Tratores Agrícolas e Implementos Associados e Colheitadeiras pelo BNDS. Todos estes programas auxiliaram para que a indústria de implementos agrícolas pudesse chegar ao patamar que está hoje.
Mostrar mais

73 Ler mais

Avaliação do tratamento de esgoto sanitário de uma indústria de implementos rodoviário com vistas ao potencial reuso

Avaliação do tratamento de esgoto sanitário de uma indústria de implementos rodoviário com vistas ao potencial reuso

O presente trabalho tem como objetivo analisar a situação atual de tratamento dos esgotos sanitários gerados dentro de uma indústria metalúrgica fabricante de equipamentos rodoviários para o transporte de minérios, e a partir dos resultados propor o aproveitamento do esgoto tratado como água de reuso para fins não nobres dentro do parque fabril. O sistema de tratamento (ETE) adotado pela empresa pesquisada é o Reator Anaeróbio de Fluxo Ascendente (RAFA) seguido de sistema de Lodo Ativado Convencional (LAC). Os esgotos gerados na empresa, correspondente a um equivalente populacional de 550 pessoas, são enviados para a área destinada ao tratamento, por gravidade, através de rede coletora interna. Chegando à ETE, os despejos passam por uma caixa gradeada para retenção de sólidos grosseiros e, em seguida, para estação elevatória onde o efluente é bombeado para o RAFA, e então, direcionado ao tanque de aeração do sistema LAC. Os parâmetros de qualidade de tratamento foram analisados durante o período de maio de 2014 a abril de 2015. Diante dos resultados identificados (eficiência superior a 90% de remoção de matéria orgânica), propõe-se a utilização da água de reuso nos principais pontos de maior consumo, tais como na utilização para resfriamento de máquinas e tanque de gases; para a irrigação e manutenção da área verde; lavagem de equipamentos e peças e nos vestiários.
Mostrar mais

61 Ler mais

“As mudanças na estrutura e organização da indústria de insumos agrícolas”

“As mudanças na estrutura e organização da indústria de insumos agrícolas”

Vale ressaltar que grande parte dos defensivos agrícolas que estão no mercado atualmente têm a patente vencida9 , inclusive dos herbicidas. Neste sentido, a patente não representa barreira à entrada, pois a partir de seu vencimento as empresas concorrentes não precisam investir em P&D de produtos. Além disso, os genéricos estão aparecendo potencialmente no mercado, aumentando a concorrência e oferecendo aos agricultores produtos substitutos com o mesmo poder de reação. Dessa forma não existem barreiras relevantes a novas empresas entrantes e, especialmente a empresas que já atuam no mercado de agroquímicos. A metodologia empregada na determinação da dimensão de cada mercado relevante(CR4), pela SEAE/MF e outros pesquisadores, é a relação dos produtos recomendados para cada cultura agrícola e a soma das respectivas vendas.
Mostrar mais

44 Ler mais

Controle de produção: o caso do apontamento de uma linha numa indústria de implementos rodoviários em Chapecó-SC

Controle de produção: o caso do apontamento de uma linha numa indústria de implementos rodoviários em Chapecó-SC

A Inglaterra, no século XVIII era a desbravadora na era industrial e tecnológica, assumindo grandes avanços na produção de equipamentos para a indústria têxtil, de máquinas e ferramentas e também dos motores a vapor, no entanto, a produção em escala de produtos com alto nível de complexidade era prejudicada principalmente por questões como o temor dos artesãos em relação ao seu futuro, o tradicionalismo, exigência dos consumidores quanto à alta qualidade e personalização garantidas pelo processo artesanal, ocasionaram inovações necessárias das formas de gestão, dos equipamentos e da força de trabalho (CORRÊA, H; CORRÊA, C., 2007).
Mostrar mais

90 Ler mais

O setor de máquinas e implementos agrícolas no estado do Rio Grande do Sul: os determinantes de decisões logísticas

O setor de máquinas e implementos agrícolas no estado do Rio Grande do Sul: os determinantes de decisões logísticas

Com o objetivo de estabelecer padrões de decisões logísticas, foi realizada uma pesquisa de campo, de caráter exploratório e descritivo, num único momento, considerando duas categorias de produtos, em diferentes portes das empresas do setor de máquinas e im- plementos agrícolas do Noroeste Rio-Grandense. Para isso, por meio de uma avaliação transversal de posicionamento logístico, analisou-se em que medida as características do negócio influenciam nas decisões logísticas e nos tipos de organização do fluxo de pro- dutos. Verificou-se que não existe um padrão homogêneo de decisões logísticas no setor, sendo este diferenciado de acordo com o porte das empresas. Entretanto, concluiu-se que é possível orientar e direcionar o planejamento e a tomada de decisão através da organi- zação do fluxo de produtos, o qual se constitui num quadro conceitual de apoio à tomada de decisão dos gestores do setor analisado.
Mostrar mais

24 Ler mais

ANÁLISE DOS MECANISMOS DE CONTRATAÇÃO DE MÃO DE OBRA NAS EMPRESAS DE MÁQUINAS E IMPLEMENTOS AGRÍCOLAS EM DOM PEDRITO/RS

ANÁLISE DOS MECANISMOS DE CONTRATAÇÃO DE MÃO DE OBRA NAS EMPRESAS DE MÁQUINAS E IMPLEMENTOS AGRÍCOLAS EM DOM PEDRITO/RS

Esta pesquisa é importante para o desenvolvimento do município e sua contribuição será tanto econômica quanto social, pela intensidade da atividade que intervém a expansão da capacidade de mão de obra e servira como diferencial em busca de uma oportunidade de trabalho e geração de renda. Possui um tema ainda pouco estudado como o da mão de obra dentro das empresas de máquinas e implementos agrícolas no município de Dom Preto/RS, pois os estudos que dizem respeito à mão de obra nesta área do agronegócio é geralmente fora das empresas, como operar máquinas e implementos, uma vez que seu resultado interfere diretamente dentro das mesmas e poderá servir de elemento de planejamento.
Mostrar mais

19 Ler mais

Inovação tecnológica e modernização na indústria da construção civil

Inovação tecnológica e modernização na indústria da construção civil

Segundo Aro e Amorim (2004), as mudanças sócio- econômicas foram significativas a partir do final da década de 80 e fizeram à indústria da construção civil questionar seu atraso tecnológico e seu modo de agir e pensar no processo de produção. O país apresenta nova estrutura no âmbito social, com a promulgação do Código de Defesa do Consumidor, e o Governo Federal lança políticas mais efetivas visando à estabili- dade econômica.

6 Ler mais

A indústria de defesa e a modernização das forças armadas portuguesas

A indústria de defesa e a modernização das forças armadas portuguesas

Se é certo que as indústrias nacionais de defesa devem ser priorita- riamente contempladas na pol1tica de modernização das Forças Armadas Portuguesas, não há dúvid[r]

12 Ler mais

Origens, evolução e tendências da indústria de máquinas agrícolas.

Origens, evolução e tendências da indústria de máquinas agrícolas.

Na década de 1980 houve grades mudanças entre as principais empresas. Esta fase pode ser considerada como um período no qual os princi- pais players realizaram fusões e aquisições, obje- tivando conquistar maiores parcelas de mercado além de diversificar e complementar as linhas de produção. As vendas de equipamentos atingi- ram a marca de US$ 22 bilhões; deste valor, US$ 8 bilhões apenas nos Estados Unidos. As empresas líderes em termos de vendas eram, em 1980: John Deere, International Harvester, Massey Ferguson, Fiat, Ford, New Holland, Tenneco-Case, Kubota-Tekko, Allis Chalmers e a empresa alemã Klocker Hunbold Deutz. Juntas, totalizavam cerca de 70% das vendas no mundo. Em 1985, estes players mudaram no mer- cado, com a Ford absorvendo a New Holland e a Case incorporando a International Harvester. A participa- ção da Case no mercado americano e canadense era em torno de 8% em 1980, passando para 26% em 1985 nos EUA e no Canadá e assumindo 14% da participação no resto do mundo. O trabalho de Bjornson e Klipfer (2000) vai além e diz que esta aquisição da International Harvester pela Case permitiu a esta última empresa galgar o posto de segunda maior empresa de máquinas agrícolas em termos de market-share mundial em 1985.
Mostrar mais

26 Ler mais

Potencial para a Modernização Tecnológica e Inovação na Indústria Agroalimentar com base em TIC

Potencial para a Modernização Tecnológica e Inovação na Indústria Agroalimentar com base em TIC

The last question of the questionnaire asked owners, managers and workers of agri-food companies what are the equipment and/or technological solutions that may improve the company produc[r]

38 Ler mais

TRAJETÓRIA DA INDÚSTRIA TÊXTIL EM ALAGOAS E SERGIPE: ENTRE O DECLÍNIO E A MODERNIZAÇÃO

TRAJETÓRIA DA INDÚSTRIA TÊXTIL EM ALAGOAS E SERGIPE: ENTRE O DECLÍNIO E A MODERNIZAÇÃO

Houve reação por parte do setor têxtil através de fusões entre empresas, buscando o aprimoramento tecnológico, aumento da produtividade mediante a redução de custos e ganhos de escala, para fazer frente a concorrência com os artigos têxteis asiáticos. Em geral, essas fusões ocorreram através da aquisição de empresas em dificuldade financeira e especializadas em determinado segmento têxtil por grandes empresas. Considerando o cenário nacional, a nova realidade econômica imposta nos anos 1990 colocando a indústria nacional em condições desvantajosas gera uma nova onda de deslocamento da produção têxtil. Os segmentos mais intensivos em mão de obra se deslocam do Sudeste rumo ao Nordeste, porém, o centro de comando permanece naquela região. Esse deslocamento de segmentos da produção intensifica a especialização da produção nordestina em fiação e tecelagem.
Mostrar mais

15 Ler mais

AVALIAÇÃO DO GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS PERIGOSOS EM INDÚSTRIA DE DEFENSIVOS AGRÍCOLAS

AVALIAÇÃO DO GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS PERIGOSOS EM INDÚSTRIA DE DEFENSIVOS AGRÍCOLAS

O método PDCA se divide em quatro etapas: planejar, fazer, checar e agir. A primeira etapa, planejar, define objetivos, metas e procedimentos sistêmicos de ges- tão. Na etapa seguinte, fazer, ocorre a determinação dos procedimentos operacionais, responsabilidades, recursos, seleção e treinamento de equipes, comuni- cação e controle de registros. A terceira etapa, checar, consiste em monitorar, realizar análises críticas e fiscali- zações, verificar o controle interno, identificar fragilida- des e oportunidades de melhorias. A última etapa, agir, consiste na reavaliação do sistema para aprimorá-lo e promover sua melhoria. Na empresa, esse sistema é aplicado aos resíduos perigosos e não perigosos. O gerenciamento de resíduos perigosos em indústrias de defensivos agrícolas é um tema bastante complexo, porque essas empresas trabalham com grandes quan- tidades de materiais e substâncias perigosas.
Mostrar mais

18 Ler mais

TRANSFERÊNCIA DE TECNOLOGIA PARA O CAMPO: as inovações em implementos agrícolas na região do Mato Grosso DOI: http://dx.doi.org/10.5892/ruvrd.v15i1.2798

TRANSFERÊNCIA DE TECNOLOGIA PARA O CAMPO: as inovações em implementos agrícolas na região do Mato Grosso DOI: http://dx.doi.org/10.5892/ruvrd.v15i1.2798

Diante do aumento da procura, o mercado de maquinas agrícola teve uma grande evolução, com as inovações de implementos e equipamentos mecanizados, como por exemplo, tratores, plantadeiras, colheitadeiras, entre outros. E dentre estas inovações, houve a criação de implementos para auxiliar a produção agrícola, como exemplo o rolo- corrente, objeto de estudo. Os responsáveis por essas inovações e adaptações, na maioria das vezes são metalúrgicas, geralmente empresas de pequeno porte, por serem ágeis no atendimento aos agricultores e beneficia- los em seus processos e mais atentas às necessidades dos produtores rurais.
Mostrar mais

11 Ler mais

Modernização industrial em indústria de mão-de-obra: automação, informatização e inovações organizacionais na indústria do vestuário.

Modernização industrial em indústria de mão-de-obra: automação, informatização e inovações organizacionais na indústria do vestuário.

A conjugação destes três fatos criou a ne- cessidade de desenvolvimento de produtos com maior qualidade para a diferenciação no mercado interno e para a ァセイ。ョエゥ。@ de con- dições míni[r]

8 Ler mais

Perfil de maturidade do processo de desenvolvimento de produtos em empresas de pequeno e médio porte do setor de máquinas e implementos agrícolas

Perfil de maturidade do processo de desenvolvimento de produtos em empresas de pequeno e médio porte do setor de máquinas e implementos agrícolas

A pesquisa iniciou-se com uma revisão bibliográfica sobre o PDP e sua gestão e sobre a indústria de máquinas e implementos agrícolas no Brasil. Posteriormente, elaborou- se a primeira versão do questionário e a validação do mesmo e, paralelamente, realizou-se o levantamento das empresas existentes no setor de máquinas e implementos agrícolas, de capital nacional, no estado de São Paulo. Definiu-se um tamanho da amostra de 40 empresas, o que representa cerca de 33,33 % do universo de empresas identificado (120 empresas). Essa amostra foi definida considerando-se a disponibilidade de tempo e de recursos financeiros para a realização da pesquisa de campo. Em seguida, elaborou-se um banco de dados em planilha eletrônica, para a digitação e compilação dos dados, e iniciou-se a pesquisa de campo.
Mostrar mais

167 Ler mais

A cocriação de valor no setor de implementos agrícolas: um estudo de caso da John Deere e sua rede de concessionários

A cocriação de valor no setor de implementos agrícolas: um estudo de caso da John Deere e sua rede de concessionários

Cocriação de valor, de acordo com Jaworski e Kohli (2006), é o processo pelo qual empresas e consumidores estão em aprendizado contínuo, através do desenvolvimento em conjunto de questionamentos, observações e experiências, que refletem nas necessidades e desejos tanto dos consumidores quanto das empresas. A cocriação surge da perspectiva integrada de empresa e consumidores e envolve longos períodos de diálogo e interação entre as partes. Sendo assim, este tema torna-se relevante para os consumidores e para a sociedade, uma vez que a Lógica Dominante de Serviço (ou Service Dominant Logic – SDL), em oposição à Lógica Dominante de Produtos (ou Goods Dominant Logic – GDL), preconiza uma forte interação para satisfazer os interesses das partes envolvidas. O presente estudo soma-se aos esforços da literatura no sentido de entender e tentar materializar a Lógica Dominante de Serviço em um campo empírico específico, nesse caso, nas relações comerciais entre uma grande empresa fabricante de implementos agrícolas, a John Deere, e sua rede de concessionários.
Mostrar mais

15 Ler mais

Proposta de um modelo para fase de projeto detalhado aplicado à indústria de implementos agrícolas: adaptação e aplicação de teoria

Proposta de um modelo para fase de projeto detalhado aplicado à indústria de implementos agrícolas: adaptação e aplicação de teoria

Como a figura 6 apresenta, há uma metodologia de gerenciamento dos arquivos ou pastas limitada, a um procedimento de reutilização de arquivos, o que manualmente é dificultado já que pode se ter o mesmo desenho em vários implementos, e quando necessário realizar uma alteração especifica para um implemento havia problemas pois o software utilizado é automatizado mas não tem um módulo de gestão de arquivos que coordene este processo e de mantenha o mesmo arquivo inalterável nos outro produtos onde é utilizado. Este procedimento realizado manualmente acarreta nas seguintes consequências;
Mostrar mais

26 Ler mais

Show all 10000 documents...

temas relacionados