Top PDF Discriminação de raças primitivas de Pupunha (Bactris Gasipaes) na Amazônia brasileira por meio de marcadores moleculares (RAPDs).

Discriminação de raças primitivas de Pupunha (Bactris Gasipaes) na Amazônia brasileira por meio de marcadores moleculares (RAPDs).

Discriminação de raças primitivas de Pupunha (Bactris Gasipaes) na Amazônia brasileira por meio de marcadores moleculares (RAPDs).

Final report (revised): peach palm (Bactris gasipaes H.B.K.) germplasm bank. U.S. A.I.D. project re­ port. Instituto Nacional de Pesquisas da  Amazon ia/Centro Nacional de Recursos  Ge[r]

7 Ler mais

Análise molecular e validação de raças primitivas de pupunha (Bactris gasipeaes) por meio de marcaodres RAPD.

Análise molecular e validação de raças primitivas de pupunha (Bactris gasipeaes) por meio de marcaodres RAPD.

O Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA) mantém um Banco Ativo de Germoplasma de Pupunha, em colaboração com a Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia, que possui 438 acessos, coletados de populações silvestres e cultivadas com o objetivo de disponibilizar genótipos superiores ao processo de melhoramento dessa espécie (Clement, 1996). A caracterização e avaliação de populações, tanto fenotípica, como genotipicamente, é importante para conhecer sua estrutura genética e avaliar aquelas características que estejam ligadas ao processo produtivo (Frankel, 1989). Em qualquer trabalho feito com recursos genéticos, seja para conservação ou melhoramento, a caracterização morfométrica e a avaliação produtiva das coleções são as bases para os outros estudos. As características descritas no campo durante a coleta (in situ) podem ser altamente afetadas por fatores ambientais e podem apresentar maior variabilidade aparente entre e dentre as populações do que realmente existe. Por outro lado, a caracterização feita no banco de germoplasma mede mais claramente as diferenças genéticas entre as populações (Frankel, 1989).
Mostrar mais

82 Ler mais

Caracterização de germoplasma de pupunha (Bactris gasipaes Kunth) por descritores morfológicos

Caracterização de germoplasma de pupunha (Bactris gasipaes Kunth) por descritores morfológicos

RESUMO - A pupunheira tem um potencial econômico e social muito grande, sendo a palmeira mais importante na América pré-colombiana, constituindo junto com o milho e a mandioca, a base da alimentação dos povos primitivos. Os principais produtos extraídos são o palmito e os frutos para o consumo humano direto, alimento animal, farinhas para consumo humano e óleo vegetal. Os objetivos do presente trabalho foram de utilizar uma lista de descritores morfológicos recomendada, para discriminar primeiramente as raças Pará e Putumayo e após sua validação estatística, verificar também a existência da raça Solimões, que até hoje tem sido negada. Foram aplicadas técnicas estatísticas univariadas e multivariadas na tentativa de discriminar as raças. Dos 42 descritores iniciais, 25 apresentaram diferenças significativas entre as raças e 15 tiveram aproximação normal. A análise discriminante mostrou que a raça Pará possuía 15 % das plantas mal classificadas e Putumayo 14 %, já com a seleção de desenvolver para componentes principais, as percentagens foram 9 e 19 %, respectivamente, para as duas raças. A população de Manacapuru, não formou grupo nas duas primeiras análises de agrupamento e nem com componentes principais. As três análises em conjunto, conseguiram discriminar as raças Pará, Putumayo e Solimões, sendo os descritores mais importantes nesta discriminação e classificação das raças: número de espigas por cacho, comprimento da ráquis, peso dos frutos, espessura das cascas, facilidade para descascar os frutos, peso das cascas, sabor dos frutos, espessura da polpa, distância morfológica dos frutos e peso das sementes.
Mostrar mais

107 Ler mais

Estatística multivariada na discriminação de raças amazônicas de pupunheiras (Bactris gasipaes Kunth) em Manaus (Brasil)

Estatística multivariada na discriminação de raças amazônicas de pupunheiras (Bactris gasipaes Kunth) em Manaus (Brasil)

A pupunha tem um potencial econômico e social muito grande como fonte de alimento para o homem e animais, sendo sem dúvida a palmeira mais importante na América pré-colombiana. É tão importante quanto o milho e a mandioca, sendo o principal cultivo dos ameríndios de um extenso território do trópico úmido e de algumas regiões do trópi- co seco (Mora Urpi, 1982; 1984). Mora Urpi et al. (1997) relataram que, na Amazônia, existem pelo menos oito raças primitivas de pupunheiras, e ao noroeste dos Andes, pelo menos mais cinco raças. Apresentaram a distribuição geográfica de mais 15 raças de pupunha, mostrando a exis- tência das raças Pará, Solimões e Putumayo, embora os limites exatos entre essas raças não sejam claros, já que existe muita interseção de acessos entre as raças.
Mostrar mais

4 Ler mais

Programa Pupunha: software para avaliação econômica da irrigação da pupunha.

Programa Pupunha: software para avaliação econômica da irrigação da pupunha.

Resumo: O programa Pupunha permite a variação dos fatores que interferem no custo da irrigação, favorecendo as condições reais do produtor, através de uma análise direcionada e real da viabilidade de se irrigar a cultura da pupunha (Bactris gasipaes H.B.K). Para se constatar se os custos adicionais da irrigação podem ser pagos pela cultura da pupunha irrigada, o programa calcula o acréscimo de produção necessário para pagar este custo adicional, relacionado à produção de palmito de primeira. São permitidos vários estudos, variando os principais fatores que interferem no custo total anual e, como resultado principal, obtém-se uma família de curvas comparativas para diversas situações, mostrando o acréscimo necessário para vários níveis de produção de palmito de primeira (kg ha -1 ). Este programa foi realizado para ajudar na tomada de decisão em
Mostrar mais

6 Ler mais

Exercícios Primitivas e Integrais

Exercícios Primitivas e Integrais

Calcule os seguintes integrais usando a regra de Barrow e, em cada caso, determine o valor médio da função integranda no intervalo de integração:.. (b) Classique os pontos críticos de f[r]

15 Ler mais

A IMPLANTAÇÃO DA AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO POR COMPETÊNCIAS NA SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS NO ANO DE 2014 – Mestrado em Gestão e Avaliação da Educação Pública

A IMPLANTAÇÃO DA AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO POR COMPETÊNCIAS NA SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS NO ANO DE 2014 – Mestrado em Gestão e Avaliação da Educação Pública

O capítulo I apresenta a política implantada pelo Choque de Gestão em Minas Gerais para a gestão do desempenho na Administração Pública estadual, descreve os tipos de pro[r]

194 Ler mais

EDILVANA MARA DA SILVA LOPES A GESTÃO DE PROCESSOS DO ENSINO DE GRADUAÇÃO: Estudo sobre as demandas de visitas técnicas e trabalhos de Campo na Universidade Federal de Juiz de Fora

EDILVANA MARA DA SILVA LOPES A GESTÃO DE PROCESSOS DO ENSINO DE GRADUAÇÃO: Estudo sobre as demandas de visitas técnicas e trabalhos de Campo na Universidade Federal de Juiz de Fora

A presente dissertação é desenvolvida no âmbito do Mestrado Profissional em Gestão e Avaliação da Educação (PPGP) do Centro de Políticas Públicas e Avaliação da [r]

142 Ler mais

INFLUÊNCIA DO TEOR DE FERRO NOS PARÂMETROS DE RESISTÊNCIA DE UM REJEITO DE MINÉRIO DE FERRO

INFLUÊNCIA DO TEOR DE FERRO NOS PARÂMETROS DE RESISTÊNCIA DE UM REJEITO DE MINÉRIO DE FERRO

No Capitulo 2 é apresentada uma revisão sobre as barragens de rejeitos enfatizando as características dos sistemas de disposição, as características dos rejeitos de minério de ferro, o[r]

173 Ler mais

STI-I: SISTEMAS TUTORIAIS INTELIGENTES QUE INTEGRAM COGNIÇÃO, EMOÇÃO E MOTIVAÇÃO

STI-I: SISTEMAS TUTORIAIS INTELIGENTES QUE INTEGRAM COGNIÇÃO, EMOÇÃO E MOTIVAÇÃO

para representar tais aspectos do estudante. Foi montado um esquema com quatro padrões de temperamentos (tímido, desafiante, otimista e melancólico) e três padrões de comportamento (esforço, confiança e independência), para representar o modelo emocional do estudante e informar a estratégia motivacional mais adequada para atendê-lo. Esse modelo, por sua vez foi integrado a um modelo cognitivo do estudante previamente existente. A integração foi feita pela criação de novas estruturas sintáticas e semânticas na linguagem que descreve as estratégias de ensino, habilitando-a a oferecer o suporte para que um especialista em psicopedagogia possa orientar a estratégia motivacional. Foram também exploradas questões relativas à captação de informações sobre estudantes reais durante o processo de tutoria para suprir dados aos módulos de inferência do modelo integrado do estudante. Trata-se de um problema complexo, uma vez que a “visão” que uma máquina tem de seu usuário é extremamente limitada, restringindo-se a parâmetros de tempos de resposta, percentuais de acerto ou informações voluntárias providas pelos próprios estudantes. A transformação dessas primitivas em informação útil e confiável é não trivial e deve ser feita com base em avaliações teóricas e experimentais. O módulo de diagnóstico poderá então utilizar esse conjunto de informações para prescrever atividades de diversas naturezas para o estudante, de acordo com a avaliação do modelo integrado.
Mostrar mais

15 Ler mais

PRÁTICAS DE GESTÃO ESCOLAR: UM ESTUDO DE CASO NA ESCOLA ESTADUAL JOAQUIM MAURÍCIO DE AZEVEDO DE JANAÚBAMG

PRÁTICAS DE GESTÃO ESCOLAR: UM ESTUDO DE CASO NA ESCOLA ESTADUAL JOAQUIM MAURÍCIO DE AZEVEDO DE JANAÚBAMG

O primeiro capítulo desta pesquisa teve como função apresentar o caso estudado, discorrendo sobre a descrição da Secretaria de Estado de Educação e da Superintendência Region[r]

153 Ler mais

A APROPRIAÇÃO DOS RESULTADOS DO PROEB: ESTUDO DE CASO DE UMA ESCOLA ESTADUAL DE JUIZ DE FORAMG

A APROPRIAÇÃO DOS RESULTADOS DO PROEB: ESTUDO DE CASO DE UMA ESCOLA ESTADUAL DE JUIZ DE FORAMG

Na apropriação do PROEB em três anos consecutivos na Escola Estadual JF, foi possível notar que o trabalho ora realizado naquele local foi mais voltado à apresentação dos [r]

127 Ler mais

O CURSO DE PEDAGOGIA DO PLANO NACIONAL DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES DA EDUCAÇÃO BÁSICA (Parfor) NO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO DE OLIVENÇA (AM)

O CURSO DE PEDAGOGIA DO PLANO NACIONAL DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES DA EDUCAÇÃO BÁSICA (Parfor) NO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO DE OLIVENÇA (AM)

A realização deste trabalho teve como referencial teórico as reflexões de autores como Saviani (2009), auxiliando na discussão sobre os aspectos históricos da formação dos professore[r]

170 Ler mais

FABIANO VIEIRA TITO FLUXO INFORMACIONAL DO SISTEMA DE ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAL DA SUPERINTENDÊNCIA REGIONAL DE ENSINO DE UBÁMG

FABIANO VIEIRA TITO FLUXO INFORMACIONAL DO SISTEMA DE ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAL DA SUPERINTENDÊNCIA REGIONAL DE ENSINO DE UBÁMG

Este questionário tem o objetivo de conhecer sua opinião sobre o processo de codificação no preenchimento do RP1. Nossa intenção é conhecer a sua visão sobre as dificuldades e os m[r]

157 Ler mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA CAED - CENTRO DE POLÍTICAS PÚBLICAS E AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO PROFISSIONAL EM GESTÃO E AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO PÚBLICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA CAED - CENTRO DE POLÍTICAS PÚBLICAS E AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO PROFISSIONAL EM GESTÃO E AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO PÚBLICA

São previstos cursos de formação continuada às equipes do PIP para que saibam analisar os dados das avaliações corretamente e elaborar instrumentos que possibilitem a evol[r]

130 Ler mais

PROJETO DE ESTRUTURAS DE CONCRETO EM SITUAÇÃO DE INCÊNDIO

PROJETO DE ESTRUTURAS DE CONCRETO EM SITUAÇÃO DE INCÊNDIO

O objetivo das regulamentações modernas de segurança contra incêndio é pro- teger a vida e evitar que os incêndios, caso se iniciem, se propaguem para fora de um compartimento do edifíc[r]

20 Ler mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIHORIZONTES Programa de Pós-Graduação em Administração Mestrado Cláudia Caixeta Gomes

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIHORIZONTES Programa de Pós-Graduação em Administração Mestrado Cláudia Caixeta Gomes

a) Analisar o processo de coleta, tratamento e disposição final dos resíduos urbanos realizados pelo município. b) Identificar, na percepção das associações de bairros, o proce[r]

166 Ler mais

“Feixe de Intervenções” de Prevenção de Infeção Urinária Associada a Cateter Vesical – Normas de Orientação Clínica

“Feixe de Intervenções” de Prevenção de Infeção Urinária Associada a Cateter Vesical – Normas de Orientação Clínica

Existe evidência de que é efetuada realização da higiene diária do meato uretral, pela pessoa (sempre que possível) ou pelos profissionais de saúde com ação de educação para a saúde [r]

12 Ler mais

Show all 6920 documents...