Top PDF Formação em educação ambiental de líderes comunitários para implantação de coleta seletiva em escala piloto no bairro Malvinas, em Campina Grande – PB

Formação em educação ambiental de líderes comunitários para implantação de coleta seletiva em escala piloto no bairro Malvinas, em Campina Grande – PB

Formação em educação ambiental de líderes comunitários para implantação de coleta seletiva em escala piloto no bairro Malvinas, em Campina Grande – PB

A geração excessiva de resíduos sólidos, tem se tornado um dos maiores agravos da crise ambiental, exigindo mudanças dos padrões de produção e consumo voltados para Gestão Integrada de Resíduos Sólidos . Nesse contexto, a coleta seletiva com inclusão social de catadores de materiais recicláveis, aliada ao processo de Educação Ambiental constituem estratégias indispensáveis para a melhoria da qualidade de vida e construção de políticas públicas locais. O objetivo desta pesquisa foi analisar a formação em Educação Ambiental aplicada a líderes comunitários vinculados à Comunidade Jesus Libertador enquanto instrumento para implantação da coleta seletiva em escala piloto, nas ruas situadas no entorno dessa comunidade no bairro Malvinas, em Campina Grande-PB. O trabalho caracterizou-se em relato de experiência vivenciada entre dezembro de 2012 a fevereiro de 2014, frutos do processo de formação de líderes comunitários, baseado no MEDICC (Modelo Dinâmico de Construção e Reconstrução do Conhecimento voltado para o meio ambiente). A formação em Educação Ambiental de líderes comunitários provocou mudanças significativas propiciando a implantação da coleta seletiva em 283 residências com seleção na fonte geradora, redução da quantidade de material que se converteria em lixo (100.504,8 kg), diminuição dos gastos da prefeitura de Campina Grande-PB com transporte (R$ 94,10/ton) e aterro dos resíduos (R$ 32,98/ton), retorno do material reciclável ao setor produtivo, além de contribuir para geração de renda e inclusão social de catadores de materiais recicláveis, sensibilização e mobilização de diferentes atores sociais para efetivação de políticas públicas voltadas para os resíduos sólidos. Portanto, a formação em Educação Ambiental de líderes comunitários propiciou a implantação da coleta seletiva em escala piloto, nas ruas situadas no entorno da comunidade Jesus Libertador no bairro Malvinas, em Campina Grande-PB.
Mostrar mais

83 Ler mais

Educação ambiental na formação dos lideres comunitários: um instrumento de inserção da temática ambiental na comunidade do Bairro das Malvinas em Campina Grande-PB

Educação ambiental na formação dos lideres comunitários: um instrumento de inserção da temática ambiental na comunidade do Bairro das Malvinas em Campina Grande-PB

O crescimento populacional e o desenvolvimento tecnológico e industrial vêm contribuindo para o agravamento da crise ambiental. Neste contexto, a Educação Ambiental apresenta-se como instrumento de mudança. O objetivo deste trabalho foi analisar as mudanças provocadas pelo processo de formação em Educação Ambiental realizado junto aos líderes comunitários da comunidade Jesus Libertador, situada no bairro das Malvinas, em Campina Grande-PB. A metodologia baseou-se nos princípios da pesquisa participante e do MEDICC (Modelo Dinâmico de Construção e Reconstrução do Conhecimento voltado para o meio ambiente). Este propicia o processo de sensibilização, simultaneamente à coleta dos dados. A formação ocorreu com 25 líderes comunitários através das seguintes estratégias: curso de Agentes Multiplicadores em Educação Ambiental, oficinas, visita à organização de catadores de materiais recicláveis, aula de campo, trilha ecológica, elaboração e aplicação de projetos na comunidade e encontro com outros grupos de Educação Ambiental. Dentre os resultados obtidos destacam-se: mudanças de percepção ambiental (100%); cuidado com os resíduos sólidos, selecionando-os na fonte geradora (100%); preocupação em organizar os catadores de materiais recicláveis que atuam no bairro (30%) contribuindo para a implantação do gerenciamento dos Resíduos Sólidos; inquietude em relação aos problemas do bairro (resíduos-37,5%; poluição-25%; conscientização-25% e trânsito-12,5%); maior entendimento do bioma Caatinga; compreensão da importância de políticas públicas voltadas para o meio ambiente (100%) e implantação da coleta seletiva na comunidade. Portanto, este trabalho propiciou mudanças significativas e vislumbra um novo cenário para o bairro das Malvinas, haja vista que os líderes comunitários expressam papel fundamental no processo de mobilização local.
Mostrar mais

49 Ler mais

Sistema de tratamento aeróbio descentralizado de resíduos sólidos orgânicos no bairro Malvinas, Campina Grande – PB

Sistema de tratamento aeróbio descentralizado de resíduos sólidos orgânicos no bairro Malvinas, Campina Grande – PB

As populações alvo de coleta seletiva podem ser divididas em três grupos: cativo, representados pelos que participam efetivamente e destacam como principal motivação a melhoria da qualidade do meio ambiente; os que participam eventualmente, colocando como dificuldades a falta de incentivo, divulgação e orientação de como proceder e necessidade de deslocamentos a grandes distâncias para entregar o resíduo separado; e os que não participam, justificando a falta de oportunidade, de tempo e de incentivo, carência de orientação e a inexistência de infraestrutura (BRINGHENTI; GÜNTHER, 2011). Nesse âmbito, a sensibilização, a formação e a mobilização constituem estratégias essenciais à implantação da coleta seletiva na fonte geradora (SILVA, 2011), bem como, para a implantação de sistemas de tratamento de resíduos sólidos orgânicos (SILVA, 2009). É também fundamental o acompanhamento dos programas de coleta seletiva e ações continuada de Educação Ambiental (REZENDE, 2013), assim como, o desenvolvimento de tecnologias a partir da realidade e potencialidades locais que facilitem e incentivem a participação da população nos programas de gestão integrada dos resíduos sólidos, compreendendo o acondicionamento, a coleta, reciclagem dos resíduos recicláveis até o tratamento dos resíduos sólidos orgânicos por meio da compostagem em sistemas de tratamentos descentralizados, como mostram os trabalhos executados por Costa et al.,(2015); Ribeiro et al., (2015) e Silva et al., (2015) analisando o desenvolvimento da coleta seletiva e o trabalho de catadores e catadoras de materiais recicláveis formais e informais em Campina Grande-PB.
Mostrar mais

111 Ler mais

Avaliação das estratégias aplicadas à gestão integrada de resíduos sólidos no bairro Malvinas, Campina Grande-PB

Avaliação das estratégias aplicadas à gestão integrada de resíduos sólidos no bairro Malvinas, Campina Grande-PB

Para a sensibilização e mobilização das famílias que realizam a coleta seletiva no bairro, foram aplicadas as seguintes estratégias: 1) visitas as famílias que realizam a coleta seletiva; 2) acompanhamento do exercício profissional de catadores de materiais recicláveis da ARENSA; 3) aplicação de questionário semiestruturado para diagnóstico da coleta seletiva no bairro (ANEXO A); 4) divulgação e cadastramento das famílias que concordaram em participar da caracterização gravimétrica de resíduos produzidos pelos moradores; 5) entrega de sacolas plásticas confeccionadas com o logomarca da coleta seletiva no bairro; 6) realização da caracterização gravimétrica no bairro; 7) seminário Gestão de resíduos sólidos no bairro das Malvinas, Campina GrandePB, para apresentação dos resultados obtidos na caracterização gravimétrica e exposição do projeto de compostagem (ANEXO B; C); 8) III e IV curso formação de agentes multiplicadores em Educação Ambiental; 9) minicurso de formação de agentes multiplicadores em Educação Ambiental: líderes comunitários das Malvinas; 10) seminário Educação Ambiental: formação profissional, sustentabilidade e cidadania em comemoração ao dia do biólogo; 11) mobilização da comunidade para a coleta e monitoramento do sistema de compostagem (ANEXO D); 12) divulgação do projeto com auxílio de carro de som; 13) cadastramento das famílias que se disponibilizaram em participar; 14) monitoramento e tratamento do sistema de compostagem descentralizado de resíduos sólidos orgânicos domiciliares; 15) apresentação e discussão dos resultados concernente ao processo de compostagem, no seminário Tratamento aeróbio de resíduos orgânicos domiciliares; 16) entrega do adubo resultante do processo de compostagem; 17) Elaboração e distribuição de materiais informativos e de agradecimento.
Mostrar mais

101 Ler mais

UTILIZAÇÃO DE FERRAMENTAS DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA IMPLANTAÇÃO DO PROGRAMA DE COLETA SELETIVA NO CENTRO DE ENGENHARIAS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS

UTILIZAÇÃO DE FERRAMENTAS DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA IMPLANTAÇÃO DO PROGRAMA DE COLETA SELETIVA NO CENTRO DE ENGENHARIAS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS

Durante o segundo semestre de 2011 o grupo compareceu ao CEng para realizar a implantação de dispositivos de acondicionamento de lixeiras de resíduos recicláveis e orgânicos. Entretanto, o processo de implantação foi mais além, ou seja, na medida em que distribuímos as lixeiras, foi estabelecido um diálogo com os sujeitos envolvidos da importância da minimização do consumo e consequentemente da geração de resíduos; a importância e finalidade da segregação (separação) dos resíduos na fonte geradora, o retorno destes ao processo de vida útil através da reciclagem, com um espaço para a discussão e de aprendizagens sobre o papel e a importância de todos os atores no sistema de gestão dos resíduos sólidos, inclusive do aspecto legal e normativo, como a recente Lei aprovada no País – Política Nacional de Resíduos Sólidos.
Mostrar mais

16 Ler mais

Formação continuada de profissionais da educação para gestão ambiental numa escola municipal, Campina Grande-PB: um estudo de caso

Formação continuada de profissionais da educação para gestão ambiental numa escola municipal, Campina Grande-PB: um estudo de caso

Em meio ao crescimento econômico recorrente nos países desenvolvidos e em desenvolvimento, a crise ambiental foi instalada. Isto porque o modelo econômico adotado, o capitalismo, típico de sociedades vigentes, incentiva e promove o consumismo insustentável, o qual gera dentre outros aspectos, a alta produção de resíduos e a destinação inadequada, acarretando conseqüências relevantes. Dessa maneira, alguns caminhos devem ser tomados na busca por soluções que amenizem a atual situação do nosso Planeta. Um dos instrumentos utilizados nesse processo é a Gestão Ambiental, a qual apresenta dentre outros elementos, a Educação Ambiental. A Escola é um ambiente favorável à prática da Educação Ambiental, mas, para que esta atenda aos objetivos delineados em documentos internacionais e nacionais é essencial investir na formação continuada de profissionais da Educação. O presente trabalho propôs investigar ações referentes à formação continuada de profissionais da Educação que atuam numa escola pública municipal, situada no Bairro de Santa Rosa, Campina Grande - PB, enquanto estratégia para a inserção da dimensão ambiental na Escola e contribuição à gestão integrada de resíduos sólidos . A pesquisa foi executada de Janeiro a Agosto de 2011. Os dados foram coletados através da utilização do método da pesquisa participante, tendo por base os meios exploratórios e de intervenção. Para análise dos dados utilizamos estatística descritiva em planilhas do Excel. Quanto ao questionamento inicial abordado nesta pesquisa que visava saber se a formação inicial e continuada dos profissionais da Educação em Educação Ambiental favorecia a inserção da temática ambiental de forma transversal e interdisciplinar na escola e a melhoria do processo ensino-aprendizagem, temos que a partir das observações
Mostrar mais

77 Ler mais

Saneamento básico e suas implicações no meio ambiental e na saúde humana no bairro do Pedregal município de Campina Grande – PB

Saneamento básico e suas implicações no meio ambiental e na saúde humana no bairro do Pedregal município de Campina Grande – PB

As suas condições em termos de infraestrutura e de edificações não se apresentam de forma homogênea, havendo espaços onde foi instalada grande parte dos equipamentos urbanos e, outros, completamente desprovidos de qualquer um destes. O Pedregal III e IV, ocupado ainda na década de 1980, é cortado por um canal, construído a céu aberto, em um local onde já existia um córrego natural, recebendo tanto o sistema de drenagem, como o escoamento superficial das valetas. Segundo os moradores mais antigos do Pedregal, seu nome originou-se da topográfica do local, com características bastante irregulares, acidentado e com muitas pedras. Sua ocupação pode ser considerada como uma das primeiras grandes áreas de conflito e de luta pela demanda da habitação no município de Campina Grande-PB.
Mostrar mais

33 Ler mais

Educação ambiental: mapeamento dos pontos de resíduos da construção civil de Campina Grande – PB

Educação ambiental: mapeamento dos pontos de resíduos da construção civil de Campina Grande – PB

A indústria da construção civil é uma das maiores geradoras de emprego e renda no país, mas também é uma das maiores produtoras de resíduos sólidos oriundos de demolições e reformas. O crescimento da construção civil no Brasil é notório e se torna bem mais evidente em cidades de porte médio como a cidade de Campina Grande/PB. Neste sentindo este trabalho de pesquisa teve como objetivo registrar e mapear os pontos de descarte inadequados de resíduos provenientes da construção civil e também de demolições da cidade de Campina Grande/PB com o intuito de categorizar os resíduos de acordo com a literatura estudada, avaliar os impactos ambientais ocasionados por tais resíduos promovendo assim uma conscientização indireta dos trabalhadores desta área. O registro dos pontos de descartes inadequados de resíduos sólidos oriundos da construção civil e demolição foi realizado utilizando registros fotográficos, com as visitas realizadas nos bairros de Campina Grande/PB. São de fundamental importância um eficiente gerenciamento dos resíduos sólidos oriundos da construção civil e demolição, pois o descarte em locais inadequados geram impactos ambientais irreversíveis, também a conscientização da população residente na cidade se torna de extrema importância uma vez que a maioria dos pontos de descarte ambiental está localizada em vias publicas e são causados pelos próprios moradores.
Mostrar mais

42 Ler mais

Diagnóstico de gestão das empresas atendidas pelo negócio a negócio (NAN), nas Malvinas, Campina Grande - PB

Diagnóstico de gestão das empresas atendidas pelo negócio a negócio (NAN), nas Malvinas, Campina Grande - PB

Esse atendimento individualizado é especialmente dedicado aos empreendedores que não buscam o SEBRAE e suas soluções, seja por dificuldade de acesso, falta de informação ou por causa do excessivo compromisso com sua empresa, o que dificulta o deslocamento e o contato. Por isso, por meio do programa, o conhecimento acumulado e oferecido pelo SEBRAE chega a um grande número de empresários que, de outra forma, não teriam acesso à solução.

23 Ler mais

Coleta seletiva de lixo e turismo: uma questão de educação ambiental

Coleta seletiva de lixo e turismo: uma questão de educação ambiental

Desta forma, se for considerada a quantia de lixo produzido diaria mente pela população e somá-la ao lixo produzido pelos hospitais, indústrias, escritórios, fazendas e casas comerciais, faz-se um volume de lixo de dimensão tão grande que, disposto inadequadamente, traz inúmeros problemas à população, permitindo a proliferação de vetores (ratos, moscas, mosquitos, baratas), o que traz problemas de saúde pú- blica e de saneamento, com difícil solução a curto prazo (SCHLEDER e ALBUQUERQUE, 1998).

7 Ler mais

Monitoramento físico-químico de um biorreator com resíduos sólidos urbanos em escala piloto na cidade de Campina Grande (PB).

Monitoramento físico-químico de um biorreator com resíduos sólidos urbanos em escala piloto na cidade de Campina Grande (PB).

Após os 223 dias não foi mais possível realizar a coleta para esse nível em virtude da presença de solo nas amostras, devido ao recalque sofrido inicialmente, que consiste na redução do volume da massa de resíduos. Os níveis, intermediário e inferior tiveram pequenas flutuações ao longo do monitoramento do teor de umidade. Isso pode ser justificado pela capacidade de retenção de líquidos que os materiais possuem no decorrer do processo degradativo. Segundo Catapreta e Simões (2008), nos aterros de RSU, os materiais que têm menor capacidade de reten‑ ção podem absorver líquidos da matéria orgânica estabilizando o teor de umidade, o que no biorreator piloto em estudo ficou na faixa de 40 a 60%. Vale salientar que a presença de resíduos orgânicos em decom‑ posição favorece a geração de líquidos lixiviados, os quais podem ficar
Mostrar mais

9 Ler mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA COLETA SELETIVA NO MUNICÍPIO DE BRUSQUE - SC

EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA COLETA SELETIVA NO MUNICÍPIO DE BRUSQUE - SC

Resumo: Em todo planeta o lixo é um dos assuntos mais discutidos, a cada ano que passa o volume de resíduos aumenta e os espaços para destinar os mesmos diminuem. Um modo de minimizar todos os efeitos catastróficos que o lixo causa, é a reciclagem. Boa parte de todo o lixo gerado em casas, indústrias, escolas e comércios são materiais secos e passíveis de serem transformados em novos produtos ou embalagem. E alguns destes novos produtos possuem um alto valor agregado. A política nacional dos resíduos sólidos é um instrumento de auxílio, pois institui as metas que devem ser alcançadas pela União, pelos estados e pe- los municípios. Na cidade de Brusque, a coleta de materiais recicláveis ainda é recente, mas sabe-se que boa parte da população já está fazendo sua parte. O objetivo geral desta pesqui- sa consiste em propor a educação ambiental na coleta seletiva no Município de Brusque, Santa Catarina. Com o intuito de alcançar este objetivo, pretende-se identificar o grau de conhecimento da população brusquense no que diz respeito à separação de resíduos sólidos recicláveis, descrever a situação real da cidade em relação à coleta de material reciclável, mostrando os benefícios da coleta seletiva; e por último, criar uma cartilha a partir dos re- sultados da pesquisa, mostrando a relação entre o custo e o benefício da implantação da coleta seletiva.
Mostrar mais

22 Ler mais

O Centro de Referência da Assistência Social (CRAS): uma análise da implantação da Política Nacional de Assistência Social no CRAS - Malvinas/Campina Grande - PB

O Centro de Referência da Assistência Social (CRAS): uma análise da implantação da Política Nacional de Assistência Social no CRAS - Malvinas/Campina Grande - PB

O bairro das Malvinas está localizado na zona oeste de Campina Grande, PB e é considerado como o mais populoso da cidade, com população superior a 80 mil habitantes. Sua história tem início na década de 1980, quando as casas foram construídas pela CEHAP (Companhia Estadual de Habitação Popular). No término das construções as mesmas não contavam com infraestrutura para serem entregues aos servidores estaduais cadastradas. Em 23 de março de 1983 houve a invasão das casas por pessoas não cadastradas, logo depois o governo municipal da época fez a realização dos cadastros dos moradores que ocuparam aquele local, juntamente com a instalação da rede elétrica, agua e esgotos (WIKIPEDIA, 2012). O CRAS das Malvinas está localizado na Rua das Umburanas, 95, em Campina Grande, PB. Sua criação se deu em Março de 2010 e foi fruto da organização de líderes comunitários por um atendimento mais especializado e descentralizado, além da grande necessidade dos serviços do CRAS no bairro. A unidade conta com profissionais como um coordenador, três assistentes sociais e três psicólogos, com o objetivo de desenvolver projetos, campanhas socioeducativas, cursos de profissionalização e capacitação e palestras, além do atendimento individual e coletivo, orientação e escuta aos usuários.
Mostrar mais

28 Ler mais

Coleta Seletiva do Lixo: uma proposta para o ensino de Matemática em Educação Ambiental

Coleta Seletiva do Lixo: uma proposta para o ensino de Matemática em Educação Ambiental

Este trabalho tem por objetivo realizar o relato de uma experiência diferente realizada com as turmas do Ensino Médio de uma escola estadual situada na cidade São Borja no estado do Rio Grande do Sul, em conjunto com bolsistas do Programa Institucional de bolsas de iniciação à docência – PIBID. O objetivo da atividade foi desenvolver ações sustentáveis com os alunos em relação à coleta seletiva do lixo e sobre a sua importância na preservação do meio ambiente, utilizando essa proposta de educação ambiental para ensinar matemática de maneira contextualizada e aderir aos pressupostos de uma aprendizagem significativa. A prática gerou uma grande mobilização na mobilidade escolar, bem como grandes reflexões sobre a formação docente dos bolsistas. Palavras-Chave: Coleta seletiva do lixo; Formação docente; Matemática.
Mostrar mais

11 Ler mais

Condições de trabalho dos assistentes sociais na proteção social básica no CRAS/Malvinas em Campina Grande - PB

Condições de trabalho dos assistentes sociais na proteção social básica no CRAS/Malvinas em Campina Grande - PB

perda de direitos, de precarização, de exploração, entre outros, decorrentes das reconfigurações no mundo do trabalho que vêm ocorrendo ao longo dos tempos.Essas mudanças são impulsionadas pelo capital, objetivando uma sociedade que se adeque aos moldes de produção, amparada na alienação, na submissão etc. No CRAS/Malvinas as assistentes sociais atualmente veem-se em meio a várias dificuldades decorrentes dessas mudanças como a precarização existente na desregulamentação dos contratos de trabalho, que são temporários e precários; nos baixos salários, fazendo com que as profissionais possuam mais de um vínculo empregatício, aumentando o seu desgaste tanto físico quanto intelectual; na rotatividade do trabalho; na inadequada estrutura física do CRAS; na insuficiência de equipamentos para realização do trabalho, entre outros.
Mostrar mais

40 Ler mais

O bairro de José Pinheiro, Campina Grande-PB: um estudo de sua organização espacial

O bairro de José Pinheiro, Campina Grande-PB: um estudo de sua organização espacial

O trabalho tem como objeto de estudo a organização espacial do Bairro José Pinheiro em Campina Grande-PB, a partir do processo de urbanização do mesmo. Buscando entender o espaço geográfico como resultado da ação humana ao longo de um processo histórico envolvendo questões socioeconômicas, políticas e culturais, sendo esse espaço, marcado por elementos construídos e reconstruídos pela sociedade que o organizou e reorganiza. A análise da organização espacial e da urbanização do bairro José Pinheiro como objeto de estudo, justifica-se, pois o mesmoabriga estabelecimentos comerciais de variados setores, uma vez que, esse já desempenhou a função de centro comercial de Campina Grande e hoje é visto como subcentro. O artigo traz um destaque especial para a rua Campos Sales, a qual é o principal eixo de circulação do bairro, apresentando em sua infraestrutura, elementos antigos que remontama antiga organização espacial do lugar e o rearranjo com novos elementos. O estudo tem como base uma pesquisa bibliográfica relacionada ao objeto de estudo e aos conceitos abordados pela temática, assim como, uma pesquisa de campo, cobertura e análise fotográfica do lugar. Fazendo uso domaterialismo histórico dialético como método essencial para o desenvolvimento da pesquisa e da análise.
Mostrar mais

29 Ler mais

Formação complementar em educação ambiental de graduandos de licenciatura em Ciências Biológicas da Universidade Estadual da Paraíba, Campina Grande-PB

Formação complementar em educação ambiental de graduandos de licenciatura em Ciências Biológicas da Universidade Estadual da Paraíba, Campina Grande-PB

Ressaltamos que a algaroba que inicialmente foi considerada potencialidade (4,35%), no final do processo de formação, não foi citada. Provavelmente devido aos prejuízos que o cultivo da espécie oferece e a valorização das espécies nativas locais que constituem a caatinga. Destacamos também o fato da reciclagem ser apontada na Fase III como potencialidades (11,8%), refletindo o conhecimento construído ao longo deste processo, através do qual os graduandos tiveram oportunidade de conhecer o trabalho dos catadores de materiais recicláveis. Ponderando o aspecto contextualização, na fase III, observamos que as potencialidades apontadas foram mais relacionadas à realidade, na qual os graduandos estavam inseridos, a exemplo do transporte público, turismo, infraestrutura e universidades.
Mostrar mais

87 Ler mais

MOBILIZAÇÃO E IMPLANTAÇÃO DA COLETA SELETIVA NO MUNICÍPIO DE GUANHÃES

MOBILIZAÇÃO E IMPLANTAÇÃO DA COLETA SELETIVA NO MUNICÍPIO DE GUANHÃES

Diante da realidade da grande geração de resíduos, surgiu a urgência de pensar em alternativas que diminuíssem o volume desse material em aterros, pois esse lixo quando descartado de maneira irregular no ambiente, acarreta grandes impactos, pois demora muito tempo para se desintegrar. Assim, surgiu a coleta seletiva e a reciclagem como alternativas para a redução dos resíduos sólidos urbanos e seu tratamento. No presente trabalho realizou-se uma análise baseada em observações e vivências da implantação da coleta seletiva de resíduos no Município de Guanhães - MG. Com isso executou-se um estudo de caso nas ações realizadas para implantação e manutenção da coleta seletiva do ano de 2015 ao ano 2018 e por meio de entrevista direcionada a Associação de Catadores e para alguns funcionários da Prefeitura envolvidos no trabalho, foi possível levantar alguns obstáculos e alternativas para coleta seletiva no município. Pode-se afirmar que a principal dificuldade encontrada na implementação da coleta seletiva é a insuficiência da conscientização por parte da população em separar os resíduos recicláveis. No entanto, para atingir o objetivo com o funcionamento eficaz da coleta seletiva, é necessário também, que todos os setores da prefeitura, empresas, entidades e ONGs participem efetivamente no projeto.
Mostrar mais

30 Ler mais

Implantação da coleta seletiva em um condomínio residencial em Curitiba

Implantação da coleta seletiva em um condomínio residencial em Curitiba

A Lei nº 12.305/10 instituiu a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) que fornece as diretrizes relativas à gestão integrada e ao gerenciamento de resíduos sólidos, às responsabilidades dos geradores e do poder público e aos instrumentos econômicos aplicáveis. A coleta seletiva é o primeiro passo para a reciclagem, permitindo a separação dos materiais na fonte geradora, evitando sua contaminação e consequentemente sua desvalorização. O presente trabalho teve como objetivo implantar a coleta seletiva em um condomínio residencial de Curitiba. Dentre as atividades realizadas destacam-se, um diagnóstico preliminar da composição gravimétrica dos resíduos sólidos gerados pelo condomínio, avaliação do entendimento dos moradores sobre o tema “Coleta Seletiva” por meio de reuniões e um questionário estruturado, reuniões com funcionários e condôminos, a elaboração de material gráfico explicativo, promoção de atividades de educação ambiental com os moradores, orientação dos funcionários do condomínio, busca por parcerias com catadores de materiais recicláveis, aumento do número de pontos de coleta de resíduos sólidos dentro do condomínio foram avaliados pelo monitoramento dos pontos de coleta seletiva. O questionário teve uma taxa de retorno de 30,2% dos questionários respondidos, onde verificou-se que o perfil dos respondentes foram 68,4% mulheres, com idade superior a 51 anos e com escolarização superior ao ensino médio, com renda superior a 5 salários mínimos. Apesar de 100% dos entrevistados responderem saber diferenciar resíduos orgânicos de resíduos recicláveis, em média 46% do material depositado nos coletores de resíduos comuns do condomínio corresponde a recicláveis. Após as ações de sensibilização com os moradores e com as crianças do condomínio, verificou-se melhora no descarte de alguns materiais recicláveis, tais como o vidro, plástico e resíduos perigosos que não foram encontrados em duas das três análises realizadas.
Mostrar mais

53 Ler mais

Educação ambiental nas séries iniciais: sensibilização da necessidade da coleta seletiva

Educação ambiental nas séries iniciais: sensibilização da necessidade da coleta seletiva

A atual forma de gestão e de educação da sociedade mundial, o aumento populacional, a exploração inadequada dos recursos naturais, além da demanda cada vez maior por novas tecnologias e a construção de uma sociedade descartista e sem consciência ambiental, são os principais causadores do aumento gigantesco de resíduos sólidos. Como em sua maioria tais resíduos não têm a correta destinação (aterros sanitários e reciclagem), estão sendo lançados indevidamente diretos ao meio ambiente (natural e artificial), além da falta de informação sobre a necessidade da separação de tais resíduos e a sua fonte econômica. O presente trabalho foi realizado com alunos do sétimo ano do ensino fundamental, para que estes possam ser uma base para sensibilizar a sociedade na qual eles estão inseridos sobre a importância da reciclagem dos seus resíduos. Foram realizadas oficinas nas quais buscou mostrar aos alunos que a solução para o meio ambiente é uma educação ambiental de forma efetiva, onde as pessoas não sejam meras espectadoras, mas sim participantes de uma nova sociedade. Os alunos demonstraram muito interesse e motivação a ajudar na sensibilização de outras pessoas a respeito da reciclagem.
Mostrar mais

53 Ler mais

Show all 10000 documents...

temas relacionados