Top PDF Gerenciamento de resíduos sólidos urbanos: estudo de caso no município de Pato Branco – PR

Gerenciamento de resíduos sólidos urbanos: estudo de caso no município de Pato Branco – PR

Gerenciamento de resíduos sólidos urbanos: estudo de caso no município de Pato Branco – PR

O gerenciamento de resíduos sólidos é um tema muito abordado atualmente, isto se deve ao fato de haver um aumento significativo de produção dos resíduos sólidos que, ao serem dispostos inadequadamente, são fontes poluidoras do ar, solo e águas. A necessidade de gerir de forma adequada os resíduos sólidos urbanos evoluiu de forma rápida e progressivamente, tornando-se um desafio para a sociedade e para a administração pública. No intuito de contribuir para o debate, a presente dissertação teve como objetivo analisar a gestão de resíduos sólidos urbanos adotado pelo município de Pato BrancoPR e sua adequação à legislação vigente. Este trabalho teve como base metodológica um estudo de caso empregando-se técnicas de coleta de dados. Considerando os resultados obtidos através de visitação e observação, entrevistas e questionários, torna-se possível verificar qual a situação da implementação da legislação vigente, principalmente a Política Nacional de Resíduos Sólidos (Lei nº 12.305/2010). Apesar de se identificarem avanços importantes no município estudado, principalmente na coleta dos resíduos sólidos e na destinação em aterro sanitário, verificam-se ainda duas questões pendentes, que referem-se a remediação do passivo ambiental do antigo aterro e realização da compostagem dos resíduos orgânico. Pontua-se portanto, que o avanço no gerenciamento dos resíduos sólidos está atrelado a aplicação de políticas pública adequadas e ao compartilhamento das responsabilidades entre todos os atores envolvidos.
Mostrar mais

151 Ler mais

Gerenciamento de resíduos sólidos recicláveis: estudo de caso das cooperativas do município de Natal/RN

Gerenciamento de resíduos sólidos recicláveis: estudo de caso das cooperativas do município de Natal/RN

A presente dissertação realizou, nos anos de 2011 e 2012, uma análise das cooperativas de catadores de materiais recicláveis da cidade de Natal, Rio Grande do Norte, tendo como objetivo identificar melhorias a serem implementadas para auxiliar o gerenciamento dos resíduos do município, bem como para a melhoria das condições de vida dos trabalhadores que realizam a coleta seletiva, na perspectiva socioambiental. Tal análise realizou-se por meio de uma investigação da realidade na qual vivem as cooperativas e de sua representatividade local, utilizando-se também da legislação vigente. A pesquisa caracteriza-se como um estudo de caso de natureza aplicada; documental, com consultas às instituições relacionadas à questão dos resíduos sólidos nos cenário nacional e local; exploratória e descritiva, tendo como principais instrumentos metodológicos visitas técnicas e entrevistas semiestruturadas. A partir dos referidos métodos foi possível obter dados referentes à organização das cooperativas, percepção ambiental do catador de materiais recicláveis, entre outras questões. Para a análise dos dados foram utilizadas matrizes de inclusão de comentários e o método GUT, a partir dos quais foi possível identificar inúmeras dificuldades enfrentadas pelas cooperativas de catadores, além de elaborar propostas de possíveis melhorias em diversos aspectos de seu funcionamento, como infraestrutura e processo produtivo, as quais possam aprimorar tanto a gestão dos resíduos, quanto a qualidade de vida dos trabalhadores envolvidos no sistema de coleta seletiva municipal.
Mostrar mais

245 Ler mais

Análise do sistema de gestão de resíduos da construção civil: estudo de caso no município de Pato Branco - PR

Análise do sistema de gestão de resíduos da construção civil: estudo de caso no município de Pato Branco - PR

Mesmo com normas e legislações vigentes e em constante atualização com a intenção de minimizar os impactos gerados pelas fontes poluidoras do sistema construtivo, o gerenciamento de RCC atualmente é deficiente. Este trabalho teve objetivo realizar uma análise do sistema de gerenciamento de resíduos da construção civil, no Município de Pato BrancoPR, verificando a situação de coleta, transporte e destinação final. Dando destaque ao desenvolvimento de um checklist avaliando-se 31 itens, a partir das diretrizes de implantação e operação das áreas de transbordo, triagem, aterro e reciclagem referentes às NBR’s 15112/2004, 15113/2004 e 15114/2004 envolvidas no processo de deposição final que serviram de auxílio para obtenção dos resultados, como também a produção de um mapeamento das áreas de deposição de RCC visitadas. Como viabilidade da aplicação do checklist, fez-se uma averiguação das áreas de reciclagem, propondo então uma tabela sintetizada com itens relevantes ao estudo de caso. Fez-se ainda uma revisão bibliográfica das ocorrências de perdas nos canteiros de obras, associando-se as obras visitadas ao decorrer do trabalho. Utilizando da metodologia de Ângulo et al. (2011) com algumas adaptações, obteve-se o quantitativo da geração de resíduos da construção e também demolição, por dois métodos direto e indireto, podendo ser observado a discrepância dos resultados.
Mostrar mais

93 Ler mais

Viabilidade na implantação de casas do Programa Minha Casa Minha Vida: um estudo de caso no município de Pato Branco - PR

Viabilidade na implantação de casas do Programa Minha Casa Minha Vida: um estudo de caso no município de Pato Branco - PR

This paper presents an investigation about possible construction locations for isolated unit houses framed in the Minha Casa Minha Vida Program into the Pato Branco City. Three houses dimensions were defined to be implemented in four different sizes fractions of land, performing twelve combinations for analysis. The project total cost evaluation’s was made by the evolutionary method described in NBR 14653-2, being used the price per square meter of building sit as a dependent variable. Samples of this variable were studied in some city neighborhoods by the t-student statistical analysis using 95% grade of reliability for the confidence intervals. For fourteen of the fifteen analyzed neighborhoods, at least one kind of combination studied was noticed as possible for construction. The estimate viable locations showed results distributed in all regions of the county, except for the central region, and mostly located in the Southern region.
Mostrar mais

105 Ler mais

A GESTÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS: UM ESTUDO DE CASO NO MUNICÍPIO DE GUARATINGUETÁ

A GESTÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS: UM ESTUDO DE CASO NO MUNICÍPIO DE GUARATINGUETÁ

A Resolução CONAMA nº 005/1993 define resíduos sólidos como: resíduos nos estados sólido e semissólido que resultam de ativida- des de origem industrial, doméstica, hospitalar, comercial, agrícola e de serviços de varrição. Ficam incluídos nesta definição os lodos provenientes de sistemas de tratamento de água, aqueles gerados em equipamentos e instalações de controle de poluição, bem como determinados líquidos cujas particularidades tornem inviável o seu lançamento na rede pública de esgotos ou corpo de água, ou exijam para isso soluções técnica e economicamente inviáveis em face à melhor tecnologia disponível.
Mostrar mais

30 Ler mais

Análise de alternativas para minimização de impactos no gerenciamento de resíduos sólidos urbanos : estudo de caso no Distrito Federal

Análise de alternativas para minimização de impactos no gerenciamento de resíduos sólidos urbanos : estudo de caso no Distrito Federal

Verifica-se que o atual fluxo de RSD no DF segue a direção do eixo nordeste-sudoeste (Figura 6.3), de forma que os resíduos coletados são encaminhados para as unidades de transbordo ou de TMB e os rejeitos encaminhados para o ASB. Observa-se também que as principais potenciais consumidoras de CDR – as cimenteiras – se localizam na região nordeste do DF, na RA Fercal (Figura 6.4). Nesse sentido, em caso de ser consolidada a produção de CDR, recomenda-se a realização de estudos para otimização do fluxo de resíduos sólidos no Distrito Federal, com vistas a otimizar a distribuição espacial das unidades operacionais de gerenciamento de RSD, diminuindo os impactos ambientais decorrentes do transporte e proporcionando uma logística operacional mais adequada, em função dos processos de tratamento e valorização realizados.
Mostrar mais

106 Ler mais

Diagnóstico e proposição de melhorias no sistema de gerenciamento de resíduos sólidos urbanos do município de Serranópolis Do Iguaçu – PR

Diagnóstico e proposição de melhorias no sistema de gerenciamento de resíduos sólidos urbanos do município de Serranópolis Do Iguaçu – PR

Tendo em vista que as questões ambientais tornam-se a cada dia mais preocupantes para as gestões púbicas, deste modo este trabalho objetivou realizar um diagnóstico no sistema de gerenciamento de resíduos sólidos urbanos no município de Serranópolis do Iguaçu - PR. Assim como, sugerir melhorias, considerando-se que se trata de um município de pequeno porte, onde as problemáticas ambientais ainda podem ser trabalhadas com mais especificidade e acompanhamento constante da gestão pública, podendo-se estudar e elaborar formas de prevenção de futuros impactos ambientais. Para tanto, elaborou-se um estudo bibliográfico consistente das variadas questões ligadas aos resíduos sólidos do município, com levantamentos de dados e estatísticas futuras, e posterior análise crítica necessária para elaboração das proposições de melhorias que poderiam ser incrementadas nos serviços, além de métodos e formas de gerenciamento dos resíduos sólidos urbanos. Adotou-se o procedimento de pesquisa em vários artigos científicos, livros e conversas com profissionais da área para o levantamento de dados, além da pesquisa quali quantitativa realizada com um número significativo da população serranopolitana. Assim sendo, foram abordados neste trabalho as definições pertinentes, a forma de gerenciamento de resíduos sólidos, os aspectos jurídicos, econômicos, sociais e ambientais ligados a esta problemática, a percepção da população e perspectivas futuras. A fim de propor melhorias para o gerenciamento de resíduos sólidos municipais, recomenda-se uma gradativa evolução nas questões ambientais, buscando-se encontrar uma maneira saudável de desenvolvimento.
Mostrar mais

103 Ler mais

Análise do gerenciamento de resíduos sólidos urbanos no município de Canápolis - MG

Análise do gerenciamento de resíduos sólidos urbanos no município de Canápolis - MG

A montante da captação, o córrego do Cerrado encontra-se relativamente bem protegido por matas de galeria fechadas e bem preservadas. A manutenção destas matas ciliares é fundamental para evitar a degradação da qualidade da água bruta retirada na captação, haja vista que setores externos à Área de Preservação Permanente (APP) têm solo predominantemente ocupado por atividades agrícolas, além da ocupação urbana na margem direita deste curso de água. Diante deste cenário, a APP possui um importante papel na contenção da poluição difusa. A proximidade das nascentes do córrego do Cerrado com a rodovia BR-153, importante eixo de ligação do Triângulo Mineiro e do estado de São Paulo com o sul do estado de Goiás e com a própria capital goiana, introduz um foco de vulnerabilidade deste corpo hídrico (CIDES, 2016). A Figura 9 ilustra o trecho do córrego do Cerrado situado a montante da captação de água de Canápolis. Verifica-se que as referidas nascentes surgem a partir de 200 m da rodovia. De acordo com o Plano Municipal de Saneamento Básico de Canápolis - PMSB, neste caso, há riscos de que eventuais acidentes com derramamento de cargas perigosas possam poluir e, em casos mais críticos, contaminar temporariamente o manancial.
Mostrar mais

67 Ler mais

Gerenciamento de resíduos sólidos - Estudo de caso.

Gerenciamento de resíduos sólidos - Estudo de caso.

A prestação de serviços públicos de coleta, tratamento e destino final dos resíduos sólidos tem sido um dos maiores desafios para os tomadores de decisão visto que o gerenciamento dos processos e a insatisfação da sociedade, assim como opiniões divergentes no processo de decisão. Diante disso, torna-se necessário desenvolver metodologias que tenham como objetivo melhorias na tomada de decisão dos processos inerentes a gestão dos resíduos sólidos urbanos. Nesse sentido, o trabalho pretende apontar um modelo de gerenciamento a partir da percepção dos tomadores de decisão dos resíduos sólidos urbanos (RSU) no município do Crato, sendo uma pesquisa de natureza exploratória e descritiva. Através dos resultados obtidos pode-se considerar que modelo proposto foi avaliado utilizando dados de 26 critérios essenciais para a área de RSU. Considerando a sua importância, em cada atributo existente, pode-se concluir que o Modelo Multicritério Macbeth atingiu bons resultados mostrando sua eficiência fazendo a melhor análise de decisão, tendo como input a visão do tomador de decisão local. Assim, se considerou apropriada e eficiente à utilização da ferramenta aqui proposta para auxiliar na tomada de decisão, pelo fato de seus resultados serem precisos e condizentes com a situação analisada no trabalho.
Mostrar mais

6 Ler mais

Gerenciamento de Resíduos Sólidos Urbanos Domiciliares: Análise do Atual Cenário no Município de Florianópolis

Gerenciamento de Resíduos Sólidos Urbanos Domiciliares: Análise do Atual Cenário no Município de Florianópolis

As inovações e o rápido desenvolvimento econômico têm tornado o ciclo de vida útil dos produtos cada vez menor, aumentando a quantidade de bens de pós-consumo que são lançados na natureza. A Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) do Brasil tem como objetivo promover a gestão integrada e o gerenciamento dos resíduos sólidos e, assim, assegurar um destino final ambientalmente adequado aos bens produzidos e que se encontram no final de sua vida útil. Nesse contexto, o artigo tem como objetivo analisar o atual cenário do gerenciamento de resíduos sólidos urbanos domiciliares no município de Florianópolis. A pesquisa foi realizada, principalmente, na empresa Companhia Melhoramentos da Capital (COMCAP) e caracteriza-se como estudo de caso qualitativo, com ênfase na descrição. Os dados primários foram coletados por meio de entrevistas. As entrevistas foram realizadas com quatro representantes da empresa e um representante da sociedade civil. Com base nos dados obtidos observou-se que, apesar de atender a mais de 90% da população, é pouco eficiente, já que as taxas de reciclagem são baixas. Além disso, há poucas opções para tratamento e destinação final dos resíduos e a estrutura operacional, de acordo com o referencial teórico adotado, apresenta deficiências.
Mostrar mais

17 Ler mais

Gerenciamento de resíduos sólidos urbanos: panorama da coleta seletiva no município de Concórdia - SC

Gerenciamento de resíduos sólidos urbanos: panorama da coleta seletiva no município de Concórdia - SC

Este estudo tem como tema o gerenciamento da coleta de resíduos sólidos domésticos, no município de Concórdia, situado no Estado de Santa Catarina. A questão a ser estabelecida é: como a população está se desfazendo de seus resíduos domésticos e como a coleta destes está acontecendo no município? Não será feito referencia aos resíduos líquidos ou gasosos, mas, somente aos sólidos, resultantes de atividades meramente domésticas e que estão diretamente interligados aos aspectos socioeconômicos do município não podendo ser ignorado em qualquer proposta de desenvolvimento sustentado do mesmo.
Mostrar mais

32 Ler mais

ANÁLISE DE SISTEMAS DE GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS PARA MUNICÍPIO DE PEQUENO PORTE

ANÁLISE DE SISTEMAS DE GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS PARA MUNICÍPIO DE PEQUENO PORTE

A composição física do lixo é obtida pela determinação do porcentual de seus componentes mais comuns, tais como vidro, plástico, metais, etc.. Neste sentido, através da pesquisa de campo na área objeto de estudo, Adamantina, a investigação ocorreu, a priori, através de questionamentos verbais, os quais não estavam apoiados em questionários formais, junto aos Sucateiros, Empresas Privadas responsáveis por coleta de resíduos, Garis, funcionários e o Administrador da Usina de lixo de Adamantina, resultando na identificação do volume de cada resíduo gerado mensalmente na área urbana do município.
Mostrar mais

12 Ler mais

Diagnóstico sobre o gerenciamento dos resíduos sólidos urbanos no município de Peritiba - SC

Diagnóstico sobre o gerenciamento dos resíduos sólidos urbanos no município de Peritiba - SC

A presente pesquisa teve como propósito a realização de um diagnóstico sobre o gerenciamento dos resíduos sólidos urbanos (RSU) no município de Peritiba/SC. O crescente aumento populacional traz consigo a necessidade de produção e consumo cada vez maior. Paralelo a isso vem a problemática da geração de resíduos, principalmente dos RSU. Esses resíduos, se dispostos inadequadamente trazem muitos prejuízos ao meio ambiente e aos que nele estão inseridos, como contaminação atmosférica, de recursos hídricos e dos solos, disseminação de vetores e doenças, dentre outros problemas que se agravam a cada dia. Na atualidade, a preocupação com a manutenção das condições do meio ambiente e das gerações futuras são assuntos de foco mundial, pois vários fenômenos até então inexistentes começaram a aparecer e se intensificar, como o aquecimento global, os ciclones, terremotos, etc. Durante a pesquisa analisou-se quali- quantitativamente a geração e o perfil do sistema de gerenciamento, como também foram apresentadas propostas e medidas de melhoria e/ou adequações. O levantamento das informações, através da observação a campo e dos processos e de entrevistas orais semiestruturadas resultaram em dados e informações sobre o manejo dos RSU envolvendo a coleta, abrangência e roteiro da coleta, tipo de resíduo coletado e quantidade, acondicionamento, transporte, triagem, destinação e forma de gerenciamento dos resíduos por parte da população. Foram acompanhadas as atividades e processos desenvolvidos pela empresa responsável pela coleta dos rejeitos e resíduos orgânicos e também atividades desenvolvidas pelo catador autônomo responsável pela coleta seletiva de materiais recicláveis. Através da realização da pesquisa e análise dos dados, pode-se concluir que a população urbana do município de Peritiba - SC, objeto de estudo, produz 38.000 kg de RSU/mês, isto é, 0,855 kg/habitante/dia, estando acima da média nacional que estipula 0,500 kg/habitante/dia, para cidades com até 30.000 habitantes. O perfil do sistema de gerenciamento dos RSU do município de Peritiba/SC apresenta um cenário distinto entre o poder público e a população, pois o layout do sistema de gerenciamento está coerente com o perfil do município, porém a geração é elevada e a segregação ainda não ocorre de forma correta. O manejo dos RSU por parte da empresa coletora e do catador autônomo atende as necessidades e exigências do município em todas as etapas do processo, mas há uma lacuna referente à grande produção destes resíduos, que atualmente está acima da média nacional.
Mostrar mais

60 Ler mais

A reciclagem dos resíduos sólidos urbanos: um estudo de caso

A reciclagem dos resíduos sólidos urbanos: um estudo de caso

Existem três escolas estaduais de 1º grau atendendo cerca de 2.000 alunos. Além de cursinhos de datilografia e digitação, a única possibilidade de instrução profissionalizante está na recém criada Escola de Educação Profissional Dom Fernando, mantida pela Sociedade Goiana de Cultura. Existem algumas creches e escolas particulares e/ou filantrópicas dentre as quais se destaca a “Creche Mãe Dolorosa” que fica na Vila Matilde. A chácara que abriga a creche faz limite com a área do projeto, com trabalho abrangente e quadro profissional e que atende cerca de 300 crianças e adolescentes, das quais a maioria reside nos setores em questão. O atendimento à saúde se restringe a um pequeno posto ligado à Associação dos Moradores do Jardim das Aroeiras. A auto-medicação é costume altamente arraigado e a utilização de remédios caseiros e a fitoterapia tem sido um caminho cada vez mais utilizado pelos moradores na busca de saúde. O hospital público mais próximo é o Hospital das Clínicas, a cerca de 8 km, além do CAIS situado no Parque das Amendoeiras, setor vizinho, que atende até o município de Senador Canedo (30 km).
Mostrar mais

157 Ler mais

Conhecimento e participação da comunidade no sistema de gerenciamento de resíduos sólidos urbanos: o caso de Marechal Cândido Rondon - PR

Conhecimento e participação da comunidade no sistema de gerenciamento de resíduos sólidos urbanos: o caso de Marechal Cândido Rondon - PR

Não é uma tarefa fácil definir lixo urbano, pois sua origem e formação estão ligadas a inúmeros fatores, tais como: variações sazonais, condições climáticas, hábitos e costumes, variações na economia etc. Assim, a identificação desses fatores é uma tarefa muito complexa e somente um intenso estudo, ao longo de muitos anos, poderia revelar informações mais precisas no que se refere à origem e formação do lixo no meio urbano. Entretanto, é comum definir como lixo todo e qualquer resíduo que resulte das atividades diárias do homem na sociedade. Estes resíduos compõem-se basicamente de sobras de alimentos, papéis, papelões, plásticos, trapos, couros, madeira, latas, vidros, lama, gases, vapores, poeiras, sabões, detergentes e outras substâncias descartadas pelo homem no meio ambiente (LIMA, 1991, p. 11).
Mostrar mais

116 Ler mais

Diagnóstico do gerenciamento dos resíduos sólidos no município de Missal - PR

Diagnóstico do gerenciamento dos resíduos sólidos no município de Missal - PR

O diagnóstico do gerenciamento de resíduos sólidos possibilita a identificação das fontes geradoras e como estas estão manejando seus resíduos. Neste contexto, o objetivo do presente estudo foi realizar um diagnóstico sobre o gerenciamento dos resíduos sólidos gerados no município, bem como o levantamento de dados quali- quantitativos sobre as fontes geradoras dos resíduos sólidos e analisar como se encontra o perfil atual. O estudo foi realizado no Município de Missal localizado no oeste do Paraná. Foi realizado o levantamento das fontes geradoras que contemplam o sistema de logística reversa (LR), resíduos sólidos urbanos (RSU), e resíduos de construção civil (RCC), por se tratarem de resíduos onde cabe ao município realizar a destinação e disposição final. Levantaram-se as fontes geradoras desses resíduos por meio de questionários. Utilizou-se a composição gravimétrica por meio do método de quarteamento no intuito de verificar a eficiência da coleta seletiva do município. Verificaram-se ainda os dados quali-quantitativos registrados pela prefeitura quanto aos RCC. Ao realizar os questionários pode-se identificar que grande parte das empresas realiza o controle de geração, orientações ao consumidor, armazenamento, destinação e disposição final dos resíduos gerados corretamente. Ao realizar o método de quarteamento foi possível identificar que ainda existe grande quantidade de resíduos recicláveis sendo acondicionado no aterro controlado, o que indica que a coleta seletiva necessita de melhorias. Os resíduos de construção civil são coletados pela prefeitura e esta realiza a disposição final dos mesmos, sendo que, os que se enquadram na Classe B, com base na Resolução CONAMA 307/2002, são reciclados pela associação de catadores do município. Ao final do estudo, observou-se de modo geral, o que no município de Missal as empresas e o poder público vêm representando um bom papel quanto ao gerenciamento de seus resíduos, pois realiza a coleta, destinação e disposição de seus resíduos.
Mostrar mais

76 Ler mais

Diagnóstico e proposição de diretrizes para o gerenciamento de resíduos sólidos urbanos no município de Matelândia - PR

Diagnóstico e proposição de diretrizes para o gerenciamento de resíduos sólidos urbanos no município de Matelândia - PR

Os resíduos ganham destaque como um grave problema contemporâneo, uma vez que, a gestão inadequada gera diretamente impactos importantes, tanto ambientais, quanto na saúde pública. Desta forma, o objetivo deste estudo foi diagnosticar e propor diretrizes para o gerenciamento de resíduos sólidos urbanos no Município de Matelândia, Paraná. O diagnóstico comtemplou a levantamento quali-quantitativo dos resíduos sólidos urbanos gerados no município, avaliação das condições ambientais da associação de catadores do município e aterro sanitário e percepção ambiental dos munícipes. Desta forma a metodologia do presente estudo se deu por meio de quarteamento dos resíduos destinados ao aterro sanitário, aplicação de índices para avaliação das condições ambientais e aplicação de questionários aos munícipes. A pesquisa foi realizada no período compreendido entre os meses de janeiro a março de 2015. Os resultados do diagnóstico permitiram caracterizar a coleta regular de resíduos e a coleta seletiva, além de identificar problemas quanto a associação de catadores de materiais recicláveis. O Índice de Coleta seletiva demostrou que a associação é operada em condições inadequadas. A quantificação da geração de resíduos sólidos domiciliares permitiu identificar na infraestrutura física e operacional que no município são gerados 0,334 Kg/hab.dia. Calculou-se o Índice de Aterro de Resíduos e por meio deste pode-se afirmar que o aterro é operado de forma inadequada. Observou-se ainda que além das falhas operacionais no aterro sanitário recebe resíduos industriais e comerciais. A análise da percepção ambiental mostrou que 66% dos munícipes desconhecem a disposição final dada aos resíduos. A caracterização da postura adotada pelos munícipes sobre o tema resíduos sólidos revelou que, segundo os entrevistados, grande maioria da população realiza a segregação dos resíduos recicláveis. Os objetivos, programas, ações, indicadores e metas foram propostos com base no diagnóstico realizado, sendo estes referentes a regularização dos cronogramas de coleta convencional e seletiva, adequação da infraestrutura e operação do aterro sanitário, cadastramento dos grandes geradores de resíduos do município e melhoria das condições de trabalho dos colaboradores da associação de catadores de resíduos recicláveis. O município de Matelândia carece de infraestrutura operacional e pessoal específicos para o manejo dos resíduos sólidos, gerando assim diversas falhas no sistema de gerenciamento. De maneira geral o presente estudo pode ser visto como uma ferramenta para o progresso nas condições do gerenciamento dos resíduos sólidos urbanos no município de Matelândia, apontando aspectos a serem melhorados.
Mostrar mais

87 Ler mais

Gestão dos resíduos sólidos urbanos no município de Peabiru – PR

Gestão dos resíduos sólidos urbanos no município de Peabiru – PR

A disposição dos resíduos sólidos de forma inadequada certamente é responsável por acarretar impactos ambientais negativos em várias esferas, além de ocasionar problemas relacionados à geração de passivos ambientais como multas, embargos e interdições. Diante dessa problemática, é evidente a necessidade de se promover uma gestão adequada dos resíduos sólidos, objetivando prevenir ou reduzir os efeitos negativos sobre o meio ambiente e os riscos para a saúde humana. Diante desse contexto, o presente estudo de caso analisou a gestão dos resíduos sólidos urbanos no Município de Peabiru- PR. Sendo assim, evidenciou-se no estudo que o município deve continuar com o processo de adequação da gestão dos resíduos sólidos urbanos, direcionando recursos para implantação e execução dos projetos de acordo com as recomendações técnicas e legislações ambientais vigentes.
Mostrar mais

40 Ler mais

Diagnóstico do gerenciamento dos resíduos sólidos urbanos do município de Mandaguaçu - PR

Diagnóstico do gerenciamento dos resíduos sólidos urbanos do município de Mandaguaçu - PR

No Distrito de Pulinópolis, onde a população é de baixa renda e a maioria das casas estão em situação irregular, pois não possuem a escritura do imóvel, os outros bairros ficam em uma das zonas mais antigas e consolidadas da cidade e, portanto, de grande aglomeração populacional. São bairros que, no total, somam aproximadamente 2260 casas, com lotes variando entre 150 m² e 400 m² que possuem aproximadamente 7040 habitantes que geram em torno de 5,44 t/dia de RSU coletados pelo caminhão da coleta convencional. A análise gravimétrica deste setor (Figura 18) mostrou que, na média dos três ensaios, 18% são materiais plásticos; 31% papel/papelão; 7% metal, 13% vidro e 31% de rejeito. A quantidade de matéria orgânica que chega na COREMAN não foi significativa para ser considerada neste estudo.
Mostrar mais

52 Ler mais

CARACTERIZAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS DO MUNICÍPIO DE PATO BRANCO, PR

CARACTERIZAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS DO MUNICÍPIO DE PATO BRANCO, PR

Tendo em vista que a atual disposição final dos resíduos sólidos coletados (doméstico, comercial, de serviços e de varrição e limpeza pública) no município de Pato Branco é realizada em um lixão, há necessidade de elaborar-se um projeto de aterro sanitário e de um plano de gerenciamento integrado dos resíduos que assegurem a viabilidade técnica e o adequado tratamento. Para executar esses estudos deve-se, inicialmente, caracterizar os resíduos sólidos lançados no lixão, determinando a composição física dos resíduos produzidos pela população, passando, então, para a localização de uma área adequada à construção de um aterro sanitário.
Mostrar mais

11 Ler mais

Show all 10000 documents...

temas relacionados