Top PDF Lipoenxertia autóloga no tratamento da atrofia hemifacial progressiva (síndrome de Parry-Romberg): relato de caso e revisão da literatura.

Lipoenxertia autóloga no tratamento da atrofia hemifacial progressiva (síndrome de Parry-Romberg): relato de caso e revisão da literatura.

Lipoenxertia autóloga no tratamento da atrofia hemifacial progressiva (síndrome de Parry-Romberg): relato de caso e revisão da literatura.

Resumo: A Síndrome de Parry-Romberg, também conhecida como atrofia hemifacial progressiva, é uma doença rara caracterizada por lenta e progressiva atrofia de hemiface. O tratamento ofertado para a sín- drome, geralmente, visa melhorar o aspecto estético. Os enxertos gordurosos, as injeções de silicone ou as próteses de acrílico são alternativas sugeridas para correção da atrofia facial. Atualmente, a técnica recomen- dada para correção da atrofia facial é cirurgia dermatológica cosmética com lipoenxertia autóloga. O objeti- vo deste estudo é relatar um caso de SPR e demonstrar que a cirurgia dermatológica pode aliviar danos sérios à anatomia do paciente, a partir da discussão dos aspectos terapêuticos da síndrome, com ênfase na lipoenxertia autóloga.
Mostrar mais

4 Ler mais

Tratamento cirúrgico de pseudoaneurisma de artéria isquiática: relato de caso e revisão da literatura.

Tratamento cirúrgico de pseudoaneurisma de artéria isquiática: relato de caso e revisão da literatura.

A persistência da artéria isquiática é uma rara variação anatômica, com poucos casos descritos na literatura, manifestando-se por formação de aneurisma, massa pulsátil em glúteo, isquemia aguda ou crônica de membro inferior e compressão de nervo isquiático. O diagnóstico é conirmado com exames de imagem: mapeamento duplex, angiotomograia e angiorressonância magnética. O tratamento é indicado nos casos sintomáticos ou quando há formação de aneurisma, realizado através de ligadura ou embolização por via endovascular, sendo necessário a revascularização do membro nos casos em que a artéria isquiática é a principal responsável pelo suprimento sangüíneo do membro. Apresentamos o caso de uma paciente do sexo feminino, 43 anos, com pseudoaneurisma de artéria isquiática conirmada por mapeamento duplex e angiorressonância magnética, com quadro de neuropatia isquiática por compressão nervosa e dor local. A paciente foi submetida à exploração cirúrgica com ligadura da artéria isquiática e remoção dos trombos. No seguimento de 12 meses, apresentou importante melhora da dor e realizou isioterapia motora para recuperação das funções neurológicas do membro.
Mostrar mais

5 Ler mais

Tratamento artroscópico da osteocondromatose sinovial do cotovelo. Relato de caso e revisão da literatura.

Tratamento artroscópico da osteocondromatose sinovial do cotovelo. Relato de caso e revisão da literatura.

um caso de osteocondromatose sinovial no joelho, mostra- ram com um seguimento de oito meses um ótimo resultado. Esses autores alertaram para o diagnóstico diferencial com sinovite vilonodular pigmentada e que muitas vezes em um exame radiográfico padrão o diagnóstico pode passar des- percebido, haja vista que os corpos livres podem ser não calcificados. Polesello et al. 18 relataram o resultado do trata-

6 Ler mais

Tratamento cirúrgico da fratura do osso frontal: revisão da literatura e relato de caso

Tratamento cirúrgico da fratura do osso frontal: revisão da literatura e relato de caso

Fraturas da parede anterior do seio frontal sem envolvimento da parede posterior ou de injuria do ducto nasofrontal podem ser reconstruídas e, fixadas rigidamente com miniplacas e parafusos. Enxertos ósseos podem, também, ser utilizados quando houver cominução excessiva ou perda óssea. Fraturas da parede posterior necessitam ser reposicionas ou removidas (cranialização). A cranialização deve ser especialmente realizada quando houver cominução da parede posterior, lesão da dura-máter e drenagem de líquor (FREIHOFER; BRUASSET, 1984; LUCE, 1987; GODIN; MILLER, 1988; WILSON; DAVIDSON; COREY et al., 1988; IONNIDES; HELLER; JACOBS et al., 1989; RORICH; HOLLIER, 1992 e GONTY; MARCIANI; ADORNATO, 1999). A obliteração do seio frontal é realizada quando houver injúria do ducto nasofrontal onde não é possível a canulização. Essa técnica pode ser utilizada também em fraturas da parede posterior, principalmente sem grandes deslocamentos ou cominução. No presente caso devido á integridade da cortical interna e da conferência da drenagem funcional do seio frontal, realizou-se a reconstrução da cortical externa com miniplacas e parafusos de titânio.
Mostrar mais

50 Ler mais

Tratamento do câncer colorretal em idosos extremos: relato de caso e revisão da literatura.

Tratamento do câncer colorretal em idosos extremos: relato de caso e revisão da literatura.

De acordo com a literatura, em pacientes selecio- nados com mais de 75 anos, a cirurgia colorretal eletiva para CaCR pode ser realizada com morbimortalidade semelhante à reportada para pacientes jovens, com so- brevidas geral e livre de doença favoráveis. Comorbi- dades isoladas não deinem o prognóstico e nem con- traindicam o procedimento; contudo, um bom preparo pré-operatório, uma boa técnica cirúrgica e anestésica, associadas a cuidados pós-operatórios adequados, pos- sibilitam bons resultados. A cirurgia laparoscópica e a reabilitação pós-operatória acelerada multimodal não só são viáveis, como favorecem estes pacientes. Por im, a cirurgia ainda é a única maneira de curar o CaCR, e a indicação para tratamento quimioterápico é semelhante à indicação de pacientes mais jovens.
Mostrar mais

6 Ler mais

Leiomiossarcoma perineal: relato de caso e revisão da literatura.

Leiomiossarcoma perineal: relato de caso e revisão da literatura.

RESUMO: Lemiossarcomas são neoplasias malignas que se originam no músculo liso. Quando presentes na região perineal são agressivos e o tratamento cirúrgico mais adequado ainda não está bem definido. Os autores relatam o caso de uma paciente jovem, sexo feminino, com sintomatologia de nodulação perineal há oito meses. Ao exame físico apresentava abaulamento em região perineal esquerda, onde palpava-se massa fibroelástica de aproximadamente 10 cm de diâmetro. Ressonância nuclear magnética mostrava volumosa formação sólida de contornos regulares em região perineal à esquerda sem sinais de infiltração perilesional. O tratamento realizado foi a excisão com margens amplas. A paciente encontra-se em acompanhamento ambulatorial, sem sinais de recidiva local.
Mostrar mais

4 Ler mais

Câncer de reto durante gestação: relato de caso e revisão da literatura.

Câncer de reto durante gestação: relato de caso e revisão da literatura.

Até a primeira metade da gestação, o tratamento deve ser realizado como o de uma paciente não-grávi- da. O atraso do tratamento até a viabilidade fetal pode resultar no crescimento do tumor e no surgimento de metástases. O tipo de ressecção varia de acordo com os achados cirúrgicos. O útero é preservado caso não impeça o acesso à pelve ou não apresente invasão tu- moral macroscópica. Os relatos de preservação e de- senvolvimento fetal após ressecção tumoral são raros. A necessidade de salpingo-ooforectomia é associada a altos índices de perda fetal. Também não há conclu- sões claras sob o efeito da cirurgia e da anestesia em relação à viabilidade e ao desenvolvimento fetal 4 .
Mostrar mais

4 Ler mais

Rinolito: relato de caso e revisão de literatura.

Rinolito: relato de caso e revisão de literatura.

O s autores relatam um caso de obstrução nasal unilate- ral, rinorréia purulenta e infecção crônica em um mulher de 57 anos causada por rinolito. A patologia mais freqüente- mente encontrada em associação com rinolitíase é a sinusi- te crônica. A rinolitíase é uma concreção calcária estratificada visível ao exame radiológico. O rinolito pode ser um acha- do acidental em alguns pacientes. Rinolitos são raros e po- dem ter várias apresentações clínicas. O tratamento de es- colha é remoção cirúrgica. Um alto índice de suspeição é necessário para o correto diagnóstico.
Mostrar mais

3 Ler mais

PELIOSE HEPÁTICA EM TRANSPLANTADO RENAL: RELATO DE CASO COM REVISÃO DE LITERATURA

PELIOSE HEPÁTICA EM TRANSPLANTADO RENAL: RELATO DE CASO COM REVISÃO DE LITERATURA

A Peliose bacilar, uma variante de etiologia infecciosa, apresenta sintomas como: Febre moderada, anorexia, emagrecimento, dor abdominal, náusea, vômito e diarreia principalmente se envolvimento visceral associado ou exclusivo. São lesões cutâneas típicas nódulos ou pápulas angiomatosas que podem estar isoladas ou agrupadas com tamanho variável entre milímetros a centímetros. Outra apresentação possível é a de aspecto similar a celulite com linfadenopatia regional ou ainda, menos frequentemente, por placas endurecidas e hiperpigmentadas. O agente Bartonella spp pode ser isolado em cultura do produto hemático lesional via biópsia ou punção e responde ao tratamento com eritromicina na dose de 2 gramas por dia (ROLAIN, et al., 2004; VELHO, et al., 2003).
Mostrar mais

9 Ler mais

Espasmo hemifacial bilateral: relato de caso.

Espasmo hemifacial bilateral: relato de caso.

RESUMO - Espasmo hemifacial bilateral é um distúrbio de movimento raro geralmente associado à compressão vascular dos nervos faciais. Caracteriza-se clinicamente por contrações assimétricas e assíncronas da musculatura facial e por longa latência entre a instalação dos movimentos em cada hemiface. Deve ser diferenciado de outras condições como blefaroespasmo, miocimia facial, tiques faciais, distonia oromandibular e espasmo hemimastigatório. O tratamento sintomático mais eficaz e menos invasivo consiste em aplicações de toxina botulínica mas abordagem cirúrgica de descompressão microvascular é outra alternativa terapêutica. Relatamos o caso de homem de 70 anos com espasmo hemifacial bilateral e fazemos uma breve revisão da literatura. PALAVRAS-CHAVE: espasmo hemifacial bilateral, toxina botulínica, descompressão microvascular.
Mostrar mais

4 Ler mais

O PAPEL DA PRÓ-REITORIA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL E EDUCAÇÃO INCLUSIVA NO PROCESSO DE INCLUSÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA

O PAPEL DA PRÓ-REITORIA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL E EDUCAÇÃO INCLUSIVA NO PROCESSO DE INCLUSÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA

A presente dissertação é desenvolvida no âmbito do Mestrado Profissional em Gestão e Avaliação da Educação (PPGP) do Centro de Políticas Públicas e Avaliação da Educação da Universidade Federal de Juiz de Fora (CAEd/UFJF). O caso de gestão a ser estudado irá discutir sobre as possibilidades de atuação da Pró-Reitoria de Assistência Estudantil e Educação Inclusiva (PROAE) da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) a partir de uma visão mais ampla da política de assistência ao estudante frente à redução das diferentes formas de desigualdade social, visto que os gestores que assumiram o setor em agosto de 2014 se propuseram a ressignificar o apoio estudantil para uma relação com os alunos que vá além do suporte financeiro, simplesmente. O objetivo definido para este estudo foi o de conhecer a percepção dos alunos em relação à Política de Assistência Estudantil na UFJF. Assumimos como hipótese que existe uma cultura na UFJF em que a assistência estudantil vem, há muito tempo, mantendo seu foco principal de atividade em ações que visam o suporte material por meio de bolsas e auxílios financeiros em detrimento das demais ações desenvolvidas pela equipe, também previstas no Decreto 7.234/2010. Foram utilizadas como metodologias a pesquisa qualitativa e o estudo de caso e como instrumento entrevista semiestruturada. Foi possível confirmar que, realmente, existe um equívoco, tanto por parte da instituição quanto por parte dos alunos, em relação ao conceito de Assistência Estudantil. Portanto, foram propostas ações com intuito de ressignificá-la e torna-la mais proativa em situações de evasão e retenção.
Mostrar mais

125 Ler mais

PRÁTICAS DE GESTÃO ESCOLAR E SEUS REFLEXOS NO DESEMPENHO DE UMA ESCOLA PÚBLICA: O CASO DA ESCOLA ESTADUAL JOSÉ AMÉRICO BARBOSA – Mestrado em Gestão e Avaliação da Educação Pública

PRÁTICAS DE GESTÃO ESCOLAR E SEUS REFLEXOS NO DESEMPENHO DE UMA ESCOLA PÚBLICA: O CASO DA ESCOLA ESTADUAL JOSÉ AMÉRICO BARBOSA – Mestrado em Gestão e Avaliação da Educação Pública

Justificativa: Educar para higiene corporal visa buscar uma prática participativa de modo que as orientações para os alunos sejam coerentes com a linguagem do próprio corpo e de sua realidade, facilitando a apropriação do conhecimento científico a respeito de si mesmo, sobre as condições de vida do lugar onde vive e a importância de colocar em prática certos hábitos que contribuirão decisivamente para o cuidado com ele e o local onde mora. Quando o aluno percebe que estes hábitos o ajudam a viver melhor, sem dúvida alguma ele estará motivado a colocá-los em prática com regularidade. Isso faz com que o educador seja o mediador, renovando e incentivando o interesse em se praticar corretamente os hábitos de higiene. Muitas vezes, nós, educadores, percebemos certo desconforto em nossos alunos, provocando até mesmo um baixo índice de rendimento escolar e autoestima. É neste momento que devemos esclarecer e estimular os alunos, propondo uma tomada de consciência no que diz respeito à saúde, à limpeza corporal, à postura em sala de aula, na escola e na comunidade. Ser saudável é também estabelecer bons hábitos e compreender que o nosso corpo merece um carinho especial, e que esse tratamento nos traz benefícios.
Mostrar mais

169 Ler mais

A HORA DE TRABALHO PEDAGÓGICO COLETIVO A PARTIR DA IMPLEMENTAÇÃO DA LEI COMPLEMENTAR No 613/2011: ESTUDO DE CASO EM UMA ESCOLA MUNICIPAL DE LIMEIRA – SP – Mestrado em Gestão e Avaliação da Educação Pública

A HORA DE TRABALHO PEDAGÓGICO COLETIVO A PARTIR DA IMPLEMENTAÇÃO DA LEI COMPLEMENTAR No 613/2011: ESTUDO DE CASO EM UMA ESCOLA MUNICIPAL DE LIMEIRA – SP – Mestrado em Gestão e Avaliação da Educação Pública

Partindo do pressuposto de que a formação continuada de professores desenvolvida no contexto da prática tem a finalidade de propor reflexões e orientar a prática docente, a presente dissertação investiga a utilização do tempo da Hora de Trabalho Pedagógico Coletivo (HTPC) por uma escola da rede municipal de Limeira e, em decorrência das constatações da pesquisa, propõe um programa para a melhoria da gestão desse momento. A partir de uma abordagem qualitativa, este estudo de caso foi desenvolvido por meio da análise documental e da realização de entrevistas. Os dados documentais foram coletados do Plano Gestor e dos registros das pautas da HTPC da escola, da Lei Complementar nº 613/2011 e da Lei Federal nº 11.738/2008. As informações sobre os participantes da pesquisa foram obtidas por meio de entrevistas, na modalidade semiestruturada, e de questionários. Objetivou- se com a aplicação desses instrumentos, obter a versão legal e captar a opinião dos profissionais sobre a LC nº 613/2011, assim como investigar quais são as atividades desenvolvidas na HTPC. Foram realizadas entrevistas com a diretora e com a coordenadora da escola, bem como com o coordenador do sindicato dos professores do ensino oficial do estado de São Paulo. O acesso aos professores da escola, por sua vez, deu-se a partir da aplicação de questionário. A pesquisa apontou que a implementação da LC nº 613/2011, na rede municipal de Limeira, não foi acompanhada de ações que subsidiassem o trabalho desenvolvido pela equipe gestora da escola, de forma que esta não está preparada para o desenvolvimento da formação do professor. Uma das consequências verificadas foi o fato de o uso do espaço da HTPC mostrar-se tomado por demandas administrativas e burocráticas. Além disso, observou-se que os horários nos quais os encontros acontecem são inadequados ao trabalho coletivo. Conclusivamente, este estudo mostra que, ter assegurado, em lei, tempo para o desenvolvimento do trabalho pedagógico e formação docente não significa que essas ações aconteçam. Dessa forma, como desdobramento da pesquisa, foi elaborado um plano de ação educacional com algumas indicações que podem contribuir para o desenvolvimento de uma formação de professores centrada na escola: a reorganização do tempo da HTPC, a formação do professor crítico reflexivo, o compartilhamento de decisões por meio de uma gestão democrática participativa e o desenvolvimento de um trabalho coletivo.
Mostrar mais

177 Ler mais

GESTÃO E FISCALIZAÇÃO DE CONTRATOS DE TERCEIRIZAÇÃO DE MÃO DE OBRA: O CASO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA EM UM ESTUDO DE CASO – Mestrado em Gestão e Avaliação da Educação Pública

GESTÃO E FISCALIZAÇÃO DE CONTRATOS DE TERCEIRIZAÇÃO DE MÃO DE OBRA: O CASO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA EM UM ESTUDO DE CASO – Mestrado em Gestão e Avaliação da Educação Pública

A presente dissertação é desenvolvida no âmbito do Mestrado Profissional em Gestão e Avaliação da Educação (PPGP) do Centro de Políticas Públicas e Avaliação da Educação da Universidade Federal de Juiz de Fora (CAEd/UFJF). O caso de gestão estudado discute os dilemas da terceirização regular de mão de obra no âmbito das IFES e, mais especificamente, na Universidade Federal de Juiz de Fora. Com efeito, a terceirização do trabalho desponta no cenário do serviço público como uma realidade em expansão e, no âmbito das Instituições Federais de Ensino Superior, a presença massiva de trabalhadores terceirizados é consequência da franca expansão pela qual as IFES passaram nos últimos anos. Não obstante a reconhecida necessidade desses serviços, tem-se observado graves falhas na gestão dos contratos de fornecimento de mão de obra terceirizada, bem como importantes lacunas na sua fiscalização, fatores responsáveis pela precarização do trabalho, em virtude do comprometimento dos direitos adquiridos pelos trabalhadores e, consequentemente, o alarmante crescimento do número de ações judiciais que culminam na corresponsabilização da Universidade (in casu) por questões trabalhistas relacionadas a esses funcionários terceirizados, o que tem gerado prejuízos financeiros relevantes para a instituição. Nesse sentido, com base nos dados preliminarmente apurados, na pesquisa comparativa com outras universidades federais de Minas Gerais e nas discussões teóricas sobre contratos administrativos e mecanismos de controle interno, as soluções propostas constituirão um conjunto de medidas institucionais para a melhoria das condições de trabalho dos funcionários terceirizados e resguardo da Universidade em questões patrimoniais e jurídicas.
Mostrar mais

83 Ler mais

Preparação e Condução de Auditorias da Qualidade e Segurança da Prestação de Cuidados de Saúde – Normas de Orientação Clínica

Preparação e Condução de Auditorias da Qualidade e Segurança da Prestação de Cuidados de Saúde – Normas de Orientação Clínica

d) confirmação dos critérios de auditoria que vão servir de base à mesma e das referências aplicáveis (incluindo requisitos legais). Em caso de necessidade, troca de esclarecimentos sobre os mesmos. Esta troca de esclarecimentos deve ser o mais exaustiva possível, de modo a evitar qualquer possível situação de contradição e de “livre arbítrio”;

15 Ler mais

MÔNICA FIGUEIREDO DE MORAES A INFLUÊNCIA DA INFRAESTRUTURA NO DESEMPENHO ESCOLAR: ESTUDO DE CASO DE TRÊS COLÉGIOS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

MÔNICA FIGUEIREDO DE MORAES A INFLUÊNCIA DA INFRAESTRUTURA NO DESEMPENHO ESCOLAR: ESTUDO DE CASO DE TRÊS COLÉGIOS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

- que define o Custo Aluno Qualidade Inicial(CAQi) - por ser o único documento com discriminação referencial de infraestrutura escolar, para comparar com a estrutura disponível nos colégios investigados. Para fundamentar a análise conceitual, apoiou-se principalmente em literatura voltada aos pilares de eficiência, eficácia, efetividade e equidade escolar, tal como descrito por Filho (1997); Brooke (2012), Franco e Bonamino (2005) além de Anísio Teixeira, pioneiro a mencionara importância da infraestrutura ideal para (instalações e equipamentos necessários) para eficiência do ensino aprendizagem e Polon (2009) que cria a tipologia de estilos de gestão, onde se constata perfis de liderança que determinam diferentes resultados nas escolas. Após relacionar as teorias estudadas com os dados coletados, pode-se propor um Plano de Ação Educacional (PAE) para a melhoria da infraestrutura das unidades escolares da Regional Serrana II, ressaltando a relevância da gestão escolar.
Mostrar mais

137 Ler mais

REPROVAÇÃO NO 6º ANO: UM ESTUDO DE CASO EM TRÊS ESCOLAS DA REDE PÚBLICA MUNICIPAL DE JUIZ DE FORA – Mestrado em Gestão e Avaliação da Educação Pública

REPROVAÇÃO NO 6º ANO: UM ESTUDO DE CASO EM TRÊS ESCOLAS DA REDE PÚBLICA MUNICIPAL DE JUIZ DE FORA – Mestrado em Gestão e Avaliação da Educação Pública

Como ressaltado por Condé (2012, p.2), na implementação de qualquer política pode surgir conflitos em torno de diferentes valores, diferenças ideológicas. Os atores se manife[r]

98 Ler mais

Blefarospasmo essencial e espasmo hemifacial: características dos pacientes, tratamento com toxina botulínica A e revisão da literatura.

Blefarospasmo essencial e espasmo hemifacial: características dos pacientes, tratamento com toxina botulínica A e revisão da literatura.

O espasmo hemifacial é caracterizado por contrações tôni- cas e clônicas dos músculos inervados pelo facial ipsilateral. É importante distinguir o espasmo hemifacial do espasmo psico- gênico, tics, mioquimia, blefarospasmo e discinesia tardia. Ressonância magnética pode mostrar compressão vascular da raiz do 7 º nervo (8) .

4 Ler mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA CAED - CENTRO DE POLÍTICAS PÚBLICAS E AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO PROFISSIONAL EM GESTÃO E AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO PÚBLICA CATARINA DE ARRUDA CORTEZ

UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA CAED - CENTRO DE POLÍTICAS PÚBLICAS E AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO PROFISSIONAL EM GESTÃO E AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO PÚBLICA CATARINA DE ARRUDA CORTEZ

Esta dissertação é caracterizada pelo estudo de caso realizado em duas escolas estaduais urbanas, no município de Querência – MT, com o objetivo de analisar as ações da equipe gestora, a partir de preceitos definidos na Lei de Gestão Democrática nº 7.040/98 do Estado de Mato Grosso. A pesquisa foi executada para responder a seguinte questão: de que maneira as ações da equipe gestora das duas escolas urbanas do município de Querência, embasadas nos princípios da gestão democrática participativa, podem ou não contribuir para a efetividade da educação escolar? Para responder a essa questão, foi feita a coleta de dados através de entrevistas semiestruturadas com membros do Conselho Deliberativo da Comunidade Escolar (CDCE), observação não participante e análise documental de registros das escolas. A análise dos dados constituiu-se em um conjunto de informações que, à luz das legislações vigentes e das concepções teóricas revisitadas em Paro, Lück e Machado, apontaram avanços e desafios para a efetividade da gestão democrática participativa nas escolas. No Capítulo I, são apresentadas a estrutura organizacional da Secretaria de Estado de Educação do Mato Grosso (SEDUC/MT) e das escolas, bem como dados que as caracterizam, inclusive os das aprendizagens dos alunos. O Capítulo II traz a fundamentação teórica que subsidia o modelo de gestão escolar democrática e participativa. O Capítulo III apresenta um Plano de Ação Educacional voltado para a consolidação de práticas participativas na gestão das escolas, com ação conjunta SEDUC a fim de integrar colaborativamente os atores educativos internos e externos do Órgão Central e Escolas e desta com a comunidade escolar. A efetividade da gestão democrática participativa contribui significativamente para a melhoria da qualidade da educação, sendo esta o resultado de uma escola considerada eficaz.
Mostrar mais

125 Ler mais

Atrofia de íris após tratamento estético facial com luz intensa pulsada.

Atrofia de íris após tratamento estético facial com luz intensa pulsada.

Durante consulta de rotina, informou acuidade visual de 20/20 em ambos olhos, com correção de +2.25 esférico, e J1 com adição de +1.50. Ao exame biomicroscópico apresentava, no olho esquerdo, conjuntiva e córnea sem alterações, câmara anterior sem reação, atrofia iriana temporal, mais intensa na porção

3 Ler mais

Show all 10000 documents...

temas relacionados