Top PDF Qualidade de águas subterrâneas em área do sertão central do Ceará com base em índices iônicos

Qualidade de águas subterrâneas em área do sertão central do Ceará com base em índices iônicos

Qualidade de águas subterrâneas em área do sertão central do Ceará com base em índices iônicos

Os recursos hídricos são elementos estratégicos para o desenvolvimento das sociedades, seu uso e gestão devem ser feitos de maneira eficaz e eficiente, principalmente em regiões semiáridas, as quais apresentam condições naturais desfavoráveis ao acesso à água. É comum, nessas regiões, a exploração, cada vez mais frequente, das águas subterrâneas, porém, o uso desenfreado destas representa uma ameaça em termos quantitativos e qualitativos aos aquíferos. Salinização de águas e solo, incrustações industriais, corrosão e riscos à saúde são entendidos como consequências pertinentes à baixa qualidade das águas subterrâneas. Portanto, torna-se fundamental o estabelecimento de padrões e perfis de qualidade para as mesmas, como sistemas de apoio à tomada de decisão e ao gerenciamento dos recursos hídricos subterrâneos. Nesse contexto, foi realizada a análise da qualidade das águas subterrâneas (sob embasamento cristalino e em aluvião) da região de Banabuiú, Quixeramobim e Quixadá do ponto de vista do potencial risco à salinização, à corrosão e à incrustação, através de diagramas químicos e índices de qualidade de água. Os resultados apontaram diferenças no conteúdo iônico entre as águas sob embasamento cristalino e as em aluvião, sendo destaque os poços da unidade de Juatama, os quais apresentam a menor carga de constituintes químicos dentre todas as águas analisadas. De acordo com o diagrama de Piper, preponderam águas cloretadas sódicas ou mistas. Os três mecanismos propostos por Gibbs atuam na composição química das águas de substratos estudadas. Houve uma convergência dos resultados dos índices de estabilidade, indicando uma forte tendência corrosiva das águas analisadas, mesmo nos poços com baixa carga iônica. Os índices e razões iônicas voltados para irrigação evidenciaram um maior risco de salinização do que de sodificação do solo, não podendo este, contudo, ser descartado. Há baixa probabilidade de precipitação dos prejudiciais sais de carbonato e boa adequabilidade das águas quanto ao risco de redução de permeabilidade do solo. Os índices de qualidade da água referentes ao conteúdo iônico indicaram águas com média e elevada restrição. Foram obtidas fortes correlações entre os índices aplicados no estudo. Evidencia-se a importância da avaliação do conteúdo iônico das águas subterrâneas do semiárido através de índices descritores de qualidade, pois estes constituem ferramentas de auxílio para a gestão de tais recursos, indicando restrições de uso e, consequentes, ações de correção.
Mostrar mais

156 Ler mais

Qualidade de vida e situação de saúde de idosos: um estudo de base populacional no Sertão Central do Ceará.

Qualidade de vida e situação de saúde de idosos: um estudo de base populacional no Sertão Central do Ceará.

A população do estudo foi constituída dos 5.214 idosos que residiam na área urbana da sede do município de Canindé-CE. A amostragem estratificada proporcional alcançou uma amostra de 372 indivíduos (7,13% da população total). O cálculo do tamanho da amostra foi feito por meio da fórmula indicada para populações finitas (menos de 100.000 unidades) e considerou o nível de confiança, escolhido em número de desvios (95%, equivalentes a 2 desvios-padrão); proporção estimada da característica pesquisada no universo (50%); proporção estimada do universo que não possui a característica pesquisada (50%); tamanho da população (5.214 idosos) e erro máximo admissível (5%). Após o cálculo do tamanho da amostra, fez-se a determinação do tamanho proporcional dos estratos (bairros da cidade), garantindo a representação, mais exata possível deles, segundo sua proporção na população.
Mostrar mais

16 Ler mais

Mecanismos dominantes na salinização de água em rochas anisotrópicas com base em razões iônicas e número fuzzy, em área do Sertão Central no Ceará.

Mecanismos dominantes na salinização de água em rochas anisotrópicas com base em razões iônicas e número fuzzy, em área do Sertão Central no Ceará.

Nesta pesquisa, investigou-se os mecanismos dominantes na salinização de águas subterrâneas em rochas anisotrópicas através da interpretação de razões iônicas. O emprego de correlações iônicas entre elementos maiores, menores ou traços, tem sido uma boa ferramenta para se estimar a origem de salinidade. A partir destas, é possível inferir sobre os principais fenômenos que atuam na geração dos solutos, sejam endógenos ou exógenos. Neste estudo, ponderou-se as razões iônicas via “Teoria dos Sistemas Difusos” ou Lógica Nebulosa (Fuzzy), visando interpretar o estado de flexibilidade do sistema. A área de estudo está localizada no trópico semiárido, na região do Sertão Central do Estado do Ceará, entre os municípios de Quixadá e Quixeramobim (CE), delimitada pelas coordenadas 4º57’18” e 5º10’34” de latitude S e 38º48’42” e 39º11’01” de longitude W. Os pontos de coleta de água foram previamente categorizados de acordo com as unidades geológicas onde estavam encravados. A pesquisa revelou que a salinidade da água subterrânea resulta da atuação conjunta de vários mecanismos. Foi possível a identificação de cinco grupos distintos de água, que sugerem estágios sucessivos de evolução da composição hidrogeoquímica, O estudo indicou como mecanismo dominante a interação entre a água e a rocha para as amostras da Unidade Juatama. Contudo, no estágio atual de conhecimento, o intemperismo de rocha não pode explicar sozinho as altas salinidades das amostras da Unidade Acopiara, principalmente em relação ao conteúdo aniônico. A utilização da lógica fuzzy apresentou uma boa aproximação para interpretar o ambiente hidrogeoquímico natural, constituindo importante ferramenta de mensuração relativa dos mecanismos indicados pelas razões iônicas. O método demonstrou ainda a importância de mapeamento em escala compatível, visando uma boa categorização das informações geológicas. No estudo sugere-se, de maneira complementar, a utilização de isótopos ambientais, posto que estes têm um caráter determinístico, enquanto a teoria fuzzy faz um mapeamento intervalar da informação.
Mostrar mais

187 Ler mais

Hidroquímica e qualidade das águas subterrâneas da Ilha de Santiago - Cabo Verde

Hidroquímica e qualidade das águas subterrâneas da Ilha de Santiago - Cabo Verde

Gostaria de agradecer a todos aqueles que directa ou indirectamente tornaram possível a concretização deste trabalho e proporcionaram que atingisse esta nova etapa da minha vida. Permitam-me que vos diga MUITO OBRIGADO: Em primeiro lugar quero agradecer à minha orientadora, a Doutora Teresa Condesso de Melo, pelo incentivo, olhar crítico e apoio incondicional em todas as etapas desta tese. Foi ela quem incentivou para a abordagem sobre a hidroquímica e qualidade das águas subterrâneas na ilha de Santiago, factor este decisivo para um melhor conhecimento de comportamento hidrogeológico da ilha. O seu saber e experiência e visão científica permitiram-me abordar novos temas, tendo sido estes fundamentais para a realização deste trabalho. A sua contribuição no âmbito da definição das linhas mestra deste estudo, e nas incansáveis revisões e sugestões para este texto, foram essenciais. Ao meu co-Orientador Prof. Doutor Manuel A. Marques da Silva, pela sua disponibilidade e apoio prestado ao longo do trabalho, demonstrando sempre a sua experiência e profundo conhecimento como investigador e como hidrogeólogo. Não podia deixar de realçar, que foi ele o arquitecto da realização deste estudo na Universidade de Aveiro.
Mostrar mais

247 Ler mais

Qualidade das águas subterrâneas rasas na Ilha de Cotijuba – Belém / PA

Qualidade das águas subterrâneas rasas na Ilha de Cotijuba – Belém / PA

A Ilha de Cotijuba, com aproximadamente 12000 habitantes e 60 Km 2 , limita-se com a Baía do Marajó e o Furo do Mamão. Em grande parte da área ocupada na Ilha, o esgotamento sanitário é deficiente, com efluentes lançados no solo ou em fossas negras, com risco potencial de contaminação das águas subterrâneas, captadas através de poços rasos, para usos múltiplos, principalmente consumo doméstico. O objetivo deste trabalho foi avaliar a qualidade da água do aquífero freático, destinada ao consumo humano; foram analisados temperatura, pH, condutividade elétrica, turbidez, cor aparente, alcalinidade total, NH 4 + , N-NO 3 - , HCO 3 - , Cl - , SO 4 2- , PO 4 3- , dureza total, Na + K + , Ca 2+ e Mg 2+ , além de coliformes totais (CT) e Escherichia Coli. As águas foram caracterizadas quanto aos íons predominantes e ao padrão de potabilidade (2.914/2011/MS). Foram coletadas águas de dezoito poços, com profundidades variando de 4 a 33 m, realizadas em abril, agosto e novembro de 2015, correspondendo aos períodos chuvoso, de transição e menos chuvoso, respectivamente. Foram medidos em campo pH, temperatura, condutividade elétrica e nível da água dos poços. As demais análises foram realizadas em laboratórios da Universidade Federal do Pará (UFPA). A cota topográfica foi medida para confecção do mapa de sentido preferencial de fluxo da água subterrânea rasa, constatando-se que a parte central da ilha, em direção ao sul, é constituída de zona de recarga da água subterrânea e a zona sudoeste (SW) área de descarga. As águas são cloretadas sódicas, ácidas e com baixa mineralização, sendo a mediana da Condutividade elétrica (CE), em torno de 47µS/cm e pH variando de 3,7 a 5,4; os maiores teores dos constituintes químicos ocorrem na zona SW e nordeste (NE) da Ilha. Foram obtidos fortes índices de correlação positivos entre sódio e cloreto, e entre amônio e pH. Alguns poços apresentaram parâmetros fora do padrão de potabilidade, com ampla variação, como a cor (1 a 341 uH), a turbidez (0,2 a 58,3 uT), o cloreto (1,06 a 255,24 mg/L Cl - ), o ferro (0,01 a 10,66 mg/L Fe) e o amônio (0,01 a 9 mg/ L NH 4 + ); CT ocorrem em 67% das amostras do período de transição a 100% do chuvoso; a E. coli foi registrada em 20% das amostras do período chuvoso e em 29% do menos chuvoso. O nitrato foi inferior a 10 mg/L N-NO 3 - , com máximo de 6,9 mg/L. Esses valores estão associados ao sistema de saneamento “in situ” e poços construídos sem técnicas adequadas.
Mostrar mais

130 Ler mais

As águas subterrâneas do perímetro irrigado Curu-Pentecoste (picp), Ceará: geometria aquífera, qualidade e disponibilidade hídrica à irrigação

As águas subterrâneas do perímetro irrigado Curu-Pentecoste (picp), Ceará: geometria aquífera, qualidade e disponibilidade hídrica à irrigação

O Ceará, e a maior parte dos estados nordestino, passou por seis anos consecutivos de estiagem (2012-2017), classificada como a pior dos últimos 50 anos, o que ocasionou grandes prejuízos no setor agropecuário nordestino, tanto na agricultura de sequeiro como na irrigada, já que as águas armazenadas nos açudes não são suficientes para tal fim. O Perímetro Irrigado Curu-Pentecoste, área dessa pesquisa, é componente da Bacia Hidrográfica do Rio Curu situa- se no Ceará, na microrregião de Uruburetama (Vale do Rio Curu), área considerada de influência econômica, localizadas a 90 km de Fortaleza. A área delimitada para essa pesquisa (18 km²) está localizada na parte central do perímetro e corresponde a 36% da área do perímetro (50 km²), representando os núcleos de irrigação C, D e F. A pesquisa busca caracterizar quanti-qualitativamente as águas subterrâneas do PICP no que diz respeito ao Domínio Hidrogeológico Aluvionar para fins do uso dessas águas para irrigação, e com isso, propor uma metodologia para tal fim. Para isso, fez-se um levantamento bibliográfico do efeito da seca sobre a produção agrícola do Perímetro, cadastro dos poços e mapeamento do Aquífero Aluvionar do PICP, selecionando-se os presentes nos lotes agrícolas dos núcleos C, D e F. Realizou-se o monitoramento das variações de níveis estático, medidas de parâmetros físico-químicos da água e levantamento geofísico por eletrorresistividade. Na interpretação dos dados, utilizaram-se os softwares estatísticos SPSS Statistics, diagramas de Piper e USSL. Também foi utilizada a técnica na análise fatorial, associada à análise de agrupamento multivariada, objetivando dar suporte a gestão qualitativa. Concluiu-se que os perímetros irrigados do Ceará se mostram vulneráveis quanto aos efeitos da seca, haja vista que sofreram forte queda na produção desde os primeiros anos de seca, aonde os menores perímetros, chegaram a um total colapso em 2014. As águas aluvionares do PICP possuem qualidade adequada para uso na irrigação da maioria das culturas já implantadas. O aquífero aluvionar da região tem uma espessura média saturada de 7 m e largura de 600 m, apresentando uma reserva hídrica suficiente para manutenção das culturas agrícolas durante o periodo de estiagem. Seguindo os passos metodológicos apresentados, é possível avaliar o potencial hídrico para irrigação do Aquífero Aluvionar analisado.
Mostrar mais

113 Ler mais

MONITORAMENTO DA QUALIDADE DA ÁGUA TRATADA POR SISTEMAS DE DESFLUORETAÇÃO DE ÁGUAS SUBTERRÂNEAS

MONITORAMENTO DA QUALIDADE DA ÁGUA TRATADA POR SISTEMAS DE DESFLUORETAÇÃO DE ÁGUAS SUBTERRÂNEAS

BRASIL. Ministério da Saúde. Portaria n° 2914, de 12 de dezembro de 2011. Dispõe sobre os procedimentos de controle e de vigilância da qualidade da água para consumo humano e seu padrão de potabilidade. Diário Oficial União, Brasília, v. 239, p.39-46, 14 dez. 2011, Seção 1. CATANI, D. B.; HUGO, F. N.; CYPRIANO, S.; SOUSA, M. L. R; CURY, J. A. Relação entre níveis de fluoreto na água de abastecimento público e fluorose dental. Revista de Saúde

14 Ler mais

Paisagens sertanejas: uso e cobertura das terras e  no sertão central do Ceará

Paisagens sertanejas: uso e cobertura das terras e no sertão central do Ceará

A unidade fitoecogeográfica denominada Caatinga é única e característica do semiárido brasileiro. Sua paisagem natural, formada por diversos mosaicos, vem perdendo suas características primárias em função das atividades socioeconômicas mal planejadas, dificultando o desenvolvimento sustentável. Nos últimos anos, vem se observando uma extrema modificação da paisagem ocasionada pela intensa ação degradadora antrópica que se manifesta pela erosão dos solos, alterações microclimáticas, perda da biodiversidade e produtividade agrícola reduzida. Estudos que envolvam a Ecologia de Paisagens e levantamentos do uso e cobertura e adequabilidade do uso da terra, a partir de mapas, são importantes para um melhor manejo na região. Assim, neste trabalho, avaliou-se quão adequado está sendo o uso da terra em um polígono localizado no Sertão Central do Estado do Ceará e caracterizou-se a fragmentação da paisagem. Para isso, foi feito o mapa de uso e cobertura das terras e cruzou-se as informações resultantes desse mapa com outras de declividade, fazendo-se uso de Sistema de Informação Geográfica e Sensoriamento Remoto, que possibilitou avaliar a adequabilidade do uso das terras. Aplicando-se métricas de estrutura da paisagem sobre o mesmo mapa de uso e cobertura foi possível caracterizar e avaliar o estado de fragmentação da paisagem. Percebe-se, pelos resultados encontrados, que a região apresenta-se com terras inadequadamente utilizadas e o uso inadequado pode se tornar uma prática cada vez mais comum, uma vez que há a necessidade crescente de terras para satisfazer as necessidades das populações locais. Não há um planejamento ambiental para o uso adequado da terra e, desta forma, além dos problemas ocasionados à conservação do solo, a paisagem natural está se tornando cada vez mais fragmentada.
Mostrar mais

79 Ler mais

A origem dos cloretos nas águas subterrâneas na chapada do Apodi  Ceará art hfrischkorn a

A origem dos cloretos nas águas subterrâneas na chapada do Apodi Ceará art hfrischkorn a

Neste trabalho, as concentrações salinas das águas subterrâneas foram acompanhadas através de análises de amostras coletadas de um conjunto de poços que fornecem água à Fazenda Frutacor, onde se produz banana para exportação, utilizando o fertilizante KCl duas vezes por semana através de gotejamento durante todo o ano. A irrigação com o sistema de pivot é feita como rotina diária no período seco e em dias sem chuvas no período chuvoso.

10 Ler mais

A qualidade das águas subterrâneas da cidade de Salvaterra, Marajó - Pará

A qualidade das águas subterrâneas da cidade de Salvaterra, Marajó - Pará

Para as análises físicas das amostras, o pH apresentou uma média de 4,8 e 4,9 nos períodos chuvoso e seco, respectivamente, portanto é considerado uma água ácida de acordo com os valores máximos permitidos pela portaria 2914/2011 do Ministério da Saúde, porém este resultado já era esperado, pelo fato de se saber que as águas da região amazônica, naturalmente, possuem caráter ácido e que a sazonalidade tem pouca influência nos valores deste parâmetro, visto que a média entre os dois períodos sazonais são praticamente a mesma. Conclui-se também que, a acidez da água vai diminuindo em direção a baía de Marajó e ao rio Paracauri, ou então esteja ocorrendo que, as águas provenientes desses recursos hídricos superficiais possam estar influenciando no pH das águas subterrâneas.
Mostrar mais

102 Ler mais

Relações entre a concentração de íons e a salinidade de águas subterrâneas e superficiais, visando à irrigação, no sertão de Pernambuco.

Relações entre a concentração de íons e a salinidade de águas subterrâneas e superficiais, visando à irrigação, no sertão de Pernambuco.

A prática da irrigação é indispensável na Região, em virtude da ocorrência de déficit hídrico para as culturas, principalmente na época seca; no entanto, a aplicação de água pode ser um fator de salinização do solo, quando não manejada corretamente (Pizarro, 1978); assim sendo, os sais solúveis contidos nas águas subterrâneas e superficiais podem, em certas condições de clima ou lugar, salinizar os solos com produtos solúveis e modificar os íons trocáveis do complexo sortivo do solo (Servant, 1980). Essas alterações físico-químicas afetam o regime de umidade do solo, aeração, nutrição, desenvolvimento vegetativo e produtivo das plantas (Nunes Filho, 1984).
Mostrar mais

5 Ler mais

Construção e mapeamento de índice de qualidade de águas subterrâneas em Porto Velho

Construção e mapeamento de índice de qualidade de águas subterrâneas em Porto Velho

Este trabalho foi realizado numa área de 100 km 2 no perímetro urbano do munícipio de Porto Velho – RO, onde foram coletadas amostras de águas subterrâneas de 111 poços; cujo principal objetivo foi a elaboração de um índice de qualidade de águas subterrâneas - IQAS. Para este estudo foram analisadas 24 variáveis (condutividade elétrica, ORP, TDS, salinidade, bicarbonato, temperatura do ar, temperatura da água, turbidez, sulfato, cloreto, dureza, resistividade, nível estático, íon Ca, pH, nitrato, OD, íon M, íon Na, amônia, íon Fe, flúor, íon Mn e íon K), as quais foram obtidas de dados secundários do Serviço Geológico do Brasil – CPRM. As informações sobre os teores dos parâmetros estudados foram armazenadas em planilhas eletrônicas que receberam crítica e validação estatística. A partir do estudo das relações entre as variaveis foram calculados os valores do IQAS, com a aplicação da técnica estatística da análise fatorial, em que foi identificado que as variáveis que mais influenciaram a construção do IQAS foram a salinidade, condutividade elétrica, TDS, cloreto, dureza e cálcio. A partir dos indices de qualidade de água subterrânea calculados para cada amostra, foi aplicada a técnica geoestatística da krigagem ordinária para a elaboração de um mapa do IQAS. Esses resultados permitiram identificar as zonas de adensamento demográfico do perímetro urbano de Porto Velho com os respectivos valores do índice de qualidade de água subterrânea.
Mostrar mais

51 Ler mais

A educação como instrumento de transformação da realidade: uma aplicação no Sertão Central do Ceará

A educação como instrumento de transformação da realidade: uma aplicação no Sertão Central do Ceará

The learning process is inherent to living beings, especially human beings, it is continuous from the beginning of existence to its end and formal education is an important part of this process, but it is not limited to it. The article seeks to highlight the transformative action of education in the reality of people, based on a broad debate about education and its transforming power, as well as the use of it in the context of a project applied in municipalities in the Central Hinterland of Ceará. Project that seeks the commitment to awaken in its graduates a reflection about a liberating education. The project is in line with the liberating learning methodology by seeking to train individuals aware of their realities and make them part of the learning process for change. However, social transformation, through education, does not happen effectively if all methodological forms, whether practical or human and critical formation, are not in line with pedagogical practice. As a conclusion, there was a significant impact on the reality of students
Mostrar mais

11 Ler mais

Populações de bactérias e protozoários em águas subterrâneas na área de um aterro controlado em São Carlos, SP

Populações de bactérias e protozoários em águas subterrâneas na área de um aterro controlado em São Carlos, SP

In the present study we investigated the microorganisms populations and some abiotic variables in an area inside and outside the influence of a land fill within the boundaries of the tow[r]

7 Ler mais

Influência bacteriológica na potabilidade das águas subterrâneas da Região Costeira de Aquiraz, Ceará, Brasil

Influência bacteriológica na potabilidade das águas subterrâneas da Região Costeira de Aquiraz, Ceará, Brasil

The data dealt with in this paper are related to bacteriological analyses of the underground water found along the coastal zone of Aquiraz County, Ceará State, Brazil. The geological conditions are represented by sedimentary lithotypes which comprise the Barreiras Formation, eolian deposits of dunes and paleodunes, alluvial patches and mangroves, whencefrom aquiferous, homonymous systems are characterized. The results show that 63.6% of the 11 analyzed samples are contaminated with fecal bacteria, among which Escherichia coli predominates with 55.4% as an indicator of the fecal coliform group. The presence of nitrate was spotted in 99% of the samples, with 36.3% of them showing higher values than the allowed maximum, namely 10 mg/L of N-NO 3 - , varying from 15.4 to 29.9 mg/L of N-NO 3 , a condition that renders
Mostrar mais

7 Ler mais

Caracterização das águas subterrâneas usadas para irrigação na área produtora de melão da Chapada do Apodi.

Caracterização das águas subterrâneas usadas para irrigação na área produtora de melão da Chapada do Apodi.

A qualidade das águas dos poços utilizadas para a irrigação, pode variar no tempo e no espaço, e se sabe que na época de estiagem seus níveis de sais são mais elevados, quando também são mais altas as temperaturas e a evapotranspiração na região, com as culturas exigindo maior suprimento de água, a fim de atender às suas necessidades fisiológicas, sendo afetadas, portanto, com maior intensidade; assim, observa-se a importância do conhecimento de sua qualidade para evitar os problemas conseqüentes (Costa, 1982; Laraque, 1989; Medeiros, 1992; e Silva Júnior et al., 1999).
Mostrar mais

4 Ler mais

Influência das atividades agrícolas na qualidade das águas superficiais e subterrâneas. - Portal Embrapa

Influência das atividades agrícolas na qualidade das águas superficiais e subterrâneas. - Portal Embrapa

A partir deste princípio, o primeiro passo para se estabelecer entendimento sobre qualidade da água é agrupar parâmetros específicos dc qualidade visando o enquadramento dos corpos hídricos de acordo com o uso preponderante que se pretende fazer. Tal tarefa, realizada pelos legisladores, foi nos apresentada pelo resolução CONAMA 20 de 1986, onde foram definida 9 classe de uso de água, tendo em cada classe os limites máximos estabelecidos para os contaminantes mais comuns. Esta classificação, oriunda de decisões administrativas, merece reflexão como salienta Machado (1989), uma vez que pela adoção do termo “uso preponderante” relativo a qualidade da água, resta examinarmos se é o uso que determina a classe da água ou se é a classe da água que limita seu uso. O objetivo de qualidade de água é definido a partir de duas noções limites. A primeira é o nível de proteção de base, alem do qual a presença de produtos poluentes corresponde a um perigo inaceitável. O segundo é o nível de efeito nulo, pelo qual não se percebe efeitos prejudiciais visíveis soòie os uYversus aiVus prescmLC nu rcvwsi? A áítvv
Mostrar mais

13 Ler mais

Atividades humanas e a granulometria do solo em áreas rurais: qualidade das águas subterrâneas

Atividades humanas e a granulometria do solo em áreas rurais: qualidade das águas subterrâneas

A água é um bem fundamental à vida de todos os constituintes vivos do Planeta, porém, para que ela favoreça estes organismos, é necessário que tenha um padrão de qualidade. Um colaborador que facilita a qualidade da água é a granu- lometria do solo, e é imprescindível que este tenha uma boa taxa de infiltração para que a água tenha maior facilidade de percolação e possa ser filtrada. O objetivo com este estudo foi verificar as atividades humanas e a granulometria do solo em áreas rurais relacionando com a qualidade das águas subterrâneas. Para avaliar as atividades humanas foram feitas entrevistas com os moradores das áreas rurais, e com elas foi possível avaliar quais eram as formas de abastecimento que eles detinham; os poços passaram por uma triagem na qual foi avaliado o potencial de risco, como a fossa estar em altitude superior ao poço ou desenvolver alguma atividade agrícola ao entorno. Dessa forma foi possível enquadrá-los em um grupo de potencial de risco, no qual foram realizadas as análises microbiológicas da água e a granulometria do solo do entorno dos poços, nos quais era avaliado o teor de silte, argila e areia. Para coliformes totais, 100% das amostras não atenderam aos padrões de qualidade de água, já para os coliformes termotolerantes, apenas 31% das amostras aten- deram aos padrões estabelecidos pela Portaria n. 2.914, de 12 de dezembro de 2011, e 69% apresentaram indicadores de contaminação, podendo ser fonte de risco à população. Dessa forma, as atividades que vêm sendo desenvolvidas no interior do Município podem estar influenciando nesses resultados negativos relacionados com a qualidade da água, porém não se pode afirmar que isso ocorre também pela granulometria do solo, já que a relação entre a granulometria e a qualidade da água não foi significativa, assim, novos estudos deverão ser realizados buscando melhor conhecimento entre a relação solo e água.
Mostrar mais

8 Ler mais

Qualidade de vida dos idosos em um município do sertão central cearense

Qualidade de vida dos idosos em um município do sertão central cearense

A saúde da mulher há tempos é ponto de estudos pela área da saúde. Na atenção básica projetos existem para prevenir doenças e agravos e para prover saúde para esse grupo específico, e mesmo assim as mulheres acabam que tendo uma QV diminuída se comparada com os homens. A saúde do homem é recente para os profissionais de saúde, o ministério da saúde lançou a Política Nacional de Atenção Integral à Saúde do Homem para que os homens possam também ser assistidos de acordo com suas particularidades. Nesse sentido, a política representa uma pretensão da sociedade ao reconhecer que os agravos do sexo masculino constituem verdadeiros problemas de saúde pública. Porém fica o questionamento: Porque as mulheres ainda não conseguem uma boa QV mesmo com a atenção básica tendo um de seus focos direcionados para elas? (BRASIL,2016).
Mostrar mais

7 Ler mais

Show all 10000 documents...

temas relacionados