Top PDF Sistema interativo para tratamento de distúrbios da linguagem

Sistema interativo para tratamento de distúrbios da linguagem

Sistema interativo para tratamento de distúrbios da linguagem

O trabalho tem como ênfase a captura de movimentos por coloração, nos quais podem ser divididos em 3 módulos: PRCM, onde toda a computação realizada visa à captura do movimento de um marcador dentro da área da imagem da câmera de vídeo e a transformação de sua trajetória no contorno de uma vogal manuscrita que será convertida para um bitmap binarizado (em preto e branco) de dimensões pixels que será apresentado para o reconhecimento pela rede neural artificial, ou para o treinamento da mesma. O marcador é uma implementação da biblioteca TouchlessLib. Basicamente, ele é algum objeto na imagem capturada pela câmera que contém um conjunto de cores que se destaque do cenário, e que terá os seus movimentos monitorados pelas classes daquela biblioteca. O módulo RNA implementa uma rede neural artificial do tipo Perceptron. O processamento da rede neural se dá da seguinte forma: inicialmente a rede deve ser treinada para reconhecer cada vogal manuscrita. Isso se dá inserindo um conjunto apropriado de amostras para cada vogal, e atualizando o aprendizado da rede. Tanto as amostras quanto o aprendizado ficam gravados no Banco de Dados do sistema. Feito isso, ao apresentar um Bitmap para a rede, ela é capaz de verificar a qual das vogais aquele Bitmap corresponde, devolvendo um caractere da tabela ASCII que a represente (a, e, i, o, u). E por fim o Módulo Help gera um pequeno aplicativo que recebe parâmetros externos para abrir um arquivo em formato HTML que compõe o sistema de ajuda para o usuário.
Mostrar mais

68 Ler mais

Avaliação dos distúrbios da linguagem no autismo infantil

Avaliação dos distúrbios da linguagem no autismo infantil

crianças e adolescentes com PEA, realçando-se um estudo realizado em 2002 pelo Research Units of Pediatric Psychopharmacology Autism Network, observando-se uma resposta positiva em 69% das crianças medicadas com risperidona contra um valor de 12% no grupo do placebo. Os efeitos secundários conhecidos incluem fadiga, tonturas, sonolência, tremores e ganho ponderal. A eficácia da olanzapina continua a ser estudada no tratamento das PEA, não existindo porém orientações específicas no uso deste fármaco em crianças. Geralmente, são utilizadas dosagens que variam entre os 2,5 a 10 mg por dia, com o objectivo de diminuir a agressividades e comportamentos automutiladores. A sedação, hipotensão ortostática e ganho de peso são alguns dos efeitos adversos que foram observados em crianças medicadas com este fármaco. (3-5,70-72)
Mostrar mais

60 Ler mais

Estudo longitudinal da terapia de linguagem de 142 crianças e adolescentes com distúrbios do espectro do autismo.

Estudo longitudinal da terapia de linguagem de 142 crianças e adolescentes com distúrbios do espectro do autismo.

Como um exercício preliminar, buscou-se identificar a relação entre idade cronológica no início do tratamento e o número de índices de progresso observados nos últimos 24 meses (ou seja, nas quatro últimas avaliações semestrais). Os dados referem-se a 142 indivíduos, entre dois e 16 anos, para os quais havia o conjunto completo de informações necessárias. Foram con- siderados como índices de progresso: aumento na pontuação em cada uma das sete áreas do Desempenho Sóciocognitivo observadas, aumento na iniciativa de comunicação, maior ocupação do espaço comunicativo, maior interatividade da comunicação, aumento na proporção do uso de vocalizações e maior proporção de verbalizações.
Mostrar mais

3 Ler mais

Associação entre as alterações de alimentação infantil e distúrbios de fala e linguagem.

Associação entre as alterações de alimentação infantil e distúrbios de fala e linguagem.

Um estudo bastante interessante comparou a percepção materna e a autopercepção das crian- ças com relação ao seu estado nutricional e foram detectados erros em relação à representação ade- quada do peso entre as crianças e suas mães. Em especial quando havia excesso de peso, este não era reconhecido pela mãe e pelas crianças, o que pode signiicar um obstáculo no correto reconheci- mento das alterações nutricionais e, consequente- mente em seu tratamento 31 . Esse pode vir a ser um

8 Ler mais

Distúrbios da aquisição da linguagem e da aprendizagem.

Distúrbios da aquisição da linguagem e da aprendizagem.

A principal indicação atual para o tratamento de crianças com dificuldades de linguagem escrita é a intervenção direta nas habilidades de leitura, associada a atividades relacionadas ao processamento fonológico da linguagem. Práticas anteriores buscavam estimular habilidades consi- deradas pré-requisitos para o aprendizado da leitura, como percepção vísuo-espacial, habilidades psicomotoras, etc. 56 . Todas as atividades de estimulação da linguagem escri- ta devem ser realizadas de forma lúdica, através de jogos e brincadeiras, para que a criança sinta prazer em ler e escrever. Em casa, o estímulo deve ser iniciado com a leitura de histórias infantis pelos pais para os filhos, a estimulação de jogos de rimas, que ajudam na consciência fonológica, jogos com letras e desenhos, para a criança já ir se familiarizando com a escrita, leitura de rótulos e propagandas – enfim, nunca se deve obrigar uma criança a ler um livro, e sim fazê-la ter vontade de ler e conhecer a sua história 29 .
Mostrar mais

9 Ler mais

Coh-Metrix-Dementia: análise automática de distúrbios de linguagem nas demências...

Coh-Metrix-Dementia: análise automática de distúrbios de linguagem nas demências...

As demências são o resultado de uma desordem neurodegenerativa progressiva e irrever- sível, que se manifesta de diversas formas. O principal desafio no gerenciamento das demências vem do fato de que o início do processo neurodegenerativo pode-se dar anos - às vezes décadas - antes que os efeitos cognitivos possam ser percebidos (SPERLING; KARLAWISH; JOHNSON, 2013). O melhor tratamento atualmente disponível para as demências consiste em retardar a pro- gressão da doença quando da detecção de seus primeiros sinais. Apesar de não haver tratamentos que modificam a doença, o consenso na área é que, quando tratamentos desse gênero se tornarem disponíveis, será imperativo iniciar o tratamento muito antes que danos clinicamente significa- tivos tenham ocorrido ao cérebro (JARROLD et al., 2010). Assim, melhorar os mecanismos de diagnóstico precoce é fundamental para modificar o desenvolvimento da doença.
Mostrar mais

155 Ler mais

Delocutividade e distúrbios de linguagem

Delocutividade e distúrbios de linguagem

das diferenças de câmbio das moedas ar- gentina e brasileira, assim como outros termos que denominam imigrantes, cuja origem é merecedora de análises à luz da noção delocutiva. Ainda, um segundo termo para designar o automóvel fusca – “pois é” –, como uma derivação pejora- tiva de fusca, e o emprego interrogativo do verbo “falou?”, já discutido anterior- mente, foram citados para mostrar que recorrer à noção delocutiva da língua parece ser fundamental na reflexão sobre a derivação de termos, ou seja, a recorrência apenas à sistematização dos fenômenos linguísticos derivativos pode não elucidá-los. Por essa abordagem, fica evidente que à noção tradicional de sentido e referência deve ser agregado o uso das expressões, sendo o sentido resultante do emprego das expressões e não do somatório das partes que as constituem. Ainda, a noção de derivação delocutiva foge das formas habituais de tratamento dos fenômenos linguísticos, mas o recurso a ela é fundamental para elucidar questões ainda subjacentes so- bre a natureza da linguagem.
Mostrar mais

20 Ler mais

Critérios diagnósticos e tratamento dos distúrbios respiratórios do sono: RERA.

Critérios diagnósticos e tratamento dos distúrbios respiratórios do sono: RERA.

Na polissonografia, RERA é definido como um parâmetro respiratório que indica um despertar associado a um evento respiratório e um aumento do esforço respiratório. Inicialmente, RERA foi descrito com o uso da manometria esofágica utilizada para avaliação do esforço respiratório. Esse maior esforço respiratório ocorre como resposta a um aumento da resistência da via aérea superior, aspecto presente na fisiopatologia dos distúrbios respiratórios do sono, entre esses, SAOS e SRVAS. Posteriormente, o uso de cânula de pressão nasal foi relatado como uma maneira confiável e mais sensível que o termistor para a identificação de eventos de redução do fluxo aéreo e também como um substituto da manometria esofágica para a identificação de períodos de aumento da resistência na via aérea superior. Consequentemente, a American Academy of Sleep Medicine recomenda o uso de um dos métodos para a identificação de RERA, que é definido por um padrão de achatamento da curva inspiratória, característico da limitação ao fluxo aéreo. Embora RERA seja identificado e avaliado na pratica médica, sua padronização ainda é necessária. Portanto, recomenda-se que os laudos de polissonografia indiquem quais eventos respiratórios anormais foram considerados na avaliação do grau de gravidade do distúrbio respiratório.
Mostrar mais

4 Ler mais

Cimicifuga racemosa: uma nova perspectiva para o tratamento de distúrbios neurológicos.

Cimicifuga racemosa: uma nova perspectiva para o tratamento de distúrbios neurológicos.

Corroborado com estes resultados, de acordo com McQUADE e colaboradores (2006), camundongos com deficiência de expressão de cFOS no hipocampo demonstram uma melhor resposta contra o estresse e um efeito ansiolítico em modelos do teste plus maze e hole board. Ainda no presente estudo, pôde-se observar que o tratamento com Diazepam, apesar de ser um ansiolítico, aumentou significativamente os níveis de RNAm de cFOS no hipocampo (figura 26). Este resultado discorda de achados da literatura que apontam que drogas Benzodiazepinicas podem modular positivamente a expressão de cFOS em áreas cerebrais de ratos, mas não em hipocampo (NILES; SMITH; TENN, 1997). Apesar disso, a literatura também aponta que cFOS, além do envolvimento com o estresse (SEMBA et al., 1993), também é um indicador de atividade neuronal (BULLITT, 1990), o qual está associado a atividade de interação social em camundongos (MIELNIK; HORSFALL; RAMSEY, 2014). De acordo com Mielnik e colaboradores (2014), a administração aguda de Diazepam é capaz de promover a interação social. Segundo o autor, a análise por imunorreatividade revelou um aumento dos níveis de cFOS em áreas cerebrais de camundongos que são expostos a um estímulo social. Desta forma, os resultados obtidos neste estudo podem corroborar com uma possível regulação positiva de Diazepam na via de cFOS, atuando para uma indução da atividade de neurônios hipocampais em camundongos, os quais estariam associados a atividade de interação social.
Mostrar mais

177 Ler mais

Avaliação do efeito do tratamento de distúrbios temporomandibulares sobre o zumbido

Avaliação do efeito do tratamento de distúrbios temporomandibulares sobre o zumbido

Para a analise dos dados, a mesma foi expressa na forma de números absolutos e porcentagens. O cálculo das médias e desvio-padrão, bem como a confecção dos gráficos e tabelas apresentados foi realizada através da ferramenta Microsoft Excel 2007. Para análise dos valores da escala analógico-visual antes e após o tratamento, utilizou-se o Teste de Wilcoxon Signed Rank, do software GraphPad Prism 4 for Windows, versão 4.02. Adotou-se o nível de significância (p) de 95% (p<0,05), conforme os padrões utilizados em estudos biológicos.

6 Ler mais

Critérios diagnósticos e tratamento dos distúrbios respiratórios do sono: SAOS.

Critérios diagnósticos e tratamento dos distúrbios respiratórios do sono: SAOS.

eficácia ainda não seja totalmente conhecida em relação ao tratamento de SAOS. Já as cirurgias nasais podem ser de grande auxílio para o uso de CPAP, mas nem tanto para o tratamento de SAOS. Os níveis pressóricos mais baixos de CPAP, após o tratamento cirúrgico nasal, têm mostrado resultados bastante animadores, principalmente para os casos em que as altas pressões dificultam ou até impedem o uso de CPAP nasal. (23)

5 Ler mais

Eficácia da acupunctura no tratamento de distúrbios temporomandibulares em instrumentistas de orquestra

Eficácia da acupunctura no tratamento de distúrbios temporomandibulares em instrumentistas de orquestra

No entanto, quando efetuámos uma análise pormenorizada a este estudo, há aspetos que têm de ser considerados e que, podem ter uma influência muito relevante. Um deles é o uso das escalas de dor, as quais se baseiam nas queixas dos instrumentistas e da sua avaliação individual do nível de dor sentido. Outro aspeto é a duração prevista de quatro semanas do tratamento de acupunctura por indivíduo, devido ao pouco tempo disponível que possuo, enquanto investigadora e simultaneamente estudante, para a realização da investigação. Além disso, foi complicado conciliar um horário livre dos músicos, uma vez que eles possuem muitas aulas, audições e concertos, tendo-lhes sido difícil deslocarem-se à Faculdade de Medicina Dentária da Universidade do Porto para a realização das sessões de acupunctura.
Mostrar mais

43 Ler mais

Ansiedade e depressão em mães de crianças com distúrbios de linguagem: a importância do trabalho interdisciplinar.

Ansiedade e depressão em mães de crianças com distúrbios de linguagem: a importância do trabalho interdisciplinar.

Somava-se a predisposição genética para o distúrbio de linguagem em am- bas as crianças, com claro fator hereditário, pois, ambos os pais foram falantes tardios e possivelmente com distúrbios de linguagem, as dificuldades relacionais com os seus filhos (BUIZA-NAVARRETE; ADRIAN-TORRES; GONZÁLEZ- -SÁNCHEZ, 2007). A presença de um exercício das funções parentais frágeis, tanto em função dos sintomas ansiosos e depressivos das mães, quanto em função da dificuldade da função paterna se fazer presente. Ambos os casais não haviam planejado o nascimento das crianças e pareciam estar pouco preparados para as- sumir as funções parentais, o que parece ter criado uma situação complexa para o desenvolvimento das mesmas. Em meio a essa situação, a evolução de linguagem das crianças correu riscos adicionais aos fatores genéticos e demonstrou que a terapia fonoaudiológica necessita incluir um trabalho continuado com os pais, motivando-os para a busca de sua própria terapia, quando o exercício das funções parentais estiver comprometido (SOUZA; KLINGER; MALDANER, 2009).
Mostrar mais

16 Ler mais

Mobile Drum Hero: sistema de aprendizado de bateria interativo

Mobile Drum Hero: sistema de aprendizado de bateria interativo

Como demonstrado na Figura 34, o sistema irá possuir 4 botões, o primeiro será o de níveis, nele será possível escolher os níveis do jogo, desde o fácil ao difícil. O tutorial em que possuirá algumas dicas sobre como jogar ou tocar o instrumento, as estatísticas do usuário em relação às partidas e por último os créditos sobre os criadores do jogo e os colaboradores.

61 Ler mais

Sistema interativo de gestão integrada de recursos hídricos - SINGIRH

Sistema interativo de gestão integrada de recursos hídricos - SINGIRH

Diante da crescente pressão que o homem vem impondo aos recursos naturais, em especial aos hídricos, surge a necessidade de se criarem mecanismos capazes de organizar a gestão desses recursos para que se possa dar conta das necessidades atuais sem comprometer a sua utilização futura. Neste trabalho, propõe-se a gestão integrada e interativa dos recursos hídricos através da unidade administrativa de bacias hidrográficas, considerando o envolvimento de diferentes esferas de gestão pública responsáveis pela gestão do uso e da ocupação do solo e os valores da população local. Como resultado, o sistema apresentado destaca-se por criar uma interface entre os instrumentos de gestão de recursos hídricos, já previstos na Lei Federal 9.433, com os instrumentos de gestão pública municipal. Essa interação permite atenuar as sobreposições dos mecanismos legais e gerenciais e, simultaneamente, possibilita a identificação de discrepâncias existentes em cada um dos elementos a serem considerados no processo de gestão. O desenvolvimento dessas atividades é baseado na utilização de diferentes ferramentas de gestão organizacional vinculando as atividades executivas dos projetos e programas aos objetivos estratégicos de longo prazo por meio de indicadores de desempenho. A aplicabilidade do modelo foi verificada utilizando-se informações da Bacia Hidrográfica do Rio do Peixe, em SC. Entre os resultados destaca-se a necessidade de criar condições para levantar e coletar informações necessárias a aplicação do modelo e também a importância da efetiva participação popular para o sucesso do mesmo.
Mostrar mais

276 Ler mais

Sistema especialista para prognóstico de distúrbios de aprendizagem em TDAH

Sistema especialista para prognóstico de distúrbios de aprendizagem em TDAH

O diagnóstico do TDAH é inteiramente clínico, feito com base nos sintomas manifestados. Os profissionais habilitados a fazer esse diagnóstico são médicos, psicólogos, psiquiatras, fonoaudiólogos, bem como profissionais capacitados e experientes nessa área de atuação. Os sistemas especialistas são importantes ferramentas para facilitar o trabalho e estudo de várias áreas de domínio. Kvitca et al. (1988) diz que os SEs resolvem problemas da vida, diagnósticos médicos, desenho de circuitos integrados, construção de equipamentos industriais, construção de programas de computador entre outros. Os SEs conseguem resolver problemas utilizando conhecimentos adquiridos pela experiência do especialista humano em uma determinada área de atuação. Baseado nessa questão o sistema a ser desenvolvido pretende auxiliar os profissionais a chegarem aos diagnósticos mais rapidamente e com maior chance de assertividade. Buscando por meio desse promover maior qualidade de vida para os portadores do transtorno. O SE será parte integradora do trabalho de conclusão do curso de Licenciatura em Informática.
Mostrar mais

39 Ler mais

Avaliação do efeito do tratamento de distúrbios temporomandibulares sobre o zumbido

Avaliação do efeito do tratamento de distúrbios temporomandibulares sobre o zumbido

Num primeiro momento, ocorrido na consulta de admissão, realizou-se uma anamnese dirigida através de um questionário (vide apêndice 02), no qual foram avaliados a idade do paciente, o sexo, há quanto tempo o paciente apresenta zumbido, caracterização do zumbido – local do sintoma e grau de intensidade, a qual foi medida através da apresentação de uma escala analógico-visual ao paciente (vide apêndice 03) –, exposição a ruídos (hábito de ir a danceterias, shows musicais ao vivo, usar fones de ouvido com som intenso, exposição no trabalho e uso de equipamentos de proteção individual – EPI), comorbidades (hipertensão arterial sistêmica – HAS –, diabetes mellitus – DM –, cirurgia otológica prévia, internações, contato com drogas ototóxicas). Em seguinte, realizou-se a otoscopia bilateral, rinoscopia anterior e oroscopia. Por fim, foi solicitada uma audiometria tonal e vocal e o diagnóstico odontológico da DTM observado e o tratamento proposto foram anotados.
Mostrar mais

36 Ler mais

Tratamento dos distúrbios respiratórios do sono com aparelhos intra-orais

Tratamento dos distúrbios respiratórios do sono com aparelhos intra-orais

No primeiro artigo deste trabalho, analisamos a qualidade vida de pacientes com apnéia tratados com Aparelho Reposicionador Mandibular Intra-Oral (ARMIO). Aplicamos o questionário Calgary Sleep Apnea Quality of Life Index (Calgary SAQLI) antes e depois do protocolo com ARMIO. Observamos uma grande melhora na qualidade de vida em quase a metade dos participantes e uma grande melhora dos sintomas em 72,7% deles. No nosso segundo estudo, nosso objetivo foi observar os pacientes que relatavam não melhorar com o uso de ARMIO, mesmo com dados polissonográficos atestando a melhora objetiva. Assim, o estudo das comorbidades clínicas no tratamento da SAOS com ARMIO nos revelou que, não só a presença de comorbidades isoladas como insônia, doenças neurológicas, reumatológicas e gástricas, mas principalmente o acúmulo delas desempenha um papel significativo para o insucesso no tratamento com ARMIO na SAOS. No terceiro artigo, avaliamos a eficácia do ARMIO no tratamento de pacientes com SAOS segundo o rigor de avaliação da American Academy of Sleep Medicine (AASM), uma vez que o critério de melhora da maioria dos estudos não leva em consideração o IAH < 5 / h para considerar tratado o paciente. Obervamos que o IAH médio de 26 ± 17,7 / h cai para 4,8 ± 5,3 / h (p<0,00005) na análise geral da amostra. Setenta e cinco por cento dos pacientes com SAOS de grau leve; 65% daqueles com SAOS de grau moderado e 52% daqueles com SAOS de grau grave foram eficazmente tratados segundo os critérios da AASM.
Mostrar mais

206 Ler mais

Sistema automático de classificação de distúrbios elétricos múltiplos e isolados.

Sistema automático de classificação de distúrbios elétricos múltiplos e isolados.

uma classe de dist´ urbios e, portanto, o uso de uma ex- tra¸c˜ ao de parˆ ametros mais elaborada, de forma a maxi- mizar as fronteiras de separa¸c˜ ao entre estes dist´ urbios, foi utilizada. Neste caso, parˆ ametros baseados em EOS (Mendel, 1991), especificamente, os cumulantes de se- gunda e quarta ordem foram utilizados. O uso de cu- mulantes como parˆ ametros para a classifica¸c˜ ao de dis- t´ urbios foi inicialmente proposta, com bastante sucesso, em Ribeiro (2005). As vantagens do uso de cumulantes, como parˆ ametros para caracterizar os dist´ urbios, s˜ ao: (i) carregam informa¸c˜ oes importantes para a classifica- ¸c˜ ao dos mesmos e (ii) os cumulantes de ordem maior que 2 s˜ ao nulos para ru´ıdos gaussianos, o que torna o sistema imune a estes ru´ıdos.
Mostrar mais

10 Ler mais

Publicações do PESC Siamplex (Sistema Interativo para Aprendizagem do Método Simplex)

Publicações do PESC Siamplex (Sistema Interativo para Aprendizagem do Método Simplex)

Esta apresenta uma janela no centro da tela que pergunta ou usuário se o SIMPLEX deve iniciar pela fase 1 (se o modelo contém variáveis artificiais) ou não ( caso contr[r]

96 Ler mais

Show all 10000 documents...