Texto

(1)

E D I T A L Nº 0 0 9 / 2 0 1 4

A Coordenadora do Curso de Especialização em Direito Civil, área de concentração Civil Constitucional, Profa. Dra. Maria Luiza Alencar Mayer Feitosa; e o Diretor da Escola Superior da Magistratura do Tribunal de Justiça do Estado da Paraíba, Desembargador Luiz Sílvio Ramalho Júnior, no uso de suas atribuições, tornam público o presente edital que regula as condições de ingresso, por via de EXAME DE SELEÇÃO, ao Curso de Pós-Graduação Lato Sensu, denominado Curso de Especialização em Direito Civil, área de concentração Civil Constitucional- CEDCC, a ser ministrado pelo Departamento de Direito Privado (DDPr) do Centro de Ciências Jurídicas (CCJ), Campus I, ano letivo 2014, nos termos da Resolução n° 56/96 do CONSEPE/UFPB, e autorizada pela Resolução nº 09/2014 da CONSEPE/UFPB, de acordo com as condições abaixo:

1. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

1.1. O Curso de Pós-Graduação Lato Sensu, em nível de especialização, denominado Curso de Especialização em Direito Civil, área de concentração Civil Constitucional- CEDCC, será destinado a magistrados e servidores dos quadros dos Tribunais de Justiça Estadual e Federal da Paraíba, Ministério Público, Defensoria Pública (todos do Estado da Paraíba), funcionários do Centro de Ciências Jurídicas da Universidade Federal da Paraíba e comunidade geral terá como objetivo geral desenvolver a formação de especialistas na área temática do Direito Civil Constitucional, em perspectiva teórica e também prática, qualificando-os para atuarem em campos sociojurídicos interdisciplinares e potencializando capacidades.

1.2. Para se inscrever no processo seletivo, o candidato deverá ter o nível de escolaridade Superior completo em Direito.

2. DAS VAGAS

2.1. Serão oferecidas 70 (setenta) vagas, cuja discriminação encontra-se adiante especificada: I – 04 (quatro) vagas para funcionários do CCJ-UFPB;

(2)

III – 02 (duas) vagas para membros do Ministério Público do Estado da Paraíba;

IV – 02 (duas) vagas para membros para membros da Defensoria Pública do Estado da Paraíba;

V – 06 (seis) vagas para magistrados e servidores da Justiça Federal;

VI – 15 (quinze) vagas para magistrados do Poder Judiciário do Estado da Paraíba; VII – 15 (quinze) vagas para servidores do Poder Judiciário do Estado da Paraíba; e VIII – 20 (vinte) vagas para graduados em Direito; concorrência geral.

2.2. Após o processo seletivo, as vagas não preenchidas para os outros segmentos reverterão para o segmento de juízes, podendo, em caso de não haver demanda neste, serem destinadas para outro segmento entre os demais.

2.3. A Escola reserva-se o direito de não formar nova turma, caso não haja número mínimo de alunos selecionados, a critério da Diretoria.

3. DA INSCRIÇÃO

3.1. As inscrições para o processo seletivo estarão abertas no período de 03 a 13 de junho de 2014, com divulgação deste Edital no site esma.tjpb.jus.br

3.2. Poderão se inscrever à seleção do CEDCC juízes de direito, promotores de justiça, defensores públicos e servidores técnico-administrativos do CCJ/UFPB, da área meio e área fim do TJ-PB, e da Justiça Federal e, ainda, a Concorrência Geral, selecionados para tal finalidade.

3.3. Para efetuar sua inscrição, o candidato deve:

3.3.1 acessar a página da ESMA na internet (http://esma-acad.tjpb.jus.br) para o preenchimento do Formulário Eletrônico de Inscrição;

3.3.2 fazer opção pela categoria das vagas de que trata o item 2.1 deste Edital;

3.3.3 preencher todos os campos obrigatórios do Formulário Eletrônico de Inscrição;

3.3.4 preencher o campo “endereço do currículo lattes” do Formulário Eletrônico de Inscrição, com currículo acadêmico atualizado, registrado na plataforma lattes do CNPq, devidamente documentado. O currículo poderá ser enviado ao site ( http://esma-acad.tjpb.jus.br) até o dia 26 de junho de 2014; e

3.3.5 digitalizar em 01 (um) único arquivo PDF e enviar, através do link “ANEXO”, os

seguintes documentos: cópias autenticadas da Carteira de Identidade, do CPF, do título de eleitor e do certificado de reservista (candidatos do sexo masculino).

3.4. Será realizada no dia 16 de junho, às 19h00, nas instalações da Esma, unidade João Pessoa, reunião acerca da importância do curso e de seu conteúdo programático, além de oficina para a elaboração do currículo lattes.

(3)

3.5. A inscrições homologadas serão divulgadas na página da Esma (esma.tjpb.jus.br) no dia 16 junho de 2014.

3.6 Será de inteira responsabilidade do candidato a veracidade das informações prestadas no formulário de inscrição.

3.7 O candidato que efetuar mais de uma inscrição terá validada apenas a última.

4. DA SELEÇÃO

4.1. Os candidatos serão submetidos a uma prova de seleção, de caráter dissertativo, quanto ao domínio do Conteúdo Programático da área de concentração Direito Civil Constitucional, especificado no Anexo I deste Edital.

4.2. O tema da prova será sorteado dentre os 08 (oito) pontos especificados no Anexo I.

4.3. O Processo Seletivo constará de duas etapas de caráter classificatório, realizadas na seguinte ordem:

4.3.1 Prova Escrita (PE);

4.3.2 Análise do Currículo (AC).

4.4. Não será admitido nenhum tipo de consulta, bem como a comunicação entre os candidatos, sob pena de desclassificação.

4.5. A avaliação será realizada na cidade de João Pessoa, no dia 27 de junho de 2014, das 16h às 19h00, devendo o candidato portar documento de identidade informado no Formulário Eletrônico de Inscrição. Retardatários não terão acesso às provas.

4.6. As provas serão avaliadas por uma banca examinadora, composta por professores do DDPr e DDPu do CCJ/UFPB, designados pelo coordenador.

4.7. A divulgação dos resultados indicará apenas os classificados, sendo facultado aos não-classificados requerer à Secretaria a consulta às suas notas, em caráter estritamente reservado e pessoal, a fim de resguardar o direito constitucional à privacidade e à intimidade dos candidatos reprovados.

4.8. A classificação será feita com base na ordem decrescente da média das notas obtidas nas questões, e cada candidato concorrerá com os inscritos da categoria de que trata do item 1.1.

4.9. Em caso de igualdade de pontos no processo seletivo, para efeito de desempate, considerar-se-á aprovado o candidato que:

4.9.1. Tiver maior nota na Prova Escrita; 4.9.2. Tiver maior nota na Análise do Currículo.

4.10. No dia 04 de julho de 2014 será publicado, na página eletrônica da ESMA (esma.tjpb.jus.br), o Resultado Final do Processo Seletivo.

(4)

23h55 do dia 08 de julho de 2014, devendo ser encaminhado à Comissão de Seleção do processo objeto deste Edital, exclusivamente, através do endereço eletrônico esma@tjpb.jus.br.

4.12.No dia 09 de julho de 2014, será publicado, na página eletrônica da ESMA (esma.tjpb.jus.br), o resultado da apreciação dos recursos interpostos ao Resultado Final.

4.13. No dia 10 de julho de 2014, o Colegiado do Curso de Especialização em Direito Civil, deverá apreciar o Relatório Final do Processo Seletivo para fins de homologação.

4.14. O Tribunal de Justiça não arcará com quaisquer despesas do alunado para deslocamento, hospedagem, alimentação, etc.

5. DA MATRÍCULA

5.1. As matrículas dos candidatos aprovados serão realizadas no período de 07 a 11 de julho de 2014, no horário das 14h00 às 18h00, na Secretaria da Esma, Unidade de João Pessoa.

6. CRONOGRAMA

Etapa Período

Inscrição 03 a 13/06/2014

Homologação das inscrições 16/06/2014

Reunião e Oficina 16/06/2014

Prova Escrita 27/06/2014

Análise do Currículo 30/06 a 03/07/2014

Resultado Final 04/07/2014

Interposição de recurso ao Resultado Final 07 a 08/07/2014

Resultado da apreciação dos recursos interpostos ao Resultado Final 09/07/2014

Homologação do Processo Seletivo 10/07/2014

Matrícula 07 a 11/07/2014

6.1. O Cronograma supracitado poderá sofrer alterações, motivadas por razões de ordem institucional ou legal.

6.2. Caso ocorram, as alterações no Cronograma deverão ser publicadas, na página eletrônica da Esma (esma.tjpb.jus.br), através de comunicados complementares ao presente termo.

7. DO INVESTIMENTO

7.1. Serão cobradas 15 (quinze) mensalidades aos seguintes alunos:

7.2.O aluno promotor de justiça receberá bolsa de 50% da mensalidade e pagará 15 parcelas mensais de R$ 200,00 ( duzentos reais), conforme contrato próprio;

(5)

de R$ 200,00 ( duzentos reais), conforme contrato próprio;

7.4. O aluno servidor do TJPB receberá bolsa de 80% da mensalidade e pagará 15 parcelas mensais de R$ 80,00 (oitenta reais), descontadas em folha de pagamento;

7.5. O aluno magistrado do TJPB receberá bolsa de 60% da mensalidade e pagará 15 parcelas mensais de R$ 120,00 (cento e vinte reais), descontadas em folha de pagamento;

7.6. O aluno magistrado e servidor da Justiça Federal receberá bolsa de 50% da mensalidade e pagará 15 parcelas mensais de R$ 200,00 (duzentos reais), conforme contrato; e

7.7. O aluno da Concorrência Geral pagará 15 parcelas mensais de R$ 400,00 ( quatrocentos reais), conforme contrato próprio.

7.8. Haverá isenção de mensalidades para os alunos funcionários do CCJ-UFPB e dos alunos da demanda social.

7.9. Não haverá isenção do pagamento de 15 parcelas acordadas, em caso de desistência ou abandono do curso, exceto em casos excepcionais e na forma prevista em Termo de Compromisso, a critério da Presidência do TJPB.

8. DO INÍCIO DAS AULAS

8.1. O curso terá seu início com uma Aula Inaugural em 01 de agosto de 2014, nas dependências da Esma, no Complexo Judiciário Corregedoria/Esma, João Pessoa - PB.

9. DO CALENDÁRIO

9.1. As aulas serão, preferencialmente, quinzenais, às sextas-feiras das 14h00 às 18h00 e das 19h00 às 22h00 e aos sábados das 08h00 às 12h00 e das 14h00 às 18h00.

10. DA COMISSÃO E DOS CASOS OMISSOS

10.1. A Comissão de Seleção para ingresso no CEDCC é o órgão máximo para resolução de todos os casos omissos e demais decisões a respeito do concurso, podendo consultar o Colegiado do Curso, se entender necessário.

10.2.Estes são os termos em que se constitui o presente Edital para que atenda aos interessados e cumpra as suas finalidades.

João Pessoa, 29 de maio de 2014. Prof. Dra. MARIA LUIZA ALENCAR MAYER FEITOSA

Coordenadora do CEDCC

Des. LUIZ SILVIO RAMALHO JÚNIOR Diretor da ESMA

(6)

ANEXO I - CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DA PROVA ESCRITA

CONTEÚDO TÓPICOS ESPECÍFICOS

LÔBO, Paulo. Direito Civil: famílias – 4 ed. - São Paulo: Saraiva, 2011.

MARQUES, Claúdia Lima; MIRAGEM, Bruno. O novo direito privado e a proteção dos vulneráveis. - São Paulo: Editora Revista dos Tribunais, 2012.

BRITO, Rodrigo Tosacno de. Equivalência material dos contratos-civis, empresariais e de consumo. São Paulo:Saraiva, 2007.

LÔBO, Paulo. Direito Civil: parte geral – 2 ed. - São Paulo: Saraiva, 2010.

PERLINGIERE, Pietro. Perfis do direito civil: introdução ao direito civil constitucional; tradução de: Maria Cristina de Cicco, 3. ed, rev e ampl.-Rio de janeiro. Renovar, 2012.

1.A garantia constitucional de proteção dos vulneráveis.

2.Direitos da personalidade e novas situações existenciais.

3.O novo conceito de família a luz do direito civil constitucional.

4.Interfaces da Função social da propriedade: alternativa, meio ambiente e vulnerabilidade.

5.Proteção contratual do contratante vulnerável face a principiologia civil-constitucional

Link: http://esma.tjpb.jus.br/esma/sem-categoria/conteudo-programatico-para-cursos-de-especializacao

Imagem

temas relacionados :