Q45MSL Instruções de serviço

38 

Texto

(1)

QUICK-ROTAN Elektromotoren GmbH Königstraße 154 67655 Kaiserslautern Tel: 0631 / 200 38 80 Fax: 0631 / 200 38 62 E-Mail: tech.supp@quick-rotan.com www.quick-rotan.com

Português 2002-07-02

Instruções de serviço

Parte 2

Tipo

Q45MSL

QE5540

MINI-STOP

(2)

Indice

Página

Parte 2

7. Estrutura e descrição do accionamento MINI-STOP 7.1 - 7.8

7.1 Motor QE 5540 7.2 Comando

-7.3 Gerador de valores nominais (gerador de comandos-SWG2) 7.4 Painel de comando externo OC-TOP

7.5 Campos de aplicação para o accionamento

8. Utilização 8.1 - 8.7

8.1 Coser sem painel de comando externo

8.2 Coser com painel de comando externo OC-TOP 8.2.1 Coser sem programa de costura (costura manual) 8.2.2 Coser com programas de costura- (costura programada) 8.2.3 Programas de costura

8.3 Mensagens de avaria (diagnóstico)

9. Programação do utilizador 9.1 - 9.15

9.1 Programação do utilizador com o painel de comando OC-TOP 9.1.1 Programação directa

9.1.2 Programação de parâmetros

9.1.2.1 Nível de programação A (nível do utilizador) 9.1.2.2 Nível de programação B (nível do mecânico) 9.1.2.3 Nível de programação C (nível especial) 9.1.3 Recolocação (Reset)

9.2 Programação do utilizador através do mini-painel de programação (MPF) interno 9.2.1 Indicação 1: Pontos de remate

9.2.2 Indicação 2: Velocidade de rotação 9.2.3 Indicação 3: Funções de costura 9.2.4 Indicação 4: Parâmetros de comando 9.2.5 Recolocação (Reset)

10. Colocação em funcionamento 10.1 - 10.5

10.1 Controlar o sentido de rotação

10.2 Controlar as posições da agulha (NP1 / NP2 / NP3)

10.3 Controlar as posições da agulha NP5/NP6 para o corte da linha 10.4 Controlar a velocidade de rotação máxima

10.5 Teste de hardware

q-45-msl-2-pt 02-07-02

(3)

7. Estrutura e descrição do accionamento MINI-STOP

O accionamento MINI-STOP é um motor de corrente contínua comutado electronicamente. O accionamento é composto dos componentes principais seguidamente referidos (ver fig. 7.1)

Fig. 7.1

Fig. 7.2

Fig. 7.3

Fig. 7.4

Motor QE5540 (ilustr. 7.1) com transmissor incremental opto-eletrônico integrado para a comutação

e o posicionamento.

Controle (ilustr. 7.2) com

- comutador da corrente integrado

- conexão à rede com conexão para dispositivo antiparasitário - bloco da rede para conectar eletrônico e regulado

- circuito intermediário de corrente contínua - ondulador guiado pelo motor

- sistema eletrônico de comando para o comando do motor e as funções específicas da máquina

Indicador do valor teórico SWG2 (ilustr. 7.3) Painel de controle OC-TOP (ilustr. 7.4 - opcional)

7.1

Motor QE5540

O motor é um motor síncrono cujo rotor apresenta magnetismo permanente, um estator com entolamento trifásico e indicador incremental optoeletrônico para a comutação e o posicionamento. A capacidade de dimensionamento do motor (potência do eixo) é de 550 W no regime S5. O número de rotações do motor é de 6000 RPM, sendo a rotação máxima de 9000 RPM.

O motor possue dois fios de conexão:

a) com 4 veios e conector especial AMP de quatro polos (X1) para a conexão do enrolamento do estator ao controle

b) com 6 veios e blindagem asim como tomada D-sub de nove polos (X2) para a conexão do indicador incremental ao controle.

(4)

q-45-msl-2-pt 7.2 02-07-02

7.2 Controle

Fig. 7.5 Fig. 7.6

A caixa de controle é aparafusada ao tampo da mesa da máquina por baixo com os quatro parafusos anexados.

A conexão à rede é unifásica e é feita através de um contactor de segurança convencional com o fio de 3 polos que sai por trás.

O sistema de controle possue elementos funcionais periféricos na parte da frente (ilustr. 7.5):

1 comutador da corrente S1

e o mini-painel de programação (MPF)

composto por: um mostrador LCD de 8 dígitos 6 miniteclas: M+ /

M-C>> / C<< V+ /

V-na parte de trás (ilustr. 7.6): as tomadas e fichas de conexão

X1 tomada de quatro polos para a conexão do enrolamento do estator do motor X2 tomada sub-D de nove polos para a conexão do indicador incremental do motor

X3 tomada sub-D de nove polos para a conexão do indicador do valor teórico SWG2 (art. no. 63.012)

X4 tomada sub-D de nove polos para a conexão do painel de controle OC-TOP/AP (art. no. 64.175)

X5 tomada sub-D de 37 polos para a conexão dos elementos do processo (teclas, comutadores,

ímãs, válvulas magnéticas) na máquina

(5)

q-45-msl-2-pt 7.3 02-07-02 O comando está ligado à máquina de costura/instalação de costura através de

Entradas (Ex), p.ex., para botões, interruptores, interruptores de aproximação, monitorizadores e Saídas (Ax), p.ex., para electroímans, válvulas electromagnéticas, luzes de sinalização, etc.

Função para Entradas (Ex) e Saídas (Ax)

Entradas (Ex)

E1: Dispositivo de mudança de transporte (remate manual) / condensação dos pontos

E2: Mudança da posição da agulha se <616> = I 1)

Subir agulha sem cortar se <616> = II

E3: Ponto simples

E4: Calcador se <427> = 1

alteração do curso se <427> = 2

Puller se <427> = 3

STOP se <427> = 4

Guilhotina se <427> = 5, <578> = I, <799> = 1

E6: Stop/Bloqueio de arranque

E13: Limitação das rotações

1)<616>=I significa que o parâmetro 616 (o número de parâmetro 616) está colocado em "I".

<616>=II significa que o parâmetro 616 (o número de parâmetro 616) está colocado em "II".

Saídas (Ax)

A1: Corte de linhas para a frente

A2: Corte de linhas para trás

A3: Limpa-linhas se <799> = 1, 2, 3, 4 Soprar de cadeia se <799> = 5

A4: Levantar o calcador

A5: Mudar o transporte se <799> = 1, 2, 3, 4

Condensação dos pontos se <799> = 5 und <427> = 5 Aspirar de cadeia se <799> = 5 und <427> = 5

A6: Corte de linhas se <799> = 1, 2, 3, 4

Guilhotina se <799> = 5 und <427> = 5 e <578> = I

A7: Calcador em baixo se <427> = 1 Alteração do curso se <427> = 2

Puller se <427> = 3

A8: Motore in moto

A10: Soltar tensão da linha

(6)

7.3 Indicador do valor téorico SWG2

O elemento SWG2 é fixado sob a mesa da máquina por meio da cantoneira anexada, sendo conectada ao pedal da máquina através das hastes também anexadas.

A conexão elétrica do SWG2 é feita através do acoplamento de nove polos na ficha X3 que se encontra atrás do controle.

O elemento SWG2 é um transformador mecânico-elétrico com operação analógica que transforma o trajeto do pedal em tensão analógica. Esta tensão analógica de saída do elemento SWG2 é digitalizada no sistema de controle, de maneira que o trajeto do pedal é dividido em 16 passos (posições).

Escalão Posição Corrente [V] Significado

0 -2 0,00 - 0,50 Fim da costura, corte de linhas

1 -1 0,50 - 0,94 Calcador em cima 2 0 0,94 - 1,76 Posição do pedala 0 3 +1 1,76 - 2,21 Calcador em baixo 4 +1 D 2,21 - 2,43 Rotações n1 5 +2 D 2,43 - 2,66 Rotações n2 6 +3 D 2,66 - 2,90 Rotações n3 7 +4 D 2,90 - 3,13 Rotações n4 8 +5 D 3,13 - 3,37 Rotações n5 9 +6 D 3,37 - 3,60 Rotações n6 10 +7 D 3,60 - 3,84 Rotações n7 11 +8 D 3,84 - 4,07 Rotações n8 12 +9 D 4,07 - 4,31 Rotações n9 13 +10 D 4,31 - 4,54 Rotações n10 14 +11 D 4,54 - 4,78 Rotações n11 15 +12 D 4,78 - 5,00 Rotações n12

Esquema de conexão (X3) comando de velocidade

0 … 5V tensão (valor nominal) +5V 0V 1 2 3 4 5 6 7 8 9 q-45-msl-2-pt 7.4 02-07-02

(7)

q-45-msl-2-pt 7.5 00-08-16

7.4 Painel de comando externo OC-TOP

O painel de comando OC-TOP/AP (fig. 7.7) possui os seguintes componentes: - um mostrador: matriz LCD de 16 dígitos

- 14 teclas de programação:

A+/A-/B+/B-/C+/C-/D+/D-/P+/P-/S+/S-/L+/L-- 2 teclas (T9, T10) para a selecção do modo de operação - 13 teclas (T1...T8, T11...T15) para as funções da máquina

- Um conector de fotocélula na parte traseira, para a conexão de uma ou duas (com adaptador) fotocélulas

7.4.1 Painel de comando externo OC-TOP/AQ

fig. 7.7

Função das teclas de programação no modo de operação ”costura manual”

(Tecla T9 apagada, tecla T10 apagada)

- A+/A- programação do número de pontos A remate inicial - B+/B- programação do número de pontos B remate inicial - C+/C- programação do número de pontos C remate final - D+/D- programação do número de pontos D remate final

Função das teclas de programação no modo de operação ”costura programada”

(Tecla T9 acesa, tecla T10 apagada)

- A+/A- programação da velocidade de rotação nx no programa de costura x - A+/A- programação do número de pontos A remate inicial

- B+/B- programação do número de pontos B remate inicial - C+/C- programação do número de pontos C remate final - D+/D- programação do número de pontos D remate final

- D+/D- Pré-selecção do programa de costura subsequente ao programa x - P+/P- activação do programa de costura x (número do programa: x) - S+/S- activação da costura (01...05) no programa de costura x

- L+/L- programação do contador de ciclos

T1

T2

T3

T4

T5

T6

T7

T8

T9

T10

T11

T12

T13

T14

T15

(8)

q-45-msl-2-pt 7.6 00-08-16

Função das teclas de programação no modo de operação ”programação de parâmetros”

(Tecla T9 apagada, tecla T10 acesa)

- P+/P- Comutação na casa dos cem no número de parâmetro - S+/S- Comutação do número de parâmetro na casa dos cem ligada - L+/L- programação do valor paramétrico do número de parâmetro ligado

Função das teclas T9 e T10 para a selecção do modo de operação

- T9 apagada, T10 apagada: costura manual - T9 acesa, T10 apagada: costura programada

- T9 apagada, T10 acesa: programação de parâmetros

- T9 acesa, T10 acesa: ”teach in” (alinhavado), veja capítulo 9.1.1

Função das teclas (T1...T8, T11...T15) para as funções da máquina

- T5 comutação de funções para as teclas T1...T4 - T1 interligação de costuras subsequentes (com/sem) - T2 velocidade de rotação na costura programada:

variável (dependente do pedal), quando a tecla T2 não estiver premida (apagada) constante (automática), quando a tecla T2 estiver acesa

- T3 mudança de transporte de uma costura - T5+T3 ponto individual

- T4 costura manual ou de pontos contados - T5+T4 visualização da quantidade no mostrador - T6 remate inicial (ligar/desligar)

- T7 remate final (ligar/desligar) - T8 inversão do remate

- T11 posição da agulha ao parar a costura (em cima / em baixo) - T12 posição do calcador ao parar a costura (em cima / em baixo) - T13 posição do calcador após o final da costura (em cima / em baixo) - T14 cortar a linha (ligar/desligar)

- T15 coser com fotocélula (ligar/desligar)

Atenção: Após a programação, premir novamente a tecla T5 para que esta fique escura.

Cada uma das teclas T1 a T15 está equipada com uma lâmpada de sinalização (LED). Cada lâmpada LED fornece a indicação visual do estado de comutação da função atribuída à respectiva tecla. Quando a função estiver ligada, a lâmpada LED está acesa; quando a função estiver desligada, a lâmpada LED está

(9)

7.4.2 Painel de comando externo OC-TOP/FQ

fig. 7.8

Função das teclas de programação no modo de operação ”costura manual”

(Tecla T9 apagada, tecla T10 apagada)

- A+/A- programação do número de pontos A/B Condensação dos pontos inicial - B+/B- programação do número de pontos A/B Condensação dos pontos inicial - C+/C- programação do número de pontos C/D Condensação dos pontos final - D+/D- programação do número de pontos C/D Condensação dos pontos final

Função das teclas de programação no modo de operação ”costura programada”

(Tecla T9 acesa, tecla T10 apagada)

- A+/A- programação da velocidade de rotação nx no programa de costura x - A+/A- programação do número de pontos A/B Condensação dos pontos inicial - B+/B- programação do número de pontos A/B Condensação dos pontos inicial - C+/C- programação do número de pontos C/D Condensação dos pontos final - D+/D- programação do número de pontos C/D Condensação dos pontos final - D+/D- Pré-selecção do programa de costura subsequente ao programa x - P+/P- activação do programa de costura x (número do programa: x) - S+/S- activação da costura (01...05) no programa de costura x

- L+/L- programação do contador de ciclos

Função das teclas de programação no modo de operação ”programação de parâmetros”

(Tecla T9 apagada, tecla T10 acesa)

- P+/P- Comutação na casa dos cem no número de parâmetro - S+/S- Comutação do número de parâmetro na casa dos cem ligada - L+/L- programação do valor paramétrico do número de parâmetro ligado

Função das teclas T9 e T10 para a selecção do modo de operação

- T9 apagada, T10 apagada: costura manual - T9 acesa, T10 apagada: costura programada

- T9 apagada, T10 acesa: programação de parâmetros

- T9 acesa, T10 acesa: ”teach in” (alinhavado), veja capítulo 9.1.1

T6

T7

T8

T9

T10

T11

T12

T13

T14

T15

T1

T2

T3

T4

T5

(10)

Função das teclas (T1...T8, T11...T15) para as funções da máquina

- T5 comutação de funções para as teclas T1...T4 - T1 interligação de costuras subsequentes (com/sem) - T2 velocidade de rotação na costura programada:

variável (dependente do pedal), quando a tecla T2 não estiver premida (apagada) constante (automática), quando a tecla T2 estiver acesa

- T3 mudança de transporte de uma costura - T5+T3 ponto individual

- T4 costura manual ou de pontos contados - T5+T4 visualização da quantidade no mostrador - T6 Condensação dos pontos inicial (ligar/desligar) - T7 Condensação dos pontos final (ligar/desligar) - T8 inversão do Condensação dos pontos

- T11 posição da agulha ao parar a costura (em cima / em baixo) - T12 posição do calcador ao parar a costura (em cima / em baixo) - T13 posição do calcador após o final da costura (em cima / em baixo) - T14 cortar a linha (ligar/desligar)

- T15 coser com fotocélula (ligar/desligar)

Atenção: Após a programação, premir novamente a tecla T5 para que esta fique escura. Cada uma das teclas T1 a T15 está equipada com uma lâmpada de sinalização (LED). Cada lâmpada LED fornece a indicação visual do estado de comutação da função atribuída à respectiva tecla. Quando a função estiver ligada, a lâmpada LED está acesa; quando a função estiver desligada, a lâmpada LED está apagada.

7.5 Campos de aplicação para o accionamento

(Classes de máquina)

O accionamento do tipo Q40MS pode ser utilizado para diversas classes de máquina. Cada classe de máquina requer um programa de comando específico. A activação (ligação) do programa de comando específico para cada máquina é efectuada através do parâmetro <799> (programação de parâmetros, vide capítulo 9.1.2.2).

Sendo:

<799> = 1 classe de máquina 1 = pespontos Singer <799> = 2 classe de máquina 2 = pespontos Pfaff

<799> = 3 classe de máquina 3 = pespontos Dürkopp, Juki <799> = 4 classe de máquina 4 = pespontos Refrey <799> = 5 classe de máquina 5 = pontos de cadeia Union Special <799> = 6 classe de máquina 6 = pontos de cadeia Yamato

(11)

q-45-msl-2-pt 8.1 02-07-02

8. Utilização

Este accionamento MINI-STOP pode ser utilizado com ou sem painel de comando externo OC-TOP. Sem o painel de comando OC-TOP é somente possível a costura manual.

Como ligar

O interruptor de ligar e desligar (interruptor de rede) S1 encontra-se do lado dianteiro da unidade de comando. Enquanto o aparelho estiver ligado, o interruptor S1 permanece aceso, se houver tensão de rede.

Velocidade máxima

A velocidade máxima pode ser ajustada através do parâmetro <607>, com o painel de comando OC-TOP ou com o mini-painel de programação.

8.1 Coser sem painel de comando externo

Ao trabalhar sem painel de comando externo, as funções são programadas através do mini-painel de programação na parte dianteira da caixa de comando.

Após carregar a indicação 3: ”funções de costura” no mini-painel de programação, podem ser seleccionadas as seguintes funções:

dígito indicação

dígito símbolo função indicação significado

1 remate inicial 0 sem remate inicial

ou 1 remate inicial simples

Condensação 2 remate inicial duplo

dos pontos inicial

2 posição da 0 em baixo agulha ao 1 em cima parar a costura 3 posição do 0 em baixo calcador ao 1 em cima parar a costura

4 remate final 0 sem remate final

ou 1 remate final simples

Condensação 2 remate final duplo

dos pontos final

5 cortar a linha 0 sem cortar a linha

1 cortar a linha

1

2 1 00

200

(12)

q-45-msl-2-pt 8.2 02-07-02

dígito símbolo função indicação significado

6 posição do 0 em baixo

calcador após o 1 em cima

final da costura

7 0 actualmente sem função

(13)

8.2 Coser com painel de comando externo OC-TOP

8.2.1 Coser sem programa de costura (costura manual)

Condição: tecla T9 (P/M) não acende

tecla T10 (T/E) não acende Indicação no mostrador

- antes ou depois do arranque no caso da classe de máquinas 1 ... 4 (<799> = 1/2/3/4), se <605> = II

A regulação dos pontos de remate teóricos só é possível estando a máquina imobilizada para remate inicial para a frente com tecla A+ ou

tecla A-, para remate inicial para trás com tecla B+ ou

tecla B-, para remate final para trás com tecla C+ ou

tecla C-, para remate final para a frente com tecla D+ ou

tecla D-. Indicação no mostrador

- antes do arranque, ou depois do arranque no caso das classes de máquinas 5 e 6 (<799> = 5/6), se <605> = II

A definição dos números de pontos teóricos para a condensação de pontos iniciais ou finais só é possível com a máquina imobilizada:

para condensação de pontos iniciais com tecla A+ ou B+ ou tecla A- ou B-, para condensação de pontos finais com tecla C+ ou D+ ou

tecla C- ou D-.

Q40MS-2-PT 8.3 97-12-10

Programa de costura que é activado quando se carrega na tecla T9 (P/M) (acende)

05 05 0x /00

Pontos teóricos para

condensação de pontos iniciais Pontos teóricos para

condensação de pontos finais

Programa de costura que é activado

quando se carrega na tecla T9 (P/M) (acende) Pontos de remate teóricos

(14)

q-45-msl-2-pt 8.4 02-07-02 Indicação no mostrador

- depois do arranque, se <605> = I

8.2.2 Coser com programas de costura

Condição: tecla T9 (P/M) acende

tecla T10 (T/E) não acende Indicação no mostrador antes do arranque

Nesta indicação podem-se modificar: - o programa: premindo a tecla P+ ou P-- a costura: premindo a tecla S+ ou S-- os ciclos: premindo as teclas L+ ou

L-- o programa de costura subsequente através das teclas D+ e

D-- a velocidade de rotação teórica de um programa: premindo as teclas A+ ou A-Esta velocidade de rotação é limitada pelo parâmetro <221>

Visualização no mostrador antes do início no caso da classe de máquinas 1...4 (<799> = 5/6), quando está ligada uma costura

Código para velocidade de rotação real

Velocidade de rotação real

4 160

4

0x/00

Programa de costura

Costura (00 = antes do arranque) Ciclos (sequência do programa)

3600 00 0 1/00 2

Velocidade de rotação teórica Programa de costura subsequente

4 4 4 4 01 /01 25

Programa de costura Costura

Número de pontos teóricos Pontos de remate no programa

(15)

q-45-msl-2-pt 8.5 02-07-02 Nesta indicação podem-se modificar:

- os pontos de remate teóricos para o programa activando as teclas que se encontram debaixo da respectiva casa no mostrador

- o número de pontos teóricos de uma costura: premindo as teclas L+ ou L-- a costura: premindo a tecla S+ ou

S-- o programa: premindo a tecla P+ ou

P-Indicação no mostrador antes do arranque de uma máquina das classes 5 e 6 (<799> = 5/6), estando uma costura ligada

Nesta indicação podem modificar-se os seguintes itens:

- os pontos teóricos para condensação de pontos iniciais através das teclas A+, A-, B+ ou B-- os pontos teóricos para condensação de pontos finais através das teclas C+, C-, D+ ou D-- o número de pontos teórico da costura premindo as teclas L+ ou

L-- a costura premindo as teclas S+ ou S-- o programa premindo as teclas P+ ou P-.

Indicação no mostrador depois do arranque no caso da classe de máquinas 1...4 (<799> = 1/2/3/4), se <605> = II

Indicação no mostrador depois do arranque no caso das classes de máquinas 5 e 6 (<799> = 5/6), se <605> = II

Pontos teóricos para

condensação de pontos finais

05 05 01 /01 34

Programa de costura Costura

Número de pontos teórico Pontos teóricos para

condensação de pontos iniciais

Número de pontos teóricos

4 4 4 4 01 /01 25

(16)

q-45-msl-2-pt 8.6 02-07-02 Indicação no mostrador depois do arranque, se <605> = I

8.2.3 Programas de costura

a) Número de programas de costura: 5

b) Segmentos de costura por programa de costura: 5

c) Número de pontos por segmento de costura: máx. 99

d) Atribuição das funções de costura em relação aos segmentos de costura:

Remate inicial (<148>) / Condensação dos pontos inicial através da tecla T6 Remate final (<148>) / Condensação dos pontos final através da tecla T7 Posição da agulha ao parar a costura através da tecla T11 Posição do calcador ao parar a costura através da tecla T12 Posição do calcador depois de terminar a costura através da tecla T13

Cortar o fio através da tecla T14

Mudança de transporte através da tecla T3 quando T5 estiver desligada Ligação ao segmento de costura seguinte através da tecla T1 quando T5 estiver desligada Velocidade de costura constante (autom.) através da tecla T2 quando T5 estiver desligada ou variável (com pedal)

Segmento de costura sem contagem de pontos através da tecla T4 quando T5 estiver desligada Comando da barreira luminosa através da tecla T15

e) Paragem da contagem de pontos:

A contagem de pontos de uma costura pode ser interrompida colocando o pedal na posição -2. Este estado é sinalizado no mostrador com um M. Pode-se continuar a coser sem contagem de pontos (manual) até que a costura seja terminada novamente com a posição -2 do pedal e o programa passe para a costura seguinte

f) Segmento de costura sem contagem de pontos:

Os segmentos de costura também podem ser costurados sem contagem de pontos

(manualmente). A desactivação da contagem de pontos é efectuada através da tecla T4 quando T5 (LED escuro) estiver desligada. Os segmentos de costura manuais estão sinalizados no Display com „m“. Para um segmento de costura sem contagem de pontos o número de pontos ajustado no Display tem de ser 1. Através da posição do pedal „2“ termina-se o segmento de costura,

passando-se para o segmento de costura seguinte.

g) Segmento de costura com comando da barreira luminosa:

Os números de pontos nominais memorizados para este segmento de costura são pontos de compensação da barreira luminosa.

h) Velocidade de costura:

A velocidade de costura pode ser programada separadamente para cada programa antes do arranque, através da indicação no Display. A velocidade de costura máxima programável é limitada através do parâmetro <221>.

i) O entrelaçamento de programas de costura

Existe a possibilidade de executar subsequentemente diversos programas de costura. Durante a programação, o programa de costura subsequente é visualizado nas casas 6 e 7 do mostrador e é inscrito através das teclas D+ ou D- 00 significa que apenas é executado o programa actual. No final deste programa de costura, tudo volta ao princípio do mesmo.

Código para velocidade de rotação real

Velocidade de rotação real

(17)

8.2.4 Programas de rematar / pontear

- Os programas de costura tornam-se programas de rematar/pontear se o parâmetro <313> = I. - Em cada programa, apenas são activadas as costuras 1 e 2, sendo que a costura 1 é cosida para a

frente e a costura 2 para trás.

- O contador de ciclos (indicação no lado direito do mostrador, por cima das teclas L+/L- antes do início da costura) determina a quantidade de remates (simples, duplo, triplo, quádruplo).

- O programa de pontear é o caso excepcional de um programa de rematar. O contador de ciclos deve ser colocado em "0".

- No programa de pontear, o final da costura é iniciado através da posição "-2" do pedal - Encontram-se disponíveis cinco programas de rematar/pontear

- A cada um dos programas é atribuída uma das teclas de função T1 … T5

- O programa activado é visualizado no mostrador por cima das teclas P+/P- ou pelo iluminar da tecla T1 … T5 atribuída.

- Antes do início da costura, do lado esquerdo no mostrador é visualizada a velocidade de rotação máxima possível no programa. Esta velocidade de rotação pode ser modificada através das teclas A+/A- e é limitada pelo parâmetro <221>.

- Os programas de rematar/pontear podem decorrer com velocidade de rotação variável (dependente do pedal) ou constante (independente do pedal).

- Costura com velocidade de rotação constante:

Sendo <313> = II, a tecla T2 tem de ser ligada nas costuras (acende), a seguir determinar <313> = I, ou seja, o programa de rematar/pontear está ligado.

- A compensação de pontos é ajustada com o parâmetro 304. O valor (<304>) determina o desligamento (ms) do dispositivo de mudança de transporte após a costura 2.

(18)

q-45-msl-2-pt 8.8 02-07-02

8.3 Mensagens de avaria (diagnóstico)

O comando do accionamento verifica periodicamente a sua própria funcionalidade e também o funcionamento correcto do accionamento completo.

Quaisquer avarias ou falhas são visualizadas no mostrador do painel de comando externo, p.ex.:

Lista dos códigos de avaria possíveis:

1 11

11 Ao ligar a rede, o pedal não está em posição zero 9 99 9 9 Bloqueio de arranque 10 1010 10

10 Classe de máquina, <799> foi mudada, eliminação: desligar e voltar a ligar o interruptor da rede 62

6262 62

62 Curto-circuito com tensão contínua de 24 V (32 V) 63

6363 63

63 Sobrecarga da tensão contínua de 24 V (32 V), corrente sob carga > 4A. 64

6464 64

64 Monitoração da rede: tensão demasiado baixa (90 V - 150 V) 65

6565 65

65 Electrónica de potência (LE) não operacional depois de ligar a rede tensão nominal < 130 V 66

6666 66

66 Terra acidental (motor ou cabo alimentador do motor tem terra acidental em uma ou mais fases) 67 6767 67 67 Avaria interna 68 6868 68

68 Desligamento por avaria LE

a) Corrente excessiva, curto-circuito no motor ou nos cabos de alimentação do motor

b) Tensão excessiva, tensão da rede demasiado elevada (> 300 V) motor é sobrecarregado dur ante a retardação

c) Subtensão 70

7070 70

70 Máquina bloqueia, sincronizador não dá incremento com par motor máx. 71

7171 71

71 Gerador de comutações não está encaixado 73

7373 73

73 Motor está sobrecarregado 75 7575 75 75 Avaria interna 90 9090 90 90 Falta EEPROM 91 9191 91

91 EEPROM não programável 92

9292 92

92 Bloqueio de arranque no funcionamento do motor 93 9393 93 93 EEPROM errado 100 100100 100 100-   Avaria interna 117 117117 117 117

No caso de mensagens de avaria ³ 62 o motor é imobilizado sem posição definida.

Rearmar o comando apenas com interruptor de rede DESLIGAR/LIGAR.

(19)

q-45-msl-2-pt 9.1 02-07-02

9. Programação do utilizador

A programação do utilizador é a ligação ou regulação específica de funções e parâmetros da máquina

A programação do utilizador da MINI-STOP é feita através do painel de comando exterior OC-TOP oder über das interne Miniprogrammierfeld

Programação do utilizador do MINI-STOP pode ser efectuada através da: - programação directa e/ou da

- programação de parâmetros.

A programação de parâmetros pode ser executada em três níveis:

- Nível de programação A (nível do utilizador)

- Nível de programação B (nível do mecânico)

- Nível de programação C (nível especial)

9.1 Programação do utilizador com o painel de comando OC-TOP

Fig. 9.1

T1

T2

T3

T4

T5

T6

T7

T8

T9

T10

T11

T12

T13

T14

T15

(20)

q-45-msl-2-pt 9.2 02-07-02

9.1.1 Programação directa

Atenção: Todos os valores modificados no âmbito da programação directa só serão memorizados quando

a) se ligar o accionamento ou b) ao premir a tecla T9 (P/M).

Se o accionamento for desligado com o interruptor de rede imediatamente após a alteração dos valores, os valores regulados antes da alteração são preservados!

Independentemente dos níveis de programação, os valores podem ser programados sem ter que chamar os números dos parâmetros, ou seja, podem ser programados directamente.

Podem-se modificar directamente os seguintes valores:

Pontos de remate inicial para a frente / Condensação dos pontos inicial Pontos de remate inicial para trás / Condensação dos pontos final Pontos de remate final para trás

Pontos de remate final para a frente Número de pontos para costuras Velocidades de rotação para costuras Funções para costuras

a) Modificação dos números de pontos de remate ou Condensação dos pontos

Indicação no mostrador quando está ligado "Costura manual" (T9 (P/M) e T10 (T/E) não acendem)

Indicação no mostrador quando está ligado "Costura programada" (T9 (P/M) acende, T10 (T/E) não acende)

O pictograma de costura simbólico do lado esquerdo no painel de comando mostra as costuras de remate

A: remate inicial para a frente A/B Condensação dos pontos inicial B: remate inicial para trás

C: remate final para trás C/D Condensação dos pontos final D: remate final para a frente

Directamente por baixo do mostrador encontram-se as teclas

A+ / A- para a costura de remate A, ou A/B Condensação dos pontos inicial B+ / B- para a costura de remate B, ou A/B Condensação dos pontos inicial C+ / C- para a costura de remate C, ou C/D Condensação dos pontos final D+ / D- para a costura de remate D, ou C/D Condensação dos pontos final Com estas teclas podem-se aumentar ou reduzir os números de pontos de remate

4 4 3 3 0x /01 25

3 3 3 3 0 x/00

(21)

q-45-msl-2-pt 9.3 02-07-02

b) Programação do número de pontos de uma costura

Condição: está ligado o modo de trabalho “costura programada”, ou seja, a tecla T9 (P/M) acende e T10 (T/E) não acende, máquina em estado de imobilização

Indicação no mostrador

Com as teclas P+ e P- pode-se ligar um programa de costura Com as teclas S+ e S- pode-se ligar uma costura

Com as teclas L+ (valor aumenta) e L- (valor diminui) pode-se programar a velocidade de rotação para o programa

c) Programação de costuras através do “teach in” (alinhavado)

Condição: tecla T9 (P/M) acende

tecla T10 (T/E) acende

A máquina tem de ter feito, no mínimo, um ponto.

No mostrador liga-se o programa desejado através das teclas P+ ou P- e a costura que se pretende programar através das teclas S+ e S-.

Procedimento:

a) Pedal para a frente

Reacção: a quantidade de pontos até aqui memorizada é anulada b) Pedal na posição zero

c) Pedal para a frente

Reacção: a máquina costura, os pontos costurados são somados, visualizados no mostrador e memorizados

Através das teclas L+ e L- pode-se corrigir o valor visualizado no mostrador.

3 3 3 3 01 /01 25

Programa de costura Costura

Número de pontos teóricos da costura Pontos de remate no

programa de costura

1 0 1 0 01 /01 25

Condensação dos pontos no programa de costura

(22)

q-45-msl-2-pt 9.4 02-07-02

d) Programação dos ciclos (número de sequência do programa),

da velocidade de rotação do programa e do programa subsequente

Condição: está ligado o modo de trabalho “costura programada”, ou seja, a tecla T9 (P/M)

acende e T10 (T/E) não acende, máquina em estado de imobilização Indicação no mostrador

A programação dos ciclos é realizada através das teclas L+ (valor aumenta) ou L- (valor diminui) Com as teclas A+ (valor aumenta) e A- (valor diminui) pode-se programar a rotação do programa. Esta velocidade de rotação é limitada pelo parâmetro <221>

A programação do programa de costura subsequente é realizada através das teclas D+ e

D-e) Programação das funções

As funções para as costuras são controladas através das teclas de funções T6 Remate inicial ou condensação dos pontos iniciais (com/sem) T7 Remate final ou condensação dos pontos final (com/sem)

T11 Posição da agulha ao parar a costura e no final de uma costura (em cima/em baixo) T12 Posição do calcador ao parar a costura (em cima/em baixo)

T13 Posição do calcador no final de uma costura (em cima/em baixo) T14 Corte da linha no final de uma costura (com/sem)

T15 Costura com fotocélula (com/sem)

T1 Interligação de costuras (com/sem), quando T5 está escuro

T2 Pré-determinação da velocidade de rotação, quando T5 está escuro variável (dependente do pedal, T2 está apagada) ou

constante (automático, T2 acende)

T3 Mudança de transporte ou condensação dos pontos de uma costura, quando T5 está escuro

T4 Costura manual ou de pontos contados, quando T5 está escuro

9.1.2 Programação de parâmetros

9.1.2.1 Nível de programação A (nível do utilizador)

Neste nível são programados os parâmetros de comando directamente relacionados com o decurso da costura.

São os parâmetros para as seguintes funções:

- Remate inicial (duplos ou simples) <148>

- Remate final (duplos ou simples) <149>

- Remate (remate normal ou remate de ornamentação) <523> - Pontos de compensação por fotocélula <111>

- Supressão da fotocélula <112>

- Arranque suave (Softstart) <116>

Ciclos

3600 00 0 1 /00 2

Velocidade de rotação teórica Programa de costura subsequente

(23)

q-45-msl-2-pt 9.5 02-07-02

a) Ligar o nível de programação A

Condições

Ligar interruptor de rede

O accionamento não está a trabalhar

Tem de estar ligado o modo de trabalho: costura manual (tecla T9 (P/M) apagada)

Premir a tecla T10 (T/E) Reacção:

A tecla T10 (T/E) acende, no mostrador aparece na metade direita o primeiro parâmetro (número e valor do parâmetro) pertencente ao nível de programação A

Não é possível efectuar a costura

Programação

O número do parâmetro é regulado com as teclas P+ e P- (casa das centenas do número do parâmetro) e com as teclas S+ e S- (dezenas e unidades do número do parâmetro). O valor do parâmetro é programado com as teclas L+ e L-.

b) Desligar o nível de programação A

Premir a tecla T10 (T/E)

Reacção:

A tecla T10 (T/E) apaga, no mostrador aparece de novo a indicação inicial. É possível efectuar a costura.

9.1.2.2 Nível de programação B (nível do mecânico)

Neste nível são programados os parâmetros de comando que muito raramente ou apenas no acto da colocação em funcionamento precisam de ser alterados ou adaptados.

a) Preparações para ligar o nível de programação B:

Desligar o interruptor da rede

Premir simultaneamente as teclas T9 (P/M) e T10 (T/E) e mantê-las premidas Ligar o interruptor de rede

Largar as teclas Reacção:

No mostrador aparece um “4” entre o programa e a costura É possível efectuar a costura

3 3 3 3 1 1 1 6

3 3 3 3 0x/00

3 3 3 3 0x/00

(24)

q-45-msl-2-pt 9.6 02-07-02

b) Ligar o nível de programação B:

Premir a tecla T9 (P/M) (não acende) e premir a tecla T10 (T/E) (acende) Reacção:

Na metade direita do mostrador aparece um número de parâmetro (da primeira vez, o 104, das vezes seguintes será o último número que esteve ligado) e o respectivo valor.

Não é possível efectuar a costura.

Modificar o número do parâmetro:

A casa das centenas do número do parâmetro pode ser modificada com as teclas P+ e P-. As dezenas e as unidades, com as teclas S+ ou S-.

Alteração do valor do parâmetro: com as teclas L+ ou

L-c) Desligar o nível de programação B

Premir a tecla T10 (T/E) (não acende)

Reacção:

No mostrador desaparece a indicação do parâmetro e reaparece a indicação inicial É possível efectuar a costura

9.1.2.3 Nível de programação C (nível especial)

Atenção

Neste nível encontram-se depositados parâmetros de comando cujos valores só têm de ser modificados em casos excepcionais. Por esse motivo, uma eventual correcção destes parâmetros só pode ser efectuada depois de consultar o fabricante.

Ligar o nível de programação C

a) Ligar o nível de programação B (vide 9.1.2.2) b) Chamar o parâmetro 798

c) Colocar o parâmetro <798> em I d) Desligar o nível de programação B

e) Desligar o interruptor de rede, esperar > 2 s f) Voltar a ligar o interruptor de rede

g) Premir a tecla T10 (T/E) (acende) Reacção:

Na metade direita do mostrador aparece o primeiro parâmetro do nível de programação C. É possível chamar mais números de parâmetros e corrigir os valores dos parâmetros tal como descrito para os níveis de programação A e B.

3 3 3 3 1 04 8

(25)

q-45-msl-2-pt 9.7 02-07-02

Desligar o nível de programação C:

- Premir a tecla T10 (T/E) (não acende) - Desligar o interruptor de rede

9.1.3 Recolocação (Reset)

a) Recolocação dos valores de parâmetro

Com este processo, todos os valores de parâmetro divergentes do seu estado inicial (valor standard) ao ser fornecido o accionamento, são recolocados no seu valor inicial!

Excepções:

Parâmetros 700, 799, 800 e outros parâmetros marcados na lista de parâmetros com um „4“. No caso destes parâmetros, os valores programados pelo utilizador são preservados mesmo depois de ter sido executado o processo de ”Reset”.

Decurso do reset:

- Desligar o interruptor de rede

- Carregar no pedal totalmente para a frente e mantê-lo nesta posição

- Premir as teclas P- ou P+, S- ou S+ e L- ou L+ ao mesmo tempo e mantê-las premidas - Ligar o interruptor de rede

- Largar as três teclas e o pedal Reacção: no mostrador aparece

Agora pode executar-se a recolocação (Reset).

Debaixo da indicação Y (yes) encontra-se a tecla P+. Premindo a tecla P+, o Reset é iniciado. No mostrador aparece por pouco tempo

A seguir, aparece no mostrador por aprox. 2 s a indicação

e, a seguir, a indicação correspondente ao modo de trabalho que estiver ligado

Se não se quiser executar a recolocação (Reset), há que premir a tecla L+ que se encontra debaixo da indicação N (no).

RESE T Y - - N

MASTE R-RE SET

X40MS 7 Z-040 -H

3 3 3 3 0x/00

(26)

q-45-msl-2-pt 9.8 02-07-02

b) Recolocação dos valores de parâmetro e dos programas de costura

O decurso do reset, incluindo os dados dos programas de costura, é análogo ao do descrito sob a) até aparecer a mensagem no mostrador.

Para poder também recolocar os dados dos programas de costura nos valores iniciais, antes de premir a tecla P+ é necessário premir a tecla T8 e mantê-la premida até aparecer no mostrador a mensagem de ligação.

(27)

q-45-msl-2-pt 9.9 02-07-02

9.2 Programação do utilizador através do mini-painel de

programação (MPF) interno

Fig. 9.2

O mini-painel de programação (MPF) possui os seguintes elementos funcionais: - 6 teclas de programação: M+ / M- / C<< / C>> / V+ /

V-- o mostrador: matriz LCD de 8 dígitos

Cada dígito indicado no mostrador é atribuído a um símbolo para uma função de costura.

O MPF somente encontra-se activado quando nenhum painel de comando OC-TOP externo estiver conectado à caixa de comando.

Ao ligar o accionamento, o mostrador mostrará durante ca. 1 segundo a indicação 01: tipo de comando (p.ex. P40MS).

indicação 01:

Logo a seguir, aparece no mostrador a indicação 02: estado do software (p.ex. 7Z_921_2).

indicação 02:

Após um período de ca. 1 segundo é activada a indicação 1 (pontos de remate). A partir deste momento, podem ser programadas as seguintes indicações:

Indicação 1: pontos de remate

Indicação 2: velocidade de rotação

Indicação 3: funções de costura

Indicação 4: parâmetros de comando

Indicação 5: teste de hardware (<797> = I, veja capítulo 10.5)

Indicação 6: reposição (Reset)

M

C

V

+

>>

+

<<

_

_

3 3 3 3A

2

7Z _

_

- 2 _

9 1

-4 _

Q 0M

S

I I

(28)

q-45-msl-2-pt 9.10 02-07-02 A comutação da indicação 1 à indicação 4 pode ser realizada através das teclas M+ e M-, sendo somente possível quando o accionamento estiver parado.

Coser:

A costura é possível com as indicações 1, 2, 3 e 4, se nenhum dígito da indicação estiver a piscar.

Programação:

A programação é possível a partir do momento em que um dos dígitos da indicação estiver a piscar. A liberação para a programação e a comutação entre os dígitos da indicação é efectuada através das telas C>> / C<<, sendo somente possível quando o accionamento estiver parado.

Indicação 1 Indicação 2 Indicação 3 Indicação 4

6

A

1

1

1

n

42 0A

0

3 3 3 3A

0 0 0

1

1

1

1

1

M+++++ M+++++ M+++++ M+++++ M−−−−− M−−−−− M−−−−− M−−−−−

(29)

q-45-msl-2-pt 9.11 02-07-02

9.2.1 Indicação 1: Pontos de remate

Programação dos pontos de remate

Sequência de programação

- Através das teclas C>> e C<< podem ser seleccionados os dígitos para que estes pisquem; durante este processo, não é possível coser.

- Através das teclas V+ e V- o número do dígito que estiver a piscar pode ser aumentado ou diminuído. - Através das teclas M+ e M- é desactivado o piscar dos números; a partir deste momento torna-se novamente possível coser.

9.2.2 Indicação 2: Velocidade de rotação

Nesta indicação pode ser ajustada a velocidade operacional da máquina (velocidade de rotação nominal) entre a velocidade de rotação máxima (<607>) e a velocidade de rotação mínima (<606>), no caso de parâmetro <676> = I

Ajuste da velocidade de rotação nominal

- através das teclas V+ e V-, o valor indicado pode ser gradualmente aumentado ou diminuído.

Indicação da velocidade de rotação real

Durante o funcionamento da máquina é indicada a velocidade operacional (velocidade real) da máquina. Sempre que a velocidade real estiver a ser indicada, aparece um asterisco „4“ no segundo dígito do mostrador.

3 3 3 3A

3 3 3 3A

3 3 3 3A

4 3 3 3A

4 3 3 3A

4 3 3 3A

4 3 3 3A

4 4 3 3A

4 4 3 3A

4 4 3 3A

4 4 3 3A

4 4 2 3A

4 4 2 3A

4 4 2 3A

4 4 2 3A

4 4 2 2A

4 4 2 2A

C<<<<<<<<<< C>> C<<<<<<<<<< C>>>>>>>>>> V−−−−− V+++++ V−−−−− V+++++ C<<<<<<<<<< C>>>>>>>>>> V+++++ V−−−−− C<<<<<<<<<< C>>>>>>>>>> V+++++ V−−−−−

M+/-0

36 0A

n

4

0

42 0A

n

0

36 0A

n

V+++++ V−−−−−

(30)

q-45-msl-2-pt 9.12 02-07-02

1

2 1 00

200

1 2 3 4 5 6 7 8

9.2.3 Indicação 3: Funções de costura

dígito indicação

dígito símbolo função indicação significado

1 remate inicial 0 sem remate inicial

ou 1 remate inicial simples

Condensação 2 remate inicial duplo

dos pontos inicial

2 posição da 0 em baixo agulha ao 1 em cima parar a costura 3 posição do 0 em baixo calcador ao 1 em cima parar a costura

4 remate final 0 sem remate final

ou 1 remate final simples

Condensação 2 remate final duplo

dos pontos final

5 cortar a linha 0 sem cortar a linha

1 cortar a linha

6 posição do 0 em baixo

calcador após o 1 em cima

final da costura

7 0 actualmente sem função

(31)

q-45-msl-2-pt 9.13 02-07-02

Programação das funções de costura

Sequência da programação

- Através das teclas C>> e C<< podem ser seleccionados os dígitos para que estes pisquem; durante este processo, não é possível coser.

- Através das teclas V+ e V- o número do dígito que estiver a piscar pode ser aumentado ou diminuído. - Através das teclas M+ e M- é desactivado o piscar dos números; a partir deste momento torna-se

novamente possível coser.

9.2.4 Indicação 4: Parâmetros de comando

número do parâmetro valor paramétrico nível de programação

Informações sobre o significado dos parâmetros de comando encontram-se no capítulo 11.4, Lista dos parâmetros.

Os parâmetros de comando são atribuídos a três níveis de programação diferentes (A, B, C).

Nível de programação A

Os parâmetros do nível de programação A podem ser carregados durante o processo normal de ligar o accionamento.

1

00

1 1

0 10

1

00

1 1

0 10

0 10

00

1

1 1

1

00

1 1

2 10

2 10

00

1

1 1

1

00

1 1

2 10

2 10

00

1

1 1

1

00

1 1

2 10

1

00

1 1

2 10

1

00

1 1

2 10

2 10

00

1

1 1

1

20

1 1

2 10

1 10

20

1

1 1

C<<<<<<<<<< C>>>>>>>>>> C<<<<<<<<<< C>>>>>>>>>> V−−−−− V+++++ V−−−−− V+++++ C<<<<<<<<<< C>>>>>>>>>> V+++++ V−−−−−

M+/-A

6

1 1 1

(32)

q-45-msl-2-pt 9.14 02-07-02

Nível de programação B

A fim de carregar parâmetros no nível de programação B, devem ser observadas as seguintes instruções: - desligar o interruptor de rede S1

- premir simultaneamente e manter premidas as teclas M+ e V+ - ligar o interruptor de rede S1

Na indicação 1 aparece um ”B” no lugar do oitavo dígito (à direita). Comutar à indicação 4 através das teclas M+ e M-.

Programação dos parâmetros de comando

Sequência de programação

- Através das teclas C>> e C<< podem ser seleccionados os dígitos para que estes pisquem; durante este processo, não é possível coser.

- Através das teclas V+ e V- o número do dígito que estiver a piscar pode ser aumentado ou diminuído. - Através das teclas M+ e M- é desactivado o piscar dos números; a partir deste momento torna-se

novamente possível coser.

Nível de programação C

A fim de carregar parâmetros no nível de programação C, colocar primeiro o parâmetro (interruptor do software) 798 do nível de programação B na posição I (<798> = I).

A seguir, alterar a indicação através das teclas M+ e M- ou carregar um outro parâmetro premindo as teclas

C>> ou C<< e V+ ou V-.

Após este processo, desligar e ligar novamente o interruptor de rede.

Na indicação 1 aparece um ”C” no lugar do oitavo dígito (à direita). Premir as teclas M+ e M– para comutar à indicação 4.

Em seguida, o nível de programação C estará activado.

O nível de programação C contém todos os parâmetros (inclusive os dos níveis A e B).

B

6

104

B

104

8

B

104

8

B

1

0

6

1

B

1

60 1

B

1

0

6

1

B

1

6

0

1

0

B4 00

607

0

B4 00

607

0

B4 00

607

0

B4 00

607

2

B3 00

607

2

B3 00

607

C<<<<<<<<<< C>>>>>>>>>> C<<<<<<<<<< C>>>>>>>>>> V−−−−− V+++++ V−−−−− V+++++ C<<<<<<<<<< C>>>>>>>>>> V+++++ V−−−−−

(33)

M+/-q-45-msl-2-pt 9.15 02-07-02

9.2.5 Recolocação (Reset)

Através do processo de recolocação (”Reset”), todos os valores de parâmetros divergentes de seu estado inicial (valor padrão) ao ser fornecido o accionamento, serão repostos ao seu valor inicial.

Excepções:

Parâmetros 700, 799, 800 e outros parâmetros marcados na lista de parâmetros com um

„4“

. No caso destes parâmetros, os valores programados pelo utilizador são preservados mesmo depois de ter sido executado o processo de ”Reset”.

Procedimento de recolocação (”Reset”)

- Desligar o interruptor de rede S1.

- Carregar no pedal totalmente para a frente e mantê-lo nesta posição. - Premir simultaneamente e manter premidas as teclas M- e V-. - Ligar o interruptor de rede S1.

- Soltar as teclas e o pedal.

Reacção: no mostrador aparece a indicação 6

Caso desejar executar o processo de recolocação (”Reset”), premir a tecla M+. Caso contrário, premir a tecla M-.

A seguir, no mostrador aparece a indicação 1.

T

SE

/-RE

+

(34)

q-45-msl-2-pt 10.1 02-07-02

10. Colocação em funcionamento

Se o MINI-STOP tiver sido armazenado a temperaturas <+5°C, antes de o colocar em funcionamento há que colocá-lo a uma temperatura de serviço entre +5°C e +40°C. Evitar qualquer formação de água de condensação!

Antes de poder trabalhar com a máquina há que executar o seguinte:

a) Controlar o sentido de rotação e posição de referência da barra da agulha b) Controlar as posições da agulha

c) Controlar a velocidade máxima.

10.1 Controlar o sentido de rotação e posição de

referência (posição da agulha NP0)

a) Ligar o nível de programação B (nível do mecânico) (ver capítulo 9.1.2.2 ou 9.2.4 "Nível de programação B")

b) Regular o n.o de parâmetro 700

c) Premir o pedal ligeiramente para a frente:

reacção: a máquina arranca e pára numa posição não definida. d) O sentido de rotação está correcto?

Se estiver, proceder ao ajuste do ponto zero, continuar com e)

Se não estiver, regular o parâmetro n.o 800 e mudar o valor <800> (I → II ou II → I), continuar

com b)

e) Rodar a roda volante da máquina no sentido de rotação, até que a ponta da agulha, vinda de cima, alcance o nível da placa da agulha (= posição de referência).

Importante: parâmetro <701> = I

f) Premir o pedal ligeiramente para a frente:

reacção: a máquina dá uma volta e pára exactamente na mesma posição anteriormente alcançada à mão

g) Regular o novo número de parâmetro ou desligar o nível de programação B. O valor do parâmetro <700> está memorizado e o ajuste do ponto zero está terminado.

10.2 Controlar as posições da agulha NP1/NP2/NP3/NP9

NP1 - agulha em baixo <702>

NP2 - alavanca da linha em cima <703> NP3 - agulha em cima <710>

NP9 - Início soltar tensão do fio / Início retenção do fio (<707>)

a) Ligar nível de programação B (nível do mecânico) (vide capítulo 9.1.2.2 ou 9.2.4 "Nível de programação B")

b) Ligar o número de parâmetro 702

c) Premir o pedal ligeiramente para a frente

Reacção: a máquina arranca e pára consoante <702>. d) A posição está correcta?

Se estiver, continuar com g)

Se não estiver, é necessário corrigir a posição rodando a roda volante (se <701> = I) ou por meio das teclas L+ e L- da OC-TOP ou V+ e V- da MPF (se <701> = II) e) Premir o pedal ligeiramente para a frente

Reacção: a máquina dá uma volta e posiciona-se no mesmo ponto f) A posição pode ser corrigida mais uma vez.

(35)

q-45-msl-2-pt 10.2 02-07-02 g) Chamando um novo número de parâmetro, p.ex. 703, o último valor regulado <702> é

memorizado.

h) Proceder da mesma forma (descrita acima para o parâmetro 702) com os parâmetros 703 e 710

i) Desligar o nível de programação B (vide capítulo 9.1.2.2 "Nível de programação B")

10.3 Controlar as posições da agulha NP4 / NP5 / NP6 para o corte da

linha (parâmetros 704, 705, 706)

NP4 - Inicio sinal de corte 1 (<704>) NP5 - Fim sinal de corte 1 (<705>) NP6 - Inicio sinal de corte 2 (<706>)

a) Ligar o nível de programação B (nível do mecânico) (vide capítulo 9.1.2.2 ou 9.2.4 "Nível de programação B")

b) Ligar o número de parâmetro 704 c) Premir o pedal ligeiramente para a frente

Reacção: a máquina arranca e pára consoante <704>. d) A posição está correcta?

Se estiver, continuar com g)

Se não estiver, é necessário corrigir a posição rodando a roda volante (se <701> = I) ou por meio das teclas L+ e L- da OC-TOP ou V+ e V- da MPF (se <701> = II) e) Premir o pedal ligeiramente para a frente

Reacção: a máquina dá uma volta e posiciona-se no ponto correspondente ao valor <704> corrigido

f) A posição pode ser corrigida várias vezes.

Se não for necessária outra correcção, continuar com g) g) Premir o pedal para trás

Reacção: a máquina desloca-se para NP2, <704> está memorizado. A programação (correcção da posição) deixa de ser possível

h) Premindo o pedal novamente para trás, é activado o processo de corte. A máquina dá uma volta

i) Para modificar mais uma vez o valor do parâmetro <704>, há que repetir o processo a partir do ponto c). Caso contrário, chamar o número de parâmetro 705 e repetir o processo a partir do ponto c)

j) Desligar o nível de programação B (vide capítulo 9.1.2.2 ou 9.2.4 "Nível de programação B")

10.4 Controlar a velocidade de rotação máxima

a) Ligar o nível de programação B (ver capítulo 9.1.2.2 ou 9.2.4 "Nível de programação B") b) Regular o parâmetro n.o 607

c) Controlar e, se for necessário, corrigir o valor do parâmetro <607> por meio das teclas L+ e

(36)

q-45-msl-2-pt 10.3 02-07-02

10.5 Teste de Hardware

O teste de Hardware é um programa com o qual é possível controlar diversos componentes do accionamento (do comando) e da instalação da máquina com o auxílio do painel de comando

OC-TOP.

Ligar o programa de controlo “HARDWARE-TEST” / "HW-TEST"

a) Ligar o nível de programação B e chamar o parâmetro 797 b) Colocar o parâmetro <797> em I

c) Desligar o nível de programação B d) Desligar o interruptor de rede

e) Após ca. de 2 s voltar a ligar o interruptor de rede Reacção: no mostrador aparece durante aprox. 2 s:

Indicação OC-TOP: Indicação MPF:

A seguir, o mostrador indica o primeiro bloco de teste: entradas Todas as teclas do OC-TOP que tenham LEDs acendem Composição dos blocos de teste

Bloco Parte Indicação OC-TOP: Indicação MPF: de teste controlada 1 Entradas 2 Saídas 3 Gerador de valores teóricos 4 Gerador de valores reais

A chamada dos blocos de teste (passagem de um bloco de teste para o seguinte) efectua-se através das teclas A+ e

A-E

-T

T

HW

S

HA D

R WARE TEST

0

1

E0

E0 1

0

X5: 3

0

2

A0

A02

0

X5: 1

0

G

SW

SWG

0

0

G

I W

00

I WG

0

(37)

q-45-msl-2-pt 10.4 02-07-02 A chamada de diversos elementos funcionais num bloco de teste (p.ex. passagem de um elemento funcional para o seguinte), efectua-se através das teclas B+ e B- no painel de comando OC-TOP ou através das teclas C<< e C>> no mini-painel de programação MPF.

A activação dos elementos funcionais ajustados (saídas) efectua-se através da tecla D+ no painel de comando OC-TOP ou através da tecla V+ no mini-painel de programação MPF.

Bloco de teste 1: entradas

Indicação:

A atribuição das funções da entrada visualizada encontra-se descrita no capítulo 12 “Esquema de ligações das fichas”.

As designações E (de entrada) encontram-se do lado esquerdo da esquematização dos conectores de ficha. As teclas ou interruptores atribuídos às entradas são identificados no esquema de ligações com S e têm a mesma numeração que as respectivas entradas, ou seja,

a tecla S1 está conectada à entrada E1, a tecla S2 está conectada à entrada E2, a tecla Sx está conectada à entrada Ex.

O estado de comutação da entrada é sinalizado na 7ª casa do mostrador Tecla/interruptor aberto → Indicação: 0

Tecla/interruptor fechado → Indicação: 1

Do lado direito do mostrador é visualizado -quase a título de controlo- o conector de ligação e o número do contacto ao qual a entrada visualizada está conectada

Bloco de teste 2: saídas

Indicação:

A atribuição das funções da saída visualizada encontra-se descrita no capítulo 12 “Esquema de ligações das fichas”.

Ficha de ligação Número da entrada Entrada Estado da entrada Número do contacto

E0 1

0

X5: 3

Ficha de ligação Número da saída Saída Estado da saída Número do contacto

A02

0

X5: 1

(38)

q-45-msl-2-pt 10.5 02-07-02 As designações A (de saída) encontram-se do lado esquerdo da esquematização dos conectores de ficha. Os ímans/válvulas magnéticas atribuídos às saídas são identificados no esquema de ligações com Y e têm a mesma numeração que as respectivas saídas, ou seja,

o íman Y2 está conectado à saída A2, o íman Y3 está conectado à saída A3, o íman Yx está conectado à saída Ax.

O estado de comutação da saída visualizada é sinalizado na 7ª casa do mostrador: A saída não está ligada → Indicação: 0

A saída está ligada → Indicação: 1

Para ligar a saída há que premir a tecla D+. O desligamento da saída é efectuado automaticamente após ca. de 2,5 s ou através da tecla D-.

Do lado direito do mostrador é visualizado -quase a título de controlo- o conector de ligação e o número do contacto ao qual a saída visualizada está conectada.

Bloco de teste 3: gerador de valores teóricos (SWG)

Indicação:

Premindo o pedal, podem-se percorrer todos os 16 níveis de comutação do SWG. Nas casas 6, 7 e 8 do mostrador aparecem as indicações seguintes:

-2 / -1 / 0 / +1 / 1D / 2D /

… / 12D

, desde que o SWG esteja em ordem.

Bloco de teste 4: gerador de valores reais (IWG)

Indicação:

Com este bloco de teste efectua-se o controlo do gerador de valores reais (sincronizador). O eixo sobre o qual se encontra o gerador de valores reais é rodado manualmente.

Os incrementos (impulsos) do IWG são contados e visualizados através das casas 7, 8 e 9 do mostrador.

Se o IWG estiver em ordem, esta indicação vai passando de 0 a 127.

Desligar o programa de teste: desligar o interruptor de rede.

SWG

0

Imagem

Referências

temas relacionados :