Diário do norte. w w w. j o r n a l d i a r i o d o n o r t e. c o m. b r. ano XXI EDIÇÃo 1348 goiânia 30 DE setembro a 17 DE outubro DE 2021 r$ 2,00

Texto

(1)

Diáriodonorte

F

ormoso, localizado na Região Norte do

Estado, acaba de completar 58 anos de

emancipação política. E ainda sem poder

grandes aglomerações, a prefeitura decidiu

fazer registro apenas com um desfile que

contou com autoridades e a Banda da

Polícia Militar de Goiás. PÁGINA 7

FORMOSO COMPLETA 58

ANOS DE EMANCIPAÇÃO

BALANÇA

COMERCIAL TÊM

NOVO SUPERÁVIT

A Balança Comercial

goiana registrou mais um

superávit no seu saldo,

mostrando a força do

agronegócio. PÁGINA 3

CÂMARA DE

CERES ACELERA

APROVAÇÕES

A Câmara de Ceres

acelera a aprovação de

centenas de

requerimentos e bate

recorde no mês. PÁGINA 2

ano XXI EDIÇÃo 1348 goIânIa 30 DE sEtEmbro a 17 DE outubro DE 2021 r$ 2,00

divulgação

w w w . j o r n a l d i a r i o d o n o r t e . c o m . b r

ACUSADOS E CONDENADOS TÊM

QUE PAGAR POR TORNOZELEIRAS

Agora é oficial em Goiás. Investigados, acusados,

presos ou condenados no Estado terão que bancar

o custo com as tornozeleiras eletrônicas,

equipamento que, segundo o governador Ronaldo

Caiado, “custa uma fábula de dinheiro” aos

cofres públicos. O governador sancionou na

semana passada a lei que determina a

transferência desse custo e disse também

“bandido já deu prejuízo demais à população”.

Cada tornozeleira tem um custo de R$ 245 por

mês, débito que agora será repassado ao

presidiário ou acusado. PÁGINA 3

Mães de Goiás chega

em Nova América

PEQUI MOVIMENTA

ECONOMIA NO NORTE

a hora da safra chegou

PÁGINA 12

BOM JESUS AGORA É DISTRITO

PÁGINA 7

ipiranga de goiás

PETROBRAS REAJUSTA

PREÇO DA GASOLINA

E DO GÁS (DE NOVO)

Preparem os bolsos. O preço da gasolina e

do gás de cozinha já foram reajustados

mais uma vez. O anúncio foi feito pela

Petrobras na semana passada. Com esse

novo aumento a tendência é dos preços de

vários outros produtos, como os da cesta

básica, também aumentarem. PÁGINA 6

Prefeito Cleber Júnio comemora a chegada do

programa social no seu município. Iniciativa

visa atender famílias carentes e em situação de

vulnerabilidade social. PÁGINA 4

POVOADO VAI GANHAR

ACADEMIA DE SAÚDE

O povoado de Mandinópolis, que pertence a

Guarinos, vai ganhar uma academia de saúde.

O anúncio foi feito pelo prefeito Zé Antônio,

que autorizou as obras. PÁGINA 6

Jaraguá busca retomada

econômica com Paulo Vítor

Com um pacote de investimentos, a cidade de

Jaraguá quer retomar o seu protagonismo político

e econômico no Vale do São Patrício. PÁGINA 8

economia

Fernando Frazão/agência Brasil

(2)

Sessões de muito trabalho

e também de homenagens

O

s tra ba lhos na Câ ma ra Mu ni ci pal de Ce res en tra ram no mês de ou tu -bro com a mar ca in crí vel de 248 re que ri men tos apro va dos, um re cor de em com pa ra ção com as úl ti mas le gis la tu ras. Pa ra o pre si -den te We der Ru bens da Sil va, o nú me ro de re que ri men tos apro va dos si na li za o com pro me ti -men to que ca da ve re a dor tem com a co mu ni da de de Ce res. "O ve re a dor é fis cal do mu ni cí pio e o elo com o Po der Exe cu ti vo. A mai o ria das de man das da co mu ni da de é re pas sa da pri mei ra -men te aos ve re a do res, uma vez que ele, ve re a dor é quem re ce be a co mu ni da de pa ra dis cu tir os pro ble mas da sua rua, do seu bair ro", lem bra We der.

Du ran te a pri mei ra ses são or di ná ria do mês, ocor ri da no úl ti -mo dia cin co, sob a pre si dên cia do ve re a dor We der Ru bens, foi li da e apro va da a ata da ses são an te ri or, que ali ás, foi mar ca da por uma ho me na gem ao expre fei to Val ter Me lo, que fa le ceu re -cen te men te. Na opor tu ni da de, os ve re a do res apro va ram em se -gun da vo ta ção o Pro je to de Lei, do Po der Le gis la ti vo nú me ro 009/2021, que pas sa a de no mi -nar a Ave ni da Bra sil, uma das mais im por tan te da ci da de em Ave ni da Val ter Pe rei ra Me lo. Du ran te a ses são, fa mi lia res e ami gos do expre fei to com pa re -ce ram a -ces são e aplau di ram de pé a ini ci a ti va da Câ ma ra.

Já os re que ri men tos da noi te se guin te, com o pe di do do ve re -a dor Dei ve Al ves de Oli vei r-a, que re que reu ao Po der Exe cu ti vo e a Se cre ta ria de Obras, a vi a bi -li da de de im plan ta ção de uma ro ta tó ria pró xi mo a Agên cia da

Cai xa Eco nô mi ca Fe de ral de Ce -res, no cru za men to das Ru as 13 e 17. Já o ve re a dor Reil ler Se a bra de Bri to re que reu do Po der Exe -cu ti vo e a Se cre ta ria de Obras, a aber tu ra de pro ces so li ci ta tó rio pa ra a con tra ta ção de em pre sa pa ra re cons tru ção das cal ça das da ni fi ca das pe la exe cu ção do Pro gra ma Pró-Tran spor te.

Por úl ti mo, foi re que ri do do Po der Exe cu ti vo e a Se cre ta ria de Pla ne ja men to e De sen vol vi men to Lo cal, o re tor no das ati -vi da des do Cen tro Vo ca cio nal Tec no ló gi co CVT, com a con tra ta ção de Pro fis si o nais, a ma nu ten ção das má qui nas de cor -te e cos tu ra e a re vi ta li za ção do pré dio.

Di á riodonor te

www.jor nal di a ri o do nor te.com.br

e

di­tor

-

ge­ral

:­r

ui

s

a­bóia

e

ditor exeCutivo

:­J

oão

C

arvalho

re­por­ta­gens: Jo ãocar Va lho– (62) 98193 6726 Ju Ve nalJu ni or– (62) 98158 4286 ruisa bóia– (62) 98180 6909 edição eim­pres­são Jor naldi á rio donor te (62) 98180 6909/99636 1106 diagramação/arte Joãoramos (62) 98533-8109 tiragem 15 mil exemplares Cir­Cu­la­ção em80­Cidades Go i â nia, apa re ci da deGo i â nia, nor te, nor des te, Va le doara Gu aia e Va le dosãopa trí cio. as­si­na­tu­ras:­ (62)­98180­6909/99636­1106

e-mail: jor nal di a ri o do nor te@uol.com.br

Os ar ti gos as si na dos não re fle tem a opi ni ão do jor nal

JORNAL DIÁRIO DO NORTE LTDA ME

CNPJ: 03.982.492/0001-56 Inscr. Est.: 10.329.957-2 Avenida Federal Nº. 248 Centro,

Porangatu - Goiás

Fone: (62) 98180 6909 / 99636 1106 E-mail: jor nal di a ri o do nor te@uol.com.br

CErEs

Câmara de Ceres acelera nas atividades com muito trabalho

Prefeitura Municipal de

SÃO LUIS DO NORTE

Familiares de Valter Melo com vereadores durante sessão de homenagem ao ex-prefeito, falecido recentemente

Rafael Melo com a mãe Vanda Melo e vereador Bacural e amigo

Primeira sessão de outubro e câmara aprova 248 requerimentos

(3)

Se te dos dez prin ci pa is pro du tos go i a nos ex por ta dos au men ta ram as ven das no acu mu la do dos três pri mei ros tri mes tres do ano, na com -pa ra ção com o mes mo pe rí o do de 2020, re ve lam da dos di vul ga dos pe lo Mi nis té rio da Eco no mia. As ex por ta ções ga ran ti ram pa ra o Es ta do o mon tan te de US$ 7,35 bi -lhões fren te a US$ 3,69 bi -lhões em im por ta ções, o que as se gu ra um sal do na ba lan ça co mer cial de Go -i ás de US$ 3,66 b-i lhões nos no ve pri mei ros mes es de 2021.

Pa ra o go ver na dor Ro nal do Cai a do, os nú me ros re fle tem a re to ma da eco nô mi ca go i a na após os pi o res mo men tos da pan de mia de Co -vid-19. “A eco no mia se re cu pe ra ra pi da men te on de há res pei to pe la vi da. Es tá aí a res pos ta ho je”, diz ao ci tar cres ci men to de in dús tria, agro pe cu á ria, co mér cio e ser vi ços. Dos se te pro du tos que apre sen ta ram al ta nas ven das nos três pri mei ros tri mes tres, as car nes au -men ta ram as ex por ta ções em 2,25%, tam bém em re la ção ao ano pas sa do, sa in do de 16,97% (2020) pa ra 19,22% es te ano.

Tam bém apre sen ta ram mais ven das o com ple xo da so ja, que cor res pon de a 49,97% do to tal ex -por ta do, com au men to de 1,62%; o ou ro, com 0,89% e co o pe ra ção de 4,30% pa ra a ba lan ça; cou ro e de ri va dos com al ta de 0,45% e 1,88% do to tal co mer cia li za do in -ter na cio nal men te; ami an to com 0,36% e 0,62%; má qui nas, equi -pa men tos e a-pa re lhos elé tri cos e me câ ni cos, 0,34% e 1,10%; e sul -fe to de co bre com 0,3% e 4,72%. Se gun do o ti tu lar da Se cre ta ria de Es ta do de In dús tria, Co mér cio e Ser vi ços (SIC), Jo sé Vit ti, Go i ás se for ta le ce a ca da mês na sua pau ta do co mér cio ex te ri or, com ven das im por tan tes em to dos os seg men -tos e im por ta ção de pro du -tos que ace le ram a pro du ção in dus tri al.

Os ou tros três prin ci pa is pro du tos ex por ta dos por Go i ás, fer ro li -gas, açú car e com ple xo do mi lho, tam bém apre sen ta ram im por tan tes

per cen tu ais pa ra a ba lan ça go i a na no ano, mas não ul tra pas sa ram as ven das in ter na cio nais em re la ção ao mes mo pe rí o do do ano pas sa do. As fer ro li gas re pre sen tam 7,99% do ex por ta do pe lo Es ta do em 2021; açú car fi cou com 3,54% do ven di do; e o com ple xo do mi -lho apre sen tou co o pe ra ção pa ra a ba lan ça em 2021 com 2,30%.

Com is so, as ven das in ter na -cio nais ti ve ram um sal to de 14,27% no acu mu la do de ja nei ro a se tem bro, sen do os prin ci pa is mu ni cí pios ex por ta do res Rio Ver de, Ja taí e Mo zar lân dia, e os com pra do res de pro du tos go i a nos mais re cor ren tes Chi na, Es -pa nha e Tai lân dia.

Por ou tro la do, as im por ta ções nos três pri mei ros tri mes tres tam -bém apre sen ta ram al ta de qua tro dos 10 prin ci pa is pro du tos com pra -dos pe lo Es ta do. Adu bos de ram um sal to de co o pe ra ção de 1,67%; com bus tí veis mi ne ra is, óle os mi ne ra is e pro du tos da sua des ti la ção au men ta ram 15,46%; má qui nas, apa

-re lhos e ma te ri ais elé tri cos, 0,06%; e plás ti cos e su as obras 0,13%.

Já os pro du tos far ma cêu ti cos apre sen ta ram de sa ce le ra ção nas com pras de 12,8%, mas ain da ocu pam pri mei ro lu gar no to tal im por ta do pe lo Es ta do com 23,81% do mon tan te; os ve í cu los au to mó veis e de mais da ca te go -ria tam bém ti ve ram que da de 0,12%; se gui do dos re a to res nu -cle a res, cal dei ras, má qui nas (0,27%); pro du tos quí mi cos or gâ -ni cos (-3,33%); ins tru men tos e apa re lhos de óp ti ca e de mais (-0,29%); e pro du tos di ver sos da in dús tria quí mi ca (-0,01).

Mes mo as sim, as im por ta ções con ti nuam em cres ci men to. Com pa ra do com o mes mo pe rí o -do de ja nei ro a se tem bro -do ano pas sa do, as com pras in ter na cio -nais cres ce ram 53,93%, sen do os prin ci pa is com pra do res go i a nos Aná po lis, Ca ta lão e Ca cho ei ra Dou ra da, de pro du tos so bre tu do pro ve ni en tes da Chi na, Ar gen ti -na e Es ta dos Uni dos.

economia

Superávit na Balança Comercial goiana

Tornozeleiras custeadas por acusados

Governador Ronaldo Caiado sanciona lei que transfere custos com o equipamento para condenados

O

go ver na dor Ro nal do Cai a

do san ci o nou, na ter çafei -ra (05/10), a Lei nº 21.116 que ins ti tui a co bran ça, a tí tu lo de com pen sa ção fi nan cei ra, pe lo uso de tor no ze lei ra ele trô ni ca por in ves ti ga do, acu sa do, pre so ou con -de na do no Es ta do -de Go i ás.

“Es ta do gas ta uma fá bu la de di -nhei ro pa ra man ter es sas pes so as en car ce ra das. Ban di do já deu pre ju í zo de mais à po pu la ção”, ar gu -men ta o go ver na dor.

De acor do com a Di re to ria-Ge ral de Ad mi nis tra ção Pe ni ten ci á ria (DGAP), ca da tor no ze lei ra tem um cus to de R$ 245 por mês, dé bi to que se rá ser re pas sa do ao pre si di á rio.

Se gun do da dos da Se cre ta ria de Es ta do da Se gu ran ça Pú bli ca

(SSPGO), atu al men te 4.602 de -ten tos fa zem uso do dis po si ti vo no Es ta do, com um cus to anual de R$ 13 mi lhões. Pa ra aten der a de man da exis ten te ho je, são ne ces -sá rias 10 mil no vas tor no ze lei ras. Des sa for ma, a lei san ci o na da vai re du zir os cus tos e pos si bi li tar a am pli a ção da po lí ti ca de mo ni to -ra ção ele trô ni ca em Go i ás.

“É inad mis sí vel que es sa res -pon sa bi li da de fi que nos om bros da po pu la ção go i a na”, fri sa o go ver -na dor ao ex pli car que há ca sos em que o cus to de ma nu ten ção dos de ten tos che ga a ser mai or que o va -lor in ves ti do em um edu ca dor.

Pa ra o di re torge ral de Ad mi nis tra ção Pe ni ten ci á ria, te nen teco ro -nel Ras mus sen, a co bran ça pe lo

uso da tor no ze lei ra ele trô ni ca é uma ques tão de equi da de. “Es te cus to não de ve ser do Es ta do, o pre so que re ce be o be ne fí cio da li ber -da de por meio do mo ni to ra men to tem que pa gar pe lo equi pa men to. A no va lei vai ge rar uma eco no mia de mi lhões de re ais aos co fres pú bli cos e va mos re ver ter es ses re cur sos em me lho ri as pa ra o sis te ma pe ni ten ci -á rio go i a no”, de fen de.

Além de Go i ás, os es ta dos de San ta Ca ta ri na e de Ma to Gros so tam bém ado ta ram a co bran ça pe lo uso do equi pa men to ele trô ni co de mo ni to ra ção em me di da que pos si -bi li te li ber da de pro vi só ria, me di das pro te ti vas, res tri ti vas de di rei to ou qual quer for ma de li ber da de do acu sa do no cur so do pro ces so ou

du ran te o cum pri men to da pe na. A lei go i a na, que foi ela bo ra da em con jun to com a Se cre ta ria de Es ta do da Se gu ran ça Pú bli ca (SSP-GO), por meio da Di re to riaGe ral de Ad mi nis tra ção Pe ni ten -ci á ria (DGAP), e da Se cre ta ria de Es ta do da Ca sa Ci vil (SECC), isen ta de co bran ça os pre sos que são be ne fi ciá rios da as sis tên cia ju -di ci á ria gra tui ta.

As sim co mo a con ser va ção do equi pa men to de mo ni to ra ção ele trô ni ca uti li za do por ele, se rá de to -tal e ir res tri ta res pon sa bi li da de do in ves ti ga do, acu sa do, pre so ou con de na do a ma nu ten ção do equi pa -men to em ca so de ava ria ou da no ao equi pa men to ou a seus aces só rios.

Os pa ga men tos dos va lo res pe

-la uti li za ção do equi pa men to de mo ni to ra ção ele trô ni ca se rão re co lhi dos por Do cu men to de Ar re -ca da ção de Re cei tas Es ta du ais (Da re), ex pe di do pe la se cre ta ria de Es ta do da Eco no mia, pre fe ren -ci al men te pe la In ter net.

Se o in te res sa do não dis pu ser de aces so à In ter net, a Di re to riaGe ral de Ad mi nis tra ção Pe ni ten ci á ria (DGAP) for ne ce rá o Do cu men to de Ar re ca da ção de Re cei -tas Es ta du ais pa ra pa ga men to nas ins ti tu i ções fi nan cei ras.

A ina dim plên cia do mo ni to ra -do re sul ta rá na ins cri ção -do dé bi to em dí vi da ati va, sem pre ju í zo de ou tras san ções, e não im pli ca rá qual quer li mi ta ção à li ber da de de lo co mo ção.

justIÇa

Prefeitura Municipal de

RIANÁPOLIS

Prefeitura Municipal de

URUANA

Câmara Municipal de SÃO PATRÍCIO

A CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO PATRÍCIO

Composta por 9 vereadores e por

comissões temáticas que trabalham

diariamente para atender os interesses

da comunidade. Nas sessões são

aprovados requerimentos e projetos de

lei para melhorar a qualidade de vida

do cidadão de São Patrício e promover

(4)

Mães de Goiás em Nova América

Iniciativa do

Governo de Goiás

agora atende no

município. Prefeito

Cleber Júnio

comemora conquista

S

e ma na pas sa da foi a vez da ci da de de No va Amé ri ca, no co ra ção da re gi ão do Va le do São Pa trí cio, re ce ber uma co mi ti -va do Go ver no do Es ta do pa ra a en tre ga dos car tões do Pro gra ma Mã es de Go i ás. O no vo pro gra ma as sis ten ci al do go ver no, des ti na -dos as fa mí lias hu mil des, tem te to de R$ 250 re ais e é des ti na do a mu lhe res com fi lhos de ze ro a seis anos. Des de que o pro gra ma foi lan çan do, mais de 12 mil be ne fí ci os já fo ram re pas sa dos pe lo Es ta do, e No va Amé ri ca foi con tem -pla do com 71 be ne fí ci os.

A en tre ga dos car tões do pro gra -ma ocor reu nas de pen dên cias do Clu be Mu ni ci pal, on de o pre fei to Cle ber Ju nio fez ques tão de des ta car mais es sa par ce ria com o Go -ver no do Es ta do, ga ran tin do mais dig ni da de e qua li da de de vi da pa ra a co mu ni da de. Es ta mos ven do o com pro me ti men to que o go ver no es tá ten do com as fa mí lias de Go i -ás. No va Amé ri ca fi ca agra de ci da por mais es se be ne fí cio, dis se o pre -fei to. Re pre sen tan do o go ver na dor Ro nal do Cai a do, o as ses sor es pe ci

-al e ex-pre fei to de Pi lar de Go i ás, Sá vio So a res, dis se que a me ta do go ver no é atin gir 100 mil fa mí lias nos 246 mu ni cí pios go i a nos.

Sá vio re for çou o dis cur so de Cai a do ao afir mar que es se va lor se rá in ves ti do pa ra ge rar em pre go, ar re ca da ção e dar con di ções das mã es po de rem es co lher o que há de me lhor pa ra seu fi lho co mo com ple men to da ali men ta ção da cri an ça de ze ro a 06 anos". O au xí -lio fi nan cei ro, no va lor de R$ 250, é vi a bi li za do pe lo Fun do de Pro te -ção So ci al do Es ta do de Go i ás (Pro te ge Go i ás). Se gun do o se cre -tá rio de De sen vol vi men to So ci al, Wel ling ton Ma tos, o be ne fí cio au -men ta a dis tri bui ção de ren da de fa mí lias vul ne rá veis, pro mo ve a se gu ran ça ali men tar, ofe re ce me -lhor qua li da de de vi da e as se gu ra a per ma nên cia de cri an ças na es co la.

programa soCIal

Prefeito Cleber Junio destaca compromisso do governo com N. América Familias de Nova América recebem o benéficio do governo estadual

Equipe do governo com prefeito durante solenidade de entrega de cartões: famílias carentes contempladas

(5)

A pri mei ra-da ma de São Lu iz do Nor te, Clau di nha e o pre fei to, Eli eu des Mo ra es es ti ve ram em Go i â -nia, na se ma na pas sa da, em mais uma agen da de bus ca de be ne fí ci os pa ra a co mu ni da de. Des ta vez, a du pla de pre fei tos es ti ve ram na se -de da Or ga ni za ção das Vo lun ta rias de Go i ás (OVG), so li ci tan do mais be ne fí ci os pa ra aju dar as fa mí lias em vul ne ra bi li da de do mu ni cí pio, re for çan do o com pro mis so de le var mais dig ni da de e qua li da de de vi da as pes so as que mais pre ci sam.

E a agen da de tra ba lho te ve sal do bas tan te po si ti vo. Após ser re ce -bi dos pe la pre si den te do ór gão e pri mei ra-da ma do es ta do, Gra ci nha Cai a do, que sem pre se mos trou sen sí vel em aten der as de man das dos mu ní ci pios, o pre fei to e pri mei rada ma re ce be ram a do a ção de ca -dei ras de ro das, an da do res, fral das e EPis, den tre ou tros. "Es ses be ne fí ci os irão pro por ci o nar mais dig ni da de e me lho ria na qua li da de de vi da de ido sos, cri an ças e ado les cen -tes ca ren -tes, das fa mí lias de bai xa ren da", dis se o pre fei to.

Ju vE NALJu NI OR

são Luiz do norte

Prefeito e primeira-dama buscam ajuda na OVG

Prefeitura faz parceria com o Senar

Prefeito Elieudes celebra o acordo que

vai permitir a qualificação de mão de

obra de trabalhadores do município

C

om o ob je ti vo de qua li fi car e

me lho rar a pro du ti vi da de ru -ral de pe que nos pro du to res, a Pre fei tu ra de São Lu iz do Nor te em par ce ria com Se nar e o Sin di ca -to Ru ral de Uru a çu ce le bram mais uma par ce ria, des ta vez pa ra a re a li -za ção de vá rios cur sos, den tre eles, FPF e For ma ção Pro fis si o nal Ru ral. Sob es sa pers pec ti va, o pre fei to Eli eu des Mo ra es re ce beu em seu ga bi ne te, na se ma na pas sa da Ita mar Ri bei ro, mo bi li za dor do Se nar e Pris ci la Me ne zes, co or de na do ra re gi o -nal do ór gão na re gi ão.

"O ho mem do cam po sem pre foi e sem pre te rá uma aten ção es

pe ci al da nos sa ges tão. To da for ma de po der ala van car de apren -di za gem, que pos so pro por ci o nar mais co nhe ci men tos no cul ti vo de la vou ras ou agro pe cu á ria es ta -re mos im plan tan do em nos so mu ni cí pio", diz o pre fei to. Par ti -ci pa ram da re u ni ão a pri mei ra da ma e se cre tá ria da As sis tên cia So ci al Clau di nha e a Se cre tá ria de Meio Am bi en te Agri cul tu ra e Pe cu á ria Mô ni ca Cas tro. "Mui to em bre ve es ta re mos ofe re cen do vá rios cur sos pro fis si o na li zan tes em nos so mu ni cí pio e de for ma gra tui ta pa ra nos sa po pu la ção", fi na li za a se cre tá ria.

sÃo luIz Do nortE

Prefeitura Municipal de

GUARINOS

Câmara Municipal de CERES

A CÂMARA MUNICIPAL DE CERES

Composta por 11 vereadores e por

comissões temáticas que trabalham

diariamente para atender os interesses

da comunidade. Nas sessões são

aprovados requerimentos e projetos

de lei para melhorar a qualidade de

vida do cidadão de Ceres e promover

o desenvolvimento da cidade.

Prefeitura Municipal de

RIALMA

Elieudes e equipe garantem mais um beneficio para a cidade

Reunião sela parceria em prol do homem do campo com o Senar

Primeira-dama comemora doação de benefícios Elieudes

(6)

economia

Preparem os bolsos:

gasolina e gás têm

novo aumento

A par tir de sex ta-fei ra (9), en tram em vi gor nas dis tri bu i -do ras o re a jus te nos pre ços -do Gás Li que fei to de Pe tró leo (GLP), o gás de co zi nha, e da gas oli na. A Pe tro bras man te ve por 95 di as os pre ços es tá veis no gás de co zi nha, “nos qua is a em pre sa evi tou o re pas se ime di a to pa ra os pre ços in ter -nos da vo la ti li da de ex ter na cau sa da por even tos con jun tu -ra is, a com pa nhia re a li za rá ajus te no pre ço do GLP pa ra as dis tri bu i do ras”, in for mou a com pa nhia, em no ta.

Pa ra a gas oli na, o pe rí o do de es ta bi li da de foi de 58 di as. Na no ta, a em pre sa es cla re ce que “es ses ajus tes são im por tan tes pa ra ga ran tir que o mer ca do si ga sen do su pri do em ba ses eco nô mi cas e sem ris cos de de sa -bas te ci men to pe los di fe ren tes ato res res pon sá veis pe lo aten di men to às di ver sas re gi ões bra si lei ras: dis tri bu i do res, im por ta

-do res e ou tros pro du to res, além da Pe tro bras”. E re fle tem par te da ele va ção nos pa ta ma res in ter na cio nais de pre ços de pe tró leo, im pac ta dos pe la ofer ta li -mi ta da fren te ao cres ci men to da de man da mun di al, e da ta xa de câm bio, da do o for ta le ci men to do dó lar em âm bi to glo bal.

Des ta for ma, a par tir des te sá ba do, o pre ço mé dio e ven da do gás de co zi nha, pas sa de R$ 3,60 pa ra R$ 3,86 por kg, equi -va len te a R$ 50,15 por bo ti jão de 13kg, re fle tin do re a jus te mé dio de R$ 0,26 por kg.

Pa ra a gas oli na, o pre ço mé dio de ven da pa ra as dis tri bu i -do ras, pas sa de R$ 2,78 pa ra R$ 2,98 por li tro, com re a jus te mé dio de R$ 0,20 por li tro.

Pa ra me lhor com pre en são da so ci e da de, a Pe tro bras pu -bli ca em seu si te in for ma ções re fe ren tes à for ma ção e com po si ção dos pre ços de com bus tí -veis ao con su mi dor.

Povoado de Guarinos vai

ganhar academia da saúde

Prefeito anuncia o

investimento que

será base para

garantir mais saúde

à população local

O

pre fei to de Gua ri nos, Zé

An tô nio usou as re des so ci ais se ma na pas sa da pa ra anun ci ar mais uma obra pa -ra o seu mu ni cí pio, des ta vez no po vo a do de Man di nó po lis, a cer ca de 30 qui lô me tros da ci da -de. De pois de ser en tre gue uma uni da de UBS na ges tão pas sa da, ago ra é a vez da co mu ni da de ser con tem pla da com uma aca de mia da sa ú de. "É com mui ta ale -gria e sa tis fa ção que co mu ni co a vo cês que ini ci a re mos mais uma obra, des ta vez, em Man di nó po -lis, que vai tra zer be ne fí ci os e qua li da de de vi da pa ra to da a co mu ni da de", es cre veu.

De acor do com a se cre ta ria mu ni ci pal de sa ú de, as sim que as obras fo rem con cluí das, uma equi pe pro fis si o nal vão acom pa nhar de per to as pes so as na prá ti

ca de ati vi da de fí si ca, em um es -pa ço mo der no, tra zen do mais qua li da de de vi da pa ra to dos. "Mui to obri ga do a to dos que fi ze ram par te des te so nho, es tou mui

-to fe liz por mais es sa re a li za ção. Apro vei to pa ra agra de cer a to da se cre tá ria de sa ú de, na pes soa do Was hing ton pe lo em pe nho e de di -ca ção", agra de ceu o pre fei to.

maIs saúDE

Prefeito Zé Antônio e equipe mostram documentos que garantem obra

(7)

ipiranga de goiás

Sancionada lei que cria Distrito Bom Jesus

O pre fei to Alex Gás, de Ipi ran -ga de Go i ás, san ci o nou na se ma na pas sa da, du ran te ses são so le ne no ple ná rio da Câ ma ra Mu ni ci pal, a lei nú me ro 312/2021, que cri ou o dis tri to de Bom Je sus. O pro je to era uma an ti ga rein vin di ca ção da co mu ni da de. Com a apro va ção da Lei, o mu ni cí pio de Ipi ran ga po de bus car jun tos a ór gã os do Es ta do e da Uni ão au to no mia pa ra a cap ta ção de re cur sos, por meio de pro gra mas di re cio na dos a zo nas ur ba nas, uma vez que o dis tri to dei -xa de ser zo na ru ral.

Se gun do o pre fei to Alex Gás, au tor do pro je to, na con di ção de dis tri to, Bom Je sus tor na-se ap to a ade rir a to do e qual quer pro gra ma go ver na men tal. Na prá ti ca, a co mu ni da de dei xa de ser área ex clu -si va men te ru ral e pas sam a ter um nú cleo ur ba no, o que ga ran te a pos si bi li da de de plei te ar e re ce ber

re cur sos. De acor do com Se cre ta ria de Ad mi nis tra ção "es sa mu -dan ça fa vo re ce a im plan ta ção de ou tras po lí ti cas pú bli cas em ge ral, a exem plo da te le fo nia".

A so le ni da de con tou com a par ti ci pa ção de re pre sen tan tes e lí de res da co mu ni da de que rei vin -di ca vam o aces so ao ser vi ço. O Pro je to foi apro va do por una ni mi -da de pe los ve re a do res em ses são so le ne, na noi te do úl ti mo dia qua tro na Câ ma ra Mu ni ci pal. O pre -fei to Alex Gás pa ra be ni zou os par la men ta res por apro va rem es sa gran de ini ci a ti va da ges tão.

O Dis tri to é uma sub di vi são do mu ni cí pio, que tem co mo se de a ci da de de Ipi ran ga de Go i ás, on de con cen tra a mai or par te da po pu la ção. To das as de ci sões que nor tei -am o dis tri to se guem com o Po der Exe cu ti vo e Câ ma ra Le gis la ti va.

Ju vE NALJu NI OR

For mo so celebra 58

anos de emancipação

Ani ver sá rio da ci da de foi mar ca do por des fi le cí vi co e li ve show

F

or mo so com ple tou no dia 25

des te mês, 58 anos de eman -ci pa ção po lí ti ca. Um des fi le cí vi co das au to ri da des do mu ni cí -pio pro mo vi do pe la pre fei tu ra mar cou o ani ver sá rio da ci da de.

A con cen tra ção foi na Pra ça da Ro do vi á ria, de on de as au to ri da des se gui ram a pé até o Pa ço Mu ni ci pal. O des fi le, co man da do pe lo pre -fei to Ha li son do Lei lão e pe la vi ce-pre fei ta Mel vi na Vi las Bo as, te ve par ti ci pa ção es pe ci al da Ban da de Mú si ca da Po lí cia Mi li tar de Go i ás. O pre fei to Ha li son e a pri mei ra-da ma Kei la Mar tins e a vi ce-pre fei ta Mel vi na fo ram à fren te do des fi le, se gui dos pe las de mais au to ri da des (ve re a do res e se cre tá rios mu ni ci pa -is). Na Pra ça da Pre fei tu ra, a ban da da PM fez ou tras apre sen ta ções e to cou tam bém o Hi no Na ci o nal, o Hi -no de Go i ás e o de For mo so.

Ha li son la men tou não po der fa zer uma gran de fes ta em co me -mo ra ção ao ani ver sá rio da ci da de e ga ran tiu que tão lo go aca be as

res tri ções, ele irá pro mo ver gran -des even tos na ci da de.

"Uma sa tis fa ção imen sa co me -mo rar os 58 anos de eman ci pa ção po lí ti ca de For mo so, e mais ain da de po der es tar res tau ran do as ma ni fes ta ções cul tu ra is que o mu ni -cí pio ha via per di do. No mo men to, te mos que nos pre o cu par em ze lar das vi das e is so te mos fei to com mui ta res pon sa bi li da de. Pas san do por es sas di fi cul da des e vol tan do

aos tem pos fes ti vos, ire mos or ga -ni zar os even tos na me di da que a nos sa so ci e da de me re ce", as se gu -rou o pre fei to.

A noi te te ve li ve show com as du plas ser ta ne jas Ne ti nho e Da -vid, e Fer nan do e Ales san dro. Já no do min go (26) acon te ce ram ce -le bra ções re li gi o sas, Mis sa na Igre ja Ca tó li ca, pe la ma nhã, e a noi te Cul to em Ação de Gra ças na Igre ja As sem bleia de Deus.

CElEbraÇÃo

Prefeito Alex mostra Lei que torna povoado em Distrito

Prefeito assina Lei tornando povoado em Distrito: novas possibilidades

Prefeito Alex e vice, Irmã Lucia e vereadores: momento histórico

Fotos: divulgação

Prefeito Halison assegura que a preservação da vida é prioridade

Autoridades do município com a banda musical da Polícia Militar

Autoridades comemoram aniversário de Formoso: momento de crescimento e de novas possibilidades

Banda da PM fez apresentação nas celebrações de 58 anos da cidade

Comemoração no aniversário da cidade: novas oportunidades virão

Desfile Cívico em comemoração aos 58 anos de Formoso: história

(8)

itapaci

Investimentos executados na zona rural

O pre fei to de Ita pa ci (PSDB), Má rio Sal les (Má rio Ma ca co), fi na li zou mais uma se ma na de tra -ba lho acom pa nhan do a se cre ta ria de Obras e In fra es tru tu ra re a li zar ser vi ços pe la zo na ru ral, em es pe ci al na re gi ão do Izi do ro. Os tra ba lhos de me lho ri as das es tra das vi -ci nais têm si do uma cons tan te da atu al ges tão e sob es sa pers pec ti va, o pre fei to des ta ca que "o en cas ca lha men to vi sa con tri bu ir com me lho ria aos mo ra do res e pro pri e tá -rios ru ra is, no des lo ca men to de pes so as e no tran spor te es co lar".

Nes ta eta pa dos tra ba lhos de me lho ri as das es tra das vi ci nais, a atu al ges tão es tá in ves tin do na ins ta la ção de ma tabur ros. Ao la -do de se cre tá rios, o pre fei to vol tou a afir mar que tem da do pri o ri da de as es tra das ru ra is do mu ni cí pio, pois, es te é um com pro mis so que a ad mi nis tra ção tem com os mo ra do res e a agri cul tu ra, re vi ta li zan do e per mi tin do aces so de qua -li da de em to das as vi as ru ra is do mu ni cí pio. Se gun do o pre fei to, a ins ta la ção dos ma ta-bur ros é mais uma par ce ria com os de pu ta dos Tal les Bar re to e Cé lio da Sil vei ra. "O ho mem do cam po tem um pa pel im por tan tís si mo na nos sa co mu ni da de, se ja na pro du ção agrí co la ou ani mal. Por is so, de ter mi

na mos a se cre ta ria de obras e in fra -es tru tu ra man ter um ca len dá rio cons tan te de ma nu ten ção de to das as es tra das que pas sam pe lo mu ni cí pio. O pro du tor ne ces si ta de pou co da ges tão e es se pou co é jus ta

men te man ter as es tra das em con di ções de tra fe ga bi li da de, na cons tru ção de um ater ro ou bu ei ro. Va -mos se guir em fren te, re a li zan do es ses ser vi ços até o úl ti mo dia de nos sa ges tão", dis se Ma ca co.

Jaraguá recebe mais investimentos

Cidade comandada pelo prefeito Paulo Vítor quer voltar a liderança econômica no Vale do São Patrício

N

a con tra mão da cri se que

atin ge as pe que nas e mé di as pre fei tu ras em vir tu de da pan de mia, a ci da de de Ja -ra guá vi ve tem po prós pe ros e de gran des par ce rias que se ma te ri a li zam atra vés de re cur sos es ta -du ais e fe de ra is. A boa in flu ên cia do pre fei to Pau lo Vi tor Ave lar e do pre si den te da Ce a sa, Li neu Olím pio, tem as se gu ra do inú me -ros be ne fí ci os à ci da de.

Man ten do uma agen da po si ti va em Bra sí lia e na Ca pi tal do Es ta -do, que vi sa a bus ca por re cur sos e be ne fí ci os, al guns mi lhões já fo -ram con quis ta dos pa ra Ja ra guá nes tes pri mei ros mes es de ges tão, o que faz da ci da de um di fe ren ci al na re gi ão. O fa tor que com pro va is so, é a par ce ria com o de pu ta do fe de ral Jo sé Nel to, que nos úl -ti mos di as dis po ni bi li zou pa ra a ci da de re cur sos que se apro xi -mam a ca sa dos R$ 4.000.000,00 (qua tro mi lhões).

Des se mon tan te, R$ 2.789.000,00 fo ram des ti na dos à con clu são da pas sa re la da mo da. O va lor se rá uti li za do pa ra fi na li -zar a du pli ca ção de tre vo a tre vo da ci da de, for ta le cen do o co mér cio às mar gens da BR153, pos -si bi li tan do a aber tu ra de no vos es ta be le ci men tos, além de dar mais se gu ran ça e pra ti ci da de no trá fe go do tre cho.

Ou tro be ne fí cio en tre gue re -cen te men te pe lo par la men tar, foi uma no va Mo to ni ve la do ra XMG,

ze ro km, des ti na da a ma nu ten ções das es tra das ru ra is do mu ni cí pio, dan do mais agi li da de nas fren tes de pa tro la men to. De acor do com o pre fei to, a bus ca por re cur sos e par ce ria que pos sam fa zer a trans for ma ção que a ci da de e a co mu

-ni da de es pe ra, se rá o seu prin ci pal com pro mis so. "Va mos se guir em fren te, sem pre em bus ca de me -lho ri as e qua li da de de vi da pa ra a nos sa co mu ni da de", diz.

COM IN fOR MA çõEs As sEs sO RIA DE CO Mu NI CA çãO

rECupEraÇÃo

Prefeitura Municipal de

CERES

Câmara Municipal de RIALMA

A CÂMARA MUNICIPAL DE RIALMA

Composta por 9 vereadores e por

comissões temáticas que trabalham

diariamente para atender os interesses

da comunidade. Nas sessões são

aprovados requerimentos e projetos de

lei para melhorar a qualidade de vida

do cidadão de Rialma e promover o

desenvolvimento da cidade.

Em toda a cidade há registro de obras que estão sendo realizadas Liderada pelo prefeito Paulo Vitor, Jaraguá vive boom de investimentos

Paulo Vítor com José Nelto, Lineu Olímpio e autoridades da cidade

Melhorias de estradas da zona rural para atender o produtor rural

Mata-burros estão sendo instalados na zona rural e atendem produtor

(9)
(10)

anúnCIos & EDItaIs

Mário Macaco promete

entregar Centro de

Reabilitação ainda este ano

Ju vE NALJu NI OR

C

on tra ri an do as pers pec ti vas da cri se que as so la o Pa ís e atin ge to dos os mu ni cí pios, prin ci pal men te os de pe que nos por tes, a Pre fei tu ra de Ita pa ci ini ciou re -cen te men te a cons tru ção de mais uma im por tan tes obra de in fra es tru tu ra ur ba na na ci da de. O Cen tro Es -pe cia li za do de Re a bi li ta ção pa ra aten der as cri an ças es pe ci ais do mu -ni cí pio. Os re cur sos que ga ran tem a con clu são do pro je to é fru to de mais uma par ce ria com o Go ver no Fe de -ral, por meio do de pu ta do Cé lio da Sil vei ra e a ex pec ta ti va é que as obras se jam con cluí das nos pró xi mos três mes es, ou se ja, ain da es te ano.

De acor do com o pre fei to Má rio Sal les (Má rio Ma ca co PSDB), o mo der no pré dio, que de ve rá ser inau gu -ra do ain da es te ano, vai re ce ber uma pis ci na aque ci da pa ra aten der a fi si o -te ra pia, em es pe ci al pa ra a-ten der a ter cei ra ida de. "Que re mos fa zer do nos so man da do um ins tru men to de trans for ma ção e, aci ma de tu do, mos trar que é pos sí vel fa zer mui to, mes mo con tan do com pou cos re cur -sos. Ho je, da mos mais uma pro va de que apli can do os re cur sos de for ma cor re ta e no lu gar cer to, é pos sí vel aten der as de man das de que a co mu -ni da de ne ces si ta", afir ma Má rio.

"Es ta mos ven do o iní cio de um

so nho que se rá con cre ti za do atra vés des ta fun da ção, es pe ra mos em bre ve po der mos aten der me lhor a po pu la -ção. Te mos uma gran de quan ti da de de pes so as que ne ces si tam des te ti po de tra ta men to, den tre elas, na área da or to pe dia, pes so as que so fre ram der ra me e, as pes so as que ti ve ram al -gum ti po de se que las, em vir tu de da Co vid. Ali ás, acre di ta mos que es se se rá o pú bli co al vo do Cen tro de Re -a bi li t-a ção", pon tu-a M-a c-a co.

As obras es tão exe cu ta das com to das as exi gên cias pa ra es te ti po de em pre en di men to, com aces si bi li da -de e es ta cio na men to", -des ta cou o pre fei to. Na se ma na pas sa da, o pre fei to es te ve mais uma vez vis to ri an

-do as obras e pô de ver de per to o so nho de cen te nas de pes so as sen do er gui -do. Ali, de acor do com Má rio Ma ca co, con ta rá com to da es pe cia li da de pa ra aten der a co mu ni da de, em es pe ci al as cri an ças com ne ces si da des es pe ci ais e o ido so. Pra fi -na li zar o pre fei to diz que to da a obra es tá sen do exe cu ta da em par ce ria, "fru to de uma ges tão tran spa ren te e que dá pri -o ri da de na apli ca çã-o de ca da cen ta vo do di nhei ro pú bli co", pon tua.

ItapaCI

edi­tal­de­re­gu­la­ri­Za­ção­Fun­di­Á­ria­ur­ba­na­de­in­te­res­se­(so­-Ci­al­e­es­pe­Ci­FÍ­Co).­pra­Zo­30­(trin­ta)­di­as. a pre si den ta da co mis são

de re gu la ri za ção Fun di á ria de são lu iz do nor te - Go, no uso de su as atri bu i ções le gais, FaZ sa ber aos ter cei ros even tual men te in te res sa dos e, es pe ci al men te, aos que tra mi ta pe ran te o mu ni cí pio o pro ce di men to de re gu la ri za ção fun di á ria de in te res se so­ci­al­e­es­pe­cí­fi­co­pro ce di men to nº 004/2021, que tem por ob je ti vo re gu la ri zar o nú cleo ur ba no in for mal con so li da do no lo cal de no mi na do de

bair­-ro­san­ta­ro­sa,­re­fe­ren­te­a­ma­trí­cu­la­nº1.340­li­vro­­2-g­­­-­re­gis­tro ge­ral­Fi­Cha­-­de­pro­pri­e­da­de­de­Jo­sé­ma­cha­do­da­sil­va,­sa­ben­do­que es­te­se­en­con­tra­fa­le­ci­do,­no­ti­fi­ca-se­en­tão­seus­her­dei­ros:­Yo­ne,­le­an­- dro,­ana,­ma­ria­de­lour­des,­au­gus­ta­ma­ria,­Jo­ão­iná­cio­e­pau­lo­ma­cha­do.­sen do que o pe rí me tro abran gi do pe la de mar ca ção/re gu la ri za ção e me mo ri

-ais des cri ti vos e ma pas cons ta ram a dis po si ção no cen tro ad mi nis tra ti vo ma no el ro dri gues ro sa, ou pe lo te le fo ne: 062 3346-6469. es tan do em ter mos, ex pe diu-se o pre diu-sen te edi tal pa ra no ti fi ca ção do su pra men ci o na do, ad ver tin do-diu-se que não apre sen ta da a dis cor dân cia pe ran te o mu ni cí pio de são lu iz do nor te Go, lo ca -li za do no cen tro ad mi ra ti vo ma no el ro dri gues ro sa, br-153 Km 1021 - Jar dim hir mam - cep:7366500, em 30 (trin ta) di as sub se quen tes ao de cur so do pra zo do edi tal pu bli ca do, po­de­rá­im­pli­car­em­con­cor­dân­cia­e­a­per­da­de­even­tual

di­rei­to­que­o­no­ti­fi­ca­do­ti­tu­la­ri­ze­so­bre­o­imó­vel­ob­je­to­da­reurb.­o­pre­-sen­te­edi­tal­não­se­rá­re­no­va­do­ca­so­a­ti­tu­la­ção­fi­nal­se­ja­por­usu­ca­pi­ão ju­di­cial­ou­ex­tra­ju­di­cial,­ser­vin­do­o­pre­sen­te­pa­ra­aten­di­men­to­do­dis­-pos­to­no.­se rá o pre sen te edi tal, por ex tra to, afi xa do nos átrios da pre fei tu ra, e

pu bli ca do uma vez no di á rio ofi ci al. eu, mi rel la lo re na mar ques, pre si den ta da co mis são de re gu la ri za ção Fun di á ria de são lu iz do nor te Go, o con fe ri e as si -no. são lu iz do nor te - Go, 16 de agos to de 2021.

mi­rel­la­lo­re­na­mar­Ques

pre si den ta da co mis são

edital­ de­ regulariZação­ FundiÁria­ urbana­ de­ interesse­ (soCial­ e espeCiFÍCo).­ praZo­ 30­ (trinta)­ dias. a presidenta da comissão de regularização

Fundiária de são luiz do norte -Go, no uso de suas atribuições legais, FaZ saber aos terceiros eventualmente interessados e, especialmente, aos que tramita perante o município procedimento de regularização fundiária de interesse social­e­específico procedimento nº 007/2021, que tem por objetivo regularizar a núcleo urbano informal consolidado no local denominado de paraíso:

sendo que o perímetro abrangido pela demarcação/regularização e memoriais descritivos e mapas constaram a disposição no centro administrativo manoel rodrigues rosa, ou pelo telefone: 062 3346-6469. estando em termos, expediu-se o presente edital para notificação do supramenciona-do, advertindo-se que não apresentada a discordância perante o município de são luiz do norte - Go, localizado no centro admirativo manoel rodrigues rosa, br-153 Km 1021 - Jardim hirmam - cep:7366500, em 30 (trinta) dias subsequentes ao decurso do prazo do edital publicado, poderá

implicar­em­concordância­e­a­perda­de­eventual­direito­que­o­notificado­titularize­sobre o­imóvel­objeto­da­reurb.­o­presente­edital­não­será­renovado­caso­a­titulação­final seja­por­usucapião­judicial­ou­extrajudicial,­servindo­o­presente­para­atendimento­do disposto­no. será o presente edital, por extrato, afixado nos átrios da prefeitura, e publicado uma

vez no diário oficial. eu, mirella lorena marques, presidente da comissão de regularização Fundiária de são luiz do norte -Go, o conferi e assino.

são luiz do norte - Go, 29 de setembro de 2021.

mirella­lorena­marQues

presidenta da comissão

beneFiCiÁrio

aFonso Ferreira da costa JÚnior daniel de Fátima

diVina JosÉ GonÇalVes diVino aparecido dos santos edimilson eVanGelista leite ednilson GonÇalVes de oliVeira erica costa de oliVeira souZa erliene silVÉrio de oliVeira caValcanti erliene silVÉrio de oliVeira caValcanti Juliana de almeida Quintino Filemon araÚJo

Gerson luiZ ribeiro iVanilta Ferreira de sousa Jaine carla alVes Ferreira Joirson carneiro moreira Joirson carneiro moreira Jose bertino GonÇalVes João batista hilario ribeiro lenice maria da silVa pedro JosÉ dominGos pedro JosÉ dominGos reGina meireles de castro lopes teresa rodriGues almeida Valcirene claudina de oliVeira ValÉria alVes GonÇalVes WellinGton barbosa GonÇalVes

ConFrotante

daniel JosÉ ribeiro Filemon arauJo

João batista hilário ribeiro orcelino borGes da silVa Filho Wellis Garces dos santos JosÉ barbosa da silVa edson Gilmar pereira JosÉ leandro de araÚJo Gilmara maria Ferreira GonÇalVes leandro barbosa rocha anGelo Jose laureano Valtemiro aparecido brandão JosÉ leandro de araÚJo Valtemiro aparecido brandão Jose leandro de araÚJo elieuson dias de moraes anGelo Jose laureano caixa econÔmica Federal caixa econÔmica Federal lauriValdo rodriGues dos santos Wellis Garces dos santos luiZ carlos Fonsceca linYKer GonÇalVes diniZ leandro barbosa rocha maria ines ribeiro JosÉ leandro de araÚJo

endereço rua p -04, Qd:03 lt:11, paraíso rua p-06 Qd:04 lt:22, paraíso rua p-04 Qd: 02 lt:22, paraíso rua p-01 Qd: 03 lt: 25, paraíso rua p- 01 Qd: 05 lt:28, paraíso rua p-08 Qd: 08 lt:05, paraíso rua p- 06 Qd:04 lt: 29, paraíso rua p- 08 Qd: 06 lt: 02, paraíso rua p- 08 Qd: 06 lt: 02, paraíso rua p- 01 Qd: 05 lt: 26, paraíso rua p-07 Qd:05 lt: 18, paraíso rua p- 08 Qd:03 lt:01, paraíso rua p- 03 Qd: 01 lt: 06, paraíso rua p-04 Qd: 03 lt:09, paraíso rua p- 08 Qd: 06 lt: 03, paraíso rua p- 08 Qd: 06 lt: 03, paraíso rua p- 06 Qd: 05 lt: 09, paraíso rua p- 07 Qd: 02 lt: 17, paraíso rua p - 05 Qd: 05 lt: 16, paraíso rua p- 07 Qd: 05 lt: 25, paraíso rua p- 07 Qd: 05 lt: 25, paraíso rua p-08 Qd: 03 lt:04, paraíso rua p- 05 Qd: 04 lt: 23, paraíso rua p- 07 Qd: 05 lt: 24, paraíso rua p- 06 Qd: 04 lt:08, paraíso rua p- 06 Qd: 06 lt: 07, paraíso

Prédio terá pis ci na aque ci da pa ra aten der melhor a ter cei ra ida de

edital­ de­ regulariZação­ FundiÁria­ urbana­ de­ interesse­ (soCial­ e­ espeCiFÍCo).­ praZo­ 30 (trinta)­ dias.­ a presidenta da comissão de regularização Fundiária de são luiz do norte -Go, no uso de suas

atribuições legais, FaZ saber aos terceiros eventualmente interessados e, especialmente, aos que tramita perante o município procedimento de regularização fundiária de interesse social e específico procedimento nº 006/2021, que tem por objetivo regularizar a núcleo urbano informal consolidado no local denominado de perillo:

sendo que o perímetro abrangido pela demarcação/regularização e memoriais descritivos e mapas constaram a dis-posição no centro administrativo manoel rodrigues rosa, ou pelo telefone: 062 3346-6469. estando em termos, expediu-se o presente edital para notificação do supramencionado, advertindo-se que não apresentada a discordân-cia perante o município de são luiz do norte - Go, localizado no centro admirativo manoel rodrigues rosa, br-153 Km 1021 - Jardim hirmam - cep:7366500, em 30 (trinta) dias subsequentes ao decurso do prazo do edital publi-cado, poderá­implicar­em­concordância­e­a­perda­de­eventual­direito­que­o­notificado­titularize­sobre

o­imóvel­objeto­da­reurb.­o­presente­edital­não­será­renovado­caso­a­titulação­final­seja­por­usu-capião­judicial­ou­extrajudicial,­servindo­o­presente­para­atendimento­do­disposto­no.­será o presente

edital, por extrato, afixado nos átrios da prefeitura, e publicado uma vez no diário oficial. eu, mirella lorena marques, presidente da comissão de regularização Fundiária de são luiz do norte -Go, o conferi e assino.

são luiz do norte - Go, 23 de agosto de 2021.

mirella­lorena­marQues

presidenta da comissão

beneFiCiÁrio

celiVal de oliVeira martins celiVal de oliVeira martins elisete maria da silVa sebastiana rosa mariano ValdiVino moreira porte Vicente rodriGues lopes

ConFrotante

leidY Jane simão Wilson Garcia orFiZ caixa econÔmica Federal alessandro costa pereira lucelia carValho pereira benedito paulino dos santos

endereço

aVenida benVinda Vieira Qd:d lt:04, perillo rua p-2 Qd:d lt:09, perillo

rua p-2 Qd:b lt:11, perillo

aVenida benVinda Vieira Qd:b lt:03, perillo rua p-1 Qd:e lt:15, perillo

rua p-1 Qd:e lt:12, perillo

edi­tal­de­re­gu­la­ri­Za­ção­Fun­di­Á­ria­ur­ba­na­de­in­te­res­se­(so­Ci­-al­e­es­pe­Ci­FÍ­Co).­pra­Zo­30­(trin­ta)­di­as. a pre si den ta da co mis são de

re gu la ri za ção Fun di á ria de são lu iz do nor te Go, no uso de su as atri bu i ções le -gais, FaZ sa ber aos ter cei ros even tual men te in te res sa dos e, es pe ci al men te, aos que tra mi ta pe ran te o mu ni cí pio o pro ce di men to de re gu la ri za ção fun di á ria de in te res se so­ci­al­e­es­pe­cí­fi­co pro ce di men to nº 005/2021, que tem por ob je ti vo re gu -la ri zar o nú cleo ur ba no in for mal con so li da do no lo cal de no mi na do de

bair­ro­san­- ta­ro­sa,­re­fe­ren­te­a­ma­trí­cu­la­nº4.687­li­vro­­2-r­-­re­gis­tro­ge­ral­Fi­-Cha­-­do­Car­tó­rio­de­imó­veis­de­ita­pa­Ci­e­de­pro­pri­e­da­de­de­Jus­ce­li­no vi­ei­ra­dos­­san­tos,­mar ge an do a ro do via Go 338 e con fron tan do com bair ro no

va es pe ran ça e se tor Vol ta da Ju re ma sen do que o pe rí me tro abran gi do pe la de -mar ca ção/re gu la ri za ção e me mo ri ais des cri ti vos e ma pas cons ta ram a dis po si ção no cen tro ad mi nis tra ti vo ma no el ro dri gues ro sa, ou pe lo te le fo ne: 062 33466469. es tan do em ter mos, ex pe diuse o pre sen te edi tal pa ra no ti fi ca ção do su pra men ci o na -do, ad ver tin do-se que não apre sen ta da a dis cor dân cia pe ran te o mu ni cí pio de são lu iz do nor te - Go, lo ca li za do no cen tro ad mi ra ti vo ma no el ro dri gues ro sa, br-153 Km 1021 Jar dim hir mam cep:7366500, em 30 (trin ta) di as sub se quen tes ao de -cur so do pra zo do edi tal pu bli ca do,

po­de­rá­im­pli­car­em­con­cor­dân­cia­e­a­per­-da­de­even­tual­di­rei­to­que­o­no­ti­fi­ca­do­ti­tu­la­ri­ze­so­bre­o­imó­vel­ob­je­to­da reurb.­o­pre­sen­te­edi­tal­não­se­rá­re­no­va­do­ca­so­a­ti­tu­la­ção­fi­nal­se­ja­por usu­ca­pi­ão­ju­di­cial­ou­ex­tra­ju­di­cial,­ser­vin­do­o­pre­sen­te­pa­ra­aten­di­men­to­do­dis­pos­to­no.­se rá o pre sen te edi tal, por ex tra to, afi xa do nos átrios da pre

fei tu ra, e pu bli ca do uma vez no di á rio ofi ci al. eu, mi rel la lo re na mar ques, pre si den -ta da co mis são de re gu la ri za ção Fun di á ria de são lu iz do nor te -Go, o con fe ri e as si no. são lu iz do nor te - Go, 16 de agos to de 2021.

mi­rel­la­lo­re­na­mar­Ques

pre si den ta da co mis são

Obra da pis ci na aque ci da pa ra aten der melhor a fi si o te ra pia dos idosos As obras do Cen tro Es pe cia li za do de Re a bi li ta ção estão aceleradas e a expectativa é inaugurar até dezembro

(11)

uruana

Almoço free em forma de Drive-Thru

Res pei tan do os pro to co los sa ni tá rios, a pri mei rada ma e se -cre tá ria de As sis tên cia So ci al de Uru a na, Ju bia Ri bei ro, uma das ide a li za do ras da ação, con tou que o ob je ti vo prin ci pal do even to foi con fra ter ni zar com os ido sos a fim de mos trar res pei to e cui da do com o gru po da co mu -ni da de. A ação é uma for ma de re co nhe ci men to a to das es sas pes so as, que con tri bu í ram com sua par ce la pa ra o de sen vol vi -men to da ci da de. "Res pei tar e cu i dar é o mí ni mo que po de mos fa zer em prol do pes so al da me -lhor ida de", diz a se cre tá ria.

"O al mo ço que fi ze mos pa ra es ses ido sos foi pen san do, pri -mei ra men te, em co me mo rar o Dia Na ci o nal do Ido so. Bus ca mos mos trar o ze lo e a va lo ri za -ção que te mos por es sas pes so as que já fi ze ram tan to por nós. Não es ta mos po den do dar con ti -nui da de às ações por con ta da pan de mia, mas que re mos sem pre mos trar que o ido so se rá tra ta do com mui to ca ri nho e res -pei to em nos sa Ad mi nis tra ção" afir ma a se cre tá ria.

O al mo ço foi ser vi do em for ma de dri vethru, on de os ho me -na ge a dos pas sa vam e re ce bi am das mãos da pri mei rada ma, ál co ol 70% e a co mi da que foi pre -pa ra da com mui to ca ri nho pe la equi pe da se cre ta ria de as sis tên -cia so ci al de Uru a na.

COMIN fOR MA çõEs As sEs sO -RIA DE CO Mu NI CA çãO

Vereadores defendem concurso

O

pre si den te da Câ ma ra Mu ni ci pal de Ce res, We -der Ru bens (Ca be lo), acom pa nha do do ve re a dor Fred da Pe dro sa, re pre sen tan do o Le gis la ti vo Mu ni ci pal, acom pa nha dos pe lo pre fei to Ed má rio, se cre tá rio de Ad mi nis tra ção, Dyb Bit tar; e As ses sor Ju rí di co do Mu ni -cí pio Dr. Ra fa el Al ves, es ti ve ram na se de do Nú cleo de Se le ção da UEG em Aná po lis pa ra co brar um po si cio na men to so bre a re a li za ção do Con cur so Pú bli co no Mu -ni cí pio de Ce res.

Eles fo ram re ce bi dos pe lo Ge -ren te do Nú cleo de Se le ção, He ber Pi men ta Fer nan des e pe lo PróRei

-tor de Pes qui sa e Pós-Gra du a ção, Clau dio Sta chei ra que ga ran ti ram que ain da es te ano es ta rão re a li zan -do o cer ta me, cum prin -do as sim, o com pro mis so com o mu ni cí pio e es pe ci al men te com os ins cri tos.

"Vi e mos pes so al men te atrás de res pos tas acer ca do cer ta me. Os mo ra do res bus cam in for ma ções acer ca de quan do se rão re a li za das as pro vas. Com ba se no que nos foi re pas sa do, te mos uma in for -ma ção con cre ta pa ra as pes so as que fi ze ram as ins cri ções", in for -mou o pre si den te Ca be lo.

Co mo re sul ta do da con ver sa às tra ta ti vas en tre a pre fei tu ra de Ce res e a Uni ver si da de, no sen ti do da re a

-li za ção do exa me, es tão bas tan te avan ça das e ca mi nham pa ra a con clu são, com a ex pec ta ti va de apli ca -ção do cer ta me ain da pa ra es te ano. O pro ces so que es ta va pro gra -ma do pa ra o iní cio do ano pas sa do, te ve que ser sus pen so em vir tu de da Pan de mia. Des de en tão, as pes -so as vi nham co bran do a re a li za ção do cer ta me. As pes so as que fi ze ram as ins cri ções não se rão pre ju di cas, afir mam o nú cleo de se le ção. "Ago ra que as me di das sa ni tá rias fo ram fle xi bi li za das, a re a li za -ção do con cur so en trou na pau ta do Nú cleo de Se le ção e a pro mes sa é que as pro vas se jam re a li za das ain -da es te ano", dis se ram.

CErEs

Prefeitura Municipal de

CARMO DO RIO VERDE

Prefeitura Municipal de

IPIRANGA DE GOIÁS

Acompanhados do prefeito Edmário, parlamentares foram à núcleo de seleção da UEG atrás de respostas

Presidente Cabelo com prefeito Edmário e comitiva para defender a realização de concurso público em Ceres

divulgação

Equipe da assistência social de Uruana: atendimento às famílias locais

Dia do Idoso celebrado com almoço gratuito na cidade de Uruana

Primeira-dama Jubia conversa com moradores durante almoço grátis

(12)

Pequi é fruto de renda na R. Norte

Fruto é fartamente colhido e vendido na região assegurando renda às famílias: safra vai até o final do ano

Ju vE NALJu NI OR

C

on si de ra do um dos sím bo -los cul tu ra is e gas tro nô mi co de Go i ás, o pe qui vem ga -nhan do ca da vez mais es pa ço e con cei to na eco no mia go i a na. Com o iní cio da tem po ra da de co lhei ta e co mer cia li za ção do fru to, que vai de se tem bro até de zem bro, cen te nas de fa mí lias, que re a li zam a ex tra ção do fru to, pas sam a ter um ga -nho ex tra en quan to du rar a co lhei ta.

Sen do o ter cei ro es ta do que mais pro duz pe qui, atrás ape nas de Mi nas Ge rias e To can tins, po dese di zer que o fru to é um pa tri mô nio da re gi ão do Va le São Pa trí cio, on de a ci da de de San ta Te re zi nha de Go i ás é a se gun da mai -or pro du to ra no es ta do, se gui da por Cam pos Ver des e Cri xás.

De acor do com pes qui sa do IB GE, re fe ren te a da dos con so li da -dos do ano pas sa do, a ex tra ção do pro du to em Go i ás avan çou mais de 10%, che gan do a 2.582 to ne la -das. Bas tan te co mum nas áre as do Cer ra do bra si lei ro, o seu con su mo ocor re num ver da dei ro le que: no ar roz, em mo lho, com fran go, em do ces, sor ve tes, li co res e em con -ser vas. Con si de ra do de óti ma qua li da de, com al to te or de pol pa, o pe qui go i a no che ga as me sas de con su mi do res de ci da des da re gi -ão, além de Go i â nia, Bra sí lia e até

mes mo de ou tros es ta dos.

Co nhe ci do co mo o Rei do Pe -qui, em San ta Te re zi nha de Go i ás, o se nhor Ora ci Al ves Ma cha do diz que co mer cia li zou ano pas sa do

cer ca de dez mil cai xas do fru to ao cus to de 35 re ais. Pa ra es te ano, se -gun do ele, os pre ços de vem se man ter, no en tan to, a co lhei ta po de ser me nor, em de cor rên cia da pou

-ca chu va, do des ma ta men to de áre as e in cên dio. Mes mo as sim, se nhor Ora ci co me mo ra a épo ca de co lhei ta do fru to, que é fei ta de for ma ar te sa nal, ge ran do uma opor tu ni da de de ga nhos ex tras pa -ra cen te nas de fa mí lias da re gi ão.

A ven da do pro du to ge ra ren da e em pre go no mu ni cí pio, mo vi -men tan do to da ca deia eco nô mi ca da ci da de. Quem vi a ja pa ra a re gi -ão, per ce be o gran de nú me ro de pes so as co mer cia li zan do o pro du to às mar gens da ro do via, que va ria de R$ 15,00 a R$ 30,00 de pen -den do da quan ti da de. O di nhei ro ad vin do da ven da do pe qui é uma ren da ex tra, que in cre men ta e aju -da nas des pe sas do lar.

De acor do com o se nhor Ora ci, ten do o fru to, o di nhei ro é cer to.

"Em al gu mas ho ras de tra ba lho por dia, re co lhen do o fru to no Cer ra do é pos sí vel en cher até 20 cai xas do pro du to", afir ma. "Não tem mui to tra ba lho pa ra re co lher o pe qui, já que o fru to cai quan do ma du ro e aí é só re co lher e de pois ex por ele na ro do via, que lo go, lo go é co mer cia -li za do", re ve la o pe que no agri cul tor. "A pes qui sa do IB GE in di ca que, além da re le vân cia gas tro nô -mi ca e cul tu ral, o pe qui ga nha ca da vez mais im por tân cia na eco no mia lo cal", diz o se cre tá rio de Agri cul tu ra, Pe cu á ria e Abas te ci men to, Ti -a go Men don ç-a. Ele res s-al t-a que o fru to é te ma de pes qui sas da Agên -cia Go i a na de As sis tên -cia Téc ni ca, Ex ten são Ru ral e Pes qui sa Agro pe -cu á ria (Ema ter), en tre elas a de uma va ri e da de sem es pi nhos.

santa tErEzInha DE goIás

Oraci, o Rei do Pequi comemora ínicio da colheita do fruto na região Famílias conseguem aumentar seus rendimentos colhendo o pequi

Fruto no pé e fruto de renda para centenas de famílias do Estado

Imagem

Referências

temas relacionados :