HIPÓTESES TEÓRICAS FINANCIAMENTO GASTOS FINANCIAMENTO GASTOS

Loading....

Loading....

Loading....

Loading....

Loading....

Texto

(1)

CONCEITOS

13. Com base nas funções clássicas do Estado, assinale a única opção falsa.

a) As necessidades meritórias são aquelas que também são atendidas pelo setor privado e, portanto, não estão sujeitas ao princípio da exclusão.

27. De acordo com a teoria das Finanças Públicas, existem algumas circunstâncias conhecidas como falhas de mercado, que impedem que ocorra uma situação de ótimo de Pareto. Assinale a opção falsa no tocante a tais circunstâncias.

d) Maior transparência dos mercados.

CONCEITOS

53. No que diz respeito aos bens

públicos, semi-públicos e privados,

indique a única opção incorreta.

e) Serviços de saúde e saneamento

são bens públicos, uma vez que

seus custos podem implicar preços

muito altos para que as pessoas

pobres possam ter acesso aos

mesmos.

(MPOG, 2008) A política fiscal pode

ser dividida em duas grandes

partes: a política tributária e a

HIPÓTESES TEÓRICAS

50. Analisado, historicamente, o setor público tem, ao

longo do último século, dilatado sobremaneira suas funções, tanto no plano econômico como no social. Uma série de razões básicas é responsável pela expansão da atividade do Setor Público. No que diz respeito a essas razões, indique a opção falsa.

b) Redução da taxa de crescimento populacional.

(MPOG, 2008) Ao longo da história e, principalmente, nos dois últimos séculos, a participação do Estado na economia vem crescendo por várias razões. Identifique a única opção incorreta no que se refere às razões do crescimento da participação do setor público na atividade econômica.

a) Durante períodos de guerra, a participação do Estado na economia aumenta, mas o gasto público se reduz.

HIPÓTESES TEÓRICAS

(MPOG, 2008) Com relação às hipóteses teóricas do

crescimento das despesas públicas, indique a única opção falsa.

d) Peacock e Wiseman estabeleceram que o crescimento do setor público, em que pese o crescimento da oferta, estaria limitado pelas possibilidades de expansão da demanda, a qual, por sua vez, é limitada pela possibilidade de crescimento da tributação.

FINANCIAMENTO GASTOS

42. Os mecanismos da tributação afetam grande parte

do sistema econômico. Com relação à teoria da tributação, identifique a afirmativa correta.

c) Um imposto muito elevado resulta em um peso morto também muito elevado, mas a arrecadação do governo é pequena, pois o imposto reduz sensivelmente o tamanho do mercado.

FINANCIAMENTO GASTOS

44. Do ponto de vista da eficiência econômica e da

competitividade dos produtos brasileiros nos mercados doméstico e internacional, há enormes entraves fiscais que precisam ser eliminados. Aponte a opção falsa no que concerne a esses entraves fiscais.

a) O efeito da tributação que desonera as operações financeiras.

(2)

FINANCIAMENTO GASTOS

48. Com relação à incidência tributária de um imposto,

assinale a única opção incorreta.

d) Se o governo impõe um imposto sobre vendas de determinada mercadoria, esse imposto terá por efeito deslocar a curva de demanda dessa mercadoria para cima.

FINANCIAMENTO GASTOS

MPOG, 2008 - O financiamento para que o Estado

cumpra suas funções com a sociedade é feito por meio de arrecadação tributária, ou receita fiscal. Identifique a única opção errada referente aos princípios de tributação.

c) A neutralidade pode ser avaliada sob dois princípios: princípio do benefício e princípio da capacidade de pagamento.

FINANCIAMENTO GASTOS

MPOG, 2008 - Os sistemas de tributação

diferenciam-se entre si de acordo com o tratamento tributário dado às diversas camadas de renda da sociedade. Com relação aos sistemas de tributação, identifique a única opção correta.

d) No sistema regressivo, o percentual do imposto pago diminui com o aumento do nível de renda.

FINANÇAS PÚBLICAS BRASIL

16. Ao longo dos anos 90 o papel do Estado mudou de

forma drástica, passando de um Estado-empresário, que procurava impulsionar o desenvolvimento econômico, definindo diretamente onde os fatores de produção deveriam ser alocados, para um Estado regulador e fiscal da economia. Identifique o requisito que não é necessário para que um sistema regulatório seja eficiente.

d) Um grande grau de garantia contra os riscos econômicos e políticos.

FINANÇAS PÚBLICAS BRASIL

28. No que diz respeito à composição dos tributos no

Brasil, nos últimos dez anos, indique a única opção incorreta.

d) Agravou-se o caráter progressivo do sistema tributário brasileiro, baseado em tributos indiretos.

FINANÇAS PÚBLICAS BRASIL

45. Observando-se o comportamento das finanças

públicas, no Brasil, a partir de 1999, não se pode afirmar que:

b) o ajuste fiscal foi fortemente concentrado na elevação das receitas de impostos não-cumulativos.

(3)

FINANÇAS PÚBLICAS BRASIL

MPOG, 2008 - Identifique qual das afirmações abaixo

não corresponde a uma descrição da situação fiscal ou do contexto macroeconômico no período 1981/1994.

b) Foi uma fase caracterizada por uma estagnação contínua da economia ao longo do período.

ORÇAMENTO PÚBLICO

01. O Orçamento é um dos principais instrumentos da

política fiscal do governo e traz consigo estratégias para o alcance dos objetivos das políticas. Das afirmações a seguir, assinale a que não se enquadra nos objetivos da política orçamentária ou nas funções clássicas do orçamento.

e) Cumprir a meta de superávit primário exigida pela Lei de Responsabilidade Fiscal.

ORÇAMENTO PÚBLICO

03. A Constituição Federal instituiu o Plano Plurianual

-PPA e a Lei de Responsabilidade Fiscal (Lei Complementar n. 101/2000) ratificou sua obrigatoriedade para todos os entes da federação. De acordo com a Constituição e os últimos planos aprovados para o governo federal, indique a opção incorreta.

a) Após a Constituição Federal, não há mais a possibilidade da existência de planos e programas nacionais, regionais e setoriais, devendo ser consolidado em um único instrumento de planejamento que é o PPA.

ORÇAMENTO PÚBLICO

04. Das afirmações a seguir relacionadas com a Lei

Orçamentária Anual - LOA, assinale a que não se enquadra nas regras estabelecidas na legislação federal.

a) As empresas sob controle direto da União, que recebam no exercício financeiro recursos do Tesouro a título de aumento de participação acionária deverão integrar os orçamentos Fiscal e da Seguridade Social.

CLASSIFICAÇÃO DESPESAS

89. Entre as principais categorias que compõem os

gastos públicos, não se enquadram:

d) pagamentos de criação de moeda pelo Tesouro

91. A práxis vigente permite que a despesa pública possa ser classificada de maneira funcional, institucional ou, ainda, segundo a sua natureza. Do ponto de vista da natureza, investimentos devem ser classificados como

e) grupo de despesa

CLASSIFICAÇÃO DESPESAS

103. Identifique, segundo o Orçamento Fiscal do

Brasil, Lei no9.969, de 11/05/2000, a opção que não é verdadeira, com relação à classificação de despesa.

e) Amortização de Empréstimo

102. Quanto à natureza econômica da receita e da despesa, o orçamento brasileiro a partir de 2000 passou a apresentar duas contas. Assinale a opção correta.

(4)

CLASSIFICAÇÃO RECEITAS

32. A Receita Orçamentária é a consubstanciada no

orçamento público e consignada na Lei Orçamentária. Aponte a única opção incorreta no que diz respeito às fontes de receitas.

c) A contribuição de melhoria corresponde à especialização de serviço público, em proveito direto ou por ato de contribuinte.

CLASSIFICAÇÃO RECEITAS

39. A receita na Administração Pública representa as

operações de ingressos de recursos financeiros nos cofres públicos. Identifique a opção não pertinente em relação às receitas correntes.

e) alienação de bens móveis e imóveis

46. A Lei n. 4.320/64 classifica a receita segundo as categorias econômicas em receitas correntes e de capital e define as fontes que compõem cada categoria. Posteriormente, face à necessidade de melhor identificação dos ingressos nos cofres públicos, o esquema inicial foi desdobrado em subníveis que formam o código identificador de receita. Indique o desdobramento não pertinente.

d) elemento.

CLASSIFICAÇÃO RECEITAS

56. De acordo com as Finanças Públicas, afirma-se que

os estágios da receita pública representam as fases percorridas pela receita na execução orçamentária. Aponte a opção correta que diz respeito ao ato pelo agente, pelo qual os agentes arrecadadores entregam diretamente ao tesouro público o produto da arrecadação.

b) recolhimento

77. A receita pública caracteriza-se como um ingresso de recursos ao patrimônio público. Assinale a opção que não é considerada como receita corrente:

b) receita da conversão, em espécie, de bens e direitos.

PROGRAMAÇÃO DESPESAS

101. A partir do ano 2000, o Orçamento Público no Brasil foi elaborado com base nas modificações dispostas pelo Decreto nº 2829/98 e na Portaria nº 42/99 do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. O eixo principal dessas modificações foi a interligação entre o planejamento governamental (PPA) e o Orçamento (LOA). Identifique o principal instrumento de ligação entre os dois.

b) programas

MPOG, 2008. Considerada a mais moderna das classificações orçamentárias da Despesa, a finalidade da classificação por programas é demonstrar as realizações do governo, o resultado final do seu trabalho em benefício da sociedade. Os programas também funcionam como unidade de integração entre o planejamento e o orçamento. Identifique a opção errada quanto à modalidade destes programas.

a) Programas de gestão especial.

CICLO ORÇAMENTÁRIO

31. A elaboração da lei orçamentária é a etapa que,

efetivamente, caracteriza a idéia de processo orçamentário, compreendendo fases e operações. A discussão é a fase dos trabalhos consagrada ao debate em plenário. Aponte a opção incorreta com relação às etapas da fase da discussão.

e) veto

PPA

34. Segundo o Decreto que estabelece as normas para a Gestão do PPA 2004-2007, a gestão do programa é de responsabilidade do gerente de programa. Não compete ao gerente de programa:

d) responsabilizar-se pela obtenção do produto expresso na meta física.

(5)

PPA

35. De acordo com o Manual de Avaliação Anual do Plano Plurianual, PPA 2004-2007, ano base 2004, identifique a afirmativa que não é pertinente.

c) o Relatório Anual de Avaliação do Plano Plurianual será encaminhado ao presidente da República.

PPA

66. O Plano Plurianual de 2000-2003 do governo brasileiro, que recebeu o nome de Avança Brasil, continha mudanças de grande repercussão no sistema de planejamento e orçamento do Governo Federal. Segundo o conteúdo desse plano, identifique a única opção que não é pertinente.

b) O desenvolvimento sustentável contava com a grande capacidade de geração de poupança interna e com a força do mercado de capitais para o financiamento de longo prazo, necessário para viabilizar os novos investimentos em infraestrutura e ampliar o número de empresas instaladas no País.

PPA

MPOG, 2008 - O Modelo de Gestão do Plano Plurianual (PPA) foi orientado segundo os critérios de eficiência, eficácia e efetividade, conforme o estabelecido no Decreto n. 5.233 de 6 de outubro de 2004. A avaliação é parte fundamental do modelo de gestão para geração de informações qualificadas para tomada de decisão nos diferentes níveis de administração. Com relação à avaliação, identifique a única opção incorreta.

d) No nível tático, a avaliação permite balizar a tomada de decisões estratégicas relacionadas à alocação de recursos e à criação ou extinção de programas e ações.

PPA

MPOG, 2008 - O Decreto n. 5.233, de 6 de outubro de 2004, estabeleceu as normas para a gestão do Plano Plurianual (PPA) e de seus programas. Aponte a opção falsa segundo o referido Decreto.

e) Cabe ainda à gestão estratégica a implementação, o monitoramento, a avaliação e revisão dos programas.

REFORMAS ESTRUTURANTES

58. Na chamada “Carta de Brasília” de fevereiro de 2003, autoridades federais e estaduais acordaram em divulgar seus pontos de convergência com relação à Reforma Tributária. Escolha, entre os pontos abaixo, aquele que não está de acordo com a referida Carta.

b) A contribuição patronal para o financiamento da Seguridade Social será cobrada, total ou parcialmente, sobre a receita líquida; a transição para essa modalidade será imediata.

REFORMAS ESTRUTURANTES

68. O processo de privatização no Brasil pode ser dividido em três fases: a que ocorreu ao longo dos anos 80, a que foi de 1990 a 1995 e a que se iniciou em 1995. Com relação ao processo de privatização no Brasil, aponte a única opção falsa.

d) A terceira fase apresentou como ponto importante o lançamento do Plano Nacional de Desestatização (PND).

(6)

REFORMAS ESTRUTURANTES

92. “Na década de 80, logo após a eclosão da crise de

endividamento internacional, o tema que prendeu a atenção de políticos e formuladores de políticas públicas em todo o mundo foi o ajuste estrutural ou, em termos mais analíticos, o ajuste fiscal e as reformas orientadas para o mercado. Nos anos 90, embora o ajuste estrutural continue figurando entre os principais objetivos, a ênfase deslocou-se para a reforma do Estado, particularmente para a reforma administrativa. A questão central é como reconstruir o Estado – como definir um novo Estado em um mundo globalizado. Depois de amplamente debatida, a emenda constitucional da reforma administrativa foi submetida ao Congresso Nacional em agosto de 1995. À emenda seguiu-se a publicação de um documento (Presidência da República, 1995) sobre a reforma administrativa – o Plano Diretor da Reforma do Aparelho do Estado.” (Trecho extraído do livro “Reforma do Estado e administração pública gerencial” de Luiz Carlos Bresser Pereira & Peter Spink 2 ed. Rio de Janeiro. FGV, 1998, P. 21) O referido Plano Diretor tem como proposta básica a transformação

da administração pública brasileira de:

d) burocrática em gerencial

REFORMAS ESTRUTURANTES

105. O processo brasileiro de desestatização passou por fases distintas. Na primeira fase do Programa Nacional de Desestatização brasileiro (1990-1993), a privatização gerou impacto positivo e reduzido devido a quatro importantes fatores. Identifique qual dos fatores mencionados não corresponde a essa fase.

d) Execução do programa com nítida motivação distributiva, do sistema financeiro e poupadores em geral para o Tesouro Nacional.

REFORMAS ESTRUTURANTES

MPOG, 2008 - A reforma do Estado deve ter como referencial a urgente necessidade de fortalecê-lo e não promover seu aniquilamento. Assim sendo, não é correto afirmar que:

a) quanto maior a complexidade da organização social, menor é a necessidade de o Estado intervir para arbitrar e regular conflitos.

REFORMAS ESTRUTURANTES

MPOG, 2008 - Identifique a única opção incorreta com relação às características básicas de um modelo de reforma tributária coerente com os princípios da responsabilidade (recuperação da ética tributária), visibilidade, equilíbrio e solidariedade (sem espaço para antagonismo).

b) O combate à evasão e à sonegação deve ser conduzido, prioritariamente, por medidas de cunho repressivo e policial.

FEDERALISMO FISCAL

29. Com relação ao Federalismo Fiscal não é correto

afirmar que

e) as decisões sobre um aumento de despesas ou sobre a distribuição setorial dos gastos governamentais são tomadas no mesmo nível das decisões relativas às medidas a serem utilizadas em um país onde a organização é federativa.

FEDERALISMO FISCAL

62. Nos últimos anos, tem-se assistido a freqüentes

manifestações sobre a necessidade de um novo pacto federativo, que elimine a tensão que volta e meia se manifesta sob a forma de conflito nas relações intergovernamentais. Escolha a opção incorreta relacionada à globalização, regionalismo e federação.

b) A harmonização da política tributária não afeta a autonomia dos entes federados, centrada na repartição das competências impositivas e no mecanismo de repartição de receitas constitucionalmente definidos.

(7)

FEDERALISMO FISCAL

MPOG, 2008 - Em organizações federativas, o sistema

tributário é o elemento central na estruturação das relações financeiras entre níveis de governo. Com relação ao Federalismo Fiscal no Brasil, não se pode afirmar que:

e) em termos verticais, os principais privilegiados pelo processo de descentralização brasileiro, principalmente após a Constituição de 1988, foram os estados, que praticamente dobraram sua participação no total da receita tributária disponível.

Imagem

Referências

temas relacionados :