Relatorio Quimica Aula-pratica

11 

Loading....

Loading....

Loading....

Loading....

Loading....

Texto

(1)

SUMÁRIO

1- INTRODUÇÃO... 2 2 - OBJETIVOS... 3 3 - MATERIAIS E REAGENTES...3 3.1 - Materiais... 3 3.2 - Reagentes... 4 4 - PROCEDIMENTO EXPERIMENTAL...4 4.1 - Experimento 1...4 4.2 - Experimento 2...5 4.3 - Experimento 3...5 4.4 - Experimento 4...5 5.1 Experimento 1... 6 5.2 Experimento 2... 6 5.3 Experimento 3... 6 5.4 Experimento 4... 7 6 - CONCLUSÃO... 8 7 - REFERÊNCIAS... 9 8 - QUESTIONÁRIO... 10

(2)

1 INTRODUÇÃO

As transformações que ocorrem em certas substâncias que envolvem alterações, quebra ou formação, nas ligações entre átomos, íons ou moléculas, resultando em um ou mais produtos, onde ocorre o surgimento de novas substancias diferentes das originais, é chamada de Reação Química.

São usadas equações, através de símbolos e números para representar os nomes e proporções das substancias presentes nas reações químicas.

As reações químicas podem ser classificadas através do número de reagentes e produtos em cada equação química:

Reação de síntese ou adição:é a reação onde duas ou mais substancias reagem e transformando-se em uma.

A+B → AB

2 Mg(s) + 1 O2(g) 2 MgO(s)

Reação de análise ou decomposição: é a reação onde uma substancia se divide dando origem a dois ou mais substancias.

AB → A + B

2 NaN3(s) 3 N2(g) + 2 Na(s)

Reação de simples troca ou deslocamento: é a reação onde uma substância simples reage com uma composta originando uma nova substancia, uma simples e outra composta.

A + BC → AC + B

(3)

Reação de dupla troca: é a reação onde dois reagentes compostos geram dois produtos compostos.

AB + CD → AD + BC

H2SO4 (aq) + Ba(OH)2 (aq) → 2 H2O(l) + BaSO4(s)

Reação de oxirredução: é a reação onde ocorre transferência de elétrons entre duas ou mais substancias e que sempre há perda e ganho de elétrons.

Zn(s) + Cu2+(aq) → Cu(s) + Zn2+(aq)

Reação de combustão: é a reação entre dois reagentes que ocorre uma grande liberação de energia na forma de calor.

H + O2 → CO2 + H2O

Na maioria das reações químicas ocorrem variações de energia, que se manifestam na forma de calor, essa variação está relacionada á termoquímica que faz o estudo quantitativo das variações térmicas que ocorre nas reações químicas. Essas reações são classificadas em dois tipos:

Reações exotérmicas onde há uma liberação de calor. Reações endotérmicas quando há absorção de calor.

2 OBJETIVOS

Identificar, classificar e equacionar tipos de reações químicas.

3

MATERIAIS E REAGENTES

(4)

 Pipetas graduadas 10 ml

 Peras de sucção

 Estantes com tubos de vidros

 Béqueres de 100 ml  Pinça-tesoura  Bico de Bunsen  Gral de porcelana  Bastão de vidro  Balança analítica  Espátula 3.2 - Reagentes

 Cloreto de ferro III – 1,0 ml

 Hidróxido de sódio – 1,0 ml

 Magnésio em fita

 Fenolftaleína

 Sulfato de cobre II- 1M

 Palha de aço

 Carbonato de sódio – 0,599

 Ácido clorídrico – 1M - 5,0ml

4 PROCEDIMENTO EXPERIMENTAL

4.1 - Experimento 1

Foi adicionado em um tubo de ensaio utilizando uma pipeta graduada 1,0 mL de solução de cloreto de ferro III (FeCl3). Logo após colocamos no tubo 1,0 mL de solução de hidróxido de sódio (NaOH).

(5)

4.2 - Experimento 2

Utilizando uma pinça-tesoura pegamos uma pequena fita de magnésio (Mg) e levamos diretamente a chama do bico de gás. Logo após adicionamos o magnésio incinerado a um gral de porcelana contendo cerca de 10 mL de água destilada e misturamos usando um bastão de vidro para homogeneizar, em seguida adicionamos 2 gotas de solução de fenolftaleína (C₂₀H₁₄O₄).

4.3 - Experimento 3

Foi adicionado em um tubo de ensaio uma pequena quantidade de solução de sulfato de cobre II (CuSO4)1 mol/L, em seguida foi adicionado uma

pequena porca de palha de aço, ficando totalmente imersa na solução onde aguardamos cerca de 10 minutos.

4.4 - Experimento 4

Pesamos aproximadamente 0,599 g de carbonato de cálcio (CaCO3) em uma balança analítica com auxilio de uma espátula e um béquer seco, após

pesarmos foi adicionado uma quantidade de água destilada ao béquer suficiente para solubilizar o sal, em seguida adicionamos com o auxilio de uma pipeta 5,0 mL de acido clorídrico (HCl) 1M.

(6)

5 ANÁLISE E DISCUSSÃO

5.1 Experimento 1

Após a mistura de Cloreto de Ferro III de coloração alaranjada e Hidróxido de Sódio incolor, observou-se de inicio a formação de um precipitado (Corpo de fundo) com coloração arroxeada no interior do tubo de ensaio, após alguns instantes foi possível ver a mudança para coloração marrom-alaranjado. Caso fosse aquecido iria ser possível notar uma separação.

5.2 Experimento 2

No inicio do experimento foi utilizado um pequeno fragmento de magnésio e levado ao fogo por meio de uma pinça-tesoura, ao queimar o fragmento observa-se uma chama branca intensa característica desobserva-se metal e denominada de óxido de magnésio. Ao adicionar água destilada obteve-se o surgimento da substancia hidróxido de magnésio. Após isso, foi adicionado o indicador fenolftaleína, como o magnésio não havia sido dissolvido completamente foi observada a mudança de coloração para o roxo, mas nesse caso deveria ter havido uma mudança para o rosa, isso ocorre pois o hidróxido de magnésio é um meio básico, caso a substancia formada fosse um ácido notaríamos a mudança para neutro ou incolor.

5.3 Experimento 3

Em um tubo foi adicionado uma pequena quantidade de sulfato de cobre de coloração azulada. Após isso foi introduzida uma pequena porção de palha de aço que é um tipo de ferro, de forma que a mesma fique totalmente submersa a solução. Essa reação não é instantânea, logo teve a necessidade de esperar por

(7)

alguns minutos para ver a reação. Com o passar do tempo foi possível notar a oxidação do ferro através do sulfato de cobre, formando assim o sulfato ferroso, fazendo com que a solução tivesse uma mudança de coloração passando de azul para amarelo. Essa reação não poderia ser inversa pois entre as duas substancias o ferro é mais reativo por ser capaz de deslocar o sulfato de cobre de seu composto inicial, sendo assim ocorrendo uma reação de oxido redução.

5.4 Experimento 4

Utilizando-se um béquer foi adicionado o carbonato de cálcio, acrescentando em seguida uma quantidade de água destilada capaz de solubilizar o sal. Após solubilizar completamente o sal foi acrescentado o ácido clorídrico concentrado. Foi observado que não ocorreu mudança na reação, por alguns possíveis erros ou descuidos a principio não notados como ter tido um volume de água exagerado fazendo com que o carbonato de cálcio ficasse muito concentrado e consequentemente o ácido ter se tornado muito fraco e prejudicando a visualização da reação. Caso o experimento tivesse ocorrido corretamente seria nítida a efervescência com a formação de bolhas de gás, gás esse denominado de Gás carbônico.

(8)

6 CONCLUSÃO

Os experimentos foram satisfatórios, apesar de pequenos erros terrem prejudicado algumas reações foi possível compreender o que ocorre, ou o que poderia ter vindo a ocorrer em uma reação química, através das transformações ocorridas nos materiais utilizados. Essas transformações foram muito interessantes por apresentarem características visíveis como, por exemplo, a mudança de coloração, ou a oxido redução. Dessa forma, conclui-se que os experimentos atenderam as expectativas teóricas apresentadas.

(9)

7 REFERÊNCIAS

AUGUSTO, Danilo. Caracterização de íons Cu (II) e Fe (III). Disponível em: <http://www.ebah.com.br/content/ABAAAAHWYAJ/caracterizacao-ions-cu-ii-fe-iii>. Acesso em 11 abr. 2015.

CARDOSO, Mayara. Ácido Carbônico. Disponível em:

<http://www.infoescola.com/quimica/acido-carbonico/>. Acesso em 11 abr. 2015. CARDOSO, Mayara. Dióxido de carbono. Disponível em: <http://www.infoescola.com/quimica/dioxido-de-carbono/>. Acesso em 12 abr. 2015

CESAR, Júlio. Oxidação. Disponível em:

<http://www.infoescola.com/quimica/oxidacao/>. Acesso em 11 abr. 2015.

CESAR, Júlio. Combustão. Disponível em: < http://www.infoescola.com/reacoes-quimicas/combustao/>. Acesso em 12 de abr. 2015.

CESAR, Júlio. Soda Caustica. Disponível em:

<http://www.infoescola.com/compostos-quimicos/soda-caustica/>. Acesso em 12 abr. 2015.

CARVALHO, Nathalia. Tipos de reações. Disponível em: <http://www.ebah.com.br/content/ABAAABJAcAB/9-10-tipos-reacoes>. Acesso em 11 abr. 2015.

FOGAÇA, Jennifer. Reações de Oxirredução. Disponível em: <http://www.brasilescola.com/quimica/reacoes-oxirreducao.htm>. Acesso em 12 abr. 2015.

MOLINA, Luiz. Óxidos. Disponível em:

<http://www.infoescola.com/quimica/oxidos/>. Acesso em 11 abr. 2015.

R7. Experimento sobre balanceamento e tipos de reações químicas. Disponível em: <http://educador.brasilescola.com/estrategias-ensino/experimento-sobre-balanceamento-tipos-reacoes-quimicas.htm>. Acesso em 11 abr. 2015.

(10)

8 QUESTIONÁRIO

1) Com relação ao procedimento 1, responda:

a) Qual a fórmula e o nome do composto insolúvel formado. R: Fe(OH)3 – Hidróxido de Ferro III.

b) Escreva a equação da reação que se processou e classifique-a.

R: FeCl3 + 3NaOH = 3NaCl + Fe(OH)3 - Equação de dupla-troca de sal e base.

2) Com relação ao procedimento 2, responda: a) Com que substância combinou-se o magnésio? R: Oxigênio (O).

b) Qual a fórmula e o nome da substância branca que se forma nessa combinação? R: 2Mg + O2  2MgO - Oxido de Magnésio.

c) Após a diluição com água destilada do produto formado e adição da fenolftaleína o que aconteceu? Por quê?

R: Foi notada uma mudança de cor, passando de branco para rosa. Pois o fenolftaleína é um indicador de pH, estando o meio básico ocorre uma mudança de cor para o rosa.

d) Escreva as duas equações químicas observadas neste procedimento. R: Mg + H2O --->MgO + H2 e MgO + H2O ---> Mg(OH)2.

3) Com relação ao procedimento 3, responda: a) Por que houve descoramento da solução?

(11)

R: Pela transferência de elétrons entre as duas espécies envolvidas: a que se oxida (perde elétrons) e a que reduz (ganha elétrons).

b) Qual a substância que se formou sobre a palha de aço? R: Sulfato Ferroso - FeSO4

c) Escreva a equação da reação e classifique-a. R: Fe + CuSO4 → FeSO4 + Cu(s)– Oxido redução

4) Com relação ao procedimento 4, responda: a) Qual o nome e a fórmula de gás formado? R: Gás carbônico - CO2.

b) Escreva a equação da reação e classifique-a.

R: CaCO3 + H2O + 2HCl+ → H2CO3 + CaCl2 + H2O – Neutralização.

c) Por que o H2CO3 não aparece no produto da equação?

R: Os óxidos ácidos podem ser considerados ácidos que perdem água, por isso ao de formar o Gás carbônico ocorre a perda de água. Tendo a presença de CO3 mais

Imagem

temas relacionados :